Você está na página 1de 19

Norma Editorial Para Elaboração

Das Atividades dos Trabalhos De


Conclusão de Curso (NEEA-TCC)
Em Engenharia Ambiental - UFAL

1a edição

Maceió
2010

1
APRESENTAÇÃO

As normas editoriais para elaboração dos planos de trabalho e relatórios dos Trabalhos
de Conclusão de Curso (TCC) é um instrumento de apoio aos alunos de graduação em
Engenharia Ambiental da Universidade Federal de Alagoas na condução de seus trabalhos.
Com este instrumento em mãos, alunos de graduação e orientadores podem agilizar a
elaboração/orientação de seus trabalhos, cumprindo em tempo hábil os prazos cada vez mais
restritos concedidos.

2
1 CONDIÇÕES GERAIS

Os TCCs devem ser originais, inéditos e atender a Instrução Normativa n o.01/2010-


CTEC, de modo que seja fruto de um trabalho de pesquisa ou solução de um problema
comum ao exercício da profissão junto ao mercado de trabalho. É importante destacar que não
serão aceitos:

1. Textos que contenham uma simples revisão bibliográfica, sem que o seu método de
pesquisa ou abordagem seja original. Caso, parte dos resultados apresentados já
tenham uma divulgação prévia, a concepção do texto e as suas conclusões principais
devem ser necessariamente originais e inéditas
2. Cópias parciais ou totais de outros trabalhos previamente publicados (ex.:
monografias, dissertações, teses ou livros);
3. Textos fora da padronização indicada no presente trabalho.

A seguir serão apresentadas as normas editoriais a serem seguidas na confecção dos


planos de trabalho e relatórios parciais e finais dos TCCs de Engenharia Ambiental da UFAL.

2 ESTRUTURA DO TEXTO
Este item tem a função de estabelecer a estruturação mínima dos textos a serem
apresentados durante a elaboração dos TCCs de Engenharia Ambiental da UFAL. Onde os
textos podem ser classificados em planos de trabalhos ou relatórios. Cada um destes tipos de
textos serão descritos nos próximos itens.

2.1 Plano de trabalho


Destinado apresentar e submeter à avaliação de uma banca examinadora a proposta de
trabalho a ser desenvolvido nos prazos previstos no calendário acadêmico da UFAL e
respeitando as datas acordadas com a coordenação dos TCCs (do curso).
Entretanto, os elementos de texto obrigatórios para um plano de trabalho são:
1. Capa do trabalho – que deve conter no nome da instituição, da unidade acadêmica e do
curso. Além disso, também deve conter o título proposto para o trabalho, seu autor(a),
seu orientador(a) e a indicação de local e data da apresentação da proposta de plano de
trabalho, ver ANEXO 1.;
2. Contra-capa do trabalho – que também deve conter no nome da instituição, da unidade
acadêmica e do curso. Além disso, também deve conter o título proposto para o
trabalho, seu autor(a), seu orientador(a), o texto de apresentação padrão, a indicação
de local e data da apresentação do plano de TCC e a assinatura do orientador, do co-
orientador (caso tenha) e do aluno, ver ANEXO 2.;
3. Resumo – contendo no máximo 200 palavras, deve resumir todo o trabalho, desde seu
contexto, problema abordado, objetivos, método, resultados e conclusões. Deve ser
apresentado em português;
4. Sumário ou índice – contendo a relação hierárquica e seqüencial dos itens relevantes
do corpo do texto, seguidos do número da respectiva página em que são
apresentados/inseridos no texto;

3
5. Índices de figura, quadros e tabelas (opcional) - contendo a relação seqüencial de
todas as figuras, quadros e tabelas inseridas e referenciadas no corpo do texto, sempre
seguidos do número da respectiva página em que são apresentados/inseridos no texto;
6. Corpo do texto – deve conter os seguintes itens: (a) introdução/apresentação do
trabalho (contextualização histórica, política, econômica, social ou mercadológica do
trabalho, o problema abordado e a relevância do trabalho), (b) objetivos e limitações
do trabalho; (c) revisão ou fundamentação teórica do trabalho, cabendo ao autor
definir a quantidade de capítulos necessários a abranger com a profundidade adequada
os temas pertinentes ao seu trabalho de TCC, (d) esboço do método de pesquisa a ser
empregado; (e) resultados esperados e (f) cronograma de atividades e orçamento
preliminar;
7. Referências – contendo todos os trabalhos citados no corpo do texto, listados em
ordem alfabética crescente e em conformidade com a NBR 6023/2002;
8. Apêndices (se for o caso) – devendo conter material de autoria do próprio autor do
TCC, versando sobre tópico associado ao trabalho, que por motivo diverso não tenha
sido incorporado ao corpo do texto;
9. Anexos (se for o caso) – contendo material de autoria de terceiros, versando tópico
associado ao trabalho e cuja função seja apoio ou suporte ao corpo do texto.
A formatação dos parágrafos de títulos, legendas e textos será apresentada no item 3.
Esta formatação inclui os tipos de fontes passiveis de utilização, suas dimensões e
espaçamentos. O plano deverá respeitar os seguintes limites de número total de 20 páginas
(parte escrita – corpo do texto).

2.2 Relatórios parciais


Destinado apresentar e submeter à avaliação da comissão de TCC do curso de
Engenharia Ambiental os resultados parciais obtidos até a data de apresentação do relatório
parcial (conforme cronograma estabelecido). Para essa etapa, existem duas alternativas de
apresentação:
1. Apresentação oral a banca examinadora;
2. Solicitação de um parecer por escrito à banca examinadora.
Para este documento, os elementos de texto obrigatórios são:
1. Capa do trabalho – que deve conter no nome da instituição, da unidade acadêmica e do
curso. Além disso, também deve conter o título proposto para o trabalho, seu autor(a),
seu orientador(a) e a indicação de local e data da apresentação do relatório parcial, ver
ANEXO 1.;
2. Contra-capa do trabalho – que também deve conter no nome da instituição, da unidade
acadêmica e do curso. Além disso, também deve conter o título proposto para o
trabalho, seu autor(a), seu orientador(a), o texto de apresentação padrão, a indicação
de local e data da apresentação do relatório relatório parcial de TCC e a assinatura do
orientador, do co-orientador (caso tenha) e do aluno, ver ANEXO 2.;

4
3. Resumo – contendo no máximo 200 palavras, deve resumir todo o trabalho, desde seu
contexto, problema abordado, objetivos, método, resultados e conclusões. Deve ser
apresentado em português;
4. Sumário ou índice – contendo a relação hierárquica dos itens relevantes do corpo do
texto, seguidos do número da respectiva página em que são apresentados/inseridos no
texto;
5. Índices de figura, quadros e tabelas - contendo a relação sequencial de todas as
figuras, quadros e tabelas inseridas e referenciadas no corpo do texto, sempre seguidos
do número da respectiva página em que são apresentados/inseridos no texto;
6. Corpo do texto – deve conter os seguintes itens, todos dispostos em capítulos
independentes: (a) introdução/apresentação do trabalho (contextualização, problema
abordado, relevância, objetivos e limitações do trabalho, esboço do método de
pesquisa a ser empregado, e a organização/estruturação do texto), (b) detalhamento
do método de pesquisa a ser empregado, (c) revisão ou fundamentação teórica do
trabalho, cabendo ao autor definir que quantidade de capítulos necessários a abranger
com a profundidade adequada os temas pertinentes ao seu trabalho de TCC; (d)
apresentação e discussão dos dados parciais obtidos; e (e) conclusões e considerações
parciais, que deve conter uma avaliação do cumprimentos dos objetivos e prazos
propostos no plano de trabalho;
7. Referências – contendo todos os trabalhos citados no corpo do texto, listados em
ordem alfabética crescente e em conformidade com a NBR 6023/2002;
8. Apêndices (se for o caso) – devendo conter material de autoria do próprio autor do
TCC, versando sobre tópico associado ao trabalho, que por motivo diverso não tenha
sido incorporado ao corpo do texto;
9. Anexos (se for o caso) – contendo material de autoria de terceiros, versando tópico
associado ao trabalho e cuja função seja apoio ou suporte ao corpo do texto.
Ver item 3 para a formatação dos parágrafos de títulos, legendas e textos. O relatório
parcial deverá respeitar os seguintes limites de número total de 40 páginas (parte escrita –
corpo do texto).

2.3 Relatórios finais


Destinado apresentar e submeter à avaliação de uma banca examinadora, que poderá
conter membro externo à UFAL, os resultados obtidos com a realização do trabalho.
Para este documento, os elementos de texto obrigatórios são:
1. Capa do trabalho – que deve conter no nome da instituição, da unidade acadêmica e do
curso. Além disso, também deve conter o título proposto para o trabalho, seu autor(a) e
a indicação de local e data da apresentação do relatório final do trabalho, ver ANEXO
1.;
2. Contra-capa do trabalho – que também deve conter no nome da instituição, da unidade
acadêmica e do curso. Além disso, também deve conter o título proposto para o
trabalho, seu autor(a), seu orientador(a), o texto de apresentação padrão, a indicação

5
de local e data da apresentação do relatório relatório final do TCC e a assinatura do
orientador, do co-orientador (caso tenha) e do aluno, ver ANEXO 2.;
3. Folha de aprovação – a ser inserida após as correções sugeridas pela banca
examinadora terem sido implementadas, deve conter a declaração de que o trabalho foi
analisado e considerado aprovado, bem como a relação de membros que compuseram
a banca examinadora, com as instituições a que pertencem e suas respectivas
formações. Ver ANEXO 3.;
4. Agradecimentos: contendo os agradecimentos do autor para as instituições (ex.:
agências de fomento à pesquisa, empresas e a própria UFAL, se for o caso) e
personalidades (ex.: amigos, familiares e professores) que contribuíram direta e/ou
indiretamente para a realização do trabalho;
5. Resumo – contendo no máximo 200 palavras, deve resumir todo o trabalho, desde seu
contexto, problema abordado, objetivos, método, resultados e conclusões. Deve ser
apresentado em português e também em inglês (abstract)
6. Sumário ou índice – contendo a relação hierárquica dos itens relevantes do corpo do
texto, seguidos do número da respectiva página em que são apresentados/inseridos no
texto;
7. Índices de figura, quadros e tabelas - contendo a relação seqüencial de todas as
figuras, quadros e tabelas inseridas e referenciadas no corpo do texto, sempre seguidos
do número da respectiva página em que são apresentados/inseridos no texto;
8. Corpo do texto – deve conter os seguintes itens, todos dispostos em capítulos
independentes: (a) introdução/apresentação do trabalho (contextualização, problema
abordado, relevância, objetivos e limitações do trabalho, esboço do método de
pesquisa a ser empregado, e a organização/estruturação do texto), (b) detalhamento
do método de pesquisa a ser empregado, (c) revisão ou fundamentação teórica do
trabalho, cabendo ao autor definir a quantidade de capítulos necessários a abranger
com a profundidade adequada os temas pertinentes ao seu trabalho de TCC; (d)
apresentação e discussão dos dados obtidos; e (e) conclusões e considerações finais,
que deve conter uma avaliação do cumprimentos dos objetivos e prazos propostos no
plano de trabalho, bem como indicar possíveis trabalhos a serem realizados em
oportunidades futuras;
9. Referências bibliográficas – contendo todos os trabalhos citados no corpo do texto,
listados em ordem alfabética crescente e em conformidade com a NBR 6023/2002.
No tocante aos elementos não obrigatórios, quando o autor julgar necessário ou
oportuno, poderão ser incorporados ao texto, na ordem e locais indicados a seguir:
1. Dedicatória (logo após a contra-capa) – que deve apresentar um parágrafo curto onde
o autor dedique o trabalho a quem ou o que lhe for apropriado;
2. Folha de rosto – contendo frases, parágrafos e até textos curtos, de sua própria autoria,
ou não, versando sobre tema livre;
3. Índice remissivo (logo após as referências bibliográficas) – contendo a indicação da
ocorrência de palavras chave do trabalho.

6
4. Apêndices (se for o caso) – devendo conter material de autoria do próprio autor do
TCC, versando sobre tópico associado ao trabalho, que por motivo diverso não tenha
sido incorporado ao corpo do texto;
5. Anexos (se for o caso) – contendo material de autoria de terceiros, versando tópico
associado ao trabalho e cuja função seja apoio ou suporte ao corpo do texto.
A seguir serão apresentadas todas as diretrizes para a formatação adequada dos
parágrafos de títulos, de legendas e de textos.

3 FORMATO
Este item tem a função de estabelecer todos os padrões a serem seguidos durante a
redação do texto dos planos e relatórios do trabalho. E com este intuito, cada texto produzido
em decorrência da realização do TCC serão divididos nas seguintes seções:

 Pré-texto, que incorporará todos os elementos da capa até os índices e sumários do


trabalho;

 Corpo principal do texto, que abrangerá todos os capítulos do texto e as referências


bibliográficas citadas;

 Textos adicionais, que englobará o índice remissivo, apêndices e anexos quando


houver.
Esta divisão é importante para viabilizar a inserção e formatação de cabeçalhos e
rodapés personalizados a cada seção. Não obstante, todas as seções do texto deverão respeitar
as seguintes restrições:
1. Tamanho da página – tanto o documento eletrônico, quanto o impresso devem ser
confeccionados em folha A4;
2. Margens – as margens superior e esquerda devem apresentar 3 cm e as margens
inferior e direita, 2 cm;
3. Numeração de páginas – na seção de pré-texto, a numeração deve ser seqüencial,
expressa em algarismos romanos (ex.: IX) e centralizada no final da página. É
importante destacar que a capa não deve ser numerada, mas deve ser contada na
numeração do texto, sendo assim, a contra-capa será obrigatoriamente a página de
número II. Nas demais seções, a numeração também deve ser seqüencial, mas
expressa em algarismos hindu-arábicos e localizados no canto superior direito das
páginas. Apenas a primeira página das seções Apêndices e Anexos não dever ser
numeradas, mas, a exemplo da capa, deve ser contadas na numeração das páginas
seguintes.
4. Cabeçalhos – caso ou autor julgue necessário ou oportuno, podem conter apenas o
nome do capítulo ou anexo onde estiverem inseridos e deverão ser aplicados
exclusivamente nos elementos das seções corpo principal do texto e textos adicionais.
Sempre alinhados à esquerda;

7
5. Rodapés – caso o autor também julgue necessário ou oportuno, seguem a mesma
padronização dos cabeçalhos e seu conteúdo pode conter unicamente o nome do autor
e o tipo de texto (plano de trabalho, relatório parcial ou final).
6. Impressão – é obrigatória que seja impresso frente e verso.
7. Tamanho do trabalho - Os trabalhos deverão respeitar os seguintes limites de número
total de 60 páginas (parte escrita – corpo do texto). Os trabalhos podem disponibilizar
uma quantidade adicional de informação na forma de documentos complementares,
que não serão computados nos limites nem considerados para fim de avaliação. Neste
caso deverão se disponibilizadas cópias do material em meio adequado para a
biblioteca.
Com relação à formatação dos parágrafos, deve ser seguido a padronização indicada na
Tabela 1.

Tabela 1 – Formatação dos estilos de texto

NOME FORMATAÇÃO EXEMPLO

Título Fonte: Times New Roman, 16, centralizado, RESUMO


negrito, letras maiúsculas.
Espaçamento: antes – 12; depois – 6; entre linhas
– 1,5; recuo – nenhum.

Título 1 Fonte: Times New Roman, 14, alinhado pela 1 INTRODUÇÃO


esquerda, negrito, letras maiúsculas.
Espaçamento: antes – 12; depois – 6; entre linhas
– 1,5; recuo – nenhum.
Numeração – sequencial.

Título 2 Fonte: Times New Roman, 14, alinhado pela 1.1 OBJETIVOS
esquerda, normal, letras maiúsculas.
Espaçamento: antes – 12; depois – 6; entre linhas
– 1,5; recuo – nenhum.
Numeração – seqüencial vinculada ao título 1.

Título 3 Fonte: Times New Roman, 14, alinhado pela 1.1.1 Adição de
esquerda, negrito, apenas a primeira letra comento CP IV
maiúscula.
Espaçamento: antes – 6; depois – 6; entre linhas –
1,5; recuo – nenhum.
Numeração – seqüencial vinculada ao título 2.

Título 4 Fonte: Times New Roman, 14, alinhado pela 1.1.1.1 Fator
esquerda, normal, apenas a primeira letra água/aglomerante

8
maiúscula.
Espaçamento: antes – 6; depois – 6; entre linhas –
1,5; recuo – nenhum.
Numeração – seqüencial vinculada ao título 3.

Apêndice Fonte: Times New Roman, 14, centralizado, APÊNDICE 1 –


negrito, letras maiúsculas. DEMONSTRAÇÃO
Espaçamento: antes – 12; depois – 6; entre linhas DA EQUAÇÃO DE
– 1,5; recuo – nenhum. LAPLACE
Numeração – seqüencial.

Anexo Fonte: Times New Roman, 14, centralizado, ANEXO 1 – MODELO


negrito, letras maiúsculas. DE CAPA
Espaçamento: antes – 12; depois – 6; entre linhas
– 1,5; recuo – nenhum.
Numeração – seqüencial.

Normal Fonte: Times New Roman, 12, justificado, Todo exemplo deve ser
normal, letras maiúsculas onde as regras seguido. Apenas em ocasiões
gramaticais estipular. especiais cabe uma adaptação
Espaçamento: antes – 0; depois – 6; entre linhas –
1,5; recuo – nenhum.

Legenda Fonte: Times New Roman, 10, centralizado, FIGURA 4.1 – Produtividades
normal, letras maiúsculas onde as regras médias
gramaticais estipular. TABELA 2.1 – Distribuição
alunos por série
Espaçamento: antes – 0; depois – 6; entre linhas –
1,5; recuo – nenhum. EQUAÇÃO 7 – Velocidade de
um corpo em função do tempo
Numeração – seqüencial, podendo ser vinculada à
numeração do capítulo a critério do autor
OBS.: no caso de tabelas e/ou quadros, a legenda
deve ser posicionada acima do respectivo
elemento.

3.1 Formatação dos elementos da seção pré-texto


3.1.1 Capa e Contra-capa do trabalho
Dever ser elaboradas em concordância com os modelos indicados no ANEXO 1. para a
capa e no ANEXO 2. para a contra-capa.

9
3.1.2 Dedicatória do trabalho
Será composta por uma única página, sem título, com um ou mais parágrafos com a
dedicatória do trabalho. A formatação deste elemento fica a critério do autor.

3.1.3 Folha de rosto


Também composta por uma única página sem título, a única restrição é o tamanho da
fonte empregada na digitação/redação do texto, que deverá ser tamanho 12, independente do
tipo da fonte.

3.1.4 Agradecimentos
Composta por uma ou duas páginas, este elemento deve ser iniciado com o texto
AGRADECIMENTOS formatado do estilo Título.

3.1.5 Resumo/Abstract
Estes elementos devem dispor de página exclusiva iniciada com o texto
RESUMO/ABSTRACT formatos no estilo Título.
O resumo propriamente dito deve constar em parágrafo único formatado no estilo
Normal com no máximo 200 palavras, deve por sua vez devem resumir todo o trabalho, desde
seu contexto, problema abordado, objetivos, método, resultados e conclusões. Estes elementos
devem ser redigidos em português (resumo) e em inglês (abstract).
Imediatamente após o resumo/abstract devem ser relacionadas as cinco principais
palavras-chave, ou keywords no caso do abstract. Também no estilo normal, apenas as
expressões palavras-chaves e keywords devem estar em negrito.

3.1.6 Sumários e índices


Em seção própria, começando no início da página com o nome do respectivo índice ou
sumário formatado no estilo Título (ex.: ÍNDICE, ÍNDICE DE TABELAS). O corpo do índice
deve seguir a formatação do estilo normal e ao lado de cada tópico deve constar o número da
página em que o tópico é inserido no texto.

3.2 Formatação dos elementos da seção corpo principal do texto


Dedicado aos itens do corpo do texto, que no plano de trabalho são apenas itens, nos
relatórios parciais e finais são capítulos e por isso deve caracterizar uma seção própria,
iniciando sempre no topo da página com o texto que nomeia o capítulo formatado no estilo
Título 1, vale destacar que no caso de um plano de trabalho, não há necessidade de iniciar o
item no todo de uma página.
À medida que o texto for sendo redigido e o autor for julgando necessário ou oportuno,
sub-itens podem ser criados, sempre aplicando o respectivo estilo de Título 2, 3 ou 4 e assim
por diante.
É conveniente salientar que devem constar os seguintes capítulos específicos:
1. Introdução;
2. Método de pesquisa;

10
3. Capítulos de fundamentação teórica, cabendo ao autor decidir sobre a necessidade de
fazer uso de mais de um capítulo;
4. Apresentação e análise dos resultados;
5. Conclusões e considerações finais.
Com relação aos parágrafos de texto, estes deverão ser formatados no estilo Normal.
Entretanto, as citações no corpo do texto devem obedecer à forma adotada na referência,
conforme NBR 10520: Apresentação de citações em documentos (2001). Como por exemplo:
 Conforme Morais et al. (2000) ...

 ... (BRANDÃO; HEINECK, 1998).

 A NBR 6461 (ABNT, 1983a) especifica ....

 Sakai e Sugita (1995) sugerem ...

 ... (SILVA; ROMAN, 2001; LAVELLE, 1998).

 ... bem como proposto na ASTM C-780 (ASTM, 1991).

Quando houver necessidade de notas explicativas a respeito de algum item ou termo


empregado durante a redação do corpo do texto, estas notas devem ser inseridas no rodapé da
respectiva página onde o item ou termo é introduzido no corpo do texto. A numeração destas
notas deve ser seqüencial, sem vinculação ao capítulo, e em algarismos hindu-arábicos.
Quando o autor julgar necessário ou oportuno fazer de elementos auxiliares para facilitar a
compreensão dos leitores, é importante que sejam seguidas as seguintes diretrizes:

 Ilustrações: figuras e fotografias nítidas e gráficas (estritamente indispensáveis para a


clareza do texto) deverão ser assinalados, no texto, pelo seu número de ordem e pela
sua legenda, os locais onde devem ser intercalados. As ilustrações devem estar
inseridas ao longo do texto, o mais próximo possível de sua citação e devidamente
identificadas (número de ordem e legenda). Se as ilustrações inseridas já tiverem sido
publicadas, mencionar a fonte e a permissão para reprodução.

 Quadros e tabelas: deverão ser acompanhados de legenda que permita compreender o


significado dos dados reunidos. Assinalar, no texto, pelo seu número de ordem e sua
legenda, os locais onde devem ser intercalados. Os quadros e tabelas devem ser
inseridos ao longo do texto, o mais próximo possível de sua citação e devidamente
identificados (número de ordem e legenda).

 Fórmulas: as fórmulas deverão ser numeradas e inseridas ao longo do texto.


É conveniente destacar que todos os textos que descrevam estes elementos auxiliares
devem ser formatados com o estilo Legenda.
Após os capítulos devem ser inseridas as referências bibliográficas, iniciando numa
seção própria com o texto REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS formatado no estilo Título 1.
As referências devem ser organizadas em ordem alfabética, de acordo com NBR 6023:
Referências – Elaboração (2002). A título de exemplo, seguem algumas referências para servir
de modelo:

11
AMERICAN SOCIETY FOR TESTING AND MATERIALS (ASTM). ASTM C-780:
Standard test method for preconstruction and construction evaluation of mortars for plain and
reinforced unit masonry. Philadelphia, 1991.
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS (ABNT). NBR 6461: Blocos
cerâmicos para alvenaria: verificação da resistência à compressão. Rio de Janeiro, 1983a.
______. NBR 7211: Agregado para Concreto: especificação. Rio de Janeiro, 1983b.
______. NBR 7184: Blocos vazados de concreto simples para alvenaria: determinação da
resistência à compressão. Rio de Janeiro, 1991.
BARROS, M.M.B. Metodologia para implantação de tecnologias construtivas racionalizadas
na produção de edifícios. 1996. 410 f. Tese (Doutorado em Engenharia Civil) - Escola
Politécnica da Universidade de São Paulo, São Paulo.
BRANDÃO, D.Q.; HEINECK, L.F.M. Classificação das formas de aplicação da flexibilidade
arquitetônica planejada em projetos de edifícios residenciais. In: ENCONTRO NACIONAL
DE TECNOLOGIA DO AMBIENTE CONSTRUÍDO, 7., 1998, Florianópolis. Anais...
Florianópolis: UFSC, ANTAC, 1998. v.2, p. 215-222.
LAVELLE, J.A. Acrylic latex-modified Portland cement. ACI Materials Journal, Detroit, v. 6,
n. 1, p. 41-48, Jan/Feb. 1988.
MORAES,R.C.; ISAIA, G.C.; GASTALDINI, A.L.G. Efeitos da cinza de casca de arroz e
fíler calcário sobre a resistência mecânica do concreto. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE
CONCRETO, 43., 2000, Fortaleza. Anais... Fortaleza: IBRACOM, 2000.
PÓVOAS, Y.V. Tempo em aberto da argamassa colante: método de medida e influência dos
aditivos HEC e resina PVAc. São Paulo, 1999. Dissertação (Mestrado em Engenharia) –
Escola Politécnica, Universidade de São Paulo, São Paulo.
SAKAI, E.; SUGITA, J. Composite mechanism of polymer modified cement. Cement and
Concrete Research, Oxforf, v. 25, n. 1, p. 127-135, 1995.
SILVA, D.A.; ROMAN, H.R. Pastas de cimento modificadas com polímeros HEC e EVA:
estudo da distribuição de tamanho de poros. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE
TECNOLOGIA DAS ARGAMASSAS, 4., 2001, Brasília. Anais... Brasília: PECC; ANTAC,
2001. p. 321-332.
RAPOPORT, A. Environmental cognition in cross-cultural perspective. In: MOORE, G.T.;
GOLLEDGE, R.G. (Ed.). Environmental knowing. Stroudsburg: Dowden, Hutchinson and
Ross, 1976. p. 220-234.
Deve-se evitar, se possível:

 Referências secundárias (apud.)

 Muitas referências para um único argumento;

 Predominância de referências próprias;

12
ANEXOS

13
ANEXO 1. MODELO DE CAPA

14
UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS – UFAL
UNIDADE ACADÊMICA CENTRO DE TECNOLOGIA – CTEC
CURSO DE ENGENHARIA AMBIENTAL

TÍTULO DO TRABALHO

TIPO DE TEXTO

Autor

Local, data

15
ANEXO 2. MODELO DE CONTRA-CAPA

16
UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS – UFAL
UNIDADE ACADÊMICA CENTRO DE TECNOLOGIA – CTEC
CURSO DE ENGENHARIA AMBIENTAL

TÍTULO DO TRABALHO

Relatório final apresentado ao colegiado do


curso de Engenharia Ambiental da
Universidade Federal de Alagoas como
parte integrante dos requisitos para
obtenção de título de Engenheiro Ambiental
_________________________
Orientador com assinatura
_________________________
Co-orientador com assinatura

TIPO DE TEXTO

Autor

Local, data

17
ANEXO 3. MODELO DE FOLHA DE APROVAÇÃO

18
Este relatório foi julgado adequado para obtenção do título de Engenheiro Ambiental e
aprovada em sua forma final pelo orientador e pelo colegiado do curso de Engenharia
Ambiental da Universidade Federal de Alagoas.

Fulano de Tal
Dr. em Engenharia hidráulica e saneamento
Orientador

Cicrano Silva
Coordenador do Curso de Engenharia Ambiental

BANCA EXAMINADORA:

Beltrano dos Santos


Engenheiro Civil pela UFAL
Construtora AEIOU

Belarmino de Oliveira
Mestre em Engenheiro pela UFRGS
Instituto de Estudos de Engenharia

Constantino Junior
Doutor em Administração pela USP
Adm Cnsultoria

19