Você está na página 1de 8

INFORMATIVO DA FHE E DA POUPEX ANO 14 • Nº 179 • JULHO/2012

QUER CONSTRUIR
OU REFORMAR?
Nova linha de
financiamento
para aquisição
de material de
construção

FAM
proteção
na hora certa
Boas NoTícIas
No MaTErIal DE
EXPEDIENTE coNsTrução

EDITORIAL
InformatIvo da fHE E da PoUPEX
Os militares que planejam

Foto: Júlio Magalhães


Publicação do Centro de Comunicação
comprar material para construir
Social (CECOM) da FHE e da POUPEX
ou reformar, ou mesmo adquirir
dirigida aos militares das Forças Armadas
armários modulados, contam, a
JornalIsta rEsPonsávEl partir de julho, com nova linha
Carla Siqueira Lima de Alcântara de financiamento e juros mais
RP: 2711/13/31/DF baixos.
rEdação A medida beneficiará o
público militar das três Forças,
Fernanda Drumond, Luciana Castilho,
ativos, inativos e pensionistas
Sellene Ghenov e Viviane Fernandes
participantes do Fundo de
dIagramação
Apoio à Moradia (FAM), que
Christian Diehl e Guido Vasconcelos terão direito a pleitear financiamento de até R$ 80 mil, com
rEvIsão taxas diferenciadas, conforme o prazo.
Gabriela Costa Além dessa novidade, na linha já existente na FHE
caPa destinada exclusivamente ao atendimento a Praças das
Forças Armadas participantes do FAM, o valor máximo do
Christian Diehl
crédito passou de R$ 35 mil para R$ 40 mil. A Matéria de
tIragEm
Capa traz todas as informações.
92.000 exemplares
Essas medidas visam a facilitar ainda mais a construção
contatos ou a reforma da casa própria nas melhores condições
FHE e POUPEX – CECOM do mercado. A FHE possui também várias linhas para
Avenida Duque de Caxias, S/N.º – Setor aquisição de imóvel destinadas aos militares, como
Militar Urbano – 70630-902 – Brasília/DF o Programa Meu 1º Imóvel, o Programa Casa Própria
(PROCAP) e o Programa Especial de Moradia (PEM).
Fone: (61) 3314-7518
Consulte a página www.fhe.org.br e conheça o que a
Fax: (61) 3314-7708
Fundação Habitacional do Exército oferece especialmente
tElEatEndImEnto ao clIEntE
à família militar. Compare e comprove a diferença!
0800 61 3040

0800 646 4747 (para surdos)

0800 647 8877 (Ouvidoria) José de castro neves soares


Diretor de Crédito Imobiliário da FHE e da POUPEX
Este veículo é de caráter informativo.
Os interessados em aderir aos produtos
e serviços da FHE e da POUPEX deverão
obter informações sobre as normas para
aquisição nos Pontos de Atendimento
de nossas instituições em todo o país.

Prezados clientes, a FHE e a POUPEX ressaltam


a importância da atualização dos dados
cadastrais para o efetivo recebimento de
correspondências e publicações institucionais.
Mantenha suas informações em dia – como
nome, telefone e endereço –, contatando nosso
Centro de Relacionamento com o Cliente, pelo
0800 61 3040.
MoMENTo DElIcaDo,
aPoIo garaNTIDo
agilidade no pagamento do seguro de vida tranquiliza
FAM

participantes do FaM

“Eu sei que o dia em que acontecer alguma coisa comigo, vocês estarão
amparados”, costumava declarar à família o General João Venâncio de Melo Neto,
um dos primeiros militares a aderir ao Fundo de Apoio à Moradia (FAM),
em setembro de 1987. Em maio último, ele faleceu aos 73 anos e, em apenas
cinco dias úteis, a esposa, a Sra. Lucimar, recebeu o seguro de vida. “Nesse
momento tão difícil, minha mãe se sentiu muito acolhida por todos da FHE”,
conta Liane, uma das filhas do casal. “Ficou tão satisfeita, que quer manter sua
participação no FAM”, afirma.

Liane, que é Tenente do Exército, também é participante do Fundo e o recomenda


a todos os colegas de farda. “Já fiz pesquisa com outros seguros de vida do
mercado e o FAM é o melhor, tanto na parcela mensal, que é bem mais baixa,
como no valor do seguro de vida, que supera a concorrência”, avalia. Para ela, a
qualidade e a agilidade do atendimento são outros diferenciais do produto.

A tranquilidade da família Venâncio está relacionada ainda ao Seguro Decessos –


Assistência Funeral, que é oferecido exclusivamente aos participantes do FAM e
garante a todos a realização do funeral, proporcionando atendimento solidário.
De acordo com Liane, a família não teve preocupação alguma com as providências
a serem tomadas. “Recebemos todo o apoio da FHE e correu tudo bem”, relata.

Para mais informações sobre o Fundo


de Apoio à Moradia e o Seguro
Foto: media.merchantcircle.com

Decessos, acesse fhe.org.br ou


ligue para 0800 61 3040.
Se preferir, procure um dos Pontos
de Atendimento da FHE.

o prazo médio de pagamento


da cobertura básica (morte)
do FaM é de 10 dias corridos.
FHE Facilita ainda mais
sua obra ou rEForma
Financiamento

Valor máximo de financiamento é alterado com novas taxas de juros

A Fundação Habitacional do Exército As prestações são fixas, o que


(FHE) lança mais uma linha de permite ao mutuário saber quanto
financiamento imobiliário para aquisição comprometerá, mensalmente, em seu
de material de construção destinada aos orçamento, de acordo com o prazo
militares do Exército, da Marinha e da escolhido – de 6 a 60 meses.
Aeronáutica participantes do Fundo de
O Subtenente Alex Marques
Apoio à Moradia (FAM).
Coromberque, do Batalhão de Polícia
O valor máximo de financiamento é de do Exército de Brasília (BPEB), utilizou
R$ 80 mil e os juros nominais vão de o financiamento para reformar seu
0,95% a.m. a 1,25% a.m., conforme o imóvel em Porto Alegre. “Pesquisei em
prazo. outras instituições financeiras e achei
as condições da FHE as melhores e a
Outra novidade é que o valor de
liberação do crédito foi super-rápida”,
financiamento na linha destinada
conta o militar, que escolheu a FHE pela
exclusivamente para Praças das Forças
segunda vez. “Gostei tanto das taxas
Armadas foi estendido para R$ 40 mil.
que recomendei aos amigos”, disse.
Foto: Júlio magalhães

Subtenente Coromberque
contrata financiamento
para a reforma do imóvel
Público: praças das Forças Armadas, até a
graduação de Subtenente/Suboficial, e seus
pensionistas participantes do Fundo de Apoio
à Moradia (FAM).

Limite: até R$ 40 mil, respeitada a capacidade


de renda do proponente, condicionada à mar-
gem consignável disponível.

PraZos taXa nominal


6 meses 0,85% a.m.
12 meses 0,85% a.m.
24 meses 0,88% a.m.
36 meses 0,91% a.m.
48 meses 0,94% a.m.
60 meses 0,94% a.m.

Público: militares das Forças Armadas e seus


pensionistas participantes do Fundo de Apoio
à Moradia (FAM).

Limite: até R$ 80 mil, respeitada a capacidade


de renda do proponente, condicionada à mar-
gem consignável disponível.

PraZos taXa nominal


6 meses 0,95% a.m.
12 meses 0,95% a.m.
24 meses 1,05% a.m.
36 meses 1,15% a.m.
48 meses 1,25% a.m.
60 meses 1,25% a.m.

Foto: jgstudios.photoshelter.com
VIsITa Do alTo coMaNDo
Do EXércITo
GIRO pELA FHE E pOUpEX

Os Oficiais-Generais que compõem o


Alto Comando do Exército visitaram
oficialmente a Sede da FHE e da

Fotos: Júlio Magalhães


POUPEX, em Brasília (DF), em maio.
Durante o encontro, foi exibido um
vídeo corporativo que retratou o
desempenho dos produtos e serviços
das instituições, particularmente
os programas habitacionais e os
empreendimentos desenvolvidos para
os militares. Da esquerda para a direita: gen Ex adriano, gen Ex arantes,
gen Ex Enzo, gen Ex Eron e gen Ex Vilela

PalEsTra Para MIlITarEs Do EB


Em junho, os integrantes do Departamento-Geral do
Pessoal (DGP) e do Comando Militar do Planalto (CMP)
participaram de palestras proferidas por representantes
da Diretoria da FHE e da POUPEX. Nos eventos, os
presentes tiveram a oportunidade de conhecer, em
detalhes, os principais produtos e serviços voltados à
aquisição da casa própria e ao empréstimo pessoal,
e, também, a finalidade e a importância do Fundo de
Apoio à Moradia (FAM) para a segurança da família
militar.
Palestra realizada no DgP
O objetivo dessas palestras é aproximar a FHE e a
POUPEX dos Oficiais e Praças do Exército. O Chefe do DGP, Gen Ex Lúcio Mário de Barros
Góes, aprovou a iniciativa. “Essa foi uma excelente oportunidade para os nossos militares
conhecerem melhor os serviços oferecidos pela
FHE e pela POUPEX”, avaliou o Gen Lúcio.

O ciclo de palestras prossegue em julho. As


próximas apresentações serão direcionadas
aos integrantes do Gabinete do Comandante,
CIE, CCOMSEx e SGEx. A intenção é que
participem também desses encontros, até o
fim do ano, o Estado-Maior e os Órgãos de
Direção Setorial.

apresentação para integrantes do cMP


rEEsTruTuração
Na FHE E Na PouPEX
GIRO pELA FHE E pOUpEX

Com o objetivo de proporcionar conhecimento dos produtos e com


atendimento ágil e de qualidade à família condições de substituir episodicamente
militar e ao público em geral, a Direção da os Chefes dos Pontos de Atendimento, o
FHE e da POUPEX decidiu, no período de Presidente da FHE e da POUPEX, ouvida
2006 a 2010, estabelecer novos Pontos de a Diretoria Colegiada, decidiu promover
Atendimento, ampliando também o efetivo ajustes no efetivo da força de trabalho.
em seus Escritórios (ER) e Postos (PST).
No período considerado, foram criados Dessa forma, a POUPEX está reduzindo o
aproximadamente 60 cargos na POUPEX, número de empregados nos Escritórios e
em especial de Subchefe de ER e PST. Postos, particularmente suprimindo o cargo
de Subchefe.
Após criterioso estudo do custo-
benefício, principalmente a necessidade As medidas relativas à reestruturação
de otimizar a gestão dos recursos continuarão a ser implementadas,
humanos e considerando a permanência progressivamente, de acordo com as
de empregados com desenvolvido deliberações da Diretoria Colegiada.

ação solIDárIa EM FEsTa juNINa


A FHE e a POUPEX promoveram ação
solidária durante a Festa Junina do
Foto: Júlio Magalhães

Clube do Exército/SMU, em Brasília.


Os recursos arrecadados com a
venda de produtos alimentícios –
yakisoba, queijos e bebidas – foram
destinados a instituições filantrópicas
do Distrito Federal, apoiadas pela FHE:
a Associação de Pais e Amigos dos
Excepcionais de Taguatinga e Ceilândia
(APAED) e a Associação de Proteção à
Criança Carente do DF (APCDF). Os itens
foram comercializados por empregados
voluntários, que se revezaram em turnos
nos dois dias do evento. Mais de 13 mil
pessoas participaram da festa.
FHE aPoIa PrEsErVação
Do PaTrIMôNIo Do EXércITo
Programa Mecenas conta também com a colaboração de militares
REspOnsAbILIDADE sOcIAL

e civis para restaurar bens

A missão do Exército Brasileiro de


defender a Pátria rendeu à Força Terrestre

Foto: Arquivo DpHcEx


um patrimônio histórico e cultural rico
em obras de arte, documentos, museus,
bibliotecas, edifícios, sítios históricos,
fortes, fortalezas, armas e equipamentos.
Há dois anos, esses bens culturais,
distribuídos pelo território nacional,
começaram a ser preservados graças
à colaboração de instituições como
a Fundação Habitacional do Exército
(FHE) e de militares e civis cadastrados a restauração da casa rosa,
no Programa Mecenas. A iniciativa é no rio de janeiro (rj),
é um dos projetos em andamento
coordenada pelo Departamento de
Educação e Cultura do Exército (DECEx) e
conta com suporte técnico da Fundação 350 colaboradores, entre militares da ativa,
Trompowsky. da reserva, dependentes, pensionistas e o
público civil.
“O Mecenas surgiu para que o cidadão
pudesse participar diretamente do Para doar recursos, o interessado deve se
processo de valorização e de proteção do inscrever no site do programa e autorizar
patrimônio do Exército. Se os militares de o desconto mensal no contracheque de
todo o país colaborassem durante um ano, até 6% do Imposto de Renda devido. O
por exemplo, a quantia arrecadada seria valor descontado é totalmente destinado
de cerca de R$ 90 milhões, valor suficiente a projetos culturais da Força Terrestre
para iniciar todos os atuais projetos”, aprovados pelo Ministério da Cultura com
calcula o supervisor do programa, Coronel base na Lei Rouanet. A doação pode ser
Antônio Ferreira Sobrinho. Hoje, há cinco interrompida a qualquer momento. Mais
iniciativas indicadas para receber o apoio informações estão disponíveis em
(confira no quadro abaixo) e cerca de www.mecenas.ensino.eb.br.

Projetos atuais
• Espaço Cultural Exército Brasileiro – Campinas (SP)
• Projeto Cultural Restauração da Casa Rosa – Rio de Janeiro (RJ)
• Restauração do Casarão Histórico da Fazenda Ribeirão das Rosas – Juiz de Fora (MG)
• Projeto Restauração da Fortaleza da Conceição – Rio de Janeiro (RJ)
• Órgão musical da Igreja de Bom Jesus da Coluna – Rio de Janeiro (RJ)