Você está na página 1de 30

Livro Eletrônico

Aula 00

Controladoria p/ Exame de Suficiência do CFC (Bacharel em Ciências Contábeis)

Professor: Claudenir Brito

00000000000 - DEMO

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

AULA 00: Contextualização. Função da Controladoria. Ambiente. Função do Controller.

APRESENTAÇÃO DO TEMA

SUMÁRIO Apresentação do curso PÁGINA 1

SUMÁRIO

Apresentação do curso

PÁGINA

1

1. Introdução à Controladoria

2. Ambiente em que se insere a Controladoria

3. Função do Controller

Lista das questões comentadas durante a aula

Referências bibliográficas

7

12

14

22

28

bibliográficas 7 12 14 22 28 Observação importante: este curso é protegido por

Observação importante: este curso é protegido por direitos autorais (copyright), nos termos da Lei 9.610/98, que altera, atualiza e consolida a legislação sobre direitos autorais e dá outras providências.

Grupos de rateio e pirataria são clandestinos, violam a lei e prejudicam os professores que elaboram os cursos. Valorize o trabalho de nossa equipe adquirindo os cursos honestamente através do site Estratégia Concursos ;-)

Olá pessoal!

Meu nome é Claudenir Brito Pereira. Atualmente, sou Auditor Federal de Finanças e Controle do Ministério da Transparência e da Controladoria-Geral da União CGU, aprovado em 15º lugar no concurso de 2008, promovido pela ESAF. Sou Oficial da reserva do Exército Brasileiro, tendo sido militar por quase 17 anos, saindo em 2008, no posto de Capitão.

Sou professor de Auditoria em cursos preparatórios para concursos em Brasília, no Rio de Janeiro e em Salvador; e em cursos corporativos em instituições privadas e públicas, como a Escola Nacional de Administração Pública ENAP. E é claro, professor e coach da equipe do Estratégia Concursos.

Em 2011, fui convidado a participar, como professor de Auditoria, deste projeto ousado do Estratégia, que logo se mostrou vencedor, ajudando

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

1 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

milhares de candidatos a obterem sua tão desejada aprovação no concurso dos seus sonhos.

Na CGU, atuei durante muitos anos na área de Operações Especiais da Secretaria Federal de Controle Interno SFC, participando do planejamento e da execução de trabalhos em conjunto com órgãos parceiros como a Polícia Federal, o Ministério Público e a Receita Federal.

Federal, o Ministério Público e a Receita Federal. Também já exerci a função de Auditor-Chefe da
Federal, o Ministério Público e a Receita Federal. Também já exerci a função de Auditor-Chefe da
Federal, o Ministério Público e a Receita Federal. Também já exerci a função de Auditor-Chefe da

Também já exerci a função de Auditor-Chefe da Auditoria Interna do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes - DNIT - e de membro da Comissão de Coordenação de Controle Interno do Poder Executivo Federal - CCCI.

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

2 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

Possuo duas certificações internacionais: Certified Government Auditing Professional (CGAP) e Certification in Control Self-Assessment (CCSA), emitidas pelo IIA (The Institute of Internal Auditors), instituição da qual sou membro efetivo.

E finalmente, autor da obra Auditoria Privada e Governamental - teoria de forma objetiva e mais de 500 questões comentadas (Ed. Impetus, 3ª edição). É este:

questões comentadas (Ed. Impetus, 3ª edição) . É este: Sobre a obra ao lado, quem tiver

Sobre a obra ao lado, quem tiver interesse em adquiri-la, ainda disponho de alguns (poucos) exemplares da 2ª edição, que posso disponibilizar com um bom DESCONTO como professor. Basta mandar um email para claudenirbrito@gmail.com que combinamos a melhor forma de envio do livro.

Essa obra teve uma resposta bastante positiva dos leitores, tendo sido inclusive indicada como bibliografia de referência por algumas bancas, como por exemplo, no concurso para a Prefeitura de Montes Claros/MG, em 2015.

no concurso para a Prefeitura de Montes Claros/MG, em 2015. A 3ª edição já está nas

A 3ª edição já está nas livrarias, mas é possível adquiri-la com desconto no site: http://www.impetus.com.br/catalogo/produto/393/auditoria-privada-e- governamental_claudenir-brito

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

3 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula
Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

Também participei da coletânea Auditores, Analistas e Técnicos da Receita Federal - Questões Comentadas - Col. Carreiras Específica, da Editora Saraiva.

Esse livro pode ser encontrado na maior parte das livrarias. Não tenho exemplares comigo.

Toda essa apresentação tem por finalidade tranquilizá-los quanto à qualificação do professor para assumir este projeto, com muito profissionalismo. Estou “em sala” desde 2010; no Estratégia desde seu lançamento em 2011, e podem ter certeza de que terão um material de alta qualidade para sua preparação.

Nossa tarefa neste curso é apresentar a vocês a disciplina Controladoria para o exame de suficiência do Conselho Federal de Contabilidade, o CFC, da forma mais objetiva possível, livrando nossos alunos das intermináveis noites de leitura de “materiais diversos”, sem um direcionamento mais eficiente.

Mas qual é a melhor forma de aprender? Qual é o melhor método?

Isso varia para cada candidato, mas já que você está lendo essa aula, é muito provável que tenha se interessado em estudar por aulas escritas, em casa, com tranquilidade e no seu tempo.

O principal é, simplesmente, que você aprenda a realizar as provas. É isso mesmo, não formaremos auditores aqui, para o alívio de alguns de vocês. O essencial é que vocês aprendam a matéria, aprendam a marcar o X no lugar certo, e adquiram tranquilidade para o grande dia.

Até por isso, vocês vão observar que nossas aulas são bem menores que os livros, o que faz todo o sentido. Eu tenho, como professor, cerca de 80 livros de auditoria, controle, governança, controladoria e contabilidade. Essas aulas servem para que vocês não tenham que ler 80 livros, pois seriam mais 80 de cada uma das demais matérias do exame. Impossível, concordam?

As aulas terão entre 30 e 50 páginas, e essa demonstrativa tem como objetivo apresentar o curso e a forma como a matéria será ministrada, além de servir de base conceitual ao longo do curso.

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

4 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

Portanto, podem ficar tranquilos, que vou procurar ser bastante objetivo, sem deixar de fora qualquer assunto que eu entenda como relevante para a prova de vocês.

As aulas serão ministradas da seguinte forma: uma apresentação teórica, da forma mais objetiva possível sem deixar de abordar os pontos indispensáveis da matéria, como já disse acompanhada da resolução de exercícios de provas anteriores e outros propostos.

Os exercícios comentados que farão parte das nossas aulas serão, sempre que possível, da FBC (Fundação Brasileira de Contabilidade), a banca que tradicionalmente é responsável pelos exames de suficiência do CFC, mas utilizaremos exercícios de concursos de outras bancas e outros inéditos, tendo em vista que a disciplina tem sido pouco cobrada em exames anteriores.

Um aviso importante sobre os exercícios: alguns deles são antigos, porque é claro que somente as questões mais recentes não suficientes para um bom treinamento. Entretanto, todos estão totalmente atualizados, e certamente vão ajudá-los na preparação para o exame de suficiência.

Nosso curso foi planejado com base no edital do exame de suficiência em vigor, de 2016-2. A realização das provas está prevista para o dia

16/10/16.

das provas está prevista para o dia 16/10/16 . Cronograma de aulas Nosso curso será composto

Cronograma de aulas

Nosso curso será composto por 04 aulas, incluindo essa demonstrativa, da seguinte forma:

Aula

Aula

demonstrativa

Conteúdo

Data

Contextualização: Função da Controladoria. Ambiente. Função do Controller.

Disponível

Planejamento e Orçamento Empresarial:

Planejamento estratégico, tático, operacional. Orçamentos de Vendas, de Produção, de Despesas Operacionais e de Caixa. Controle Orçamentário.

28/09/16

Gestão e a Controladoria: Processo decisório. Plano Estratégico. Sistema de Avaliação de desempenho. Modelo de gestão.

04/10/16

Aula 01

Aula 02

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

5 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

Aula

Aula 03

Conteúdo

Avaliação de Desempenho: Tipos de Indicadores. Administração por centro de responsabilidades. Modelos de avaliação de desempenho. Sistemas de Informações Gerenciais.

por centro de responsabilidades. Modelos de avaliação de desempenho. Sistemas de Informações Gerenciais.

Data

09/10/16

Um dos grandes diferenciais do nosso curso é o nosso fórum de dúvidas, por meio do qual vocês poderão esclarecer suas dúvidas diretamente comigo, num prazo máximo de 2 (dois) dias. Exemplo:

comigo, num prazo máximo de 2 (dois) dias. Exemplo: Ou seja, dúvidas que forem surgindo, só

Ou seja, dúvidas que forem surgindo, só perguntar no fórum do curso. Se precisarem esclarecer dúvidas sobre outros temas voltados aos concursos, que não sejam dúvidas específicas do nosso conteúdo:

que não sejam dúvidas específicas do nosso conteúdo: (61) 98104-2123 A avaliação dos nossos cursos tem

(61) 98104-2123

A avaliação dos nossos cursos tem sido muito positiva. Para ilustrar, seguem mensagens recebidas no fórum e pelo whatsapp, de dois alunos do nosso último curso de Auditoria para o ISS-Goiânia.

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

6 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula 00 Depois desses esclarecimentos, reforço o prazer que
e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula 00 Depois desses esclarecimentos, reforço o prazer que

Depois desses esclarecimentos, reforço o prazer que é estar escrevendo essas aulas, na certeza de que vocês, que confiaram seu aprendizado e sua aprovação no Estratégia Concursos, estarão, em breve, alcançando seu grande objetivo.

E vamos logo à matéria, que é o que mais nos interessa no momento.

Sejam bem vindos ao nosso curso.

1. Introdução à Controladoria

Os alunos mais antigos dos nossos cursos no Estratégia já estão cansados de me ver falando em Controladoria-geral da União, Controladoria-Geral do Estado XX, Controlador do Município YY, tendo em vista que os órgãos de controle interno do Poder Executivo dos entes da Federação são comumente denominados Controladorias.

Provavelmente, ao ler a palavra Controladoria, você se lembre da CGU.

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

7 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

Se esse é o seu caso, esqueça. Nosso curso de Controladoria para o Exame de Suficiência do CFC não tem nada a ver com as Controladorias em âmbito público. Aqui, estamos atuando em ambiente privado.

Portanto, vamos a algumas considerações iniciais.

Nas aulas de Auditoria, costumo dizer que a evolução da disciplina esteve diretamente ligada ao surgimento do capitalismo, pois a diluição do capital e o aumento do tamanho das empresas fez surgir a necessidade de se buscar uma opinião imparcial sobre as condições financeiras em que a entidade se encontravam.

Podemos seguir raciocínio similar em relação à gestão, pois o aumento em tamanho das empresas trouxe o desenvolvimento de novos modelos de gestão.

Segundo Da Silva e Velho (2012) 1 , citando Schmidt e Santos (2006), quatro fatores podem ser considerados decisivos para o surgimento da Controladoria:

1 aumento em tamanho e complexidade das organizações;

2 globalização das empresas;

3 crescimento nas relações governamentais com negócios das

companhias;

4 aumento no número de fontes de capital.

Esses fatores fizeram as empresas começarem a se preocupar com, além dos fatores externos, com os fatores internos, como o processo de produção.

Neste contexto, surgiu a controladoria.

1.1 Conceito de Controladoria

Encontrar uma definição ideal para a Controladoria não é tarefa fácil, pois cada autor pode seguir uma linha de estudos específica, criando um conceito e uma classificação únicos.

Uma definição comumente aceita foi apresentada por Mosimann e Fisch (1999, p. 88):

1 DA SILVA, Letícia Medeiros e VELHO, Cassiane Oliveira. Controladoria para o exame de suficiência do CFC para bacharel em ciências contábeis. 1. ed. São Paulo: Edipro, 2012.

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

8 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

“a controladoria consiste em um corpo de doutrinas e conhecimentos relativos à gestão econômica. Pode ser visualizada sob dois enfoques:

a) como um órgão administrativo com missão, funções e princípios norteadores definidos no modelo de gestão do sistema empresa; e b) como uma área do conhecimento humano com fundamentos, conceitos, princípios e métodos oriundos de outras ciências”. (grifei)

Assim, fica claro que os autores consideram o estabelecimento da Controladoria sob dois aspectos: como um ramo do conhecimento e como uma unidade administrativa.

Como ramo do conhecimento, seria conceituada como um conjunto de princípios oriundos de outras ciências, como a administração e a economia, relacionado à gestão econômica das empresas. Já em relação ao enfoque de órgão administrativo, a Controladoria teria a atribuição de fornecer informações relevantes e adequadas ao processo decisório.

Ramo do conhecimento

Unidade

administrativa

decisório. Ramo do conhecimento Unidade administrativa Controladoria Mosimann e Fisch (1999) trazem a
decisório. Ramo do conhecimento Unidade administrativa Controladoria Mosimann e Fisch (1999) trazem a

Controladoria

Mosimann e Fisch (1999) trazem a classificação de vários autores, que a tratam desde um componente da administração, participando da elaboração e da aceitação de planos econômico-financeiros, até um órgão consultivo, assessorando a alta administração na tomada de decisão.

Segundo Oliveira (2014) 2 , a Controladoria “gera informações sobre os ambientes internos e externos à empresa, úteis na tomada de decisão pela administração”. Segundo o autor, a palavra controladoria é antiga e liga-se às noções de conta, riqueza (dinheiro e mercadorias) e controle, definindo o

2 OLIVEIRA, Antônio Benedito Silva. Controladoria: fundamentos do controle empresarial. 2. ed. São Paulo: Saraiva, 2014.

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

9 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula
Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

controller como um executivo de alto nível, que tem sob seu comando equipes altamente treinadas, com o propósito de possibilitar à empresa as melhores escolhas econômicas.

Pessoal, procurando consolidar os diversos conceitos, podemos dizer que a controladoria é a área da empresa responsável por transmitir informações fidedignas e tempestivas para a tomada de decisões, em apoio à gestão empresarial.

A controladoria é a área da empresa responsável por transmitir informações fidedignas e tempestivas para

A controladoria é a área da empresa responsável por transmitir informações fidedignas e tempestivas para a tomada de decisões, em apoio à gestão empresarial.

1.2 Função da Controladoria

De acordo com Nascimento et al (2009) 3 , a função da controladoria “consiste em apoiar o processo de decisão, utilizando-se para tanto de um sistema de informações que possibilite e facilite o controle operacional, por meio do monitoramento das atividades da empresa”.

Segundo os autores, sua função é “interagir, constantemente, com o processo decisório da empresa, buscando dados e informações econômico-financeiras em suas áreas de apoio, utilizando-se, principalmente, dos sistemas de mensuração, informação e de controles internos”.

É claro que não podemos restringir as funções de uma área tão importante para o atingimento dos objetivos da empresa ao apoio ao processo de decisão, por isso a doutrina considera outras funções relevantes da controladoria:

- apoiar a avaliação do desempenho empresarial;

- gerir sistemas de informações;

- prestar atendimento aos agentes de mercado;

- apoiar e monitorar o planejamento empresarial;

- prestar informações financeiras

3 NASCIMENTO, Auster Moreira e REGINATO, Luciane (org.). Controladoria: um enfoque na eficácia organizacional. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2009.

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

10 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

Segundo Oliveira (2014, p. 24), podemos resumir as funções da controladoria na seguinte relação:

- mensuração do realizado;

- mensuração do planejado;

- sistemas de simulação;

- avaliação de resultados e desempenhos;

- estruturação de modelos decisórios;

- gestão dos sistemas de informação econômico-financeiros;

- análises e estudos econômicos; e

- resultado econômico otimizado.

O quadro a seguir foi adaptado do esquema apresentado na obra de Da Silva e Velho (2012, p. 19), citando Borinelli (2006), e trata das missões principais da controladoria, relacionadas a seus objetivos.

 

MISSÃO

   

OBJETIVOS

- subsidiar o processo de decisão

- garantir informações adequadas

ao processo decisório

-

decisões

monitorar os efeitos das

colaborar para obtenção da

-

eficácia das tarefas

administrar as sinergias

-

existentes entre as áreas

zelar pelo bom desempenho da

-

organização

- viabilizar a gestão econômica

- criar condições para se exercer o

controle

contribuir para o contínuo

-

aperfeiçoamento dos processos

internos

desenvolver relações com agentes de mercado

-

- Zelar pela sobrevivência e

- Zelar pela sobrevivência e

continuidade da organização

continuidade da organização
continuidade da organização
 
pela sobrevivência e continuidade da organização   - Promover , coordenar e   integrar os esforços
pela sobrevivência e continuidade da organização   - Promover , coordenar e   integrar os esforços

- Promover, coordenar

- Promover , coordenar

e

e
 

integrar os esforços das partes

que

formam

o

todo

o todo
 

organizacional

organizacional
 
organizacional   VISA A

VISA A

 
o todo   organizacional   VISA A   - Assegurar a eficácia e otimização do
o todo   organizacional   VISA A   - Assegurar a eficácia e otimização do
o todo   organizacional   VISA A   - Assegurar a eficácia e otimização do
o todo   organizacional   VISA A   - Assegurar a eficácia e otimização do

-

Assegurar

a

eficácia

e

otimização do resultado econômico da organização

otimização do resultado econômico da organização
otimização do resultado econômico da organização

Fonte: Borinelli, citado por Da Silva e Velho (2012)

Em suma, a principal função da controladoria é apoiar a gestão por meio do fornecimento de informações adequadas, podendo-se traduzir essa atividade em quatro ações essenciais: planejar, organizar, dirigir e controlar.

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

11 de 28

Planejar Organizar Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito

Planejar

Planejar Organizar Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に

Organizar

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula 00 Dirigir Controlar 2. Ambiente em que se

Dirigir

Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula 00 Dirigir Controlar 2. Ambiente em que se insere a

Controlar

2. Ambiente em que se insere a Controladoria

A controladoria se insere no ambiente empresarial, com todas as incertezas e turbulências características dessa situação.

A tomada de decisão da administração de uma empresa é um dos momentos mais críticos da gestão, considerando a principal atribuição de um administrador.

Reunindo essas premissas, podemos concluir que a tomada de decisão no ambiente empresarial deve estar apoiada em informações confiáveis e tempestivas, pois quanto mais informações a gestor dispõe, mais seguro vai estar quanto ao rumo que deve ser tomado no momento específico.

Como já vimos, esse apoio à tomada de decisão é função da controladoria, dependendo da estrutura e da complexidade da companhia.

As ações da controladoria devem ser decididas considerando o ambiente externo, dinâmico e hostil, já que o que ocorre fora da empresa costuma causar impactos internamente, ajudando a definir a maneira como a empresa será administrada, além do processo decisório a ser implementado e da elaboração de seu planejamento estratégico.

Segundo Da Silva e Velho (2012), “a esta dinâmica de interferência e interdependência entre variáveis dos ambientes interno e externo da organização, chamamos de sistema-empresa ou perspectiva sistêmica da empresa” (grifei), concluindo que os sistemas podem ser classificados em sistemas fechados e sistemas abertos.

Segundo Nascimento et al (2009), os conceitos de sistemas convergem no que diz respeito “ao sistema ser um conjunto de partes inter-relacionadas que funcionam para atingir a um objetivo em comum, cujos elementos funcionam individualmente e em conjunto para formar, por fim, um sistema harmônico.

Ou seja, sistema é um conjunto estruturado ou ordenado de partes ou elementos que se mantêm em interação, na busca de um ou vários objetivos, sendo caracterizado pela influência que cada componente exerce sobre os

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

12 de 28

demais e pela união de todos. Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões

demais e pela união de todos.

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

Os sistemas fechados, na definição de Nascimento et al (2009), para assim

serem considerados, “tem de estar isolados em relação ao ambiente externo, não existindo troca de energias entre eles e o ambiente”.

Já os sistemas abertos, também denominados orgânicos, são os que

possuem algum tipo de interação com o ambiente externo, como é o caso das empresas, que são afetadas por diversas variáveis externas, como a evolução tecnológica, alterações legais, exigências ambientais, éticas, dentre outras.

Dentro da Teoria Geral de Sistemas, os sistemas podem ser classificados em sistemas fechados e

Dentro da Teoria Geral de Sistemas, os sistemas podem ser classificados em sistemas fechados e sistemas abertos, dependendo da relação ou não com o ambiente externo.

De acordo com a obra de Mosimann e Fisch (1999, p. 21), para que ocorra o

crescimento da riqueza é necessária a ação do homem, e a ação do homem

está presente nos vários subsistemas que compõem o sistema empresa.

Esses subsistemas são interdependentes, e agem para que a empresa possam atingir seus objetivos. São eles:

- subsistema institucional

- subsistema organizacional ou formal

- subsistema de gestão

- subsistema de informação

- subsistema físico-operacional

- subsistema sócio-psico-cultural

O subsistema institucional é formado por um conjunto de valores e crenças

derivados de diretrizes estratégicas, e influencia profundamente todos os

demais subsistemas da empresa, bem como condiciona a interação da empresa com os sistemas ambientais externos(Mosimann e Fisch, 1999).

O subsistema

empresarial, ou seja, à forma como a empresa está organizada.

organizacional

ou

formal

diz

respeito

à

organização

O

subsistema de gestão diz respeito às características do processo decisório

da

empresa, e é influenciado pelo subsistema institucional, já que o processo

decisório é impactado pelos valores da empresa.

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

13 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

Na prática, o subsistema institucional acaba influenciando todos os demais subsistemas.

O subsistema de informação da empresa é responsável por consolidar as

informações geradas pelos subsistemas de informação de cada área, produzindo informações adequadas e tempestivas para assessorar a gestão.

Segundo Mosimann e Fisch (1999, p. 24), a utilidade de uma informação está ligada a três fatores conjuntos:

- qual informação é necessária (natureza);

- temporaneidade (tempestividade); e

- linguagem acessível.

O subsistema físico-operacional compõe os elementos físicos utilizados nas

atividades operacionais em geral, exceto os relacionados ao pessoal, que dizem respeito ao subsistema sócio-psico-cultural.

Como já vimos, esses subsistemas são interdependentes, não podendo existir sem os demais.

3. Função do Controller

A denominação controller é utilizada de forma bastante variada no ambiente empresarial, e dependendo do tamanho, da complexidade e da cultura interna da entidade, podemos observá-lo em diversas posições hierárquicas, remunerações e competências no campo contábil, financeiro e administrativo.

Assim, ficaria inviável sua conceituação exaustiva, motivo pelo qual podemos entende-lo como o responsável pela condução da área de controladoria. É o profissional da área de controladoria.

De acordo com Yoshitake (1884), citado por Oliveira (2014, p. 19), o controller é o “executivo financeiro de uma grande ou média empresa que combina as responsabilidades por contabilidade, auditoria, orçamento, planejamento de lucros, relatórios de desempenho, controle de impostos e outras atividades da empresa”.

Ou seja, o controller tem a função de apresentar informações (econômico- financeiras e gerenciais) adequadas e tempestivas à administração. Não deixa de ser um gestor da empresa, cujo papel é gerenciar o sistema de informação para a tomada de decisão.

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

14 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

Scherrer, valendo-se dos conhecimentos de Padoveze (2013, p. 163) discorre que o controller deve pautar sua conduta atual com visão no futuro, devendo promover o planejamento atrelado ao controle, estabelecer relatórios internos

e externos, realizar avaliações e consultorias, proteger ativos e, por fim, executar avaliação econômica.

Da Silva e Velho (2012, p.32) informa que promover a conceituação de controller é tarefa árdua porquanto há a possibilidade de sua inserção nas mais diversas áreas de uma empresa. No entanto, assume a autora a defesa de que

o controller tem grande relevância na empresa, devendo lhe pertencer a

cadeira de “gestor de sistema de informações gerenciais”.

Assim, pode-se afirmar que o controller vai desenvolver sua atividade tomando por base os objetivos da empresa, particularmente no apoio ao planejamento e no controle gerencial.

Sua função é bastante ampla, como podemos observar da relação apresentada por Oliveira (2014), ao citar Tung (1985) que assim considera as funções básicas do controller:

- implantação e supervisão do plano contábil da empresa, bem como a preparação e interpretação dos relatórios financeiros;

- custos da produção e da distribuição;

- realização e custeio das contagens físicas dos estoques;

- preparação e supervisão dos assuntos referentes aos impostos;

- estatísticas e relatórios;

- preçamento;

-

seguro;

-

fixação de normas padrão relativas à contabilidade;

-

fixação de normas relativas aos processos e sistemas de trabalho da

empresa;

- supervisão dos planos de ativo fixo;

- manutenção de contratos;

- aprovação de pagamentos e assinatura de cheques e notas promissórias de comum acordo com o tesoureiro;

- aplicação dos regulamentos da empresa.

Concluímos a parte teórica da nossa aula. Vamos aos exercícios. Tendo em vista que foi uma disciplina pouco cobrada em exames de suficiência anteriores, foi necessária a elaboração de questões inéditas.

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

15 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

EXERCÍCIOS COMENTADOS

EXERCÍCIOS COMENTADOS

1.

(ESTRATÉGIA)

São

considerados

fatores

decisivos

para

o

surgimento da Controladoria, exceto:

a) o aumento em tamanho e complexidade das organizações

b) a globalização das empresas

c) o crise financeira ocasionada pelo início da 2ª Guerra Mundial

d) o aumento no número de fontes de capital

Comentários:

Segundo Da Silva e Velho (2012) 4 , citando Schmidt e Santos (2006), quatro fatores podem ser considerados decisivos para o surgimento da Controladoria:

“1 – o aumento em tamanho e complexidade das organizações;

2 a globalização das empresas;

3 o crescimento nas relações governamentais com negócios das companhias;

4 o aumento no número de fontes de capital”.

Essa evolução ocorreu a partir do final do século XIX, ou seja, bem antes

do início da II Guerra Mundial. Gabarito: C

2.

a considera sob dois enfoques, assinale a alternativa correta:

a) Como órgão administrativo, seria conceituada como um conjunto de princípios oriundos de outras ciências, como a administração e a economia, relacionado à gestão econômica das empresas.

b) a Controladoria é considerada como um ramo do conhecimento e como uma

unidade administrativa.

c) a Controladoria é considerada como um ramo do conhecimento e como uma

técnica contábil. d) em relação ao enfoque de ramo do conhecimento, a Controladoria teria a

atribuição de fornecer informações relevantes e adequadas ao processo decisório. Comentários:

Como vimos, a doutrina considera o estabelecimento da Controladoria sob dois aspectos: como um ramo do conhecimento e como uma unidade administrativa. O que torna a alternativa B correta.

De acordo com o conceito de Controladoria que

(ESTRATÉGIA)

4 DA SILVA, Letícia Medeiros e VELHO, Cassiane Oliveira. Controladoria para o exame de suficiência do CFC para bacharel em ciências contábeis. 1. ed. São Paulo: Edipro, 2012.

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

16 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

Como ramo do conhecimento, seria conceituada como um conjunto de princípios oriundos de outras ciências, como a administração e a economia, relacionado à gestão econômica das empresas. Já em relação ao enfoque de órgão administrativo, a Controladoria teria a atribuição de fornecer informações relevantes e adequadas ao processo decisório. Assim, podemos concluir que as alternativas A e D estão incorretas, por inverterem os conceitos de cada enfoque.

A alternativa C está incorreta, pois a controladoria não é considerada

uma técnica contábil.

Gabarito: B

3.

deve estar apoiada em informações confiáveis e tempestivas. A fim de apoiar os gestores na tomada de decisões, a controladoria possui as seguintes funções, EXCETO:

A tomada de decisão no ambiente empresarial

(ESTRATÉGIA)

==0==

a) avaliar resultados e desempenhos

b) auxiliar na estruturação de modelos decisórios

c) gerenciar os sistemas de informação econômico-financeiros

d) emitir uma opinião sobre as demonstrações contábeis

Comentários:

Segundo Oliveira (2014, p. 24), podemos resumir as funções da controladoria na seguinte relação:

- mensuração do realizado;

- mensuração do planejado;

- sistemas de simulação;

- avaliação de resultados e desempenhos;

- estruturação de modelos decisórios;

- gestão dos sistemas de informação econômico-financeiros;

- análises e estudos econômicos; e

- resultado econômico otimizado.

A emissão de opinião independente sobre as demonstrações contábeis é

função da auditoria externa ou independente, o que torna a alternativa D uma exceção às funções da controladoria. Gabarito: D

4.

alternativa correta:

a) tem por função principal emitir uma opinião sobre a adequação das

demonstrações contábeis

b) é responsável pela elaboração das demonstração contábeis da empresa

c) deve emitir uma opinião sobre a adequação dos controles internos da

empresa

d)

gerenciais) adequadas e tempestivas à administração

e

Em relação às funções do controller, assinale a

(ESTRATÉGIA)

tem

a

função

de

apresentar

informações

(econômico-financeiras

Comentários:

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

17 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

O controller tem a função de apresentar informações (econômico-

financeiras e gerenciais) adequadas e tempestivas à administração, sendo por vezes um gestor da empresa, cujo papel é gerenciar o sistema de informação

para a tomada de decisão. Vamos aos erros das demais:

A função da auditoria independente

B responsabilidade da administração da empresa

C função da auditoria interna

Gabarito: D

Sistemas,

assinale a alternativa INCORRETA:

a) os sistemas orgânicos não possuem qualquer tipo de interação com o

ambiente externo, sendo por isso denominados fechados.

b) os sistemas abertos possuem interação com o ambiente externo.

c) a dinâmica de interferência e interdependência entre variáveis dos

ambientes interno e externo da organização é denominada sistema-empresa ou perspectiva sistêmica da empresa.

5.

(ESTRATÉGIA)

Em

relação

à

Teoria

Geral

dos

d) os sistemas fechados tem de estar isolados em relação ao ambiente

externo, não existindo troca de energias entre eles.

Comentários:

Os sistemas abertos também são denominados orgânicos, e são os que

possuem algum tipo de interação com o ambiente externo, o que torna a alternativa A incorreta, sendo o gabarito da questão.

As demais não apresentam erro.

Gabarito: A

6.

teoria das organizações, comum durante os anos 60, pretendia integrar os conhecimentos produzidos de forma fragmentária por abordagens precedentes. Sobre a perspectiva sistêmica, considere:

I. A tendência à entropia é uma das principais ameaças que uma organização enfrenta na interação com o ambiente. II. Na perspectiva sistêmica, o homem, com suas características de personalidade e socialização, é visto como elemento central no equilíbrio, necessariamente instável, entre organizações e ambiente. III. Um sistema empresarial alcança um estado de equilíbrio integrado quando os diversos subgrupos que o compõem reagem de forma mais ou menos coerente aos estímulos ou ameaças do ambiente. IV. A principal preocupação da análise sistêmica é reduzir as incongruências e os conflitos entre as metas organizacionais e os interesses individuais, por meio da compreensão das motivações das pessoas para agirem no ambiente de trabalho.

A aplicação da perspectiva sistêmica à

(FCC/TCE-SP/2008)

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

18 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

V. Na teoria sistêmica, os papéis funcionais são mais importantes do que as características pessoais para a compreensão do funcionamento das empresas. Está correto o que se afirma APENAS em

a) I, II e III.

b) I, II e V.

c) I, III e V.

d) II, III e IV.

e) II , IV e V.

Comentários:

I CORRETO. A entropia é uma característica das empresas abertas, e

seu maior desafio, uma das principais ameaças que uma organização enfrenta

na interação com o ambiente. Trata-se da tendência de que a empresa

caminhe para a desordem ou ao encerramento das atividades. II INCORRETO. Não se trata de matéria relativa ao nosso curso. III CORRETO. Exatamente a definição de sistema empresarial.

IV INCORRETO. A principal preocupação da análise sistêmica é a promoção da interação entre os sistemas, e não entre as metas da organização e os interesses individuais, que por sua vez, é preocupação da abordagem comportamental.

0

V CORRETO. A perspectiva sistêmica tem como foco o papel funcional.

Gabarito: C

7.

concebida em 1924 pelo biólogo alemão Ludwig Von Bertallanfy, foi

proposta como uma teoria interdisciplinar capaz de transcender os problemas tecnológicos, dispondo de princípios e modelos gerais que podem ser aplicados de forma ampla e total para interligar as descobertas das várias ciências. De acordo com essa teoria, julgue o item a seguir. Um sistema é um conjunto estruturado ou ordenado de partes ou elementos que se mantêm em interação, na busca de um ou vários objetivos, sendo caracterizado pela influência que cada componente exerce sobre os demais e pela união de todos.

A Teoria Geral de Sistemas, inicialmente

(CESPE/DPF/1997)

Comentários:

Como vimos na parte teórica da aula, um sistema é realmente um conjunto estruturado ou ordenado de partes ou elementos que se mantêm em interação (são interdependentes), na busca de um ou vários objetivos, sendo caracterizado pela influência que cada componente exerce sobre os demais e pela união de todos. Gabarito: C

8.

concebida em 1924 pelo biólogo alemão Ludwig Von Bertallanfy, foi proposta como uma teoria interdisciplinar capaz de transcender os problemas tecnológicos, dispondo de princípios e modelos gerais que

A Teoria Geral de Sistemas, inicialmente

(CESPE/DPF/1997)

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

19 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

podem ser aplicados de forma ampla e total para interligar as descobertas das várias ciências. De acordo com essa teoria, julgue o item a seguir. Entropia é a tendência que os sistemas têm para o desgaste, para o afrouxamento das relações ou para o comportamento aleatório de suas partes. Comentários:

A entropia é uma característica das empresas abertas, e seu maior desafio, uma das principais ameaças que uma organização enfrenta na interação com o ambiente. Trata-se da tendência de que a empresa caminhe para a desordem ou ao encerramento das atividades. Gabarito: C

9.

sugere-se que a comunicação é a essência de um sistema social ou organização. A respeito da abordagem organizacional de sistemas, julgue o item abaixo. Com o uso da teoria de sistemas é possível perceber a organização como sistema aberto, que troca inputs físicos, energia e informação com o meio ambiente, afetando-o e sendo por ele afetado. Comentários:

sistêmica,

(CESPE/ANATEL/2006)

A

partir

de

uma

visão

As organizações empresas são sistemas abertos, também denominados orgânicos, que são os que possuem algum tipo de interação com o ambiente externo, e são afetadas por diversas variáveis externas, como a evolução tecnológica, alterações legais, exigências ambientais, éticas, dentre outras. Gabarito: C

da

administração, a evolução da administração pública no Brasil e a nova gestão pública, julgue o item a seguir. Na abordagem da administração pelo pensamento sistêmico, a ideia de sistema refere-se a um conjunto de entidades, denominadas elementos ou componentes, que mantém uma espécie de relação ou interação, o que possibilita a visão de uma entidade nova e distinta, em que é possível o foco no todo e não apenas nos seus componentes. Comentários:

Mais uma vez: um sistema é realmente um conjunto estruturado ou ordenado de partes ou elementos que se mantêm em interação (são interdependentes), na busca de um ou vários objetivos, sendo caracterizado pela influência que cada componente exerce sobre os demais e pela união de todos.

10.

(CESPE/IBAMA/2013)

Considerando

as

abordagens

Gabarito: C

11.

(ESAF/ANEEL/2006)

Escolha

a

opção

que

preenche

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

20 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

corretamente as lacunas da frase a seguir e assinale a opção correta. Segundo a abordagem organizacional dos sistemas, uma organização é

um

componentes

a) fechado - independentes - rígidos

, composto de elementos ou

sistema

, com limites

b) aberto - interdependentes - flexíveis

c) aberto - independentes - flexíveis

d) aberto - independentes - rígidos

e) fechado - interdependentes - flexíveis

Comentários:

As organizações empresas são sistemas abertos, também denominados orgânicos, que são os que possuem algum tipo de interação com o ambiente externo, e são afetadas por diversas variáveis externas, como a evolução tecnológica, alterações legais, exigências ambientais, éticas, dentre outras. Gabarito: B

No que se refere à administração geral,

julgue o item a seguir. Sistema refere-se a um conjunto de entidades, elementos ou componentes inter-relacionados, do qual deriva uma visão geral que torna possível o foco no todo e não apenas nas partes. Comentários:

Um sistema é realmente um conjunto estruturado ou ordenado de partes ou elementos que se mantêm em interação (são interdependentes), na busca de um ou vários objetivos, sendo caracterizado pela influência que cada componente exerce sobre os demais e pela união de todos. Gabarito: C

12.

(CESPE/TCE-RO/2013)

De acordo com Mosimann e Fisch (1999), para

que ocorra o crescimento da riqueza é necessária a ação do homem, e

13.

(ESTRATÉGIA)

a

ação do homem está presente nos vários subsistemas que compõem

o

sistema empresa. Esses subsistemas são interdependentes, e agem

para que a empresa possam atingir seus objetivos. Sobre o tema, relacione cada sistema com sua definição e assinale a alternativa que corresponde à relação correta.

1 - subsistema institucional

2 - subsistema organizacional ou formal

3 - subsistema de gestão

4 - subsistema de informação

5 - subsistema físico-operacional

6 - subsistema sócio-psico-cultural

A responsável por consolidar as informações geradas pelos subsistemas de informação de cada área, produzindo informações

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

21 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

adequadas e tempestivas para assessorar a gestão.

B diz respeito às características do processo decisório da empresa, e

é influenciado pelo subsistema institucional, já que o processo

decisório é impactado pelos valores da empresa.

C formado por um conjunto de valores e crenças derivados de

diretrizes estratégicas.

D compõe os elementos físicos utilizados nas atividades operacionais

em geral, exceto os relacionados ao pessoal.

E compõe os elementos relacionados ao pessoal, utilizados nas

atividades operacionais.

F diz respeito à organização empresarial, ou seja, à forma como a

empresa está organizada.

Está correta a seguinte relação:

a) 1-A; 2-B; 3-C; 4-D; 5-E; 6-F

b) 1-B; 2-E; 3-D; 4-C; 5-F; 6-A

c) 1-C; 2-F; 3-B; 4-A; 5-D; 6-E

d) 1-C; 2-F; 3-E; 4-F; 5-A; 6-B

Comentários:

Fazendo a correlação entre os subsistemas e suas definições e características, conforme estudamos em sala, podemos concluir que a alternativa correta é a de letra C. Gabarito: C

Pessoal, chegamos ao final de nossa aula demonstrativa. Seguem as questões que comentamos na aula, para que vocês possam resolvê-las como um simulado. O gabarito se encontra ao final.

Abraços e até a próxima aula.

QUESTÕES COMENTADAS DURANTE A AULA

QUESTÕES COMENTADAS DURANTE A AULA

1.

(ESTRATÉGIA)

São

considerados

fatores

decisivos

para

o

surgimento da Controladoria, exceto:

 

a) o aumento em tamanho e complexidade das organizações

 

b) a globalização das empresas

 

c) o crise financeira ocasionada pelo início da 2ª Guerra Mundial

 

d) o aumento no número de fontes de capital

 

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

 

22 de 28

00000000000 - DEMO

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

2.

a considera sob dois enfoques, assinale a alternativa correta:

a) Como órgão administrativo, seria conceituada como um conjunto de

princípios oriundos de outras ciências, como a administração e a economia,

relacionado à gestão econômica das empresas.

b) a Controladoria é considerada como um ramo do conhecimento e como uma

unidade administrativa.

c) a Controladoria é considerada como um ramo do conhecimento e como uma

técnica contábil.

d) em relação ao enfoque de ramo do conhecimento, a Controladoria teria a

atribuição de fornecer informações relevantes e adequadas ao processo

decisório.

De acordo com o conceito de Controladoria que

(ESTRATÉGIA)

3.

deve estar apoiada em informações confiáveis e tempestivas. A fim de apoiar os gestores na tomada de decisões, a controladoria possui as seguintes funções, EXCETO:

A tomada de decisão no ambiente empresarial

(ESTRATÉGIA)

a)

avaliar resultados e desempenhos

b)

auxiliar na estruturação de modelos decisórios

c)

gerenciar os sistemas de informação econômico-financeiros

d)

emitir uma opinião sobre as demonstrações contábeis

4.

(ESTRATÉGIA)

Em relação às funções do controller, assinale a

alternativa correta:

a) tem por função principal emitir uma opinião sobre a adequação das

demonstrações contábeis

b) é responsável pela elaboração das demonstração contábeis da empresa

c) deve emitir uma opinião sobre a adequação dos controles internos da

empresa d) tem a função de apresentar informações (econômico-financeiras e gerenciais) adequadas e tempestivas à administração

Sistemas,

assinale a alternativa INCORRETA:

a) os sistemas orgânicos não possuem qualquer tipo de interação com o

ambiente externo, sendo por isso denominados fechados.

b) os sistemas abertos possuem interação com o ambiente externo.

c) a dinâmica de interferência e interdependência entre variáveis dos

ambientes interno e externo da organização é denominada sistema-empresa ou perspectiva sistêmica da empresa.

d) os sistemas fechados tem de estar isolados em relação ao ambiente

5.

(ESTRATÉGIA)

Em

relação

à

Teoria

Geral

dos

externo, não existindo troca de energias entre eles.

6.

(FCC/TCE-SP/2008)

A aplicação da perspectiva sistêmica à

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

23 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

teoria das organizações, comum durante os anos 60, pretendia integrar os conhecimentos produzidos de forma fragmentária por abordagens precedentes. Sobre a perspectiva sistêmica, considere:

I. A tendência à entropia é uma das principais ameaças que uma

organização enfrenta na interação com o ambiente. II. Na perspectiva sistêmica, o homem, com suas características de personalidade e socialização, é visto como elemento central no equilíbrio, necessariamente instável, entre organizações e ambiente. III. Um sistema empresarial alcança um estado de equilíbrio integrado

quando os diversos subgrupos que o compõem reagem de forma mais ou menos coerente aos estímulos ou ameaças do ambiente. IV. A principal preocupação da análise sistêmica é reduzir as

incongruências e os conflitos entre as metas organizacionais e os interesses individuais, por meio da compreensão das motivações das pessoas para agirem no ambiente de trabalho.

V. Na teoria sistêmica, os papéis funcionais são mais importantes do

que as características pessoais para a compreensão do funcionamento das empresas. Está correto o que se afirma APENAS em

a)

I, II e III.

 

b)

I, II e V.

c)

I, III e V.

d)

II, III e IV.

e)

II , IV e V.

7.

(CESPE/DPF/1997)

A

Teoria Geral de Sistemas, inicialmente

concebida em 1924 pelo biólogo alemão Ludwig Von Bertallanfy, foi proposta como uma teoria interdisciplinar capaz de transcender os problemas tecnológicos, dispondo de princípios e modelos gerais que podem ser aplicados de forma ampla e total para interligar as descobertas das várias ciências. De acordo com essa teoria, julgue o item a seguir. Um sistema é um conjunto estruturado ou ordenado de partes ou elementos que se mantêm em interação, na busca de um ou vários objetivos, sendo caracterizado pela influência que cada componente exerce sobre os demais e pela união de todos.

8.

concebida em 1924 pelo biólogo alemão Ludwig Von Bertallanfy, foi proposta como uma teoria interdisciplinar capaz de transcender os problemas tecnológicos, dispondo de princípios e modelos gerais que podem ser aplicados de forma ampla e total para interligar as descobertas das várias ciências. De acordo com essa teoria, julgue o item a seguir. Entropia é a tendência que os sistemas têm para o desgaste, para o afrouxamento das relações ou para o comportamento aleatório de suas partes.

A Teoria Geral de Sistemas, inicialmente

(CESPE/DPF/1997)

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

24 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

sistêmica,

sugere-se que a comunicação é a essência de um sistema social ou organização. A respeito da abordagem organizacional de sistemas, julgue o item abaixo. Com o uso da teoria de sistemas é possível perceber a organização como sistema aberto, que troca inputs físicos, energia e informação com o meio ambiente, afetando-o e sendo por ele afetado.

9.

(CESPE/ANATEL/2006)

A

partir

de

uma

visão

da

administração, a evolução da administração pública no Brasil e a nova gestão pública, julgue o item a seguir. Na abordagem da administração pelo pensamento sistêmico, a ideia de sistema refere-se a um conjunto de entidades, denominadas elementos ou componentes, que mantém uma espécie de relação ou interação, o que possibilita a visão de uma entidade nova e distinta, em que é possível o foco no todo e não apenas nos seus componentes.

10.

(CESPE/IBAMA/2013)

Considerando

as

abordagens

preenche

corretamente as lacunas da frase a seguir e assinale a opção correta. Segundo a abordagem organizacional dos sistemas, uma organização é

, composto de elementos ou

componentes

a) fechado - independentes - rígidos

b) aberto - interdependentes - flexíveis

c) aberto - independentes - flexíveis

d) aberto - independentes - rígidos

e) fechado - interdependentes - flexíveis

um sistema

11.

(ESAF/ANEEL/2006)

Escolha

a

opção

que

, com limites

No que se refere à administração geral,

julgue o item a seguir. Sistema refere-se a um conjunto de entidades, elementos ou componentes inter-relacionados, do qual deriva uma visão geral que torna possível o foco no todo e não apenas nas partes.

12.

(CESPE/TCE-RO/2013)

De acordo com Mosimann e Fisch (1999), para

que ocorra o crescimento da riqueza é necessária a ação do homem, e

13.

(ESTRATÉGIA)

a

ação do homem está presente nos vários subsistemas que compõem

o

sistema empresa. Esses subsistemas são interdependentes, e agem

para que a empresa possam atingir seus objetivos. Sobre o tema, relacione cada sistema com sua definição e assinale a alternativa que corresponde à relação correta.

1 - subsistema institucional

2 - subsistema organizacional ou formal

3 - subsistema de gestão

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

25 de 28

4 - subsistema de informação 5 - subsistema físico-operacional 6 - subsistema sócio-psico-cultural Controladoria Exame

4 - subsistema de informação

5 - subsistema físico-operacional

6 - subsistema sócio-psico-cultural

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

A responsável por consolidar as informações geradas pelos

subsistemas de informação de cada área, produzindo informações adequadas e tempestivas para assessorar a gestão.

B diz respeito às características do processo decisório da empresa, e

é influenciado pelo subsistema institucional, já que o processo

decisório é impactado pelos valores da empresa.

C formado por um conjunto de valores e crenças derivados de

diretrizes estratégicas.

D compõe os elementos físicos utilizados nas atividades operacionais

em geral, exceto os relacionados ao pessoal.

E compõe os elementos relacionados ao pessoal, utilizados nas

atividades operacionais.

F diz respeito à organização empresarial, ou seja, à forma como a

empresa está organizada.

Está correta a seguinte relação:

a) 1-C; 2-F; 3-B; 4-A; 5-D; 6-E

b) 1-B; 2-E; 3-D; 4-C; 5-F; 6-A

c) 1-A; 2-B; 3-C; 4-D; 5-E; 6-F

d) 1-C; 2-F; 3-E; 4-F; 5-A; 6-B

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

26 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula 00 Prof. Claudenir Brito www.estrategiaconcursos.com.br

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

27 de 28

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula

Controladoria Exame de Suficiência - CFC Teoria e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito Aula 00

e Questões Comentadas Prof. Claudenir Brito に Aula 00 1 – C 2 – B 3

1 C

2 B

3 D

4 D

5 A

GABARITO

6 C

7 C

8 C

9 C

10 C

11 B

12 C

13 A

Referências utilizadas na elaboração das aulas

DA SILVA, Letícia Medeiros e VELHO, Cassiane Oliveira. Controladoria para o exame de suficiência do CFC para bacharel em ciências contábeis. 1. ed. São Paulo: Edipro, 2012.

FISCH, Sílvio e MOSIMANN, Clara Pellegrinello. Controladoria: seu papel na administração de empresas. 2. ed. São Paulo: Atlas, 1999.

NASCIMENTO, Auster Moreira e REGINATO, Luciane (org.). Controladoria: um enfoque na eficácia organizacional. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2009.

OLIVEIRA, Antônio Benedito Silva. Controladoria: fundamentos do controle empresarial. 2. ed. São Paulo: Saraiva, 2014.

SCHERRER, Alberto Manoel (org.). Manual para o exame de suficiência de conselho federal de contabilidade (CFC). 2. ed. São Paulo: Atlas, 2013.

Prof. Claudenir Brito

www.estrategiaconcursos.com.br

00000000000 - DEMO

28 de 28