Você está na página 1de 13

Ficha Global de Revisão do 5.

o Ano
Ficha Global de Revisões

A. A Península Ibérica: localização e quadro natural


A1. A Península Ibérica – localização
1. Assinala com um X a opção correta.
a) As linhas imaginárias são:
 linhas da Terra utilizadas para localizar lugares da superfície terrestre.
 linhas que não existem na realidade, mas que se usam nos mapas para localizar
lugares da superfície terrestre com precisão.
 linhas que não existem na realidade, mas que se usam nas representações da Terra
para localizar lugares com precisão. x
b) O equador e os círculos polares são exemplos de:
 meridianos.
 paralelos.x
 trópicos.
c) O equador divide a Terra em:
 hemisfério norte e hemisfério sul.x
 metade norte e metade sul.
 hemisfério oriental e hemisfério ocidental.

2. Observa os mapas e faz corresponder os elementos da coluna da esquerda aos da


coluna da direita.

1. Oceano Atlântico  Sudoeste da Europa - 6


2. Mar Mediterrâneo
 A norte e oeste da Península Ibérica - 1
3. África
4. Estreito de Gibraltar  Sudeste da Península Ibérica - 2
5. Europa  A sul da Europa - 3
6. Península Ibérica  A oeste da Ásia e a norte de África - 5
 Separação entre Europa e a África - 4

Eliseu Alves · Elisabete Jesus · HGP em Ação 5


Ficha Global de Revisões
A2. A Península Ibérica – quadro natural
3. Assinala, no mapa, uma região montanhosa, uma região de planaltos e uma região de
planícies.

4. Assinala com um V as afirmações verdadeiras e com um F as afirmações falsas.


 As montanhas são a forma de relevo de maior altitude. f
 As mesetas representam um conjunto de montanhas. v
 As planícies localizam-se principalmente no litoral da Península Ibérica. v
 Os mapas hipsométricos representam diferentes valores de temperaturas. f

5. Corrige as afirmações falsas.


As montanhas e os planaltos são as formas de relevo de maior altitude .
Os mapas hipsometricos representam diferentes formas de relevo .

6. Observa o mapa e assinala com um X a opção correta para cada frase.

a) Uma rede hidrográfica é:


 o território por onde passam as águas que correm para
um rio.
 o conjunto dos rios principais de um país.
 o conjunto formado por um rio principal e seus
afluentes. x
b) Em Portugal, o caudal dos rios:

 é constante todo o ano, mas é mais abundante no


Norte do que no Sul.
 é constante em todo o país, mas varia ao longo do ano.
 é mais reduzido no Sul do que no Norte e varia ao

Eliseu Alves · Elisabete Jesus · HGP em Ação 5


Ficha Global de Revisões
longo do ano . x

7. Associa os algarismos 1 (Ibéria húmida) ou 2 (Ibéria seca) ao tipo de vegetação


natural e ao tipo de clima.

1 - Árvores de folha caduca 2 - Clima temperado


1. Ibéria húmida mediterrâneo
2- Pinheiro manso e
sobreiro 1 -Clima temperado
2. Ibéria seca
1 - Carvalho e castanheiro marítimo
2 -Árvores de folha 2 -Clima temperado
prepersistente continental

8. Completa os espaços em branco.

No arquipélago da Madeira, o relevo é muito _montanhoso________________ na ilha da

Madeira, com __rios________ muito profundos e encostas de ____serras____________ muito

acentuada. Já na ilha de____porto santo______________, o relevo é pouco acentuado. Esta

ilha tem pouca vegetação, ao contrário da ilha da Madeira, onde se destaca a

floresta___laurissilva_________________.

Eliseu Alves · Elisabete Jesus · HGP em Ação 5


Ficha Global de Revisões

B. A Península Ibérica: dos primeiros povos à formação de


Portugal (século XII)
B1. As primeiras comunidades humanas da Península Ibérica

1. Com base nas imagens, regista três diferenças entre o modo de vida dos caçadores-
-recoletores e o dos agricultores e pastores.
As comunidades recoletoras viviam em grutas , alimentavam - se caçando e pescando e eram
nomadas , as comunidades agropastoris viviam em casas de palha , alimentavam - se praticando a
agricultura e a criaçao de gado e eram sedentarias .
2. Assinala com um V as afirmações verdadeiras e com um F as afirmações falsas.
 Os dólmenes são as manifestações artísticas mais antigas. V
 Os caçadores-recoletores faziam a arte rupestre para proteger os seus rebanhos. F
 Em Vila Nova de Foz Coa há importantes vestígios de arte rupestre. V
 As cavernas são monumentos megalíticos. F
 As comunidades de agricultores e pastores prestavam culto aos mortos. V
3. Corrige as afirmações falsas.
Os caçadores – recoletores faziam a arte rupestre para contar acontecimentos da sua vida .
As antas são monumentos megaliticos .
4. Faz corresponder um elemento da coluna da esquerda aos elementos da coluna da
direita.
1. Fenícios 2 - Uso da moeda nas trocas comerciais

2. Gregos 3 -Conservação dos alimentos com sal


3. Cartagineses
1 -Uso do alfabeto

B2. Os Romanos na Península Ibérica

Eliseu Alves · Elisabete Jesus · HGP em Ação 5


Ficha Global de Revisões

218 a. C. – O exército romano, sob o comando de Cneio Cornélio Cipião, entra pela primeira
vez na Península Ibérica.
c. 194-193 a. C. – Os Lusitanos revoltam-se contra o domínio romano e iniciam a resistência
armada.
147 a. C. – Os Lusitanos, chefiados por Viriato, recomeçam a luta contra os Romanos.
29 a. C. – Augusto concentra seis legiões na Península para o assalto final às regiões ainda
não ocupadas.
19 a. C. – Roma consegue, finalmente, o domínio efetivo de toda a Hispânia.
António Simões Rodrigues (coord.), História de Portugal em Datas,
Temas & Debates, 1996

1. Assinala com um V as afirmações verdadeiras e com um F as afirmações falsas.


 Os Romanos eram originários de Roma. V
 A Península Ibérica foi a primeira região conquistada pelos Romanos. F
 Os Romanos invadiram a Península Ibérica para expulsar os Fenícios dessa região. F
 A abundância de metais preciosos atraiu os Romanos à Península Ibérica. V
 Os Romanos iniciaram a conquista da Península Ibérica pelo Noroeste. V

2. Corrige as afirmações falsas . A peninsula iberica foi a ultima regiao conquistada pelos
romanos. Os romanos invadiram a peninsula iberica para aumentar os seus territorios .

Os Romanos transmitiram a sua cultura aos povos conquistados, que adotaram muitos dos
seus costumes. A este processo chamamos romanizaçao e os seus principais agentes foram
os romanos , que mantinham a ordem; os funcionários , que faziam a gestão do território; e
os soldados, que eram cidadãos romanos.
Os Romanos construíram uma vasta rede de ____estradas___________, que facilitava as
comunicações; legaram-nos o ___idioma__________, a sua língua; introduziram novas
plantas agrícolas, como o cultivo da _vinha____________e do ___trigo__________;
construíram ____monumentos_________, feitas à semelhança de Roma, e ainda nos
deixaram o ____direito_________romano, utilizado até hoje.
Todas estas novidades deixaram marcas que perduram até aos nossos dias, por exemplo, na
língua ____latina_________ e em muitos vestígios, espalhados de norte a sul de Portugal.

3. Lê atentamente o documento escrito.

O ideal de igualdade perante Deus acentuou o respeito pelos pobres e até pelos escravos da
comunidade […]. Estes factos atraíram, obviamente, muitos adeptos à nova religião e permitiram
a sua expansão rápida.
José Mattoso, História de Portugal, vol. 1, Antes de Portugal,
Eliseu Alves · Elisabete Jesus · HGP em Ação 5
Editorial Estampa, 1997
Ficha Global de Revisões

a) De que “nova religião” nos fala o documento? Cristianismo .


b) Em que região surgiu essa religião e como se chama o seu fundador? Na palestina , jesus
cristo .
Refere dois dos valores desta religião referidos no texto. A igualdade perante deus entre
todos os homens e a promessa de uma vida eterna .

4. Observa o esquema seguinte.

a) Que acontecimento marca a contagem do tempo nos países do Ocidente? O nascimento


de cristo .
b) Como se faz a contagem dos anos representados à direita desse acontecimento? E a
c) esquerda? Os anos que estao a direita adiciona – se mais um ou mais zero aos dois
primeiros algarismos e os anos que estao a esquerda adiciona – se mais zero .
d) Porque se utiliza a sigla “a. C.”? para avisar que o acontecimento foi antes do nascimento
de cristo .
e) A quantos anos corresponde um século? E um milénio? Um seculo corresponde a 100 anos
e um milenio a 1000 anos .
f) A que séculos pertencem os anos 313, 1200 e 1789?
310 – sec. lll 1789 – sec. xvlll
1200 – sec. xll
B3. Os muçulmanos na Península Ibérica
1. Faz corresponder os elementos da coluna da esquerda aos da coluna da direita.

A) Livro sagrado do Islão B - Ramadão


B) Período de tempo durante o qual os muçulmanos C -Alá
devem fazer jejum E -Maomé
C) Nome do deus único para os muçulmanos A -Corão
D) Cidade sagrada do Islão -Mesquita
E) Profeta que começou a pregar a nova religião D -Meca
7. Templo onde os muçulmanos prestam culto

2. Assinala com um V as afirmações verdadeiras e com um F as afirmações falsas.

 A influência muçulmana é mais visível no Sul da Península Ibérica. V


 Limões, amêndoas e azeitonas foram alguns dos frutos trazidos pelos muçulmanos para a
Península Ibérica. V
 Um dos contributos dos muçulmanos foi o uso da nora e da picota para trabalhar os campos.
F

Eliseu Alves · Elisabete Jesus · HGP em Ação 5


Ficha Global de Revisões
 Os algarismos foram uma inovação que veio substituir a numeração árabe. V

3. Corrige as afirmações falsas.


Um dos contributos dos muçulmanos foi o uso da nora e da picota para trabalhar a agua .

B4. A formação do Reino de Portugal


a. Assinala, no mapa seguinte, a região onde os cristãos se refugiram após a invasão
muçulmana da Península Ibérica.

b. Qual é o nome da
batalha que deu início à Reconquista Cristã? A batalha de
covadonga .
c. Como se chamava o
nobre que liderou os cristãos nessa batalha? Pelagio .
A Reconquista Cristã foi um processo rápido ou
demorado? Justifica a tua resposta. Não , porque os
cristaos tiveram que lutar durante muito tempo contra
os muçulmanos para recuperar as terras perdidas .
d. Assinala com um X a opção correta para cada frase.
a) No início da Reconquista, formaram-se vários reinos cristãos na Península Ibérica, como:
 Leão, Castela e Narrava. x
 Castela, Navarra e Catalunha.
 Castela, Aragão e Granada.
b) Os novos reinos cristãos tinham fronteiras instáveis porque:
 se conquistavam continuamente novos territórios. x
 havia constantemente perda e reconquista de territórios muçulmanos.
 os muçulmanos conquistaram toda a Península, exceto a região das Astúrias.
c) Para ajudar a combater os muçulmanos, os reis cristãos receberam:
 ajuda de cavaleiros francos, vindos da Europa. x
 material de guerra doado por reinos europeus.
 apoio de cavaleiros do Norte de África.

e. Faz corresponder a cada um dos elementos da coluna da esquerda um elemento da


coluna da direita.
Terminou a conquista do território português - e
A) 1239
Definiu as fronteiras convencionais entre Portugal e
B) D. Dinis Castela – d
C) D. Sancho Ii Assinou o Tratado de Alcanises com o rei de Castela,
Fernando IV – b
D) Tratado de Alcanises Conquista definitiva do Algarve – f
E) D. Afonso III Assinatura do Tratado de Alcanises – a
Fez mais conquistas no Sul de Portugal - c
F) 1297

Eliseu Alves · Elisabete Jesus · HGP em Ação 5


Ficha Global de Revisões

C. Portugal do século XIII ao século XVIII


C1. Portugal nos séculos XIII e XIV
1. Completa os espaços em branco.

No século XIII, desenvolveu-se o _clima____________ em Portugal. Chama-se


comércio ___interno_______ às trocas comerciais feitas __dentro_________ do
território português. Para isso, havia os ___almocreves_____________, que
viajavam de terra em terra levando produtos e materiais para vender. Também
eram importantes porque levavam mensagens e encomendas________. Este tipo
de comércio também se desenvolveu porque os reis D. Afonso III e D. Dinis criaram
__feiras__________ por todo o país. Os reis passavam cartas de foral______, onde
estipulavam a sua periodicidade e os __privilegios__________ e as obrigações dos
feirantes.

2. Assinala com um X a opção correta para cada frase.


a) A sociedade medieval dividia-se em:
 clero, nobreza e burguesia.
 clero, nobreza e povo. x
 clero, rei e povo.
b) Os grupos privilegiados eram:
 o clero e o povo.
 a nobreza e a burguesia.
 o clero e a nobreza. x
c) O grupo social com mais gente era:
 o clero.
 o povo. x
 a nobreza.
d) A burguesia:
 pertencia ao povo.
 pertencia à nobreza.
 era um dos grupos sociais da sociedade medieval. x
e) A função do clero era:
 administrar a justiça no país.
 trabalhar a terra.
 dar apoio religioso e espiritual à comunidade x.
f) Os concelhos eram criados através da:
 carta de feira.
 carta de proclamação.

Eliseu Alves · Elisabete Jesus · HGP em Ação 5


Ficha Global de Revisões
 carta de foral.x
g) A administração dos concelhos estava a cargo de:
 uma assembleia de camponeses.
 uma assembleia de homens-bons. x
 um alcaide.
h) O pelourinho era:
 um símbolo da autonomia do concelho x.
 um lugar religioso.
 um objeto decorativo de uma localidade.

3. Observa as imagens 1 e 2.

1. Igreja de Boelhe, Penafiel 2. Igreja de Santa Maria do Olival, Tomar

3.1. Identifica o estilo arquitetónico a que pertence cada um dos monumentos representados. 1-
arte romanica 2 – arte gotica
3.2. Atribui o número do monumento (1 ou 2) a cada uma das seguintes características.

Arco redondo - 1
Arco ogival - 2
Paredes grossas - 1
Poucas aberturas - 1
Janelas decoradas com vitrais - 2
Edificios mais altos - 2

4. Observa o esquema .

Eliseu Alves · Elisabete Jesus · HGP em Ação 5


Ficha Global de Revisões

D. João, Mestre de Avis, foi aclamado rei, D. João I, nas Cortes de __coimbra____________. O rei de
Castela, casado com a filha do rei D. Fernando, não reconheceu o novo rei e mandou o seu exército
invadir Portugal. Na Batalha de _______________, um pequeno exército português, liderado por
_______________________________, venceu o exército castelhano. Para tal, foi muito importante o
apoio de soldados ________________ e a utilização da tática do _________________.
Após a vitória, D. João I procurou o reconhecimento de outros países europeus. Com a assinatura do
Tratado de _______________, ficou garantido o apoio inglês em caso de ataques a Portugal. O
tratado foi selado com o casamento de D. João I com uma nobre inglesa,
________________________. Daqui nasceu a nova dinastia de _____________.

C2. Portugal nos séculos XV e XVI


1. Lê atentamente o documento escrito.

Parece, assim, certo que a viagem de Vasco da Gama gerou


acrescidas expectativas, estimulando a partida, passados cerca
de seis meses, de uma armada muito maior, capitaneada por
Pedro Álvares Cabral, constituída por treze navios, pelo menos
um deles de negociantes privados, e com mais de mil homens
a bordo. As suas instruções incluíam o estabelecimento de
uma feitoria em Calecute e a captura de navios mouros que
transportassem especiarias.
Rui Ramos (coord.), História de Portugal,
A Esfera dos Livros, 2012
Eliseu Alves · Elisabete Jesus · HGP em Ação 5
Ficha Global de Revisões

1.1. A que viagem de Vasco da Gama se refere o documento?


___________________________________________________________________________
1.2. Por que razão foi importante?
___________________________________________________________________________
1.3. Quais eram os objetivos dos Portugueses ao fazerem as viagens referidas no documento?
___________________________________________________________________________
1.4. A armada de Pedro Álvares Cabral, referida no documento, foi responsável por um grande
acontecimento histórico. Identifica-o.
___________________________________________________________________________

2. Preenche a cronologia seguinte com os números dos acontecimentos indicados.

1. Descoberta da Madeira
2. Assinatura do Tratado de Alcáçovas
3. Vasco da Gama descobre o caminho marítimo para a Índia
4. Bartolomeu Dias dobra o Cabo das Tormentas
5. Conquista de Ceuta
6. Assinatura do Tratado de Tordesilhas
7. Gil Eanes dobra o Cabo Bojador
8. Pedro Álvares Cabral chega ao Brasil

Eliseu Alves · Elisabete Jesus · HGP em Ação 5


Ficha Global de Revisões

1. A ilustração acima o que te permite concluir sobre a vida na corte de D. Manuel I?


_________________________________________________________________
_________________________________________________________________
2. Como era viver na cidade de Lisboa no século XVI?
________________________________________________________________
________________________________________________________________

3. Assinala na imagem seguinte os elementos característicos do Manuelino:


esfera armilar, cruz de Cristo, escudo real, cordas.

Portal da Igreja
Matriz de Viana
do Alentejo

Eliseu Alves · Elisabete Jesus · HGP em Ação 5


Ficha Global de Revisões
C3. Portugal: da União Ibérica à Restauração da Independência
1. O que foi a União Ibérica?
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________

2. Completa os espaços em branco.

No dia 1 de ________________ de 1640, os ____________________, um grupo de nobres


____________________ com a governação filipina, levou a cabo uma revolta para restaurar
a ______________________ de Portugal. Pela manhã, invadiram o ___________________
_________, onde dominaram os guardas e prenderam a duquesa de ________________,
que governava o país em representação do rei _________________. Depois, de uma janela
do palácio, proclamaram a ______________________ da independência dando vivas ao
novo rei, D. ______________. A multidão, entretanto reunida no Terreiro do Paço, aclamou
o novo rei, que, estando em Vila Viçosa, chegaria a ________________ alguns dias mais
tarde. Dava-se, assim, início à dinastia ___________________.

Eliseu Alves · Elisabete Jesus · HGP em Ação 5