Você está na página 1de 8

||359_PMMA_CG1_01N993477|| CESPE | CEBRASPE – PM/MA – Aplicação: 2017

• Cada um dos itens das provas objetivas está vinculado ao comando que imediatamente o antecede. De acordo com o comando a que
cada um deles esteja vinculado, marque, na Folha de Respostas, para cada item: o campo designado com o código C, caso julgue
o item CERTO; ou o campo designado com o código E, caso julgue o item ERRADO. A ausência de marcação ou a marcação de
ambos os campos não serão apenadas, ou seja, não receberão pontuação negativa. Para as devidas marcações, use a Folha de
Respostas, único documento válido para a correção das suas provas objetivas.
• Caso haja item(ns) constituído(s) pela estrutura Situação hipotética: ... seguida de Assertiva: ..., os dados apresentados como situação
hipotética devem ser considerados premissa(s) para o julgamento da assertiva proposta.
• Nos itens que demandarem conhecimentos de informática, a menos que seja explicitamente informado o contrário, considere que
todos os programas mencionados estão em configuração-padrão, em português, e que não há restrições de proteção, de funcionamento
e de uso em relação aos programas, arquivos, diretórios, recursos e equipamentos mencionados.
• Eventuais espaços livres — identificados ou não pela expressão “Espaço livre” — que constarem deste caderno de provas poderão
ser utilizados para anotações, rascunhos etc.

CONHECIMENTOS GERAIS
Texto CG1A1AAA Texto CG1A1BBB
1 Encontradas principalmente nos embriões, mas 1 Quando dizemos que uma pessoa é doce, fica bem
também em alguns tecidos adultos como o adiposo, as claro que se trata de um elogio, e de um elogio emocionado,
células-tronco têm a capacidade de se transformar em células
porque parte de remotas e ternas lembranças: o primeiro sabor
4 de diversos tipos. Embora a chamada plasticidade das
embrionárias seja maior, os desafios éticos de pesquisas com 4 que nos recebe no mundo é o gosto adocicado do leite materno,
esse tipo de células levaram a atenção de muitos cientistas às e dele nos lembraremos pelo resto de nossas vidas. A paixão
7 células-tronco adultas. Na virada do milênio, publicações pelo açúcar é uma constante em nossa cultura. O açúcar é fonte
científicas em periódicos importantes sugeriam que ambas 7 de energia, uma substância capaz de proporcionar um
teriam propriedades equivalentes. Esperava-se que, ao serem instantâneo “barato” que reconforta nervos abalados. É
10 injetadas em órgãos danificados, como um coração infartado, paradoxal, portanto, a existência de uma doença em que o
as células-tronco adultas pudessem originar vasos sanguíneos
e células cardíacas. Teve início, então, uma série de ensaios 10 açúcar está ali, em nossa corrente sanguínea, mas não pode ser
13 clínicos — testes em pessoas —, que foram amplamente utilizado pelo organismo por falta de insulina. As células
noticiados. imploram pelo açúcar que não conseguem receber, e que sai,
Hoje, sabe-se que as células-tronco adultas não são tão 13 literalmente, na urina. O diabetes é conhecido desde a
16 versáteis quanto prometiam. Os resultados dos ensaios não Antiguidade, sobretudo porque é uma doença de fácil
foram animadores. Mas isso não significa que tenham sido diagnóstico: as formigas se encarregam disso. Há séculos,
descartadas como possível tratamento ou que os esforços 16 sabe-se que a urina do diabético é uma festa para o
19 tenham sido desperdiçados. Na ciência, o negativo também é
um resultado; mesmo que não renda prêmios ou resulte em formigueiro. Também não escapou aos médicos de outrora o
publicações, contribui para o avanço do conhecimento. fato de que a pessoa diabética urina muito e emagrece. “As
Alexandra Ozorio de Almeida. Dois passos para
19 carnes se dissolvem na urina”, diziam os gregos.
trás, um para frente. In: Revista Pesquisa Fapesp,
260.ª ed., out./2017, p. 7 (com adaptações). Moacyr Scliar. Doce problema. In: A face oculta — inusitadas e reveladoras
histórias da medicina. Porto Alegre: Artes e Ofícios, 2001 (com adaptações).

Considerando as ideias e os aspectos linguísticos do


texto CG1A1AAA, julgue os itens que se seguem. No que concerne às ideias e aos aspectos linguísticos do
texto CG1A1BBB, julgue os próximos itens.
1 O emprego do acento indicativo de crase em “às células-tronco
adultas” (R. 6 e 7) é facultativo, dada a presença de termo 6 No período “As células imploram pelo açúcar que não
masculino na palavra composta “células-tronco”. conseguem receber, e que sai, literalmente, na
2 Dado o emprego da partícula “se”, em “Esperava-se” (R.9) e urina” (R. 11 a 13), o vocábulo “que”, nas duas ocorrências,
“sabe-se” (R.15), é impossível determinar de modo preciso tem o mesmo referente e desempenha a função sintática de
quem esperava “que (...) as células-tronco adultas pudessem
originar vasos sanguíneos e células cardíacas” (R. 9 a 12) e sujeito nas orações em que se insere.
quem sabe “que as células-tronco adultas não são tão versáteis 7 A correção gramatical do texto seria mantida caso o
quanto prometiam” (R. 15 e 16). artigo “O” (R.13) fosse substituído por A e a palavra
3 Em ciência, um resultado negativo, embora também tenha seu “conhecido” (R.13) fosse flexionada no feminino —
valor na construção do saber, é considerado algo de menor conhecida —, dada a variação de gênero característica da
prestígio, por não resultar em prêmios ou em publicações. palavra “diabetes”.
4 Infere-se do texto que apenas as células-tronco encontradas em
embriões e no tecido adiposo são capazes de se transformar em 8 Há uma metáfora no período “Há séculos, sabe-se que a urina
células de diversos tipos, apesar de haver outras fontes de do diabético é uma festa para o formigueiro” (R. 15 a 17).
células-tronco. 9 Seriam mantidos a correção gramatical e os sentidos do texto
5 O período “Teve início, então, uma série de ensaios clínicos — caso o trecho “aos médicos” (R.17) fosse reescrito como
testes em pessoas —, que foram amplamente noticiados” dos médicos.
(R. 12 a 14) poderia ser corretamente reescrito da seguinte
forma: Iniciaram-se, então, vários ensaios clínicos — testes 10 As aspas foram empregadas em ‘barato’ (R.8) e em ‘As carnes
em pessoas —, os quais foram amplamente noticiados. se dissolvem na urina’ (R. 18 e 19) por motivos distintos.

www.pciconcursos.com.br
||359_PMMA_CG1_01N993477|| CESPE | CEBRASPE – PM/MA – Aplicação: 2017

Texto CG1A1CCC A respeito da formação do Brasil contemporâneo, da República


Velha e da Era Vargas, julgue os itens seguintes.

19 A Política dos Governadores, acordo que consistia no apoio


do governo federal a grupos poderosos locais em troca do
apoio desses grupos às proposições do governo no Poder
Legislativo federal, garantiu a governabilidade do Brasil
durante a Primeira República, tendo se estendido aos níveis
Internet: <www.leovillanova.net>.
estadual e municipal.
No que se refere aos aspectos linguísticos do texto CG1A1CCC, 20 Getúlio Vargas se manteve à frente do Palácio do Catete até
julgue os itens subsequentes. 1945, quando perdeu o suporte da classe trabalhadora em
decorrência da insatisfação com as leis trabalhistas aprovadas
11 O emprego das palavras “doido” e “véi” indica que há uma
pelo governo e do apoio dos trabalhadores à realização de
relação simétrica e informal entre os interlocutores.
eleições para nova assembleia constituinte.
12 Conclui-se da fala do mosquito que está voando que ele se
21 Desde as primeiras discussões sobre a formação da nação
dirige a apenas um dos dois mosquitos que estão próximos ao
brasileira, no século XIX, a mestiçagem foi considerada uma
vidro de vacina contra a dengue.
das principais marcas de sua população, seja por políticos,
Considerando a legislação pertinente e a gestão do Sistema Único como José Bonifácio, seja em estudos do Instituto Histórico e
de Saúde (SUS), julgue os itens a seguir. Geográfico Brasileiro.

13 Uma entidade de serviços privados de cobertura assistencial, Julgue os itens subsequentes, relativos à história do Brasil da

após firmar convênio com o SUS, passa a integrá-lo de forma segunda metade do século XX.

complementar.
22 Os grupos legalistas das Forças Armadas asseguraram a
14 Ao se consorciarem para prestar serviços de saúde, os continuidade do regime democrático nas severas crises
municípios contribuirão com recursos para o consórcio na políticas de 1954, 1955 e 1961, quando políticos civis
proporção de suas populações. convocaram a intervenção militar para efetivarem golpes de
Estado, mas cederam espaço durante a crise que resultou no
Com base na legislação sanitária nacional, julgue os próximos itens.
golpe de 1964, quando a hierarquia militar foi posta em risco,
15 Todas as infrações sanitárias estão sujeitas à aplicação da como evidenciado pela insurreição dos sargentos em Brasília.
penalidade de multa.
23 Para cumprir o objetivo de industrialização nacional constante
16 Para funcionar, uma casa de repouso privada precisa obter no Plano de Metas, o governo de Juscelino Kubitschek adotou
licença do órgão sanitário competente. estratégias como a atração de investimentos privados para a
ampliação do parque industrial e o investimento estatal em
Julgue os seguintes itens, que versam sobre a legislação
áreas estratégicas de infraestrutura.
epidemiológica nacional.
Com relação à história das Constituições brasileiras, julgue o item
17 O diretor de uma escola básica está isento da obrigação de
a seguir.
comunicar à autoridade sanitária a suspeita de doença de
notificação compulsória ocorrida no estabelecimento que 24 Ao contrário da primeira Constituição brasileira, que foi
dirige. outorgada pelo Imperador d. Pedro I, em 1824, e vigorou por
sessenta e cinco anos, até a queda da monarquia, as
18 Um empresário individual está sujeito a investigações
seis Constituições do período republicano foram todas
epidemiológicas determinadas pela autoridade sanitária
promulgadas.
apenas como pessoa natural.

www.pciconcursos.com.br
||359_PMMA_CG1_01N993477|| CESPE | CEBRASPE – PM/MA – Aplicação: 2017

No que diz respeito à história do Maranhão nos períodos colonial


e imperial, julgue os itens subsequentes.
25 O Estado do Maranhão e Grão Pará foi instituído devido a
dificuldades relacionadas à administração das possessões
portuguesas na América, como, por exemplo, a disputa entre
colonos e jesuítas pelo controle da mão de obra indígena na
região Norte, a qual motivou o movimento denominado
Revolta de Bequimão, contrário à decisão régia que entregou
aos inacianos o controle dos índios livres.
26 A adesão da Província do Maranhão à independência do Brasil
resultou da derrota militar de parte da elite maranhense que
defendeu, por meio das armas, a manutenção dos laços com
Portugal, a despeito das estreitas relações existentes entre o Fonte: IBGE – Censos Demográficos de 1950 a 2010
Maranhão e a Corte no Rio de Janeiro. As tropas portuguesas, Pirâmide etária brasileira entre 1950 e 2010. A. M. N. Vasconcelos; M. M. F. Gomes.
mesmo tendo vencido a Batalha de Jenipapo, foram derrotadas Transição demográfica: experiência brasileira. Epidemiol. Serv. Saúde, Brasília,
21(4):539-48, out.-dez./2012. Internet: <http://scielo.iec.pa.gov.br> (com adaptações).
por Thomas Cochrane em São Luís.
27 A Balaiada, que sofreu violenta repressão comandada pelo
coronel do Exército Luiz Alves de Lima, foi um movimento de
composição social complexo, pois agregou artesãos, escravos,
libertos e pequenos proprietários das províncias do Maranhão
e Piauí contrários à opressão dos governos locais.
28 No início do século XX, difundiu-se a ideia de que a cidade de
São Luís, fundada por Jerônimo de Albuquerque após a
expulsão dos franceses da região, teria sido fundada pelos
franceses.
Acerca da história do Maranhão no período republicano, julgue os
próximos itens.
29 O domínio do chefe oligárquico Victoriano Freire sobre a
política maranhense foi desafiado na década de 60 do
século XX, quando José Sarney, com propostas
modernizadoras, despontou como liderança estadual e
opositor a Victoriano. Índice de envelhecimento das regiões do Brasil. 1970-2010. Vera Elizabeth Closs e Carla
Helena Augustin Schwanke. A evolução do índice de envelhecimento no Brasil, nas suas
30 Após a conturbada adesão do Maranhão à República, a ordem regiões e unidades federativas no período de 1970 a 2010. Rev. Bras. Geriatr. Gerontol.
Rio de Janeiro, 2012; 15(3):443-58, p. 447 (com adaptações).
foi estabelecida a partir da ação das lideranças que já atuavam
na política maranhense desde meados do século XIX.
Tendo as figuras precedentes como referência inicial, julgue os
31 José Maria dos Reis Perdigão e Tarquínio Lopes Filho foram próximos itens, a respeito da população brasileira.
grandes lideranças dos tarquinistas — grupo maranhense que
apoiou o tenentismo e a Revolução de 1930. 36 Em 1970, as regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste evidenciavam
O crescimento industrial do Brasil ocorreu, até 1930, por meio da um momento de pré-transição demográfica.
concentração espacial, que, por sua vez, influenciou a organização
do espaço geográfico brasileiro. Acerca desse assunto, julgue os 37 O processo de envelhecimento da população brasileira
itens a seguir. iniciou-se na década de 90 do século passado.
32 O espaço geográfico urbano, nos centros industriais, Espaço Livre
caracterizou-se por uma nítida segregação socioespacial.
33 Um dos fatores que promoveram a concentração espacial foi a
disponibilidade de capitais financeiros fornecidos pela
cafeicultura.
O vertiginoso processo de urbanização no Brasil deu
origem, em poucas décadas, a centros urbanos de todo porte, que,
espalhados pelo país, passaram a ordenar os fluxos de pessoas,
mercadorias, informações e capitais no território brasileiro,
configurando uma complexa rede geográfica de cidades.
Com relação ao texto apresentado e aos múltiplos aspectos a ele
relacionados, julgue os seguintes itens.
34 As cidades que apresentam maior grau de complexidade
socioeconômica e polarizam todo o território brasileiro e parte
da América do Sul são as metrópoles nacionais.
35 A desconcentração espacial das atividades econômicas, a partir
de 1990, promoveu o crescimento das cidades médias.

www.pciconcursos.com.br
||359_PMMA_CG1_01N993477|| CESPE | CEBRASPE – PM/MA – Aplicação: 2017

Duas linhas dirigiram o povoamento no Maranhão: a que


invadiu o litoral e a que avançou pelos altos sertões, oriunda do
interior nordestino.
R. G. Rocha. O processo de ocupação do sul do Maranhão: dinamismo
econômico e des(re)ordenamento territorial. In: Interespaço, v. 1, n.º 1, 2015,
p. 5-26. Internet: <www.periodicoseletronicos.ufma.br> (com adaptações).

Com relação ao povoamento do Maranhão, julgue os itens que se


seguem.

41 O povoamento da região litorânea e do alto sertão maranhense


instituiu, nessas regiões, bases econômicas semelhantes.
42 A ocupação do alto sertão maranhense foi realizada com o
emprego da violência.
Figura I
Com relação à geomorfologia do território maranhense, julgue os
itens a seguir.

43 As atividades dos agentes modeladores do relevo revela um


forte controle litológico no território maranhense.
44 O relevo do território maranhense apresenta feições típicas das
bacias sedimentares com formas tabulares e subtabulares.
Determinado laboratório de análises clínicas está sendo
investigado por emitir laudos falsos de um exame constituído por
7 indicadores, correspondentes à concentração de 4 compostos na
corrente sanguínea, obtidos da seguinte forma: uma medição da
concentração de cada um dos compostos A, B, C e D, e 3 medições,
por 3 diferentes técnicas, da concentração do composto E.
Os laudos verdadeiros de 7 pacientes (chamados pacientes-fonte),
F. Mendonça; Dani Oliveira I. M. Climatologia: noções básicas e climas
do Brasil. São Paulo: Oficina de Textos, 2007 (com adaptações). com prenomes distintos, entre eles Amanda, Bárbara, Carlos e
Figura II Daniel, eram usados para compor laudos falsos para os demais
pacientes. Para dificultar a ação da autoridade policial, na
montagem de um laudo falso, o laboratório tomava o cuidado de, no
Tendo como referência inicial as figuras precedentes e
conjunto de 7 medições que constituíam cada laudo falsificado, usar
considerando que o estado do Maranhão situa-se em uma região apenas uma medição de cada paciente-fonte, ou seja, de nunca
usar 2 ou mais medições de um mesmo paciente-fonte.
controlada por massas de ar quente, julgue os próximos itens.
Com referência a essa situação hipotética, julgue os itens seguintes.

45 Há mais de 5 maneiras distintas de se produzir um laudo falso


38 A regularidade térmica observada na cidade de São Luís ao
utilizando-se os dados dos exames de Amanda, Bárbara, Carlos
e Daniel, nessa ordem, para os valores referentes aos
longo do ano, conforme indicado na figura I, deve-se ao efeito
compostos A, B, C e D.
da continentalidade. 46 Caso o laboratório escolhesse aleatoriamente, entre os dados
dos 7 pacientes-fonte, aqueles que seriam usados nas medições
39 A maior pluviosidade nos meses de março e abril na porção referentes ao composto E, a probabilidade de serem usados os
dados de Amanda, Bárbara e Carlos seria inferior a 3%.
norte do estado do Maranhão é efeito da zona de convergência 47 Se fosse adotada a estratégia de falsificar laudos seguindo-se
a ordem sucessiva de medições referentes aos compostos
intertropical (ZCIT).
A, B, C e D e, em seguida, as medições referentes ao
composto E, a quantidade de laudos falsos distintos que
40 Em relação à variação sazonal, na cidade de Colinas, poderiam ser gerados pelo laboratório seria superior a 800.
48 Com relação ao composto E, a quantidade de laudos falsos
as temperaturas do ar mais elevadas ocorrem entre os meses
distintos constituídos com dados dos exames de Amanda,
de setembro e dezembro, em virtude das massas de ar seco. Bárbara e Carlos que poderia ser produzida é superior a 50.

www.pciconcursos.com.br
||359_PMMA_CG1_01N993477|| CESPE | CEBRASPE – PM/MA – Aplicação: 2017

A pólvora é material empregado como propulsor em armas


de fogo. Basicamente, a ideia é provocar uma reação que gere uma
quantidade grande de gases sob pressão e temperatura elevadas. Ao
se expandirem, esses gases impulsionam um projétil. A pólvora
negra, empregada em armas mais antigas, é constituída por uma
mistura de salitre (KNO3), enxofre (S) e material de carbono (C). A
equação não balanceada de uma das reações químicas que ocorrem
durante a queima da pólvora é apresentada a seguir.
Figura I
KNO3 (s) + S (s) + C (s) 6 K2S (s) + N2 (g) + CO2 (g)

Considerando essas informações e sabendo que o número atômico


do carbono é igual a 6, julgue os itens que se seguem.

53 Entre os produtos da reação química apresentada, podem ser


identificadas uma substância iônica e duas substâncias
moleculares; entre as substâncias moleculares, uma é polar e,
a outra, apolar.

54 Um átomo neutro do isótopo de carbono-12, no estado


fundamental, apresenta, em seu núcleo, 6 prótons e 6 nêutrons;
além disso, apresenta 6 elétrons na região extranuclear.

55 A menor soma de coeficientes estequiométricos inteiros que


Figura II
permitem balancear a equação química apresentada é igual a 8.

A figura I precedente ilustra um bloco de massa M que 56 O KNO3 é um sal inorgânico resultante da reação de
parte do repouso e desliza sobre um plano inclinado de 30°, com neutralização entre o hidróxido de potássio e o ácido nítrico.
atrito, durante 5 s, até atingir sua base. A figura II mostra o gráfico A respeito do Microsoft Word 2007 e dos softwares livres, julgue
do módulo da velocidade, v, do bloco nesse intervalo de tempo. os itens a seguir.
Com base nas informações e nas figuras apresentadas, julgue os
57 Mediante o acesso ao código-fonte de um software livre,
próximos itens, considerando que o seno de 30° é igual a 0,5.
um desenvolvedor poderá modificar esse software e distribuir
49 A altura em que o bloco se encontrava no início do movimento cópias da versão modificada a outros indivíduos, sem restrição
era superior a 2 m. de propósito de uso.

50 O trabalho realizado pela força de atrito não é conservativo, 58 No Word 2007, embora esteja impedido de criar e(ou) exibir
visto que o atrito gera calor ao longo de todo o trajeto. alterações controladas no texto, o usuário pode inserir, editar
e excluir modificações no texto.
51 A força resultante sobre o bloco é nula.
52 Ao se dobrar a massa desse bloco, a força de atrito atuante Julgue os itens subsequentes, relativos a software para o ambiente
também será dobrada. de microinformática e a proteção e segurança da informação.

Espaço Livre 59 O firewall do Windows protege esse sistema por meio da


criptografia dos dados nas unidades de dados fixas e
removíveis, bem como resguarda a unidade do sistema
operacional contra ataques offline, que são efetuados para
desabilitar ou descartar o sistema operacional instalado.

60 Fazer becape regularmente é uma conduta que permite


minimizar os danos decorrentes de um ataque do tipo
ransomware locker, que impede o acesso ao equipamento
infectado, visto que o pagamento do resgate não garante acesso
aos dados.

www.pciconcursos.com.br
||359_PMMA_003_01N458886|| CESPE | CEBRASPE – PM/MA – Aplicação: 2017

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
Julgue os itens subsequentes, relativos à anatomia veterinária de Acerca da microbiologia veterinária, julgue os itens que se seguem.
cães e equinos.
75 A principal forma de transmissão dos alfavírus, agentes
61 Tanto nos caninos quanto nos equinos, o número de vértebras etiológicos de encefalites equinas, é o contato direto entre
caudais pode variar conforme a raça do animal. animais portadores e animais suscetíveis, logo sem intermédio
62 A constituição dentária dos cães varia de acordo com o sexo do de vetores.
animal; nos equinos, é invariável entre machos e fêmeas.
76 Corpúsculos de inclusão intracitoplasmáticos aparecem em
63 Plano mediano é aquele que divide o corpo dos cães e dos infecções de cães acometidos pelo adenovírus canino 1, agente
equinos em duas metades simétricas: a direita e a esquerda.
etiológico da hepatite infecciosa canina.
Com relação à fisiologia veterinária, julgue os próximos itens.
77 O vírus da cinomose, pertencente ao gênero Morbilivirus da
64 A redução da síntese e da secreção da albumina sérica em família Paramyxoviridae, é capaz de infectar um amplo
decorrência de doenças hepáticas crônicas aumenta a pressão contingente de espécies animais, incluindo-se canídeos,
oncótica no sangue. grandes felídeos, mustelídeos, procionídeos e viverrídeos.
65 Alterações fisiológicas no organismo de animais como cães e Julgue os próximos itens, relativos à parasitologia veterinária.
gatos são mediadas por proteínas, cujas funções dependem de
sua conformação estrutural. 78 Temperaturas extremamente elevadas ou baixas, bem como
Em relação à imunologia veterinária, julgue os itens a seguir. prolongados períodos chuvosos ou de seca, reduzem o
desenvolvimento de miíases produzidas no gado pela “mosca
66 Na resposta imune inata contra agentes virais, atuam as células da bicheira” (Cochliomyia hominivorax).
dendríticas, o interferon tipo I, as células natural killer e os
componentes ativos do sistema complemento. 79 A habronemose cutânea, causada por larvas do nematoide
Habronema spp., que parasita equinos e asininos, apresenta
67 O processamento prévio de antígenos microbianos por células
ciclo evolutivo indireto, pois tem como vetores carrapatos do
apresentadoras de antígenos permite o reconhecimento desses
elementos proteicos por linfócitos T. gênero Amblyomma.

68 A ativação dos mecanismos envolvidos na resposta imune 80 Boophilus, Anocentor e Rhipicephalus são os principais
adquirida ocorre independentemente de sua exposição prévia gêneros de carrapatos encontrados em bovinos, equinos e cães,
aos antígenos do agente infeccioso. respectivamente.
Acerca de anomalias decorrentes de alterações cromossômicas em Em relação à nutrição de equinos, julgue os itens a seguir.
animais, julgue os itens que se seguem.
81 A ingestão de pastagem com alta concentração de carboidratos
69 Animais que apresentam cariótipos anormais não são
não estruturais evita a ocorrência de laminite.
necessariamente menos saudáveis ou estéreis.
82 No cavalo, o amido não digerido no intestino delgado pode ser
70 Animais que apresentam trissomia do cromossomo X são
convertido em ácido graxo volátil como resultado da ação de
geralmente férteis; é rara a fertilidade em animais que
apresentam monossomia desse mesmo cromossomo. fermentação microbiana no intestino grosso e ceco para, então,
ser absorvido e utilizado como fonte de energia.
71 Animais com aneuploidia XXY e XXXY apresentam fenótipo
predominantemente feminino. 83 Cavalos mantidos estabulados são, muitas vezes, submetidos
a situações que os predispõem ao desenvolvimento de úlceras
No que se refere à hematologia veterinária, julgue os próximos
itens. gástricas decorrentes, por exemplo, do estresse envolvido no
confinamento e da concentração da alimentação em poucas
72 A presença de neutrófilos imaturos no sangue em quantidade horas do dia.
considerada acima do normal para a espécie provoca desvio
para a esquerda na medula. 84 Alimentos mais secos, como feno e grãos, predispõem os
cavalos à doença periodontal, por reduzir a amplitude e a
73 Nos mamíferos, o núcleo eritrocitário permanece no decorrer
quantidade do movimento de mastigação e aumentar a
do processo de eritropoiese, o que resulta em hemácias
produção de saliva.
maduras nucleadas.
74 Linfócitos e monócitos são leucócitos polimorfonucleares, 85 Dieta rica em feno de alfafa predispõe o animal à enterolitíase:
enquanto neutrófilos, eosinófilos e basófilos são leucócitos o alto conteúdo de magnésio presente na alfafa aumenta o pH
mononucleares. do lúmen intestinal e favorece a precipitação da estruvita.

www.pciconcursos.com.br
||359_PMMA_003_01N458886|| CESPE | CEBRASPE – PM/MA – Aplicação: 2017

Com relação ao diagnóstico por imagens, julgue os itens a seguir. Considerando as boas práticas anestésicas e operatórias em cães
86 Em se tratando de radiografias torácicas em cães, o padrão e equinos, julgue os itens subsecutivos.
respiratório do paciente deve ser observado por alguns
segundos antes da exposição radiográfica, de modo que 96 Para a remoção de segmentos intestinais isquêmicos,
a radiografia seja realizada de forma coordenada ao pico necrosados ou neoplásicos em cães, são recomendadas
da expiração, momento em que o contraste pulmonar será a ressecção e anastomose intestinais, devendo o cirurgião,
otimizado devido ao menor volume do pulmão. na anastomose de extremidade com extremidade com suturas
87 Durante o procedimento de radiografia laterolateral da contínuas, atentar para não tracionar o fio demasiadamente,
traqueia, é importante manter a cabeça do cão em posição de
“alerta” evitando-se flexionar ventralmente ou estender de modo a evitar o efeito de bolsa de tabaco, que causa
dorsalmente o crânio, pois o deslocamento dorsal focal da estenose intestinal.
traqueia, no primeiro caso pode mimetizar uma massa no
97 O bloqueio anestésico é exemplo de procedimento que facilita
mediastino cranial, enquanto, no segundo caso, a traqueia pode
apresentar-se comprimida. a avaliação e o diagnóstico de claudicação em equinos,
88 São sinais radiográficos de pneumotórax em cães a retração devendo ser realizado com aplicação de injeções de anestésico
pulmonar — de modo que uma linha radiolucente pode ser nas estruturas mais proximais, primeiramente, e no sentido
observada entre o contorno do pulmão e a parede torácica —, distal, paulatinamente, até que o animal não apresente sinais
o aumento da radiopacidade pulmonar devido à atelectasia,
de claudicação.
o deslocamento dorsal do contorno cardíaco — também
conhecido por “coração flutuante” —, e o deslocamento caudal 98 A acepromazina, medicação pré-anestésica que produz
do diafragma. relaxamento muscular sem efeito analgésico, pode estar
89 Para a correta interpretação das imagens radiográficas da associada ao prolapso peniano quando administrada em
medula espinhal, é necessária a utilização de contraste positivo
cavalos.
baritado por via epidural, que permite diferenciar uma lesão
mural de uma lesão extramural. 99 Para radiografia com fins de diagnóstico de displasia
90 Os efeitos adversos da radiação por raios X classificam-se coxofemoral em cães, é necessário o correto posicionamento
como determinísticos — caso em que a gravidade do efeito do animal com a extensão e rotação dos membros anteriores,
independe da dose de radiação — ou como estocásticos —
caso em que, ultrapassado determinado limite, a gravidade procedimento que muitas vezes exige anestesia geral, caso em
do efeito aumenta à medida que a dose se eleva, como ocorre, que a utilização de um relaxante muscular, como o pancurônio,
por exemplo, no surgimento de cataratas induzidas é indicada.
por radiação.
100 São características desejáveis do fio de sutura: mínima reação
91 O contraste radiográfico depende primordialmente da
combinação entre a quilovoltagem (kV) e a miliamperagem com o tecido animal, capacidade de inibir o crescimento
por segundo (mAs), que estabelecem a energia ou força bacteriano e baixa capilaridade.
do raio X e a quantidade de raios X gerada por segundo,
respectivamente. A respeito do tétano, julgue os itens a seguir.

No que se refere à obstetrícia, prenhez e cuidados durante 101 A vacina utilizada na profilaxia do tétano é produzida a partir
a gestação em equinos e caninos, julgue os itens subsequentes.
do toxoide tetânico purificado, que, apesar de perder a
92 Além da ausência de batimentos cardíacos no saco gestacional, patogenicidade, mantém certo grau de imunogenicidade.
os achados que podem ser detectados na avaliação
ultrassonográfica e que auxiliam no diagnóstico de morte fetal 102 O tétano é uma doença aguda, geralmente fatal, causada por
em cadelas incluem a perda da definição dos contornos fetais, uma exotoxina (tetanospasmina) produzida pela bactéria
a diminuição progressiva do volume de líquido e a Clostridium tetani.
hipoecogenicidade do útero adjacente.
93 A má apresentação fetal é uma das principais causas de 103 As espécies de animais domésticos mais suscetíveis à infecção
distocia em éguas, devendo a cesariana e a fetotomia (em caso por tétano são os cães e os gatos.
de morte do potro) ser as primeiras ações realizadas pelo
104 Bovinos e equinos apresentam maior quantidade de toxinas
obstetra para garantir o bem-estar da égua.
circulantes necessárias para conter o tétano, por isso, nesses
94 Infecção viral por herpes-vírus equino-1, infecção bacteriana
ou fúngica e placentite ascendente e hematógena, incluindo-se animais, comumente se manifesta a forma clínica localizada da
as infecções por Leptospira spp., estão entre as causas de doença.
aborto em equinos.
105 Protrusão da terceira pálpebra, orelhas eretas, trismo
95 Na anestesia de cadelas prenhes, é fortemente desaconselhada
mandibular, espasmos musculares, opistótono, vocalização,
a pré-oxigenação, mesmo em caso de hipóxia, pois a
administração de oxigênio suplementar à mãe implica redução reações a estímulos táteis e auditivos, disúria, constipação e
do fluxo sanguíneo uterino e acidose fetal. hipertermia são sinais clínicos do tétano.

www.pciconcursos.com.br
||359_PMMA_003_01N458886|| CESPE | CEBRASPE – PM/MA – Aplicação: 2017

No que se refere às doenças de notificação obrigatória ao serviço A respeito da prevenção e do controle da anemia infecciosa equina
veterinário oficial e à aplicação de medidas de defesa sanitária, (AIE), julgue os itens subsequentes.
julgue os itens seguintes. 116 A desinterdição de propriedade com foco de AIE ocorrerá
somente após todos os equídeos existentes na propriedade
106 Entre as doenças que acometem equídeos e que requerem terem sido submetidos, em um intervalo de trinta dias, à
notificação imediata incluem-se a raiva, a anemia infecciosa realização de seis exames consecutivos cujos resultados
equina, a encefalomielite equina do leste, a encefalomielite tenham sido negativos para AIE.
equina do oeste e o mormo. 117 O diagnóstico da AIE é realizado por meio da prova sorológica
de imunodifusão em gel de ágar (IDGA).
107 O tétano (Clostridium tetani), o botulismo (Clostridium
118 Havendo detecção de foco de AIE, as medidas a serem
botulinum), a tripanosomose (Trypanossoma vivax) e a gripe adotadas após a identificação do equídeo portador da doença
equina são exemplos de doenças que requerem notificação incluem a interdição da propriedade, a marcação permanente
mensal de qualquer caso confirmado em equídeos. do animal e o sacrifício ou o isolamento do equídeo.
119 A marcação permanente dos equídeos portadores da AIE
108 Entre as doenças que afetam animais domésticos como cães
deverá ser realizada por meio da aplicação de ferro candente
e gatos e que requerem notificação mensal de qualquer caso na paleta do lado esquerdo, com a letra P contida em um
confirmado incluem-se a raiva, a cinomose e a parvovirose círculo de oito centímetros de diâmetro seguido da sigla do
canina (CPV-2). estado (UF) da propriedade que apresenta o foco da doença.
120 A propriedade será considerada controlada para AIE quando
109 Tanto qualquer cidadão quanto os profissionais que atuam na
todos os equídeos da área apresentarem resultados negativos
área de diagnóstico, ensino ou pesquisa em saúde animal nos exames diagnósticos para AIE, em dois exames
devem realizar a notificação de suspeita ou ocorrência das consecutivos realizados dentro de um intervalo de trinta a
doenças listadas como de notificação obrigatória. sessenta dias e, ainda, repetidos no mínimo uma vez a cada seis
meses.
110 A encefalomielite equina venezuelana e a encefalomielite
Espaço livre
equina do leste são doenças equinas jamais registradas no
Brasil, mas que requerem notificação imediata caso seja
identificado um caso suspeito ou realizado um diagnóstico
laboratorial.

No que se refere ao controle da raiva em herbívoros domésticos,


julgue os próximos itens.

111 Após o óbito de animal cujo diagnóstico da raiva não tenha


sido confirmado ou que tenham sido sacrificados em razão de
se encontrarem na fase adiantada da doença (fase paralítica),
a coleta de amostras do sistema nervoso central para a
confirmação da raiva será realizada por médico veterinário ou
por auxiliar que tenha recebido treinamento adequado e que
esteja devidamente imunizado.
112 Na profilaxia da raiva dos herbívoros domésticos, deve-se
utilizar vacina com vírus vivo modificado, na dosagem
de 2 mL, a ser administrada através da via subcutânea ou
intramuscular.
113 A vacina antirrábica possui prazo de validade de até um ano e
deve ser armazenada em temperatura ambiente que varie
de 16 ºC a 25 ºC.
114 Nas áreas de ocorrência da raiva, a vacina deverá ser aplicada,
sistematicamente, em equídeos com idade igual ou superior a
três meses, e os animais primovacinados deverão ser
revacinados trinta dias após a administração da primeira dose.
115 Será considerada área de ocorrência da raiva aquela onde a
doença tiver sido confirmada por meio de exames laboratoriais
realizados ao longo de um ano.

www.pciconcursos.com.br