Você está na página 1de 50

Árvore de falhas

ZF-EST 117 B
a Ecosplit / Ecomid / ClassicLine
VW do Brasil

6057 009 xxx

6057 754 501_ptBr


Reservado o direito a alterações técnicas

Copyright by ZF

A presente documentação está protegida por


direitos autorais. É expressamente proibida sua
duplicação ou reprodução parcial ou integral por
qualquer forma, em especial sua reimpressão,
cópia fotomecânica ou eletrônica ou sua gravação
em sistemas de processamento de dados ou em
redes de dados sem a autorização prévia do autor.

Impresso na Alemanha

ZF Friedrichshafen AG

Responsabilidade pelo conteúdo: LKS-T

Edição: 2011-08

6057 751 501_ptBr


Abbreviation List
Abreviatura Descrição
ABS Sistema antibloqueio
ADVP Saída digital da alimentação de corrente positiva (+)
AL Nível de ar muito baixo (ar insuficiente)
alpha_fp Posição do pedal do acelerador (valor em %)
ASC Controle ativo de estabilidade
ASR Controle de tração
BN Rede de bordo
C Crawler
CAN Controller Area Network
CCVS Mensagem CAN
EBC Controle eletrônico de frenagem
EBS Sistema eletrônico de frenagem
ECU Electronic Control Unit (unidade de controle eletrônico da transmissão)
EDC Electronic Diesel Control (controle eletrônico diesel)
EEC Mensagem CAN (EEC1 / EEC2 / EEC3)
E-module Módulo eletrônico
ERC Mensagem CAN
ETC Mensagem CAN
Fzg Veículo
GA / GI Via (Gate Interlock)
GB Freio da transmissão
GP Grupo redutor (grupo planetário)
GPL Grupo redutor lento
GPS / GPH Grupo redutor rápido
GP neutro Posição de engate entre o GP-L e o GP-H sem transmissão de torque
GV Grupo desmultiplicador (splitter)
GVL Grupo desmultiplicador lento (splitter)
GVS / GVH Grupo desmultiplicador rápido (splitter)
GV neutro Posição de engate entre o GV-L e o GV-H sem transmissão de torque
CP Caixa principal
i_ET Relação de transmissão do eixo traseiro
Ink Incremento (step)
K1 Constante 1 (splitter)
K2 Constante 2 (splitter)
Kitas Sensor de rotações de saída ativo do velocímetro
KM Curto-circuito com o negativo
KP Curto-circuito com o positivo
KS Atuador da embreagem
N Neutro
OEM Montadora (Original Equipment Manufacturer)
PTO Power Take Off (tomada de força)
RG / R Marcha ré
TC1 Mensagem CAN
TCO1 Mensagem CAN
VCU Vehicle Control Unit (unidade de controle do veículo)
VM Alimentação de corrente negativa
VP Alimentação de corrente positiva
WDC Controlador Watch Dog

• O EST 117 B tem a habilidade de identificar "interrupção", "curto-circuito com o positivo"


e "curto-circuito com o negativo".

• O EST 117 B não tem a habilidade de distinguir entre "interrupção" e "curto-circuito com
o positivo". Ambas as falhas são tratadas da mesma forma.

ZF Friedrichshafen AG 3 6057_751_501ptBr - 2011-08


ZF Friedrichshafen AG 4 6057_751_501ptBr - 2011-08
Nº da falha da ZF 1

Nº da falha do OEM 5001

Indicação da falha: Curto-circuito com o positivo na válvula solenoide do GV


lento

Descrição da falha: A falha elétrica é identificada depois que a ignição for


desligada.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 6 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada após a eliminação da falha.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis de forma


limitada.
A válvula solenoide do GV-L está desativada.

(Ver a explicação da função auxiliar 6.)

Eliminação da falha:

1. Falha no módulo E13 → Inspeção do conector tipo baioneta DIN do módulo E13: a
válvula solenoide do GV tem que ter um valor de 78
Ohms (+10% e -5% com 20°) entre o pino 5 e 6; caso
afirmativo, OK.

2. Falha na TCU com chicote elétrico → Comando através do Testman (entradas e saídas /
comando).
---
Medir a tensão dos pinos 5 e 6 do conector tipo baioneta
DIN do veículo com o negativo do pino 4. Na troca do GV
deverá haver uma mudança na tensão (0/24 Volts); caso
afirmativo, OK.
Pin Assignment Connector:

3. Falha no chicote elétrico → OEM

Pin 1: Ground MV3, MV4, MV5


Pin 2: + MV4 (GP-S) [Range High]
Pin 3: + MV3 (GP-L) [Range Low]
Pin 4: Ground MV1, MV2
Pin 5: + MV1 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 6: + MV2 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 7: + MV5 (GS) [Gate Interlock]

ZF Friedrichshafen AG 5 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 2

Nº da falha do OEM 5002

Indicação da falha: Curto-circuito com o negativo na válvula solenoide do GP


lento

Descrição da falha: A falha elétrica é identificada depois que a ignição for


desligada.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 6 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada depois que a ignição for
desligada.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis de forma


limitada.
A válvula solenoide do GV-L está desativada.

(Ver a explicação da função auxiliar 6.)

Eliminação da falha:

1. Falha no módulo E13 → Inspeção do conector tipo baioneta DIN do módulo E13: a
válvula solenoide do GV tem que ter um valor de 78
Ohms (+10% e -5% com 20°) entre o pino 5 e 6; caso
afirmativo, OK.

2. Falha na TCU com chicote elétrico → Comando através do Testman (entradas e saídas /
comando).
---
Medir a tensão dos pinos 5 e 6 do conector tipo baioneta
DIN do veículo com o negativo do pino 4. Na troca do GV
deverá haver uma mudança na tensão (0/24 Volts); caso
afirmativo, OK.
Pin Assignment Connector:
3. Falha no chicote elétrico → OEM

Pin 1: Ground MV3, MV4, MV5


Pin 2: + MV4 (GP-S) [Range High]
Pin 3: + MV3 (GP-L) [Range Low]
Pin 4: Ground MV1, MV2
Pin 5: + MV1 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 6: + MV2 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 7: + MV5 (GS) [Gate Interlock]

ZF Friedrichshafen AG 6 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 3

Nº da falha do OEM 5003

Indicação da falha: Curto-circuito com o positivo na válvula solenoide do GP


rápido

Descrição da falha: A falha elétrica é identificada depois que a ignição for


desligada.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 5 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada após a eliminação da falha.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis de forma


limitada.
A válvula solenoide do GV-H está desativada.

(Ver a explicação da função auxiliar 5.)

Eliminação da falha:

1. Falha no módulo E13 → Inspeção do conector tipo baioneta DIN do módulo E13: a
válvula solenoide do GV tem que ter um valor de 78
Ohms (+10% e -5% com 20°) entre o pino 5 e 6; caso
afirmativo, OK.

2. Falha na TCU com chicote elétrico → Comando através do Testman (entradas e saídas /
comando).
---
Medir a tensão dos pinos 5 e 6 do conector tipo baioneta
DIN do veículo com o negativo do pino 4. Na troca do GV
deverá haver uma mudança na tensão (0/24 Volts); caso
afirmativo, OK.
Pin Assignment Connector:
3. Falha no chicote elétrico → OEM

Pin 1: Ground MV3, MV4, MV5


Pin 2: + MV4 (GP-S) [Range High]
Pin 3: + MV3 (GP-L) [Range Low]
Pin 4: Ground MV1, MV2
Pin 5: + MV1 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 6: + MV2 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 7: + MV5 (GS) [Gate Interlock]

ZF Friedrichshafen AG 7 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 4

Nº da falha do OEM 5004

Indicação da falha: Curto-circuito com o negativo na válvula solenoide do GV


rápido

Descrição da falha: A falha elétrica é identificada depois que a ignição for


desligada.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 5 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada depois que a ignição for
desligada.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis de forma


limitada.
A válvula solenoide do GV-H está desativada.

(Ver a explicação da função auxiliar 5.)

Eliminação da falha:

1. Falha no módulo E13 → Inspeção do conector tipo baioneta DIN do módulo E13: a
válvula solenoide do GV tem que ter um valor de 78
Ohms (+10% e -5% com 20°) entre o pino 5 e 6; caso
afirmativo, OK.

2. Falha na TCU com chicote elétrico → Comando através do Testman (entradas e saídas /
comando).
---
Medir a tensão dos pinos 5 e 6 do conector tipo baioneta
DIN do veículo com o negativo do pino 4. Na troca do GV
deverá haver uma mudança na tensão (0/24 Volts); caso
afirmativo, OK.
Pin Assignment Connector:
3. Falha no chicote elétrico → OEM

Pin 1: Ground MV3, MV4, MV5


Pin 2: + MV4 (GP-S) [Range High]
Pin 3: + MV3 (GP-L) [Range Low]
Pin 4: Ground MV1, MV2
Pin 5: + MV1 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 6: + MV2 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 7: + MV5 (GS) [Gate Interlock]

ZF Friedrichshafen AG 8 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 5

Nº da falha do OEM 5005

Indicação da falha: Curto-circuito com o positivo na válvula solenoide do GP


lento

Descrição da falha: A falha elétrica é identificada depois que a ignição for


desligada.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 1 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada depois que a ignição for
desligada.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis na caixa


principal (caixa com 4 marchas). As válvulas solenoides
do GP, do GV e do bloqueio de vias estão desativadas. O
display para indicação da marcha apenas mostra "--".

(Ver a explicação da função auxiliar 1.)

Eliminação da falha:

Falha no módulo E13 → Inspeção do conector tipo baioneta DIN do módulo E13: a
válvula solenoide do GP-L tem que ter um valor de 131
Ohms (+10% e -5% com 20°) entre o pino 3 e 1; caso
afirmativo, OK.

Falha na TCU com chicote elétrico → Comando através do Testman (entradas e saídas /
comando).
---
Medir a tensão do pino 3 do conector tipo baioneta DIN
do veículo com o negativo do pino 1. Na troca do GP
deverá haver uma mudança na tensão (0/24 Volts); caso
afirmativo, OK.
Pin Assignment Connector:
Falha no chicote elétrico → OEM

Pin 1: Ground MV3, MV4, MV5


Pin 2: + MV4 (GP-S) [Range High]
Pin 3: + MV3 (GP-L) [Range Low]
Pin 4: Ground MV1, MV2
Pin 5: + MV1 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 6: + MV2 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 7: + MV5 (GS) [Gate Interlock]

ZF Friedrichshafen AG 9 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 6

Nº da falha do OEM 5006

Indicação da falha: Curto-circuito com o negativo na válvula solenoide do GP


lento

Descrição da falha: A falha elétrica é identificada depois que a ignição for


desligada.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 2 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada depois que a ignição for
desligada.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis de forma


limitada. As válvulas solenoides do GP estão desativadas.

(Ver a explicação da função auxiliar 2.)

Eliminação da falha:

Falha no módulo E13 → Inspeção do conector tipo baioneta DIN do módulo E13: a
válvula solenoide do GP-L tem que ter um valor de 131
Ohms (+10% e -5% com 20°) entre o pino 3 e 1; caso
afirmativo, OK.

Falha na TCU com chicote elétrico → Comando através do Testman (entradas e saídas /
comando).
---
Medir a tensão do pino 3 do conector tipo baioneta DIN
do veículo com o negativo do pino 1. Na troca do GP
deverá haver uma mudança na tensão (0/24 Volts); caso
afirmativo, OK.
Pin Assignment Connector:
Falha no chicote elétrico → OEM

Pin 1: Ground MV3, MV4, MV5


Pin 2: + MV4 (GP-S) [Range High]
Pin 3: + MV3 (GP-L) [Range Low]
Pin 4: Ground MV1, MV2
Pin 5: + MV1 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 6: + MV2 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 7: + MV5 (GS) [Gate Interlock]

ZF Friedrichshafen AG 10 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 7

Nº da falha do OEM 5007

Indicação da falha: Curto-circuito com o positivo na válvula solenoide do GP


rápido

Descrição da falha: A falha elétrica é identificada depois que a ignição for


desligada.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 1 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada depois que a ignição for
desligada.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis na caixa


principal (caixa com 4 marchas). As válvulas solenoides
do GP, do GV e do bloqueio de vias estão desativadas. O
display para indicação da marcha apenas mostra "--".

(Ver a explicação da função auxiliar 1.)

Eliminação da falha:

Falha no módulo E13 → Inspeção do conector tipo baioneta DIN do módulo E13: a
válvula solenoide do GP-H tem que ter um valor de 131
Ohms (+10% e -5% com 20°) entre o pino 2 e 1; caso
afirmativo, OK.

Falha na TCU com chicote elétrico → Comando através do Testman (entradas e saídas /
comando).
---
Medir a tensão do pino 2 do conector tipo baioneta DIN
do veículo com o negativo do pino 1. Na troca do GP
deverá haver uma mudança na tensão (0/24 Volts); caso
afirmativo, OK.
Pin Assignment Connector:
Falha no chicote elétrico → OEM

Pin 1: Ground MV3, MV4, MV5


Pin 2: + MV4 (GP-S) [Range High]
Pin 3: + MV3 (GP-L) [Range Low]
Pin 4: Ground MV1, MV2
Pin 5: + MV1 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 6: + MV2 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 7: + MV5 (GS) [Gate Interlock]

ZF Friedrichshafen AG 11 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 8

Nº da falha do OEM 5008

Indicação da falha: Curto-circuito com o negativo na válvula solenoide do GP


rápido

Descrição da falha: A falha elétrica é identificada depois que a ignição for


desligada.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 3 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada depois que a ignição for
desligada.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis de forma


limitada. As válvulas solenoides do GP estão desativadas.
Quando o veículo estiver parado, a válvula solenoide do
GP-L será reativada e a posição do GP será mantida.

(Ver a explicação da função auxiliar 3.)

Eliminação da falha:

Falha no módulo E13 → Inspeção do conector tipo baioneta DIN do módulo E13: a
válvula solenoide do GP-H tem que ter um valor de 131
Ohms (+10% e -5% com 20°) entre o pino 2 e 1; caso
afirmativo, OK.

Falha na TCU com chicote elétrico → Comando através do Testman (entradas e saídas /
comando).
---
Medir a tensão do pino 2 do conector tipo baioneta DIN
do veículo com o negativo do pino 1. Na troca do GP
deverá haver uma mudança na tensão (0/24 Volts); caso
afirmativo, OK.
Pin Assignment Connector:
Falha no chicote elétrico → OEM

Pin 1: Ground MV3, MV4, MV5


Pin 2: + MV4 (GP-S) [Range High]
Pin 3: + MV3 (GP-L) [Range Low]
Pin 4: Ground MV1, MV2
Pin 5: + MV1 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 6: + MV2 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 7: + MV5 (GS) [Gate Interlock]

ZF Friedrichshafen AG 12 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 9

Nº da falha do OEM 5009

Indicação da falha: Curto-circuito com o positivo na válvula solenoide do


bloqueio de vias (GI ==> Gate Interlock)

Descrição da falha: A falha elétrica é identificada depois que a ignição for


desligada.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 1 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada depois que a ignição for
desligada.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis na caixa


principal (caixa com 4 marchas). As válvulas solenoides
do GP, do GV e do bloqueio de vias estão desativadas. O
display para indicação da marcha apenas mostra "--".

(Ver a explicação da função auxiliar 1.)

Eliminação da falha:

Falha no módulo E13 → Inspeção do conector tipo baioneta DIN do módulo E13: a
válvula solenoide do GI tem que ter um valor de 131
Ohms (+10% e -5% com 20°) entre o pino 7 e 1; caso
afirmativo, OK.

Falha na TCU com chicote elétrico → Comando através do Testman (entradas e saídas /
comando).
---
Medir a tensão do pino 7 do conector tipo baioneta DIN
do veículo com o negativo do pino 1. Na troca do GI
(ativação através do Testman => entradas e saídas)
deverá haver uma mudança na tensão (0/24 Volts); caso
afirmativo, OK.
Pin Assignment Connector:
Falha no chicote elétrico → OEM

Pin 1: Ground MV3, MV4, MV5


Pin 2: + MV4 (GP-S) [Range High]
Pin 3: + MV3 (GP-L) [Range Low]
Pin 4: Ground MV1, MV2
Pin 5: + MV1 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 6: + MV2 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 7: + MV5 (GS) [Gate Interlock]

ZF Friedrichshafen AG 13 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 10

Nº da falha do OEM 5010

Indicação da falha: Curto-circuito com o negativo na válvula solenoide do


bloqueio de vias (GI ==> Gate Interlock)

Descrição da falha: A falha elétrica é identificada depois que a ignição for


desligada.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 9 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada depois que a ignição for
desligada.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis na caixa


principal (caixa com 4 marchas). As válvulas solenoides
do GP, do GV e do bloqueio de vias estão desativadas.

(Ver a explicação da função auxiliar 9.)

Eliminação da falha:

Falha no módulo E13 → Inspeção do conector tipo baioneta DIN do módulo E13: a
válvula solenoide do GI tem que ter um valor de 131
Ohms (+10% e -5% com 20°) entre o pino 7 e 1; caso
afirmativo, OK.

Falha na TCU com chicote elétrico → Comando através do Testman (entradas e saídas /
comando).
---
Medir a tensão do pino 7 do conector tipo baioneta DIN
do veículo com o negativo do pino 1. Na troca do GI
(ativação através do Testman => entradas e saídas)
deverá haver uma mudança na tensão (0/24 Volts); caso
afirmativo, OK.
Pin Assignment Connector:
Falha no chicote elétrico → OEM

Pin 1: Ground MV3, MV4, MV5


Pin 2: + MV4 (GP-S) [Range High]
Pin 3: + MV3 (GP-L) [Range Low]
Pin 4: Ground MV1, MV2
Pin 5: + MV1 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 6: + MV2 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 7: + MV5 (GS) [Gate Interlock]

ZF Friedrichshafen AG 14 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 12

Nº da falha do OEM 191

Indicação da falha: Falha no sinal do sensor "sinal do velocímetro"

Descrição da falha: • O controle de plausibilidade dependente do sensor de rotações


de entrada.
• A função do controle de plausibilidade do sinal do velocímetro
(sinal de saída) não será executada até que as rotações do motor
não tenham atingido um determinado valor.
(Valor parametrizado = rotações em ponto morto + offset).
• Se o limite definido para a velocidade for excedido, o valor do
sensor será substituído por um valor padrão.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 1 é ativada.


• A função auxiliar é resetada depois que a ignição for desligada.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis na caixa principal


(caixa com 4 marchas). As válvulas solenoides do GP, do GV e
do bloqueio de vias estão desativadas. O display para indicação
da marcha apenas mostra "--".

(Ver a explicação da função auxiliar 1.)

Eliminação da falha:

Informações importantes → Após a troca de componentes, a memória de falhas tem que ser
apagada e é imprescindível efetuar uma nova condução de teste.

1 Falha no sensor de rotações → Nº de rotações de saída = 0 rpm: falha no sinal.


de saída
- Verificar o Sensor de rotações de saída.

2 Falha no velocímetro → O OEM tem que inspecionar o chicote elétrico e o velocímetro


eletrônico / chicote elétrico eletrônico.

3 Software incorreto → Verificar o software da ZF e do OEM.

4 Falha na TCU → Se o ponto 1 ou 3 não conduzir à eliminação da falha, trocar a


TCU.

ZF Friedrichshafen AG 15 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 13

Nº da falha do OEM 161

Indicação da falha: Rotações de entrada da transmissão: interrupção, curto-


circuito com o positivo, curto-circuito com o negativo

Descrição da falha: A falha elétrica é identificada depois que a ignição for


desligada.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 8 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada após a eliminação da falha.

Reação do sistema: Não há limitação nas trocas de marcha. O display para


indicação da marcha apenas mostra "--".

(Ver a explicação da função auxiliar 8.)

Eliminação da falha:

Falha no módulo E13 → Inspeção do conector tipo baioneta DIN do módulo E13: a
válvula solenoide do GP-H tem que ter um valor de 131
Ohms (+10% e -5% com 20°) entre o pino 2 e 1; caso
afirmativo, OK.

Falha na TCU com chicote elétrico → Comando através do Testman (entradas e saídas /
comando).
---
Medir a tensão do pino 2 do conector tipo baioneta DIN
do veículo com o negativo do pino 1. Na troca do GP
deverá haver uma mudança na tensão (0/24 Volts); caso
afirmativo, OK.

Falha no chicote elétrico → OEM

Atualizar o esquema de ligações


para atribuição dos pinos.

ZF Friedrichshafen AG 16 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 14

Nº da falha do OEM 161

Indicação da falha: Falha no sinal do sensor "rotações de entrada da


transmissão"
Sem sinal de rotações de entrada - acima da faixa de
análise / sinal de rotações de entrada na faixa de serviço
muito elevado ou muito baixo.

Descrição da falha: • Controle de plausibilidade com as rotações do motor.


• A função do controle de plausibilidade do sinal das
rotações de entrada não será executada até que as
rotações do motor não tenham atingido um determinado
valor.
(Valor parametrizado = rotações em ponto morto +
offset).

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 8 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada após a eliminação da falha.

Reação do sistema: Não há limitação nas trocas de marcha. O display para


indicação da marcha apenas mostra "--".

(Ver a explicação da função auxiliar 8.)

Eliminação da falha:

1 Mensagem CAN do motor (EEC1) → OEM

2 Embreagem → Verificar se a transmissão do torque da embreagem é


suficiente.

3 Sensor de rotações de entrada → Se o ponto 1 ou 2 não conduzir à eliminação da falha,


trocar o sensor de rotações de entrada.

4 Software incorreto → Verificar o software da ZF e do OEM.

Informações importantes → A falha 14 pode ocorrer devido ao GV neutro, mesmo que


não haja nenhum componente com defeito.

ZF Friedrichshafen AG 17 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 15

Nº da falha do OEM 162

Indicação da falha: Sinal de pré-seleção do GP inválido

Descrição da falha: • Controle de plausibilidade da análise da ED1 e ED2.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 3 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada após a eliminação da falha.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis de forma


limitada. As válvulas solenoides do GP estão desativadas.
Quando o veículo estiver parado, a válvula solenoide do
GP-L será reativada e a posição do GP será mantida.

(Ver a explicação da função auxiliar 3.)

Eliminação da falha:

1 Manopla do câmbio / chicote elétrico → - O OEM tem que inspecionar o chicote elétrico e a
manopla do câmbio.
- Entre a manopla do câmbio e a TCU, verificar o negativo
dos pinos 26 e 8. Uma linha tem que ter 24 Volts e a
segunda 0 Volts.

2 Software incorreto → Verificar o software da ZF e do OEM.

3 Falha na TCU → - Se os pontos 1 e 2 não conduzirem à eliminação da


falha, trocar a TCU.

ZF Friedrichshafen AG 18 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 16

Nº da falha do OEM 5016

Indicação da falha: Sinal de pré-seleção do GV inválido

Descrição da falha: • Controle de plausibilidade da análise da ED3 e ED4.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 6 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada após a eliminação da falha.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis de forma


limitada.
A válvula solenoide do GV-L está desativada.

(Ver a explicação da função auxiliar 6.)

Eliminação da falha:

1 Manopla do câmbio / chicote elétrico → - O OEM tem que inspecionar o chicote elétrico e a
manopla do câmbio.
- Entre a manopla do câmbio e a TCU, verificar o negativo
dos pinos 23 e 25. Uma linha tem que ter 24 Volts e a
segunda 0 Volts.

2 Software incorreto → Verificar o software da ZF e do OEM.

3 Falha na TCU → - Se os pontos 1 e 2 não conduzirem à eliminação da


falha, trocar a TCU.

ZF Friedrichshafen AG 19 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 17

Nº da falha do OEM 163

Indicação da falha: Sinal incorreto do interruptor do GP lento

Descrição da falha: • Controle de plausibilidade da marcha calculada.


• Quando o GP estiver em neutro, o interruptor do GP não deve
diagnosticar sinais.
GP neutro => posição indefinida do GP.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 3 é ativada.


• A função auxiliar é resetada depois que a ignição for desligada.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis de forma limitada. As


válvulas solenoides do GP estão desativadas. Quando o veículo
estiver parado, a válvula solenoide do GP-L será reativada e a
posição do GP será mantida.

(Ver a explicação da função auxiliar 3.)

Eliminação da falha:

1 Interruptor da posição final → Verificação através do Testman (rotações e sinais 1 / interruptor da


do GP posição final do GP); o sinal se altera durante a mudança do GP.
---
Verificação da tensão do pino 29 com o negativo do pino 35 ou 18.
Com o GP engatado (estado normal) a medição tem que acusar 24
Volts.

2 Interruptor do GP → Verificação através do Testman (rotações e sinais 1 / interruptor da


posição do GP-H); o sinal se altera após a mudança do GP.
---
Verificação da tensão do pino 6 com o positivo do pino 1 ou 19.
Após a mudança do GP, alteração do sinal de 0 para 24 Volts ou
vice-versa.

3 Interruptor / chicote elétrico → Ao identificar características indevidas no ponto 1 ou 2, verificar se


a causa se encontra no chicote elétrico (OEM) ou no interruptor.

4 Software incorreto → Verificar o software da ZF e do OEM.

5 Falha na TCU → Se os pontos 1 a 4 não conduzirem à eliminação da falha, trocar a


TCU.

ZF Friedrichshafen AG 20 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 18

Nº da falha do OEM 598

Indicação da falha: Sinal do interruptor da embreagem inválido

Descrição da falha: • Controle de plausibilidade com o interruptor superior e


inferior da embreagem.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 4 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada após a eliminação da falha.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis de forma


limitada. As válvulas solenoides do GV estão desativadas
-> sem assistência do Servoshift e sem possibilidade de
mudança no GV.

(Ver a explicação da função auxiliar 4.)

Eliminação da falha:

1 Sinais dos interruptores da → Verificação através do Testman (rotações e sinais 1 /


embreagem (superior e inferior) interruptor da posição superior e inferior da embreagem);
ambos os sinais se alteram durante o acionamento da
embreagem.

2 Interruptor / chicote elétrico → Ao identificar características indevidas no ponto 1,


verificar se a causa se encontra no chicote elétrico (OEM)
ou no interruptor.

3 Software incorreto → Verificar o software da ZF e do OEM.

ZF Friedrichshafen AG 21 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 19

Nº da falha do OEM 604

Indicação da falha: Sinal do neutro incorreto

Descrição da falha: • Controle de plausibilidade da marcha calculada.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 8 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada depois que a ignição for
desligada.

Reação do sistema: Não há limitação nas trocas de marcha. O display para


indicação da marcha apenas mostra "--".

(Ver a explicação da função auxiliar 8.)

Eliminação da falha:

1 Posição do interruptor do neutro → Verificação através do Testman (rotações e sinais 1 /


interruptor da posição do neutro); o sinal se altera
durante as mudanças (exceto nas mudanças do grupo
desmultiplicador).

2 Interruptor / chicote elétrico → Ao identificar características indevidas no ponto 1,


verificar se a causa se encontra no chicote elétrico (OEM)
ou no interruptor.

3 Software incorreto → Verificar o software da ZF e do OEM.

ZF Friedrichshafen AG 22 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 21

Nº da falha do OEM 767

Indicação da falha: Sinal da marcha ré incorreto

Descrição da falha: • Controle de plausibilidade de um limite definido.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 8 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada depois que a ignição for
desligada.

Reação do sistema: Não há limitação nas trocas de marcha. O display para


indicação da marcha apenas mostra "--".

(Ver a explicação da função auxiliar 8.)

Eliminação da falha:

1 Interruptor da marcha ré → Verificação através do Testman (rotações e sinais 1 /


interruptor da marcha ré):
Ecosplit: o sinal se altera ao selecionar a via da marcha
ré.
Ecomid: o sinal se altera ao engatar a marcha ré.
---
Verificação da tensão do pino 5 com o negativo do pino
35 ou 18. Após a mudança da marcha ré, alteração do
sinal de 0 para 24 Volts ou vice-versa.

2 Interruptor / chicote elétrico → Ao identificar características indevidas no ponto 1,


verificar se a causa se encontra no chicote elétrico (OEM)
ou no interruptor.

3 Software incorreto → Verificar o software da ZF e do OEM.

4 Falha na TCU → Se os pontos 1 a 3 não conduzirem à eliminação da falha,


trocar a TCU.

ZF Friedrichshafen AG 23 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 22

Nº da falha do OEM 770

Indicação da falha: Sinal incorreto do interruptor do GV lento

Descrição da falha: • Controle de plausibilidade


a) Característica quando a embreagem está aberta e
b) Pré-seletor quando a embreagem está fechada

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 7 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada depois que a ignição for
desligada.

Reação do sistema: Função auxiliar interna, não há limitação nas trocas de


marcha.

(Ver a explicação da função auxiliar 7.)

Eliminação da falha:

1 Interruptor do GV → Verificação através do Testman (rotações e sinais 1 /


interruptor da posição do GV); o sinal se altera durante a
mudança do GV.
---
Verificação da tensão do pino 7 com o positivo do pino 1
ou 19. Após a mudança do GV, alteração do sinal de 0
para 24 Volts ou vice-versa.

2 Interruptor / chicote elétrico → Ao identificar características indevidas no ponto 1,


verificar se a causa se encontra no chicote elétrico (OEM)
ou no interruptor.

3 Software incorreto → Verificar o software da ZF e do OEM.

4 Falha na TCU → Se os pontos 1 a 3 não conduzirem à eliminação da falha,


trocar a TCU.

ZF Friedrichshafen AG 24 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 24

Nº da falha do OEM 5024

Indicação da falha: Erro na EEPROM

Descrição da falha: • O hardware da TCU detecta falhas na memória através


do diagnóstico elétrico.
• Controle de plausibilidade da soma de verificação
• Controle de plausibilidade durante o tempo de
desligamento

Identificação da falha:
• A função auxiliar é resetada depois que a ignição for
desligada.

Reação do sistema: Sem função auxiliar.

Eliminação da falha:

1 Inspeção do chicote elétrico do → O borne 30 apresenta defeito.


veículo Os bornes 30 e 15 estão trocados!
Curto-circuito do chicote elétrico do veículo com o
negativo do CAN H.

2 Conector da TCU → Verificação se o conector está encaixado corretamente.

3 Software incorreto → Verificar o software da ZF e do OEM.

ZF Friedrichshafen AG 25 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 25

Nº da falha do OEM 5025

Indicação da falha: Sinal do CAN não enviado PA_LU_CM

Descrição da falha: • Identificação através do timeout da mensagem CAN.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 4 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada após a eliminação da falha.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis de forma


limitada. As válvulas solenoides do GV estão desativadas
-> sem assistência do Servoshift e sem possibilidade de
mudança no GV.

(Ver a explicação da função auxiliar 4.)

Eliminação da falha:

1 A mensagem é gerada pelo OEM → OEM

2 Inspeção da alimentação de tensão → Alimentação de tensão / caixa de bornes


do veículo

3 Verificação do CAN → OEM: medição da resistência entre o CAN H e o CAN L:


→ Nominal: 60 Ohms
→ Real: aprox. 0 Ohm: curto-circuito entre o CAN H e o
CAN L
→ Real: aprox. 120 Ohms: conexão com os resistores
terminais ou os resistores terminais estão danificados!
→ Alta resistência: interrupção do CAN ou ambos os
resistores terminais estão danificados / não conectados.

ZF Friedrichshafen AG 26 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 26

Nº da falha do OEM 5026

Indicação da falha: Sinal do CAN não enviado CCVS

Descrição da falha: • Identificação através do timeout da mensagem CAN.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 4 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada após a eliminação da falha.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis de forma


limitada. As válvulas solenoides do GV estão desativadas
-> sem assistência do Servoshift e sem possibilidade de
mudança no GV.

(Ver a explicação da função auxiliar 4.)

Eliminação da falha:

1 A mensagem é gerada pelo OEM → OEM

2 Inspeção da alimentação de tensão → Alimentação de tensão / caixa de bornes


do veículo

3 Verificação do CAN → OEM: medição da resistência entre o CAN H e o CAN L:


→ Nominal: 60 Ohms
→ Real: aprox. 0 Ohm: curto-circuito entre o CAN H e o
CAN L
→ Real: aprox. 120 Ohms: conexão com os resistores
terminais ou os resistores terminais estão danificados!
→ Alta resistência: interrupção do CAN ou ambos os
resistores terminais estão danificados / não conectados.

ZF Friedrichshafen AG 27 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 27

Nº da falha do OEM 5027

Indicação da falha: Sinal do CAN não enviado EEC1

Descrição da falha: • Identificação através do timeout da mensagem CAN.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 9 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada após a eliminação da falha.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis na caixa


principal (caixa com 4 marchas). As válvulas solenoides
do GP, do GV e do bloqueio de vias estão desativadas.

(Ver a explicação da função auxiliar 9.)

Eliminação da falha:

1 A mensagem é gerada pelo OEM → OEM

2 Inspeção da alimentação de tensão → Alimentação de tensão / caixa de bornes


do veículo

3 Verificação do CAN → OEM: medição da resistência entre o CAN H e o CAN L:


→ Nominal: 60 Ohms
→ Real: aprox. 0 Ohm: curto-circuito entre o CAN H e o
CAN L
→ Real: aprox. 120 Ohms: conexão com os resistores
terminais ou os resistores terminais estão danificados!
→ Alta resistência: interrupção do CAN ou ambos os
resistores terminais estão danificados / não conectados.

ZF Friedrichshafen AG 28 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 31

Nº da falha do OEM 5025

Indicação da falha: Sinal do CAN não enviado PA_LU_CM

Descrição da falha: Os dados recebidos do CAN excedem o volume válido de


dados. O volume aplicado é:
• 1 byte: 0x00 - 0xFA
• 2 bytes: 0x0000 - 0xFAFF
• 4 bytes: 0x00000000 - 0xFAFFFFFF

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 4 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada após a eliminação da falha.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis de forma


limitada. As válvulas solenoides do GV estão desativadas
-> sem assistência do Servoshift e sem possibilidade de
mudança no GV.

(Ver a explicação da função auxiliar 4.)

Eliminação da falha:

1 A mensagem é gerada pelo OEM → OEM

2 Software incorreto → Verificar o software da ZF e do OEM.

ZF Friedrichshafen AG 29 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 32

Nº da falha do OEM 5026

Indicação da falha: O sinal do CAN CCVS possui grandeza inválida

Descrição da falha: Os dados recebidos do CAN excedem o volume válido de


dados. O volume aplicado é:
• 1 byte: 0x00 - 0xFA
• 2 bytes: 0x0000 - 0xFAFF
• 4 bytes: 0x00000000 - 0xFAFFFFFF

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 4 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada após a eliminação da falha.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis de forma


limitada. As válvulas solenoides do GV estão desativadas
-> sem assistência do Servoshift e sem possibilidade de
mudança no GV.

(Ver a explicação da função auxiliar 4.)

Eliminação da falha:

1 A mensagem é gerada pelo OEM → OEM

2 Software incorreto → Verificar o software da ZF e do OEM.

ZF Friedrichshafen AG 30 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 33

Nº da falha do OEM 5027

Indicação da falha: O sinal do CAN EEC1 possui grandeza inválida

Descrição da falha: Os dados recebidos do CAN excedem o volume válido de


dados. O volume aplicado é:
• 1 byte: 0x00 - 0xFA
• 2 bytes: 0x0000 - 0xFAFF
• 4 bytes: 0x00000000 - 0xFAFFFFFF

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 9 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada após a eliminação da falha.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis na caixa


principal (caixa com 4 marchas). As válvulas solenoides
do GP, do GV e do bloqueio de vias estão desativadas.

(Ver a explicação da função auxiliar 9.)

Eliminação da falha:

1 A mensagem é gerada pelo OEM → OEM

2 Software incorreto → Verificar o software da ZF e do OEM.

ZF Friedrichshafen AG 31 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 34

Nº da falha do OEM 5034

Indicação da falha: Curto-circuito com o positivo no sinal da saída digital

Descrição da falha: A falha elétrica é identificada depois que a ignição for


desligada.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 1 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada depois que a ignição for
desligada.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis na caixa


principal (caixa com 4 marchas). As válvulas solenoides
do GP, do GV e do bloqueio de vias estão desativadas. O
display para indicação da marcha apenas mostra "--".

(Ver a explicação da função auxiliar 1.)

Eliminação da falha:

Falha no módulo E13 → Inspeção do conector tipo baioneta DIN do módulo E13: o
negativo do MV3, MV4 e MV5 tem que ter um valor de
131 Ohms (+10% e -5% com 20°) entre o pino 1 e 3; caso
afirmativo, OK.

Falha na TCU com chicote elétrico → Comando através do Testman (entradas e saídas /
comando).
---
Medir a tensão do pino 1 do conector tipo baioneta DIN
do veículo com o positivo do pino 3. Na troca do GP
deverá haver uma mudança na tensão (0/24 Volts); caso
afirmativo, OK.
Pin Assignment Connector:
Falha no chicote elétrico → OEM

Pin 1: Ground MV3, MV4, MV5


Pin 2: + MV4 (GP-S) [Range High]
Pin 3: + MV3 (GP-L) [Range Low]
Pin 4: Ground MV1, MV2
Pin 5: + MV1 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 6: + MV2 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 7: + MV5 (GS) [Gate Interlock]

ZF Friedrichshafen AG 32 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 35

Nº da falha do OEM 5035

Indicação da falha: Curto-circuito com o negativo no sinal da saída digital

Descrição da falha: A falha elétrica é identificada depois que a ignição for


desligada.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 1 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada depois que a ignição for
desligada.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis na caixa


principal (caixa com 4 marchas). As válvulas solenoides
do GP, do GV e do bloqueio de vias estão desativadas. O
display para indicação da marcha apenas mostra "--".

(Ver a explicação da função auxiliar 1.)

Eliminação da falha:

Falha no módulo E13 → Inspeção do conector tipo baioneta DIN do módulo E13: o
negativo do MV3, MV4 e MV5 tem que ter um valor de
131 Ohms (+10% e -5% com 20°) entre o pino 1 e 3; caso
afirmativo, OK.

Falha na TCU com chicote elétrico → Comando através do Testman (entradas e saídas /
comando).
---
Medir a tensão do pino 1 do conector tipo baioneta DIN
do veículo com o positivo do pino 3. Na troca do GP
deverá haver uma mudança na tensão (0/24 Volts); caso
afirmativo, OK.
Pin Assignment Connector:
Falha no chicote elétrico → OEM

Pin 1: Ground MV3, MV4, MV5


Pin 2: + MV4 (GP-S) [Range High]
Pin 3: + MV3 (GP-L) [Range Low]
Pin 4: Ground MV1, MV2
Pin 5: + MV1 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 6: + MV2 (GV) [Splitter / Servo]
Pin 7: + MV5 (GS) [Gate Interlock]

ZF Friedrichshafen AG 33 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 36

Nº da falha do OEM 168

Indicação da falha: A alimentação de tensão está abaixo do valor limite

Descrição da falha: A falha elétrica é identificada depois que a ignição for


desligada.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 9 é


ativada.
• A função auxiliar é resetada após a eliminação da falha.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis na caixa


principal (caixa com 4 marchas). As válvulas solenoides
do GP, do GV e do bloqueio de vias estão desativadas.

(Ver a explicação da função auxiliar 9.)

Eliminação da falha:

Falha no veículo → OEM

ZF Friedrichshafen AG 34 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 37

Nº da falha do OEM 168

Indicação da falha: A alimentação de tensão está acima do valor limite

Descrição da falha: • O hardware detecta este tipo de falha.

Identificação da falha: • Uma função auxiliar não é necessária.

Reação do sistema: Sem função auxiliar.

Eliminação da falha:

1 Falha no veículo → OEM

ZF Friedrichshafen AG 35 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 42

Nº da falha do OEM 5042

Indicação da falha: CAN-Bus desativado

Descrição da falha: • O hardware detecta este tipo de falha.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 9 é


ativada.

Reação do sistema: As trocas de marcha somente são possíveis na caixa


principal (caixa com 4 marchas). As válvulas solenoides
do GP, do GV e do bloqueio de vias estão desativadas.

(Ver a explicação da função auxiliar 9.)

Eliminação da falha:

1 A mensagem é gerada pelo OEM → OEM

2 Inspeção da alimentação de tensão → Alimentação de tensão / caixa de bornes


do veículo

3 Verificação do CAN → OEM: medição da resistência entre o CAN H e o CAN L:


→ Nominal: 60 Ohms
→ Real: aprox. 0 Ohm: curto-circuito entre o CAN H e o
CAN L
→ Real: aprox. 120 Ohms: conexão com os resistores
terminais ou os resistores terminais estão danificados!
→ Alta resistência: interrupção do CAN ou ambos os
resistores terminais estão danificados / não conectados.

ZF Friedrichshafen AG 36 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 43

Nº da falha do OEM 5043

Indicação da falha: Sensor de ar comprimido - valor não plausível

Descrição da falha: • Controle de plausibilidade com a mensagem AIR1.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 10 é


ativada.

Reação do sistema: Função auxiliar interna, não há limitação nas trocas de


marcha.

(Ver a explicação da função auxiliar 10.)

Eliminação da falha:

1 Sensor de ar comprimido → Verificação através do Testman (rotações e sinais 1 /


Sensor de ar comprimido).
Procedimento:
a) O reservatório de ar tem que estar vazio.
b) Ligar o motor.
c) O reservatório de ar é preenchido => alteração do sinal
(acima de 5,5 bar).
---
Verificação da tensão do pino 24 com o negativo do pino
35 ou 18.
Procedimento:
a) O reservatório de ar tem que estar vazio.
b) Ligar o motor.
c) O reservatório de ar é preenchido => alteração do sinal
de 0 para 24 Volts ou vice-versa (com 5,5 bar).

2 Interruptor / chicote elétrico → Ao identificar características indevidas no ponto 1, verificar


se a causa se encontra no chicote elétrico (OEM) ou no
interruptor.

3 Software incorreto → Verificar o software da ZF e do OEM.

4 Falha na TCU → Se os pontos 1 a 3 não conduzirem à eliminação da falha,


trocar a TCU.

ZF Friedrichshafen AG 37 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 44

Nº da falha do OEM 5044

Indicação da falha: CAN - timeout da mensagem AIR1

Descrição da falha: • O hardware detecta este tipo de falha.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 10 é


ativada.

Reação do sistema: Função auxiliar interna, não há limitação nas trocas de


marcha.

(Ver a explicação da função auxiliar 10.)

Eliminação da falha:

1 A mensagem é gerada pelo OEM → OEM

2 Inspeção da alimentação de tensão → Alimentação de tensão / caixa de bornes


do veículo

3 Verificação do CAN → OEM: medição da resistência entre o CAN H e o CAN L:


→ Nominal: 60 Ohms
→ Real: aprox. 0 Ohm: curto-circuito entre o CAN H e o
CAN L
→ Real: aprox. 120 Ohms: conexão com os resistores
terminais ou os resistores terminais estão danificados!
→ Alta resistência: interrupção do CAN ou ambos os
resistores terminais estão danificados / não conectados.

ZF Friedrichshafen AG 38 6057_751_501ptBr - 2011-08


Nº da falha da ZF 45

Nº da falha do OEM 5045

Indicação da falha: CAN - valor inválido para a mensagem AIR1

Descrição da falha: • O hardware detecta este tipo de falha.

Identificação da falha: • Após a identificação da falha, a função auxiliar 10 é


ativada.

Reação do sistema: Função auxiliar interna, não há limitação nas trocas de


marcha.

(Ver a explicação da função auxiliar 10.)

Eliminação da falha:

1 A mensagem é gerada pelo OEM → OEM

2 Software incorreto → Verificar o software da ZF e do OEM.

ZF Friedrichshafen AG 39 6057_751_501ptBr - 2011-08


Definição das funções auxiliares

As funções padrão do sistema atingidas por uma falha não são executadas durante a execução da
função auxiliar.
As demais funções normais são executadas, a menos que sejam mencionadas explicitamente.

Função auxiliar 1

• Válvula do GPL: Desativada


• Válvula do GPH: Desativada
• Válvula do bloqueio de vias: Desativada
• Válvula do GVL: Desativada
• Válvula do GVH: Desativada
• Disp_current_gear: Função auxiliar com --
• Sonorizador: Função normal do sonorizador
• Função do canal SD: Desativada

• A falha (elétrica) inerente relacionada à válvula do GPL, do GPH e do GI é ignorada.

ZF Friedrichshafen AG 40 6057_751_501ptBr - 2011-08


Definição das funções auxiliares

As funções padrão do sistema atingidas por uma falha não são executadas durante a execução da
função auxiliar.
As demais funções normais são executadas, a menos que sejam mencionadas explicitamente.

Função auxiliar 2

• Válvula do GPL: Desativada


• Válvula do GPH: Desativada
• Válvula do bloqueio de vias: Bloqueio de vias do grupo redutor lento:
• A marcha atual é mantida entre 1 e 4.
• Quando n_output_speed > n_speed_GI_L_high (bloqueio de vias =>
lento)
O bloqueio de vias está ativado
• Quando n_output_speed < n_speed_GI_L_low (bloqueio de vias =>
lento)
O bloqueio de vias está desativado
Bloqueio de vias do grupo redutor rápido:
• A marcha atual é mantida entre 5 e 8.
• Quando n_output_speed > n_speed_GI_H_high (bloqueio de vias =>
rápido)
O bloqueio de vias está ativado
• Quando n_output_speed < n_speed_GI_H_low (bloqueio de vias =>
rápido)
O bloqueio de vias está desativado
• Válvula do GVL: Função normal do grupo desmultiplicador
• Válvula do GVH: Função normal do grupo desmultiplicador
• Disp_current_gear: Função normal de identificação de marcha
• Sonorizador: Função normal do sonorizador
• Função do canal SD: Função normal do SD

ZF Friedrichshafen AG 41 6057_751_501ptBr - 2011-08


Definição das funções auxiliares

As funções padrão do sistema atingidas por uma falha não são executadas durante a execução da
função auxiliar.
As demais funções normais são executadas, a menos que sejam mencionadas explicitamente.

Função auxiliar 3

• Válvula do GPL: Desativada, mas quando o veículo está parado: ativação permanente
da válvula do GPL
Válvula do GPH: Desativada
• Válvula do bloqueio de vias: Bloqueio de vias do grupo redutor lento:
• A marcha atual é mantida entre 1 e 4.
• Quando n_output_speed > n_speed_GI_L_high (bloqueio de vias =>
lento)
O bloqueio de vias está ativado
• Quando n_output_speed < n_speed_GI_L_low (bloqueio de vias =>
lento)
O bloqueio de vias está desativado
Bloqueio de vias do grupo redutor rápido:
• A marcha atual é mantida entre 5 e 8.
• Quando n_output_speed > n_speed_GI_H_high (bloqueio de vias =>
rápido)
O bloqueio de vias está ativado
• Quando n_output_speed < n_speed_GI_H_low (bloqueio de vias =>
rápido)
O bloqueio de vias está desativado
Quando o veículo parar, a válvula solenoide do GPL fica
permanentemente ativada:
• Quando n_output_speed > n_speed_GI_L_high (bloqueio de vias =>
lento)
O bloqueio de vias está ativado
• Quando n_output_speed < n_speed_GI_L_low (bloqueio de vias =>
lento)
O bloqueio de vias está desativado
• Válvula do GVL: Função normal do grupo desmultiplicador
• Válvula do GVH: Função normal do grupo desmultiplicador
• Disp_current_gear: Função normal de identificação de marcha
• Sonorizador: Função normal do sonorizador
• Função do canal SD: Função normal do SD

• O sonorizador será desativado quando a seguinte falha for detectada: 015: DI_EC_PS_GP_INPLAUS

ZF Friedrichshafen AG 42 6057_751_501ptBr - 2011-08


Definição das funções auxiliares

As funções padrão do sistema atingidas por uma falha não são executadas durante a execução
da função auxiliar.
As demais funções normais são executadas, a menos que sejam mencionadas explicitamente.

Função auxiliar 4

• Válvula do GPL: Função normal do grupo redutor


• Válvula do GPH: Função normal do grupo redutor
• Válvula do bloqueio de vias: Função normal do bloqueio de vias
• Válvula do GVL: Desativada
• Válvula do GVH: Desativada
• Disp_current_gear: Função normal de identificação de marcha
• Sonorizador: Função normal do sonorizador
• Função do canal SD: Função normal do SD

ZF Friedrichshafen AG 43 6057_751_501ptBr - 2011-08


Definição das funções auxiliares

As funções padrão do sistema atingidas por uma falha não são executadas durante a execução da
função auxiliar.
As demais funções normais são executadas, a menos que sejam mencionadas explicitamente.

Função auxiliar 5

• Válvula do GPL: Função normal do grupo redutor


• Válvula do GPH: Função normal do grupo redutor
• Válvula do bloqueio de vias: Função normal do bloqueio de vias
• Válvula do GVL: • Válvula do GPL: Ativada quando [o timer do GV ainda não
tiver acabado e a embreagem estiver aberta]; caso contrário
[desativada]
• Válvula do GVH: Desativada
• Disp_current_gear: Função normal de identificação de marcha
• Sonorizador: Função normal do sonorizador
• Função do canal SD: Função normal do SD

ZF Friedrichshafen AG 44 6057_751_501ptBr - 2011-08


Definição das funções auxiliares

As funções padrão do sistema atingidas por uma falha não são executadas durante a execução da
função auxiliar.
As demais funções normais são executadas, a menos que sejam mencionadas explicitamente.

Função auxiliar 6

• Válvula do GPL: Função normal do grupo redutor


• Válvula do GPH: Função normal do grupo redutor
• Válvula do bloqueio de vias: Função normal do bloqueio de vias
• Válvula do GVL: Desativada
• Válvula do GVH: • Válvula do GPL: Ativada quando [o timer do GV ainda não
tiver acabado e a embreagem estiver aberta]; caso contrário
[desativada]
• Disp_current_gear: Função normal de identificação de marcha
• Sonorizador: Função normal do sonorizador
• Função do canal SD: Função normal do SD

ZF Friedrichshafen AG 45 6057_751_501ptBr - 2011-08


Definição das funções auxiliares

As funções padrão do sistema atingidas por uma falha não são executadas durante a execução da
função auxiliar.
As demais funções normais são executadas, a menos que sejam mencionadas explicitamente.

Função auxiliar 7

• Válvula do GPL: Função normal do grupo redutor


• Válvula do GPH: Função normal do grupo redutor
• Válvula do bloqueio de vias: Função normal do bloqueio de vias
• Válvula do GVL: Função normal do grupo desmultiplicador
• Válvula do GVH: Função normal do grupo desmultiplicador
• Disp_current_gear: Função normal de identificação de marcha
• Sonorizador: Função normal do sonorizador
• Função do canal SD: Função normal do SD

• Quando a embreagem está aberta, o sinal da posição do interruptor do GV é substituído pelo


sinal de pré-seleção do GV.

ZF Friedrichshafen AG 46 6057_751_501ptBr - 2011-08


Definição das funções auxiliares

As funções padrão do sistema atingidas por uma falha não são executadas durante a execução da
função auxiliar.
As demais funções normais são executadas, a menos que sejam mencionadas explicitamente.

Função auxiliar 8

• Válvula do GPL: Função normal do grupo redutor


• Válvula do GPH: Função normal do grupo redutor
• Válvula do bloqueio de vias: Função normal do bloqueio de vias
• Válvula do GVL: Função normal do grupo desmultiplicador
• Válvula do GVH: Função normal do grupo desmultiplicador
• Disp_current_gear: Função auxiliar com --
• Sonorizador: Função normal do sonorizador
• Função do canal SD: Função normal do SD

ZF Friedrichshafen AG 47 6057_751_501ptBr - 2011-08


Definição das funções auxiliares

As funções padrão do sistema atingidas por uma falha não são executadas durante a execução da
função auxiliar.
As demais funções normais são executadas, a menos que sejam mencionadas explicitamente.

Função auxiliar 9

• Válvula do GPL: Desativada


• Válvula do GPH: Desativada
• Válvula do bloqueio de vias: Desativada
• Válvula do GVL: Desativada
• Válvula do GVH: Desativada
• Disp_current_gear: Função normal de identificação de marcha
• Sonorizador: Função normal do sonorizador
• Função do canal SD: Função normal do SD

ZF Friedrichshafen AG 48 6057_751_501ptBr - 2011-08


Definição das funções auxiliares

As funções padrão do sistema atingidas por uma falha não são executadas durante a execução
da função auxiliar.
As demais funções normais são executadas, a menos que sejam mencionadas explicitamente.

Função auxiliar 10

• Válvula do GPL: Função normal do grupo redutor


• Válvula do GPH: Função normal do grupo redutor
• Válvula do bloqueio de vias: Função normal do bloqueio de vias
• Válvula do GVL: Função normal do grupo desmultiplicador
• Válvula do GVH: Função normal do grupo desmultiplicador
• Disp_current_gear: Função normal de identificação de marcha
• Sonorizador: Função normal do sonorizador
• Função do canal SD: Função normal do SD

ZF Friedrichshafen AG 49 6057_751_501ptBr - 2011-08


ZF Friedrichshafen AG
Hauptverwaltung
88038 Friedrichshafen
Telefon +49 7541 77-0
Telefax +49 7541 77-908000
www.zf.com

Antriebs- und Fahrwerktechnik