Você está na página 1de 27

1

OS MISTÉRIOS QUE
ENVOLVEM

A ANOMALIA PRIMÁRIA

Miho Hirano

E O SAGRADO
FEMININO

VIA MARIA, EVA E


PISTIS SOPHIA!
Helena Schaffner
2

Imaginem que depois que houve uma Queda


ocorreu uma Criação parcialmente contaminada, que,
com o decorrer dos tempos, se “tornou normal” onde
também se tornou normal achar que a dor e
sofrimentos são partes do Plano Divino e que para
evoluir precisamos, enfim, sofrer...

Agora imaginem que numa empresa


controlada por um Diretor do mal, tendo uma equipe
do mal, se estabeleça que quanto mais um
funcionário sofrer, mais alto subirá! Você diria que
isso é evoluir? Você diria que um PAI-AMOR, um
DIRETOR-AMOR iria exigir algo assim absurdo?

Pois bem: essa foi a estratégia de Lúcifer! Ele


achou que privando os Seres da LUZ E DO AMOR DO
PAI, ao sofrerem com tal privação, eles iriam
desenvolver um mais alto grau ainda de Luz e Amor...
ampliando a GLÓRIA DO PAI!!!!! Agora pensem bem
se o PAI iria querer ser glorificado mediante dores
absurdas e irracionais? Que pai ia querer isso? Nem
um pai terreno, muito menos um Pai Celeste.

<<< 1/27 PÁGINAS >>>


INTRODUÇÃO
3
Se alguém ainda acha que o sofrimento representa a Vontade Deus... talvez
esteja na hora de ler este artigo e outros, e começar a usar a mente racional e
simples e se perguntar se um Pai ou Mãe acharia natural ver um Filho sofrer
os embates mais terríveis?

Agora imagine se um PAI-AMOR assim o quis! Já escrevi muito sobre o


quanto é anormal a maioria da Humanidade aceitar de que sofrer é normal...
e ainda por cima acreditarem ser a Vontade do Pai!!!

Sim é normal num mundo gerado pela Queda! E para nos manter em queda,
aprisionados, ignorantes e escravos de um seleto grupo de seres - alguns com
nomes pomposos – que tem seus Office boys humanos desde a Queda da
Atlântida, INVENTAM-SE todos os tipos de teorias, explicações e outros
absurdos para JUSTIFICAR A DOR PARA EVOLUIR!

Desde os 28 anos que me rebelo contra qualquer teoria que busque


JUSTIFICAR A DOR – aos 28 dei-me ao luxo de xingar com Deus por noites a
fio, perguntando se não podia ter criado algo melhor! E isso, que na época
nem sonhava que existia o deus-da-queda. E apenas confiava e acreditava no
PAI e sendo Pai ele ia entender esta sua filha inconformada com tantos
disparates (e eu nem ousava em sonhar com as crueldades que hoje temos
acesso e que nem tenho coragem de ver, mas só de saber por alto, já me
basta). Cheguei a dizer: eu teria algo melhor! Sim... e hoje sei o quanto estava
no caminho certo, não de que eu teria feito algo melhor, mas que este mundo,
escravo da dor, da fome, da ignorância, NÃO FOI CRIADO PELO PAI!

Hora de ACORDAR mesmo E MUITO RAPIDAMENTE...

Porque o que vem pela frente vai varrer todos os erros cometidos desde o
alvorecer de nossa criação neste Planeta – sem entrar no mérito dos demais,
embora o artigo vá tocar neste tema complexo, mas mais para uma reflexão do
que para prometer uma resposta desta envergadura e se a tivesse, não seria
de minha autoria, e sim da soma de leituras de qualidade neste quesito. E
aqui sobra muito pouca literatura... e a que sobra é considerada herética pela
Equipe da Queda como a tenho chamado às vezes, pois eles não querem que
abramos os olhos e sintamos primeiro um choque sem precedentes, e depois
vergonha, como Eva (ou Maria, ou Sophia), de nossos erros ou de nossa
cegueira!

Mas nós, criaturas geradas cegas, não temos CULPA ALGUMA, nem tampouco
Maria ou Pistis Sophia no sentido da palavra CULPA, mas são sim
RESPONSÁVEIS pelo fato de que de seu erro inicial ter-se gerado uma
CRIAÇÃO ANÔMALA... Para mais detalhes, vão lendo... e não se importem em
acreditar, em não acreditar, leiam apenas e “deixem” o lido como reserva. Aos
poucos o mundo provará esta verdade, porque estamos chegando no Fim dos
Tempos, onde o Apocalipse que todos sabem – imagino – que significa
Revelação, será parte do gran finale, ou seja;
- SABEREMOS A VERDADE E A VERDADE NOS LIBERTARÁ DE VERDADE!
4
Pois as Verdades que nos tem vendido os Seres que controlam a Humanidade
desde a Atlântida, ou Suméria se preferirem, são todas mescladas com erros
propositais, alguns bem sutis, para justamente a gente nunca acordar e
perceber ao engano e engodo a que temos sido submetidos. Pois pior que
contar uma mentira bem contada, é mesclar meias verdades com verdades –
daí só mesmo mestres para destrinchar este jogo – e hoje, milhões do
movimento new age e esotérico estão nesta lista, da qual se julgavam livres,
inclusive cristãos, espíritas e todas as vertentes! Inclusive eu venho caindo
sempre de novo em algum conto bem contado... Incrível como é grande a
sutileza do mal, que não tem cara de mal! EIS O PERIGO FATAL A QUE
TEMOS SIDO SUBMETIDOS! Mesmo porque, quando surge alguma Luz pelo
Planeta, se possível, a Equipe da Queda vai lá e dá um jeito de subverter os
ensinamentos se infiltrando... e tal como sapo que é sendo cozido
lentamente... até alguém acordar é tarde! Aliás, falando nisso:

Vamos acordar mais um pouco?

Se existiu Jesus e ele existiu, pois CRISTO é a Força Redentora lançada pelo
PAI para salvar as criaturas presas ao falso-deus, então vamos considerar que
os mundos que não foram contaminados pela Queda ou gerados por ela, são
mundos de luz, de harmonia, mas que diante da Queda que tomou proporções
gigantes, também esta parcela está, em parte, paralisada em sua “evolução”
sem dor – porque o TODO precisa de TODOS para atingir seu propósito de
voltar ao PAI COMO TODOS SENDO UM! Entenda quem puder! (Este conceito
não é meu – de Aivanhov ou de algum outro do grupo).

Portanto, se existiu Jesus, existiu algo ou alguém como Eva, que cometeu
uma falha, não um pecado no sentido das igrejas – e que ao se dar conta do
ocorrido e ao buscar “resgatar sua falha”, torna-se Maria, Mãe do Salvador
(neste sentido sim, mas não por ter sido morto – ele já era um salvador por ter
nascido como Homem no Planeta Terra, o mais perdido e controlado pela
Equipe da Queda). Maria então seria uma oitava superior de Eva, ou de
Sophia, visto que Eva é o nome da Bíblia ortodoxa, mas Sophia é o nome dado
nos escritos Apócrifos, que os teólogos insistem em declarar de heréticos,
quando, na verdade, eles contem boa parcela do real ocorrido, ou melhor:
apenas mais detalhes que a famigerada versão do Gênese, copiado pelos
judeus quando cativos na Babilônia e estes da Suméria, e estes da Atlântida e
estes... do espaço, de onde somos controlados pelo chefão da Equipe da
Queda, mas também ele tem seus dias contados quase que na ponta dos
dedos... tão próxima está a LIBERTAÇÃO DO PLANETA DAS GARRAS DO
MAL. E vai sobrar prá todo mundo... Preparem-se POR DENTRO – sigam um
REAL CAMINHO onde o PAI-AMOR é vosso SUPORTE, ou que seja JESUS, O
CRISTO, não o crucificado, mas o ressuscitado, ou A MARIA REDENTORA,
CHEIA DE GRAÇA (para resgatar sua parcela de responsabilidade na criação
equivocada) que vem trabalhando junto com JESUS E MUITOS SERES DOS
MUNDOS LIVRES, isentos de queda. Mas, vamos tomar...
Cuidado com as tecnologias que enganam...
5
Assim sendo, vamos começar a ver estes seres com certos olhos atualizados –
eles talvez usem naves se for o caso, alguns talvez não tenham formas
humanas, mas são milhares de vezes mais “humanos” que o melhor dos
humanos da atual Terra, como os seres delfinoides – porém, eu desconfiaria
de qualquer forma reptiloide, insectoide, embora haja alguns deles que se
voltaram para a Luz, ou nem caíram, mas, melhor não arriscar, por outro
lado, eles podem se fazer passar por seres do bem... da luz, então, caso seu
destino implique em se encontrar com alguns deles, seja na hora H de ser
salvo via alguma nave (provavelmente isso ainda faz parte do destino de
alguns seres), preparem sua melhor ORAÇÃO e testem, se além do medo
normal e natural que vamos sentir se a gente ver alguma nave e seres, veja se
OS SERES os dão sentimentos de paz ou medo. OREM E PEÇAM QUE JESUS,
O CRISTO ou MARIA os desmascare... enfim, usem O MELHOR que puderem.

Sem falar de cuidar se aparecer um Jesus nas nuvens... que seja numa nave-
nuvem, camuflada por uma nuvem!!! Sim, garanto que os bad boys iam adorar
parodiar a Bíblia. Portanto, desconfiem mesmo. Ou então encenarem ainda
parte do Projeto Blue Beam, o qual ainda pode enganar muitos crentes
ingênuos, pois muitos sabem a respeito mais do que eu e você! Mas lembrem-
se que um Ser Reptiloide pode assumir a forma que desejar... por isso gente,
não adianta ser um crente fanático e não ler e se informar... por outro lado, se
tua fé for legítima e não fanática – que são duas coisas totalmente opostas! –
então sim, Seres das trevas não terão nem a chance de verem vocês! Pois a
vibração será tão alta que nem você, nem eles se verão... e isso vale para
todos, pois o que garante uma alta vibração não é o nome de uma igreja, de
um movimento, de um grupo seleto, até um ateu pode ter uma vibração mais
elevada que um cristão, budista, ou seja de qual linha for! Portanto, vamos
evitar julgar e nos julgarmos “the best”, pois, pode ser que os últimos sejam os
primeiros, também neste sentido!

E agora...
SEGUEM CITAÇÕES DAS DIVERSAS CONVERSAS COM AIVANHOV
6
SOBRE O TEMA ANOMALIA PRIMÁRIA & MARIA

E no final cito uma passagem chave sobre PISTIS SOPHIA.

Portanto, com exceção de uma Conversa ou Satsangs se preferirem –


registradas via links - , todas são de Aivanhov, digo, todas as citações são de
Conversas dele, mas considerem que para o tema MARIA, por exemplo, quem
se interessar, deve baixar o documento em PDF (vou deixar o link), salvar em
seu PC, para assim poder ativar as Ferramentas Localizar (via ícone Editar) e
poder achar tudo que ele falou desde 2005 a 2018 sobre esse tema e todos que
forem de seu interesse.

Exemplo: o próprio Aivanhov, desde 2005 ou antes, deixou de seguir a linha


ascensional – de propagar técnicas e conhecimentos para levar seu grupo a
dimensões superiores – para se unir a linha tipo advaita, que apenas busca
realizar o SER, deixando de lado todas as histórias ligadas a Criação, criatura,
pecado, queda, embora elas tenham sido necessárias para o homem de hoje,
mental e crítico ENTENDER do porque pode optar por cair FORA DE TODA
CRIAÇÃO, não apenas da Criação Anômala, ou da 3D, pois o Caminho ao PAI,
reto e direto, não implica em seguir uma via iniciática, e muito menos de
evoluir! Iniciática só se ela implicar em ajudar a pessoa a se tornar menos... a
voltar a ser Criança, como Jesus sugeriu, dizendo com isso para deixar de
viver pelo ego humano, cheio de teorias, crenças, fanatismos, histórias,
conceitos complexos de evolução, etc. Mas muitos caminhos iniciáticos, são
como o ladrão que se torna policial para capturar o ladrão que é ele mesmo...
(usando uma analogia usada por Ramana Maharshi). Ou seja: elas reforçam
muito sutilmente o ego e o aluno nem percebe...

Portanto, todas as teorias acima citadas, da Criação, Queda, vistas pelo


prisma do SER, da ORIGEM PRIMEIRA, são todas conversas para boi dormir,
em última análise... ;-) Por isso a via Advaita apenas busca VOLTAR A CASA
DO PAI EM TI – não às muitas moradas pela CRIAÇÃO afora, embora nisso
não haja NADA de errado, mas quem cansou de peregrinar pela Criação,
mesmo que em planetas melhores, como muitas sementes estelares agora aqui
encarnadas e muitas antigas que ficaram presas aqui, vai querer voltar mesmo
para o Seio de onde veio como ESPÍRITO, não como Linhagem Estelar. Eis
meu propósito... aliás, está aí mais um termo que podem pesquisar no PDF...
na verdade já retirei em artigos anteriores o melhor material que encontrei a
respeito; falo do termo Origem Estelar ou Linhagem Estelar, que Aivanhov
explica que são duas coisas diferentes..

Agora segue o link contendo as


MENSAGENS (DE TODOS INTERVENIENTES) DE 2013 A 2018
7
https://ultimasleiturasdaluz.blogspot.com/p/ebook-em-pdf-com-as-
mensagens-de-2015.html

E no final da página acima terá acesso ao PDF contendo todas as Mensagens


de todos os Intervenientes (como são chamados os seres que se comunicaram
via Grupo de Aivanhov), de 2005 a 2012.

Dicas chaves para leigos (que não sabem lidar com PDF):

Diria para baixar o primeiro grupo de mensagens, mais recente, e salvar em


seu PC ou notebook (veja qual pasta vai salvar – o normal que seja na pasta do
PC Download) para depois poder abrir e usar a Ferramenta Localizar (se não
salvar não vai dar para usar as Ferramentas). Localizar se encontra dentro do
ícone EDITAR. Verá que ao clicar em cima de Localizar, vai se abrir uma
caixinha do lado direito (no meu caso), em cima do documento em PDF (PDF
significa que é um documento seguro, que ninguém pode alterar nada – se
fosse salvo num Word.doc qualquer um poderia mudar algo).

Daí basta digitar o tema que pretende pesquisar; exemplo digite Maria,
Anomalia Primária, queda, Arcontes, ascensão, dimensão, etc. e vai ter acesso
ao que todos os Intervenientes, como Aivanhov, Abba, Irmão K, etc. falaram a
respeito em diferentes épocas e contextos. Por isso sugiro começar pelas
últimas mensagens do link acima, pois muita coisa mudou desde 2005 –
muitos planos, estratégias e que se ler primeiro as antigas, vai ficar mais
confuso, tal como citei o caso de Aivanhov. Se ler as mensagens antigas verá
que sua ênfase está em atingir a 5D, e que em algum momento volta sua
ênfase apenas para VIVER O SER QUE SOMOS EM ESSÊNCIA, dito de outro
modo ou do modo mais simples possível.

E FINALMENTE seguem as citações que achei sobre o termo ANOMALIA


PRIMÁRIA em várias Conversas – mas eu fui mais longe: ao abrir a página no
PDF fui ver a qual Conversa se referia e fui buscar no site esta Conversa OU
Satsang, da qual inseri os links, para caso alguém queira checar o conteúdo, o
contexto, etc. Mesmo porque, até dá para copiar textos do PDF, mas dá um
trabalho formatar depois (se já fez isso sabe do que falo), ao passo que copiar
partes de artigos é fácil.
CITAÇÕES DE AIVANHOV SOBRE O QUE É A ANOMALIA PRIMÁRIA
8
Notas:
- As frases pintadas de cinza são as partes que considerei chaves
- Explicações em [...] são de minha autoria, às vezes marcadas com *
- Ao lerem palavras como Núpcias, Estrelas, etc., esqueçam, são termos que
somente o pessoal do Aivanhov sabe a que realmente se referem...

https://ultimasleiturasdaluz.blogspot.com/2017/07/oma-parte-4-qr-julho-
2017.html

Questão : podeis falar acerca da anomalia primária? O que é que isso


aconteceu?

A anomalia primária ocorreu, sabeis que na simbologia dos números há o zero


que é a origem. O zero, é o Absoluto, o um é o princípio, a Lei do Um e da
Fonte. O dois é a dualidade inexorável, mesmo dentro dos mundos unitários,
quer dizer que qualquer coisa tem sempre o seu oposto. É o que foi chamado o
Andrógino Primordial. É o que referimos, para vocês, como o Sagrado
Masculino e o Sagrado Feminino; se preferem, é também a atração – repulsão,
são também as forças de equilíbrio da manifestação da consciência em todas
as dimensões, mas há polaridades que se devem equilibrar.

A anomalia primária consistiu em que, na primeira emanação, bem anterior à


consciência, quer dizer antes do Espírito, desde o zero apareceu a Fonte, pois
havia um projecto para mobilizar a consciência e fazê-la aparecer para se
poder ver a ela mesma através de diferentes formas. Foi aí que aconteceu uma
anomalia primária, que, obviamente, não foi possível ver durante bilhões de
anos, mas que se revelou a determinado momento. Foi apenas quando a
Fonte, quer dizer o Um, se tornou dois. Vocês sabem que a imagem conforme
a Fonte é Metatron. Vocês sabem que a energia de Metatron, a que chamamos
Senhor Metatron, é algo de muito a direito, de muito masculino. E a anomalia
primária, é isso, deveria ter havido um Metatron feminino, de forma a
equilibrar.

Então, é claro, isso não apresenta nenhum problema nas dimensões que estão
para além das dimensões carbonadas*, pois a retificação se faz por si mesma
através da Inteligência da Luz, mas isso causou problema, podem bem
imaginar, quando da experimentação nos mundos carbonados, e isso
aconteceu pela primeira vez na manifestação, é claro, nos Dracos de Orion e
da Ursa Maior. Que nessa época eram seres muito gentis que faziam a sua
experimentação numa forma, tal como todos nós. Mas, decorrendo da posição
de Orion, mas também da constelação da Ursa Maior em relação a Alcyone,
que é a Fonte, isso desencadeou a manifestação da anomalia primária, ou
seja, o déficit de Sagrado Feminino, que podeis encontrar ainda hoje na
maioria dos portadores dessa origem estelar, ou simplesmente dessa
linhagem. Pode ser visto, a nível individual, ainda hoje, a mesma coisa que na
origem dos mundos. É isso a anomalia primária, sem entrar em detalhes, quer
dizer a falta de equilíbrio relacionada com as polaridades.

*[Dimensões carbonadas são todas 3D, mas nem todas foram confinadas,
aprisionadas como nossa e parece que mais 90 planetas, conforme Aivanhov
citou em um ou mais Conversas/Satsangs]
Passemos a outra questão. 9

https://ultimasleiturasdaluz.blogspot.com/2017/07/oma-parte-1b-qr-julho-
2017.html

Questão : para o que serviu, para a Luz, nossa passagem nesta 3ª


dimensão confinada ?

Mas para nada absolutamente, a estritamente nada. O Arcanjo Lúcifer, no


início da anomalia primária da Fonte, como ela se chama, com os Arcontes,
bem anterior ao confinamento deste mundo, imaginaram, em sua estupidez,
que fazer sofrer, privar da Luz que vocês são, ia vos tornar maiores. Mas é
estúpido, se vocês são Luz vocês não têm necessidade sobretudo de serem
maiores, é totalmente inútil. Isso, ainda é uma visão luciferiana e new age que
vos faz crer que é necessário melhorar, pagar um karma, encontrar a verdade,
é sem fim. Não pode haver fim nesse procedimento. O único fim, é a Verdade :
você é Luz, você não tem necessidade de nenhuma forma e de nenhuma
história.

Portanto eu repito que nenhuma dimensão é necessária para a Fonte,


nenhuma, e mesmo que nenhum mundo é necessário para o que você é, mas
enquanto você não o vivenciou, é chinês porque você permanece submisso às
crenças diversas e variadas que você vivenciou durante sua vida. A Liberdade
não tem o que fazer, a Liberdade é perfeição, a Luz é perfeição. Você mesmo já
se coloca em distância assim que você acredita que há uma história, assim
que você acredita que há algo a evoluir, a melhorar. É a pessoa quem evolui e
quem melhora, não o que você é, a menos que você esteja identificado à sua
pessoa. Então aí eu te digo coragem, hein, para a sequência.

[Na verdade, em qualquer caminho Real, que reconhece a verdade do acima


dito, como na Índia o Advaita Vedanta, a ideia não é melhorar a pessoa, nem
piorar, mas “diminuir a pessoa”, diminuir o ego, ou, usando um termo de
Jesus: “voltar a ser como crianças”, que pequenas não tem ainda o peso do
ego sobre seus ombros - na verdade, da sua mente, e por isso expressam, em
parte seu Ser Real. Ou apenas, se é que isso é possível, atravessar o ego e
chegar no Eu Real, no Ser, no Espírito Divino que temos em nós e que é o que
SOMOS de fato – o resto é produto da queda: o ego, o conceito de melhorar,
evoluir... e isso se faz necessário, via de regra, até aquela pessoa se cansar
tanto... encarnar, encarnar, girando na Roda de Samsara, até se perguntar se
isso é realmente o sentido da vida e daí ela começa, muito lentamente, a
DESPERTAR PARA O QUE SEJA, DE FATO REAL].

Todos vocês vivenciaram, e vocês são muitos a ter vivenciado, mesmo sem o
saber, porque nós vos dissemos, dos encontros com os seres de Luz, com os
Vegalianos, com os povos da natureza. Vocês vivenciaram experiências
vibratórias, a Onda da Vida, da Liberação, alguns estão estabelecidos na
Liberação, e no entanto a atração da matéria, ela, não é elevada porque há o
hábito do confinamento. Mas enquanto você está confinado, tudo o que você
pode conceber no nível espiritual é falso, mesmo se isso te permitiu evoluir em
meio a este mundo. Mas você não é nada do que você viveu neste mundo, o
que você é jamais foi confinado, o que você é sempre foi livre.
A crença no confinamento que reforçou o confinamento, através do que eu
chamei na época o sistema de controle do mental humano, muito 10
simplesmente. Porque vocês funcionam e todos nós funcionamos, na terra,
em ressonância com as egrégoras, com as linhas de predação como falei na
época, enquanto você está submisso a isso, você não pode ver a Verdade nem
ser a Verdade, você pode apenas ter a ilusão de progredir, de se elevar, de
compreender. Mas isso, é típico das ditas forças luciferianas, que não têm
mais nada a ver com Lúcifer, mas são as forças do confinamento que estão em
operação, mesmo na espiritualidade. Não há nenhuma saída nisso, a única
porta de saída, é o coração – não é o conhecimento, não é a pessoa, não é o
karma. Ora para viver o coração, é necessário ser muito simples, é necessário
estar despojado de toda essa confusão espiritual, apresentar-se nu para ser
Luz.

Quando você parte para o outro lado, você não pode levar nada, nem a menor
peça, nem a menor roupa, e quando você recupera o que você é, nenhuma
história lhe é útil, sobretudo não aquelas vividas no confinamento, que são
apenas os engramas de sofrimento. Cabe a você saber se você quer ser livre ou
se você quer, ou prefere, acreditar correr atrás da Liberdade.

Outra questão.
Questão : como um Arcanjo pode ser estúpido ?

Estúpido para fazer o quê ?


Questão : você disse que o Arcanjo Lúcifer foi estúpido ?

Sim, é estúpido. A ideia é estúpida, não o Arcanjo. É de uma estupidez sem


nome. É como se você dissesse que um Arconte é estúpido. [Uma vez, acho
que foi Aivanhova falou que um Arconte era um Arcanjo caído].
Mas eu vos lembro que há o mesmo coração em Yaldebaoth que em vosso
coração, que em meu coração. São as camadas da ignorância que foram
acrescentadas, esses pseudo-conhecimentos espirituais que são uma cegueira,
a necessidade de compreender, a necessidade de explicar, a necessidade de
encontrar os sistemas de coerência. Na ilusão, não há nenhuma. É por isso
que a liberação não pode se fazer em não importa qual momento, no nível
coletivo. É obrigatório atender a circunstâncias particulares que começaram
em 1984, isso agora faz trinta e três anos.

E vocês têm os irmãos e as irmãs que têm bom coração, mas que ainda estão,
por hábito, e são sobretudo aqueles que terão necessidade de uma
aclimatação à Luz, porque eles sempre imaginaram a Luz como exterior a eles.
É o princípio do confinamento arcôntico ou luciferiano. Vocês são tributários
de vossas projeções, tributários de vossos pensamentos, de vossas crenças. O
que são as religiões senão um sistema de escravidão ? O que são os laços de
sangue senão um sistema de escravidão ? É um pouco o lado, eu diria,
irônico dos Arcontes, de terem criado essa noção de ação-reação, de karma,
porque é sem fim e se não houvesse o processo clínico que foi chamado
destruição total da vida e reconfinamento, o que é que se passaria ? Vocês
girariam indefinidamente, em círculo.
Eu os lembro que este sistema solar está confinado há seis ciclos, porque não
se pôde, a Luz não pôde ir ao encontro de vossa liberdade, e ainda menos ao
encontro dessa lei criada pelos Arcontes da qual alguns de vocês se deleitam,
que se chama o livre-arbítrio. Vocês veem onde conduz o livre-arbítrio ? Na
parede, e é assim todos os 50.000 anos.
https://ultimasleiturasdaluz.blogspot.com/2017/09/oma-parte-4-28-agosto-
2017.html 11

Questão: Não estaríamos enganados mais uma vez por uma enésima
ascensão hipotética? Trinta e três anos em várias Núpcias, desde 1984,
para chegar ao quê? Quais são os resultados concretamente? Este
mundo falsificado no qual fomos confinados estava destinado ao
fracasso desde a sua criação, os universos que sofreram o mesmo
destino são inumeráveis? Quantas vezes vão reproduzir esses seres
onipresentes, oniscientes e onipotentes o mesmo erro? Eles não
compreenderam a estratégia utilizada?

Mas isso não é jamais a mesma estratégia. Quem disse que era o mesmo
princípio de confinamento em todos os sistemas solares? Se assim fosse a
solução seria encontrada uma vez para todos. Eu já tive ocasião de me
expressar e de dizer que cada processo de liberação de um mundo confinado é
diferente uma vez que, evidentemente, as condições dos mundos carbonados
não são todas as mesmas. Mas a partir do instante em que o espaço-tempo é
curvado e confinado, há condições que se criam, próprias a um mundo dado, e
que passam necessariamente por diferentes caminhos. E nós jamais dissemos
que todos os mundos confinados eram humanoides, não é? Portanto eu não
compreendo bem qual é o problema dessa pessoa, se não é que ela também
está farta de esperar. Ou então é a mesma que colocou uma outra questão há
pouco.

Questão: o maior amor de Maria por sua criação seria fazê-la


desaparecer ao invés de vê-la sofrer desde a noite dos tempos. As
catástrofes, sempre houve, é uma banalidade, estamos acostumados
aqui, a diferença é que hoje, um descuido seria conhecido
instantaneamente pelo mundo inteiro. Todo o mundo não é senão
manipulação, corrupção, predação.

Estamos de acordo, não há nenhuma verdade neste mundo, nós dissemos


exatamente a mesma coisa. Mas crer que Maria pode destruir alguma coisa
para liberar a humanidade é um erro grosseiro. Porque se Maria quisesse
destruir, ou se um Arcanjo, ou se a própria Fonte quisesse destruir o que quer
que seja que foi criado, mesmo confinado, por sua vez cairiam na
armadilha. É o grande princípio do confinamento que, ele, é válido em todos
os mundos: é substituir a Liberdade pelo livre-arbítrio, quer dizer a Unidade
pela dualidade. E os meios são inumeráveis. Não há apenas Nibiru que gira as
embarcações, não o Nibiru, gêmeo do Sol, mas o planeta metálico dos
Arcontes que foi mandado passear em 15 de agosto de 2009. Esse ato era
indispensável, porque mesmo se a própria Fonte, ou um ser, um avatar muito,
muito grande, quisesse destruir este mundo para liberá-lo, ele se encontraria
preso na armadilha.

Aliás, eu vos lembro, que quando de um ciclo precedente, o planeta que era
chamado Mulge Tab, que agora é o cinturão de asteroides no nível do cinturão
de Kuiper, era um mundo similar à Terra que foi vaporizado. E vocês
acreditam que para tanto os seres viventes foram liberados? Absolutamente
não. O processo da Liberação não é um ato de destruição, é um ato de
ressemeadura da Luz. E isso não se faz todo o tempo, mas em alguns
momentos dos quais nós somos tributários, e vocês também, caso contrário
jamais teria havido seis ciclos.
Ainda uma vez, as modalidades da liberação de um mundo jamais são as 12
mesmas. É um jogo de xadrez. A cada vez é necessário jogar respeitando as
regras do mundo confinado e não as nossas, é por isso que é complicado. Se
fosse tão simples assim, acreditam que Maria teria esperado, ou que a
Confederação Intergaláctica teria esperado as janelas temporais
particulares? Certamente não. Um mundo liberado não é um mundo que é
destruído. O que é destruído é a Ilusão, não a vida, uma vez que destruir a
vida a reconfina instantaneamente. Vocês a conhecem na Terra, isso se
chama a lei de ação-reação, a lei de karma, criada pelos Arcontes que são
chamados os Senhores do Karma. Felizmente que havia os Senhores do
Karma, dos quais Orionis, fazia parte, das Forças da Confederação
Intergaláctica. Mas a liberação de um mundo não se passa assim.

Eu vos disse há alguns anos que nós recrutamos. Nós recrutamos porque é
necessário uma certa experiência do confinamento, mesmo se as condições
não são as mesmas. Ser limitado por uma forma não corresponde à Vida.
Mesmo se vocês têm um corpo de Existência, vocês sabem que esse corpo de
Existência é plástico, ele muda de forma de acordo com o ambiente que ele
encontra. Não há nem nascimento nem morte. Ora para vocês, há nascimento
e morte, e ocultação a cada vez. E além disso, se hoje fosse perguntado ao
conjunto da humanidade se ela queria ser liberada, mais de 80% da
humanidade nos responderia “não”. Estão tão habituados à matéria. E isso,
vocês não chegam a conceituar ou a ver claramente, mas vocês o verão após o
Apelo de Maria. Mas a liberação de um mundo, não é algo que se passa assim
porque se decidiu. É uma estratégia de jogo de xadrez, é de fato isso.

MARIA FALA DA ANOMALIA PRIMÁRIA

https://ultimasleiturasdaluz.blogspot.com/2017/09/maria-setembro-de-
2017.html

[Nota: aos que nunca leram nada do material de Aivanhov e Intervenientes


relacionados a seu grupo, devem levar em conta que eles vêem Maria como
uma das Mães geneticistas que caiu no conto dos Arcontes, que na época
ainda não o eram, mas apenas Arcanjos equivocados – e aqui que percebemos
que a Bíblia – sempre falo disso – resumiu em uma lenda uma história
complexa, dizendo que Eva cometeu o pecado – o Feminino cometeu um erro a
julgar pelas informações repassadas por Aivanhov e outros Intervenientes,
mas não de propósito, tal como a lenda de Eva mesmo o mostra, mas por ter
sido enganada em um nível que provavelmente jamais entenderemos
intelectualmente – por isso também Maria estende seu Manto da Graça a
todos, para reparar o “erro” cometido conosco e em outros mundos – veja mais
uma citação para entender isso e quem quiser ir a fundo precisa baixar os
documentos em PDF com as Conversas de Aivanhov principalmente e usando
a Ferramenta Localizar, encontre tudo sobre Maria, mães geneticistas, Sirius –
pois tudo está interligado].

Meu Manto azul da Graça se depositará em vocês. Ele é também vosso Manto
azul da Graça, ele não é minha propriedade, ele é para cada um de meus
filhos onde quer que eles estejam, o que quer que eles vivam. Eu queria talvez
esclarecer por que eu sempre me nomeio « Rainha dos Céus e da Terra ».
Muito simplesmente porque quando da primeira exteriorização de consciência
desde a Fonte, o Comandante vos falou de uma anomalia primária com um
déficit do Feminino sagrado. Encontra-se que eu era uma das primeiras 13
consciências a ter podido retificar imediatamente essa anomalia primária, eu
levo o traço disso em mim, o que permitiu, à medida de éons e éons, e de
ciclos e ciclos, fazer cessar essa anomalia primária. Nesse sentido, eu sou
Rainha dos Céus e da Terra, mas não vejam aí qualquer superioridade mas
bem mais uma dedicação sem falha, como toda mãe sobre esta terra, ao que
ela carregou em seu seio.

Então eu não posso vos dizer : « Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida »,


como meu Filho, mas sou todavia a Mãe eterna que perdoa tudo e que acolhe
tudo pois vocês são todos a carne de minha carne, nesse mundo, e no Céu,
vocês são também de algum modo meus filhos. Mas não vejam aí uma filiação
qualquer, não vejam aí uma superioridade, em qualquer nível que seja, bem
ao contrário, e Teresa ou Gemma vos exprimiram suficientemente durante
esses anos, pois é aquele que é o mais pequeno entre vocês, aqui sobre esta
terra, que é o maior no Céu. Vocês não podem ser uma referência neste
mundo e ser uma referência no Céu. Olhem a vida de Teresa, olhem a vida de
Gemma, olhem minha vida quando eu acolhi o Cristo. Essa vida era
insignificante, ela estava no segredo e na intimidade de meu coração. Eu não
estava em representação, eu não buscava poder, alguma ascensão, alguma
liderança, mas todavia, a verdade de minha encarnação vem diretamente
dessa anomalia primária.

Eu vos dei, há pouco tempo, uma prece particular [creio que se refere ao
Grupo de Aivanhov]. Essa prece pode vos apoiar, não durante o período em
que vocês devem estar atentos mas antes ou depois, porque ela vos ligará à
minha Presença de maneira mais evidente e mais agradável ainda, dando-vos
a descobrir talvez, além de qualquer papel histórico, minha posição e a
verdade do que minhas irmãs e eu, não as Estrelas mas mães geneticistas,
permitiram, bem antes do confinamento da Terra, no nível dos jogos da
consciência livre. Esses jogos da consciência livre estavam marcados pela
inocência, pelo fervor do coração, onde nada podia ser sofrimento, onde nada
podia ser limitado, qualquer que seja a dimensão. Então certamente, eu não
faço e não tiro nenhuma vantagem, a não ser uma imensa responsabilidade
em relação a cada um dos meus filhos, quer ele me reconheça ou não.

Lembrem-se de que uma mãe protege seu filho, mas em um dado momento ela
lhe restitui de algum modo sua liberdade porque o filho torna-se
adulto. Vocês, eu vos peço para tornarem-se como crianças a fim de
tornarem-se adultos em eternidade, quer dizer autônomos e livres. Aí está
minha responsabilidade que eu assumo desde tempos imemoriais, antes
mesmo de ser Maria sobre esta terra, bem antes.

Hoje eu me permito ser muito mais íntima com vocês porque eu estou em
vocês, porque vocês são a carne de minha carne, quer vocês o queiram ou não,
e uma vez que nossa proximidade agora é tal que essa familiaridade é cada vez
mais evidente para cada um de vocês, quer isso seja de maneira intuitiva, sem
ter vivido, ou então talvez porque vocês o vivenciaram no nível do coração;
isso não faz diferença. Eu não reivindico nada mais para cada um de meus
filhos do que sua liberdade e sua autonomia, do que a restituição à sua beleza
e à essa Verdade. Aí está, no que concerne a algumas precisões que, talvez,
vos satisfarão mais mas que, em todo caso para mim, era essencial vos dar
agora.
Não busquem me representar, qualquer que seja a forma que eu tome me
apresentando a vocês, se vocês têm a oportunidade, além da percepção de 14
minha Presença e de meu coração, de me ver de uma maneira ou de
outra. Não me fixem em uma forma, mesmo aquela histórica, mesmo se para
vocês isso representa um apoio. E lembrem-se também que eu posso proteger
cada um dos meus filhos, mas eu não posso extrai-lo, para lhe restituir sua
liberdade; há somente vocês quem pode fazê-lo. Graças às Teofanias, quer
elas tenham sido muito efêmeras ou permanentes para vocês, vocês cresceram
em autonomia, vocês cresceram em liberdade. Quaisquer que sejam os
desagrados de vosso corpo ou de vossa vida efêmera, isso cresceu mesmo
assim em vocês, fazendo nascer não a espera, não a esperança, mas fazendo
nascer a Verdade.

https://ultimasleiturasdaluz.blogspot.com/2017/11/oma-parte-1a-qr-
outubro-de-2017.html

Questão : quem ou o que impulsionou Maria e as Mães geneticistas a nos


criar um corpo físico e uma alma ?

Mas as Mães geneticistas criam as matrizes de vida que são os conjuntos dos
quatro Elementos com todas as moléculas, segundo as dimensões dadas, o
que vocês nomeiam os corpos, o cenário, tudo isso, é totalmente livre. Há
matrizes cristalinas que se criam sem parar. As Mães geneticistas apenas
propõem os campos de experiência da consciência. O problema, é o que esse
campo de experiência da consciência da Terra, e de um pouco menos de uma
centena de sistemas solares criou, pelo que eu tinha nomeado a vontade
arcôntica, na relação com as Mães geneticistas, [aqui pelo visto está o xis da
questão] cuja causa primeira era a anomalia primária no nível da primeira
exteriorização da consciência. Portanto, pouco importa, não vamos retornar a
isso porque é da história.

Portanto, os mundos livres, mesmo carbonados, que nós nomeamos a 3ª


dimensão unificada, devido aos níveis de densidade extremos da matéria
carbonada, tiveram necessidade, para receber o Espírito, de um médium, de
uma espécie de amortizador que foi nomeado a alma, neste mundo. Mas
jamais a alma foi imortal, são besteiras. Aliás todo o ensinamento dos
iluminatis e dos fantoches, em particular todos esses mestres pseudo-
ascensionados, vocês o sabem, se fazem sobre o ensinamento da alma: os sete
Raios, os tratados da alma e todos os conhecimentos mesmo esotéricos. E o
conhecimento íntimo, até há alguns anos, quer dizer desde as Núpcias
Celestes, não era possível, exceto para seres extremamente raros como Bidi
que veio vos ver, Nisargadatta [de quem tenho o livro EU SOU AQUILO –
compilação de alguns de seus satsangs/convewrsas enquanto esteve
encarnado até 1981]. Nós, entre os Anciãos, mesmo se nós tínhamos, alguns
entre nós, vivido algumas coisas em relação ao Absoluto, na época nós víamos
isso como algo muito distante e que não servia para nada no plano evolutivo
da alma. Eu fiz a mesma coisa, é claro, uma vez que nós não tínhamos a
possibilidade, se posso dizer, de nos estabelecermos, nessa época, no que
vocês se estabelecem hoje.

As coisas são diferentes para Bidi, elas também foram diferentes para meu
mestre, Bença Dounov que, eu vos lembro, ele era um walk-in. As coisas são
diferentes também para a Fonte quando ela vos disse que ela sintetizou um
corpo. Mas quando o véu do esquecimento está feito, quer dizer quando nós
tomamos várias encarnações porque nós somos apanhados nessa matriz, nós
esquecemos o Espírito e a alma toma o bastão, e do ponto de vista do ego, a 15
alma é a finalidade. Daí vem o erro fundamental. Mas é um erro fundamental
das consciências que viveram isso, que vocês chamam os pseudo-mestres
ascensionados, e todos os ensinamentos espirituais quaisquer que eles sejam.

https://ultimasleiturasdaluz.blogspot.com/2017/12/om-aivanhov-parte-2b-
novembro-2017.html

Toda a gente confirma e agradece calorosamente.

Pois bem, estou muito tranquilo quanto a isso e vejo-vos prontos, alguns de
vós, para fazer a mesma coisa, caso o desejem. Mas garanto-vos que, quando
se vive a Liberdade, não é a mesma coisa que dizer “vamos voltar lá abaixo
para reparar o karma”. Mas quando se vai ficar livre, totalmente, de toda a
forma, qualquer que seja a vossa terra de eleição, se o posso dizer, tem-se uma
única vontade, mesmo que isso hoje vos pareça terrível: é a de não se deixar
essas zonas de sombra no quadro da Criação e do jogo da consciência. Isto é
claro? Porque essa anomalia primária e as suas consequências já não terão
razão de ser. Elas mostraram, enfim - essas anomalias primárias -, elas
mostraram a sua total inutilidade, não vos fazem progredir em nada porque
sois perfeitos na origem. Foi aí, nesse tempo, que os Dracos e o Arcanjo
Lúcifer cometeram um pecado de orgulho ao acreditarem que podiam, com a
sua pincelada, mudar a intensidade da Luz. No início, não era assim uma
coisa escura, negativa, era uma experiência que... infelizmente, porém, com a
anomalia primária, não foi possível concretizar a Liberdade, visto que todos os
sistemas aprisionados entram em sofrimento.

Mas a nossa libertação, devido ao lugar ocupado pela Terra neste sector do
universo, vai ter repercussões enormes no conjunto dos sistemas solares que
permanecem aprisionados, sem que seja mesmo necessário, para alguns,
enviar uma equipa ao solo; é maravilhoso! Mesmo que não se veja já, posso
afirmar e certificar, seja nos Círculos de Fogo, seja no momento de deixar o
corpo, seja no torra-planeta final, que vai ser de rebolar a rir, sem parar, isso
vos garanto eu. No momento da vossa ressurreição, mesmo depois do Apelo de
Maria, vai ser de morrer a rir pelas inépcias que ocorreram durante estes
últimos ciclos. Se agora, para alguns, não tem graça nenhuma, garanto-vos
que, quanto menos graça tiver agora, mais terá depois, e tenho a certeza
disso, e alguns já vivem esta situação. Quantos não viveram, mesmo há
muitos anos, acontecimentos considerados dramáticos? Claro que esses me
vão dizer: “tempo passado, tempo apagado”; mas atenção, se não há remorso,
nem amargura, nem rancor, só dá para rir. E o mesmo acontecerá, depois do
vosso momento de Ascensão ou de Liberdade. [Vendo para crer!]

https://ultimasleiturasdaluz.blogspot.com/2017/12/om-aivanhov-parte-3a-
novembro-2017.html

Questão : Anael me falou de patologia concernente exclusivamente à


minha constituição de Eternidade aplicada neste mundo...

Eu não compreendo o que isso quer dizer. Pode estar ligado... Então as únicas
patologias que eu vejo da Eternidade, que podem se traduzir nesse corpo, são
é claro certas linhagens, nós vos explicamos. Se vocês têm uma linhagem
reptiliana, quer vocês a queiram ou não, vossa pessoa é predadora, mesmo se
vocês vivem as vibrações. Quer vocês queiram ou não, é assim, aí vocês não
podem nada. Agora isso muda, uma vez que vocês também estão 16
posicionados no observador, mas antes não era possível remediar isso, eu o
expliquei muito, muito longamente. É a única patologia que eu vejo. Porque o
resto, são as características, vamos dizer, de alma mas não são « patologias ».
A única patologia, no nível da Eternidade, é a anomalia primária, é tudo. O
resto está perfeito.
[Aqui subentendo que o fato de se resolver a Anomalia Primária aqui na Terra,
e ela até repercutir nos outros sistemas solares aprisionados, não significa o
fim do jogo da Criação nos mundos livres, mesmo de 3D, como até daria para
se supor se a gente não ler quase todos os últimos satsangs].

Então é somente a influência dessa ressonância de origem ou de linhagem


reptiliana – ou predadora, visto que não há apenas os répteis... neste mundo
[não] há apenas os répteis, mas vocês têm também os insetos, hein, vocês têm,
na terra como chamamos isso? Os louva-deus, vocês sabem. Eh bah, é a
mesma coisa, simplesmente que aí, não são mais os Dracos, são os louva-
deus, quer dizer que a polaridade feminina está na frente. E há os mundos
confinados para aqueles que estavam aliados aos Dracos na época. Mas à
parte isso eu não vejo; a única patologia, é aquela. É, de maneira
frequentemente inconsciente, a necessidade de controlar, de dominar, de dar
seu ponto de vista sobre tudo, de ser incapaz de se calar, mesmo vivendo as
vibrações. Porque há uma necessidade inconsciente, nesses irmãos e nessas
irmãs com essa origem ou essa linhagem reptiliana, de controlar.

[Calma! Não significa que ninguém mais pode dizer algo, dar uma opinião que
já tem algum gen reptiliano e se não o faz, não tem – sempre há os casos
extremos, doentios, onde a pessoa não percebe o quanto ela tem necessidade
de se impor em todos os âmbitos, inclusive impor seu ponto de vista no
sentido que ele tem que ser o melhor – diferente é quando queremos entender
algo e nos aprofundamos e então tornamos nossa pesquisa pública, seja via
artigos ou comentários em face, WA, como atualmente ou a expressamos em
conversas – assim defino meu caso – não tenho necessidade de aplausos ou
que concordem comigo – quero apenas expressar o que entendi e pesquisei,
principalmente sobre o tema Queda, Dor, que sempre me incomodou DEMAIS
e como pesquisei muito, raramente alguém sabe mais do que eu e isso é
apenas normal – assim como eu não vou saber tanto sobre outros temas que
outras pessoas sabem].

Aliás vocês os veem. Eles são muito atentos ao olhar do outro porque eles são
incapazes, no momento, de serem inteiramente autônomos e portanto de
viverem a liberação total. Agora é diferente porque o observador está aí, e
neles também, isso relaxa. Eles começam a rir deles mesmos, a rir de sua
predação e de seu comportamento, mesmo para com os seres que eles
amam. Em todo caso eu espero que eles riam, hein – deles mesmos.

Portanto eu não posso dizer nada mais porque está colocada de maneira
particular. A patologia da Eternidade, eu não conheço além disso, ou então
ela exprime as noções de resistência que eram responsáveis pelas fraturas,
pelos problemas no nível dos ossos, no nível das Portas e no nível da
cabeça. Mas à parte isso eu não vejo, mas é uma patologia da Eternidade,
hein.
https://ultimasleiturasdaluz.blogspot.com/2018/02/om-aivanhov-29-janeiro-
2018-parte-2a.html 17

…Absolutamente não, 5 anos. [resposta a uma pergunta anterior]


Ah… 5 anos. Oh, isso poderia ser quinhentos mil se vocês querem, uma vez
que quando vocês estão na ressurreição o tempo não existe, é claro. E mais
vocês serão numerosos a viver a ressurreição, mais as condições
propícias...nós vos dissemos no final do ano passado, e mesmo todo o ano
passado que a visibilidade...- visto que Nibiru fez sua volta por trás do Sol -...a
visibilidade não é uma noção de distância para Nibiru. Ela é uma questão de
véus. Os véus, eu vos falei disso. A ionosfera, a magnetosfera, tudo isso é
antigo. Mas vossos véus, cabem a vocês, vocês veem? Quer dizer que o que
vocês vivem desde o mês de dezembro, uns e outros, ou vocês estão em uma
história, ou estão na Alegria. Isso é inelutável! E na Alegria não há histórias.
Há a pessoa, e sobretudo não vossa pessoa. E há alguma história, e sobretudo
não a vossa história ou a história deste mundo. Vocês não têm mais nenhum
ponto de apoio e vocês não têm mais necessidade disso. Ora agora não é mais
questão de vos dar os pontos de apoio. Visto que a Luz está aí em tal profusão
que a Verdade não tem necessidade de ninguém mais do que de vosso
sacrifício. Todo o resto, eu vos disse são os derivados agora. Não era o caso há
dois anos nem três anos. Acabou tudo isso!

Portanto a visibilidade de Nibiru [o nosso Sol Gêmeo – NÊMESIS], há entre


vocês aqueles que o viveram. Nibiru, é a ressurreição. É o Fogo Ígneo. E outros
que veem isso na tela exterior. E vocês o veem no nível dos vulcões, no nível
da loucura social e a loucura familiar total. Vocês veem os efeitos, eu diria,
daqueles que não querem ver. E o que é que isso quer dizer “ não ver”? Isso
não quer dizer: olhar no céu para ver onde ele está. Isso quer dizer ver a
Eternidade. Porque quando vocês veem a Eternidade, o que é que se
passa? Vocês não podem mais ver a dualidade. Não é que vocês decidem
ignorar a dualidade, vocês apenas sofreram isso demasiado. Mas vocês
encontraram a Verdade, e a Verdade não conhece nem bem nem mal.

Nós vos dissemos, há pouco tempo, sobre o que foi nomeado: uma anomalia
primária. Mas esta anomalia primária está prestes a desaparecer. Vocês a
veem desaparecer. É a Luz que a faz desaparecer. E se vocês são a Luz, são
vocês que a fazem desaparecer. Portanto o desdobramento da Luz... Isso
também foi dito por Irmão K. Creio que Bidi vos disse: UM por todos, todos por
UM ( ou o inverso). E eu também acredito que Sri Aurobindo vos disse: a
guerra de todos contra todos. Porque cada um defende seu ponto de
vista. Cada um defende sua história. Cada um defende sua verdade. Mas isso
são as ideias, são os conceitos, são as posturas. Lembrem-se, a cada dia é
cada vez mais simples. Há a Alegria...- e essa Alegria não tem nada a ver com
vosso estado em meio a este mundo, vossa idade, ou uma circunstância -...ou,
não há essa Alegria.
Vocês veem não é mais: o medo ou o amor. E essa Alegria quando vocês a
vivem, vocês não podem ser enganados porque tudo o que podia existir em
meio à história, em meio à pessoa [refere-se ao ego e suas histórias], e mesmo
em meio ao corpo, desaparece. Há uma ressurreição mesmo se ela é
temporária, eu diria, no nível do corpo. Há apenas vocês que podem terminar
vossa história, e é claro, mais vocês são numerosos, como é o caso neste
momento, quem jamais viveu o menor elemento espiritual, que vive a Alegria,
mais vocês são numerosos, mais os véus coletivos da humanidade
desaparecerão.
Mas para isso, é necessário já que vocês parem de jogar o jogo da dualidade,
de jogar o jogo da cena de teatro, de entrar na Evidência e no Silêncio. Sem 18
isso não pode haver ressurreição agora! Vossa ressurreição ela ocorrerá
unicamente no fim último. E eu vos disse também, que para o evento, agora,
não há mais necessidade de se preparar. Nós sempre vos dissemos, - e
também os profetas antes de nós – que haveria esses três dias de trevas. Mas
que também haveria antes o Apelo de Maria. Que antes haveria também as
trombetas. Mas as trombetas, vocês já não as ouvem no interior de vocês?
Vocês veem bem que elas estão cada vez mais presentes sobre a Terra. Elas
se tornarão presentes por toda parte sobre a Terra. Isto é uma
Evidência. Mas o Apelo de Maria não tem mais necessidade de obedecer a um
calendário, qualquer que ele seja. Ele ocorrerá somente quando a densidade
de Luz Branca presente sobre a Terra estiver, - e já está em seu máximo – em
cada um de vocês e em um número suficientemente importante de entidades
de consciência, - eu não falo de pessoas presentes sobre a Terra.

Então sim, isso pode ser de um minuto para o outro, e isso pode resistir ainda
um certo tempo. Quando eu digo: um certo tempo, não vão imaginar...Vocês
veem, creio que vocês vão mesmo perguntar se não seria cinco mil anos ou
cinquenta mil anos. Ali fala-se do que, de cinco anos? Não! Nem cinco anos
nem... eu não posso dizê-lo... Vocês o vivem ou vocês não o vivem. Porque
qualquer data que é enunciada, por quem quer que seja, só pode ser falsa. E
vocês verão que inumeráveis irmãos e irmãs, da pura Luz, mas que ainda
estão inscritos em um cenário e uma história, vão todos dizer: é agora! Era há
três dias. Era porque há a lua cheia, em dois dias. Mas não, a liberdade não
tem o que fazer das circunstâncias astronômicas, do movimento dos céus, do
movimento da Terra, ou dos movimentos de vossa consciência. Nós sabemos
que está aí, porque nós observamos esta ressurreição ou essas resistências.

https://ultimasleiturasdaluz.blogspot.com/2018/02/om-aivanhov-29-janeiro-
2018-parte-2b.html

Questão: Bom dia OMA. Eu segui o Autres Dimensions desde as


primeiras intervenções de Jophiel em agosto de 2015. Tomei a
irresistível decisão de deixar Paris para voltar a viver perto de minha
cidade natal na Costa do Marfim. Desprezando os constrangimentos
desta vida efêmera, a partir de quando, observando um pouco o que se
passa ao redor de mim, a seguinte questão se impôs, como africano: “O
que é do continente negro diante do processo em curso?”. Obrigado por
vosso esclarecimento.

O processo está em curso igualmente, de maneira uniforme sobre toda a Terra


porque agora Nibiru está direto. Eu vos disse que ele tinha feito sua volta
diante do Sol, e que a radiação de Nibiru está direta, diante de vocês. Vocês
ainda não o vêem, certamente, mas a radiação está bem presente porque é o
que vocês sentem, quando vocês estão em Alegria e em Paz, é Hercólubus. É
vosso duplo, também, porque é o duplo do Sol. [Nibiru ou Nêmesis é o Irmão
Gêmeo do Sol, que os Arcontes separaram para nos privar da Luz que ele
poderia trazer e representar, entre outros] É a parte que falta, é a anomalia
primária, que é resolvida assim, vocês vêem? [Mas o que entendo é que neste
caso resolvemos a nossa anomalia solar... do nosso sistema solar!].
Então, isso quer dizer o quê? Simplesmente isso quer dizer que se vocês
deixam a Alegria estar, além de qualquer pessoa, além de qualquer 19
reivindicação ou pedido, e de qualquer questão, isso vai estar aí, isso vai estar
aí de maneira cada vez mais importante. Vocês não têm necessidade de
conceitos, vocês não têm mais necessidade de datas, vocês não têm mais
necessidade de um calendário, vocês não têm mais necessidade de saber onde
estão localizadas as Estrelas sobre vosso corpo de carne, porque se vocês
estão em Eternidade, vocês se deslocam em vosso corpo de Eternidade. E as
Estrelas elas servem, antes de tudo, ao corpo de Eternidade parece-me, como
as Portas, mesmo se nós atribuímos as virtudes em meio a este mundo,
quando são portadas por algumas irmãs.

Portanto não há mais nada a esperar, há somente de estar, estar no Coração,


realmente e concretamente. E se vocês aí estão realmente e concretamente, o
que é que se passa? Há a Alegria. A Paz primeiramente, e em seguida a
Alegria. E se vocês não vivem a Paz e a Alegria, é porque vocês estão um
pouco ocupados da história, na dualidade, no bem e no mal, ou no
efêmero. Mas é vossa responsabilidade e é vossa escolha. Mas não venham
se queixar se vocês não vivem essa Alegria eterna, porque ela vos foi oferecida
e está aberta. E devo dizer que quando Maria falou das últimas graças e se
apresentou como Nossa Senhora da Graça, uma vez que, quem pode
desencadear tais graças sobre a Terra, exceto Maria? Ninguém. E o
transmissor de Maria, é claro, é a Confederação Intergaláctica, é vosso
Coração. E Maria é anterior a toda história. E eu vos disse, ela criou a
história, há 20 milhões de anos. E toda criação deve ser responsável e livre. E
se acontece algo a essa criação, é preciso velar para que o princípio do Amor e
da Liberdade seja restaurado.

COMENTÁRIO EXTRAÍDO DO SITE ULTIMAS LEITURAS...

DA SEÇÃO “COMENTÁRIOS INDEPENDENTES”

https://ultimasleiturasdaluz.blogspot.com/2018/10/comentarios-
independentes-continuacao-8.html

Anônimo13 de novembro de 2018 17:06

.... alguns pontos a se considerar..... desde o inicio das mensagens, sempre


senti, ao menos pro parte de Aivanhov, que ele tentava nos passar que dentre
todas as possibilidades de destino final para cada um de nós, o ideal seria
retornar ao absoluto... aceitar de vez deixar de ser uma consciência
"independente" retornando para a "a-consciência", mas nunca tentando impor
esta opção... sempre sugerindo, de uma maneira mais sutil..... o que talvez
não se tenha percebido com muita clareza por nós, em função das outras
"opções" de destino, que pareciam ser bastante mais empolgantes e
coloridas..... enfim.... isto tudo era válido.... as liberações até então eram feitas
de uma maneira lógica e progressiva.... até que...... chegamos a maio / junho
de 2018, onde algo inesperado ocorreu aqui ..... a resolução da famosa
"anomalia primária"..... até então, como não se contava que em algum
momento fosse possível se resolver esta questão da anomalia, tudo era feito de
acordo com o cronograma / roteiro de libertação de sistema em sistema.....
mas a partir de maio, tudo mudou..... e o "roteiro" de certa forma teve que ser
"adaptado" ....
.... pelo que entendi (agora é uma suposição minha, mas que é confirmada em 20
alguns trechos das novas mensagens) com a resolução da "anomalia", toda a
existência deixa de ter sentido, uma vez que a existência era em função da
tentativa de resolução desta mesma anomalia..... portanto.... fim de jogo....
para tudo e para todos, fim da existência.... fim das "consciências
independentes".... toda existência retorna ao ponto 0, ao inicio / fim ....
significa que o roteiro inicial que se seguia, de se liberar sistema por sistema,
também se faz desnecessário .... e como foi dito por Abba ou satsang
recentemente, todos os seres de todos os cantos de todos universos estão
convergindo para este sistema, para a finalização coletiva....

... outra consideração bastante interessante .... com relação a primeira criação
ter sido em Gaia... pelo que entendi, a "matrix" foi “ resetada" algumas vezes,
estaríamos vivendo sabe se lá qual versão da matrix, mas tendo como a
primeira projeção, a primeira criação tendo sido em Gaia, e com o passar do
tempo, das inúmeras reinicializações, Gaia acabou ficando na "periferia" do 7º
universo, mas que uma vez foi o centro, e como foi o inicio, também se refere
ao fim, o que me leva a uma outra consideração, seria coincidência que Gaia
tivesse ido parar na periferia do 7º univesrso, quase que caindo fora da
existência, provavelmente o ponto mais afastado de Fonte, lugar ideal para
que caso "alguns seres" resolvessem em algum momento "tomar de assalto"
alguns sistemas para isolá-los, Gaia seria uma escolha bastante óbvia para
fazer parte do isolamento .... isos me leva a pensar que fomos a "carta na
manga" do Absoluto"....

... quando me refiro a "matrix" considero tudo que está "fora do absoluto"...
tudo que está "projetado", portanto toda existência e pensando um pouco mais
além, conseguimos enxergar, que existem alguns níveis da matrix, ou em
outras palavras, uma matrix, dentro duma matrix, dentro duma matrix , ou se
preferirem, uma projeção, dentro de uma projeção, dentro de uma projeção....

ass: Christian.....

POSSÍVEIS RESPOSTAS PARA AS QUESTÕES PROPOSTAS

- Ou seja: se a Anomalia Primária acabou só aqui, na Terra, com várias


consequências positivas para outros mundos confinados (que parece ser o
caso), ou se, de fato, neste ínterim, em algum satsang que não li, esteja dito de
modo direto ou indireto que todos os mundos confinados foram liberados da
Anomalia Primária, pois a julgar pelo que vou extrair deste post, isso não
parece o caso:

Mas isso não é jamais a mesma estratégia. Quem disse que era o mesmo
princípio de confinamento em todos os sistemas solares? Se assim fosse a
solução seria encontrada uma vez para todos. Eu já tive ocasião de me
expressar e de dizer que cada processo de liberação de um mundo confinado é
diferente uma vez que, evidentemente, as condições dos mundos carbonados
não são todas as mesmas. Mas a partir do instante em que o espaço-tempo é
curvado e confinado, há condições que se criam, próprias a um mundo dado, e
que passam necessariamente por diferentes caminhos. E nós jamais dissemos
que todos os mundos confinados eram humanoides, não é?
[...]
Mas a nossa libertação, devido ao lugar ocupado pela Terra neste sector do
universo, vai ter repercussões enormes no conjunto dos sistemas solares que 21
permanecem aprisionados, sem que seja mesmo necessário, para alguns,
enviar uma equipa ao solo; é maravilhoso!

- A julgar pela frase acima, diria que nossa liberação ainda não pressupõe que
a Criação seja resetada como um todo, nem mesmo a parcela 3D, mas que,
finalmente, agora a Criação pode seguir seu curso normal de apenas servir de
espelho do Criador – para ele “se ver” como num espelho de possibilidades...
pelo menos isso parece que ainda é o caso, baseado na frase abaixo, citada no
início deste artigo:

« A anomalia primária consistiu em que, na primeira emanação, bem anterior


à consciência, quer dizer antes do Espírito, desde o zero apareceu a Fonte,
pois havia um projecto para mobilizar a consciência e fazê-la aparecer para se
poder ver a ela mesma através de diferentes formas. Foi aí que aconteceu uma
anomalia primária, que, obviamente, não foi possível ver durante bilhões de
anos, mas que se revelou a determinado momento. » [...]

- Diria então, que este projeto é a Criação como um todo, mas sem o detalhe
da Anomalia Primária... porém, pelo que entendo de tudo que li, o problema
não é a Anomalia Primária em si, mas a ideia surgida do ex-Arcanjo de Luz de
“produzir mais Luz por meio do sofrimento, de privar seres da Luz”.

- Vejam o que ainda achei ao buscar por mais informações sobre Maria e sua
relação com a nossa Queda, usando um termo bíblico, ou confinamento, ou
quarentena, enfim... nosso aprisionamento da Luz do Pai, da Fonte:

https://ultimasleiturasdaluz.blogspot.com/2017/12/oma-qr-parte-4-
dezembro-2017.html

Pergunta: mas, uma vez retificada a sorte de nossa humanidade e da


Terra, a dualidade sempre existirá, já que haverá ainda Yaldebaoth e a
Luz em oposição.
Certamente, não é questão de que ele morra, com a experiência que ele
acumulou. Só é necessário fazê-lo ouvir a razão, mas quando ele tomar o
balde de água gelada na cara, ele encontrará seu espírito, eu creio.

Pergunta: e não haverá mais dualidade depois?


Já não haverá mais Terra, como você quer que se expresse a dualidade?

Em outros mundos, eventualmente.


Mas você sabe muito bem que há ainda 37 a 38 mundos que estão em curso
de liberação [dos 80-90 que ele citou em satsangs antigos], e que isso temos
que esperar que sua nave de sucata chegue nos mundos confinados. É por
isso que há ciclos e não pode ser em todos os universos da mesma maneira,
nem ao mesmo tempo.

[Aqui entendi o seguinte: é preciso que a Nave Arcôntica, quase um planeta,


tanto que foi confundido com Nibiru e que realmente em sua volta por aqui,
iria reforçar por mais 50 mil anos nosso confinamento, por isso esta nave foi
expulsa do nosso sistema a 15 de agosto de 2009 conforme Aivanhov, ou seja:
é preciso que esta Nave se aproxime de um dos outros mundos confinados,
ainda não libertos, para que as Forças da Luz possam liberar tais mundos –
parece que antes disso, seja por qual razão for ou razões, isso não é possível –
talvez seja como aqui, que tivemos que esperar o período do nosso Sol Central 22
Galáctico se sincronizar com o nosso para poder ser feita a liberação, entre
outros eventos astronômicos sincrônicos – salvo se a liberação da Anomalia
Primária em nosso sistema tenha repercutido tão amplamente a ponto de
praticamente extinguir a mesma nos outros mundos, mas, pela citação já
copiada, Aivanhov diz que ela sim, permite ou não exija que haja combate no
nível de solo em tais planetas e isso já é algo maravilhoso pela sua expressão].

Pergunta: haverá um dia em que não haverá mais dualidade então?

Mas haverá dualidade informada, onde as forças de oposição na 3D unificada


estão sempre presentes. Por que você deseja suprimi-las já que estão
conectadas ao Espírito? Não é a dualidade que tem um problema, já que tudo
é polarizado no universo, mesmo que não seja gênero ou o chamamos de
homem e mulher, mas esta polaridade é essencial para a manifestação. É
simplesmente que a dualidade não precisa ser confinada nisso que ela é e
privada de todo o resto, é tudo. Mas se você fala da dualidade da Terra, do
confinamento, isto não existirá mais, já que a Terra, de qualquer maneira, não
estará na mesma frequência. Ela terá ascensionado e isso será visível, vai,
desde o espaço, é a mesma coisa que vocês vêem em Marte. Não há mais
montanhas, não há mais vegetação. Só há as rochas, o silício, a areia, se vocês
quiserem. [Isso dizem várias fontes há muitos anos].

[Exatamente assim eu o entendia: o xis da questão não é a dualidade natural e


óbvia, parte da Criação, que eu sempre preferi chamar de polaridade, pois
remete a um conceito mais claro, mas sim dela ser confinada, digo, quando
uma polaridade é confinada, significa – pelo que entendi de Aivanhov – que
uma das partes é destituída de seu poder ou função, gerando uma Anomalia
Primária, a qual, por sua vez, vai gerar uma dualidade – no sentido de luta –
de supremacia, gerando o mal, conflitos, guerras, disputas, etc. Exatamente o
que vemos acontecer em nosso planeta e em outros, a julgar pelos relatos
variados].

MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O MISTÉRIO DA QUEDA E SUA RELAÇÃO


COM MARIA, EVA, OU O ELEMENTO FEMININO REPRESENTADO POR
ELAS, NA LINGUAGEM CRISTÃ E AS PISTAS DEIXADAS PELO LIVRO DA
PISTIS SOPHIA!

Pergunta: Nos outros mundos confinados, não é Maria a mãe


geneticista?

Não, são as mães geneticistas de Sirius, em todos os lugares. Mas, felizmente,


a pobre Maria não cometeu o mesmo erro em todos esses mundos ao mesmo
tempo! Mas é claro, é parte da equipe de mães geneticistas, de Sirius,
especificamente de Sirius.

... Então Ela não é a única que foi enganada?

Bem, não. É um drama cósmico que diz respeito a todas as civilizações


galácticas. Porque, é claro, mesmo nos mundos livres, não havia, se vocês
quiserem, influência, por assim dizer, mas houve mesmo um sentimento de
incompletude que apareceu porque nós não podíamos fazer Um com aqueles
que estavam confinados. Mas eu vos disse que, quando vocês estiverem na 23
Eternidade, vocês fazem Um com tudo. Não há diferença, segundo as
dimensões, ou segundo os mundos.

Mas, bem, esse tipo de conhecimento não ajuda muito agora. É o


conhecimento e o reconhecimento de vosso corpo de Eternidade que é o mais
importante e seus marcadores, a Paz, a Alegria e o Amor, independentemente
de qualquer satisfação e até mesmo do vosso humor efêmero.

Se eu tomar o exemplo da Estrela Unidade, para vocês a unidade é algo que


faz vocês ultrapassarem a dualidade. Então, o que pode significar unidade nos
mundos livres, que já são unitários? É precisamente a capacidade de viver a
Unidade da Consciência, e não há mais que uma Consciência, mesmo que
exista um número infinito de experiências de consciências e formas. É por isso
que nós vos dizemos sem parar que vocês não são a consciência. Do vosso
ponto de vista, vocês poderiam dizer que vocês são uma parcela do Grande
Espírito, ou uma parcela ou uma difração, é o termo mais exato da
Consciência.

AS PISTAS VIA PISTIS SOPHIA...

No Livro de PISTIS SOPHIA – que tenho em alemão – digo, um livro com os


comentários do holandês Jan van Rijckenborgh e tenho também em alemão o
livro comentado por J.J. Hurtak – fala-se, a grosso modo (pois o livro de
Hurtak tem mil páginas!!!), que o Pecado, a Queda, o Erro foi gerada, a
princípio, sem querer, pela Pistis Sophia, que agiu sem seu consorte
espiritual...

Vou copiar o que citei num artigo do meu antigo blog de um link, que fala por
si – acho que é a explicação mais simplificada que pude encontrar para
qualquer leigo entender minimamente:

http://sagradofeminino.saberes.org.br/saberes-ancestrais-femininos-
sabedoria-espiritualidade-psicologia-saude-danca-feminina/o-que-significa-
sophia-sofia-sekinah-e-shakti/

<<< Mitos de Sophia >>>


<<< Quase todos os sistemas gnósticos do tipo siríaco ou egípcio ensinaram
que o universo iniciou com um original, impenetrável (ou incognoscível) Deus,
chamado de “Pai” ou Bythos, ou como Mônade por Monoimus. Ele também
pode ser equiparado ao conceito de Logos em
termos estóicos, esotéricos ou teosóficos (a ‘Raiz Desconhecida’), assim como
ao Ein Sof daKabbalah e Brahma no Hinduísmo.

Deste começo unitário, o Uno emanou Aeons adicionais, em pares de seres


progressivamente ‘menores’ em sequência. Em conjunto com a fonte que os
emanou, eles formam o Pleroma – totalidade – de Deus que, portanto, não deve
ser entendido como algo distinto do divino, mas abstrações simbólicas da
natureza divina. A transição do imaterial para o material, do numenal ao
sensível, foi causado por uma falha – ou paixão ou pecado – em um dos
Aeons[1]. Na maior parte das versões dos mitos gnósticos, é Sophia que traz
instabilidade ao Pleroma, o que por sua vez provoca a criação da matéria. 24

Assim, uma visão positiva ou negativa do mundo depende, em grande medida,


da interpretação das ações de Sophia na mitologia. De acordo com alguns
textos, a crise ocorreu como resultado de Sophia ter tentado emanar sem
sua sizígia ou, em outra tradição, por que ela tentou quebrar a barreira entre
ela e o Impenetrável Bythos. Após cair cataclismicamente do Pleroma, o medo
e a angústia de Sophia por ter perdido sua vida (assim como ter perdido a luz
do Uno) deixou-a confusa e com uma saudade incontrolável.

Por causa dela, matéria (hylē’, em grego: ὕλη) e alma (psychē,


em grego: ψυχή) acidentalmente foram criadas[1].
A criação do Demiurgo (também chamado Yaldabaoth, “Filho do Caos”)
também foi um erro ocorrido durante este exílio. O Demiurgo prossegue a
criação do mundo físico onde vivemos, ignorante da existência de Sophia, que
ainda assim consegue infundir alguma fagulha espiritual (Pneuma,
em grego: πνευμα) na criação dele[1].

Em Pistis Sophia[2], Cristo é enviado pelo Uno para trazer Sophia de volta à
totalidade (Pleroma). Ele a habilita a ver novamente a luz, dando-lhe o
conhecimento do espírito (Pneuma). Cristo é então enviado à Terra na forma
de um homem (Jesus) para dar aos homens a Gnose necessária para que se
libertem do mundo físico e retornem para o mundo espiritual. Para os
gnósticos, o drama da redenção de Sophia através do Cristo (ou o Logos) é o
drama central do universo.>>>

CONCLUSÃO GERAL

Salvo se não entendi corretamente ou por falta de mais alguma leitura, acho
que ficou claro que foi liberada a nossa Anomalia Primária via retorno do Sol
Gêmeo Nêmesis ou Nibiru ou Hercolubus, que vai repercutir de forma positiva
nos outros sistemas confinados e facilitar a liberação deles!
No entanto, este Sol Gêmeo, chamado de o Sol da Justiça pelo Ete que
contatou o paulista Dino Kraspedon nos anos 50 (veja meus artigos anteriores
onde deixo o PDF do livro), trará sim, também catástrofes – já claramente em
andamento... embora haja outros elementos ou eventos também colaborando
(lendo alguns satsangs ou meus últimos artigos isso vai ficar claro como o
sol!!! Falando no Sol Gêmeo). Aliás, segue link do meu blog atual – vejam os
posts de janeiro e dezembro – tem uns 3 só sobre Nibiru ou Nêmesis!
https://almaomega.blogspot.com/
Sendo assim, nosso preparo maior agora, mais do que nunca, não é mais
ENTENDER o que acontece – os que nunca se preocuparam estão ainda
podendo pegar o bonde andando via artigos de Aivanhov e com meus recortes,
facilitando a leitura dos aspectos chaves, mas também no tocante de COMO
DEVEMOS nos preparar, principalmente os que não têm uma via espiritual
estabilizada!
Portanto, se qualquer um dos aspectos os interessar, sugiro ler apenas meus
artigos postados em Dezembro de 2018, na sequência que os inspirar, para 25
estarem minimamente informados quanto ao preparo do que nos espera e de
como devemos nos fortalecer por dentro justamente porque agora estamos
informados e não podemos nos enganar mais e achar que o aumento
astronômico de ativação dos vulcões (em função da proximidade do campo
magnético de Nêmesis), ou o descontrole climático, sejam apenas efeitos do El
Nino ou da La Nina... Há muito mais por detrás e sabendo disso, URGE O
PREPARO INTERIOR para ESTAR EM PAZ e garantir, que seja o que for que
vier ao nosso encontro, que possamos estar PREPARADOS
ESPIRITUALMENTE, seja para sermos fonte de força aos nossos próximos ou
apenas para nós mesmos.
PORTANTO, QUE ESTE ARTIGO SIRVA PARA QUE CADA UM BUSQUE
REFÚGIO E FORÇA DA FORMA QUE MAIS LHE TOCAR O CORAÇÃO!

COMPLEMENTO AO TEMA VIA SATSANG DE ABBA


DE 29/10/2018 – PARTE 6
https://ultimasleiturasdaluz.blogspot.com/2018/10/abba6-29-de-outubro-
de-2018.html
E para complementar um assunto tão denso, deixo aqui AINDA Atrês
parágrafos de um Satsang de Abba, o qual recomendaria ler do começo ao fim
– como forma de preparo e para entender como será importante não reagir e
sim acolher... TUDO, TODOS... que topar nosso caminho, por mais absurdo
que seja! (Ufa!).

Então, a Alegria cuida de tudo realmente, assim como a inteligência da Luz


cuida de tudo. Tudo é automático e espontâneo. Adote isso e confira.
Silêncio

A violência não resolve nada, mesmo que seja justificada. Ela mantém o jogo
da cena teatral. A violência mantém ação e reação e cristaliza. Apenas
o Amor declina. E repito, a eficiência e a eficácia do que você é, na junção do
Ser e Não-Ser, serão milhões de vezes mais eficazes do que a reação através da
violência.
Silêncio

Tudo o que parece insuportável para você hoje será atravessado da mesma
forma. E muito em breve, então, você descobrirá que o que você é, na junção
do Ser e do Não-Ser, age real e concretamente. Naturalmente, nesta fase
particular, desde o fim da anomalia primária - isto é, desde 16 de junho - você
tem exatamente um número de meses, um número de dias. Você está hoje em
135 dias. O que significa que você iluminou o palco de uma maneira
magistral. Acende-se em sua vida, ilumina-se na tela do mundo, e é a
iluminação, pela Luz, que supera tudo isso, e não sua reação. Se inúmeros de
vocês entrassem em reação contra a injustiça, contra a predação, vocês só
criariam uma guerra. A guerra não resolve nada, nunca leva à Paz, nunca. O
que você chama de paz, o intervalo entre duas guerras, apenas alimenta a
próxima guerra, nada mais e nada menos. Os predadores nunca buscarão
a Paz porque não estão em Paz.
Tudo isso, todas essas tentativas que correspondem à história da 26
humanidade, e falo apenas dos tempos modernos, sempre lhe mostraram: a
guerra é permanente. Não é só em declarar guerra entre dois países, é
permanente porque na consciência efêmera limitada, não pode haver nada
além de guerra. O espaço de descanso e de vida entre duas guerras não é a
verdadeira Paz. A verdadeira Paz não tem nada a ver com este mundo,
absolutamente nada.

Toda a paz, toda a satisfação deste mundo - e você percebe isso em muitos
agora - quaisquer que sejam essas satisfações, que seja o encontro
de Amor mais fabuloso, que sejam as maiores satisfações de seus desejos -
tudo o que eles possam ser - não é nada comparado a esta Alegria e
esta Beatitude. Se você vive, você só pode vê-lo e não pode se opor a ele.

E MAIS ESTES RECORTES... DO SATSANG DE ABBA


DE 31/10/2018 – PARTE 9
https://ultimasleiturasdaluz.blogspot.com/2018/10/abba9-31-de-outubro-
de-2018.html

Será que alguém entre vós tem medo do que está a acontecer neste momento?

Voz: Não
Como você quer ter medo do amor, o amor põe fim a todo o medo. Não é um
amor projetado para o condicionamento. Esse amor foi chamado de ágape
pelos gregos, porque é um o amor que não depende de nada, é espontâneo, e
está em todos, porque é o que você é, todo o resto passará e quase terminou
de passar.
Toda a Confederação Intergaláctica dos Mundos Livres, como vocês sabem,
está cada vez mais presente e visível, e é desmascarada para você de todos os
lugares do mundo, todos os dias. Esta presença se tornará mais forte, e não
haverá socorristas, resgates ou dracos, como disse o Comandante, que
encheriam sua geladeira, porque esse é o fim do jogo.
Este é o fim, como eu disse, com essa expressão um tanto forte do mito da
criação.
O fim do mito da criação, como lhe expliquei, não é estritamente de uma
descriação.
Esta palavra que eu usei aqui por vários meses foi na verdade destinada a te
chocar.
A Criação, já está concluída há muito tempo, nunca começou, aconteceu ao
mesmo tempo no coração de todos, independentemente de qualquer espaço e
qualquer dimensão, mesmo antes do coração existir, é o que você encontra.
Como você não se reconheceria, como gostaria de não amar a si mesmo, além
de todas as imperfeições e sofrimentos, como faria a menor diferença em
qualquer irmão ou irmã que estivesse olhando?
Veja, isto é agora, em todos, está vivo.
E você vê que não precisa assumir nada, procurar uma data ou criar qualquer
cenário de intervenção em qualquer lugar.
O amor não precisa de nada, o amor não precisa de provas, o amor é o que é
agora, para um número cada vez maior, a cada hora, a cada minuto.
...Silêncio...
Você vê o progresso desta dissolução e esta paz? 27
[...]
Participante: Não é uma questão, não, na verdade, eu só queria dizer que,
desde uma dezena de horas, uma dúzia de horas, sinto em mim uma
leveza, tenho dificuldade de expressar, para explicar melhor esta doçura,
mas é uma doçura que toma todo o meu coração e eu ... quase como
quem quer se romper em lágrimas, mas em lágrimas de intenso amor,
alegria,beatitude, como se em algum lugar também era tão grande. Na
verdade, eu quero endereçar isto para todas as irmãs e irmãos que eu
amo, e que estão em meu coração de qualquer maneira. E então é bom
viver, e então é bonito de simplesmente sentir.

O manto azul de Maria foi colocado em seus ombros, muito mais intenso do
que era o caso aqui há muitos anos entre os mais antigos. E esta doçura que
você fala, que acompanha o amor, é obviamente o amor de uma mãe além do
arquétipo, desta linhagem chamada Maria. É muito mais do que o sagrado
feminino.
Eu diria simplesmente que é a feminilidade em seu sentido mais nobre, não
apenas nesta Terra, mas feminilidade além de qualquer noção sexual, mas no
que poderia ser chamado a magnificência da acolhida, porque quem pode
acomodar melhor, mesmo neste mundo, do que uma mulher que acolheu a
vida e a desenvolveu dentro dela.
Ela sabe, mesmo sem ter dito, mesmo sem ter demonstrado que a vida está
nisto, e em nenhum outro lugar, e que a doçura é muito mais do que a co-
criação feminina ou consciente, é a totalidade do feminino sagrado que você
encontra.

Por Helena Schaffner


Janeiro 2019