Você está na página 1de 25

PREPARATÓRIO PARA CONCURSOS EM SAÚDE - 2018

CURSO ESPECÍFICO PARA PSICÓLOGOS


PROFA. IZABELLA CARVALHO
TEMAS:
- ESTATUTO DO IDOSO
- ESTATUTO DA JUVENTUDE
- ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE

01. (FCC – 2016 – TRF/3 – Técnico) Sobre o disposto nos incisos do art. 5º da
Constituição Federal, é INCORRETO afirmar que é:

a) livre o exercício de qualquer trabalho, ofício ou profissão, desde que atendidas as


qualificações profissionais que a lei estabelecer.

b) permitido se reunir pacificamente, sem armas, em locais abertos ao público,


independentemente de autorização ou prévio aviso, desde que a iniciativa não frustre outra
reunião anteriormente convocada para o mesmo local.

c) livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação,


independentemente de censura ou licença.

d) assegurada, nos termos da lei, a prestação de assistência religiosa nos estabelecimentos


penitenciários.

e) livre a criação de associações e, na forma da lei, a de cooperativas, independentemente de


autorização, sendo vedada a interferência estatal em seu funcionamento.

Letra a: Correta. É livre a o exercício de qualquer trabalho, ofício ou profissão, mas a lei pode estabelecer qualificações
para desse exercício. Estamos diante de uma norma de eficácia contida ou restringível. A Constituição Federal
estabelece isto no seu Art. 5º inciso XIII:
XIII - é livre o exercício de qualquer trabalho, ofício ou profissão, atendidas as qualificações profissionais que a lei
estabelecer;
Letra b: Errada. Esse é o gabarito. Como o comando da questão pediu o item incorreto, esse é o item que procuramos.
Vamos ver por quê!?
Todos podem se reunir em locais públicos, sem necessidade de autorização do Estado.
Porém é preciso que as autoridades competentes sejam previamente avisadas sobre a realização da reunião. É o que
estabelece do Art. 5º, inciso XVI da CF/88:
XVI - todos podem reunir-se pacificamente, sem armas, em locais abertos ao público, independentemente de
autorização, desde que não frustrem outra reunião anteriormente convocada para o mesmo local, sendo apenas
exigido prévio aviso à autoridade competente;
Letra c: Correta. O item afirmou exatamente o que consta no Art. 5º, inciso IX, da CF/88:
IX - é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura
ou licença;
Letra d: Correta. Como a CF garante a liberdade de consciência e de crença, logicamente deve ser assegurada a
prestação de assistência religiosa nos locais de internação coletiva, tais como os estabelecimentos penitenciários.
A fundamentação está no Art. 5º, inciso VII, da CF/88:
VII - é assegurada, nos termos da lei, a prestação de assistência religiosa nas entidades civis e militares de internação
coletiva;
Para complementar: o Brasil é um Estado laico, isto é, nem obriga, nem proíbe o exercício de cultos religiosos.
Letra e: Correta. O Estado não pode interferir no funcionamento de associações e de cooperativas. Além do mais, a
criação delas não depende de autorização estatal.
O item afirmou exatamente o que consta no Art. 5º, inciso XVIII, da CF/88:
XVIII - a criação de associações e, na forma da lei, a de cooperativas independem de autorização, sendo vedada a
interferência estatal em seu funcionamento;

02. (FGV – 2015 – TJ/PI – Analista) Pedro, pessoa sem qualquer formação jurídica,
desejava ingressar na casa de Antônio sem a prévia permissão deste último. À luz da
sistemática constitucional, é correto afirmar que esse ingresso:

a) poderia ocorrer, em qualquer horário, para fins de socorro;


b) somente seria possível na hipótese de flagrante delito;

c) somente poderia ocorrer na hipótese de desastre;

d) poderia ocorrer, por ordem judicial, em qualquer horário;

e) somente poderia ocorrer, de dia, na hipótese de flagrante.

Letra a: Correta. A entrada em casa alheia para prestação de socorro pode ocorrer a qualquer hora.
Por exemplo: Mévio está sofrendo um infarto às 02h da manhã. Tício, seu vizinho, ao ouvir o grito de socorro proferido
por Mévio, poderá arrombar a porta da casa deste para prestar-lhe socorro.
Letra b: Errada. Além da situação de fragrante delito, o ingresso em domicílio poderá ocorrer também em caso de:
consentimento do morador, desastre, prestação de socorro e ordem judicial durante o dia.
Letra c: Errada. Veja a justificativa do item anterior.
Letra d: Errada. O ingresso decorrente de ordem judicial somente poderá ocorrer durante o dia.
Letra e: Errada. O ingresso em caso de flagrante delito pode ocorrer a qualquer hora.

03 (ESAF – 2016 – FUNAI) Sobre a temática dos Direitos e Garantias Fundamentais,


assinale a opção correta.

a) É livre o exercício de qualquer trabalho, ofício ou profissão, atendidas as qualificações


profissionais que a lei complementar estabelecer.

b) É livre a manifestação de pensamento, sendo permitido o anonimato.

c) Aos autores pertence o direito exclusivo da utilização, publicação ou reprodução de suas


obras, não transmissíveis aos herdeiros.

d) A criação de associações e, na forma da lei, a de cooperativas independem de autorização,


sendo vedada a interferência estatal em seu funcionamento.

e) A lei não pode restringir a publicidade dos atos processuais.

Letra a: Errada. É livre o exercício de qualquer trabalho, ofício ou profissão, atendidas as qualificações profissionais
que a lei complementar estabelecer.
As qualificações para o exercício profissional podem ser criadas por lei ordinária e não por lei complementar. Vejamos
o Art. 5º, inciso XIII, da CF:
XIII - é livre o exercício de qualquer trabalho, ofício ou profissão, atendidas as qualificações profissionais que a lei
estabelecer;
Quando a Constituição se refere “à lei”, esta lei é ordinária. Caso a CF venha a se referir à Lei Complementar, essa
referência deve ocorrer expressamente (com a palavra complementar).
Letra b: Errada. É livre a manifestação de pensamento, sendo permitido o anonimato.
A Constituição Federal garante a liberdade de pensamento, mas veda (proíbe) o anonimato. Vejamos o Art. 5º, inciso
IV, da CF:
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;
Letra c: Errada. Aos autores pertence o direito exclusivo da utilização, publicação ou reprodução de suas obras, não
transmissíveis aos herdeiros.
Os direitos autorais podem ser transmitidos aos herdeiros, pelo tempo que a lei fixar. Vejamos o Art. 5º, inciso XXVII,
da CF:
XXVII - aos autores pertence o direito exclusivo de utilização, publicação ou reprodução de suas obras, transmissível
aos herdeiros pelo tempo que a lei fixar;
Letra d: Correta. A criação de associações e, na forma da lei, a de cooperativas independem de autorização, sendo
vedada a interferência estatal em seu funcionamento.
A letra d afirma exatamente o que consta no Art. 5º, inciso XVIII, da CF:
XVIII - a criação de associações e, na forma da lei, a de cooperativas independem de autorização, sendo vedada a
interferência estatal em seu funcionamento;
Letra e: Errada. A lei não pode restringir a publicidade dos atos processuais.
A lei pode restringir a publicidade dos atos processuais para proteger a intimidade das pessoas ou o interesse social.
Veja o Art. 5º, inciso LX, da CF:
LX - a lei só poderá restringir a publicidade dos atos processuais quando a defesa da intimidade ou o interesse social o
exigirem;

04. (VUNESP – 2016) Considerando o que estabelece a Constituição Federal a


respeito dos Direitos e Garantias Fundamentais, é correto afirmar que
a) todos podem reunir-se pacificamente, sem armas, em locais abertos ao público, desde
que não frustrem outra reunião anteriormente convocada para o mesmo local, sendo,
todavia, exigida a prévia autorização da autoridade competente.

b) a casa é asilo inviolável do indivíduo, ninguém nela podendo penetrar sem


consentimento do morador, salvo em caso de flagrante delito ou desastre, ou para prestar
socorro, ou, durante a noite, por determinação judicial.

c) no caso de iminente perigo público, a autoridade competente poderá usar de


propriedade particular, não cabendo, neste caso, qualquer tipo de indenização ao
proprietário, mesmo se houver dano.

d) as associações só poderão ser compulsoriamente dissolvidas ou ter suas atividades


suspensas por decisão judicial, exigindo-se, no primeiro caso, o trânsito em julgado.

e) é assegurado a todos o acesso à informação e resguardado o sigilo da fonte, quando


necessário ao exercício profissional, exceto nas hipóteses previstas em lei federal.

Letra a: Errada. Todos podem se reunir independentemente de autorização. Exige-se apenas o aviso prévio à
autoridade competente.
É exatamente isto que prevê o Art. 5º, inciso IV, da CF/88:
XVI - todos podem reunir-se pacificamente, sem armas, em locais abertos ao público, independentemente de
autorização, desde que não frustrem outra reunião anteriormente convocada para o mesmo local, sendo apenas
exigido prévio aviso à autoridade competente;
Para se reunirem em locais públicos, as pessoas não precisam de autorização estatal. No entanto, é preciso atender
aos seguintes requisitos:
Aviso prévio à autoridade competente, por exemplo: polícia militar, órgãos de trânsito etc;
A reunião deve ser pacífica e sem armas;
A reunião não pode frustrar outra previamente marcada para o mesmo local. Por exemplo: os manifestantes pró-
impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff tiveram que desocupar a Avenida Paulista para que os manifestantes
contra o impeachment pudessem se reunir, pois uma reunião estava previamente marcada por eles para aquele local.
Letra b: Errada. No caso de determinação judicial, o ingresso em casa alheia somente pode ocorrer durante o dia.
É exatamente isto que prevê o Art. 5º, inciso XI, da CF/88: XI - a casa é asilo inviolável do indivíduo, ninguém nela
podendo penetrar sem consentimento do morador, salvo em caso de flagrante delito ou desastre, ou para prestar
socorro, ou, durante o dia, por determinação judicial;
Letra c: Errada. A autoridade competente poderá usar de propriedade particular, mas se causar dano ao proprietário
deverá indenizá-lo.
É exatamente isto que prevê o Art. 5º, inciso V, da CF/88:
V - é assegurado o direito de resposta, proporcional ao agravo, além da indenização por dano material, moral ou à
imagem;
Letra d: Correta. Tanto a suspensão das atividades como a dissolução de uma associação somente podem ocorrer por
decisão judicial, sendo que a dissolução somente ocorre por decisão transitada em julgado (da qual não cabe mais
recurso).
É o que estabelece o Art. 5º, inciso XIX da CF/88: XIX - as associações só poderão ser compulsoriamente dissolvidas
ou ter suas atividades suspensas por decisão judicial, exigindo-se, no primeiro caso, o trânsito em julgado;
Letra e: Errada. Uma lei federal não pode trazer exceção ao sigilo da fonte quando este sigilo é necessário ao exercício
profissional. A Constituição Federal não permite nenhum tipo de exceção neste caso.
Vejamos o Art. 5º, inciso XIV, da CF/88:
XIV - é assegurado a todos o acesso à informação e resguardado o sigilo da fonte, quando necessário ao exercício
profissional

05. Julgue V para verdadeiro e F para falso as seguintes proposições:

(f ) Para o Supremo Tribunal Federa l (STF), habeas corpus não é medida idônea
para impugnar decisão judicial que autoriza a quebra de sigilo bancário e fiscal em
procedimento criminal, visto que não decorre constrangimento à liberdade da pessoa
investigada
( f ) A CF preceitua que o Estado não pode usar de meios coercitivos para garantir
a efetividade dos direitos fundamentais

(v) São características inerentes aos direitos fundamentais as suas historicidade e


universalidade.

(v) Os direitos fundamentais são imprescritíveis, visto que podem ser exercidos ou
reclamados a qualquer tempo

a) F, F, V, V

B) V, F, F, V

C) F, F, F, F

D) V, V, V, V

06. Julgue V para verdadeiro e F para falso as seguintes proposições:

(V) É possível a impetração de habeas corpus contra um hospital particular que esteja
privando um paciente do seu direito de liberdade de locomoção.:

(v) O princípio da legalidade não se confunde com o da reserva legal: o primeiro


pressupõe a submissão e o respeito à lei; o segundo se traduz pela necessidade de a
regulamentação de determinadas matérias ser feita necessariamente por lei formal

(v) A CF prevê que não s e concede extradição de estrangeiro por crime político ou
de opinião, porém os brasileiros naturalizados podem ser extraditados e m caso de
crime comum, praticado antes da naturalização

(v) A CF veda interferência do Estado no funcionamento das associações e cooperativas

a) F, F, V, V

B) V, F, F, V

C) F, F, F, F

D) V, V, V, V
a. Os casos de suspeita de maus tratos contra o idoso serão eventualmente
comunicados pelos profissionais de saúde a quaisquer dos seguintes órgãos:
autoridade policial, Ministério Público ou Conselho do Idoso
a. Ao idoso é assegurado o direito de optar pelo tratamento de saúde que lhe for
reputado mais favorável, independentemente de sua condição física ou mental.
a. No caso de idosos abrigados e acolhidos por instituições filantrópicas, é
vedado atendimento domiciliar, incluindo a internação para a população que
dele necessitar e esteja impossibilitada de se locomover.
a. É contraindicada a permanência em tempo integral de familiares e/ou
acompanhantes nos casos de internação de idosos por doença grave
a. É vedada a discriminação do idoso nos planos de saúde pela cobrança de
valores diferenciados em razão da idade

07. Leia com atenção as sentenças e marque V para verdadeiro e F para falso de acordo
com o Estatuto do Idoso, Lei nº 10.741, de 1º de outubro de 2003.
O direito à liberdade do idoso compreende, entre outros, os seguintes aspectos:

( ) - faculdade de ir, vir e estar nos logradouros públicos e espaços comunitários,


ressalvadas as restrições legais;
( ) - participação na vida familiar e comunitária;
( ) - participação na vida política, na forma da lei.

a. F, V e V.
a. F, F e V.
a. V, V e F.
a. V, F e V.
a. V, V e V.

08. Quanto ao Direito à saúde, o § 1º do artigo 15 do Estatuto do Idoso preconiza como a


prevenção e a manutenção da saúde do idoso é efetivada. Neste aspecto, assinale a
alternativa INCORRETA.

A. Cadastramento da população idosa em base territorial e atendimento geriátrico


e gerontológico em ambulatórios
A. Atendimento domiciliar, incluindo a internação, para a população que dele
necessitar e esteja impossibilitada de se locomover, inclusive para idosos
abrigados e acolhidos por instituições públicas, filantrópicas ou sem fins lucrativos
e eventualmente conveniadas com o Poder Público, nos meios urbano e rural
A. Atendimento especial no Sistema Único de Saúde – SUS, aos idosos
portadores de doenças que afetam preferencialmente aos idosos
A. Unidades geriátricas de referência, com pessoal especializado nas áreas de
geriatria e gerontologia social e reabilitação orientada pela geriatria e gerontologia,
para redução das sequelas decorrentes do agravo da saúde.

09. Referente aos direitos fundamentais do idoso, marque a alternativa INCORRETA


a. Do direito à vida – arts. 8º e 9º – o direito ao envelhecimento é um direito de
todo ser humano, daí o Estatuto considerá-lo um direito personalíssimo
a. O respeito e a dignidade decorrem do pleno exercício de sua liberdade,
entendendo-se liberdade como autonomia, como capacidade de exercer com
consciência os seus direitos, sendo dever do Estado colocar o idoso a salvo de
qualquer tratamento desumano ou constrangedor
a. O Poder Público deve fornecer aos idosos, gratuitamente, medicamentos,
especialmente os de uso continuado
a. Direito às próteses, órteses e outros recursos relativos ao tratamento, habilitação e
reabilitação

10. Assinale a alternativa incorreta tendo como referência o Estatuto do Idoso, Lei nº.
10.741, de 1º de outubro de 2003:

a. O acolhimento de idosos em situação de risco social, por adulto ou núcleo


familiar, caracteriza a dependência econômica, para os efeitos legais
a. Toda instituição dedicada ao atendimento ao idoso fica obrigada a manter
identificação externa visível, sob pena de interdição, além de atender toda a
legislação pertinente
a. As entidades que desenvolvam programas de institucionalização de longa
permanência adotarão os seguintes princípios, entre outros: preservação dos
vínculos familiares e atendimento em grandes grupos
a. Aos maiores de 65 (sessenta e cinco) anos fica assegurada a gratuidade dos
transportes coletivos públicos urbanos e semi-urbanos, exceto nos serviços
seletivos e especiais, quando prestados paralelamente aos serviços regulares.
a. É assegurada a reserva, para os idosos, nos termos da lei local, de 5% (cinco
por cento) das vagas nos estacionamentos públicos e privados, as quais
deverão ser posicionadas de forma a garantir a melhor comodidade ao idoso

(UFPEL – 2016) A Lei nº 12.852, de 05 de agosto de 2013, que institui o Estatuto da


Juventude, em seu art. 4º preconiza que o jovem tem direito à participação social e
política e na formulação, execução e avaliação das políticas públicas de juventude.
Baseado na Lei, o que se entende por participação juvenil?

A. O incentivo à criação de conselhos de juventude em todos os entes da federação.

B. A participação individual do jovem em ações que contemplem a defesa dos direitos da

juventude, ou de temas que afetam aos jovens.


C. Garantir meios e equipamentos que promovam o acesso à produção cultural, à prática

esportiva, à mobilidade territorial e à fruição do tempo livre.

D. A efetiva inclusão dos jovens nos espaços públicos de decisão com direito a voz e voto.

E. Promoção da autonomia e emancipação dos jovens.

02. (PREFEITURA DE MOSSORÓ 2013) A Lei 12.852/13 institui o Estatuto da Juventude e

dispõe sobre os direitos dos jovens, os princípios e diretrizes das políticas públicas de

juventude e o Sistema Nacional de Juventude - SINAJUVE. Para os efeitos dessa Lei, são

considerados jovens:

A. Pessoas com idade entre 15 e 21 anos e, em caráter excepcional, aquelas pessoas até os

18 anos de idade, desde que não conflitem com as normas de proteção integral previstas pelo

Estatuto da Criança e do Adolescente.

B. Pessoas com idade entre 15 e 29 anos e, em caráter excepcional, aquelas de idade

compreendida entre 15 e 18 anos, desde que não conflitem com as normas de proteção

integral previstas pelo Estatuto da Criança e do Adolescente.

C. Pessoas com idade entre 18 e 29 anos posto que aquelas com idade entre 15 e 18 anos

encontram-se sob a proteção integral do estatuto da Criança e do Adolescente.

D. Pessoas com idade entre 12 e 21 anos e, em caráter excepcional, aquelas de idade

compreendida entre 12 e 18 anos, desde que não conflitem com as normas de proteção

integral previstas pelo Estatuto da Criança e do Adolescente.

03. (PREFEITURA DE MOSSORÓ 2013) Considere as seguintes competências em relação à

implantação do Sistema Nacional de Juventude – SINAJUVE (Lei Nº 12.852/13):

I. Formular, coordenar a execução da Política Nacional de Juventude e coordenar e manter o

SINAJUVE.

II. Criar, desenvolver e manter programas, ações e projetos para a execução das políticas

públicas de juventude.
III. Cofinanciar, com os demais entes federados, a execução de programas, ações e projetos

das políticas públicas de juventude.

IV. Convocar e realizar, em conjunto com o Conselho Municipal de Juventude, as Conferências

Municipais de Juventude, com intervalo máximo de 4 (quatro) anos

São consideradas competências do Município os itens:

A. Apenas I e IV.

B. I, II e IV.

C. II, III e IV.

D. Apenas II e III.

Ano: 2016

Banca: IF-PE

Órgão: IF-PE

De acordo com os direitos do jovem, dispostos no Estatuto da Juventude (Lei nº 12.852/13),


assinale a alternativa CORRETA.

a) O jovem tem direito à educação de qualidade, com a garantia de educação básica,


obrigatória e gratuita desde que apresente desempenho escolar adequado.

B) O jovem tem direito à participação social e política, mas não participa da formulação,
execução e avaliação das políticas públicas de juventude.

c) O jovem tem direito à diversidade e à igualdade de direitos e de oportunidades e não será


discriminado por motivo de: I - etnia, raça, cor da pele, cultura, origem, idade e sexo; II -
orientação sexual, idioma ou religião; III - opinião, deficiência e condição social ou
econômica.

d) O jovem tem direito à profissionalização, ao trabalho e à renda, exercido em condições de


liberdade, equidade e segurança, adequadamente remunerado e sem proteção social.

e) O jovem tem direito à saúde e à qualidade de vida, mas não serão consideradas suas
especificidades na dimensão da prevenção, promoção, proteção e recuperação da saúde de
forma integral.

Ano: 2016

Banca: UFPel-CES

Órgão: UFPEL
Prova: Assistente Social

Resolvi certo

A Lei nº 12.852, de 05 de Agosto de 2013, que institui o Estatuto da Juventude, em seu art.
4º preconiza que o jovem tem direito à participação social e política e na formulação,
execução e avaliação das políticas públicas de juventude. Baseado na Lei, o que se
entende por participação juvenil?

a)

O incentivo à criação de conselhos de juventude em todos os entes da


federação.

b)

A participação individual do jovem em ações que contemplem a defesa dos


direitos da juventude, ou de temas que afetam aos jovens.

c)

Garantir meios e equipamentos que promovam o acesso à produção cultural, à


prática esportiva, à mobilidade territorial e à fruição do tempo livre.

d)

A efetiva inclusão dos jovens nos espaços públicos de decisão com direito a
voz e voto.

e)

Promoção da autonomia e emancipação dos jovens.

Ano: 2014

Banca: COPESE - UFPI

Órgão: UFPI

Prova: Assistente Social

Uma situação incomum, mas não rara, nas instituições de educação superior
é o ingresso de cidadãos na faixa etária de 15 a 18 anos. Aos cidadãos nesta
faixa etária aplica-se:

a)

O Estatuto da Juventude, instituído pela lei nº 12.852, de 5 de agosto de 2013.

b)
O Estatuto da Juventude, instituído pela lei nº 12.852, de 5 de agosto de 2013
e, excepcionalmente, o Estatuto da Criança e do Adolescente, instituído pela lei
nº 8.069, de 13 de julho de 1990, nos casos relacionados à proteção familiar.

c)

O Estatuto da Juventude, instituído pela lei nº 12.852, de 5 de agosto de 2013


e, excepcionalmente, o Estatuto da Criança e do Adolescente, instituído pela lei
nº 8.069, de 13 de julho de 1990, nos casos relacionados à precedência de
atendimento nos serviços públicos.

d)

O Estatuto da Criança e do Adolescente, instituído pela lei nº 8.069, de 13 de


julho de 1990.

e)

O Estatuto da Criança e do Adolescente, instituído pela lei nº 8.069, de 13 de


julho de 1990 e, excepcionalmente, o Estatuto da Juventude, instituído pela lei
nº 12.852, de 5 de agosto de 2013, quando não conflitar com as normas de
proteção integral do adolescente.

Ano: 2017

Banca: PUC-PR

Órgão: TJ-PR

Prova: Analista Judiciário - Psicologia

(+ provas)

A Lei 12.852/2013, que institui o Estatuto da Juventude, estabelece a


garantia de alguns direitos às pessoas entre 15 (quinze) e 29 (vinte e nove)
anos, consideradas como jovens para efeitos legais. De acordo com as suas
disposições, assinale a alternativa que indica um desses direitos
expressamente fixados na referida legislação:

a)

direito à liberdade de expressão.

b)
direito à prisão especial.

c)

direito a acesso gratuito a todas as modalidades de transporte público.

d)

direito a plano de saúde.

e)

direito de obter acesso gratuito a espetáculos musicais e circenses.

Ano: 2016

Banca: IDECAN

Órgão: Prefeitura de Natal - RN

Prova: Advogado

Resolvi errado

Sobre o tratamento que o Estatuto da Juventude – Lei nº 12.852, de 5 de


agosto de 2013 – dá ao Direito ao Desporto e ao Lazer, analise as afirmativas.

I. O jovem tem direito à prática desportiva destinada a seu pleno desenvolvimento, com
prioridade para o desporto de rendimento.

II. O direito à prática desportiva dos adolescentes deverá considerar sua condição
peculiar de pessoa em desenvolvimento.

III. Todas as escolas deverão buscar pelo menos um local apropriado para a prática de
atividades poliesportivas.

Está(ão) correta(s) a(s) afirmativa(s)

a)

I, II e III.

b)
I, apenas.

c)

I e II, apenas.

d)

II e III, apenas.

Ano: 2014

Banca: IF-SC

Órgão: IF-SC

Prova: Técnico Administrativo

A respeito das garantias de acesso e permanência escolar, assinale a opção


INCORRETA.

a)

O Plano Nacional de Assistência Estudantil, regulamentado pelo Decreto 7.234,


de 19 de julho de 2010, tem como finalidade ampliar as condições de
permanência escolar.

b)

A igualdade nas condições de acesso e permanência são princípios presentes


na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – LDB 9394/96.

c)

A democratização do acesso e permanência escolar são princípios garantidos


nas Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio e nas Diretrizes
Curriculares Nacionais para a Educação Profissional Técnica de Nível Médio.

d)

Além do direito à educação, a Constituição Federal Brasileira de 1988 garante a


igualdade nas condições de acesso e permanência escolar.

e)

A democratização do acesso e permanência escolar são direitos assegurados


no Estatuto da Juventude, Lei 12.852, de agosto de 2013.
??.

1 A política de atendimento dos direitos da criança e do adolescente adota as


) seguintes ações:

1) serviços de assistência social, em caráter supletivo, para aqueles que deles


necessitem.
2) serviços especiais de prevenção e atendimento médico e psicossocial às
vítimas de negligência, maus-tratos, exploração, abuso, crueldade e opressão.
3) serviço de identificação e localização dos pais, responsável, crianças e
adolescentes desaparecidos.

Constam do ECA, os itens:

A. 1 e 2 apenas
B. 1 e 3 apenas
C. 1, 2 e 3
D. 2 e 3 apenas
?? O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), em seu Capítulo III, postulando em
relação ao Direito à Convivência Familiar e Comunitária, garante que toda criança ou
adolescente tem direito a ser criado e educado no seio da sua família e,
excepcionalmente, em família substituta, assegurada a convivência familiar e comunitária,
em ambiente livre da presença de pessoas dependentes de substâncias entorpecentes.
Partindo-se dessa perspectiva e tomando esse capítulo do ECA como base, assinale a
alternativa correta:

A. Na apreciação do pedido de colocação em família substituta levar-se-á em


conta o grau de parentesco e a relação de afinidade ou de afetividade, a fim de
evitar ou minorar as consequências decorrentes da medida.
A. Os grupos de irmãos serão colocados sob adoção, tutela ou guarda da mesma
família substituta independente de qualquer excepcionalidade.
A. A colocação da criança ou adolescente em família substituta será precedida de
sua preparação gradativa e acompanhamento posterior, realizados pela equipe
interprofissional a serviço da Justiça da Infância e da Juventude,
obrigatoriamente com o apoio dos técnicos responsáveis pela execução da
política municipal de garantia do direito à convivência familiar.
A. Salvo expressa e fundamentada determinação em contrário, da autoridade
judiciária competente, ou quando a medida for aplicada em preparação para
adoção, o deferimento da guarda de criança ou adolescente a terceiros impede o
exercício do direito de visitas pelos pais, assim como o dever de prestar alimentos,
que serão objeto de regulamentação específica, a pedido do interessado ou do
Ministério Público.
A. A tutela será deferida, nos termos da lei civil, a pessoa acima 18 completos.

??? A colocação em família substituta far-se-á mediante:

a. Guarda, Tutela ou Adoção


a. adoção, Tutela ou Curatela.
a. Abrigamento, Tutela ou Guarda.
a. Acolhimento Familiar, Guarda ou Adoção.
a. Guarda, Curatela ou Acolhimento familiar.

??? Segundo o Estatuto da Criança e do Adolescente, no seu art. 122, a medida de


regressão deverá ser aplicada quando ocorrer

a. Descumprimento reiterado e injustificável da medida anteriormente imposta


a. Quando os direitos dos adolescentes forem ameaçados ou violados;
a. Por falta, omissão ou abuso dos pais ou responsável;
a. Por omissão da sociedade ou do Estado.

??? No que diz respeito à prática de Ato Infracional é correta a seguinte proposição:

a. Considera-se ato infracional a conduta descrita tãosomente como


contravenção penal.
a. O adolescente civilmente identificado não será submetido à identificação
compulsória em nenhuma hipótese.
a. Ao ato infracional praticado por criança corresponderão às medidas sócio-
educativas.
a. O adolescente civilmente identificado não será submetido à identificação
compulsória pelos órgãos policiais, de proteção e judiciais, salvo para efeito de
confrontação, havendo dúvida fundada.

??? Constitui crime descrito no Estatuto da Criança e do Adolescente a seguinte conduta:

a. Deixar o médico, professor ou responsável por estabelecimento de atenção à


saúde e de ensino fundamental, pré-escola ou creche, de comunicar à
autoridade competente os casos de que tenha conhecimento, envolvendo
suspeita ou confirmação de maus tratos contra criança ou adolescente;
a. Hospedar criança ou adolescente, desacompanhado dos pais ou responsável ou
sem autorização escrita destes, ou da autoridade judiciária, em hotel, pensão,
motel ou congênere
a. Impedir ou embaraçar a ação de membro do Conselho Tutelar no exercício de
função prevista no Estatuto da Criança e do Adolescente
a. Vender ou locar para criança ou adolescente fita de programação em vídeo, em
desacordo com a classificação atribuída pelo órgão competente
a. Impedir o responsável ou funcionário de entidade de atendimento que o
adolescente privado de liberdade aviste-se reservadamente com o seu
defensor

??? De acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente- Art. 36º: A tutela será
deferida, nos termos da lei civil, a pessoa de até:

a. 15 anos incompletos.
a. 16 anos incompletos.
a. 17 anos incompletos.
a. 18 anos incompletos.

??? Alice está indignada com sua filha, de 16 anos, que está grávida de 3 meses. Diante
desse fato, Alice expulsou a filha de casa.
Com base no enunciado e no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), Lei nº
8.069/1990, assinale a alternativa correta.

a. Aos 16 anos de idade, atinge-se o pleno desenvolvimento.


a. Aos 16 anos de idade, a filha já é independente.
a. A gravidez proporcionou a emancipação da filha.
a. A mãe violou o princípio da proteção integral.
a. A responsabilidade da mãe finalizou aos 12 anos de idade da filha.
??? O Artigo 56 da Lei Federal 8069/90, estabelece que os dirigentes de estabelecimentos
de ensino fundamental comunicarão ao Conselho Tutelar os casos de:
I-maus-tratos envolvendo seus alunos;
II-reiteração de faltas injustificadas e de evasão escolar, esgotados os recursos escolares;
III-elevados níveis de repetência.

a. Apenas as afirmativas I e II estão corretas.


a. Apenas as afirmativas I e III estão corretas.
a. Apenas as afirmativas II e III estão corretas.
a. Todas as afirmativas estão corretas.

??? De acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente, o direito à liberdade


compreende os seguintes aspectos, salvo:

a. Buscar refúgio, auxílio e orientação.


a. Ir, vir e estar nos logradouros públicos e espaços comunitários, ressalvadas as
restrições legais.
a. Participar da vida política, na forma de lei complementar.
a. Crença e culto religioso

(DPE PA - FMP - 2015) Sobre o processo e a aplicação das medidas socioeducativas,


segundo o entendimento pacificado dos tribunais superiores, é CORRETO afirmar que:
a) a regressão da medida socioeducativa prescinde da oitiva do adolescente infrator.

b) o ato infracional análogo ao tráfico de drogas conduz obrigatoriamente à imposição de


medida socioeducativa de internação do adolescente.

c) a prescrição penal não é aplicável às medidas socioeducativas.

d) é possível o acompanhamento socioeducativo de maiores de 21 anos, quando o ato


infracional for cometido antes de o adolescente completar dezoito anos.

e) é nula a desistência de outras provas em face da confissão do adolescente infrator.

Degase - CEPERJ
O artigo 172 do ECA determina que, quando um adolescente é apreendido em flagrante de
ato infracional, deve ser, desde logo, encaminhado:

 a) à autoridade policial competente

 b) a um programa específico de atendimento, conforme o caso

 c) ao Conselho Tutelar

 d) aos seus pais ou ao seu responsável


 e) à entidade de internação mais próxima

 Prefeitura de Santo André SP - CAIPIMES - 2011


 O Art. 86 do Estatuto determina que “A política de atendimento dos direitos da
criança e do adolescente far-se-á através de um conjunto articulado de ações
governamentais e não-governamentais, da União, dos estados, do Distrito
Federal e dos municípios”. Além das políticas sociais básicas, fazem parte das
linhas de ação da política de atendimento: Art. 87

►políticas e programas de assistência social, em caráter supletivo, para aqueles


que deles necessitem.
►serviços especiais de prevenção e atendimento médico e psicossocial às vítimas
de negligência, maus-tratos, exploração, abuso, crueldade e opressão.
►serviço de identificação e localização de pais, responsável, crianças e
adolescentes desaparecidos.
►proteção jurídico-social por entidades de defesa dos direitos da criança e do
adolescente.
►políticas e programas destinados a prevenir ou abreviar o período de
afastamento do convívio familiar e a garantir o efetivo exercício do direito à
convivência familiar de crianças e adolescentes.
►campanhas de estímulo ao acolhimento sob forma de guarda de crianças e
adolescentes afastados do convívio familiar e à adoção, especificamente inter-
racial, de crianças maiores ou de adolescentes, com necessidades específicas de
saúde ou com deficiências e de grupos de irmãos.

Estão corretas de acordo com o ECA:


 a) apenas cinco afirmações.

 b) apenas três afirmações.

 c) todas as afirmações.

 d) apenas duas afirmações.

DPE BA - UNEB - 2014


 Conforme as determinações do Estatuto da Criança e do Adolescente, entende-se
por família ampliada
 a) a formada pelos pais, conjunta ou separadamente, e por parentes próximos com
vínculos constituídos por testamento, mediante escritura ou outro documento
público, qualquer que seja a origem da filiação.

 b) aquela constituída pelos pais e seus descendentes, seja o vínculo constituído


mediante escritura ou outro documento público, qualquer que seja a origem da
filiação.
 c) a formada para além da unidade dos pais e filhos ou da unidade do casal, ou
seja, constituída por parentes próximos, até o quarto grau, com os quais a criança
ou o adolescente convive e mantém vínculos biológicos.

 d) aquela que se estende para além da unidade dos pais e filhos ou da unidade do
casal, formada por parentes próximos com os quais a criança ou o adolescente
convive e mantém vínculos de afinidade e afetividade.

 e) aquela formada pelos pais e seus descendentes, seja o vínculo constituído


mediante escritura ou outro documento particular, desde que o vínculo seja
biológico.

Fundação Casa - VUNESP - 2012


 Conforme estabelece, expressamente, o Estatuto da Criança e do Adolescente, no
tocante ao Direito à Vida e à Saúde, os casos de suspeita ou confirmação de
maus-tratos contra criança ou adolescente serão, sem prejuízo de outras
providências legais, obrigatoriamente comunicados à (ao)
 a) Delegacia de Polícia mais próxima.

 b) Conselho Tutelar da respectiva localidade.

 c) Promotor Público.

 d) Ministério da Infância e da Juventude.

 e) Defensoria Pública.

 Decretada a internação de um adolescente pela autoridade judiciária, o artigo 185


do ECA determina que a medida:
 a) poderá ser cumprida em repartição policial, pelo prazo máximo de dois meses

 b) não poderá ser cumprida em estabelecimento prisional

 c) somente poderá ser cumprida em entidade de internação aprovada pelo


adolescente

 d) deverá ser cumprida em entidade para abrigo de adolescentes

 e) poderá ser cumprida na residência do adolescente, sob responsabilidade dos


pais

 O Estatuto elenca os princípios que as entidades que desenvolvem programas de


acolhimento familiar ou institucional devem adotar, dentre os quais não se inclui:
 a) o desmembramento de grupos de irmãos.

 b) a preservação dos vínculos familiares e promoção da reintegração familiar.


 c) a integração em família substituta, quando esgotados os recursos de
manutenção na família natural ou extensa.

 d) o atendimento personalizado e em pequenos grupos.

 De acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente, o deferimento da tutela


pressupõe a prévia decretação da
 a) adoção provisória.

 b) perda ou suspensão do poder familiar.

 c) vara de família.

 d) suspensão do pátrio poder.

 e) necessidade de profissional para acompanhar o processo

GABARITO

01. D 02. D 03. B 04. A

05. D 06. E 07. C 08. B

09. D 10. D 11. A 12. A

13. B 14. A 15. D 16. C

17. B 18. B 19. A 20. B

21. D 22. D 23. A 24. B

25. E 26. E 27. C 28. B

29. A 30. B 31. C 32. A

33. D 34. A 35. E 36. C

COMENTARIO QUESTAO 01

De acordo com o Estatuto da Juventude, art. 4° o jovem tem direito à participação social e política e na formulação,

execução e avaliação das políticas públicas de juventude. E de acordo com o parágrafo único, do mesmo artigo

entende-se por participação juvenil:


 a inclusão do jovem nos espaços públicos e comunitários a partir da sua concepção como pessoa ativa, livre,

responsável e digna de ocupar uma posição central nos processos políticos e sociais;

 o envolvimento ativo dos jovens em ações de políticas públicas que tenham por objetivo o próprio benefício,

o de suas comunidades, cidades e regiões e o do País;

 a participação individual e coletiva do jovem em ações que contemplem a defesa dos direitos da juventude

ou de temas afetos aos jovens; e

 a efetiva inclusão dos jovens nos espaços públicos de decisão com direito a voz e voto.

COMENTARIO QUESTAO 03

De acordo com o Estatuto da Juventude, art. 43 compete aos Municípios:

 coordenar, em âmbito municipal, o Sinajuve;

 elaborar os respectivos planos municipais de juventude, em conformidade com os respectivos Planos

Nacional e Estadual, com a participação da sociedade, em especial da juventude;

 criar, desenvolver e manter programas, ações e projetos para a execução das políticas públicas de

juventude;

 convocar e realizar, em conjunto com o Conselho Municipal de Juventude, as Conferências

Municipais de Juventude, com intervalo máximo de 4 (quatro) anos;

 editar normas complementares para a organização e funcionamento do Sinajuve, em âmbito municipal;

 cofinanciar, com os demais entes federados, a execução de programas, ações e projetos das

políticas públicas de juventude; e

 estabelecer mecanismos de cooperação com os Estados e a União para a execução das políticas públicas

de juventude.

O item I está incorreto, pois diz respeito a uma competência da União (art. 41, inciso I) e não do Município .
Ano: 2018

Banca: UECE-CEV

Órgão: DETRAN-CE

Prova: Assistente de Atividade de Trânsito e Transporte

Resolvi certo

O programa do Governo Federal que concede, mediante pré-requisitos, bolsa


de estudo integral ou parcial em cursos de graduação e sequenciais de
formação específica ofertados por instituições de ensino superior privadas é
denominado

a)
Programa Universidade para Todos (PROUNI)Ano: 2018

Banca: UECE-CEV

Órgão: DETRAN-CE

Prova: Assistente de Atividade de Trânsito e Transporte

No Brasil, o primeiro sistema de divisão política para fins de controle


administrativo, instituído pela Coroa portuguesa, foi o de

a)

Capitanias Hereditárias.

b)

Províncias.

c)

Estados Federados.

d)

Colônias.

b)

Programa de Bolsa Permanente (PBP).

c)

Programa Ciência sem Fronteiras.

d)

Fundo de Financiamento Estudantil (FIES).

Ano: 2018

Banca: UECE-CEV

Órgão: DETRAN-CE

Prova: Assistente de Atividade de Trânsito e Transporte


Resolvi certo

Durante o período de 1969 a 1973, o Brasil registrou um excepcional e invejável crescimento


econômico, muito embora, paralelamente, as desigualdades sociais tenham sido
acentuadas e a classe trabalhadora tenha sofrido com arrocho salarial. Esse período
ficou conhecido na história do Brasil como

a)

onda de estagnação.

b)

milagre econômico brasileiro.

c)

ciclo de financeirização do capital.

d)

reprimarização ou desindustrialização da economia.

Provas: FUNDEP (Gestão de Concursos) - 2018 - Prefeitura de Bom Jesus do Amparo - MG -


Assistente Social
Disciplina: Serviço Social - Assuntos:

O Sistema Único de Assistência Social (SUAS) vem se consolidando e a discussão sobre a


gestão administrativa e os recursos financeiros e humanos carecem de uma atenção
maior, devido à sua importância para a consolidação do Sistema. A assimilação por todos
os trabalhadores – os servidores públicos, os trabalhadores das entidades e organizações
sem fins lucrativos, conselheiros, entre outros – da Política Pública de Assistência Social é
um desafio a se enfrentar. Por isso, aspectos importantes da gestão são fundamentais: a
descentralização, o financiamento, o controle social e a política de recursos humanos. A
Norma Operacional Básica do SUAS (2012) aponta diretrizes e princípios para a política
de assistência social. Analise os princípios organizativos do SUAS a seguir.

I. Universalidade: todos têm direito à proteção socioassistencial, prestada a quem dela


necessitar, com respeito à dignidade e à autonomia do cidadão, sem discriminação de
qualquer espécie ou comprovação vexatória da sua condição.

II. Gratuidade: a assistência social deve ser prestada sem exigência de contribuição ou
contrapartida, observado o que dispõe o art. 35, da Lei Nº 10.741, de 1º de outubro de
2003 – Estatuto do Idoso.

III. Integralidade da proteção social: oferta das provisões em sua completude, por meio
de conjunto articulado de serviços, programas, projetos e benefícios socioassistenciais.
IV. Intersetorialidade: integração e articulação da rede socioassistencial com as demais
políticas e órgãos setoriais.

Está(ão) correto(s) o(s) princípio(s):

 a) II e IV, apenas.
 b) I, II, III e IV.
 c) I e III, apenas.
 d) III, apenas.

Provas: FADESP - 2018 - BANPARÁ - Assistente Social


Disciplina: Serviço Social - Assuntos:

Em relação ao Benefício de Prestação Continuada – BPC – da LOAS, o Estatuto


do Idoso estabelece que

 a) o BPC será assegurado aos idosos a partir de 55 anos que não possuam meios para
prover a sua subsistência, nem de tê-la provida por sua família.
 b) o BPC será assegurado aos idosos a partir de 67 anos que não possuam meios para
prover a sua subsistência, nem de tê-la provida por sua família.
 c) o BPC será assegurado aos idosos a partir de 70 anos e as pessoas com deficiência que
não possuam meios para prover a sua subsistência, nem de tê-la provida por sua família.
 d) o BPC será assegurado aos idosos a partir de 65 anos que não possuam meios para
prover a sua subsistência, nem de tê-la provida por sua família.
 e) o BPC será assegurado aos idosos a partir de 60 anos que não possuam meios para
prover a sua subsistência, nem de tê-la provida por sua família.