Você está na página 1de 8

Eu e a Química 12

Teste de Avaliação Química 12.º ano

Domínio 3 Plásticos, vidros e novos materiais

Grupo I

1. Leia a seguinte informação.

No início do século XX, a indústria de componentes elétricos estava em pleno crescimento e utilizava
como isolador elétrico uma resina secretada por um inseto exótico existente na Índia e na Tailândia.
Esta substância era natural mas escassa e cara.
Em 1907, Leo Hendrik Baekeland patenteou um processo que permitiu criar um plástico duro, insolúvel
e isolador elétrico – a baquelite.
A produção de baquelite começava com o aquecimento de fenol e metanal na presença de um
catalisador, como ácido clorídrico, criando um produto de condensação que podia ser moldado pelo
calor.
Um aquecimento ainda mais forte resultava num “último produto de condensação”, uma goma dura
porosa e com pouco uso, pois era quebradiça.
O passo inovador de Baekeland foi colocar o "último produto de condensação" num bakelizer que
aquecia o polímero a elevada pressão, suprimindo a formação de espuma que tornava o plástico
quebradiço.

https://en.wikipedia.org/wiki/Bakelite (consultado a 2018-04-19)

1.1. A baquelite, devido às suas propriedades, pode ser utilizada como isolador elétrico.
Selecione a opção que identifica uma outra característica deste material plástico.
(A) Elevada condutividade térmica.
(B) Menor resistência à corrosão do que os metais.
(C) Fácil reciclagem.
(D) Elevada resistência ao impacto mecânico.

1.2. Selecione a opção que apresenta a fórmula de estrutura do fenol.

(A) (B) (C) (D)

1.3. Selecione a opção que contém os termos que completam, de forma sequencial, a frase seguinte.

O polímero resultante da reação entre fenol e metanal é um ______________. A baquelite, por não
fundir, é um ______________.

(A) termofixo … termofixo


(B) termoplástico … termoplástico
(C) termofixo … termoplástico
(D) termoplástico … termofixo
Eu e a Química 12

1.4. Em 1846, o químico suíço-alemão Christian Friedrich Schönbein patenteou um novo material
polimérico, a trinitrocelulose (ou nitrocelulose, ou ainda algodão-pólvora), obtido a partir da celulose,
um polímero existente nas plantas. A nitrocelulose era explosiva mas, ao contrário da pólvora
tradicional, não produzia nuvens de fumo ao explodir.

1.4.1. Das seguintes afirmações selecione a opção correta.


(A) A baquelite é um polímero natural e a celulose um polímero artificial.
(B) A baquelite é um polímero sintético e a celulose um polímero natural.
(C) A baquelite e a celulose são polímeros sintéticos.
(D) A baquelite e a celulose são polímeros naturais.

1.4.2. O esquema seguinte representa a formação de nitrocelulose a partir da celulose, por


tratamento com ácido súfúrico e ácido nítrico, na proporção de 3 para 1.

Elabore um texto onde explore os seguintes tópicos:


– Função do ácido sulfúrico (H2SO4) e do ácido nítrico (HNO3).
– Tipo de polímero formado (natural/artificial/sintético).
– Fórmula de estrutura do motivo do polómero formado.

1.5. No fim do século XIX, Alfred Nobel tentou transformar uma substância explosiva semelhante à
nitrocelulose, a trinitroglicerina, num produto mais seguro, juntando-lhe vários compostos (argila, pó
de conchas…). Pela persistência e trabalho árduo, conseguiu, transformá-la numa pasta moldável, e
mais estável, a dinamite.
A decomposição deste explosivo pode ser representada pela seguinte equação química:

1.5.1. Justifique o facto da trinitroglicerina representada na equação química não ser um polímero.

1.5.2. Na reação completa de 900 g de trinitroglicerina formam-se, de forma explosiva, cerca de 29


mol de gases a elevada temperatura. O volume ocupado por esses gases, à pressão de 1,0
atm, é superior a 800 L.
Determine a massa volúmica mínima da mistura gasosa formada durante a reação
proveniente apenas da decomposição da trinitroglicerina.
Eu e a Química 12

Grupo II

2. Um dos critérios usados na classificação de polímeros (plásticos) baseia-se na resposta destes materiais
ao calor. Os termoplásticos fundidos são moldados numa nova forma, num novo objeto. Os
termoendurecíveis ou termofixos não podem ser fundidos e, portanto, não podem ser moldados. A
temperaturas muito elevadas, um plástico termofixo, eventualmente queima ou decompõe-se em vez de
fundir.

2.1. Nos esquemas seguintes encontram-se representados os dois tipos de polímeros identificados.

A B

Faça corresponder a cada esquema o tipo de polímero respetivo.

2.2. Existem polímeros com uma propriedade muito especial: a memória de forma. Quando o plástico é
aquecido, suaviza e torna-se flexível, podendo ser esticado; neste instante, se for arrefecido,
manterá a forma esticada. Mas o plástico lembra-se da sua forma original, por isso se for aquecido
novamente, encolherá de volta à forma original – é, portanto, um polímero termorretrátil.

2.2.1. Observe as seguintes imagens.


Ligação elétrica aquecida por Embalagem exterior que une as duas
uma pistola de ar quente embalagens interiores após aquecimento

Fonte: https://www.pinterest.co.uk/seopammvi/heat- Fonte: https://suprapak.com/portfolio/heat-shrink-


shrink-packaging-tool/ packaging/?lang=en

Indique, justificando, se os plásticos apresentados exibem ou não propriedades


termorretráteis.
Eu e a Química 12

2.2.2. O clorotrifluoroetileno polietileno – ECTFE – (Ethylene-Chlorotrifluoroethylene) é um


termoplástico, plástico que exibe propriedades termorretráteis. É obtido a partir do etileno e
clorotrifluoroetileno, resultando numa estrutura como a representada no esquema seguinte,
em que m e n são números inteiros.

O ECTFE é um homopolímero ou um copolímero?


2.2.3. O polietileno é outro polímero que também exibe propriedades termorretráteis.
Selecione a fórmula de estrutura que representa o polietileno.

(A) (B) (C) (D)


2.3. Goodyear conseguiu transformar o látex, uma borracha com ligações de fraca intensidade entre as
cadeias dos polímeros, numa borracha artificial com ligações covalentes entre as cadeias de
polímeros capazes de resistir a aumentos de temperatura sem fundir. Conclua sobre a possibilidade
de reciclagem da borracha artificial criada por Goodyear.

Grupo III

3. Considere a seguinte informação.

O DNA (ou ADN – ácido desoxirribonucleico) é um polímero. As unidades monoméricas do DNA


são nucleótidos e o polímero é conhecido como "polinucleótido". Cada nucleótido consiste num
açúcar de 5 carbonos (desoxirribose) ligado a uma base que contém nitrogénio e a um grupo
fosfato. Existem quatro tipos de nucleótidos no DNA, diferindo apenas na base nitrogenada.

http://www.biology.arizona.edu/biochemistry/activities/dna/10t.html (consultado a 2018-04-23)

3.1. Justifique a seguinte afirmação verdadeira.

O DNA é um copolímero natural.


Eu e a Química 12

3.2. O RNA (ácido ribonucleico) é um outro polímero natural existente nas células e tem uma estrutura
muito semelhante ao DNA.

3.2.1. Observe as seguintes fórmulas de estrututura.

Indique o nome do grupo funcional que distingue o DNA do RNA.

3.2.2. Considere a equação química seguinte que representa a reação de síntese que ocorre entre
monómeros do RNA, à temperatura do corpo humano, sob a ação da enzima RNApolimerase.

Selecione a opção que completa corretamente a frase seguinte.


A reação de síntese representada é uma…
(A) … reação de adição com 100% de economia atómica percentual.
(B) … reação de condensação com 100% de economia atómica percentual.
(C) … reação de adição com uma economia atómica percentual inferior a 100%.
(D) ... reação de condensação com uma economia atómica percentual inferior a 100%.

3.2.3. A biomimética é a ciência que estuda a Natureza como fonte de inspiração para desenvolver
novas tecnologias que resolvam problemas do dia a dia.
A síntese do polietileno, por exemplo, ocorre a elevada temperatura e sob elevadas pressões,
a partir de derivados do petróleo.
Selecione a opção que indica de que forma a reação de síntese do RNA pode servir de
inspiração para ajudar a diminuir o impacto económico e ambiental da produção de polietileno.
(A) Introdução de uma enzima que catalise a reação de síntese do polietileno.
(B) Produção de polietileno que contenha uma base nitrogenada de forma que o polímero
polietileno seja biodegradável.
(C) Uso de materiais de base sustentável, como os nucleótidos, na síntese do polietileno.
(D) Aumento da temperatura e pressão durante a reação de síntese do polietileno.
Eu e a Química 12

Grupo IV

4. Considere o seguinte texto.

A capacidade de reparar os danos espontaneamente, denominada autocura (self-healing)… é


altamente desejável para baterias recarregáveis porque a vida útil de elétrodos de alta
capacidade, como ânodos de silício, é encurtada por fraturas mecânicas geradas durante os
processos cíclicos de carga e descarga da bateria.
(…)
Quando revestidos com um polímero de autocura… as fissuras e os danos no revestimento
durante o ciclo podem ser curados espontaneamente pelo polímero de ligação de hidrogénio
aleatoriamente ramificado utilizado.

Chao Wang, Hui Wu, Zheng Chen, Matthew T. McDowell, Yi Cui & Zhenan Bao.
“Self-healing chemistry enables the stable operation of silicon microparticle anodes for high-energy lithium-ion batteries”.
Nature Chemistry, volume 5, p. 1042-1048 (2013)

A forma de atuação deste polímero está representada na figura seguinte.

Os polímeros autocurativos utilizados são:


Eu e a Química 12

em que as ligações formadas são pontes de hidrogénio.

4.1. Selecione a opção que justifica o funcionamento autocurativo deste polímero.


(A) As pontes de hidrogénio são ligações intermoleculares muito fortes impossíveis de quebrar.
(B) As pontes de hidrogénio são ligações que se formam à temperatura de funcionamento da pilha.
(C) As ligações por pontes de hidrogénio também podem ocorrer entre átomos de silício e/ou lítio,
permitindo a cura de fendas no ânodo.
(D) O grau de polimerização deste polímero é inferior a 10.

4.2. Relativamente ao polímero autocurativo selecione a opção correta.


(A) Como é um polímero autocurativo tem aplicações na medicina e é um biomaterial.
(B) O polímero pertence à família dos poliacrílicos.
(C) O polímero é renovável, reciclável e biodegradável.
(D) O polímero apresenta na sua constituição grupos funcionais das seguintes famílias de
compostos orgânicos: amina, amida e cetona.

Grupo V

5. Para produzir um fio de nylon 6.10 um grupo de alunos executou o seguinte procedimento laboratorial:
a. Num copo de 100 mL, juntou 3 mL de
cloreto de decanodioílo (C10H16Cℓ2O2)
com 100 mL de hexano (solução A).
b. Num copo de 250 mL, juntou 50 mL de
água destilada, 3 mL de
1,6-hexanodiamina (C6H16N2),
0,01 g de sabão em pó
(SLS – lauril sulfato de sódio –
CH3(CH2)10CH2(OCH2CH2)nOSO3Na) e
2 gotas de fenolftaleína (solução B).
c. Na interface entre as duas soluções
forma-se uma camada de polímero que
pode ser estirada de forma a criar um fio
que se enrola à volta de uma vareta de
vidro.

A equação química seguinte representa a reação de síntese do nylon 6.10.


Eu e a Química 12

5.1. Identifique os monómeros na reação de síntese e o grau de polimerização do polímero.

5.2. Selecione a opção que completa corretamente a frase seguinte.


A reação representada é uma…
(A) … reação de adição e o polímero formado pertence à família das poliaminas.
(B) … reação de condensação e o polímero formado pertence à família das poliamidas.
(C) … reação de adição e o polímero formado pertence à família das poliamidas.
(D) … reação de condensação e o polímero formado pertence à família das poliaminas.

5.3. Relativamente ao tipo de polimerização, selecione a opção correta.


(A) O sistema reacional é homogéneo e a polimerização ocorre em emulsão.
(B) O sistema reacional é heterogéneo e a polimerização ocorre em solução.
(C) O sistema reacional é heterogéneo e a polimerização ocorre na interface.
(D) O sistema reacional é homogéneo e a polimerização ocorre em fase gasosa.

5.4. Apresente uma justificação para o seguinte facto: o nylon 6.10 não é biodegradável.

Questão 1.1. 1.2. 1.3. 1.4.1. 1.4.2. 1.5.1. 1.5.2. 2.1. 2.2.1. 2.2.2. 2.2.3. 2.3. 3.1. 3.2.1. 3.2.2. 3.2.3. 4.1. 4.2. 5.1. 5.2. 5.3. 5.4. Total
Cotação 8 8 8 8 16 12 12 8 12 8 8 8 12 8 8 8 8 8 8 8 8 8 200