Você está na página 1de 49

SIAFEM/PI - Sist. Integrado de Adm. Financ.

para Estados e Municípios

ÌNDICE

INTRODUÇÃO ...........................................................................................................................2

1.0 - TERMOS E CONCEITOS MAIS UTILIZADOS ..................................................................8

2.0 - EXECUÇÃO DA DESPESA .............................................................................................13


2.1 - EMPENHO DA DESPESA ..................................................................................................................................13

2.2 - LIQUIDAÇÃO DA DESPESA...........................................................................................22


2.3 - PROGRAMA DE DESEMBOLSO (PD)..............................................................................................................27
2.4 - GUIA DE RECEBIMENTO (GR) .........................................................................................................................30

3.0 - TABELAS ........................................................................................................................33


3.1. ÓRGÃO ...................................................................................................................................................................35
3.1.1. Acesso a Lista dos Órgãos................................................................................................................................35

4.0 - LISTA DE COMANDOS DISPONÍVEIS PARA O USUÁRIO DA UG...............................36

5.0 - DICAS ..............................................................................................................................38


5.1 - ACERTOS CONTÁBEIS .....................................................................................................................................38
5.2 - EMISSÃO DA PD:................................................................................................................................................38

6.0 – EXERCÍCIOS PRÁTICOS. ..............................................................................................40


6.1 - SERVIÇO DE TERCEIROS PESSOA FÍSICA C/ RETENÇÃO IRRF/ INSS E ISS. ........................................40
6.1.1 EMISSÃO DE PROGRAMAÇÃO DE DESEMBOLSO – PD ...........................................................................41
6.2 - MATERIAL DE CONSUMO ................................................................................................................................41

6.3 - SERVIÇOS DE UTILIDADE PÚBLICA ............................................................................42

6.4 AQUISIÇÃO DE BENS MÓVEIS........................................................................................44

7.0 – INSTRUÇÕES NORMATIVAS ............................... ERRO! INDICADOR NÃO DEFINIDO.


7.1 – SUPRIMENTO DE FUNDOS ........................................................................... ERRO! INDICADOR NÃO DEFINIDO.
7.2 – CONVÊNIOS..................................................................................................... ERRO! INDICADOR NÃO DEFINIDO.
7.3 - APLICAÇÃO FINANCEIRA............................................................................... ERRO! INDICADOR NÃO DEFINIDO.
7.4 - RESGATE DA APLICAÇÃO FINANCEIRA ..................................................... ERRO! INDICADOR NÃO DEFINIDO.
7.5 - TRANSFERÊNCIA DA CONTA “C” PARA CONTA ÚNICA .................................. ERRO! INDICADOR NÃO DEFINIDO.

1
INTRODUÇÃO

O SIAFEM/PI - SISTEMA INTEGRADO DE ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA PARA ESTADOS E


MUNICÍPIOS é um sistema desenvolvido pelo Serviço Federal de Processamento de Dados -
SERPRO, para otimizar e uniformizar a execução orçamentária, financeira, patrimonial e
contábil, de forma integrada, minimizando os custos, obtendo maior transparência, eficiência e
eficácia na gestão dos recursos públicos, facilitando assim a apreciação de contas do Governo
pelos Órgãos do Controle Interno do Poder Executivo e do Controle Externo representados pela
Assembléia Legislativa e Tribunal de Contas.

O SIAFEM/PI é um sistema que processa, com auxílio da teleinformática, a execução


orçamentária, financeira, patrimonial e contábil das Entidades da Administração Estadual Direta
e Indireta.

A construção do aplicativo do SIAFEM/PI foi baseada na Lei nº 4.320, de 17 de março de 1964,


que institui normas gerais de direito financeiro para elaboração, execução e controle dos
orçamentos e balanços da União, dos Estados e Municípios e do Distrito Federal, constituindo-
se a base da legislação financeira do País e respectivas portarias federais que versam sobre a
mesma matéria, bem como na Lei nº 6.404, de 15 de dezembro de 1976, que dispõe sobre as
Sociedades por Ações.

A implantação desse sistema facilitará a entrada de dados pelos usuários. O sistema será
alimentado por 07 tipos de documentos: Nota de Dotação (ND), Nota de Crédito (NC), Nota de
Empenho (NE), Nota de Lançamento (NL), Programação de Desembolso (PD), Ordem Bancária
(OB) e Guia de Recebimento (GR), que os alimentadores darão entrada diretamente no próprio
sistema SIAFEM/PI, reduzindo significativamente o trâmite de centenas de milhares de papéis e
processos entre a Contadoria Geral, Tribunal de Contas e os Órgãos de Finanças e Unidades
de Despesas do Estado.

2
SIAFEM/PI - Sist. Integrado de Adm. Financ. para Estados e Municípios

Todos os recursos financeiros, de qualquer origem, serão depositados no Banco do Estado do


Piauí - BEP, na Conta Única do Tesouro, de onde sairão os numerários para o pagamento de
todas as despesas.
No SIAFEM/PI para cada Unidade Gestora (UGE) haverá uma “Conta Única Contábil”, cuja
somatória corresponde à “Conta Única Bancária” no BEP, sendo que os pagamentos aos
credores serão creditados automaticamente em suas contas correntes, previamente
cadastradas no Sistema.
Uma das principais vantagens do SIAFEM/PI é estar programado para fornecer, a qualquer
instante, todas as demonstrações contábeis, orçamentárias e financeiras das unidades
integrantes do Sistema, devidamente atualizadas, até o momento da solicitação, com a
possibilidade de opções de consultas variadas. Inclusive o Tribunal de Contas poderá ter
acesso direto à execução orçamentária, financeira, contábil e patrimonial do Estado.
Destaca-se, ainda, que uma das principais características do SIAFEM/PI é a sua abrangência.
O Excelentíssimo Governador do Estado Do Piauí determinou a integração de toda a
Administração Direta e Indireta nesse Sistema, com terminais ligados diretamente a um
computador central, localizado na PRODEPI.
Cabe ressaltar que a Lei n.º 5.423, de 20/12/2004, que dispõe sobre a implantação do
SIAFEM/PI no Estado do Piauí, determina basicamente o seguinte:

1. O SIAFEM/PI fica implantado na Administração Direta e Indireta a partir de 03/01/2005;


2. Fica instituído Plano de Contas Único, a ser utilizado pelos órgãos da Administração Direta e
Indireta;
3. O Gestor do SIAFEM/PI será a Secretaria da Fazenda, através da Superintendência de
Despesa, e o seu processamento eletrônico será executado pela PRODEPI.

3
DESCRIÇÃO GERAL

ACESSO E SAÍDA DO SISTEMA SIAFEM/PI


PRIMEIROS PASSOS

É necessário para acessar o sistema:


- o preenchimento da Ficha de Cadastro. O cadastramento será feito pela Secretaria da
Fazenda na UNICON;
- um microcomputador que funcione como terminal, ou seja: o micro deverá estar ligado ao
computador da PRODEPI e instalado o “extra”.

1. Ligar o microcomputador;

2. Clicar no ícone da Prodepi (Extra)

3. Após aparecer:

1ª TELA:
PRODEPI MENU DE APLICACOES 2004
OPCAO <A> ->> Renavam - Detran, Polinter e Seguranca.
OPCAO <B> ->> SIC 1999 - Contabilidade
->> SINEPI - Cadastro de Servirdor
->> Protocolo Geral
->> Secretaria de Fazenda
OPCAO <C> ->> SIC - Contabilidade
OPCAO <D> ->> Renach - DETRAN
OPCAO <E> ->> Folha - Educao, IAPEP, PRODEPI ...
OPCAO <F> ->> SIAFEM - DESENVOLVIMENTO
OPCAO <G> ->> SIAFEM - PRODUCAO

OPCAO <V> ->> VM/ESA ONLINE (VM)

DIGITAR:
<G> e pressionar <ENTER>;

2ª TELA:
IESADMSO1 CICSIAFP ONLINE
5686-066 and Other Materials (C) Copyright IBM Corp. 1995 and other dates

******** ******** ******* ******** ****** ******** ***


********* ********* ********* ********* ****** ********* ***
*** *** *** *** *** *** *** *** *** *** *** ***
*** *** *** *** *** *** *** *** *** *** *** ***
*** *** *** *** *** *** *** *** ***** *** *** ***
********* ********* *** *** *** *** ***** ********* ***
********* ********* *** *** *** *** *** ********* ***
*** *** *** *** *** *** *** *** *** ***
*** *** *** ********* ********* ****** *** ***
*** *** *** ******* ******** ****** *** ***
Your terminal is TJ1F and its name in the network is TE052031
Today is 29/01/2005 To sign on to CICSIAFP -- enter your:

USER-ID........ ________ The name by which the system knows you.


PASSWORD....... Your personal access code.
LOGON HERE..... 2 Enter 1 for YES, 2 for NO
4
PF1=HELP 2=TUTORIAL 4=REMOTE APPLICATIONS 10=NEW PASSWORD
DIGITAR NO CAMPO USERID E PASSWORD – O CODIGO FORNECIDO PELA UNICON.:

e pressionar <ENTER>;

3ª TELA:

. Após aparecer a tela do sistema NAVEGA, seguir os seguintes passos :

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUI - AMBIENTE DE PRODUCAO DO NAVEGA - 2

** ** ******** ** ** ******** ****** ******


*** ** ******** ** ** ******** ******** ********
**** ** ** ** ** ** ** ** ** **
***** ** ******** ** ** ***** ** **** ********
** ***** ******** ** *** ***** ** **** ********
** **** ** ** ** *** ** ** ** ** **
** *** ** ** **** ******** ******** ** **
** ** ** ** *** ******** ****** ** **

SISTEMA DE CONTROLE DE ACESSO

________________________________________________________________________
TERMINAL : TJ1F DATA : 29/01/2005 HORA : 11:45:26

CODIGO : ___________
SENHA : NOVA SENHA :

PF3/PA1 = RETORNA

5
DESCRIÇÃO GERAL

SEGURANÇA DE ACESSO
NAVEGANDO

A partir da tela “NAVEGA”, que se encontra editada no seu micro ou terminal, o usuário
informará o que o sistema solicita :
CÓDIGO DO USUÁRIO
Digitar o n.º do seu CPF . Campo numérico de 11 posições
SENHA DE ACESSO
Digitar o código de sua senha, fornecido por um dos responsáveis pelo “SISTEMA NAVEGA”.
Este código é alfanumérico, tem no máximo oito posições e é constituído da palavra NOVA
seguida de até quatro números.
NOVA SENHA
O usuário deverá digitar nova senha, de sua livre escolha, constituída de até 8 dígitos,
alfanuméricos, a qual substituirá automaticamente a senha anterior, sendo que, desta vez, não
poderá digitar a palavra “NOVA”.

SISTEMA : Digitar SIAFEM2005

A seguir, surgirá uma tela apresentando os módulos do Sistema, para as quais o usuário estará
habilitado, permitindo ao mesmo escolher suas transações.
Obs : qualquer dúvida entrar em contato com o DISK-SIAFEM
telefone: (086) 216-9608

6
DESCRIÇÃO GERAL

CONSULTAS

COMANDOS DE CONSULTA

> LIS - seguido das iniciais do documento, para obter listagem geral dos dados
cadastrados. É utilizado quando não é conhecido o código específico do objeto da
consulta;

> CON - seguido das iniciais do documento, para obter consultas específicas. Esta
opção exige o conhecimento do código do documento, objeto da consulta;

> DETACONTA - detalhamento da conta contábil;

> RAZAO - para obter o histórico de uma conta contábil, com suas respectivas
contas-correntes, se existirem;

Ø ESPCONTAB - para obter o espelho contábil, com todos os lançamentos de um


determinado documento.

OBS. As consultas de tabelas a opção >CON servirá como consulta e lista.

7
SIAFEM/PI - Sist. Integrado de Adm. Financ. para Estados e Municípios

1.0 - TERMOS E CONCEITOS MAIS UTILIZADOS

ÓRGÃO

Identifica, no âmbito estadual, cada Secretaria de Estado, cada Tribunal, a Assembléia


Legislativa, o Ministério Público e a Procuradoria Geral do Estado, que integram o SIAFEM/PI.
Para identificação no sistema, utiliza-se código com 5 dígitos.

UNIDADE GESTORA EMITENTE (UGE)

No âmbito estadual, é a unidade incumbida de gerir os recursos orçamentários e financeiros da


entidade e fazer a contabilização de todos os seus atos e fatos administrativos. É a unidade
autorizada a emitir documentos através do SIAFEM/PI. Na Administração Direta, cada órgão
tem sua UGE e na Administração Indireta, cada Autarquia, Fundação ou Empresa será uma
Gestão e terá uma ou mais UGE´s conforme sua peculiaridade.

UNIDADE ORÇAMENTÁRIA

Consiste em cada uma das Unidades do Órgão, para qual a Lei Orçamentária consigna
dotações orçamentárias específicas.

UNIDADE GESTORA RESPONSÁVEL (UGR)

É a unidade que realiza, por descentralização da UGE, seu programa de trabalho.

GESTÃO

Ato de gerir parcela do patrimônio público, sob a responsabilidade de uma determinada


entidade. Uma Gestão terá uma ou várias UGE´s, no entanto a cada UGE, corresponde uma só
gestão, cujo código informado contém 5 dígitos, como exemplo: 00001 - Gestão Tesouro.

8
FONTE DE RECURSOS

Identifica a origem dos recursos orçamentários destinados à execução da programação da


entidade, sendo estes recursos Próprios, do Tesouro ou de Terceiros.

Obs: A Fonte de Recursos completa é composta de 10 dígitos. onde: os dois primeiros


dígitos e a identificação do IDUSO e Grupo de Fonte:

IDUSO GRUPO DE FONTE


0 = Recursos no País 1 = Recursos do Tesouro.
1 = Recursos do BID 2 = Recursos de Outras Fontes.
2 = Recursos do Bird
3 = Outras contas partidas

EX: 0 1 13 000000

0 = Recursos no País
1 = Recursos do Tesouro
13 = Recursos do Sus (Orçamento do Estado)
000000 = Seqüencial para detalhamento da Fonte.

PROGRAMA DE TRABALHO - PT (CLASSIFICAÇÃO FUNCIONAL PROGRAMÁTICA)

Elenco de projetos ou atividades que identificam as ações a serem realizadas pelas entidades.
É representado por uma estrutura que permite a elaboração e execução orçamentária, bem
como o controle e acompanhamento dos planos definidos pela instituição para serem exercidos
em um determinado período. Sua estrutura, formada por 17 dígitos, tem a seguinte composição:

Função : XX
Sub Função : XXX
Programa : XXXX
Projeto/Atividade/OPE : XXXX
Subprojeto/Subatividade : XXXX

PLANO INTERNO - PI

Instrumento de planejamento e de acompanhamento das ações do Órgão, usado como forma de


detalhamento do Projeto/Atividade/Operações especiais. Todo PI está vinculado a uma única
classificação da funcional programática e a uma esfera orçamentária é a identificação do centro
custo. É um código de até 11 dígitos

9
PROGRAMA DE TRABALHO RESUMIDO - PTRES

É um código de 6 dígitos que representa a fusão do Órgão e da Unidade Orçamentária com seu
respectivo Programa de Trabalho, com vistas a facilitar o cadastramento dos empenhos e as
consultas orçamentarias específicas.

Órgão : XX
UO : XX
Seqüencial : XX

INSCRIÇÃO GENÉRICA

A identificação do credor é feita, normalmente, através do CGC ou CPF, e na falta destes,


atribuímos código de 9 dígitos para os seguintes tipos de inscrição genérica : EX para
instituição ou pessoa física estrangeira e PF para pessoa física nacional.
Este código será criado pelo Núcleo de Sistemas e Tabelas por solicitação do Gestor da UGE.

CONTA CORRENTE CONTÁBIL

Representa o nível mais analítico das contas contábeis evidenciadas no Plano de Contas. A
finalidade é proporcionar flexibilidade no gerenciamento dos dados desejados como:
individualização de credores, devedores, bancos, fontes etc.

EVENTO

É qualquer ato ou fato que deva ter tratamento contábil pelo SIAFEM/PI. É o instrumento
utilizado pela Unidade Gestora Emitente e pela Unidade Gestora Responsável no
preenchimento dos documentos de entrada no sistema, código com 6 dígitos.

Os dois primeiros dígitos representam as transações existentes na tabela de eventos.


Exemplos:

10= previsão de receita


20= dotação
30= movimentação de crédito
40= empenho.

O terceiro dígito refere-se ao tipo da situação do registro, como segue :

0= evento normal do gestor UGE’s e UGR’s


1= evento interno do SIAFEM/PI
5= estorno de evento normal pelo executor UGE’s e UGR’s

10
6= estorno interno do SIAFEM/PI

Nota : No evento de empenho não se utiliza o número 5 para estorno, pois o mesmo possui
evento específico para anulação e reforço.

Os três últimos dígitos são códigos seqüenciais, que servem para especificar o tipo de evento
em cada transação, conforme tabela de eventos.

CONTA CONTÁBIL

É a representação de débitos e créditos de uma mesma natureza , reunidos sob um título


representativo do valor de um bem, de um direito, de uma obrigação, de uma receita ou de uma
despesa. No Plano de Contas do SIAFEM/PI é identificada por um código de 9 (nove) dígitos. O
primeiro digito damos o nome de classe:

1 – ATIVO;
2 – PASSIVO;
3 – DESPESAS;
4 – RECEITA;
5 – VARIAÇÕES PASSIVAS, e
6 – VARIAÇÕES ATIVAS

11
DOCUMENTOS DO SISTEMA

Nota de Dotação - ND

Este documento permite o registro da Dotação Orçamentária Inicial e Créditos Adicionais,


Antecipação de Quota, Liberação de Quota de Regularização e Suplementação, para as UGE’s
e UGR’s. É utilizado também para transferências de Recursos Orçamentários entre UGR´s
através da opção > DETAPIUGR.

Nota de Crédito - NC

Este documento permite o registro dos eventos, vinculados à transferência de créditos


orçamentários de uma UGE para outra.

Nota de Empenho - NE

Este documento permite registrar as obrigações de pagamentos do Estado, sendo a garantia de


que existe o crédito necessário para a liquidação de um compromisso assumido.

Nota de Lançamento - NL

Este documento permite o registro dos atos e fatos administrativos, das


apropriações/realizações de Receitas e Despesas, e incorporação/desincorporação de
patrimônio.

Programação de Desembolso - PD

Este documento permite programar o pagamento das despesas autorizadas, registradas nas
NL’s.

Ordem Bancária - OB

Este documento permite efetuar os pagamentos dos compromissos, bem como a liberação de
recursos.

Guia de Recebimento - GR

Este documento permite o registro das arrecadações de receitas próprias, recolhimento de


depósitos de diversas origens e estorno da OB.

12
SIAFEM/PI - Sist. Integrado de Adm. Financ. para Estados e Municípios

2.0 - EXECUÇÃO DA DESPESA

Para a execução da despesa pressupõe-se que haja crédito orçamentário, ou seja, que a
dotação e as cotas financeiras já tenham sido contabilizadas pelos órgãos competentes.

2.1 - EMPENHO DA DESPESA

Documento Utilizado : Nota de Empenho

Para emissão do documento Nota de Empenho “NE”, consultar previamente os saldos das
dotações orçamentária e financeira disponíveis, digitando a opção “>DETACONTA” na barra
de comando, surgirá a seguinte tela :

Tela 1 - Para saber o saldo do crédito disponível, preencher com a Conta Contábil
2.9.2.1.1.00.00 e colocar a opção 1.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-DETACONTA)


USUARIO:
UNIDADE GESTORA :140101 - SECRETARIA DA EDUCACAO
GESTAO :00001 - ADM. DIRETA
MES/ANO :MAR2005
CONTA CONTABIL :292110000
OPCAO :1 (1 - DETALHADA, 2 - SALDO, 3 - INVERSAO DE SALDO)

Tela 2 - Surgirá esta tela detalhada, onde a Conta Corrente Contábil é composta de :

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-


DETACONTA)
CONSULTA EM 07/03/2005 AS 16:16 TELA: 001
USUARIO:
UNIDADE GESTORA :140101 - SECRETARIA DA EDUCACAO
GESTAO :00001 - ADM. DIRETA
POSICAO :MARCO - ABERTO
CONTA :292110000 - = CREDITO DISPONIVEL
CONTA CORRENTE CONTABIL SALDO R$
LI CONTA CORRENTE CONTABIL S A L D O R$
-------------------------------------------------------------------------------
01 1 142131 0100001001 319016 140101 2131 1.054,10D
02 1 142131 0100001001 319092 140101 2131 53.125,06D
03 1 142131 0100001001 339014 140101 2131 92.530,00D
04 1 142131 0100001001 339030 140101 2131 12.246,38D
05 1 142131 0100001001 339036 140101 2131 22.583,10D
06 1 142131 0100001001 339039 140101 2131 51.811,40D
07 1 142131 0100001001 339092 140101 2131 992.674,35D
TOTAL : 1.226.024,39D
LINHA(LI) PARA DETALHAR : __ DATA INICIAL : _____ DATA FINAL : _____
ESFERA PTRES FR N/D UGR PI

13
Obs : Para saber o saldo da Quota de Despesa disponível a empenhar, preencher a tela 1 com
a conta 2.9.3.1.1.03.00.

Tela 2 - Surgirá esta tela detalhada, onde a Conta Corrente Contábil é composta
de :

__ SIAFEM2005-CONTAB,CONSULTAS,DETACONTA ( DETALHA CONTA CONTABIL ) __________


CONSULTA EM 16/02/2005 AS 08:50 TELA: 001 USUARIO:
UNIDADE GESTORA : 140101 - SECRETARIA DA EDUCACAO
GESTAO : 00001 - TESOURO DO ESTADO
POSICAO : JANEIRO - ABERTO
CONTA : 292110300 - = COTA DE DESPESA DISP. A EMPENHAR
LI CONTA CORRENTE CONTABIL S A L D O R$
-------------------------------------------------------------------------------
01 01001200501 788,09C
02 01003200501 456.844,01C
03 01004200501 50.000,00C
04 01163200501 40.000,00C
05 01164200501 150.000,00C
TOTAL : 697.632,10C
LINHA(LI) PARA DETALHAR : __ DATA INICIAL : _____ DATA FINAL : _____

--- - ----
ano/mês
categoria de gasto
fonte de recursos

Havendo saldos disponíveis nas contas que se pretende empenhar, poderá ser emitido o
empenho, digitando a opção >NE, na barra de comando.

Sequência de telas a serem preenchidas

Tela 1 - informar os códigos da Gestão e do Evento.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ -------- ------- (SIAFEM2005-NE)


USUARIO:
UNIDADE GESTORA : 140101
GESTAO : 00001
CODIGO EVENTO : 400091

Instruções para Preenchimento

Unidade Gestora: informar o código da Unidade Gestora Emitente que está emitindo o
documento. O sistema já traz este campo preenchido com o código da Unidade Gestora em que
o operador está cadastrado, mas, se for necessário poderá ser alterado.

Gestão: indicar o código da Gestão do documento.

Código Evento: informar o código do evento correspondente ao fato a ser registrado.

Obs : Para empenho da despesa o código do evento é 40.0.091, para reforço do


14
empenho é 40.0.092 e para anulação do empenho é 40.0.093.

Tela 2 - Preencher, os dados correspondentes ao tipo de despesa a ser empenhada. Como


exemplo, o pagamento de conta de energia elétrica, no valor de R$ 5.000, 00,
teremos :

__ SIAFEM2005-EXEORC,UG,NE ( NOTA DE EMPENHO ) _______________________________


USUARIO : SAULO
DATA EMISSAO : 16FEV2005 NUMERO : 2005NE _____
UNIDADE GESTORA : 140101 - ENCARGOS GERAIS DO ESTADO
GESTAO : 00001 - TESOURO DO ESTADO
CGC/CPF/UG CREDOR : ______________
GESTAO CREDOR : _____

EVENTO : 400091 - EMPENHO DA DESPESA


PLANO INTERNO : ___________ ESFERA : _
PT RESUMIDO : ______ UNID.ORCAMENTARIA : _____
PROGRAMA TRABALHO : _________________ FONTE RECURSO : __________
NATUREZA DESPESA : ______ UG RESPONSAVEL : ______
ACORDO : _______ MODALIDADE : _
LICITACAO : _ ORIGEM MATERIAL : _
REFERENCIA LEGAL : ____________________ NUMERO PROCESSO : _______________
VALOR : _________________
NUMERO CONVENIO : ______ ADITIVO CONVENIO : ___
NUMERO CONTRATO : ________________ ADITIVO CONTRATO : ___
LOCAL DE ENTREGA DATA DE ENTREGA
_____________________________________________ _________
TIPO DE EMPENHO : _ 1 - REPASSE 2 - SUPRIMENTO
3 - SUBVENCAO SOCIAL 9 - DESPESA NORMAL

Instruções para Preenchimento

Data de Emissão : registrar a data de emissão do documento no formato DDMMMAA. O


Sistema já traz esse campo preenchido com a data corrente, mas, se for necessário, poderá ser
alterado.

Número : Não preencher. o Sistema trará automaticamente.

Unidade Gestora: não preencher este campo. O sistema trará UGE informada na primeira tela
juntamente com a sua denominação.

Gestão : não preencher este campo. O sistema trará a Gestão informada na primeira tela
juntamente com a sua denominação.

CCG/CPF/UGE Credor : registar o número completo (inclusive dígito verificador), sem


separação do CGC ou CPF do credor, quando se tratar de pessoa jurídica ou física, ou ainda, o
código da Unidade Gestora beneficiária.

Gestão Credor : informar o código da gestão se o credor for uma Unidade Gestora.

Evento : não preencher este campo. O sistema trará o evento informado na primeira tela
juntamente com a sua denominação.

Plano Interno : informar o código conforme detaconta, Neste caso não será necessário
preencher os campos da Unidade Orçamentária, Esfera, Ptres e Programa de Trabalho .
15
PT Resumido : não preencher este campo

Unidade Orçamentária : não preencher este campo.

Programa de Trabalho : não preencher este campo.

Fonte de Recurso : informar o código da Fonte de Recursos.

Natureza da Despesa : informar o código que identifique a Natureza da Despesa.

UG Responsável : informar o código da Unidade Gestora Responsável.

Acordo : informar o acordo firmado pelo Empenho. O primeiro dígito deste campo indicará o
tipo de acordo. Os dígitos restantes deverão conter o número do acordo. O tipo de acordo
deverá respeitar a tabela abaixo :

1. Convênio - o Sistema validará o Número do Convênio;


2. Contrato, seguido do número e ano;
3. Ajuste.

Modalidade: registrar o algarismo correspondente à modalidade do empenho conforme abaixo :

1. Ordinário
3. Estimativo
5. Global

Licitação : registrar o algarismo correspondente à modalidade da licitação, compra de bens ou


prestação de serviços, conforme discriminado abaixo :

1. Concurso
2. Convite
3. Tomada de Preço
4. Concorrência
5. Dispensa de Licitação
6. Inexigível

16
Referência Legal : para o tipo de licitação 5, deverá ser informado neste campo o instrumento
legal que efetuou a dispensa. Para os demais tipos de licitação, deverá ser informado os dados
do número do Concurso, Convite, Tomada de Preços, Concorrência, Diárias, Vencimentos ou
Transferências.

Origem Material : registrar o algarismo correspondente a origem do material conforme


discriminado abaixo:

1. Origem nacional
2. Material estrangeiro adquirido no mercado interno
3. Material estrangeiro adquirido fora do país

Número Processo : informar o número do processo a que se refere o empenho.

Valor : informar o valor do Empenho, sem pontos ou vírgula.

Local de Entrega : onde deve ser entregue o material

Data de Entrega : data para entrega

Tipo de Empenho : preencher com o tipo da despesa.

Tela 3 - Trata do cronograma mensal. Neste exemplo supomos o pagamento da fatura de


energia elétrica que será realizada em MAR/2005.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ -------- ------- (SIAFEM2005-NE)


Data de Emissao : 17mar2005 USUARIO :
NUMERO :2005NE

CRONOGRAMA MENSAL

----MES---- ----VALOR----
03 500000----------
-- -------------------
-- -------------------
-- -------------------
-- -------------------
-- -------------------
-- -------------------
-- -------------------
-- -------------------
-- -------------------
-- -------------------
-- -------------------
VALOR DO EMPENHO : 5.000,00
PA1 -SAI PA2 - VOLTA A TELA

17
Instruções para Preenchimento

Data Emissão : não preencher. O sistema trará a data informada na tela anterior.

Número : não preencher. O sistema trará automaticamente.

Mês : informar numericamente de 01 a 12, o mês de competência da despesa.

Valor : informar o valor correspondente ao desembolso no respectivo mês, sem pontos ou


vírgula.

Valor do Empenho : não informar. O sistema trará o valor total do Empenho informado na tela
anterior.

Tela 4 - surge automaticamente esta tela, para confirmação das informações contidas na Tela 3.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-NE)


USUARIO :
NUMERO :2005NE
DATA EMISSAO : 17MAR2005
UNIDADE GESTORA : 140101-SECRETARIA DA EDUCACAO
GESTAO : 00001 - GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ -ADM.DIRETA
CGC/CPF/UG CREDOR : 06840748000189
GESTÃO CREDOR : -----------

EVENTO : 400091 - EMPENHO DA DESPESA


PLANO INTERNO : _2131_ ESFERA :1
PT RESUMIDO : 142131 UNIDADE ORCAMENTARIA : 14101
PROGRAMA TRABALHO : 12262006221310000 FONTE RECURSO :0100001001
NATUREZA DESPESA : 339039 UG RESPONSAVEL : 140101
PLANO INTERNO : ----------- ACORDO :------------
MODALIDADE :1 LICITACAO :5
REFERENCIA LEGAL : LEI 8666 ORIGEM MATERIAL :--
NUMERO DO PROCESSO : 2005/0001
VALOR : 500000
LOCAL DE ENTREGA DATA DE ENTREGA
CENTRO ADMINISTRATIVO 25MAR2005

CONFIRMA? (C/N/A): C (C - CONFIRMA N - NAO CONFIRMA A - ALTERA)

18
Tela 5 - apresenta automaticamente o número da NE. É importante anotar este número para
posterior impressão.
GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-NE)
USUARIO :
UG EXECUTORA :140101-SECRETARIA DA EDUCACAO
GESTAO :00001 - GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ -ADM.DIRETA
CGC/CPF/UG CREDOR :06840748000189-COMPANHIA ENERGETICA DO PIAUI-CEPISA
GESTAO CREDOR :

EMPENHO CADASTRADO

EMPENHO NUMERO : 2005NE01890


DATA DE EMISSAO : 17MAR2005
LANCAMENTO : 17MAR2005
VALOR DO EMPENHO : 5.000,00
TIPO DE EMPENHO : 9 - DESPESA NORMAL

Tela 6 - utilizada para descrição da despesa.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-NE)


USUARIO :
UNIDADE GESTORA :140101-SECRETARIA DA EDUCACAO
GESTAO :00001 - GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ -ADM.DIRETA
NUMERO : 2005NE01890

ITEM UNID. DESCRICAO QTD. PRECO UNITARIO PRECO TOTAL


01 SERV DESPESA COM ENERGIA
ELETRICA, REF. AO MES
DE MAR2005, COM VENCTO,
PARA 26MAR2005----------------
-------------------------------------
-------------------------------------
------------------------------------- 500000

Instruções para Preenchimento

Unidade Gestora : não preencher. O sistema trará a informada na tela anterior.

Gestão : não preencher. O sistema trará a informada na tela anterior.

Número : não preencher. O sistema trará o informado na tela anterior.

Item : não preencher. O sistema trará o próximo número disponível, até 49 itens.

Unidade : informar a unidade de medida do bem ou serviço objeto do Empenho.

Descrição : descrever sucintamente a especificação do bem ou serviço objeto do


Empenho.

QTD : informar a quantidade do bem ou serviço objeto do Empenho.

19
Preço Unitário : informar o preço unitário do bem ou serviço objeto do Empenho, sem pontos
ou vírgula.

OBS : se for preenchido apenas a quantidade e preço total, o sistema calculará o preço unitário.

Preço Total : informar o preço total do bem ou serviço.

Valor Total do Empenho : não preencher. O sistema recupera o valor do Empenho que está
sendo descrito.

Valor Total já Descrito : não preencher. O sistema irá somando os valores dos itens informado
objetivando melhor orientar o usuário.

Tela 7 - utilizada para confirmação das informações da Tela 6.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-NE)-


USUARIO :
UNIDADE GESTORA :140101-SECRETARIA DA EDUCACAO
GESTAO :00001 - GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ -ADM.DIRETA
NUMERO :2005NE01890
ITEM UNID. DESCRICAO QTD. PREÇO UNITARIO PRECO TOTAL
01S SERV DESPESA COM
ENERGIA ELETRICA, REF.
AO MES DE MAR2005,
COM
VENCTO.,PARA 26MAR2005

500000 500000
VALOR TOTAL DO EMPENHO 500000
VALOR TOTAL JA DESCRITO 500000

CONFIRMA? (C/N/A): C (C-CONFIRMA N - NAO CONFIRMA A -ALTERA)

OBS : Para emitir o documento NE, para assinatura do ordenador da despesa, digitar a opção
“>IMPNE”, e preencher o que se pede para obter a tela 1, informe o numero da impressora para
imprimir.

20
GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- (SIAFEM2005-CONNE)
CONSULTA EM 19/01/2005 AS 10:01 USUARIO :
DATA EMISSAO :17MAR2005 NUMERO :2005NE01890
DATA LANCAMENTO :17MAR2005
UNIDADE GESTORA :140101-SECRETARIA DA EDUCACAO
GESTAO :00001 - GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ -ADM.DIRETA
CGC/CPF/UG CREDOR : 06840748000189
GESTAO CREDOR : -----------
EVENTO : 400091 - EMPENHO DA DESPESA
PROGRAMA DE FONTE NATUREZA PLANO
PTTRES UO TRABALHO RECURSO DESPESA UGR INTERNO
142131 14101 12362006221310000 0100001001 339039 140101 2131

ACORDO : MODALIDADE : 1 - ORDINARIO


LICITACAO :5 - DISP.LICIT. REFERENCIA LEGAL :LEI 8666
ORIGEM MATERIAL : NUMERO PROCESSO :05/0001
VALOR : 5.000,00
LOCAL DE ENTREGA DATA DE ENTREGA
CENTRO ADMINISTRATIVO 25MAR2005

TIPO DE EMPENHO : 9- DESPESA NORMAL


LANÇADO POR : JOAO RIBEIRO EM 17MAR2005 AS 15:57.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-CONNE)


CONSULTA EM 19/01/2005 AS 10:01 USUARIO :
DATA EMISSAO :17MAR2005 NUMERO :2005NE01890
CRONOGRAMA MENSAL - EMPENHO DA DESPESA
---MES--- ---VALOR---
01 5.000,00

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-CONNE)


CONSULTA EM 19/03/2005 AS 10:01 USUARIO :
UNIDADE GESTORA : 140101
GESTAO : 00001
NUMERO : 2005NE01890
ITEM UNID. DESCRICAO QTD. PREÇO UNITARIO PRECO TOTAL
01 SERV DESPESA COM ENERGIA
ELETRICA, REF. AO MES DE
MAR/05, COM VENCTO.,PARA
26JMAR/05

1 5.000,00 5.000,00

( CARIMBO E ASSINATURA )

21
2.2 - LIQUIDAÇÃO DA DESPESA

Documento Utilizado : Nota de Lançamento

Nota de Lançamento (NL): para emissão deste documento consultar previamente a “Tabela de
Eventos”, o “Plano de Contas”, e/ou instruções da Contadoria Geral do Estado para obtenção
dos respectivos códigos, ou a opção >LISCONTA para obter o sub item da conta contábi da
respectiva natureza da despesa que foi feito o empenho. A seguir preencher as telas abaixo
digitando a opção “>NL” na barra de comando.

Sequência de telas a serem preenchidas

Tela 1 - Esta tela permite fazer simultaneamente a liquidação da nota de empenho (realização
da despesa no nosso exemplo) e o registro da obrigação a pagar.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-NL)


DATA DE EMISSAO : 17MAR2005 USUARIO:
UNIDADE GESTORA : 140101 NUMERO : 2005NL
GESTAO : 00001
CGC/CPF/UG FAVORECIDA : ------------
GESTAO FAVORECIDA : -----------

EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICACAO FONTE VALOR


510110 2005NE01890 333903943 0100001001 500000
520214 2005NE01890 333903943 0100001001 500000
--------- ---------------------- ------------- ---------- ----------
--------- ---------------------- ------------- ---------- ----------
--------- ---------------------- ------------- ---------- ----------

Instruções para preenchimento

Data Emissão : registrar a data de emissão do documento no formato DDMMMAA. O sistema já


traz este campo preenchido com a data corrente, mas, se for necessário, poderá ser alterado.

Número : Não preencher. O sistema trará automaticamente.

Unidade Gestora : informar o código da Unidade Gestora Emitente que está emitindo o
documento. O sistema já traz este campo preenchido com o código da Unidade Gestora em que
o operador está cadastrado, mas, se for necessário, poderá ser alterado.

Gestão : indicar o código da Gestão do documento.

22
CGC/CPF/UG Favorecido : registrar o número completo (inclusive dígito verificador), sem
separação do CGC ou CPF do credor, quando se tratar de pessoa jurídica ou física, ou ainda o
código da Unidade beneficiada. Tratando-se de fornecedor o CGC deverá ser informado
conforme observação número 4 abaixo.

Gestão Credor : informar o código da gestão se o credor for uma Unidade Gestora.

Evento : informar o código do evento que corresponda ao fato a ser registrado.

Inscrição do Evento : informar a inscrição exigida pelo evento.

Classificação : informar a classificação contábil adequada ao evento para indicar a Natureza


da Despesa/Receita.

Fonte : digitar o código da Fonte de Recursos relativo à apropriação/liquidação, quando


exigido.

Valor : registrar o valor do lançamento, sem pontos ou vírgula.

Obs:
1. Para os eventos relativos a “apropriações de despesas”, os três primeiros dígitos do código
são “510” e os três últimos definem a natureza da despesa.

2. Para os eventos referentes a “retenções e obrigações”, os três primeiros dígitos do código


são “520” e os três últimos definem a natureza da retenção e da obrigação.

3. Os eventos “510 e 520” deverão sempre ser lançados simultaneamente.

4. No exemplo acima, para o evento 51.0.110 a “inscrição do evento” exigida é o número da NE


e para o evento 52.0.214 a “inscrição do evento” é o número do CGC ou CPF do credor.

Tela 2 - Para fazer o histórico da despesa, no nosso exemplo, preencha esta tela.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-NL)


DATA EMISSAO : 17MAR2005 USUARIO:
UNIDADE GESTORA : 140101 NUMERO: 2005NL
GESTAO : 00001
CGC/CPF/UG FAVORECIDA :
GESTAO FAVORECIDA :

OBSERVACAO:
FAT.Nº05225 DA CEPISA REF.CONTA DE ENERGIA ELETRICA MES DE MAR2005-

Obs : Preencher no campo ”Observação” informações adicionais, claras e objetivas, que


completem a caracterização do fato registrado.

23
Tela 3 - Utilizada para confirmação da NL .

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-NL)


LANCAMENTO EM 17/03/2005 USUARIO:
DATA EMISSAO : 17MAR2005 NUMERO: 2005NL
UNIDADE GESTORA : 140101 - SECRETARIA DA EDUCACAO
GESTAO : 00001 - ADM. DIRETA
CGC/CPF/UG FAVORECIDA :
GESTAO FAVORECIDA :
EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICACAO FONTE VALOR
510110 2005NE01890 333903943 0100001001 5.000,00
520214 2005NE01890 - 333903943 0100001001 5.000,00

CONFIRMA (C/N/A) ? C (C - CONFIRMA N - NAO CONFIRMA A- ALTERA)

Tela 4 - Informa o número da NL. É importante anotar este número para consulta.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-NL)


USUARIO:

UNIDADE GESTORA : 140101


GESTAO : 00001
NUMERO : 2005NL01407

TECLE <ENTER> PARA CONTINUAR

Obs : Caso haja qualquer dúvida quanto à classificação contábil e dos eventos, não
contemplados no “Plano de Contas” e na “Tabela de Eventos”, consultar a UNICON- Normas e
Plano de Contas” do SIAFEM/PI e o de Tabelas e Sistemas” na Secretaria da Fazenda.

COMANDO : > RAZAO

Após a emissão da NL, é imprescindível consultar a opção “> RAZAO” para verificar se os
lançamentos estão de acordo com os documentos, conforme telas a seguir:

24
Primeira Consulta

Tela 1 - Para verificar se o empenho foi liquidado utilizar a conta contábil


2.9.2.4.1.01.0.1.:

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-RAZAO)


USUARIO:
UNIDADE GESTORA : 140101
GESTAO : 00001
CONTA CONTABIL : 292410101
CONTA CORRENTE : 2005NE01890
DATA INICIAL : 17MAR2005
DATA FINAL : 17MAR2005

Instruções para Preenchimento

Unidade Gestora : não preencher. O sistema informará.


Gestão : Indicar o código da Gestão do documento (00001).
Conta Contábil : Utilizar a conta contábil da despesa a ser consultada.
Conta Corrente : Indicar o número do documento a ser consultado.
Data Inicial : Informar a data para consulta.
Data Final : Informar a data para consulta.

Tela 2 - Informa os lançamentos efetuados na Conta Contábil.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-RAZAO)-


CONSULTA EM 17/01/2005 AS 16:36 TELA:0001/0001 USUARIO :

UNIDADE GESTORA :140101 - SECRETARIA DA EDUCACAO


GESTAO :00001-GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ-ADM.DIRETA
CONTA : 2.9.2.4.1.01.01- =EMPENHOS A LIQUIDAR POR EMISSAO
CC : 2005NE01890

DOCUMENTO
DATA U.G. GESTAO NUMERO EVENTO MOVIMENTO SALDO
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
SALDO ANTERIOR A 17 MAR2005
0,00
17 MAR 2005 140101 00001 2005NE01890 400091 5.000,00C
17 MAR 2005 140101 00001 2005NL01407 510110 5.000,00D
0,00
( 140101 00001------) - ( 1- ESPELHO CONTABIL 2 - DOCUMENTO)

25
Segunda Consulta

Tela 1 - Para verificar se o fornecedor foi registrado no SIAFEM/PI utilizar a conta contábil n º
2.1.2.1.1.01.0.0 e no campo conta corrente indicar o nº. do CPF ou CGC.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005 - RAZAO)


USUARIO:
UNIDADE GESTORA : 140101
GESTAO : 00001
CONTA CONTABIL : 212110000
CONTA CORRENTE : 06840748000189
DATA INICIAL : 17MAR2005
DATA FINAL : 17MAR2005

Tela 2 - Informa os lançamentos efetuados da Conta Contábil.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ -------- ------- (SIAFEM2005-RAZAO)


CONSULTA EM 17/03/2005 AS 16:37 TELA: 0001/0001 USUARIO:
UNIDADE GESTORA : 140101 - SECRETARIA DA EDUCACAO
GESTAO : 00001-GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ-ADM.DIRETA
CONTA : 2.1.2.1.1.01.00 - =FORNECEDORES
CC : 06840748000189.
DATA INICIAL : 17MAR2005
DATA FINAL : 17MAR2005

DOCUMENTO
DATA U.G. GESTAO NUMERO EVENTO MOVIMENTO SALDO
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
SALDO ANTERIOR A 17 MAR 2005 0,00C

17 MAR2005 140101 00001 2005NL01407 520214 5.000,00C 5.000,00C

( 140101 00001 ----------) - (1-ESPELHO CONTABIL 2-DOCUMENTO)

26
2.3 - PROGRAMA DE DESEMBOLSO (PD)

Documento Utilizado : Programa de Desembolso

A emissão deste documento permite efetuar a programação dos desembolsos, conforme telas a
seguir. Para acessá-las digitar a opção “>PD“ na barra de comando:

Sequência de telas a serem preenchidas

Tela 1 - Permite efetuar a programação do desembolso.


GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-PD)
USUARIO:
DATA EMISSAO: 17 MAR2005 DATA VENCIMENTO: 27MAR2005 NUMERO: 2005PD

UG :140101
GESTAO :00001
NL REF.:2005NL01407
PAGADORA
UG :140101
GESTAO :00001
BANCO : AGENCIA: CONTA CORRENTE: UNICA

FAVORECIDO
CGC/CPF/UG :06840748000189
GESTAO :--------
BANCO : AGENCIA: CONTA CORRENTE:

PROCESSO : nº.0001/2005.... VALOR :500000...............


FINALIDADE :PAGTO.FATURA Nº.05225...........................

EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICAÇAO FONTE VALOR


700314 -2005NE001890-------- 333903943 0100001001 500000
------------ --------------------------------- ---------------------- ---------- ------------

Instruções para Preenchimento

Data Emissão : registrar a data de emissão do documento no formato DDMMMAA. O sistema já


traz este campo preenchido com a data corrente.

Data Vencimento : registrar a data de vencimento da obrigação.

Número : Não preencher. O sistema trará automaticamente.

UG : informar o código da Unidade Gestora Emitente que está emitindo o documento. O sistema
já traz esse campo preenchido com o código da Unidade Gestora em que o operador está
cadastrado, se for necessário, poderá ser alterado.

Gestão : digitar o código da Gestão do documento.


NL Referência : digitar o número do documento que efetuou a apropriação da despesa e/ou a
retenção.
27
UG Pagadora : digitar o código da Unidade Gestora Emitente que efetuará o pagamento.

Gestão : digitar o código da Gestão que efetuará o pagamento.

Banco : informar o código que identifica, no serviço de compensação, o banco de domicílio da


Unidade Gestora pagadora, ou deixar em branco caso apareça a expressão “ÚNICA” no campo
conta corrente.

Agência : digitar o código que identifica, no serviço de compensação, a agência de domicilio


bancário da Unidade Gestora pagadora, inclusive o dígito verificador, sem hífen, ou deixar em
branco caso apareça a expressão “ÚNICA” no campo conta corrente.

Conta Corrente : registrar o número da conta corrente mantida pela Unidade Gestora pagadora
na agência bancária de domicílio, inclusive dígito verificador, sem hífen. No caso de utilização
da Conta Única, aparecerá a expressão “ÚNICA” e o sistema trará o domicílio bancário
principal da UGE.

CGC/CPF/UG : registrar o número completo (inclusive dígito verificador), sem separação do


CGC ou CPF do credor, tratando-se de pessoa jurídica ou física, ou ainda, o código da Unidade
Gestora beneficiária.

Gestão : digitar o código da gestão se o credor for uma Unidade Gestora.

Obs.: não preencher o domicílio bancário do favorecido. Caso o favorecido tenha apenas um
domicílio na tabela de credores o sistema trará automaticamente. Caso tenha mais de um, o
sistema mostrará uma tela para que o usuário escolha o domicílio desejado.

Banco : digitar o código que identifica, no serviço de compensação, o banco de domicílio do


favorecido.

Agência : digitar o código que identifica, no serviço de compensação, a agência de domicílio do


favorecido, inclusive o dígito verificador, sem hífen.

Processo : digitar o número do processo gerador do pagamento realizado.

Valor : preencher com o valor total do pagamento, sem pontos ou virgula.

Finalidade : indicar a finalidade do pagamento, com informações claras e objetivas, que melhor
caracterizem o pagamento.

Evento : informar o código do evento que corresponda ao fato a ser registrado.

Inscrição do Evento : informar a inscrição quando exigida pelo evento.


Classificação : informar a classificação contábil adequada ao evento para indicar a Natureza
de Despesa/Receita, quando exigido.

Fonte : digitar o código da Fonte de Recursos relativo à apropriação/liquidação, quando


exigido.
28
Valor : registrar o valor do lançamento, sem pontos ou vírgula.

Tela 2 - Utilizada para as confirmações das informações lançadas na “PD”

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-PD)


USUARIO:
DATA EMISSAO:17MAR2005 DATA VENCIMENTO: 27 MAR2005 NUMERO: 2005PD
UG :140101 - SECRETARIA DA EDUCACAO
GESTAO : 00001 - ADM.DIRETA
NL REF.:2005NL01407

PAGADORA
UG :140101 - SECRETARIA DA EDUCACAO
GESTÃO :00001 - ADM.DIRETA
BANCO :039 AGENCIA: 00014 CONTA CORRENTE:9999999999
CENTRAL

FAVORECIDO
CGC/CPF/UG: 06840748000189 COMPANHIA ENERGETICA DO PIAUÍ
GESTAO :--------BANCO :033 AGENCIA: 00001 CONTA CORRENTE: 834024281_
CENTRAL

PROCESSO : no.0001/2005 VALOR: 500000.........


FINALIDADE :PAGTO.FATURA Nº.05225... ...................
EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICACAO FONTE VALOR
700214 -2005NE01890 333903943 0100001001 500000

CONFIRMA (C/N/A) ? C ( C -CONFIRMA N - NAO CONFIRMA A - ALTERA )

Tela 3 - Informa o número da PD. É importante anotar este número para consulta.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-PD)


USUARIO:

UNIDADE GESTORA : 140101

GESTAO : 00001

NUMERO : 2005PD00614

TECLE <ENTER> PARA CONTINUAR

As PD´s serão transformadas em Ordens Bancárias efetivas através do comando >EXEPD

Através das opções >LISPD e/ou >CONOB, o usuário poderá verificar quais as PD´s pagas.

29
2.4 - GUIA DE RECEBIMENTO (GR)

Documento Utilizado : Guia de Recebimento

Os recebimentos de receitas próprias a classificar, cancelamento de pagamentos de despesas


e recebimentos diversos, deverão ser depositados no banco, (BANCO BEP - conta específica
denominada Conta “C”) e em seguida contabilizados no SIAFEM/PI através da Guia de
Recebimento (GR).
A emissão da GR destinada ao cancelamento da OBo depósito é automático na conta ”ÚNICA”.

Sequência de telas a serem preenchidas

Tela 1 - Caracterização da receita, supondo-se como exemplo o “Recolhimento de Depósito de


Caução”.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-GR)


USUARIO:
NUMERO:2005GR

DATA EMISSAO :19MAR2005


DATA RECEBIMENTO :19MAR2005
UNIDADE GESTORA :140101
GESTAO :00001
DOMICÍLIO BANCARIO :
BANCO :033
AGENCIA :0001
CONTA CORRENTE :222222222
RECOLHEDOR
CGC/CPF/UG :07576125802
GESTAO :

EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICACAO FONTE VALOR


800883 --------------------------------- ----------------------- ---------- 150000

FINALIDADE:
Recebimento de deposito de caucao

ORDEM BANCARIA DE REFERENCIA:


--------------------------------------------------------------------------------------------------------

30
Instruções para Preenchimento

Data Emissão : registrar a data de emissão do documento no formato DDMMMAA. O sistema já


traz este campo preenchido com a data corrente, mas, se for necessário, poderá ser alterado.

Número : Não preencher. O sistema trará automaticamente.

Data Vencimento : informar a data em que deverá ser efetuado o recolhimento.

Unidade Gestora : informar o código da Unidade Gestora Emitente que está emitindo
documento. O sistema já traz este campo preenchido com o código da Unidade Gestora em que
o operador está cadastrado, mas, se for necessário, poderá ser alterado.

Gestão : indicar o código da Gestão do documento .

Banco : informar o código que identifica no serviço de compensação, o banco de domicílio da


Unidade Gestora emitente.
Agência : informar o código que identifica, no serviço de compensação agência de domicílio da
Unidade Gestora emitente, inclusive o dígito verificador sem hífen.

Conta Corrente : registrar o número da conta-corrente mantida pela Unidade Gestora na


Agência Bancária de domicílio, inclusive dígito verificador, sem hífen.

CGC/CPF/UG : registrar o número completo (inclusive dígito verificador), sem separação do


CGC ou CPF do recolhedor, quando se tratar de pessoa jurídica ou física, ou ainda, o código da
Unidade Gestora Emitente recolhedora.

Gestão : informar o código da gestão se o credor for uma Unidade Gestora.

Evento : informar o código do evento que corresponda ao fato a ser registrado.

Inscrição do Evento : informar a inscrição exigida pelo evento.

Classificação : informar a classificação contábil adequada ao evento para indicar a Natureza


de Despesa/Receita.

Fonte : informar o código da Fonte de Recursos relativo a apropriação/liquidação.

Valor : registrar o valor de lançamento, sem pontos ou vírgula.

Finalidade : preencher com informações adicionais, claras e objetivas, que completem a


caracterização do fato registrado.
Tela 2 - Utilizada para confirmar as informações da tela 1.

31
GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-GR)
LANÇAMENTO EM: 19/03/2005 USUARIO:
DATA EMISSAO : 19MAR2005 NUMERO:2005GR
DATA RECEBIMENTO : 19MAR2005
UNIDADE GESTORA : 140101 - SECRETARIA DA EDUCACAO
GESTAO : 00001 - ADM. DIRETA
DOMICILIO BANCARIO:
BANCO : 033
AGENCIA : 00001
CONTA CORRENTE : 2222222222
RECOLHEDOR
CGC/CPF/UG : 08976125502 – PAULO ROBERTO
GESTAO :

EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICACAO FONTE VALOR


800883 ---------------------------------- ----------------------- --------- 150000

FINALIDADE:
RECOLHIMENTO DEPOSITO CAUCAO

CONFIRMA (C/N/A) ? C ( C- CONFIRMA N - NAO CONFIRMA A -ALTERA)

Tela 3 - Informa o número da Guia de Recebimento GR.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-GR)


USUARIO:

UNIDADE GESTORA : 140101


GESTAO : 00001
NUMERO : 2005GR00371

TECLE <ENTER> PARA CONTINUAR

32
SIAFEM/PI - Sist. Integrado de Adm. Financ. para Estados e Municípios

3.0 - TABELAS

São conjuntos de informações existentes no sistema.

Os comandos que mostraremos a seguir, servirão para o usuário consultar as tabelas


cadastradas no SIAFEM/PI.

O acesso às tabelas poderá ser feito diretamente pela linha de comando, devendo neste caso, o
usuário usar o sinal de (>) antes da transação, seguido de:

LIS - para obter a listagem geral dos dados cadastrados. É utilizado quando não é conhecido o
código específico objeto da consulta; e

CON - para consultar tabela específica. Esta opção exige o conhecimento do código do
documento objeto da consulta.

Cabe ressaltar que, à medida que forem sendo dados os comandos para consulta às Tabelas, o
sistema apresentará uma série de telas, sendo que algumas delas exigirão o preenchimento de
determinados campos, enquanto outras tem todos os campos preenchidos.

O usuário não terá acesso à manutenção dessas tabelas, ou seja, a inclusão, alteração ou
exclusão a serem feitas deverão ser solicitadas à Secretaria da Fazenda.

33
LISTA DE TABELAS E COMANDOS DE ACESSO

TIPOS DE COMAN
DOS
TABELAS CONSULTA LISTA

BANCO >LISBANCO
AGÊNCIA BANCÁRIA >LISAGENCIA
CATEGORIA DE GASTO >LISCATGAST
DOMILICIO BANCÁRIO >LISDOMBAN
EVENTOS >CONEVENTO >LISEVENTO
FONTE DE RECURSOS >CONFONTE
EQUAÇÕES DE BALANÇO >LISGERAREL
GESTÃO >CONGESTAO
INSCRIÇÃO GENÉRICA >LISINSCGEN
ÓRGÃO >CONORGAO
RELAC. ÓRGÃO/GESTÃO >CONREL
PLANO DE CONTAS >CONCONTA >LISCONTA
PROGRAMA DE TRABALHO >CONPT
TIPO DE INSC. GENÉRICA >LISTIPGEN
TRIBUTO >LISTRIBUTO
UNIDADE GESTORA >CONUG
UNIDADE ORÇAMENTARIA >CONUO

Ex : Procedimentos para acesso às Tabelas

34
3.1. Órgão

3.1.1. Acesso a Lista dos Órgãos

- Na linha de comando, digitar:


> CONORGAO - tecle ENTER
Surgirá a seguinte tela:

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ ------- ------- (SIAFEM2005-LISORGAO)


USUARIO:
ORGAO : _____
TIPO DE ADMINISTRACAO : ____ 01 - ADMINISTRACAO DIRETA
03 - AUTARQUIA
04 - FUNDACAO
05 - EMPRESA PUBLICA COMERCIAL
E FINANCEIRA
06 - ECONOMIA MISTA
07 – FUNDOS

Campos de Preenchimento

Ao teclar ENTER sem nenhuma informação, na tela aparecerão todos os ÓRGÃOS


cadastrados na Tabela. Caso o ÓRGÃO desejado não esteja na tela, tecle ENTER
sucessivamente até que o mesmo seja encontrado.

Ao digitar o código do ÓRGÃO ou do Tipo de Administração seguido de ENTER, aparecerão


todos os ÓRGÃOS cadastrados a partir do código informado e nesta tela, no campo destinado
ao detalhamento digite o código do ÓRGÃO a ser consultado.

35
SIAFEM/PI - Sist. Integrado de Adm. Financ. para Estados e Municípios

4.0 - LISTA DE COMANDOS DISPONÍVEIS PARA O USUÁRIO DA UG

O SIAFEM/PI dispõe de transações que permitem a qualquer momento consultar dados


relacionados a um determinado documento: registro, tabelas, cadastro e demais informações
existentes no Sistema.

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ----- -----(NAVEGA-CONPER)


Data: 29.01.2005 Hora: 17:58:28 USUARIO:

SISTEMA:SIAFEM2005
PERFIL :FINANCEIRO
NOME :FINANCEIRO
SITUAÇAO:ATIVO
TRANSACOES :

ALTDESCNE - ALTERA DESCRIÇÃO NOTA EMPENHO


CANPD - CANCELA PROGRAMAÇÃO DESEMBOLSO
CELULAS - LISTA CELULAS
CONCONFDIA - CONSULTA CONFORMIDADE DIÁRIA
CONCONFORG - CONSULTA CONFORMIDADE DO ÓRGÃO
CONCONFSET - CONSULTA CONFORMIDADE SETORIAL
CONCONFUG - CONSULTA CONFORMIDADE DA UGE
CONCONTA - CONSULTA CONTA CONTÁBIL
CONCOTA - CONSULTA COTA
CONCREDOR - CONSULTA CREDOR
CONEVENTO - CONSULTA EVENTO
CONGESTAO - CONSULTA GESTÃO
CONGR - CONSULTA GUIA DE RECOLHIMENTO
CONMOVEVEN - CONSULTA MOVIMENTO DE EVENTO
CONMSG - CONSULTA MENSAGEM
CONND - CONSULTA NOTA DE DOTAÇÃO
CONNE - CONSULTA NOTA DE EMPENHO
CONNL - CONSULTA NOTA DE LANÇAMENTO
CONOB - CONSULTA ORDEM BANCÁRIA
CONORC - CONSULTA ORÇAMENTO DETALHADO
CONPD - CONSULTA PROGRAMA DESEMBOLSO
CONPTRES - CONSULTA PROG. TRAB. RESUMIDO
CONRELPEN - CONSULTA RELAÇÃO PENDENTE
CONSULTORC - CONSULTA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA
CONTABANCO - CONSULTA CONTA BANCO
CONUG - CONSULTA UNIDADE GESTORA
CONUOPT - CONSULTA PTRES DA UO/PT
DETACONTA - DETALHA CONTA CONTÁBIL
36
DETAFONTE - DETALHAMENTO DE FONTE
DIARIO - CONSULTA DIÁRIO CONTÁBIL
ESPCONTAB - ESPELHO CONTABIL DE DOCUMENTO
GR - GUIA DE RECEBIMENTO
INCCREDOR - INCLUI CREDOR
INCDESCNE - INCLUI DESCRIÇÃO NOTA EMPENHO
INCMSG - INCLUI MENSAGEM
IMPOB - IMPRIME ORDEM BANCÁRIA
IMPRELOB - IMPRIME RELAÇÃO DE RE E RT
LISAGENCIA - LISTA AGENCIAS BANCÁRIAS
LISBANCO - LISTA DE BANCO
LISCATGAST - LISTA DE CATEGORIA DE GASTO
LISCELNE - LISTA CÉLULAS DOS EMPENHOS
LISCONTA - LISTA CONTA CONTÁBIL
LISCREDOR - LISTA CADASTRO DE CREDORES
LISDESCNE - LISTA NE COM DESCRIÇÃO PENDENTE
LISDOMBAN - LISTA DOMICÍLIOS BANCÁRIOS
LISEVENCON - LISTA EVENTOS POR CONTA
LISEVENTO - LISTA EVENTOS
CONFONTE - LISTA DE FONTE DE RECURSOS
CONGESTAO - LISTA GESTÕES
LISGR - LISTA GUIA DE RECOLHIMENTO
LISINSCGEN - LISTA INSCRIÇÕES GENÉRICAS
LISND - LISTA NOTA DE DOTAÇÃO
LISNE - LISTA NOTA DE EMPENHO
LISNL - LISTA NOTA DE LANÇAMENTO
LISOB - LISTA ORDEM BANCÁRIA
CONORGAO - LISTA ÓRGÃOS
CONORGGEST - LISTA RELACIONAMENTO ORGÃO / GESTÃO
LISPD - LISTA PROGRAMAÇÃO DESEMBOLSO
CONPT - LISTA DE PROGRAMA DE TRABALHO
CONPTRES - LISTA PROG. DE TRAB. RESUMIDO
CONUG - LISTA UNIDADE GESTORA
CONUO - LISTA UNIDADE ORÇAMENTÁRIA
NE - NOTA DE EMPENHO
NL - NOTA DE LANÇAMENTO
PD - PROGRAMAÇÃO DE DESEMBOLSO
RAZAO - RAZAO DA CONTA CONTÁBIL
EXEPD - EXECUTA PROGRAMAÇÃO DE DESEMBOLSO

37
SIAFEM/PI - Sist. Integrado de Adm. Financ. para Estados e Municípios

5.0 - DICAS

O evento de contra partida do evento 510100 será sempre o 52.0.XXX:


Exemplo 510110 – 520214;- Fornecedores
510100 – 520299 Folha de pagamento

Quando for utilizado na Nota de Lançamento - NL o evento – 51.0.XXX, a inscrição do evento


a ser informado, será o NÚMERO DO EMPENHO.

No campo CLASSIFICAÇÃO será colocada a conta contábil de despesa obtida no plano de


contas, através da Transação > LISCONTA.
Exemplo: 331901101

No campo FONTE será colocado a fonte completa que está no empenho.


Exemplo: 0100001001.

No SIAFEM todos os documentos começam com ano.


Exemplo: 2005NE00000, 2005NL00000, 2005PD00000, 2005OBXXXXX.

5.1 - ACERTOS CONTÁBEIS

Para se efetuar acertos contábeis, o evento a ser utilizado é o mesmo do documento


utilizando no terceiro digito o numero 5.
Exemplo:
Utilizado na NL 51.0.110/52.0.214, estorno: 51.5.110/52.5.214.
O SIAFEM, não permite exclusão física do documento.

5.2 - EMISSÃO DA PD:

DOMÍCILIO BANCÁRIO DO FAVORECIDO.

Se no campo Conta Corrente estiver o número da conta corrente do credor a Ordem Bancária
que será gerada terá o nome de Ordem Bancária de Credito - OBC . Esta informação é
originada do cadastro de credores. Esta Ordem Bancária não será impressa, estará
relacionada no documento chamado de RELAÇÃO EXTERNA – RE, contendo até 20 (vinte)
Ordens Bancárias, que será assinada pelo ordenador de despesa e gestor financeiro,
devidamente cadastrado no sistema e encaminhada pela unidade gestora ao Banco, que
devolverá a 2a via devidamente ATESTADA.

Se no campo conta corrente estiver a palavra Banco ou outra, definida pela SEFAZ, nesta
OB terá que ser preenchida o código do banco e o código da agencia e terá o nome de

38
Ordem Bancária Banco – OBB. Esta Ordem Bancária terá o mesmo destino da OBC, porém
será obrigatório encaminhar ao Banco, documento a ser autenticado. (Ex: FGTS, INSS etc ).

Se no campo conta corrente tiver a palavra pagamento esta OB não será relacionada na RE,
será emitida em formulário contínuo individual e terá o nome de Ordem Bancário de
Pagamento – OBP. Neste caso o saque será imediato, porém seu valor é limitado e só será
emitida para Pessoa Física.

Para impressão da RE utilizar a transação > IMPRELOB.

Os tipos de Ordem Bancária são:

- Ordem Bancária de Crédito – OBC, utilizada para pagamento através de crédito em


conta.(cód. 12)

- Ordem Bancária Banco – OBB, utilizada para pagamento de documentos que necessitem
de autenticação mecânica.(cód. 13)
.
- Ordem Bancária de Pagamento – OBP, utilizada para pagamento direto e imediato a
funcionário, funciona como cheque. (cód. 15).
-
Obs: O Secretário de Estado da Fazenda estabelecerá o valor limite para utilização da OBP.

Para executar as PD’s é necessário que tenha saldo na Conta Única 111120101 – Banco
do Estado do Piaui.

Para transformar uma PD em OB será utilizado a transação >EXEPD ou >EXEPD2.


A EXEPD informa todas as PD’s pendentes de execução e a EXEPD2 traz na tela a opção de
você informar a PD que você deseja executar.
A execução será feita com a colocação no campo próprio a letra N.

Após executadas as PD’s o sistema informará os números das OB’s que estarão à relacionar.

A Relação Externa será emitida no dia seguinte, ou seja, no dia do efetivo pagamento. Esta
relação será entregue no Banco do Estado do Piaui – BEP

Opções para impressão:


1 - .IMPRELOB – para as OB”s da Conta Única
2 – IMPOB – para as OB’s de pagamento;
3 – IMPRELOB-D –para as OB”s emitidas da Conta “D” .

OBS: A conta “C” não deverá ficar com saldo, os valores disponíveis deverão ser
transferidos para conta única.

39
SIAFEM/PI - Sist. Integrado de Adm. Financ. para Estados e Municípios

6.0 – EXERCÍCIOS PRÁTICOS.

Exemplo: Fatos Administrativos:

- Serviços de Terceiros Pessoa Física:


- .
- Valor bruto: R$ 5.000,00 – evento -510085
- Retenções:
- ISS R$ 500,00 - evento - 520218
- IRRF R$ 500,00 – evento - 520203
- INSS R$ 500,00 - evento – 520241
- Liquido R$ 3.500,00 – evento - 520214

Obs: Primeiramente deve-se consultar a existência dos saldos, através do >DETACONTA:


1 - ORÇAMENTÁRIO conta contábil 292110000 Crédito Disponível, anotando o numero do PI
– Plano Interno, Fonte de Recurso e a Natureza da Despesa;
2 - COTA A EMPENHAR - conta contábil 293110300 Cota financeira Liberada.

Outras consultas importantes:


Consultar se o credor já está cadastrado no sistema através da transação >CONCREDOR, se
não existir fazer inclusão >INCREDOR. Caso precise reativa-lo, ligar para UNICON.

Após estas consultas, emitir o empenho, conforme o item 2.0, sub itens: 2.1, 2.2 e 2.3
- Transação >NE com o evento 400091 natureza 339036.
- Transação >NL liquidação da despesa:
a ) - Identificar o sub item da conta contábil , por meio da transação >LISCONTA.

6.1 - SERVIÇO DE TERCEIROS PESSOA FÍSICA C/ RETENÇÃO IRRF/ INSS e ISS.

__SIAFEM2005-EXEFIN,UG,NL( NOTA DE LANCAMENTO ) _________________


USUARIO :
DATA EMISSAO : 12JAN2005 NUMERO : 2005NL _____
UNIDADE GESTORA :
GESTAO : _____
CGC/CPF/UG FAVORECIDA : numero CPF
GESTAO FAVORECIDA : _____

EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICACAO FONTE V A L O R


510085 2005NEXXXXX 333903601 0100001001 500000________
520214 2005NExxxxx___________ 333903601 0100001001 500000________
525214 2005NExxxxx 333903601 0100001001 150000________
520218 2005NExxxxx___________ 333903601 0100001001 50000________
520203 2005NExxxxx___________ 333903601 0100001001 50000________
520241 2005NExxxxx___________ 333903601 0100001001 50000________

40
NL de transferência do IRRF (Quando o pagamento é centralizado)
Eventos Insc. Evento Classificação Fonte Valor
530373 211130200 0100001001 500,00

OBSERVAÇÃO: no caso da conta “D” será feito uma OB para o IRRF.


5º passo: PD’s

6.1.1 EMISSÃO DE PROGRAMAÇÃO DE DESEMBOLSO – PD

Efetuar o registro na PD para pagamento, conforme espelho.

Eventos Insc. Evento Classificação Fonte Valor


700214 2005ne0000 333903601 0101001001 4000,00
Ref pagamento serviços de terceiros

Eventos Insc. Evento Classificação Fonte Valor


700318 2005ne0000 333903601 0101001001 500,00
ref pagamento ISS

Eventos Insc. Evento Classificação Fonte Valor


700303 2005ne0000 333903601 0101001001 500,00
ref pagamento IRRF

através da transação >EXEPD, executar a PD e posteriormente imprimir a RE - >IMPRELOB.

6.2 - MATERIAL DE CONSUMO

Está divido em Estocável e Não estocável:


.
- material não estocáveis são aqueles de consumo imediato ou adquiridos por Suprimentos
de Fundos é registrado através dos eventos 510102 e 520214;

- material estocáveis, são aqueles que vão para o almoxarifado e são registrados pelos
eventos 510101 e 520214.
O registro de saída do almoxarifado será feito pelo evento 540456.

Exemplo: Compra de material estocável e não estocável.


NE evento 400091 compra de material p/estoque almoxarifado valor R$ 4.500,
NE evento 400091 compra de material p/consumo imediato valor R$ 500,00

Evento Insc. de evento Classificação fonte valor


510102 2005e00254 333903005 01010000000 4.500,00
520214 2005e00254 333903005 01000001001 4.500,00

ref liquidação da ne00254 ref a material estocável.

Evento Insc. de evento Classificação fonte valor


510103 2005e00262 333903001 0100001001 500,00
520214 2005e00262 333903001 0100001001 500,00
Ref. A liquidação da ne00262 ref aquisição do material para consumo imediato.

Emissão - Programação de Desembolso – PD


41
Evento Insc. de evento Classificação fonte valor
700314 2005e00262 333903001 0100001001 500,00
Ref. Ao pagamento material consumo. (2004PD00266)

Evento Insc. de evento Classificação fonte valor


700314 2005e00254 333903001 0100001001 4.500,00
Ref. Ao pagamento material consumo (2004pd00267)

Emissão da OB - >EXEPD=

SAÍDA DO MATERIAL (BAIXA) –

Obs. A inscrição do evento é o sub item da despesa que foi lançado na NL


Evento Insc. de evento Classificação fonte valor
540456 01 4.500,00
Ref. Saída de material almoxarifado.

6.3 - SERVIÇOS DE UTILIDADE PÚBLICA

Exemplo: Conta de energia:

1º passo: NE pelo vento 400091 natureza 339039 Modalidade 3 estimativo

2º passo: NL - Eventos para liquidação 510110 e 520214.


Evento Insc. de evento Classificação fonte valor
510110 2005NExxxxx 333903943 0100001001 1000,00
520214 2005NExxxxx 333903943 0100001001 1000,00

3º passo PD –
Evento Insc. de evento Classificação fonte valor
700314 2005ne0000 333903943 0100001001 1000,00

4º passo: OB através da transação >EXEPD

5º passo: Relação Externa através da transação >IMPRELOB.

42
Exemplo: Conta de telefone:

1º passo: NE pelo evento 400091 natureza 339039 Modalidade 3-estimativo.

2º passo: NL - Eventos para liquidação 510110 e 520214.


Evento Insc. de evento Classificação fonte valor
510110 2005NExxxxx 333903948 0100001001 1000,00
520214 2005NExxxxx 333903948 0100001001 1.000,00

3º passo: PD
Evento Insc. de evento Classificação fonte valor
700314 2005NExxxxx 333903948 0100001001 1000,00

4º passo: OB através da transação >EXEPD

5º passo: Relação Externa através da transação >IMPRELOB

Exemplo: deposito de Caução

1º passo: depósito na conta bancária – Conta “C”

2º passo: NL
Evento Insc. de evento Classificação fonte valor
550505 0360008666666666 111129901 0100001001 xxx
520261 211410000 0100001001 xxx
Ref. Valor da caução.

Exemplo: devolução da Caução

PD
Evento Insc. de evento Classificação fonte valor
700361 211410000

xxx
>EXEPD para OB.
OBS: no caso da caução, o fornecedor deverá fornecer o número da conta bancária para a devolução do
dinheiro.

43
6.4 AQUISIÇÃO DE BENS MÓVEIS

Será registrado no sistema nos eventos 510145 e 520214

Exemplo:
1º passo: NE no evento 400091 natureza 449052

2º passo: NL
Evento Insc. de evento Classificação fonte valor
510145 2005ne0000 344905218 01000001001 600,00
520214 2005ne0000 344905218 01000001001 600,00
Ref. Liquidação pela aquisição de bens móveis.

3º passo: PD
Evento Insc. de evento Classificação fonte valor
700314 2005ne0000 344905218 0101000000 600,00
Ref. Programação de pagamento de bens móveis.

4º passo: OB através da transação >EXEPD

5º passo: Relação Externa através da transação >IMPRELOB.


Obs: Para alienações de bens, usa-se os eventos: 550505 contra partida 800861 para bens
imóveis e 800862 para bens móveis.

ROTEIRO PARA CONTABILIZACAO DE DESPESA E PAGAMENTO COM RETENÇÃO DE


IMPOSTOS
SERVIÇO DE TERCEIROS PESSOA JURIDICA

__ SIAFEM2005-EXEFIN,UG,NL ( NOTA DE LANCAMENTO ) ____________________________


USUARIO :
DATA EMISSAO : 12JAN2005 NUMERO : 2005NL _____
UNIDADE GESTORA :
GESTAO : _____
CGC/CPF/UG FAVORECIDA : numero cnpj___
GESTAO FAVORECIDA : _____

EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICACAO FONTE VALOR


510110 2005NExxxxx 3339039YY 0100001001 000000___________
520214 2005NExxxxx___________ 3339039YY 0100001001 000000___________
525214 2005NExxxxx___________ 3339039YY 0100001001 000000___________
520203 2005NExxxxx 3339039YY 0100001001 000000
520218 2005NExxxxx 3339039YY 0100001001 000000
520241 2005NExxxxx 3339039YY 0100001001 000000

SERVIÇO DE TERCEIROS OBRAS

44
__ SIAFEM2005-EXEFIN,UG,NL ( NOTA DE LANCAMENTO ) ____________________________
USUARIO :
DATA EMISSAO : 12JAN2005 NUMERO : 2005NL _____
UNIDADE GESTORA :
GESTAO : _____
CGC/CPF/UG FAVORECIDA : numero cnpj___
GESTAO FAVORECIDA : _____

EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICACAO FONTE VALOR


510110 2005NExxxxx___________ 3339039YY 0100001001 000000___________
520221 2005NExxxxx 3339039YY 0100001001 000000
525221 2005NExxxxx___________ 3339039YY 0100001001 000000___________
520203 2005NExxxxx 3339039YY 0100001001 000000
520218 2005NExxxxx 3339039YY 0100001001 000000
520241 2005NExxxxx 3339039YY 0100001001 000000

EMISSÃO DE PROGRAMAÇÃO DE DESEMBOLSO – PD


Efetuar o registro na PD para pagamento, conforme espelho.

__ SIAFEM2005-EXEFIN,UG,PD ( PROGRAMACAO DESEMBOLSO ) ________________________


USUARIO :
DATA EMISSAO : 13JAN2005 DATA VENCIMENTO : DDmmmAAAA NUMERO : 2005PD _____
UG :
GESTAO : 00001
NL REF. : 2005NLxxxxx
PAGADORA
UG : ______
GESTAO : ____
BANCO : ___ AGENCIA : _____ CONTA CORRENTE : UNICA_____

FAVORECIDO
CGC/CPF/UG : xxxxxxxxxxx___
GESTAO : _____
BANCO : ___ AGENCIA : _____ CONTA CORRENTE : __________

PROCESSO : xxxxxx______________ VALOR : 0000000__________


FINALIDADE : pagto do xxxxxxxxxxx____________________

EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICACAO FONTE VALOR


7003xx 2005NExxxxx__ 33xxxxxxxx 0100001001 0000000__________
______ ______________________ _________ __________ _________________

No campo UG informar o código da própria UG


No campo NL REF: informar o número da NL que efetuou o registro.
No campo FAVORECIDO: informar o CNPJ ou CNPF
No campo EVENTO informar o código do evento da seguinte forma: 7003 seguido dos dois
últimos dígitos do evento que efetuou o registro da obrigação.

Exemplo:

Evento utilizado 520247 usar 700347. Pagamento de Diárias


Evento utilizado 520203 usar 700303. Pagamento de IRRF
Evento utilizado 520214 usar 700314. Pagamento de Fornecedores
45
Evento utilizado 520241 usar 700341. Pagamento de INSS Serviço Terceiro
Evento utilizado 520218 usar 700318. Pagamento de ISS Serviço Terceiro

1. PARA EFETUAR O PAGAMENTO


Utilizar a transação >EXEPD conforme espelho abaixo.

__ SIAFEM2005-EXEFIN,UG,EXEPD ( EXECUTA PROGRAMACAO DESEMBOLSO ) ____________


USUARIO :
UNIDADE GESTORA :

GESTAO : 00001

UG LIQUIDANTE XX: ______

DATA INICIAL : _____ 2005

DATA FINAL : _____ 2005

INFORME NO CAMPO 'DATA': 2005 PARA AS PD'S DO EXERCICIO ATUAL OU 2004 PARA AS PD'S DO
EXERCICIO ANTERIOR

2. PARA LIQUIDAÇÃO DA DESPESA


a) Identificar o subitem da conta contábil , por meio da transação >LISCONTA.
b) Efetuar a liquidação da despesa por meio do documento NL – Nota de Lançamento,
utilizando o evento de acordo com a despesa:

DIARIAS PESSOAL CIVIL

SIAFEM2005-EXEFIN,UG,NL ( NOTA DE LANCAMENTO ) __________________


USUARIO :
DATA EMISSAO : 12JAN2005 NUMERO : 2005NL _____
UNIDADE GESTORA :
GESTAO : _____
CGC/CPF/UG FAVORECIDA : numero cnpf___
GESTAO FAVORECIDA : _____

EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICACAO FONTE VALOR


510107 2005NExxxxx 3339014YY 0100001001 000000
520247 2005Nexxxxx 3339014YY 0100001001 000000

DIARIAS PESSOAL MILITAR


SIAFEM2005-EXEFIN,UG,NL( NOTA DE LANCAMENTO )______________
USUARIO :
DATA EMISSAO : 12JAN2005 NUMERO : 2005NL __
UNIDADE GESTORA :
GESTAO : _____
CGC/CPF/UG FAVORECIDA : numero cnpf___
GESTAO FAVORECIDA : _____

EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICACAO FONTE VALOR


510108 2005NExxxxx 3339015YY 0100001001 000000
520247 2005NExxxxx 3339015YY 0100001001 000000

46
SERVIÇO DE TERCEIROS PESSOA FÍSICA
SIAFEM2005-EXEFIN,UG,NL( NOTA DE LANCAMENTO ) ___________

DATA EMISSAO : 12JAN2005 NUMERO : 2005NL


UNIDADE GESTORA :
GESTAO : _____
CGC/CPF/UG FAVORECIDA : numero cnpj___
GESTAO FAVORECIDA : _____

EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICACAO FONTE VALOR


510085 2005NExxxxx 3339036YY 0100001001 000000
520214 2005Nexxxxx 3339036YY 0100001001 000000

LOCAÇÃO MÃO DE OBRAS

_SIAFEM2005-EXEFIN,UG,NL ( NOTA DE LANCAMENTO )_______________________


USUARIO :
DATA EMISSAO : 12JAN2005 NUMERO : 2005NL _____
UNIDADE GESTORA :
GESTAO : _____
CGC/CPF/UG FAVORECIDA : numero cnpj___
GESTAO FAVORECIDA : _____

EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICACAO FONTE VALOR


510086 2005NExxxxx 3339037YY 0100001001 000000
520214 2005Nexxxxx 3339037YY 0100001001 000000

SERVIÇO DE TERCEIROS PESSOA JURIDICA / OBRAS

SIAFEM2005-EXEFIN,UG,NL ( NOTA DE LANCAMENTO )__________________________


USUARIO :
DATA EMISSAO : 12JAN2005 NUMERO : 2005NL _____
UNIDADE GESTORA :
GESTAO : _____
CGC/CPF/UG FAVORECIDA : numero cnpj___
GESTAO FAVORECIDA : _____

EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICACAO FONTE VALOR


510110 2005NExxxxx 3339039YY 0100001001 000000
520214 2005Nexxxxx 3339039YY 0100001001 000000
______ ______________________ _________ __________ __________
510110 2005NExxxxx 3339039YY 0100001001 000000
520221 2005NExxxxx 3339039YY 0100001001 000000

3. INCORPORAÇAO DE RESTOS A PAGAR


a) Caso não esteja incorporado, entrar em contato com a Srª Adlagisa na UNICON, para que
ela efetue a incorporação
b) Os valores já incorporados, efetuar a identificação do credor por meio de NL – Nota de
Lançamento, com o seguinte lançamento contábil:

47
SIAFEM2005-EXEFIN,UG,NL ( NOTA DE LANCAMENTO ) ____________________________
USUARIO :
DATA EMISSAO :_ NUMERO : 2005NL _____
UNIDADE GESTORA :
GESTAO : _____
CGC/CPF/UG FAVORECIDA : ______________
GESTAO FAVORECIDA : _____

EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICACAO FONTE VALOR


535001 CNPJ / CPF__________ _________ __________ 000000__
530001 PF0000003____________ _________ __________ 000000__
______ ______________________ _________ __________ _________________

4. EMISSÃO DE PROGRAMAÇÃO DE DESEMBOLSO – PD


a) Efetuar o registro na PD, conforme espelho.

_ SIAFEM2005-EXEFIN,UG,PD ( PROGRAMACAO DESEMBOLSO ) ________________________


USUARIO :
DATA EMISSAO : 13JAN2005 DATA VENCIMENTO : DDmmmAAAA NUMERO : 2005PD _____
UG :
GESTAO : 00001
NL REF. : 2005NLxxxxx
PAGADORA
UG : ______
GESTAO : ____
BANCO : ___ AGENCIA : _____ CONTA CORRENTE : UNICA_____

FAVORECIDO
CGC/CPF/UG : xxxxxxxxxxx___
GESTAO : _____
BANCO : ___ AGENCIA : _____ CONTA CORRENTE : __________

PROCESSO : xxxxxx______________ VALOR : 0000000__________


FINALIDADE : pagto do xxxxxxxxxxx____________________

EVENTO INSCRICAO DO EVENTO CLASSIFICACAO FONTE V A L O R


7003xx 2005NExxxxx__ 33xxxxxxxx 0100001001 0000000__________
______ ______________________ _________ __________ _________________
• No campo UG informar o código da própria UG
• No campo NL REF: informar o numero da NL que efetuou o registro.
• No campo FAVORECIDO: informar o CNPJ ou CPPF
• No campo EVENTO informar o código do evento da seguinte forma: 7003
seguido dos dois últimos dígitos do evento que efetuou o registro da
obrigação.
Exemplo: Evento utilizado 520247 usar 700347. 520214 usar 700314.

5. PARA EFETUAR O PAGAMENTO


• Utilizar a transação >EXEPD conforme espelho abaixo.

__ SIAFEM2005-EXEFIN,UG,EXEPD ( EXECUTA PROGRAMACAO DESEMBOLSO ) ____________


USUARIO :
UNIDADE GESTORA :

GESTAO : 00001

UG LIQUIDANTE XX: ______

DATA INICIAL : _____ 2005

48
DATA FINAL : _____ 2005

INFORME NO CAMPO 'DATA': 2005 PARA AS PD'S DO EXERCICIO ATUAL OU


2004 PARA AS PD'S DO EXERCICIO ANTERIOR

49