Você está na página 1de 1

08:19 Natureza: Filosofia – Nota de Aula 01 – 1º Bimestre 2016

Professor: Natan de Sousa Ano: 1°

DESCOBRINDO A FILOSOFIA
Capítulo 01 – A reflexão filosófica

 A Filosofia preocupa-se, a princípio, com a construção de conceitos. Por isso, diz-se que a pergunta filosófica por
excelência é “O que é...?”. Entretanto, a filosofia não se resume a isso. Cabe a ela questionar, indagar, desconfiar do
óbvio, criticar a realidade, desconstruir conceitos, desmoronar certezas.

 A filosofia surge do espanto, do assombro, da surpresa diante das coisas.

“A filosofia é sobretudo uma atitude, um pensar permanente.


É uma experiência diferente de olhar sobre o mundo, no sentido de sempre questionar o já sabido” [Uno, p. 05].

 A filosofia, para além do senso comum, promove abertura mental, reorientando os sentidos/significados da vida e do
mundo. Ela é capaz de fazer isso porque é um exercício de reflexão (do latim reflectere, “voltar atrás”, “retroceder”),
ou seja, é um exercício mental que o pensamento deve fazer de voltar-se sobre si mesmo e seguir questionando
insistentemente.

 Características do pensamento filosófico:

 RADICAL: busca a raiz, o fundamento, a base, os conceitos fundamentais de todos os campos do pensar e do agir.
 RIGOROSO: para se fazer filosofia é preciso seriedade no método utilizado, buscando argumentos sólidos e
coerentes que justifiquem de forma clara e inequívoca aquilo que se está apresentando.
 DE CONJUNTO: tende a analisar os problemas relacionando-os com aspectos diversos, visando a totalidade. Nada
escapa ao interesse da filosofia: moral, religião, comportamento, liberdade, ética, arte, ciência, política, Direito
etc.

 Do ponto de vista prático (pragmático) a filosofia é a mais inútil das ciências, mas do ponto de vista contemplativo
ela é a mais nobre de todas.

 “Utilidades” da filosofia:

 Inteligência: do latim inter legere, “ler dentro”.


 Pretende criar uma consciência crítica acerca de si e do mundo.
 Tenta por fim na ingenuidade de pensamento.
 Tenta abolir preconceitos.
 Promove o fim da submissão às ideias dominantes.
 Auxilia na compreensão do significado do mundo, da cultura e da história humana.

 Sócrates e a filosofia: a máxima socrática “só sei que nada sei” nos mostra que reconhecer-se ignorante é o ponto de
partida da filosofia.

“Mais sábio que este homem eu sou; é bem provável que nenhum de nós [dois] saiba nada de bom, mas ele supõe
saber alguma coisa e não sabe, enquanto eu, se não sei, tampouco suponho saber. Parece que sou um nadinha mais
sábio que ele exatamente em não supor que saiba o que não sei” [Platão, no livro Defesa de Sócrates].

Rua Des. Leite Albuquerque, 1056 – Aldeota – CEP: 60.150-150 – Fone: 4008-2313 – Fortaleza-CE • e-mail:colegiobatista@batista.g12.br
Unidade Edson Queiroz – Rua Hil Morais, 124 – Edson Queiroz – CEP: 60.811-760 – Fone: 3273.1282
Unidade Sul – Rua Roberto Gradvohl, 3470 – Alagadiço Novo –CEP: 60.812-540 – Fone: 3276.3969/3274.9075
Unidade Varjota – Av. Antônio Justa, 3790 – Varjota – CEP: 60.165-090 – Fone: 3267.2929 –“Posso todas as coisas em Cristo que me fortalece.” (Fil. 4:13.)