Você está na página 1de 9

BATE-PAPO E-MAIL

Brumadinho: por que animais sentiram antes o rompimento da barragem?

Relatos de vítimas apontam para comportamento estranho de animais antes da chegada da lama
Imagem: Wilton Júnior/Estadão Conteúdo

Ouvir

Gabriel Francisco Ribeiro


Do UOL, em São Paulo
06/02/2019 04h00

Antes mesmo de notarem qualquer sinal da avalanche de lama que estava a caminho, muitos sobreviventes da tragédia em
Brumadinho (MG) contaram que repararam no comportamento estranho de cachorros, galinhas ou vacas. Os animais que estavam
próximos à barragem da Vale serviram como um "alerta" do que iria ocorrer.

Há uma explicação para isso: os bichos, de fato, sentem antes eventos como o rompimento que devastou a região e matou 134
pessoas (até o fechamento deste texto) porque possuem sentidos mais aguçados --num nível que os humanos não possuem.
Veja também
Celular poderia ajudar a achar vítimas de Brumadinho; bateria é entrave

Golpistas criam falsos canais para roubar doações às vítimas de Brumadinho

"A barragem não rompe de uma vez só. Ela tem movimentos anteriores ao rompimento completo. Esses movimentos geralmente
emitem sons ou muito baixos ou infrassom, que é uma frequência abaixo do que o ouvido humano consegue ouvir", explica Carlos
Alberts, professor de zoologia e comportamento animal da Unesp (Universidade Estadual Paulista):

Muitos animais conseguem ouvir ou sentir a vibração da terra

Um caso chama a atenção. O sobrevivente da tragédia Lieuzo Luiz dos Santos estava acima da barragem e aparece no vídeo que
mostra o exato rompimento da terra. Em entrevista à TV Globo, ele relatou não ter ouvido nenhum som anterior ao rompimento. A
única coisa que notou foram gados correndo antes que o chão se abrisse.

Conexão na lama | A saga de um casal pelos dados da


família desaparecida em Brumadinho

LEIA A HISTÓRIA

Segundo Alberts, os animais podem ter sentido que a barragem iria se romper por diversos sentidos - tanto pelo som, causado pelo
choque de moléculas dentro da barragem enquanto os rejeitos entravam em liquefação, ou pelo tato, das patas na terra, que pode ter
apresentado pequenas movimentações próximas ao local e horário do rompimento que não foram notadas pelos humanos.

Já moradores do Córrego do Feijão dizem ter visto, antes de ouvir o tsunami de lama chegando, um comportamento estranho de
cachorros e galinhas.
galinhas Mais uma vez a audição e o tato também podem ter ajudado os animais a reconhecer o perigo.

Não temos essa percepção dos animais. Se vivêssemos na natureza o tempo todo,
poderíamos perceber algumas dessas coisas

"A galinha é uma ave, pode ter notado mudança do ar. As massas de ar são deslocadas quando a barragem é rompida. Também
podem notar modificações de cheiro. Elas são muito sensíveis e dependem de perceber essas coisas para sobreviver", aponta o
professor da Unesp.

Sentidos ajudam
Esses sentidos aguçados, inclusive, podem ter ajudado alguns animais a escaparem da tragédia. Entre os sobreviventes, há relatos
de famílias que acharam seus cachorros após voltarem à região onde estavam.

"Muitos animais não conseguiram sobreviver, foi muito rápido. Mas alguns, que deveriam estar no caminho da lama, provavelmente
escaparam por causa disso", afirma Carlos Alberts.

O zoólogo cita animais que estavam próximos a rios e riachos como alguns que podem ter notado com antecedência alguma
modificação no ambiente pela vibração da água.

Para o especialista, os humanos podem confiar em animais para descobrirem se algum problema no ambiente está a caminho.

Uma boa atitude ao ver animais correndo é correr também, porque alguma coisa não
está certa

"Os animais não erram, eles percebem antes da gente. A gente precisa ver ou estar muito perto, ouvir um som alto. Eles podem estar
à distância", diz Alberts. "Existem fenômenos como tsunamis e outros eventos catastróficos mais raros que fazem os animais se
movimentarem de forma estranha."

Toda essa sensibilidade dos animais vem de anos de evolução dos bichos e da seleção natural.

"Eles estão geralmente em duas condições opostas: ou são presas ou são predadores. Em ambos os casos, a sobrevivência depende
de eles descobrirem uns aos outros. Essas percepções são usadas normalmente para sobrevivência, mas em condições diferentes
servem para indicar algo. Climatologistas, por exemplo, sabem que moscas agem diferente antes de chuvas. Os animais também
notam outros correndo à distância, um estouro de boiada, e passam a correr também", diz o professor.

Animais sentem terremotos


Um dos exemplos dessa percepção de animais está no fato deles historicamente estarem ligados à previsão de terremotos, algo que
os humanos ainda engatinham para fazer.

Segundo o site oficial do governo norte-americano dedicado a esses fenômenos, a primeira referência a animais se comportando de
forma estranha antes de um terremoto significante vem de 373 a.C., na Grécia, envolvendo ratos, cobras, doninhas e centípedes
deixando suas casas para lugares seguros dias antes da destruição.

O comportamento diferente dos animais pode variar de semanas a segundos no caso de terremotos. No geral, animais conseguem
notar o terremoto segundos antes por serem capazes de sentir uma onda que parte da fonte do terremoto que não é perceptível para
humanos. O tema da previsão de terremotos por animais ainda é pesquisado por cientistas e envolto em mistério.
Brumadinho: Imagens mostram rompimento da barragem e extensão da lama; veja
UOL Notícias

Comunicar erro

O conteúdo foi
útil para você?

As mais lidas agora

Petista pede CPI do caso Coaf; E. Bolsonaro rebate: 'Lula está preso'

Mega-Sena acumula e deve pagar R$ 5,5 milhões no próximo sábado

"Ele era um predador sexual", diz advogada que denunciou Michael Jackson em 2002

12 episódios da vida e da carreira de Claudia Ohana

Ouvir

Mais Notícias

AFP
Guaidó redobra esforços por apoio em bloco da UE e ajuda humanitária
06/02/2019 22h09
AFP
Canadá acolherá 750 ex-escravos da Líbia
06/02/2019 22h09

AFP
Período de 2015-2018 foi o mais quente da História
06/02/2019 22h07

UOL Notícias - Política


Sítio: juíza cita e-mails, notas e itens pessoais como provas contra Lula
06/02/2019 22h05

Estadão Conteúdo - Política


Raquel devolve investigação contra Flávio Bolsonaro para primeira instância
06/02/2019 22h00

Agência Brasil
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar 
06/02/2019 21h59

Estadão Conteúdo
Operação prende suspeitos de fraudar contratos com prefeitura em Araçariguama
06/02/2019 21h58

Estadão Conteúdo - Política


Mourão defende revisão de pagamento de indenização para ex-militares
06/02/2019 21h54

AFP
EUA promete a aliados continuar luta contra EI apesar de deixar a Síria
06/02/2019 21h53

Estadão Conteúdo
Correção: Governo vai restringir concursos públicos
06/02/2019 21h53

Estadão Conteúdo
Vale se recusa a assinar termo com ações emergenciais para Brumadinho
06/02/2019 21h52

AFP
Guaidó pede ajuda ao papa para que Maduro deixe o poder
06/02/2019 21h35

Agência Brasil
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
06/02/2019 21h31

UOL Notícias - Política


Com 6 presos, Alerj votará projeto para que afastados não percam mandato
06/02/2019 21h30

AFP
Lula é condenado a 12 anos e 11 meses por reforma em sítio de Atibaia
06/02/2019 21h28

AFP
Governadora do Novo México desa a Trump e tira tropas da fronteira
06/02/2019 21h25

Agência Brasil
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
06/02/2019 21h24

AFP - Geral
Vale perde licença para operar depósito de rejeitos de minério em Minas
06/02/2019 21h13

AFP
Aliança árabe-curda na Síria a rma que deteve vários extremistas
06/02/2019 21h09

AFP
Trump espera recuperar todas as áreas do EI na Síria em uma semana
06/02/2019 21h08

EFE
Cotação do dólar em relação às moedas latino-americanas
06/02/2019 21h08

Agência Brasil
Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
06/02/2019 20h58
Agência Brasil
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
06/02/2019 20h58

UOL Notícias - Cotidiano


Mega-Sena acumula e deve pagar R$ 5,5 milhões no próximo sábado
06/02/2019 20h55

Reuters
Para equipe econômica, garantir aprovação da reforma da Previdência é mais importante que tramitação rápida
06/02/2019 20h51

AFP
Exército israelense dispara contra posição do Hamas
06/02/2019 20h51

EFE
Bolsa da Colômbia: Colcap fecha em baixa de 0,30%
06/02/2019 20h50

Agência Brasil
AGU reuniu-se com presidente da Vale e cobra transparência
06/02/2019 20h50

AFP - Geral
Cochilo de pequeno Trump no discurso do Estado da União viraliza
06/02/2019 20h48

UOL Notícias
Nova condenação de Lula constrange Supremo
06/02/2019 20h48
2:32

EFE
Sobe para 128 número de mortos por explosão de oleoduto no México
06/02/2019 20h44

AFP
Trump indica crítico do Banco Mundial para presidir a entidade
06/02/2019 20h41
AFP
Por falta de imã, condenado à morte tem adiada a pena capital nos EUA
06/02/2019 20h38

EFE
Dow Jones fecha praticamente estável
06/02/2019 20h37

Volkswagen Passat 2019


06/02/2019 20h35

Agência Brasil
Número de clientes de planos de saúde tem primeira elevação desde 2014
06/02/2019 20h30

Estadão Conteúdo - Política


Suplentes devem assumir mandato de deputados presos no Rio
06/02/2019 20h29

Estadão Conteúdo - Política


Mourão: Coitado do Lula, infelizmente não soube distinguir o público do privado
06/02/2019 20h27

Estadão Conteúdo - Política


'Eu sou um cara legal, pô', diz Mourão sobre críticas de Bannon
06/02/2019 20h25

Estadão Conteúdo
Três policiais e motorista de caminhão são baleados em assalto na Avenida Brasil
06/02/2019 20h23

DW
As principais notícias do dia 06/02/2019
06/02/2019 20h22

Reuters
EUA podem suspender sanções contra militares venezuelanos que apoiarem Guaidó, diz Bolton
06/02/2019 20h20

Estadão Conteúdo
Sol volta a aparecer nesta quinta (7) e temperaturas sobem no m de semana em SP
06/02/2019 20h20

UOL Notícias - Cotidiano


Autoridades propõem ações emergenciais em Brumadinho; Vale pede tempo
06/02/2019 20h18

Estadão Conteúdo - Política


Após perda de cargos, investigações contra Jucá e Padilha vão à 1ª instância
06/02/2019 20h18

AFP
Wall Street fecha em baixa
06/02/2019 20h18

EFE
Bolsa do México: IPC fecha em baixa de 1,09%
06/02/2019 20h15

UOL Notícias
Lava Jato: Lula é condenado pela 2ª vez, agora no caso do sítio de Atibaia
06/02/2019 20h15
1:20

VER MAIS