Você está na página 1de 240

NOVIDADES

SOLIDWORKS 2017
Conteúdo

Avisos legais...............................................................................................................11

1 Bem-vindo ao SOLIDWORKS 2017.........................................................................14


Principais aprimoramentos................................................................................................................15
Arquivos de Amostra.........................................................................................................................17
Para obter mais informações............................................................................................................17

2 Interface do usuário .................................................................................................19


Personalização da ordem de classificação das configurações.........................................................19
Desativação das barras de ferramenta do acelerador de seleção....................................................20
Visualização da referência dinâmica ................................................................................................20
Comentar na árvore de projeto do FeatureManager ........................................................................21
Ativação de indicadores de comentários ....................................................................................22
Adição de comentários independentes .......................................................................................23
Adição de imagens e capturas de tela aos comentários ............................................................23
Visualização e edição de comentários nos PropertyManagers ..................................................23
Ocultar todos os tipos........................................................................................................................24
Atualizações de interface do SOLIDWORKS Rx, Task Scheduler e Sustainability..........................24
Novo projeto do Gerador de Guias de Propriedades........................................................................24
Trilhas de seleção.............................................................................................................................24
Menus de atalho................................................................................................................................25
Supressão de nomes de Configuração e Estado de exibição na Árvore de projeto do
FeatureManager ...........................................................................................................................26
Interações baseadas no toque..........................................................................................................27

3 Fundamentos do SOLIDWORKS ............................................................................28


Application Programming Interface (API)..........................................................................................28
Melhoria na caixa de diálogo Procurar a pasta.................................................................................29

4 Instalação.................................................................................................................31
Gerenciador de instalação ...............................................................................................................31
Toolbox anterior detectado durante a instalação ou a atualização ..................................................31
Desinstalação concluída mesmo quando o registro dos DLLs não pode ser removido...................32

5 Administração...........................................................................................................33
Melhorias do Pack and Go................................................................................................................33
Prevenção de alterações das opções do sistema feitas pelos usuários ..........................................33

2
Conteúdo

Relatório de confiabilidade e verificação de inicialização no SOLIDWORKS Rx ............................34


Reparo de arquivos corrompidos......................................................................................................34
Execução de estudos de simulação selecionados no Task Scheduler.............................................35

6 Montagens................................................................................................................36
Melhorias de desempenho da montagem ........................................................................................36
Busca automática ao inserir componentes.......................................................................................36
Desativação de visualizações de componentes ocultos ..................................................................37
Recurso de layout.............................................................................................................................37
Publicação de um ativo................................................................................................................37
Definição de plano do chão.........................................................................................................38
Uso de posicionamentos magnéticos..........................................................................................39
Agrupamento de componentes.........................................................................................................47
Menu de atalho para as configurações melhorado...........................................................................48
Carregamento de documentos apenas na memória ........................................................................48
Melhorias do controlador de posicionamento....................................................................................48
Posicionamentos ...............................................................................................................................50
Opções para melhorar o desempenho no modo de montagem grande...........................................52
Preservação das referências de desenho ........................................................................................53
Pesquisa de documentos referidos externamente ...........................................................................53
Classificação dos componentes pelo tempo de abertura.................................................................54
Melhorias do SpeedPak ...................................................................................................................55
Melhorias do Treehouse....................................................................................................................57

7 SOLIDWORKS Composer.......................................................................................59
SOLIDWORKS Composer................................................................................................................59
Recursos avançados disponíveis nas amostras integradas do Composer.................................59
Aprimoramento dos movimentos de translação e escala............................................................59
Espelhar animação......................................................................................................................59
ProfilesLoadOnDemand...............................................................................................................59
Classificar perfis por ordem alfabética ou por categoria..............................................................60
SOLIDWORKS Composer Player.....................................................................................................60
Recursos avançados disponíveis nas amostras integradas do Composer.................................60

8 SOLIDWORKS Costing............................................................................................61
Visualização de alojamento de caixa delimitadora da última folha...................................................61
Reconhecimento de recursos para operações..................................................................................61
Melhorias na caixa de diálogo Andamento da estimativa de custo.............................................62
Integração de template do MySOLIDWORKS Costing.....................................................................63
Costing com as informações do fabricante em MySolidWorks....................................................63
Costing baseado em regras para peças ..........................................................................................63
Regras comuns para chapas metálicas e peças de usinagem ..................................................64
Regras exclusivas para templates de usinagem.........................................................................65

3
Conteúdo

Regras exclusivas para templates de chapa metálica ................................................................65


Costing da submontagem.................................................................................................................65
Avaliação do custo de montagens no modo de Árvore aninhada ..............................................67
Melhorias do template.......................................................................................................................68
Template do Microsoft Excel para relatórios................................................................................68
Compatibilidade para cotação com várias quantidades em templates de relatório.....................68
Várias instâncias do Editor de Template do Costing...................................................................69
Classificação de tabelas no Editor de Templates do Costing......................................................69
Uso das ferramentas Copiar como e Modificar nos templates do Costing..................................69
Suporte com base no tempo para o Costing.....................................................................................70

9 DimXpert...................................................................................................................71
Criação de dimensões básicas de tamanho.....................................................................................71
Tolerância geral de bloco..................................................................................................................71
Seleção de várias arestas ................................................................................................................72
Uso de geometria de referência com dimensões do DimXpert.........................................................72
Uso de referenciais em Esquemas de dimensão automática...........................................................73
Uso de esquemas de dimensão polar para peças com tolerância geométrica.................................74

10 Detalhamento e desenhos.....................................................................................75
Dimensões ........................................................................................................................................75
Linha de extensão de arco ou lado oposto..................................................................................75
Alteração do tamanho do círculo de origem nas dimensões de ordenada DIN..........................75
Tolerâncias geométricas e de dimensão em tabelas gerais........................................................76
Contagem de instâncias de chamada de furo para furos espelhados.........................................77
Dimensões de raio da linha de chamada curta............................................................................77
Tamanho de tolerância da fonte..................................................................................................78
Vistas de desenho.............................................................................................................................78
Criação de vistas recortadas e de detalhes sem contorno..........................................................78
Enfatizar contornos......................................................................................................................80
Contornos irregulares .................................................................................................................80
Espelhar vistas de desenho.........................................................................................................84
Escalar Padrão da hachura.........................................................................................................85
Detalhamento de modelo..................................................................................................................86
Escala de texto personalizada.....................................................................................................86
Desenhos mantidos quando as peças são convertidas..............................................................86
Gerenciamento de áreas de notas...............................................................................................86
Reordenação de vistas de anotação...........................................................................................87
Notas e balões..................................................................................................................................87
Vínculo de uma nota a uma célula de tabela ..............................................................................87
Vinculação de números de peças em desenhos e o Gerador de guias de
propriedades ...........................................................................................................................88
Zona de etiqueta da localização..................................................................................................88

4
Conteúdo

Novos símbolos para tolerância...................................................................................................89


Espaçamento entre símbolos......................................................................................................90
Desempenho em desenhos..............................................................................................................91
Otimização da inserção automática de marcas de centro...........................................................91
Preenchimento automático de paleta de vistas...........................................................................91
Tempo de abertura de desenho de peso leve.............................................................................91
Folhas ................................................................................................................................................91
Alteração do formato em várias folhas ao mesmo tempo...........................................................91
Tabelas ..............................................................................................................................................91
Travamento da largura da coluna em templates de tabela.........................................................91
Números de item de componente substituído em BOMs............................................................92
Obtenção de componentes de chapa metálica em desenhos.....................................................92

11 eDrawings..............................................................................................................93
Abertura de arquivos no modo somente leitura................................................................................93
Arquivos protegidos por senha..........................................................................................................93
Tipos de arquivo compatíveis com o eDrawings...............................................................................93

12 SOLIDWORKS Electrical.......................................................................................94
Associação de um atalho de arquivo de dados a um projeto...........................................................94
Associação de montagens externas do SOLIDWORKS...................................................................95
Atualização automática dos relatórios de nível do projeto................................................................95
Copiar e colar com pontos de âncora...............................................................................................96
Criação de links nos relatórios de verificação de regra do projeto...................................................97
Alteração de visibilidade de atributo..................................................................................................98
Criação de fórmulas de marca de cabo............................................................................................99
Importação e exportação de desenhos com o Microsoft Excel.........................................................99
Marcar fios com o mesmo valor do endereço de E/S conectado....................................................100
Outras melhorias do SOLIDWORKS Electrical...............................................................................100
Melhoria gráfica do Painel de propriedades....................................................................................101

13 SOLIDWORKS Flow Simulation...........................................................................103


Suporte para o idioma coreano.......................................................................................................103
Otimização de vários parâmetros....................................................................................................103
Desempenho do pós-processamento.............................................................................................103
Desempenho da simulação transiente............................................................................................104
Uso de condições de componentes de nível inferior.......................................................................104
Configurações de malha para o Flow Simulation............................................................................105

14 Importar/Exportar.................................................................................................106
Classificação de entidade IFC e exportação de propriedades personalizadas .............................106
Exportação para o formato IFC..................................................................................................106
Importação e exportação de arquivos 3MF ....................................................................................107

5
Conteúdo

Importação de arquivos 3MF no SOLIDWORKS ......................................................................107


Exportação de arquivos do SOLIDWORKS como arquivos 3MF .............................................108
Importação de arquivos de malha...................................................................................................110
SOLIDWORKS 3D Interconnect .....................................................................................................110
Ativar ou desativar o 3D Interconnect .......................................................................................111
Inserção de um arquivo CAD nativo de Terceiros em uma montagem do SOLIDWORKS
..............................................................................................................................................111
Abertura de um arquivo CAD nativo de terceiros no SOLIDWORKS .......................................112
Opções do sistema para Interoperabilidade ...................................................................................112

15 SOLIDWORKS Inspection....................................................................................113
Suplemento do SOLIDWORKS Inspection.....................................................................................113
Melhorias de usabilidade...........................................................................................................113
Baloneamento manual de desenhos ........................................................................................113
Escolha do formato de um balão VDA.......................................................................................115
Prevenção de renumeração de balões por meio de bloqueio...................................................116
SOLIDWORKS inspection independente........................................................................................118
Zoom com scroll do mouse no SOLIDWORKS Inspection........................................................118

16 SOLIDWORKS MBD............................................................................................120
Precisão do PDF 3D........................................................................................................................120
Melhorias do Editor de Templates do PDF 3D................................................................................121
Alinhamento de elementos........................................................................................................121
Copiar e colar entre páginas......................................................................................................121
Formatação do texto..................................................................................................................121
Agrupamento e desagrupamento de elementos........................................................................122
Inserção de elementos no local do ponteiro..............................................................................122
Inserção de retângulo................................................................................................................122
Bloqueio de elementos..............................................................................................................122
Ordenação de elementos...........................................................................................................123
Renomeação de páginas...........................................................................................................123
Reposicionamento de páginas...................................................................................................123
Redimensionamento de linhas e colunas em tabelas genéricas...............................................124
Orientação da exibição de anotações.............................................................................................124
Anexo de arquivos em PDFs 3D.....................................................................................................124
Comparação de PMI 3D entre peças..............................................................................................124
Exportação de anotações de PMI para STEP 242..........................................................................125
Correspondência de nomes em PDFs 3D.......................................................................................126
Reordenamento de vistas 3D..........................................................................................................126
Reordenação de vistas 3D usando o recurso de arrastar e soltar............................................126
Reordenação de vistas 3D usando Ordem de classificação.....................................................126
Exibição em esboços nos PDFs 3D................................................................................................126

6
Conteúdo

17 Exibição do modelo..............................................................................................127
Controle de decalques e cenas pelos estados de exibição............................................................127
Exibição dos resultados do SOLIDWORKS Simulation na área de gráficos..................................129
Avaliação de modelos para impressão 3D......................................................................................131
Renderização da rede do PhotoView 360 oferece suporte para renderização
quadro-a-quadro.........................................................................................................................132
Vistas de seção...............................................................................................................................133
Criação de vistas de seção transparentes ................................................................................133
Manter cor da tampa..................................................................................................................135

18 Peças e recursos..................................................................................................136
Furos avançados ............................................................................................................................136
Padrões circulares bidirecionais .....................................................................................................141
Melhorias do chanfro ......................................................................................................................143
Conversão de recursos em corpos e superfícies............................................................................144
Classificação da lista de corte ........................................................................................................145
Referências de peça derivada são mantidas .................................................................................148
Ativação e desativação de equações em todas as configurações .................................................148
Extrusão a partir de uma face plana de qualquer tamanho ...........................................................149
Reconstrução de todas as configurações ......................................................................................149
Execução do FeatureWorks depois de adicionar itens às peças importadas.................................150
Selecionar todos os recursos de divisão e salvar corpos...............................................................150
Seleção de faces, arestas e curvas do perfil de varredura ............................................................150
Aprimoramentos da rosca ..............................................................................................................151
Melhorias em O que está errado? ..................................................................................................152
Seleção de janela para instâncias a ignorar ..................................................................................154
Envolvimento cria geometria em qualquer face .............................................................................155

19 SOLIDWORKS PDM............................................................................................158
Adição de colunas personalizadas..................................................................................................158
Alteração de uma categoria de um arquivo em check-in................................................................159
Controle das permissões de download para usuários e grupos.....................................................159
Cópia de permissões e membros do grupo....................................................................................160
Geração de PDFs 3D do SOLIDWORKS MBD...............................................................................161
Substituição da versão mais recente .............................................................................................162
Alterações na interface do usuário com substituição da versão................................................162
Melhorias da visualização...............................................................................................................164
Melhorias na qualidade no SOLIDWORKS PDM............................................................................165
Melhorias na exibição da árvore de referências..............................................................................165
Reversão de um arquivo com referências ......................................................................................167
Reversão de uma estrutura de arquivo......................................................................................167
Caixa de diálogo Reversão........................................................................................................168

7
Conteúdo

Lidar com referência-pai............................................................................................................171


Pesquisa de arquivos locais............................................................................................................171
Compatibilidade entre o cliente do SOLIDWORKS PDM e o Pacote de serviços do
servidor .......................................................................................................................................172
Suplemento de tarefas do SOLIDWORKS PDF .............................................................................172
Acesso ao suplemento de tarefas do SOLIDWORKS PDF.......................................................172
Configuração da tarefa Office para PDF....................................................................................172
Configuração da tarefa DraftSight para PDF.............................................................................178
Melhorias no Viewer de Web2 do SOLIDWORKS PDM ................................................................182
Replicação do banco de dados do vault.........................................................................................184
Configuração de servidores SQL secundários..........................................................................185
Caixa de diálogo Configurações do servidor.............................................................................185

20 SOLIDWORKS Plastics........................................................................................187
Válvulas de gaveta automáticas......................................................................................................187
Melhorias nas configurações do PlasticsManager..........................................................................188
Personalização dos valores mín. e máx. de plotagens...................................................................188
Carregamento mais rápido de peças..............................................................................................188
Resfriamento de alta precisão.........................................................................................................188
Plotagem de massa da peça em relação ao tempo........................................................................190
Edição de malha sólida...................................................................................................................191
Melhorias na interface de usuário...................................................................................................191

21 Rota......................................................................................................................193
Melhorias da rota automática..........................................................................................................193
Opção automática Zoom para ajustar ao adicionar componentes de rota.....................................193
Ferramenta de vista explodida........................................................................................................194
Melhorias de planificação................................................................................................................194
Aprimoramentos no Editar rota planificada ...............................................................................194
Rotas planificadas desunidas....................................................................................................195
Bicos de tubo rígido.........................................................................................................................196
Melhorias da qualidade e correções para rota................................................................................197
Reutilização de rotas para tubos e mangueiras..............................................................................197
Proteção de rotas distintas através de clipes..................................................................................198

22 Chapa metálica....................................................................................................200
Criação de alívios de canto de três dobras ....................................................................................200
Cortes normais................................................................................................................................202
Suporte da tabela de punção para peças espelhadas e derivadas................................................202
Opções de chapa metálica..............................................................................................................203

23 SOLIDWORKS Simulation...................................................................................204
Atualização automática de junta de viga.........................................................................................204

8
Conteúdo

Conversão de um estudo estático para um novo estudo................................................................205


Detecção de pontos quentes de tensão .........................................................................................205
Exibição dos resultados do SOLIDWORKS Simulation na área de gráficos..................................206
Edição de vários grupos de contatos .............................................................................................207
Método de controle de comprimento de arco melhorado para análise de contato não linear
...................................................................................................................................................208
Alternância inteligente de solver ....................................................................................................209
Gerenciamento de resultados de análise dinâmica........................................................................210
Gravação de macros no Simulation ...............................................................................................210
Propriedades de massa no Simulation ...........................................................................................210
Simulação descarregada ................................................................................................................211
Execução de uma simulação descarregada..............................................................................211
Melhorias de desempenho para o SOLIDWORKS Simulation.......................................................213
Melhorias de pós-processamento para o SOLIDWORKS Simulation.............................................214
Sondagem de resultados em nós selecionados .............................................................................215
Cargas e massa remotas para vigas ..............................................................................................216
Mensagens do solver ignoradas automaticamente ........................................................................216

24 Geração de esboço..............................................................................................217
Criação de offsets de esboço em superfícies com geometria 3D...................................................217
Melhorias na ferramenta Segmento................................................................................................219
Prevenção de microlinhas acidentais .............................................................................................219
Contornos de esboço sombreado ..................................................................................................219
Extrusão de contornos de esboço sombreado ...............................................................................221

25 SOLIDWORKS Toolbox ......................................................................................223


Limpar dados de configuração inativos do Toolbox........................................................................223
Redimensionamento de componentes de fixação PEM.................................................................224
Atualização dos componentes do Toolbox em montagens.............................................................224

26 SOLIDWORKS Visualize......................................................................................226
Instalação do SOLIDWORKS Visualize..........................................................................................226
Suplemento do SOLIDWORKS Visualize.......................................................................................226
SOLIDWORKS Visualize Boost......................................................................................................227
Instalação do Visualize Boost com o SLDIM.............................................................................227
Ativação da licença do Visualize Boost.....................................................................................228
Configuração do SOLIDWORKS Visualize Boost......................................................................228
Seleção de um cluster do Visualize Boost para renderização...................................................230
Ajuste das configurações do PowerBoost para rastreamento de raios.....................................230
Mostrar arquivos de log.............................................................................................................231
Compartilhar perfis de cluster....................................................................................................231
Renderização de imagens.........................................................................................................232
Opacidade da geometria e suporte a animações............................................................................232

9
Conteúdo

Ajuda sensível ao contexto.............................................................................................................233


Criação de vistas de seção.............................................................................................................234
Tela inicial ......................................................................................................................................236
Snap do ponto de pivô....................................................................................................................237
Uso da navegação de câmera e atalhos do SOLIDWORKS..........................................................237
Outros aprimoramentos...................................................................................................................238

10
Avisos legais
© 1995-2016, Dassault Systemes SolidWorks Corporation, uma empresa da Dassault Systèmes
SE, 175 Wyman Street, Waltham, Mass. 02451 USA. Todos os direitos reservados.
As informações e o software discutidos neste documento estão sujeitos a modificações sem
aviso e não constituem compromissos da Dassault Systemes SolidWorks Corporation (DS
SolidWorks).
Nenhum material pode ser reproduzido ou transmitido sob qualquer forma ou por qualquer
meio, eletrônico ou mecânico, para qualquer finalidade, sem a expressa permissão por escrito
da DS SolidWorks.
O software discutido neste documento é fornecido sob licença e poderá ser utilizado ou copiado
apenas de acordo com os termos da licença. Todas as garantias fornecidas pela DS SolidWorks
referentes a software e documentação estão estabelecidas no Contrato de Licença, e nada que
estiver declarado ou implícito neste documento ou seu conteúdo deve ser considerado ou
julgado como modificações ou alterações de quaisquer termos, incluindo as garantias, do
contrato de licença.

Avisos de patentes
®
CAD mecânico 3D e/ou software Simulation é protegido pelas patentes norte-americanas
6.219.049; 6.219.055; 6.611.725; 6.844.877; 6.898.560; 6.906.712; 7.079.990; 7.477.262;
7.558.705; 7.571.079; 7.590.497; 7.643.027; 7.672.822; 7.688.318; 7.694.238; 7.853.940;
8.305.376; 8.581.902; 8.817.028; 8.910.078; 9.129.083; 9.153.072 e patentes estrangeiras
(p.ex.,EP 1.116.190 B1 e JP 3.517.643).
O software eDrawings® é protegido pelas patentes americanas 7.184.044 e 7.502.027, e pela
patente canadense 2.318.706.
Patentes pendentes nos EUA e no exterior.

Marcas comerciais e nomes de produtos dos produtos e serviços SOLIDWORKS


SOLIDWORKS, 3D ContentCentral, 3D PartStream.NET, eDrawings e o logotipo eDrawings são
marcas comerciais registradas e FeatureManager é uma marca registrada de copropriedade
da DS SolidWorks.
CircuitWorks, FloXpress, PhotoView 360 e TolAnalyst são marcas comerciais da DS SolidWorks.
FeatureWorks é marca comercial registrada da Geometric Ltd.
SOLIDWORKS 2016, SOLIDWORKS Standard, SOLIDWORKS Professional, SOLIDWORKS
Premium, SOLIDWORKS PDM Professional, SOLIDWORKS PDM Standard, SOLIDWORKS
Workgroup PDM, SOLIDWORKS Simulation, SOLIDWORKS Flow Simulation, eDrawings,
eDrawings Professional, SOLIDWORKS Sustainability, SOLIDWORKS Plastics, SOLIDWORKS
Electrical, SOLIDWORKS Composer, e SOLIDWORKS MBD são nomes de produtos da DS
SolidWorks.
Outras marcas ou nomes de produtos são marcas comerciais ou registradas de seus respectivos
proprietários.
SOFTWARE PARA COMPUTADOR COMERCIAL - PROPRIETÁRIO

11
O Software é um “item comercial” segundo a definição do termo em 48 C.F.R. 2.101 (OUT
1995), consistindo em “software comercial para computador” e “documentação de software
comercial” conforme a utilização dos termos em 48 C.F.R. 12.212 (SET 1995) sendo fornecido
ao Governo dos EUA (a) para aquisição por órgãos civis ou em seus respectivos nomes, em
conformidade com as políticas estabelecidas em 48 C.F.R. 12.212; ou (b) para aquisição por
unidades do Departamento de Defesa dos EUA ou em seus respectivos nomes, em conformidade
com as políticas estabelecidas no C.F.R. 48 227.7202-1 (JUN 1995) e 227.7202-4 (JUN 1995)
Na eventualidade de receber uma solicitação de qualquer agência do Governo dos EUA para
fornecer o Software com direitos além daqueles estabelecidos acima, você deverá notificar a
DS SolidWorks sobre o escopo da solicitação e o SolidWorks terá cinco (5) dias úteis para,
segundo seu exclusivo critério, aceitar ou rejeitar tal solicitação. Contratante/fabricante:
Dassault Systemes SolidWorks Corporation, 175 Wyman Street, Waltham, Massachusetts
02451 EUA.

Avisos sobre direitos autorais dos produtos SOLIDWORKS Standard, Premium,


Professional e Education
Partes deste software © 1986-2015 Siemens Product Lifecycle Management Software Inc.
Todos os direitos reservados.
Este trabalho contém os seguintes programas de software de propriedade da Siemens Industry
Software Limited:
D-Cubed™ 2D DCM © 2015. Siemens Industry Software Limited. Todos os direitos reservados.
D-Cubed™ 3D DCM © 2015. Siemens Industry Software Limited. Todos os direitos reservados.
D-Cubed™ PGM © 2015. Siemens Industry Software Limited. Todos os direitos reservados.
D-Cubed™ CDM © 2015. Siemens Industry Software Limited. Todos os direitos reservados.
D-Cubed™ AEM © 2015. Siemens Industry Software Limited. Todos os direitos reservados.
Partes deste software © 1998-2015 Geometric Ltd.
Partes deste software incorporam o PhysX™ by NVIDIA, 2006-2010.
Partes deste software © 2001-2015 Luxology, LLC. Todos os direitos reservados, patentes
pendentes.
Partes deste software © 2007-2015 DriveWorks Ltd.
Copyright 1984-2010 Adobe Systems Inc. e seus licenciadores. Todos os direitos reservados.
Protegido pelas patentes nos EUA 5.929.866; 5.943.063; 6.289.364; 6.563.502; 6.639.593;
6.754.382; patentes pendentes.
Adobe, o logotipo Adobe, Acrobat, o logotipo Adobe PDF, Distiller e Reader são marcas
registradas ou marcas comerciais da Adobe Systems Inc. nos EUA e em outros países.
Para obter mais informações sobre direitos autorais, consulte Ajuda > sobre o SOLIDWORKS.

Avisos sobre direitos autorais dos produtos SOLIDWORKS Simulation


Partes deste software © 2008 Solversoft Corporation.
PCGLSS © 1992-2014 Computational Applications e System Integration, Inc. Todos os direitos
reservados.

12
Avisos sobre direitos autorais dos produtos SOLIDWORKS Standard
© Copyright 2011, Microsoft Corporation. Todos os direitos reservados.

Comunicados de direitos autorais para o produto SOLIDWORKS PDM


Professional
Outside In® Viewer Technology, © 1992-2012 Oracle
© Copyright 2011, Microsoft Corporation. Todos os direitos reservados.

Avisos sobre direitos autorais dos produtos eDrawings


Partes deste software © 2000-2014 Tech Soft 3D.
Partes deste software © 1995-1998 Jean-loup Gailly e Mark Adler
Partes deste software © 1998-2001 3Dconnexion.
Partes deste software © 1998-2014 Open Design Alliance. Todos os direitos reservados.
Partes deste software © 1995-2012 Spatial Corporation.
O software eDrawings® para Windows® é baseado em parte no trabalho do Independent JPEG
Group.
Partes do eDrawings® para iPad® têm copyright © 1996-1999 Silicon Graphics Systems, Inc.
Partes do eDrawings® para iPad® têm copyright © 2003 – 2005 Apple Computer Inc.

13
1
Bem-vindo ao SOLIDWORKS 2017

O SOLIDWORKS® O 2017
oferece muitas melhorias e
aprimoramentos, a maioria
criada para atender
especificamente a solicitações
dos clientes. Essa versão tem
como foco ajudá-lo a realizar
o seu trabalho de forma mais
rápida e fácil do que nunca,
permitindo que você:

• Projete. Estimule a inovação com recursos de modelagem avançados e precisos. Trabalhe


mais rapidamente, com maior controle e menos sobrecarga.
• Valide. Resolva problemas complexos e valide seus projetos com confiança e facilidade.
Aumente a produtividade ao mesmo tempo em que obtém informações importantes sobre
o desempenho do projeto.
• Colabore. Acelere novas inovações de produtos com compartilhamento eficiente de conteúdos
por toda a cadeia de suprimento. Aproveite o conteúdo existente e engaje todos os membros
da equipe de forma mais eficaz.
• Construa. Implemente uma estratégia de manufatura totalmente integrada baseada no
modelo. Use seus modelos CAD 3D, incluindo informações de dimensões, tolerâncias,
anotações, tabelas e elétricas para criar todas as suas entregas de manufatura.
• Gerencie. Execute um fluxo de trabalho de gerenciamento multidisciplinar de dados de
produtos. Colete e gerencie todos os dados de projeto em toda a sua empresa.

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

14
Bem-vindo ao SOLIDWORKS 2017

• Principais aprimoramentos
• Arquivos de Amostra
• Para obter mais informações

Principais aprimoramentos
Os principais aprimoramentos do SOLIDWORKS 2017 oferecem melhorias aos produtos
existentes e novos recursos inovadores.

Em todo o manual, procure o símbolo nas seguintes áreas:


Interface do • Personalização da ordem de classificação das
usuário configurações na página 19

Montagens • Posicionamentos de distância para componentes


cilíndricos na página 50
• Recurso de layout na página 37
• Melhorias de desempenho da montagem na página 36
• Preservação das referências de desenho na página 53
• Melhorias do SpeedPak na página 55
• Melhorias do Treehouse na página 57

SOLIDWORKS • Regras comuns para chapas metálicas e peças de


Costing usinagem na página 64
• Avaliação do custo de montagens no modo de Árvore
aninhada na página 67
• Reconhecimento de recursos para operações na página 61
• Costing baseado em regras para peças na página 63
• Costing da submontagem na página 65
• Regras exclusivas para templates de chapa metálica na
página 65

DimXpert • Seleção de várias arestas na página 72

Desenhos e • Contornos irregulares na página 80


detalhamento
• Vínculo de uma nota a uma célula de tabela na página 87
• Espelhar vistas de desenho na página 84

Importar/Exportar • Classificação de entidade IFC e exportação de


propriedades personalizadas na página 106
• Exportação de arquivos do SOLIDWORKS como arquivos
3MF na página 108

15
Bem-vindo ao SOLIDWORKS 2017

Exibição de modelo • Controle de decalques e cenas pelos estados de exibição


na página 127
• Criação de vistas de seção transparentes na página 133
• Renderização da rede do PhotoView 360 oferece suporte
para renderização quadro-a-quadro na página 132

Peças e recursos • Padrões circulares bidirecionais na página 141


• Melhorias do chanfro na página 143
• Conversão de recursos em corpos e superfícies na página
144
• Furos avançados na página 136
• Referências de peça derivada são mantidas na página 148
• Seleção de faces, arestas e curvas do perfil de varredura
na página 150
• Seleção de janela para instâncias a ignorar na página 154
• Envolvimento cria geometria em qualquer face na página
155

Rota • Aprimoramentos no Editar rota planificada na página 194


• Proteção de rotas distintas através de clipes na página 198

Chapa metálica • Criação de alívios de canto de três dobras na página 200

Geração de esboço • Criação de offsets de esboço em superfícies com


geometria 3D na página 217
• Prevenção de microlinhas acidentais na página 219
• Contornos de esboço sombreado na página 219
• Extrusão de contornos de esboço sombreado na página
221

SOLIDWORKS MBD • Comparação de PMI 3D entre peças na página 124

SOLIDWORKS PDM • Geração de PDFs 3D do SOLIDWORKS MBD na página 161


• Substituição da versão mais recente na página 162
• Reversão de um arquivo com referências na página 167
• Suplemento de tarefas do SOLIDWORKS PDF na página
172
• Melhorias no Viewer de Web2 do SOLIDWORKS PDM na
página 182
• Replicação do banco de dados do vault na página 184

16
Bem-vindo ao SOLIDWORKS 2017

SOLIDWORKS • Método de controle de comprimento de arco melhorado


Simulation para análise de contato não linear na página 208
• Edição de vários grupos de contatos na página 207
• Propriedades de massa no Simulation na página 210
• Simulação descarregada na página 211
• Cargas e massa remotas para vigas na página 216

SOLIDWORKS • Limpar dados de configuração inativos do Toolbox na


Toolbox página 223

Todos os recursos estão disponíveis no SOLIDWORKS Standard, SOLIDWORKS Professional


e SOLIDWORKS Premium, exceto quando informado em contrário.

Arquivos de Amostra
A partir do SOLIDWORKS 2017, os arquivos de amostra são armazenados em um novo
local.
O local anterior era na pasta de instalação do SOLIDWORKS. Por padrão, a pasta Program
Files tem acesso de gravação restrito em todos os sistemas operacionais compatíveis.
Muitos usuários não conseguiam concluir tutoriais devido a essas restrições. Por padrão,
a pasta Public Documents tem acesso de gravação e é visível para todos os usuários.
Para abrir os arquivos de amostra para este livro, vá até a letra de unidade:\Users\
Public\Public Documents\SOLIDWORKS\SOLIDWORKS 2017\whatsnew\nome do capítulo\
nome do arquivo.
Por exemplo, C:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\SOLIDWORKS 2017\
whatsnew\sheet metal\bracket.sldprt.

Para obter mais informações


Use os seguintes recursos para saber mais sobre o SOLIDWORKS:
Novidades em PDF Este manual está disponível nos formatos PDF e HTML. Clique
e HTML em:
• Ajuda > Novidades > PDF
• Ajuda > Novidades > HTML

Novidades
No SOLIDWORKS, clique no símbolo para exibir a seção do
interativas
manual que descreve um aprimoramento. Esse símbolo aparece
ao lado dos novos itens de menu e dos títulos de
PropertyManagers novos e melhorados.
Para ativar a funcionalidade do Novidades interativo, clique em
Ajuda > Novidades > Interativo.

17
Exemplos das Exemplos do Novidades são atualizados a cada versão principal
Novidades para fornecer exemplos de como utilizar os principais
aprimoramentos da versão.
Para abrir os Exemplos das Novidades, clique em Ajuda >
Novidades > Exemplos das Novidades.

Ajuda on-line Apresenta uma cobertura completa dos nossos produtos, incluindo
detalhes sobre a interface do usuário, amostras e exemplos.

Notas da versão Fornece informações sobre as mais recentes modificações aos


nossos produtos, incluindo as alterações ao manual Novidades,
ajuda on-line e outros documentos.

18
2
Interface do usuário

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Personalização da ordem de classificação das configurações


• Desativação das barras de ferramenta do acelerador de seleção
• Visualização da referência dinâmica
• Comentar na árvore de projeto do FeatureManager
• Ocultar todos os tipos
• Atualizações de interface do SOLIDWORKS Rx, Task Scheduler e Sustainability
• Novo projeto do Gerador de Guias de Propriedades
• Trilhas de seleção
• Menus de atalho
• Supressão de nomes de Configuração e Estado de exibição na Árvore de projeto
do FeatureManager
• Interações baseadas no toque

Personalização da ordem de classificação das


configurações
Você pode especificar a ordem em que as configurações são listadas no
ConfigurationManager.
Para personalizar a ordem de classificação das configurações:

1. No ConfigurationManager, clique com o botão direito do mouse na configuração de


nível superior e clique em Ordem da árvore.
2. Selecione um dos seguintes procedimentos:

Opção Descrição

Numérico Classifica por ordem crescente de acordo com o valor


alfabético ou numérico.

Literal Classifica por ordem alfabética.

Manual (arrastar e Permite arrastar e soltar as configurações na árvore de


soltar) configuração. Conforme você as arrasta pela árvore, cada
configuração é realçada. A configuração que você está
movendo é inserida imediatamente abaixo do item realçado
quando você a solta.

19
Interface do usuário

Opção Descrição

Baseado em histórico Classifica pela data em que a configuração foi criada, com
a mais antiga na parte superior da lista e a mais recente
no final.

Desativação das barras de ferramenta do acelerador de


seleção
Você pode desativar as barras de ferramentas do acelerador de seleção que aparecem
ao selecionar as entidades para as ferramentas Filete, Mover face e Excluir face.
Para desativar as barras de ferramenta do acelerador de seleção:

Siga um destes procedimentos:


• No PropertyManager, desmarque Mostrar barra de ferramenta de seleção.

• Clique em no final da barra de ferramenta de seleção.


A seleção é armazenada para o próximo recurso no PropertyManager. Por exemplo,
se você desmarcar uma caixa de seleção de um filete, ela permanece desmarcada
para o próximo filete no PropertyManager.
Para ativar as barras de ferramentas do acelerador, selecione Mostrar barra de
ferramenta de seleção.

Visualização da referência dinâmica


A visualização da referência dinâmica que exibe relacionamentos pai e filho foi aprimorada
para evitar sobreposição do texto e das linhas.
As setas começam no círculo para indicar o recurso cujos relacionamentos pai e filho
estão sendo visualizados.

20
Interface do usuário

SOLIDWORKS 2016 SOLIDWORKS 2017

Comentar na árvore de projeto do FeatureManager


A capacidade existente de adicionar comentários aos modelos foi aprimorada. Ficou mais
fácil visualizar e editar modelos com base nos comentários ao longo do ciclo de vida do
projeto de um produto.
• Você pode adicionar comentários a quase todos os nós na Árvore de projeto do
FeatureManager. Os comentários abrangem os seguintes nós:
• Posicionamentos (todos os tipos)
• Pasta ou grupo de posicionamento
• Pastas
• Sensores
• Material
• Vistas de anotação
• Blocos
• Pasta de corpos sólidos
• Pasta de corpos de superfície

21
Interface do usuário

• Nós de chapa metálica


• Referências de posicionamento

• Para localizar os comentários mais facilmente, você pode ativar os indicadores de


comentários.
• Você pode adicionar comentários independentes que não são anexadas a um recurso
ou nó na Árvore de projeto do FeatureManager.
• Ao criar ou editar um comentário, você pode anexar uma imagem ou captura de tela
do modelo.
• Você pode ver os comentários de recursos no PropertyManager.
• Ao adicionar um comentário a um recurso, um carimbo de data/hora é adicionado
automaticamente ao comentário.
• Você pode visualizar todos os comentários em uma caixa de diálogo e exportá-los para
um documento do Microsoft Word.

O ConfigurationManager também apresenta melhorias semelhantes para os comentários.

Ativação de indicadores de comentários


Você pode ativar os indicadores de comentários na exibição da Árvore de projeto do
FeatureManager para localizar os comentários mais facilmente.
Para ativar os indicadores de comentários:

1. Na Árvore de projeto do FeatureManager, clique com o botão direito do mouse no nó


superior.
2. Clique em Exibição em árvore > Exibir indicador de comentário.

Os indicadores visuais são exibidos na Árvore de projeto do FeatureManager para


indicar se existe um comentário.

22
Interface do usuário

Adição de comentários independentes


Você pode adicionar comentários independentes que não são anexadas a um recurso ou
nó na árvore de projeto do FeatureManager.
Para adicionar comentários independentes:

1. Clique em Adicionar comentário (barra de ferramentas Padrão).


2. Na caixa Comentário, digite o comentário e clique em Salvar e fechar.

O comentário independente é adicionado à pasta Comentários na Árvore de


projeto do FeatureManager.

Você também pode clicar com o botão direito do mouse na pasta Comentários e
clicar em Adicionar comentário para adicionar um comentário independente.

Adição de imagens e capturas de tela aos comentários


Você pode adicionar imagens e capturas de tela aos comentários. Ao adicionar um
comentário a um recurso, um carimbo de data/hora é adicionado automaticamente ao
comentário.
Para adicionar imagens e capturas de tela aos comentários:

1. Clique em Adicionar comentário (barra de ferramentas Padrão).


2. Na caixa Comentário, clique em uma ou ambas as seguintes opções:

• Inserir imagem . Permite procurar uma imagem e a adiciona ao comentário


com uma visualização.

• Inserir captura de tela . Adiciona uma imagem da área de gráficos ao


comentário com uma visualização.

3. Clique em Salvar e fechar.

Visualização e edição de comentários nos


PropertyManagers
É possível visualizar e editar os comentários de um recurso nos PropertyManagers.
Para visualizar e editar comentários nos PropertyManagers:

1. Clique em Ferramentas > Opções > Opções do sistema > Colaboração.


2. Na caixa de diálogo, selecione Exibir comentários no PropertyManager.
3. Na área de gráficos, selecione um recurso que tenha um comentário anexado e clique
em Editar recurso .
4. No PropertyManager, em Comentário, clique em Editar.
5. Modifique o comentário e clique em Salvar e fechar.

6. Clique em .

23
Interface do usuário

Ocultar todos os tipos


Você pode usar a ferramenta Ocultar/exibir itens da barra de ferramentas transparente
Exibir para ocultar todos os itens com apenas um clique sem sair da área de gráficos.

A ferramenta é dividida em duas: . No lado esquerdo, é possível alternar entre


ocultar todos os tipos e mostrar o estado de visibilidade anterior. No lado direito, é possível
visualizar a lista existente de tipos para alterar a visibilidade de um item por vez.

Atualizações de interface do SOLIDWORKS Rx, Task


Scheduler e Sustainability
A interface do usuário do SOLIDWORKS Rx, Task Scheduler e Sustainability foi atualizada
para ser consistente com o novo projeto da interface do usuário do SOLIDWORKS 2016.
As melhorias incluem um esquema atualizado de cores, ícones, guias e muito mais texto
visível.

Novo projeto do Gerador de Guias de Propriedades


A interface do usuário do Gerador de Guias de Propriedades foi atualizada para ser mais
fácil de usar.
As melhorias incluem um esquema de cores e ícones atualizados e um layout melhor das
áreas de criação de caixas de grupo, caixas de texto, listas e outros recursos de guias
personalizadas.
A versão instalada do SOLIDWORKS é exibida no cabeçalho do Gerador de Guias de
Propriedades. Esse rótulo é útil quando há usuários com diferentes versões do software
e você deseja se certificar de que está criando um template que corresponde ao que um
determinado conjunto de usuários está executando em seus computadores.
Você também pode arrastar a borda do painel Propriedades personalizadas para
torná-lo mais largo ou mais estreito em relação ao painel Atributos de controle.

Trilhas de seleção
As trilhas de seleção têm um feedback melhor. Quando você posiciona o ponteiro do
mouse sobre os itens, as trilhas de seleção exibem informações apenas para os
posicionamentos aplicáveis para a face, aresta, vértice, recurso ou corpo selecionado.
As melhorias incluem feedbacks adicionais sobre:
• Posicionamentos de montagem. As trilhas de seleção do posicionamento estão mais
bem alinhadas, de modo é possível saber quais posicionamentos se aplicam às peças
ou submontagens selecionadas.

• Falhas e erros. Os posicionamentos com falhas ou erros são exibidos nas trilhas de
seleção.

24
Interface do usuário

• Estados suprimidos. O estado de supressão de entidades é refletido nas trilhas de


seleção.

Ao clicar em uma trilha de seleção, somente os posicionamentos associados à entidade


são exibidos.

Submontagem selecionada Peça selecionada

Além disso, as trilhas de seleção fornecem acesso fácil aos planos de referência de uma
peça para que você possa:
• Controlar a visibilidade do plano de referência.
• Pré-selecionar planos de referência para serem usados como planos de esboço, usados
em um recurso ou na criação de um posicionamento de montagem.

Menus de atalho
Os menus de atalho foram aprimorados e padronizados para fornecer acesso rápido às
ferramentas mais comumente usadas.
Para aumentar a eficiência, ferramentas duplicadas foram removidas e as ferramentas
relacionadas, movidas para menus flyout. O menu flyout longo de Entidades de esboço
usa o formato de grade compacto para evitar movimentos desnecessários do mouse.
Você pode rolar pelo menu com o mouse usando a roda se o menu ultrapassar o limite
da tela.

25
Interface do usuário

Supressão de nomes de Configuração e Estado de exibição


na Árvore de projeto do FeatureManager
Nos modelos que contêm somente uma configuração, você pode suprimir a configuração
e as informações de estado de exibição que são anexadas aos nomes da montagem e de
peças na Árvore de projeto do FeatureManager.
Para suprimir os nomes de Configuração e Estado de exibição na Árvore de
projeto do FeatureManager:

Na Árvore de projeto do FeatureManager, clique com o botão direito do mouse no nó


superior e clique em Exibição em árvore > Não exibir nomes de
Configuração/Estado de exibição se apenas um existir.
Se houver apenas uma configuração, os nomes da configuração e do estado de
exibição são suprimidos. Você ainda pode acessar as informações na Árvore de projeto
do FeatureManager ao posicionar o cursor do mouse sobre o componente.

26
Interface do usuário

Se houver mais de uma configuração, os nomes da configuração e do estado de


exibição aparecem após o nome do componente.

Interações baseadas no toque


Os gestos de toque foram revisados para tornar a experiência do usuário mais fácil e
intuitiva. O software foi aprimorado para ser compatível com controles de vista básica
de manipulação em dispositivos com tela sensível ao toque.
Você pode trabalhar em modelos usando gestos de toque e executar ações como arrastar
um dedo para girar e arrastar dois dedos para ver uma panorâmica. Além disso, você
pode usar dispositivos Panorâmica, Rolagem e Aumentar/diminuir zoom ao mesmo
tempo. Esses controles atualizados se aplicam ao Microsoft Windows 8 e versões
posteriores.

27
3
Fundamentos do SOLIDWORKS

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Application Programming Interface (API)


• Melhoria na caixa de diálogo Procurar a pasta

Application Programming Interface (API)


Consulte a ajuda do SOLIDWORKS API: Notas de versão para atualizações recentes.
O SOLIDWORKS 2017 API inclui os seguintes recursos para:
• Criar e acessar conjuntos de seleção.
• Percorrer o Painel do Gerenciador e ativar a árvore de projeto do FeatureManager,
PropertyManager, ConfigurationManager, DimXpertManager DisplayManager ou a guia
Personalizado. Acionar uma pré-notificação e notificação ao ativar uma guia no Painel
do Gerenciador.
• Saber se um eixo é um eixo temporário e obter sua face de referência.
• Configurar as propriedades de um componente selecionado em uma configuração
específica, incluindo definir se o componente é um envelope ou não.
• Obter dados da parametrização de uma spline específica em um esboço.
• Obter ou configurar o estado de uma caixa de seleção em uma página do
PropertyManager.
• Criar recursos de varredura usando um perfil circular ou corpo de ferramenta.
• Criar varreduras bidirecionais.
• Importar e exportar tabelas para arquivos do Microsoft Excel ao trabalhar com padrões
variáveis.
• Modificar padrões variáveis.
• Obter ou configurar a largura ou altura de bloqueio de uma coluna ou linha em uma
anotação de tabela.
• Deslocar as arestas selecionadas para criar um esboço 3D em uma face ou superfície.
• Aplicar zoom a uma folha de desenho até o tamanho máximo dentro de uma janela.
• Tornar um componente selecionado independente.
• Substituir componentes permitindo que o SOLIDWORKS tente combinar a configuração
dos componentes antigos com uma configuração no componente de substituição ou
usando a configuração especificada no componente de substituição.
• Isolar componentes.
• Obter ou configurar as opções de agrupamento de componentes de rota para uma
tabela de BOM no desenho de uma montagem que contém os componentes de rota.
• Obter os nomes das vistas explodidas para uma configuração específica, obter o número
de vistas explodidas em uma configuração específica e obter o nome da configuração
de uma vista explodida específica em uma montagem.

28
Fundamentos do SOLIDWORKS

• Obter o nome da vista explodida que está sendo exibida no modelo.


• Obter a transformação recolhida ou explodida de um componente quando a montagem
for explodida.
• Expandir o componente determinado no painel especificado da árvore de projeto do
FeatureManager.
• Excluir os componentes selecionados de uma submontagem ou a submontagem do
componente selecionado.
• Obter ou configurar o estado de exibição de uma vista de desenho.
• Agrupar as arestas ou segmentos de esboço selecionados em um objeto para o caminho
de um recurso de varredura.
• Obter o ID da referência persistente da configuração referida em uma vista de desenho.
• Obter ou configurar a exibição da descrição de uma configuração em uma lista de
materiais.
• Obter ou configurar se as listas suspensas de célula serão ativadas em tabelas de
projeto.
• Obter ou configurar a justificação vertical de uma nota padrão.
• Obter ou configurar o comprimento de uma linha de chamada da curva.
• Obter ou configurar se as propriedades visuais serão propagadas em um padrão acionado
por tabela.
• Sincronizar submontagens flexíveis ao criar um padrão linear ou circular dos
componentes de uma montagem.
• Obter ou configurar se as propriedades visuais serão propagadas em um recurso de
padrão derivado.
• Obter ou configurar se uma equação deve ser desativada e obter o número de equações
desativadas em um modelo.
• Especificar um plano de esboço, superfície/face/plano, vértice ou deslocamento como
uma condição inicial ao criar uma superfície extrudada.
• Inclinar ângulos, tampar as extremidades, excluir faces originais e costurar os corpos
criados ao excluir as faces originais em superfícies extrudadas.
• Especificar várias folhas de desenho cujas configurações devem ser modificadas.
• Atualizar os componentes do SOLIDWORKS Toolbox no nível de montagem especificado
usando as informações atuais das configurações do Toolbox.
• Criar configurações do SpeedPak para submontagens em uma montagem.
• Reconstruir todos os recursos ou apenas os recursos que precisam ser reconstruídos
em todas as configurações, sem ativar cada configuração em um modelo.
• Criar um arquivo da ETAPA 242 do SOLIDWORKS MBD.
• Criar um recurso de padrão derivado, obter ou configurar qual instância de padrão usar
como o recurso original para um recurso de padrão derivado e obter ou configurar se
as propriedades visuais devem ser propagadas em um recurso de padrão derivado.
• Obter o nome do DimXpert para uma anotação.
• Acionar uma notificação ao publicar um documento de peça ou montagem no PDF 3D
do SOLIDWORKS MBD.

Melhoria na caixa de diálogo Procurar a pasta


A caixa de diálogo Procurar a pasta foi renomeada para Selecionar pasta e foi aprimorada
para facilitar o uso.
A caixa de diálogo Procurar a pasta tinha uma funcionalidade limitada, o que a tornava
mais complicada de ser usada. Na caixa de diálogo Selecionar pasta, você pode:

29
• Consultar informações sobre a Data de criação e Data de modificação.
• Pesquisar por pastas.
• Classificar pastas.
• Selecionar pastas virtuais (sistema fora de arquivos), como em Meu Computador.
A caixa de diálogo Selecionar pasta está disponível em muitas áreas, como na caixa de
diálogo Opções do sistema - Locais de arquivos quando você clica em Adicionar, e na
Biblioteca de projetos quando você clica em Adicionar local do arquivo .

30
4
Instalação

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Gerenciador de instalação
• Toolbox anterior detectado durante a instalação ou a atualização
• Desinstalação concluída mesmo quando o registro dos DLLs não pode ser
removido

Gerenciador de instalação
Os seguintes produtos estão disponíveis no Gerenciador de instalação:
• SOLIDWORKS PCB e SOLIDWORKS PCB Services
O SOLIDWORKS PCB faz parte da instalação Individual. Na página Número de série,
você precisa inserir um número de série para o SOLIDWORKS PCB na sessão Projeto
elétrico.
O SOLIDWORKS PCB Services faz parte da instalação Servidor. Na página Bem-vindo,
selecione Instalar o SOLIDWORKS PCB Services neste computador. É necessário atribuir
um número de porta ao SOLIDWORKS PCB Services. O número de porta padrão é 9780.
• SOLIDWORKS Visualize e SOLIDWORKS Visualize Boost
Ambos os produtos podem ser instalados como parte da instalação Individual. Para
obter mais informações sobre os produtos Visualize, consulte a seção SOLIDWORKS
Visualize.

Antes, só era possível instalar esses produtos usando pacotes de instalação separados.

Toolbox anterior detectado durante a instalação ou a


atualização
Se estiver atualizando para o SOLIDWORKS 2017 ou instalando o SOLIDWORKS 2017
lado a lado com uma versão principal anterior, o Gerenciador de instalação solicitará que
você decida como lidar com seus dados existentes de Toolbox/Assistente de furação.
Você pode optar por:
• Criar um novo SOLIDWORKS 2017 Toolbox.
• Usar um Toolbox existente com o SOLIDWORKS 2017. Caso os dados existentes sejam
de uma versão mais antiga, eles serão atualizados no local.
• Criar uma cópia de um Toolbox/Assistente de furação existente e atualize a cópia para
2017. Esta opção permite usar uma cópia para a versão mais recente dos dados
enquanto preserva a original para uso com versões anteriores.

31
Nas versões anteriores, os usuários precisavam copiar suas pastas do Toolbox
manualmente para preservar os dados mais antigos do Toolbox/Assistente de furação.

Desinstalação concluída mesmo quando o registro dos DLLs


não pode ser removido
Você pode desinstalar o SOLIDWORKS mesmo se não for possível remover o registro de
alguns DLLs. No final do processo de desinstalação, uma caixa de diálogo lista quais DLLs
não tiveram o registro removido. Em geral, nenhuma ação é necessária.
Antes, a desinstalação do SOLIDWORKS falhava caso não fosse possível remover o registro
de um ou mais DLLs.

32
5
Administração

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Melhorias do Pack and Go


• Prevenção de alterações das opções do sistema feitas pelos usuários
• Relatório de confiabilidade e verificação de inicialização no SOLIDWORKS Rx
• Reparo de arquivos corrompidos
• Execução de estudos de simulação selecionados no Task Scheduler

Melhorias do Pack and Go


Se a opção Planificar para pasta única não estiver selecionada, o Pack and Go usa
agora caminhos de pasta curtos e relativos.
Anteriormente, todo o caminho era utilizado, o que causava problemas com o limite de
256 caracteres do Windows.
O estado das caixas de seleção no Pack and Go agora também é mantido. Anteriormente,
todas as caixas de seleção eram desmarcadas sempre que o Pack and Go era executado;
o software exigia que você as marcasse novamente,
Para acessar o Pack and Go no SOLIDWORKS, clique em Arquivo > Pack and Go.

Prevenção de alterações das opções do sistema feitas pelos


usuários
Você pode usar a Ferramenta do administrador de configurações para definir as opções
do sistema que são aplicadas ao distribuir ou atualizar o software do SOLIDWORKS e
para impedir que os usuários alterem tais opções. Essa ferramenta substitui o assistente
Configurações de cópia para as configurações de distribuição, embora o assistente ainda
esteja disponível para copiar as configurações.
Você pode começar com:
• O conjunto predefinido de opções para a versão do SOLIDWORKS.
• Opções aplicadas anteriormente no computador.
• Opções especificadas em um arquivo .sldreg ou .sldSettings que já existe.
Duas colunas de caixas de seleção permitem que você selecione qual dessas opções
deseja aplicar, e quais das opções aplicadas bloquear para que os usuários não possam
alterá-las.
Quando os usuários acessam a caixa de diálogo Opções do sistema, as opções bloqueadas
aparecem indisponíveis, com um ícone de bloqueio . No entanto, você pode criar uma

33
Administração

senha que permite que os usuários desbloqueiem as opções. Quando os usuários passam
o mouse sobre uma opção bloqueada, uma dica de ferramenta mostra seu nome e e-mail,
assim eles podem entrar em contato e solicitar a senha.
Você seleciona se as opções de sistema se aplicam somente à primeira vez que um usuário
inicia o software ou sempre que o SOLIDWORKS for iniciado, e se personalizações se
aplicam ao mesmo tempo. Você também seleciona se as opções permanecem bloqueadas
quando os usuários não podem acessar o local da rede com o arquivo .sldSettings no
qual as definições de bloqueio estão armazenadas.
A Ferramenta do administrador de configurações é instalada com uma imagem
administrativa do SOLIDWORKS. Você pode executar a ferramenta no local onde a imagem
foi armazenada.
A Ferramenta do administrador de configurações é armazenada no seguinte local padrão:
C:\SolidWorks Admin\SOLIDWORKS <versão>\64bit\SOLIDWORKS\Program Files 64\
SOLIDWORKS\sldSettingsAdmin.exe.

Relatório de confiabilidade e verificação de inicialização no


SOLIDWORKS Rx
O SOLIDWORKS Rx fornece mais dados sobre eventos, fazendo com que o SOLIDWORKS
seja encerrado na sua máquina. Essas informações podem ajudar você ou sua revenda
a diagnosticar a causa principal de qualquer problema de confiabilidade persistente.
A guia Diagnóstico exibe quanto tempo se passou desde a última reinicialização e há
uma reinicialização pendente.
A guia Confiabilidade inclui um gráfico que lista as sessões que foram concluídas nos
últimos 60 dias. O gráfico indica se uma sessão terminou normalmente ou por conta de
um travamento. Para eventos de travamento, a pilha de chamada é exibida, juntamente
com uma contagem de quantas vezes a respectiva pilha de chamada foi mostrada nos
últimos 60 dias. A guia Confiabilidade também mostra os eventos do Windows que
ocorreram durante os cinco minutos antes de cada travamento, incluindo eventos de
encerramento de sessão e de instalação.
Quando você gera um arquivo zip do SOLIDWORKS Rx, as informações da guia
Confiabilidade são automaticamente incluídas no arquivo zip, para que você possa
compartilhar essas informações com sua revenda.
Para acessar as guias no SOLIDWORKS Rx, no menu Iniciar do Windows, clique em
Todos os Programas > SOLIDWORKS versão > Ferramentas do SOLIDWORKS >
SOLIDWORKS Rx.

Reparo de arquivos corrompidos


O SOLIDWORKS oferece uma opção para reparar arquivos corrompidos. A função de
reparação automática tenta identificar quais segmentos dos arquivos corrompidos estão
danificados e os remove, se possível.
Quando você encontra um arquivo corrompido, uma caixa de diálogo pergunta se você
deseja reparar o arquivo. Se a resposta for Sim, o software copia automaticamente o
arquivo corrompido e tenta reparar o arquivo copiado em vez de trabalhar no arquivo
original. Se o arquivo copiado abrir, o software notifica que o reparo foi bem-sucedido e
relata que segmento do arquivo danificado foi removido e o impacto que o segmento tem
sobre o arquivo. Se o resultado é aceitável, você pode salvar o arquivo reparado.

34
Administração

Montagens ou desenhos com referência a peças danificadas poderão ser abertos sem os
arquivos das peças. Para reparar esses arquivos, você precisa abrir as peças em sua
própria janela. A montagem ou o desenho original não são alterados pelo processo de
reparo. Após o reparo, você pode substituir os arquivos originais danificados pelos
reparados.
Se ocorrer uma falha ao abrir um arquivo ou o resultado não for aceitável, você deve
recuperar um backup recente do arquivo. Se não houver um backup disponível ou se o
problema com o arquivo danificado se repetir, consulte seu representante de suporte
local para obter assistência.

Execução de estudos de simulação selecionados no Task


Scheduler
Na tarefa Atualizar simulação, você pode especificar os estudos de simulação
selecionados para executar para um arquivo ou tipo de arquivo. Antes, era necessário
executar todos os estudos para um arquivo ou tipo de arquivo.
Para acessar os estudos de simulação no Task Scheduler, no menu Iniciar do Windows.
clique em Todos os Programas > SOLIDWORKS versão > Ferramentas do
SOLIDWORKS > SOLIDWORKS Task Scheduler > Atualizar simulação.

35
6
Montagens

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Melhorias de desempenho da montagem


• Busca automática ao inserir componentes
• Desativação de visualizações de componentes ocultos
• Recurso de layout
• Suporte para posicionamentos de caminho
• Agrupamento de componentes
• Menu de atalho para as configurações melhorado
• Carregamento de documentos apenas na memória
• Melhorias do controlador de posicionamento
• Posicionamentos
• Opções para melhorar o desempenho no modo de montagem grande
• Preservação das referências de desenho
• Pesquisa de documentos referidos externamente
• Classificação dos componentes pelo tempo de abertura
• Melhorias do SpeedPak
• Melhorias do Treehouse

Melhorias de desempenho da montagem


O desempenho da montagem para quando você arrasta componentes, reconstrói recursos
da montagem e exibe componentes ocultos foi melhorado.
• Arrastar componentes. Em montagens que contêm centenas ou milhares de
posicionamentos, o desempenho quando você arrasta componentes é mais rápido e
estável. Além disso, o desempenho ao arrastar componentes em uma montagem que
contém um recurso Centro de massa foi melhorado. Depois de arrastar componentes,
é necessário atualizar o Centro de massa. Clique em Reconstruir (barra de
ferramentas Padrão) ou em Editar > Reconstruir.
• Reconstruir recursos de montagem. O desempenho durante a reconstrução de recursos
de montagem foi melhorado.
• Exibir componentes ocultos. Em montagens grandes, quando você usa a opção Exibir
componentes ocultos para alternar a visualização de componentes exibidos e ocultos,
o tempo necessário para concluir o processo é reduzido.

Busca automática ao inserir componentes


Quando você cria uma nova montagem ou abre o PropertyManager Inserir componentes
e nenhum componente está disponível em Documentos abertos, a caixa de diálogo

36
Montagens

Abrir é exibida automaticamente, o que permite que você pesquise os componentes para
inserir.
Antes, você tinha de clicar em Buscar para abrir a caixa de diálogo.
Para desativar esse comportamento para Iniciar montagem no PropertyManager,
desmarque a opção Navegação automática ao criar uma nova montagem no
PropertyManager.

Desativação de visualizações de componentes ocultos


É possível desativar a funcionalidade que faz com que visualizações apareçam quando
você seleciona os componentes ocultos na Árvore de projeto do FeatureManager.
As visualizações podem causar problemas de desempenho em montagens grandes,
principalmente ao visualizar componentes complexos.
Para desativar o comportamento de visualização, clique em Ferramentas > Opções >
Opções do sistema > FeatureManager e marque ou desmarque Ativar visualização
de componentes ocultos.

Recurso de layout
Você pode usar ferramentas e fluxos de trabalho especiais ao trabalhar com modelos
muito grandes como layouts de plantas.
Você pode definir pontos de conexão e uma face de chão em modelos de peças ou
montagens e publicar os modelos como um ativo. Quando você insere um ativo em uma
montagem, os posicionamentos magnéticos fazem o snap do ativo na posição com relação
aos outros ativos.
Você pode criar uma configuração SpeedPak de um ativo diretamente no PropertyManager
do Editor de ativos. Usar as configurações SpeedPak pode melhorar significativamente o
desempenho, especialmente com montagens muito grandes. Entretanto, você não pode
usar entidades de um SpeedPak existente ao criar um ativo.

Publicação de um ativo
Você pode publicar um modelo como um ativo. Você pode definir pontos de conexão que
permitem que o ativo se encaixe na posição relativa a outros ativos em uma montagem.
Como opção, você pode definir um plano do chão e criar uma configuração SpeedPak.
Para publicar um ativo:

1. Em uma peça ou montagem, clique em Ferramentas > Editor de ativos.


2. (opcional) No PropertyManager do Editor de ativos, em Plano do chão, defina o
seguinte:

Opção Descrição

Plano do chão Define qual face do modelo deve ser anexada ao plano do
terra quando você insere o ativo em uma montagem.
Selecione uma face do modelo.

Distância do plano do (opcional) Define a distância de offset que separará a face


chão selecionada do modelo do plano do terra. Inserir um valor.

37
Montagens

Opção Descrição

Inverter direção (opcional) Controla o alinhamento da face do chão em


relação ao plano do chão. Clique em Inverter direção
ou na alça na área de gráficos.

3. Em Pontos de conexão, defina o seguinte:

Opção Descrição

Nome de referência Define o nome do ponto de conexão que você está criando.
da conexão Insira um nome ou use o valor predefinido.

Ponto de conexão Define um ponto para fazer o snap para outros ativos em
uma montagem. Com base na sua seleção, o ponto é
posicionado da seguinte maneira:

Seleção Posição do ponto

Vértice No vértice

Aresta linear No ponto médio

Aresta circular No ponto central

Direção da conexão Define a direção na qual fazer o snap quando você arrasta
o ativo para perto de outro ponto de conexão do ativo em
uma montagem. Selecione uma face.

4. Clique em Adicionar conector.


O ponto de conexão e a direção são indicados no modelo.
5. Repita as etapas 3 e 4 para adicionar mais pontos de conexão.
6. (opcional) Em Opção, selecione Criar SpeedPak.
Uma configuração SpeedPak é criada como filha da configuração original. Nenhum
componente aparece na árvore de projeto do FeatureManager. Na área de gráficos,
ao mover o cursor do mouse sobre o ativo, somente os pontos de conexão, suas faces
de direção e a face do chão ficarão visíveis na região ao redor do cursor.

7. Clique em .

Definição de plano do chão


Você pode definir um plano do chão em uma montagem. Quando você insere um ativo
publicado na montagem, a face do chão do ativo faz o snap no plano do chão da
montagem.

38
Montagens

Para definir um plano do chão:

1. Em uma montagem, clique em Inserir > Geometria de referência > Plano do


chão.
2. No PropertyManager, em Plano do chão, selecione uma face na montagem.

3. (opcional) Clique em Inverter direção ou na alça na área de gráficos.

4. Clique em .
O Plano de chão aparece na Árvore de projeto do FeatureManager. Quando você
insere um ativo, a face do chão do ativo faz o snap no plano do chão da montagem.

Uso de posicionamentos magnéticos


Nesse exercício, você publica dois modelos como ativos ao definir os respectivos planos
de chão e adicionar pontos de conexão aos posicionamentos magnéticos. Em seguida,
em uma montagem, você cria um plano de chão e insere os ativos na montagem. Por
fim, você usa os posicionamentos magnéticos para conectar os ativos.

Publicação do primeiro ativo


Nessa etapa, você usa uma faixa reta para definir o plano do chão e adicionar pontos de
conexão aos posicionamentos magnéticos.
Para publicar o primeiro ativo:

1. Abra a letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\


SOLIDWORKS 2017\whatsnew\assemblies\straight_track.SLDPRT.

2. Clique em Ferramentas > Publicador de ativo .


3. Na área de gráficos, selecione a face mostrada para Plano do chão.

4. Selecione a aresta mostrada para Ponto de conexão em Pontos de conexão.

Ao selecionar uma aresta linear, o ponto médio é escolhido.


5. Selecione a face mostrada para Direção da conexão.

39
Montagens

Você pode melhorar o fluxo de trabalho ao clicar com o botão direito do mouse na
área de gráficos.

6. Clique com o botão direito do mouse para adicionar o conector para Pontos de
conexão ou clique em Adicionar conector.

7. Gire a peça e selecione a aresta mostrada para Ponto de conexão.

8. Selecione a face mostrada para Direção da conexão.

9. Clique em Adicionar conector.

40
Montagens

10. Clique em .
A árvore de projetos do FeatureManager é atualizada para incluir as Referências
publicadas que contêm o Plano do chão, Conector1 e Conector2.

Publicação do segundo ativo


Nessa etapa, você usa uma faixa curva para definir o plano do chão e adicionar pontos
de conexão aos posicionamentos magnéticos. Além disso, ela permite selecionar uma
configuração diferente.
Para publicar o segundo ativo:

1. Abra a letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\


SOLIDWORKS 2017\whatsnew\assemblies\turn.SLDPRT.

2. Clique em Ferramentas > Publicador de ativo .


3. Na área de gráficos, selecione a face mostrada para Plano do chão.

4. Selecione a aresta mostrada para Ponto de conexão em Pontos de conexão.

5. Selecione a face mostrada para Direção da conexão.

41
Montagens

6. Clique com o botão direito do mouse para adicionar o conector aos Pontos de
conexão.

7. Gire a peça e selecione a aresta mostrada para Ponto de conexão.

8. Selecione a face mostrada para Direção da conexão.

9. Clique em Adicionar conector.

42
Montagens

10. Clique em .
A árvore de projetos do FeatureManager é atualizada para incluir as Referências
publicadas que contêm o Plano do chão, Conector1 e Conector2.

Criação de plano do chão


Nessa etapa, você usa uma montagem que será o chão das faixas e define a respectiva
face superior como plano do chão.
Para criar um plano do chão:

1. Abra a letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\


SOLIDWORKS 2017\whatsnew\assemblies\playground.SLDASM.

2. Clique em Inserir > Geometria de referência > Plano do chão .


3. Na área de gráficos, clique na face superior para o Plano do chão.

4. Clique em .
A Árvore de projeto do FeatureManager é atualizada para incluir o Plano do chão.

Inserção de ativos na montagem


Nessa etapa, você insere as faixas na montagem do chão e seleciona uma configuração
alternativa.
Para inserir os ativos na montagem:

1. Clique em Inserir componentes (barra de ferramentas Montagem) ou em Inserir


> Componente > Peça/montagem existente.
2. No PropertyManager, em Abrir documentos, selecione straight_track e arraste o
ponteiro do mouse com a faixa anexada até a área de gráficos, conforme mostrado.

43
Montagens

3. Clique no chão para posicionar a faixa.


A faixa se posiciona no chão, pois os posicionamentos de chão estão incluídos.
4. No PropertyManager:
a) Em Abrir documentos, selecione curva.
b) Em Configuração, selecione 0 (curva em U).
c) Arraste o ponteiro do mouse com a faixa anexada até a área de gráficos, conforme
mostrado, mas solte.

5. Arraste a faixa curva em direção à faixa reta e observe a linha de snap do


posicionamento magnético que aparece à medida que você arrasta a faixa curva para
mais perto da faixa reta.

44
Montagens

Se você soltar a faixa curva quando a linha do snap for exibida, as faixas entrarão
no posicionamento.
6. Clique para soltar a faixa curva, assim ela fará o snap com a faixa reta.

Elementos de brinquedo do posicionamento magnético


Use esse conjunto de componentes do trem de brinquedo para fazer experiências com
posicionamentos magnéticos.
Além das faixas retas e curvas que podem ser usadas no exemplo de posicionamentos
magnéticos, há outras peças e montagens que você pode usar para experimentar a
funcionalidade de posicionamentos magnéticos. Esses componentes estão localizados na
letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\SOLIDWORKS 2017\
whatsnew\assemblies\.

Component Descrição Nome do arquivo

Faixa reta straight_track.SLDPRT


Configurações: 50, 100,
150, 200, 250, 300

45
Montagens

Component Descrição Nome do arquivo

Faixa curva turn.SLDPRT


Configurações: 90º, 120º,
curva em U

Estação station.SLDPRT

Ponte bridge.SLDPRT

Faixa cruzada cross.SLDPRT

Playground playground.SLDASM

Layout da ponte bridgelayout.SLDASM

Suporte para posicionamentos de caminho


O tipo de posicionamento Posicionamento de caminho (Distância ao longo do caminho,
Porcentagem ao longo do caminho) agora tem suporte.
O Controlador de posicionamento não suporta posicionamentos de caminho, de largura,
ou de ranhura criados com a restrição Livre.

46
Montagens

Agrupamento de componentes
Na Árvore de projeto do FeatureManager, você pode agrupar automaticamente os mesmos
componentes com a mesma configuração em uma estrutura de pastas.
O agrupamento pode diminuir muito o comprimento da Árvore de projeto do
FeatureManager e facilitar a busca por componentes, especialmente em montagens
grandes.
Na Árvore de projeto do FeatureManager, clique com o botão direito do mouse na
montagem de nível superior e clique em Exibição em árvore > Instâncias de
componente de grupo.

47
Montagens

Componentes desagrupados Componentes agrupados

Menu de atalho para as configurações melhorado


No ConfigurationManager, quando você clica com o botão direito do mouse no nó superior
de uma peça ou montagem, o menu de atalho lista somente as ferramentas mais usadas.
As ferramentas desnecessárias foram removidas.
As seguintes ferramentas são exibidas:
• Adicionar configuração…
• Configuration Publisher
• Eliminar recursos não utilizados
• Comment
• Exibição em árvore
• Ordem da árvore
• Recolher itens
• Personalizar menu

Carregamento de documentos apenas na memória


Você pode carregar documentos referidos apenas na memória em vez de abri-los em
janelas separadas.
A opção, Carregar documentos apenas na memória, permite manter as referências
atualizadas sem abrir janelas para os documentos que não precisa ver. Essa opção é útil
para quando você abrir uma montagem que contém muitas peças de componentes que
têm referências externas.
Clique em Ferramentas > Opções > Opções do sistema > Referências externas e
selecione Carregar documentos apenas na memória.

Melhorias do controlador de posicionamento

Criação de configurações a partir de posições


É possível criar uma configuração a partir de uma posição usando o Controlador de
posicionamento.
Este exemplo usa um posicionamento de caminho como tipo de posicionamento.
Para criar as configurações a partir de posições no Controlador de
posicionamento:

1. Abra a letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\


SOLIDWORKS 2017\whatsnew\assemblies\mate_controller\
path_mate_config.sldasm.

2. Clique em Controlador de posicionamento (barra de ferramentas Montagem)


ou Inserir > Controlador de posicionamento.
3. No PropertyManager, em Posicionamentos, clique em Coletar todos os
posicionamentos suportados .

48
Montagens

4. Deixe a Posição 1 em 0,00 mm e clique em Adicionar configuração .

Adicionar configuração adiciona automaticamente o modelo para o


ConfigurationManager, sem precisar adicionar mais informações.
5. Adicione a Posição 2 ao fazer o seguinte:
a) No Posicionamentodecaminho1, digite 70,00mm.
b) Em Posições de posicionamento, clique em Adicionar posição e clique em
OK.
c) Clique em Adicionar configuração .

6. Adicione a Posição 3 ao fazer o seguinte:


a) No Posicionamentodecaminho1, digite 140,00mm.
b) Em Posições de posicionamento, clique em Adicionar posição e clique em
OK.
c) Clique em Adicionar configuração .

49
Montagens

7. Ajuste a Posição 2 inserindo 80,00mm e clique em Adicionar configuração .


8. Na caixa de diálogo Notificação do controlador de posicionamento, clique em Atualizar.
As atualizações propagam-se automaticamente no ConfigurationManager.

9. Clique em .

Posicionamentos

Melhor colocação do componente durante o


posicionamento
Ao adicionar posicionamentos concêntricos ou coincidentes aos componentes que têm
todos os graus de liberdade sem restrições, os componentes são colocados em posições
mais lógicas na tela e em relação aos outros componentes.
Nas versões anteriores, o posicionamento concêntrico ou coincidente era adicionado
corretamente, mas, frequentemente, um componente era colocado fora da tela ou ficava
oculto atrás ou dentro de outros componentes. Assim sendo, para continuar seu trabalho,
era necessário aumentar e diminuir o zoom, girar a vista ou ocultar outros componentes.
No SOLIDWORKS 2017, para melhorar a colocação de componentes que estão sendo
posicionados, o software de posicionamento leva em conta onde você clica em cada um
dos componentes a serem posicionados. Os componentes são posicionados de forma que
as regiões clicadas fiquem próximas umas das outras. O software também evita ou
minimiza a interferência em outros componentes.

Posicionamentos de distância para componentes


cilíndricos
Quando você adiciona um posicionamento de distância entre duas faces cilíndricas, existem
quatro opções disponíveis para a colocação da distância.
As novas opções também estão disponíveis quando você adiciona um posicionamento de
distância entre uma face cilíndrica e um eixo, uma aresta, uma linha, um vértice ou um
ponto.
Inicialmente, a opção padrão é Centro a centro. Depois, o software se lembra da última
opção usada em cada sessão.
Antes, a distância especificada era aplicada a distância mínima entre os cilindros e não
havia outras opções disponíveis.
As opções de colocação da distância são as seguintes:

Centro a centro Aplica a distância entre os eixos do cilindro.

50
Montagens

Distância Aplica a distância na qual os cilindros ficam mais próximos


mínima um do outro.

Distância Aplica a distância na qual os cilindros ficam mais longe um


máxima do outro. Essa opção não está disponível se a distância for
inferior à soma dos raios de ambos cilindros.

Distância Aplica a distância para a combinação de condições


personalizada selecionadas por você. Especifique uma condição para cada
cilindro:
• Mista longa
• Mín.
• Máx.
Por exemplo, você pode selecionar Centro para o cilindro
à esquerda e Mín. para o cilindro à direita.

O limite inferior da distância aplicada é calculado com base


nas opções selecionadas.

Máx e Centro A distância aplicada tem um limite


inferior que é igual ao raio do cilindro
que está com Máx selecionado.

Máx e Mín A distância aplicada tem um limite


inferior que é igual a um dos
seguintes raios:
• Raio Máx menos o raio Mín se o
raio Máx for maior que o raio Mín
• Raio Mín

Dimensões de posicionamento acionadas


Você pode definir dimensões de posicionamento como acionadas, de modo que o valor
seja influenciado por outros componentes móveis na montagem.

51
Montagens

Por padrão, as dimensões de posicionamento são dimensões acionadoras. Para os seguintes


tipos de posicionamento, é possível alterar as dimensões para acionadas:
• Distância e limite de distância
• Ângulo e limite do ângulo
• Largura (opções de distância e porcentagem)
• Ranhura (opções de distância e porcentagem)
• Caminho (opções de distância e porcentagem)
Para usar dimensões de posicionamento acionadas:

Siga um destes procedimentos:


• Na área de gráficos, clique com o botão direito do mouse na dimensão de
posicionamento e clique em Acionada.
• Na Árvore de projeto do FeatureManager, na pasta Posicionamentos, clique com
o botão direito do mouse no posicionamento e selecione Acionada.
• Na área de gráficos, selecione a dimensão de posicionamento. Em seguida, no
PropertyManager, na guia Outros, selecione Acionada.
Você pode alterar a dimensão de posicionamento novamente para acionadora,
repetindo um dos métodos citados acima e desmarcando a opção Acionada.

Posicionamentos sobredefinidos
Para facilitar a utilização, a caixa de diálogo para posicionamentos sobredefinidos foi
reprojetada.
As opções na caixa de diálogo são mais bem definidas para que você saiba exatamente
como o posicionamento se comportará:
• Adicione este posicionamento e quebre outros posicionamentos para
satisfazê-lo
• Adicione este posicionamento e sobredefina a montagem
Se você pressionar ESC, o posicionamento não será criado.

Opções para melhorar o desempenho no modo de


montagem grande
Quando estiver trabalhando em grandes montagens, você pode selecionar opções do
sistema que reduzem o número de reconstruções e outras operações demoradas.

Suspender reconstrução automática


Você pode controlar a opção existente, Suspender reconstrução automática, para o
Modo de grande montagem (LAM).
Para suspender reconstruções automáticas para LAM:
1. Clique em Ferramentas > Opções > Opções do sistema > Montagens.
2. Na seção Quando o Modo de grande montagem estiver ativo, selecione Suspender
reconstrução automática.

52
Montagens

Ativar a verificação ao reconstruir


Você pode controlar a opção existente, Desativar verificação ao reconstruir, para
LAM.
Para desativar a verificação ao reconstruir para LAM:
1. Clique em Ferramentas > Opções > Opções do sistema > Montagens.
2. Na seção Quando o Modo de grande montagem estiver ativo, selecione Desativar
verificação ao reconstruir.

Tempo máximo para atualizar o centro da massa e equações


Em uma montagem ativa, as operações para o centro da massa e equações vinculadas
às propriedades de massa são atualizadas somente quando levam 0,5 segundos ou menos.
Se a atualização levar mais do que 0,5 segundos, o centro da massa e as equações são
marcadas com e não são atualizadas até que você inicie uma reconstrução
manualmente.

Preservação das referências de desenho


As referências de desenho (como dimensões, notas e anotações) são mantidas quando
você substitui uma submontagem por uma peça multicorpos criada a partir da
submontagem.

Pesquisa de documentos referidos externamente


Ao abrir documentos de montagem ou desenhos, novas opções de pesquisa fornecem
mais controle sobre onde o software procura por documentos referidos faltantes.
As opções também ajudam a reduzir o tempo de abertura ao diminuir o número de pastas
a serem pesquisadas.
Para pesquisar documentos referidos externamente:

1. Clique em Ferramentas > Opções > Referências externas.


2. Em Search external references in, marque ou desmarque as opções.

53
Montagens

Opção Descrição

Documentos referidos Procura por documentos referidos faltantes nas pastas


especificados nos Documentos referidos especificadas em Opções do
Locais de arquivos sistema > Locais de arquivos.
Caso contrário, a rotina de pesquisa recursiva padrão é
usada.

Incluir Pesquisa nas subpastas das


pastas Documentos
referidos.

Excluir pastas ativas e Impede que o software


locais recentes de pesquise em pastas abertas
gravação e pastas onde você salvou
itens recentemente.

Ir para documentos Abre a seção Locais de arquivos da caixa de diálogo


referidos Opções.

Classificação dos componentes pelo tempo de abertura


Uma propriedade armazena o tempo usado para abrir cada um dos componentes de uma
montagem da última vez que a montagem foi aberta. Você pode acessar a propriedade,
SW-Tempo de abertura, na Visualização da montagem.
A propriedade mostra quais componentes levam mais tempo para serem abertos. Assim,
você pode simplificar ou remover esses componentes para diminuir o tempo necessário
para abrir a montagem.
Para classificar os componentes pelo tempo de abertura:

1. Em uma montagem, clique em Visualização de montagem (barra de ferramentas


Ferramentas) ou em Ferramentas > Avaliar > Visualização de montagem.

2. Na guia Visualização de montagem , clique na seta à direita de um cabeçalho de


coluna.
3. Na lista flyout, clique em Mais.
4. Na caixa de diálogo Coluna personalizada, em Propriedades, selecione SW-Tempo
de abertura.
5. Clique em OK.
O SW-Tempo de abertura se torna o cabeçalho da coluna e o tempo de abertura
de cada componente aparece.
6. Clique no cabeçalho da coluna para classificar os componentes por tempo de abertura.
Clique novamente para inverter a ordem de classificação.

54
Montagens

Melhorias do SpeedPak
Você pode incluir geometria de referência e curvas em um SpeedPak. Você pode selecionar
esboços em qualquer nível da montagem para incluir em um SpeedPak.
Antes, todos os esboços não absorvidos de nível superior eram incluídos no SpeedPak.
Era necessário suprimir os esboços de nível superior que você desejava excluir e não era
possível selecionar esboços de submontagens.
Para incluir geometria de referência e esboços em um SpeedPak:

1. Abra a letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\


SOLIDWORKS 2017\whatsnew\assemblies\speedpak\gearbox.sldasm.

2. Na guia do ConfigurationManager, clique com o botão direito do mouse em uma


configuração Padrão e clique em Adicionar SpeedPak.

3. Na área de gráficos, selecione as quatro faces mostrada para Faces a incluir .

55
Montagens

Três das faces estão no componente EIXO - UNIDADE.


4. No PropertyManager, em Incluir, clique em Geometrias de referência, esboços
e curvas a incluir .
5. Na área de gráficos, selecione o Eixo de rotação, o texto Apenas lubrificar e o
esboço Seta de lubrificação mostrado.

6. No PropertyManager, em Opções, selecione Remover gráficos fantasmas.

7. Clique em .
Os esboços e eixos são incluídos no SpeedPak.

56
Montagens

Melhorias do Treehouse

Inclusão de desenhos ao importar estruturas


Quando você importa uma estrutura para o Treehouse, você também pode importar
qualquer arquivo de desenho associado.
Para incluir desenhos ao importar estruturas:

1. No Treehouse, clique em Opções do Treehouse.


2. Na caixa de diálogo:
a) Em Opções de importação, selecione Importar desenhos com modelos.
b) Em Pesquisa locais de pasta, clique em Adicionar, navegue até a pasta e clique
em OK.
c) Clique em OK.
Na próxima vez que você importar uma estrutura do Treehouse que contenha um
desenho, o nó do desenho é incluído na estrutura.

Abertura de estruturas no Microsoft Excel


Você pode abrir estruturas do Treehouse no Microsoft Excel. Isso lhe ajuda a usar uma
planilha para capturar as peças e montagens que compõem um modelo.
Para abrir estruturas no Microsoft Excel:

1. Abra uma estrutura no Treehouse.

2. Clique em Abrir no Excel .


3. Na caixa de diálogo, selecione uma opção:

57
• Abrir estrutura. Abre toda a estrutura do Treehouse no Microsoft Excel. As peças
e montagens são exibidas em uma lista recuada.
• Abrir apenas as peças. Abre apenas as peças de uma estrutura do Treehouse
no Microsoft Excel.

4. Clique em OK.
O Microsoft Excel é aberto com uma planilha de toda a estrutura ou peças. As colunas
incluídas na planilha são Nome do documento, Configuração ativa e Quantidade.
Cada propriedade do arquivo é exibida em sua respectiva coluna. O valor Quantidade
para peças duplicadas é exibido para cada instância na estrutura.

Estruturas de impressão
Você pode imprimir estruturas do Treehouse em papel ou PDF.

No Treehouse, clique em Imprimir e defina as opções na caixa de diálogo. O sistema


imprime até a extensão da estrutura.

Interface do usuário
As melhorias na interface do usuário incluem:
• A interface reprojetada é consistente com a interface do usuário do SOLIDWORKS.
• Foram removidas as animações ao clicar em Exibir propriedades do documento
em um nó.
• Ícones alterados para os desenhos. Clique em para minimizar um desenho. Antes,
era necessário clicar em para minimizar a exibição de um desenho na estrutura. Essa
alteração de ícone elimina a confusão sobre o que acontece com a referência do
desenho.
• Nomes de documentos editáveis na estrutura. Clique duas vezes no nome de qualquer
documento para editar o texto. Antes, era necessário clicar em Exibir propriedades
do documento para alterar o nome de um documento.

58
7
SOLIDWORKS Composer

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• SOLIDWORKS Composer
• SOLIDWORKS Composer Player

SOLIDWORKS Composer
O software SolidWorks® Composer™ otimiza a criação de conteúdo gráfico em 2D e 3D
para comunicação e ilustrações técnicas de produto.

Recursos avançados disponíveis nas amostras integradas


do Composer
Recursos avançados estão disponíveis nas amostras integradas do Composer sem a licença
Pro Player.
Uma licença Player Pro do Composer é necessária para usar recursos avançados em
arquivos publicados do Composer. No entanto, se você estiver usando uma amostra
integrada do Composer, recursos avançados agora estarão disponíveis mesmo sem a
licença Player Pro. Ao abrir um arquivo HTML do Composer em uma licença Player Pro,
uma mensagem será exibida para informá-lo. Consulte About the HTML Output na ajuda
do Composer.

Aprimoramento dos movimentos de translação e escala


Os movimentos de translação e escala da oficina Animation Library foram aprimorados
para fornecer suporte ao espelhamento de animações.
Consulte Animation Library Workshop na ajuda do Composer.

Espelhar animação
Você agora pode espelhar as animações.
Tecnicamente, isso reproduz em ordem inversa as chaves dos blocos de animação
selecionados. Por exemplo, espelhar uma etapa de Parafusar cria uma etapa de
Desparafusar. Consulte Creating Pre-defined Animations e Custom Animation XML Example
na ajuda do Composer.

ProfilesLoadOnDemand
Esta nova preferência avançada permite que você especifique se os perfis de oficina
devem ser carregados sob demanda, ou todos de uma vez.

59
O carregamento de perfis sob demanda só é útil quando muitos perfis estão definidos,
ou para perfis armazenados em uma rede. Consulte Advanced Settings na ajuda do
Composer.

O carregamento de perfis sob demanda era o comportamento existente para todas as


oficinas que usam perfis, exceto para as oficinas Technical Illustration e Styles (nas
quais todos os perfis eram carregados quando selecionados na lista de perfis). Essa
nova preferência torna o carregamento de perfis homogêneo em todas as oficinas.

Classificar perfis por ordem alfabética ou por categoria


Duas novas opções estão disponíveis para perfis de oficina.
Você pode especificar se os perfis devem ser classificados por ordem alfabética ou por
categoria de local, ou seja, perfis de caminhos padrão, perfis de caminhos definidos pelo
usuário ou outros perfis de caminhos do Composer (como locais de rede). Consulte About
Profiles for Workshop Settings na ajuda do Composer.

SOLIDWORKS Composer Player

Recursos avançados disponíveis nas amostras integradas


do Composer
Recursos avançados estão disponíveis nas amostras integradas do Composer sem a licença
Pro Player.
Uma licença Player Pro do Composer é necessária para usar recursos avançados em
arquivos publicados do Composer. No entanto, se você estiver usando uma amostra
integrada do Composer, recursos avançados agora estarão disponíveis mesmo sem a
licença Player Pro. Ao abrir um arquivo HTML do Composer em uma licença Player Pro,
uma mensagem será exibida para informá-lo. Consulte About the HTML Output na ajuda
do Composer.

60
8
SOLIDWORKS Costing
O SOLIDWORKS Costing está disponível no SOLIDWORKS Professional e no SOLIDWORKS
Premium. O Costing para montagens está disponível somente no SOLIDWORKS Premium.

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Visualização de alojamento de caixa delimitadora da última folha


• Reconhecimento de recursos para operações
• Integração de template do MySOLIDWORKS Costing
• Costing baseado em regras para peças
• Costing da submontagem
• Melhorias do template
• Suporte com base no tempo para o Costing

Visualização de alojamento de caixa delimitadora da última


folha
Você pode ver o layout de alojamento da caixa delimitadora na última folha quando você
tem várias folhas no lote, e pode alternar entre a primeira e a última página. Você também
pode redimensionar e aplicar escala à Visualização de alojamento de caixa delimitadora
mantendo a taxa de proporção original.
Para alternar entre a primeira e a última página quando você tem várias folhas, em

Visualização de alojamento de caixa delimitadora , clique em Primeira página ou


Última página.

Reconhecimento de recursos para operações


O desempenho de reconhecimento de recursos para lidar com casos especiais de geometria
foi aprimorado. Novas ferramentas e melhorias no fluxo de trabalho foram introduzidas
para simplificar e acelerar o processo de Costing.
Foram adicionadas estas novas ferramentas:
• Operação de divisão. Para dividir um furo coaxial, clique com o botão direito do
mouse na entidade no CostingManager e clique em Operação de divisão.
• Operações Combinar. Para juntar novamente os furos divididos, clique com o botão
direito do mouse nos furos resultantes gerados na Operação de divisão no
CostingManager e clique em Operações Combinar.
• Recursos de torneamento. Você pode converter uma operação de Torneamento de ID
em um furo e atribuir operações de rosqueamento automaticamente se existirem
informações no template. Nenhuma operação Converter é necessária.

61
SOLIDWORKS Costing

• Operação de face. Você pode converter uma operação de fresagem de face em uma
operação de corte final para os corpos brutos de blocos, cilindros e placas ao clicar com
o botão direito do mouse sobre a entidade e clicar na opção.
• Operação de perfuração. Você pode clicar com o botão direito do mouse em um Furo
simples para adicionar uma operação de perfuração e, em seguida, selecionar uma
ferramenta.
A opção de seleção múltipla é fornecida no CostingManager para os seguintes recursos
e operações no modo de corpo único:
• Recursos de furo. Converter em bolsos circulares, dividir cadeias de furos e Move-To.
• Operações de furação. Selecione ferramentas para perfuração, rebaixamento,
escareamento, operações de rosqueamento e outras operações de furação.
• Recursos de fresagem. Converter em recursos de furos ou de volume e Move-To.
• Operações de fresagem. Selecione ferramentas para operações de fresagem, operações
adicionais e para remover operações adicionais.
• Recursos de volume. Ferramentas de alteração de máquinas, processamento, conversão
em fresagem, perfuração ou torneamento e Move-To.
• Operações de volume. Selecione ferramentas de perfuração, fresagem ou torneamento.
• Recursos de faces. Converter faces em recursos de corte final e Move-To.
• Operações de face. Selecione uma ferramenta comum para operações de face.
• Recursos de corte final. Aplicar execução sem custo, Aplicar substituição de custo,
Editar substituição de custo e Remover substituição de custo. Converter os recursos
de corte final em recursos de face e Move-To.
• Recursos de caminho de corte de usinagem. Aplicar execução sem custo, Aplicar
substituição de custo, Editar substituição de custo e Remover substituição de custo.
Selecione os recursos de caminho de corte e aplique uma máquina de corte.
• Recursos de dobra de chapa metálica. Selecione uma aresta e dobra de bainha e aplique
um recurso de corte.
• Recursos de torneamento. Selecione os recursos de torneamento e aplique uma
máquina, selecione os recursos torneamento de ID e aplique uma ferramenta de
perfuração, Move-To.
Você pode adicionar um corpo bruto nas direções X, Y e Z dos tipos de corpo bruto de
Placa similares ao tipo de corpo bruto do Bloco.
Você pode aplicar configurações de peça a uma montagem no CostingManager em vez
de modificá-las no Painel de tarefas Costing.

Melhorias na caixa de diálogo Andamento da estimativa


de custo
Você pode ver a caixa de diálogo Andamento da estimativa de custo ao executar o Costing
de usinagem e peças de chapa metálica. Você pode clicar no botão Ignorar esta peça
na caixa de diálogo Andamento enquanto executa o Costing das montagens.
• Caixa de diálogo Andamento da estimativa de custo e botão Cancelar. A caixa de
diálogo Andamento da estimativa de custo está disponível para peças de corpo único.
Quando o custo de uma peça de corpo único é calculado, você pode ver a caixa de
diálogo Andamento da estimativa de custo, que inclui uma barra de andamento e
um botão Cancelar. Você pode usar o botão Cancelar para interromper o processo
do Costing para uma única operação ou várias operações. Quando você cancela um
processo:

62
SOLIDWORKS Costing

• O Painel de tarefas e CostingManager permanecem ativos.


• Você pode voltar à operação do Costing cancelada em uma fase posterior.
• O processo de cancelamento para peças de corpo único, peças de multicorpos e
montagens é mais rápido.
• Ignorar esta peça. Este botão está localizado na caixa de diálogo Andamento da
estimativa de custo durante a execução do Costing das montagens. Você pode usá-lo
para ignorar o processo do Costing para componentes que levam muito tempo e seguir
para o próximo componente na fila. Os componentes ignorados permanecem sem valor
de custo atribuído. Com esse botão, você pode ignorar ou cancelar de maneira
conveniente um ou mais componentes em vez de cancelar todo o processo do Costing
para a montagem.

Integração de template do MySOLIDWORKS Costing


Fabricantes na rede MySOLIDWORKS podem carregar seus templates de chapa metálica
de modo que os usuários possam acessá-los no SOLIDWORKS. Usuários que desejam
estimar o custo de suas peças de chapa metálica também podem visualizar as informações
dos fabricantes e entrar em contato com eles.
O painel de tarefas Costing para chapa metálica foi modificado para incluir duas novas
opções em Template do Costing:
• Local. Exibe os templates salvos no sistema.
• MySolidWorks. Exibe os modelos dos fabricantes da rede de fabricantes MySolidWorks.

Costing com as informações do fabricante em


MySolidWorks
Para calcular o custo com as informações do fabricante em MySolidWorks:

1. Em uma peça de chapa metálica, no Painel de tarefas Costing, em Template do


Costing, clique em MySolidWorks.
2. Em Fabricante, selecione um fabricante na lista suspensa.
3. Em Template, selecione um template na lista suspensa.
4. Clique em Iniciar estimativa de custo.

Costing baseado em regras para peças


Você pode personalizar templates de usinagem e chapa metálica para refletir com mais
precisão o processo de fabricação para a criação de peças. Você pode usar regras
exclusivas de chapa metálica, regras exclusivas de usinagem ou regras comuns de chapa
metálica e de usinagem para lidar com casos especiais de geometria.
Antes, você só podia personalizar templates de usinagem para Costing baseado em regras.
Você pode usar regras adicionais para a usinagem e também personalizar templates de
chapa metálica para casos especiais de geometria.

63
SOLIDWORKS Costing

Regras comuns para chapas metálicas e peças de


usinagem
A lista de Regras visível na guia Regras comuns para templates de chapa metálica e
templates de usinagem é:

Opção Descrição

SE um material for escolhido, ENTÃO Define um custo predefinido para o material


adicione um custo escolhido.

SE um material for escolhido, ENTÃO Define um custo como uma porcentagem


adicione um custo como % do custo do custo total, de material ou de fabricação
calculado para o material selecionado.

SE um material for escolhido, ENTÃO Define um acréscimo/desconto como uma


adicione um acréscimo/desconto ao porcentagem do custo total ou de material
custo de material/total para o material selecionado.

SE um material for escolhido, ENTÃO Define uma operação personalizada para o


adicione uma operação personalizada material selecionado.

SE o peso do modelo for um Define um custo se o peso do modelo


determinado valor, ENTÃO adicione um estiver entre dois valores de peso
custo predefinidos.

SE o peso do modelo for um Define um custo como uma porcentagem


determinado valor, ENTÃO adicione um do custo total, de material ou de fabricação,
custo como % do custo calculado se o peso do modelo estiver entre dois
valores de peso predefinidos.

SE o peso do modelo for um Define um acréscimo/desconto como uma


determinado valor, ENTÃO adicione um porcentagem do custo total ou de material,
acréscimo/desconto ao custo de se o peso do modelo estiver entre dois
material/fabricação/total valores de peso predefinidos.

SE a aresta mais longa da caixa Define uma operação personalizada se a


delimitadora do bruto for de um certo aresta mais longa da caixa delimitadora de
tamanho, ENTÃO adicione uma usinagem do bruto (eixos X, Y ou Z) estiver
operação personalizada entre dois valores de comprimento
predefinidos.

SE a aresta mais longa da caixa Define um custo se a aresta mais longa da


delimitadora do bruto for de um certo caixa delimitadora do bruto (eixos X, Y ou
tamanho, ENTÃO adicione um custo Z) estiver entre dois valores de
comprimento predefinidos.

SE a aresta mais longa da caixa Define um custo como uma porcentagem


delimitadora do bruto for de um certo do custo total, de material ou de fabricação
tamanho, ENTÃO adicione um custo se a aresta mais longa da caixa delimitadora
como % do custo calculado do bruto (eixos X, Y ou Z) estiver entre dois
valores de comprimento predefinidos.

64
SOLIDWORKS Costing

Opção Descrição

SE a aresta mais longa da caixa Define um acréscimo/desconto como uma


delimitadora do bruto for de um certo porcentagem do custo total ou de material
tamanho, ENTÃO adicione um selecionado se a aresta mais longa da caixa
acréscimo/desconto ao custo de delimitadora do bruto (eixos X, Y ou Z)
material/total estiver entre dois valores de comprimento
predefinidos.

SE o peso de uma peça estiver entre os Define uma operação personalizada, se o


pesos X e Y, ENTÃO adicione uma peso de uma peça estiver entre dois valores
operação personalizada predefinidos.

Regras exclusivas para templates de usinagem


A lista de Regras exclusivas para templates de usinagem é:

Opção Descrição

SE a operação de fresagem estiver Multiplica a etapa sobre porcentagem da


selecionada ENTÃO multiplique a Etapa taxa de alimentação por um valor
sobre a porcentagem da taxa de predefinido, caso você selecione uma
alimentação (f) operação de fresagem.

Se a tolerância de furo do DimXpert Executa uma operação adicional caso a


estiver em um determinado intervalo tolerância de furo do DimXpert esteja entre
então adicione a operação adicional dois valores de tolerância predefinidos.

USE o tipo de corpo bruto de placa SE Usa o tipo de corpo bruto de placa se a
a caixa delimitadora for de determinado menor dimensão de uma caixa delimitadora
tamanho de peça for menor que um valor predefinido.

Regras exclusivas para templates de chapa metálica


A regra exclusiva para template de chapa metálica é:

Opção Descrição

SE o peso do modelo for determinado Define uma operação de configuração de


valor, ENTÃO use esta operação de dobra a partir das operações de
dobra configuração de dobra disponíveis para a
peça, se o peso dela esteja entre dois
valores predefinidos.

Costing da submontagem
Ao executar o Costing de uma montagem, você pode usar um modo de Árvore
planificada ou de Árvore aninhada. Você também pode calcular o custo de
submontagens ou aplicar o custo de compra a elas.

65
SOLIDWORKS Costing

Os dois modos do Costing são:

Árvore planificada Calcula o custo das montagens principais sem considerar o


Costing das submontagens. A opção Árvore planificada calcula
o custo das montagens de acordo com o comportamento
existente.

Árvore aninhada Calcula o custo da montagem principal e de suas submontagens


ou aplica o custo de compra às submontagens.

Com o Costing de montagem, você pode:


Aplicar custo de compra Você pode calcular o custo da montagem no modo de
Árvore aninhada e aplicar substituições de custo a
submontagens individuais usando a opção Usar custo de
compra no menu de atalho. Se você aplicar o custo de
compra a qualquer submontagem, então todos os
componentes desse subconjunto ficarão acinzentados no
CostingManager.

Aplicar alterações do Quando você altera o custo de um componente que têm


custo do componente a diversas instâncias dentro ou fora de submontagens, a
diversas instâncias em alteração do custo é aplicada a todas as instâncias da
toda a montagem. montagem.

Preferência do Costing. A seguir, temos a ordem de preferência do Costing para uma


montagem sem custos:
1. Custo de propriedades personalizadas. Se o custo de uma propriedade
personalizada for definido para uma submontagem ou componente, e a propriedade
personalizada estiver definida no template do Costing, então este custo é considerado
em vez do custo definido no template.
2. Custo calculado. Se o custo da propriedade personalizada e o custo no template não
estiverem definidos, então os custos são calculados individualmente. Se uma
submontagem já estiver salva com dados do Costing, então o custo salvo é considerado
em vez de outros tipos de custos.
Opções no CostingManager:

Opção Descrição

Usar custo do template Aplica o custo definido no template

Usar custo de compra Aplica a substituição de custo no custo


existente

Usar custo de propriedades Aplica o custo definido como uma


personalizadas Propriedade personalizada.

Usar custo calculado Aplica o custo calculado dos componentes


e submontagens

66
SOLIDWORKS Costing

Avaliação do custo de montagens no modo de Árvore


aninhada
Para avaliar o custo de submontagens em uma montagem:

1. Abra a letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\


SOLIDWORKS 2017\whatsnew\Costing\PunchingMachine\PunchingMachine.sldasm.
2. Copie o template Punch data.sldctc de \Users\Public\Public Documents\
SOLIDWORKS\SOLIDWORKS 2017\whatsnew\Costing\PunchingMachine para C:\
ProgramData\SOLIDWORKS\SOLIDWORKS 2017\lang\english\Costing templates.
3. Clique em Ferramentas > Opções > Locais de arquivos e faça o seguinte
procedimento:
a) Em Exibir pastas para, selecione Templates do Costing na lista suspensa.
b) Clique em Adicionar e insira o caminho do arquivo C:\ProgramData\SOLIDWORKS\
SOLIDWORKS 2017\lang\english\Costing templates.

4. Clique em Ferramentas > SOLIDWORKS Applications > Costing .


5. No painel de tarefas Costing, em Templates do Costing, em Template principal,
selecione o template de Punção de dados.
6. Em Lista de peças:
a) Clique em Árvore aninhada.
b) Selecione as peças para:
• Custos a serem calculados
• Custo definido

Você só pode visualizar peças e não montagens nas secções acima.

7. Para definir ou alterar um custo predefinido, selecione a peça em Custo definido e


digite o custo.
8. Em Peças do Toolbox, selecione as peças e defina uma das opções a seguir:
• Excluir. Exclui os corpos selecionados dos cálculos de custos.
• Incluir. Inclui os corpos selecionados para cálculos de custos.

9. Clique em Iniciar estimativa de custo.


10. Clique em Sim.

Ao clicar em Sim, é possível que as submontagens salvas com um custo calculado


com um método de árvore planificada mudem.

11. No CostingManager, clique com o botão direito do mouse no custo da submontagem


e clique em uma destas opções no menu de atalho:
• Usar custo do template
• Usar custo de compra

67
SOLIDWORKS Costing

• Usar custo de propriedades personalizadas


• Usar custo calculado

Você pode alterar entre as opções Usar custo do template/ Usar custo de
propriedades personalizadas, Usar custo de compra e Usar custo calculado.
Se uma propriedade personalizada for definida para uma submontagem, a opção
Usar custo do template não ficará visível no menu de atalho.

O custo da montagem é atualizado.

Melhorias do template

Template do Microsoft Excel para relatórios


Você pode personalizar o template do relatório do Excel de Costing para reorganizar a
posição de rótulos de entrada específicos no relatório. Também é possível criar vários
templates do Microsoft Word ou Excel e armazená-los em um local.
Antes, você podia personalizar somente o template do relatório do Word. Você pode
personalizar o template de relatório do Excel e também adicionar seu próprio estilo.
Você também pode:
• Selecione um template no local definido em Opções de relatório.
• Abra um template de relatório do Excel quando:
• Um template de relatório do Word estiver aberto.
• Outro template do Excel estiver aberto.
• Os templates do Word e do Excel estiverem abertos.

Compatibilidade para cotação com várias quantidades em


templates de relatório
Você pode fornecer cinco quantidades alternativas dos valores de custo no relatório do
Microsoft Excel ou Word enquanto executa o Costing de uma peça para mostrar ao cliente
como o custo por peça pode reduzir conforme as quantidades de fabricação aumentam.
Você pode escolher entre dois tipos de relatório:
• Relatório de Estimativa simples. Abrange as seguintes informações:
• Nome do modelo
• Informações de cotação
• Informações da cotação
• Tempo estimado por peça
• Custo estimado por peça
• Quantidades alternativas
• Relatório detalhado. Abrange as informações de um relatório de cotação simples e
também as seguintes:
• Distribuição do custo
• Distribuição do custo da fabricação - custos de configuração e custos de operações
de configuração (somente peças)

68
SOLIDWORKS Costing

• Operações de configuração (somente peças)


• Recursos sem custo (somente peças)
• Seções da linha de base (somente peças):
• Distribuição do custo da fabricação - custos de configuração e custos de operações
de configuração
• Operações de configuração
• Recursos sem custo

Várias instâncias do Editor de Template do Costing


Você pode abrir uma segunda instância do mesmo template no Editor de Template do
Costing no modo somente leitura.
Antes, você recebia uma mensagem de aviso se tentasse abrir outra instância do mesmo
template no Editor de Template do Costing.
Essa funcionalidade é útil para quando você modifica informações em uma guia no Editor
de Template do Costing e deseja comparar as informações.

Classificação de tabelas no Editor de Templates do Costing


Você pode classificar tabelas em ordem alfabética no Editor de Template de Costing ao
clicar nos cabeçalhos da coluna uma vez.
Antes, era necessário clicar duas vezes nos cabeçalhos da coluna para classificar
as tabelas.
Para classificar as tabelas no Editor de Templates do Costing:

1. Em uma peça usinada ou de chapa metálica, clique em Costing (barra de


ferramentas Ferramentas) ou Ferramentas > SOLIDWORKS Applications >
Costing.
2. No Painel de tarefas, em Template de Costing, clique em Iniciar Editor de
Templates.
3. No Editor de Template do Costing, clique em qualquer guia com colunas e clique no
cabeçalho de qualquer coluna.
A tabela é classificada em ordem alfabética de acordo com a coluna selecionada.

Uso das ferramentas Copiar como e Modificar nos


templates do Costing
Você pode usar as ferramentas Copiar como e Modificar em algumas guias de Operações
nos templates de chapa metálica e usinagem para copiar e reutilizar várias linhas de
informação.
Para acessar as ferramentas Copiar como e Modificar nos templates do Costing:

1. Em uma peça de chapa metálica ou usinagem, clique em Costing (barra de


ferramentas Ferramentas ou em Ferramentas > SOLIDWORKS Applications >
Costing).
2. No painel de tarefas Costing, em Template do Costing, clique em Iniciar o Editor
de Templates.

69
3. No Editor de Templates do Costing, clique em Operações:
• Para peças de chapa metálica, clique em Corte ou Dobra.
• Para peças usinadas, clique em Cortar, Fresar, Perfurar ou Tornear.
4. Selecione as linhas, clique com o botão direito do mouse nas linhas selecionadas e
clique em Copiar como ou Modificar.

Você pode gerenciar as opções nos menus de célula nas guias Operações.

Suporte com base no tempo para o Costing


Você pode alternar para um método de Costing com base no tempo no template de chapa
metálica para operações de corte. Assim, você tem mais flexibilidade para a entrada de
dados e também pode calcular o tempo usado para fabricar uma peça de chapa metálica
usando os parâmetros de entrada.

70
9
DimXpert

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Criação de dimensões básicas de tamanho


• Tolerância geral de bloco
• Seleção de várias arestas
• Uso de geometria de referência com dimensões do DimXpert
• Uso de referenciais em Esquemas de dimensão automática
• Uso de esquemas de dimensão polar para peças com tolerância geométrica

Criação de dimensões básicas de tamanho


Você pode criar dimensões básicas de tamanho manualmente.

Para criar dimensões básicas de tamanho:

1. Em uma peça, clique em Dimensão básica de tamanho (barra de ferramentas


DimXpert) ou em Ferramentas > DimXpert > Dimensão básica de tamanho.
2. Selecione as entidades na área de gráficos.
3. Coloque a dimensão.
4. Defina as opções no PropertyManager.
5. Clique em .

Tolerância geral de bloco


Você pode incluir uma tolerância padrão para as dimensões quando casas decimais
insignificantes não forem usadas para determinar tolerância, como quando a unidade de
medida é métrica.

71
DimXpert

Para definir a opção Tolerância geral de bloco:


1. Em uma peça ou montagem, clique em Ferramentas > Opções > Propriedades do
documento > DimXpert.
2. Em Métodos, selecione Tolerância geral de bloco.
3. Em Tolerância geral de bloco, defina Tolerância de comprimento e Tolerância
de ângulo.
4. Clique em OK.

Seleção de várias arestas


Você pode criar dimensões entre dois planos selecionando duas arestas no local em que
os planos correspondentes são paralelos.

Uso de geometria de referência com dimensões do DimXpert


Você pode criar dimensões do DimXpert usando planos de referência, eixos, pontos e
símbolos de centro de massa.

72
DimXpert

Uso de referenciais em Esquemas de dimensão automática


A ferramenta Esquema de dimensão automática do DimXpert permite selecionar os
referenciais existentes para recursos de referência.

Para usar referenciais em Esquemas de dimensão automática:

1. Clique em Esquema de dimensão automática (barra de ferramentas do DimXpert)


ou em Ferramentas > DimXpert > Esquema de dimensão automática.
2. No PropertyManager, em Seleção de referencial, selecione o símbolo de referencial
primário e, opcionalmente, selecione os símbolos de referencial secundário e terciário
a serem usados na geração de tolerâncias geométricas.

Você pode selecionar referenciais existentes.

3. Defina as opções.
4. Clique em .

73
Uso de esquemas de dimensão polar para peças com
tolerância geométrica
A ferramenta Esquema de dimensão automática do DimXpert é compatível com
esquemas de dimensão polar.

Para usar esquemas de dimensão polar para peças com tolerância geométrica:
1. Clique em Ferramentas > Opções > Propriedades do documento > DimXpert
> Tolerância geométrica.
2. Na caixa de diálogo, em Dimensões básicas, selecione Criar dimensões básicas
e Polar.
3. Clique em OK.
4. Clique em Esquema de dimensão automática ou em Ferramentas > DimXpert
> Esquema de dimensão automática.
5. No PropertyManager, em Configurações, em Dimensionamento de padrão, selecione
Polar.
6. Defina as opções.
7. Clique em .

74
10
Detalhamento e desenhos

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Dimensões
• Vistas de desenho
• Detalhamento de modelo
• Notas e balões
• Desempenho em desenhos
• Folhas
• Tabelas

Dimensões

Linha de extensão de arco ou lado oposto


A configuração Linha de extensão de arco ou lado oposto permite controlar a linha
de chamada da dimensão radial.
A opção Dimensão para interior de arco é removida da Exibição de linha
indicadora/de chamada na guia Linha de chamada do PropertyManager de Dimensão.
Ela é substituída por Linha de extensão de arco ou lado oposto, que permite controlar
a linha de chamada da dimensão radial:
• Sempre que possível, ela é aplicado à linha de extensão de um arco.
• Se não for possível, ela é anexada do lado oposto ao arco.

Linha de extensão de arco ou lado Linha de extensão de arco ou lado


oposto marcada oposto desmarcada

Alteração do tamanho do círculo de origem nas dimensões


de ordenada DIN
Você pode controlar o tamanho do círculo de origem para as dimensões de ordenada
usando o padrão DIN.

75
Detalhamento e desenhos

Para que o padrão DIN 406 atual e padrões DIN anteriores sejam aceitos, você pode
definir o tamanho do círculo de origem nas dimensões de ordenada.

SOLIDWORKS 2017 SOLIDWORKS 2016

Para alterar o tamanho do círculo de origem nas dimensões de ordenada DIN:

1. Abra a letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\


SOLIDWORKS 2017\whatsnew\drawings\knob-1.SLDDRW.
2. Selecione a linha de base ordenada que contém o círculo de origem.

3. No PropertyManager, clique na guia Linhas de chamada.


4. Em Exibição de linha indicadora/linha de chamada, clique em Tamanho.
5. Na caixa de diálogo Tamanho do círculo, desmarque a opção Usar tamanho do
documento.
6. Digite 5 para o diâmetro do círculo de origem e clique em OK.

7. Clique em .

Para definir a propriedade de um documento para o tamanho do círculo de origem em


uma dimensão de ordenada DIN, clique em Ferramentas > Opções > Propriedades
do documento > Dimensões > Ordenada e clique em Tamanho.

Tolerâncias geométricas e de dimensão em tabelas gerais


Ao vincular o valor de uma tolerância geométrica ou de dimensão a uma célula de uma
tabela geral, a tolerância geométrica ou de dimensão na célula exibe os mesmos elementos
que a anotação original, incluindo tolerância, dimensões duplas e texto adicional.

76
Detalhamento e desenhos

Contagem de instâncias de chamada de furo para furos


espelhados
Quando você usa a ferramenta Chamada de furo em um padrão de furo que inclui um
espelho no mesmo corpo, a contagem de instâncias inclui os furos espelhados.

SOLIDWORKS 2017

SOLIDWORKS 2016

Dimensões de raio da linha de chamada curta


A opção Setas inteligentes associam-se a arcos e apontam para longe da dimensão
é compatível com dimensões radiais com linhas de chamada curtas.

77
Detalhamento e desenhos

Para definir a opção, clique em Ferramentas > Opções > Propriedades do documento
> Dimensões > Raio e em Posicionamento da seta, selecione Setas inteligentes
associam-se a arcos e apontam para longe da dimensão.

Tamanho de tolerância da fonte


Você pode definir o tamanho de tolerância da fonte para dimensões individuais usando
as opções em Fonte do texto, na guia Outro, no PropertyManager de Dimensão.

Vistas de desenho

Criação de vistas recortadas e de detalhes sem contorno


As vistas recortadas e de detalhes podem ser criadas sem contorno.

Vista recortada sem contorno

Vista recortada com contorno completo

Vista de detalhes sem contorno

78
Detalhamento e desenhos

Vista de detalhes com contorno completo

Para criar uma vista recortada sem contorno:

1. Em uma vista de desenho, esboce um perfil fechado de esboço, como um círculo.

2. Selecione o círculo.

3. Clique em Vista recortada (barra de ferramentas Desenho) ou em Inserir >


Vista de desenho > Recortar.

4. Selecione a vista de desenho.


5. No PropertyManager, em Vista recortada, selecione Sem contorno.

6. Clique em .

79
Detalhamento e desenhos

Enfatizar contornos
Em vistas de seção, você pode enfatiza o contorno de faces de corte em conformidade
com a ISO 128-50. Normalmente, isso significa definir o contorno das faces como mais
grosso do que outras linhas de modelo na vista de seção.

Enfatize do contorno em uma vista de seção


Para enfatizar o contorno em uma vista de seção:

1. Selecione uma vista de seção em um desenho.


2. No PropertyManager, em Vista de seção, selecione Enfatizar contorno.

3. Clique em .

Definição da fonte de linha para realçar contornos


Para definir a fonte de linha para realçar contornos:

1. Em um desenho, clique em Ferramentas > Opções > Propriedades do documento


> Fonte de linha.
2. Na caixa de diálogo, em Tipo de aresta, selecione Contorno da seção enfatizado.
3. Defina as opções.
4. Clique em OK.

Contornos irregulares
As vistas recortadas e de detalhes podem ser criadas com contornos irregulares. As vistas
de quebra são compatíveis estilos de linha de quebra com contorno irregular.

80
Detalhamento e desenhos

Vista recortada com contorno irregular

Vista de detalhes com contorno irregular

Vista de quebra com corte irregular

Criação de vistas recortadas com contornos irregulares


Para criar vistas recortada com contornos irregulares:

1. Em uma vista de desenho, esboce um perfil fechado para a vista recortada, por
exemplo, um círculo.

2. Clique em Vista recortada (barra de ferramentas Desenho) ou em Inserir >


Vista de desenho > Recortar.

81
Detalhamento e desenhos

A vista fora do perfil desaparece.


3. Selecione a vista de desenho.
4. No PropertyManager, em Vista recortada, selecione Contorno irregular.
5. Em Intensidade da forma, mova a barra deslizante para definir a intensidade do
contorno irregular.

6. Clique em .

Criação de vistas de detalhes com contornos irregulares


Para criar vistas de detalhes com contornos irregulares:

1. Em uma vista de desenho, clique em Vista de detalhes (barra de ferramentas


Desenho) ou em Inserir > Vista de desenho > Detalhe.

A ferramenta Círculo está ativa.


2. Esboce um círculo.

3. No PropertyManager, em Vista de detalhe, selecione Contorno irregular.


4. Em Intensidade da forma, mova a barra deslizante para definir a intensidade do
contorno irregular.
5. Clique para posicionar a vista.

82
Detalhamento e desenhos

Criação de uma vista de quebra com estilos de corte de linha de


quebra irregular
Para criar vistas de quebra com estilos de corte de linha de quebra irregular:

1. Em uma vista de desenho, clique em Vista de quebra (barra de ferramentas


Desenho) ou em Inserir > Vista de desenho > Quebra.

2. No PropertyManager, em Estilo da linha de quebra, em Configurações da vista


de quebra, clique em Corte irregular .

3. Em Intensidade da forma, mova a barra deslizante para definir a intensidade do


corte irregular.
4. Clique para posicionar a primeira linha de quebra.
5. Clique para posicionar a segunda linha de quebra.

83
Detalhamento e desenhos

6. Clique em .

Espelhar vistas de desenho


Você pode exibir vistas de modelo, relativas ao modelo e de desenho predefinidas como
vistas espelhadas sem criar componentes de espelhamento. Vistas projetadas e outras
vistas derivadas usam o estado espelhado da vista-pai.

Vista original

84
Detalhamento e desenhos

Espelhar vista

Para espelhar vistas de desenho:


1. Em um desenho, selecione uma vista de modelo, relativa ao modelo ou de desenho
predefinida.
2. No PropertyManager, em Orientação, selecione Espelhar vista.
3. Em Espelhar vista, selecione Horizontal ou Vertical.
4. Clique em .

Escalar Padrão da hachura


A opção Escalar Padrão da hachura está disponível para vistas de seção e de desenho
que incluem vistas de seção de corte parcial.

Escalar Padrão da hachura marcada Escalar Padrão da hachura desmarcada

85
Detalhamento e desenhos

Quando você seleciona Escalar Padrão da hachura no PropertyManager Vista de seção,


as hachuras na vista aplicam a escala da vista ao padrão de hachura. Antes, somente as
vistas de detalhes tinham essa opção.

Detalhamento de modelo

Escala de texto personalizada


Você pode definir uma escala de texto personalizada para anotações de texto em peças
e montagens.
Para definir uma escala de texto personalizada:
1. Clique em Ferramentas > Opções > Propriedades do documento >
Detalhamento.

Alternativamente, na árvore de projeto do FeatureManager, clique com o botão


direito do mouse na pasta Anotações e clique em Detalhes para exibir a caixa
de diálogo Propriedades de anotação

2. Na caixa de diálogo, desmarque Sempre exibir texto com o mesmo tamanho.


3. Em Escala de texto, selecione Personalizada.
4. Nos dois campos, insira o primeiro e o segundo valor da escala personalizada. Por
exemplo, digite 3 e 10 para definir a escala para 3:10.

Desenhos mantidos quando as peças são convertidas


Quando você limpa os recursos de uma peça usando Converter em corpos, o arquivo
de desenho original ainda faz referência à geometria da peça.

Gerenciamento de áreas de notas


Você pode criar várias vistas de anotação da área de notas nas peças e montagens e
pode excluir e renomear áreas de notas. Você também pode especificar quais áreas de
notas serão exibidas ao abrir o documento.

As áreas de notas são colocadas na pasta Notas , que fica na pasta Anotações na
árvore de projeto do FeatureManager. Várias áreas de notas permitem que você crie
vários conjuntos de notas e os coloque em uma área de notas específica, que você pode
ativar.

Para criar uma área de notas:

• Na árvore de projeto do FeatureManager, na pasta Anotações , clique com o botão


direito do mouse em Notas e clique em Inserir área de notas.

86
Detalhamento e desenhos

Uma área de notas é adicionada à pasta Notas com um número sequencial após o
nome, por exemplo, Área de nota3.

Para excluir uma área de notas:

• Na árvore de projeto do FeatureManager, na pasta Anotações , clique com o botão


direito do mouse em Área de notas e clique em Excluir.
Para renomear uma área de notas:

1. Na árvore de projeto do FeatureManager, na pasta Anotações , clique uma vez,


aguarda um momento e clique novamente na Área de notas para renomeá-la.
2. Digite o novo nome.
3. Pressione Enter.
Para especificar uma área de notas a ser exibida ao abrir uma peça ou montagem:

• Na árvore de projeto do FeatureManager, na pasta Anotações , clique com o botão


direito do mouse na Área de notas e clique em Mostrar ao abrir.

Para alterar a área de notas a ser exibida ao abrir, primeiro é necessário desmarcar
as áreas de notas selecionadas para serem exibidas. Clique com o botão direito do
mouse na área de notas e desmarque a opção Mostrar ao abrir.

Reordenação de vistas de anotação


Usando o recurso de arrastar e soltar, você pode reordenar vistas de anotação e pode
reordenar a área de notas das vistas de anotação dentro da pasta Notas.

Notas e balões

Vínculo de uma nota a uma célula de tabela


Você pode vincular uma nota ao conteúdo de qualquer célula de BOM ou da tabela de
furos.

87
Detalhamento e desenhos

Para vincular uma nota a uma célula de tabela:

1. Em um desenho com tabela, insira uma nota.


a) Clique em Inserir > Anotação > Nota.
b) Clique para colocar a nota.
c) Clique para editar a nota.
2. No PropertyManager, em Formato do texto, selecione Vincular célula da tabela
.
3. Na tabela, selecione uma célula.

4. Clique em .

Já que a nota está vinculada a uma célula de tabela, quando o valor da célula for alterado,
a nota é atualizada.

Vinculação de números de peças em desenhos e o Gerador


de guias de propriedades
Você pode criar uma nota em um desenho que redireciona para um número de peça.
Normalmente, você pode colocar essa nota no bloco de título de uma folha de desenho.
Você também pode fazer com que um número de peça seja exibido no Gerador de guias
de propriedades. Ao clicar em uma peça ou componente de uma montagem, o número
da peça aparece na guia Propriedades.
Para criar essa nota em uma folha de desenho, no PropertyManager Notas, em Formato
do texto, clique em Vincular à propriedade . Em seguida, na caixa de diálogo Vincular
à propriedade, em Nome da propriedade, selecione Número de peça da SW-BOM
(número de peça da BOM). Se a nota estiver no bloco de título, ao atualizar o número
de peça no desenho, o modelo atualiza automaticamente o número de peça e vice-versa.
Antes, esse recurso só estava disponível nos balões.
Para exibir o número de uma peça no Gerador de guias de propriedades, você precisa
adicionar um controle de caixa de texto e definir o valor como Número de peça SW-BOM.
Se já tiver um template, você pode criar uma referência ao arquivo em Ferramentas >
Opções > Locais de arquivos > Arquivos de propriedades personalizadas.

Zona de etiqueta da localização


A opção Exibir zona da etiqueta de localização da contraparte mostra a zona da
etiqueta de localização da contraparte da vista-pai ou filho associada.

88
Detalhamento e desenhos

Etiqueta de localização exibindo a zona do centroide da vista associada

Etiqueta de localização exibindo a zona da etiqueta de localização da contraparte da


vista-pai ou filho associada

Para definir essa opção, clique em Ferramentas > Opções > Propriedades do
documento > Anotações > Etiqueta de localização e selecione Exibir zona da
etiqueta de localização da contraparte.

Novos símbolos para tolerância


Estão disponíveis novos símbolos para tolerância.

89
Detalhamento e desenhos

Para acessar os símbolos de tolerância:

1. • Para peças, clique em Tolerância geométrica (barra de ferramentas DimXpert)


ou em Ferramentas > DimXpert > Tolerância geométrica.
• Para desenhos, clique em Tolerância geométrica (barra de ferramentas
Anotação) ou em Inserir > Anotações > Tolerância geométrica.
2. No PropertyManager, em Texto, clique em Mais.
3. Na Biblioteca de símbolos, em Categorias, selecione Tolerância ISO.
Novos símbolos de tolerância

Tamanho de dois Tamanho médio


pontos

Tamanho Tamanho mediano


esférico

Quadrados Tamanho de faixa


mínimos intermediária

Máximo inscrito Faixas de tamanhos

Máximo Requisito de envelope


circunscrito

Diâmetro da Estado livre


circunferência

Diâmetro da Qualquer corte


área transversal

Diâmetro do Corte transversal


volume especificado

Tamanho Tolerância comum


máximo

Tamanho
mínimo

Para acessar o novo símbolo de modificação, na Biblioteca de símbolos, em Categorias,


selecione Símbolos de modificação.
Novo símbolo de modificação

Formato cônico

Espaçamento entre símbolos


BOUND é uma variável de controle para os símbolos no arquivo GTOL.SYM. BOUND controla
o espaçamento horizontal de um símbolo dentro de uma linha de texto em notas e
dimensões.

90
Detalhamento e desenhos

Desempenho em desenhos

Otimização da inserção automática de marcas de centro


A criação de vistas de desenho com inserção automática de marcas de centro teve o
desempenho otimizado.

Preenchimento automático de paleta de vistas


Você pode usar a opção Preencher paleta de vistas automaticamente para controlar
caso as operações de Paleta de Vistas que consomem muito tempo sejam iniciadas.
Para desativar o preenchimento automático de Paleta de Vistas, em Ferramentas >
Opções > Opções do sistema > Desenhos, desmarque Preencher paleta de vistas
automaticamente.

Tempo de abertura de desenho de peso leve


O software não executa mais operações desnecessárias associadas às aparências ao abrir
um desenho de peso leve.

Folhas

Alteração do formato em várias folhas ao mesmo tempo


Você pode definir propriedades da folha, incluindo formatos de folha e parâmetros de
zona, para várias folhas de desenho ao mesmo tempo.
Para alterar o formato de várias folhas ao mesmo tempo:

1. Na Árvore de projeto do FeatureManager, clique com o botão direito do mouse em


uma folha de desenho e clique em Propriedades.
2. Na caixa de diálogo Propriedades da folha, na guia Propriedades da folha, clique em
Selecione as folhas a serem modificadas.
3. Na caixa de diálogo Seleção de folha, selecione as folhas a serem alteradas.
4. Clique em OK.
5. Nas guias Propriedades da folha e Parâmetros de zona, defina as propriedades.
6. Clique em Aplicar alterações.

Tabelas

Travamento da largura da coluna em templates de tabela


Os templates de tabela armazenam e aplicam a configuração Travar largura da coluna
corretamente nas tabelas completas e colunas individuais na tabela.

91
Números de item de componente substituído em BOMs
Ao substituir um componente por outro em uma montagem, você pode atribuir um novo
número de item ao elemento substituído na BOM enquanto o mantém na mesma linha
que o componente removido.
Para atribuir um novo número de item ao componente substituído e mantê-lo na mesma
linha, no PropertyManager Lista de materiais, selecione Manter item que falta e Atribuir
novo número de item e não manter componente substituído.

Obtenção de componentes de chapa metálica em desenhos


Em desenhos, você pode obter informações sobre a chapa metálica pelo componente-pai
nos componentes de chapa metálica espelhados ou derivados.

Por exemplo, se você criar uma vista de desenho de uma peça de chapa metálica
espelhada, qualquer ferramenta de conformação ou recurso de biblioteca na peça
espelhada ficam disponíveis nas tabelas de punção.
Ao criar uma peça derivada, você precisa selecionar Informações da chapa metálica
no PropertyManager Inserir peça.

92
11
eDrawings
O eDrawings® Professional está disponível no SOLIDWORKS Professional e no SOLIDWORKS
Premium.

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Abertura de arquivos no modo somente leitura


• Arquivos protegidos por senha
• Tipos de arquivo compatíveis com o eDrawings

Abertura de arquivos no modo somente leitura


É possível definir uma opção para sempre abrir arquivos no eDrawings como somente
leitura.
Em Ferramentas > Opções, na guia Geral, selecione Abrir arquivos somente para
leitura.
Quando selecionada, essa opção também seleciona a opção Abrir como somente para
leitura na caixa de diálogo Abrir. Desmarcar a opção na caixa de diálogo Abrir não afeta
a opção na caixa de diálogo Opções.

Arquivos protegidos por senha


A versão gratuita do eDrawings é compatível com arquivos protegidos por senha.
Quando você publica um arquivo do eDrawings a partir de um aplicativo CAD, pode atribuir
uma senha para protegê-lo. Antes, essa funcionalidade era limitada ao eDrawings
Professional.

Tipos de arquivo compatíveis com o eDrawings


O eDrawings oferece suporte para tipos adicionais de arquivo.
Os tipos de arquivo adicionais que você pode abrir no eDrawings incluem:
• STEP AP242
• IGES
• CATIA® V5
• Autodesk® Inventor™
• 3DXML

93
12
SOLIDWORKS Electrical

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Associação de um atalho de arquivo de dados a um projeto


• Associação de montagens externas do SOLIDWORKS
• Atualização automática dos relatórios de nível do projeto
• Copiar e colar com pontos de âncora
• Criação de links nos relatórios de verificação de regra do projeto
• Alteração de visibilidade de atributo
• Criação de fórmulas de marca de cabo
• Importação e exportação de desenhos com o Microsoft Excel
• Marcar fios com o mesmo valor do endereço de E/S conectado
• Outras melhorias do SOLIDWORKS Electrical
• Melhoria gráfica do Painel de propriedades

Associação de um atalho de arquivo de dados a um projeto


É possível manter as estruturas de pastas acordo com os padrões da sua empresa ao
criar atalhos para arquivos de dados dentro das pastas de projeto do SOLIDWORKS
Electrical.
Quando você associa um arquivo de dados externo, um atalho é adicionado à árvore do
documento e à pasta de projeto. Os atalhos criados nas pastas de projeto do SOLIDWORKS
Electrical permitem manter as estruturas de pastas da sua empresa. Os arquivos de dados
não são copiados para a pasta de projeto.
Para associar um atalho de arquivo de dados a um projeto:

1. Siga um destes procedimentos:


• Clique com o botão direito do mouse em Livro do documento > Novo e clique
em Atalhos do arquivo de dados .

• Clique na guia Projeto > Novo e selecione Atalhos do arquivo de dados


.

2. Na caixa de diálogo, selecione um ou mais arquivos para adicionar ao projeto.


O software cria um atalho na árvore do documento e na pasta do projeto. Se você
excluir o atalho do arquivo de dados, ele é removido do projeto e o arquivo de dados
permanece intacto em seu local atual.
3. Siga um destes procedimentos:

94
SOLIDWORKS Electrical

• Clique duas vezes no atalho para abri-lo.


• Clique com o botão direito do mouse no atalho e selecione Propriedades . O
arquivo de destino tem um nome de ID interno; o caminho fica acinzentado nas
caixas de diálogo Propriedade e não pode ser alterado.

Se você mover o arquivo de destino, o caminho do banco de dados é atualizado.


Ao incluir atalhos em um arquivo, o arquivo de destino é copiado para a pasta de
projeto e o link existente é substituído.

Associação de montagens externas do SOLIDWORKS


Você pode adicionar montagens existentes do SOLIDWORKS a projetos do SOLIDWORKS
Electrical e criar atalhos para os arquivos na pasta de projeto do SOLIDWORKS Electrical.
Quando você associa montagens externas, o software cria um atalho para a montagem
na árvore do documento, para a pasta de projeto do SOLIDWORKS Electrical e para a
caixa de diálogo Montagem do SOLIDWORKS. Esses atalhos permitem manter as
estruturas de pastas da sua empresa. Os arquivos associados não são copiados para a
pasta de projeto.
A ferramenta Layout do painel no SOLIDWORKS na guia Processo é renomeada para
Montagem do SOLIDWORKS.
Para associar montagens externas do SOLIDWORKS:

1. Clique na guia Processo e depois em Montagem do SOLIDWORKS .


2. Na caixa de diálogo, em Selecionar um arquivo existente, selecione a montagem
a ser adicionada ao projeto.
Um atalho é criado na árvore do documento e na pasta de projeto.
3. Depois que o atalho da montagem associada for criado:
• Clique duas vezes no atalho na árvore do documento para abri-lo.
• Clique com o botão direito do mouse no atalho e selecione Propriedades . O
arquivo da montagem externa tem um nome de ID interno; o caminho fica
acinzentado nas caixas de diálogo Propriedade e não pode ser alterado.

Se você mover o arquivo da montagem externa, o caminho do banco de dados é


atualizado. Ao incluir atalhos em um arquivo, o arquivo da montagem externa é
copiado para a pasta de projeto e o link existente é substituído.

Atualização automática dos relatórios de nível do projeto


Ao imprimir, exportar ou arquivar relatórios e réguas de bornes, você pode garantir que
os dados do projeto sejam atualizados automaticamente.
Usar a opção Atualizar desenhos gerados na caixa de diálogo Configuração dos
projetos permite atualizar automaticamente os dados em relatórios e desenhos na régua
de bornes antes de imprimir, exportar ou arquivar.

95
SOLIDWORKS Electrical

Para atualizar automaticamente os relatórios de nível do projeto:

1. Clique na guia Projeto > Configurações > Projetos .


2. Na caixa de diálogo, clique na guia Geral > seção Opções.
3. No menu Atualizar desenhos gerados, selecione uma opção.

Nunca Processa relatórios, regras do projeto e


desenhos da régua de bornes no estado
atual. É possível que alguma alteração
feita recentemente esteja ausente na
saída.

Pergunta-me (padrão) Exibe uma mensagem com as seguintes


opções:

Atualizar os Atualiza todos os


desenhos relatórios, regras de
projeto e desenhos
de régua de bornes
antes de executar
este comando.

Continuar ação Executa o comando


sem atualizar sem atualizar os
desenhos.

Cancelar Sai do comando


atual.

Sempre Atualiza automaticamente os arquivos


antes de processar o comando (nenhuma
mensagem é exibida).

Copiar e colar com pontos de âncora


Ao copiar um conjunto de objetos em um desenho, você pode definir um ponto de âncora
ou de referência e usar o ponto de referência para colar os objetos em um novo desenho.
Para copiar e colar com pontos de âncora:

1. Siga um destes procedimentos:

• Na guia Editar, selecione Copiar com ponto de inserção .


• Clique com o botão direito do mouse na área de gráficos e clique em Copiar com

ponto de inserção .
• Pressione Ctrl + Shift + C.

2. Selecione os objetos a serem copiados.


3. Para inserir um ponto de referência, siga um destes procedimentos:

96
SOLIDWORKS Electrical

• Clique em um local na área de gráficos para designá-lo como ponto de referência.


Isso define as coordenadas X e Y e fecha a caixa de diálogo.

• Em Inserir as coordenadas, digite as coordenadas X e Y e clique em . Na guia


Comando, clique em .

4. Abra um desenho onde deseja colar os conteúdos.


5. Siga um destes procedimentos:

• Na guia Editar, clique em Colar .

• Clique com o botão direito na área de gráficos e clique em Colar .


• Pressione Ctrl + V.

6. Posicione o ponteiro do mouse onde deseja inserir o conteúdo e clique.


O conteúdo é inserido a uma distância do ponteiro do mouse, de acordo com o valor
especificado pelo ponto de referência.

Criação de links nos relatórios de verificação de regra do


projeto
Você pode navegar para qualquer entidade nos relatórios de Verificação de regra de
projeto (DRC, Design Rule Check) ou relatórios normais usando a caixa de diálogo
Gerenciador de relatórios.
Os menus de contexto nas células da tabela da caixa de diálogo Regras do projeto e
Relatório oferecem um link para os dados no Gerenciador de relatórios.
Para criar links nos relatórios de verificação de regra do projeto:

1. Siga um destes procedimentos na guia Projeto:


• Clique em Configurações e selecione Verificação da regra de projeto ou
Relatório.
• Clique em Verificação da regra de projeto ou Relatório.
Você precisa ir até Projeto > Configuração > Verificação da regra de projeto ou
Relatório para acessar todos os relatórios ou ir até Projeto > Verificação da regra
de projeto ou Relatório para acessar os relatórios selecionados.
2. Selecione um relatório específico.
3. Clique em Propriedades.
4. Na guia colunas, clique no link Ir para.
5. Selecione Nome do campo e Tipo de link na lista.
Os IDs em Nome do campo correspondem à propriedade para qual você define o
link Ir para.

97
SOLIDWORKS Electrical

6. Clique em OK e Aplicar.
7. No Gerenciador de relatório, clique com o botão direito em uma célula para visualizar
os resultados do link Ir para.

Entrada do relatório Vincular

Documento Direciona para o desenho.

Componente Exibe o componente com links para a


árvore de componentes.
Exibe todos os símbolos associados com
links para o desenho.

Símbolo Direciona para o símbolo no desenho,


ampliando em torno do símbolo.

Cabo Exibe um diagrama de linha, onde


reservado, e direciona para a entidade de
cabo no diagrama de linha.
Exibe a lista de vias de cabo no esquema
e direciona para a entidade de texto no
esquema.

Via de cabo Direciona para a entidade de texto no


esquema.

Equipotencial Direciona para o início do equipotencial


no esquema.

Fio Exibe o fio no esquema e direciona para


a entidade de texto.
Exibe símbolos de e para e direciona para
os símbolos no esquema.

Estilo de fio Sem link.

Referências do fabricante Exibe o símbolo referido e direciona para


o layout 2D, etiqueta de fiação e
componente 3D.

Chicote Sem link.

Alteração de visibilidade de atributo


Você pode alterar a visibilidade de atributo enquanto define ou edita símbolos de desenhos
ou formulários.
Para alterar a visibilidade de atributo:

98
SOLIDWORKS Electrical

1. Na guia Navegador de documentos, em Livro do documento, clique com o botão


direito em qualquer documento e clique em Formulário > Abrir.
2. Na guia Editar formulário, clique em Exibir atributos e selecione uma opção.
Você pode também acessar Exibir atributos clicando com o botão direito em um
símbolo na área de gráficos e clicando em Símbolo > Abrir símbolo > Editar
símbolo > Exibir atributos.

Criação de fórmulas de marca de cabo


Você pode definir fórmulas de marca de cabo através da configuração do projeto.
Para criar fórmulas de marca de cabo:

1. Na guia Projeto, clique em Configurações e selecione Projeto.


2. Na caixa de diálogo, na guia Fonte, clique em Editar fórmula para editar a fórmula
de marca de cabo.
Você pode digitar a fórmula em Fórmula: Via do cabo do esquema.
3. Clique em OK duas vezes.

Importação e exportação de desenhos com o Microsoft Excel


Você pode usar a opção Automatização do Excel para gerar diagramas esquemáticos
automaticamente a partir de um arquivo do Microsoft Excel, adicionando dados e macros.
O conteúdo do arquivo do Microsoft Excel precisa estar em um formato específico do
SOLIDWORKS Electrical. A opção Automatização do Excel permite:
• Criar e inserir automaticamente um desenho a partir de um arquivo do Microsoft Excel.
Você pode redefinir as macros depois.
• Fornecer informações sobre onde inserir as macros. Por exemplo, você pode querer
inserir uma macro em um ou vários desenhos, ou inserir várias macros em vários
desenhos.
• Inserir descrições de arquivo e livro, definir o local e a função de cada macro.
• Definir as variáveis, como símbolos ou novas marcas. As respectivas propriedades
desses símbolos ou marcas são parte das macros e são associadas aos desenhos.
Para importar ou exportar desenhos com o Microsoft Excel:

1. Clique em Automatização do Excel (barra de ferramentas Importar/Exportar).

Como alternativa, você pode clicar em Automatização do Excel > Criar um


novo arquivo Excel para automação para abrir um template e criar um novo
arquivo.

2. Na caixa de diálogo, selecione o arquivo de Excel personalizado e clique em Abrir.


3. Selecione uma opção:
• Alterar associação do livro. Cria uma nova associação, conforme mencionado
no arquivo selecionado do Microsoft Excel. Por exemplo, se o arquivo do Excel cria

99
SOLIDWORKS Electrical

um novo local, um novo livro é criado e aparece na árvore de documentos. Os


desenhos são associados ao livro recém-criado.
• Não alterar associação do livro. Mantém a associação com o livro atual no
projeto.
• Cancelar. Sai do comando atual.
Selecionar qualquer uma das duas primeiras opções cria os desenhos e exibe uma
caixa de diálogo com o resumo.

Para obter mais informações, consulte a Ajuda do SOLIDWORKS Electrical.

Marcar fios com o mesmo valor do endereço de E/S


conectado
Você pode definir os mesmos valores/rótulos em vários objetos conectados como fios,
equipotenciais, bornes e CLPs.
Para definir valores, clique em Processo > Propagar dados aos objetos conectados.
Você pode atualizar essas marcas para Todo o projeto, Livro atual, Esquema atual,
Pasta atual, Objetos selecionados no esquema e Escolher esquemas.

Outras melhorias do SOLIDWORKS Electrical


Para obter mais informações sobre essas melhorias, consulte a Ajuda do SOLIDWORKS
Electrical.
As melhorias do SOLIDWORKS Electrical incluem:
• Você pode usar a ferramenta peça Super para criar um catálogo de peças usando várias
peças/montagens e várias peças do fabricante.
• Você pode criar a peça Super no Gerenciador de peças do fabricante e adicionar
propriedades/informações da caixa de diálogo de propriedades. A peça Super é
adicionada ao banco de dados.
• Melhorias no relatório:
• Você pode gerar relatórios específicos para cada Livro de projeto.
• Você pode exibir a descrição de um grupo de fio na parte superior da tabela de
relatório.
• Você é notificado para atualizar relatórios de desenho desatualizados quando os
imprime.
• Você pode incluir as descrições de local e função nos relatórios.
• Você pode usar o caractere '|' como uma quebra de linha nos relatórios.

Para acessar a quebra de linha, clique em Projeto > Configuração > Relatório
> Propriedades > Layout.

• Você pode exibir pontos de conexão em símbolos como Sempre, Nunca ou somente
Quando conectado.
• Você pode visualizar o documento atual, selecionado e aberto realçado no navegador
de documentos.

100
SOLIDWORKS Electrical

Melhoria gráfica do Painel de propriedades


A guia Propriedades gráficas mostra as propriedades gráficas de qualquer entidade,
símbolo ou elemento de fio de CAD.

A guia Propriedades gráficas no Painel de propriedades permite separar o


conteúdo de uma seleção. Ao selecionar uma entidade, símbolo, elemento de fio de CAD,
todas as propriedades associadas são listadas com a entidade gráfica.

O Painel de propriedades pode ser encaixado nos painéis laterais.

Ao selecionar um grupo de entidades, todas as propriedades comuns são exibidas. Quando


você seleciona entidades específicas, as propriedades relacionadas são exibidas. As
propriedades incomuns ficam ocultas. Alterar as propriedades incomuns não afeta a
entidade de CAD, pois ela é acionada no nível do aplicativo.
A guia Propriedades gráficas inclui:

Item Descrição

1 Guia Propriedades gráficas no Painel de


propriedades.

2 Ícones gráficos correspondentes à


propriedade listada.

3 Menu suspenso que lista o conteúdo


separado ou várias entidades da seleção, o
que permite que você escolha um grupo de
objetos para editar.

101
Item Descrição

4 Informações de dica da ferramenta, como


o porquê de algumas propriedades ficarem
acinzentadas ou não poderem ser editadas.

102
13
SOLIDWORKS Flow Simulation
Disponível como produto comprado separadamente que pode ser usado com SOLIDWORKS
Standard, SOLIDWORKS Professional e SOLIDWORKS Premium.

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Suporte para o idioma coreano


• Otimização de vários parâmetros
• Desempenho do pós-processamento
• Desempenho da simulação transiente
• Uso de condições de componentes de nível inferior
• Configurações de malha para o Flow Simulation

Suporte para o idioma coreano


O SOLIDWORKS Flow Simulation está disponível em coreano.

Otimização de vários parâmetros


Otimização de vários parâmetros de resposta com base em superfície foi adicionada ao
estudo paramétrico.
Você pode realizar um estudo de otimização para mais de uma variável de entrada. Você
pode selecionar parâmetros de geometria ou de simulação como variáveis.
A função alvo da otimização pode estar maximizando, minimizando ou correspondendo
um valor de uma meta ou uma soma de metas. Você pode definir fatores de ponderação
para cada meta e, dessa maneira, pesar a importância de cada meta para a função do
objetivo.
Para realizar uma otimização de vários parâmetros, crie um estudo paramétrico Design
of Experiments and Optimization, execute um cálculo dos pontos de projeto e clique
em Find Optimum.

Desempenho do pós-processamento
O desempenho do pós-processamento foi melhorado para plotagens de superfície e
carregamento de resultados.

Plotagens de Plotagens de superfície de uma forma geométrica muito


superfície complexa exibida com a opção Usar geometria CAD ou que
contenham centenas de faces são criadas muito mais
rapidamente.

103
SOLIDWORKS Flow Simulation

Widgets de plotagens As plotagens de meta e de superfície agora podem ser exibidas


de meta e de na área de gráficos. As plotagens são atualizadas de acordo
superfície com os resultados transientes carregados de modo que você
possa monitorar como os parâmetros de plotagem XY e de
meta estão mudando com o tempo.

Desempenho da simulação transiente


O desempenho da simulação transiente ao salvar dados e visualizar resultados transientes
foi melhorado.

Salvar dados Você pode minimizar os dados transientes salvos ao salvar


apenas os parâmetros selecionados em vez de todo o campo.
Na caixa de diálogo Opções de cálculo, na guia Salvar, você
pode definir quando salvar Resultados completos e quando
salvar como Parâmetros selecionados.

Momentos exatos de O modo Explorador de transiente disponível para os


alternância parâmetros salvos selecionados permite que você veja os
instantânea entre resultados transientes sem ter de esperar até carregar. Mova
transiente um controle deslizante e os resultados são atualizados
imediatamente.

Uso de condições de componentes de nível inferior


Você pode importar condições de um modelo para outros projetos (como propriedades
do material e potência térmica). Isso pode simplificar a definição do projeto ao criar uma
biblioteca de modelos com condições predefinidas.
Um projeto do Flow Simulation é salvo no modelo. Se o modelo for usado em uma
montagem, você pode aplicar as condições definidas nesse componente de nível inferior
à montagem de nível mais alto sem recriar a condição.
Por exemplo, você pode querer analisar uma Placa de Circuito Impresso (PCB, Printed
Circuit Board) e depois analisar todo o gabinete de componentes eletrônicos com menos
peças da PCB instaladas. Em vez de recriar as condições para todas as peças dentro da
montagem, você pode vincular o projeto da montagem às condições definidas na PCB.
Por padrão, as condições são vinculadas, portanto, alterar as condições no componente
as atualiza automaticamente na montagem. Entretanto, você pode quebrar o vínculo, de
forma que condições importadas não sejam vinculadas ao componente original.
Para usar condições de componentes de nível inferior:

1. Na caixa de diálogo Importar do modelo, selecione o projeto do qual deseja usar os


dados.
2. Importe o projeto.
Por padrão, as condições aparecem na Árvore de análise vinculada às condições no
componente.
Você pode quebrar o vínculo e mover as condições para o principal projeto da
montagem.

104
SOLIDWORKS Flow Simulation

Configurações de malha para o Flow Simulation


A nova opção Dependent on Channel Height permite que você facilmente alcance a
malha necessária em canais de altura diferente configurando o nível de refinamento
dependendo da altura do canal. A opção é disponível no grupo Channels da caixa de
diálogo das configurações de malha.

105
14
Importar/Exportar

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Classificação de entidade IFC e exportação de propriedades personalizadas


• Importação e exportação de arquivos 3MF
• Importação de arquivos de malha
• SOLIDWORKS 3D Interconnect
• Opções do sistema para Interoperabilidade

Classificação de entidade IFC e exportação de propriedades


personalizadas
Você pode salvar um arquivo SOLIDWORKS como um arquivo IFC com classificação de
entidade IFC. Em seguida, você pode exportá-lo com propriedades personalizadas que
incluem os metadados IFC juntamente com outras propriedades.

Classificação de arquivos SOLIDWORKS como entidades


IFC
Você pode salvar um arquivo SOLIDWORKS como um arquivo .ifc com classificação de
entidade .ifc.
Para classificar arquivos SOLIDWORKS como entidades .ifc:

1. Abra um arquivo de peça ou montagem SOLIDWORKS.


2. Clique em Arquivo > Propriedades.
3. Na caixa de diálogo, na guia Personalizado:
a) Em Nome da propriedade, selecione IFC.
b) Em Valor/expressão em texto, selecione a taxonomia apropriada.
c) Clique em OK.

Exportação para o formato IFC


Você pode exportar um arquivo IFC com propriedades personalizadas que incluem os
metadados IFC juntamente com outras propriedades.

106
Importar/Exportar

Para exportar para o formato IFC:

1. Com um modelo aberto, clique em Salvar como (barra de ferramentas Padrão)


ou em Arquivo > Salvar como.
2. Na caixa de diálogo Salvar como:
a) Em Salvar como tipo, selecione IFC 2x3( *.ifc) ou IFC 4(*.ifc).
b) Clique em Opções.
3. Na caixa de diálogo Opções do sistema, configure as opções:

Opção Descrição


OmniClass ou UniClass2015 Exporta os metadados de classificação com
a entidade IFC se ela for especificada no
arquivo.

Propriedades personalizadas ou Exporta as propriedades para o arquivo do


Propriedades de material e massa SOLIDWORKS.

4. Se estiver exportando o arquivo como IFC 4, salve-o como:


• BREP
• BREP e tesselação
• Tesselação

5. Clique em OK.
6. Clique em Salvar.

Importação e exportação de arquivos 3MF


É possível importar arquivos no formato 3MF (3D Manufacturing Format) e exportar
arquivos de peças e montagens do SOLIDWORKS como arquivos 3MF. Dassault Systemes
é um membro fundador do consórcio de indústrias 3MF, cujo objetivo é eliminar problemas
de interoperabilidade em formatos de impressão 3D.

Importação de arquivos 3MF no SOLIDWORKS


Para importar arquivos 3MF no SOLIDWORKS:

1. Clique em Abrir (barra de ferramentas Padrão) ou em Arquivo > Abrir.


2. Na caixa de diálogo, em Arquivos do tipo, selecione Formato 3D Manufacturing
(*.3mf).
3. Navegue até o arquivo a ser aberto.
4. Clique em Opções.

107
Importar/Exportar

5. Na caixa de diálogo, defina Importar como para um dos seguintes e clique em OK.
• Corpo gráfico
• Corpo sólido
• Corpo de superfície

6. Clique em Abrir.
O arquivo é importado para o SOLIDWORKS.

Exportação de arquivos do SOLIDWORKS como arquivos


3MF
Você pode exportar arquivos de peças e montagens do SOLIDWORKS como arquivos 3MF.
Para exportar arquivos do SOLIDWORKS como arquivos 3MF:

1. Com um modelo aberto, clique em Salvar como (barra de ferramentas Padrão)


ou em Arquivo > Salvar como.
2. Na caixa de diálogo:
a) Defina Salvar como tipo para Formato de manufatura 3D (*.3mf).
b) Clique em Opções.
3. Na caixa de diálogo, defina estas opções:

Opção Descrição

Formato de Exibe o formato de arquivo selecionado.


arquivo

Saída como
Para Unidade, selecione a unidade de medida.

108
Importar/Exportar

Opção Descrição

Resolução Controla a tesselação de superfícies não planas para saída 3MF.


Uma configuração de desvio menor produz um arquivo 3MF
tesselado mais finamente. Os arquivos gerados com configurações
de precisão mais alta (tesselação maior) são maiores e mais lentos
para gerar.
Sem Resoluções predefinidas.
refinamento
ou Refinado

Custom • Mova a barra deslizante Desvio para ajustar


a Tolerância de desvio, que controla a
tesselação de toda a peça. Números mais
baixos geram arquivos com maior precisão
de toda a peça.
• Mova a barra deslizante Ângulo para ajustar
a Tolerância de ângulo, que controla a
tesselação dos detalhes menores. Números
mais baixos geram arquivos com maior
precisão de detalhes menores, mas esses
arquivos levam mais tempo para serem
gerados.

À medida que as duas barras deslizantes são


movidas, os círculos concêntricos
correspondentes são ajustados de acordo.
Os círculos mostram, aproximadamente,
como a tesselação variará em função das
configurações. (Consulte Visualização a
seguir).

Mostrar Exibe estas informações: Triângulos (número),


informações Tamanho do arquivo, Formato do arquivo
3MF antes de e caminho de diretório e nome de arquivo.
salvar o
arquivo

Visualizar Exibe uma visualização de modelo facetada e


antes de salvar exibe as informações Triângulos (número) e
o arquivo Tamanho do arquivo na caixa de diálogo
Opções do sistema.

Incluir Inclui materiais de base com o arquivo exportado.


materiais

Incluir Inclui aparências com o arquivo exportado. Somente aparências


aparências de textura mapeadas da superfície são exportadas para 3MF.

109
Importar/Exportar

Opção Descrição

Sistema de Selecione um sistema de coordenadas a ser aplicado para


coordenadas exportação. Se você selecionar -- valor predeterminado --,
de saída nenhuma matriz de transformação será aplicada.

4. Clique em OK.
5. Clique em Salvar.

Importação de arquivos de malha


Você pode importar um arquivo digitalizado com dados da malha para o software
SOLIDWORKS sem utilizar o suplemento ScanTo3D. O software importa o arquivo e os
dados da malha associada para um corpo sólido ou de superfície. Você pode selecionar
e fazer referência às facetas, segmentos verticais e arestas de facetas convertidos.
Também é possível manter a malha como um modelo no SOLIDWORKS, que permite
visualização gráfica do modelo da malha.
Para importar arquivos de malha:

1. Clique em Abrir (barra de ferramentas Padrão) ou em Arquivo > Abrir.


2. Na caixa de diálogo, em Arquivos do tipo, selecione Arquivos de malha (*.stl,
*.obj;*.off;*.ply;*.ply2).
Você pode também importar os formatos de arquivo *.3mf e *.wrl como corpos
gráficos, corpos sólidos e corpos de superfície.
3. Navegue até um arquivo para abri-lo.
4. Clique em Opções.
5. Na caixa de diálogo, defina Importar como para um dos seguintes e clique em OK.
• Corpo gráfico
• Corpo sólido
• Corpo de superfície

O software pode importar e criar vários corpos sólidos a partir do arquivo de malhas,
desde que a malha seja fechada. Se a malha não for fechada, a opção “Importar
como corpo sólido” criará automaticamente corpos de superfície para todos os
corpos que não puderem ser importados como corpos sólidos.

6. Clique em Abrir.
O arquivo é importado.

SOLIDWORKS 3D Interconnect
O 3D Interconnect substitui os recursos de conversão atuais do SOLIDWORKS pelos novos
fluxos de trabalho e tecnologias para funcionar com dados de CAD nativos de terceiros
no SOLIDWORKS 2017.
Você pode fazer o seguinte:

110
Importar/Exportar

• Inserir dados CAD proprietários diretamente em uma montagem SOLIDWORKS sem


convertê-los em um arquivo SOLIDWORKS.
• Abrir o formato CAD 3D proprietário no software SOLIDWORKS com seu link associado
à peça original.
• Atualizar as alterações no arquivo SOLIDWORKS, caso você atualize os dados CAD
proprietários no aplicativo de autoria de um arquivo SOLIDWORKS ao manter todos
recursos subsequentes criados no SOLIDWORKS.
Os seguintes formatos e suas versões são suportados no 3D Interconnect:
• CATIA® V5: .CATPart, .CATProduct para V5R8 – 5–6R2016
• Autodesk® Inventor: .ipt para V6 – V2016, .iam para V11 – V2016
• PTC®: .prt, .prt.*, .asm, .asm.* para Pro/ENGINEER® 16 – Creo 3.0
• Solid Edge®: .par, .asm, .psm para V18 – ST8
• Software NX™: .prt para UG 11 – NX 10

O CATIA® V5-SOLIDWORKS está disponível com licença do SOLIDWORKS Premium.

Ativar ou desativar o 3D Interconnect


Você pode ativar ou desativar a funcionalidade do 3D Interconnect no SOLIDWORKS. Ela
está ativada por padrão.
Para ativar ou desativar o 3D Interconnect :

1. Clique em Ferramentas > Opções > Opções do sistema > Importar.


2. Na caixa de diálogo, defina o Formato de arquivo como Inventor/Catia
V5/Creo/NX/Solid Edge.
3. Marque ou desmarque Ativar 3D Interconnect.
4. Clique em OK.

Inserção de um arquivo CAD nativo de Terceiros em uma


montagem do SOLIDWORKS
Você pode inserir um arquivo CAD nativo de terceiros em uma montagem do SOLIDWORKS
usando a ferramenta Inserir componente.
Para inserir um arquivo CAD nativo de terceiros em uma montagem
SOLIDWORKS:

1. Abra a letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\


SOLIDWORKS 2017\whatsnew\import_export\gear box_1.sldasm.
2. Clique em Inserir componente /> (barra de ferramentas Montagem).
3. Na caixa de diálogo, navegue até letra de unidade:\Users\Public\Public
Documents\SOLIDWORKS\SOLIDWORKS 2017\whatsnew\import_export\Round Cover
Plate_2.ipt.
4. Clique em Abrir e monte-o na montagem do SOLIDWORKS.

111
5. Clique em Inserir componente /> (barra de ferramentas Montagem) e navegue
até letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\SOLIDWORKS
2017\whatsnew\import_export\wormgear.asm.1.
6. Clique em Abrir e monte-o na montagem do SOLIDWORKS.
Os arquivos de terceiros do Autodesk® Inventor e PTC® Creo® são inseridos na
montagem do SOLIDWORKS.

Abertura de um arquivo CAD nativo de terceiros no


SOLIDWORKS
Você pode usar a caixa de diálogo Abrir para abrir um CAD nativo de terceiros no
SOLIDWORKS. Quando você abrir uma peça de terceiros, uma nova peça do SOLIDWORKS
será criada e o arquivo de terceiros será inserido nela como uma peça derivada ou base.
Para abrir um arquivo CAD nativo de terceiros no SOLIDWORKS:

1. Clique em Abrir (Barra de ferramentas padrão) ou em Arquivo > Abrir.


2. Na caixa de diálogo, navegue até letra de unidade:\Users\Public\Public
Documents\SOLIDWORKS\SOLIDWORKS 2017\whatsnew\import_export\Round Cover
Plate_2.ipt.
3. Faça as alterações na peça usando recursos do SOLIDWORKS.
4. Atualize a peça com a segunda versão da peça.
Quaisquer modificações que você tenha feito na peça base serão atualizadas na peça
do SOLIDWORKS sem perder os recursos subsequentes.

Opções do sistema para Interoperabilidade


As opções Importar/Exportar foram movidas para a caixa de diálogo Opções do sistema.
Anteriormente, elas eram acessadas nas caixas de diálogo Abrir e Salvar como.
Clique em Ferramentas > Opções > Opções do sistema e clique em Importar ou
Exportar. Em Formato de arquivo, defina o tipo de arquivo.

112
15
SOLIDWORKS Inspection

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Suplemento do SOLIDWORKS Inspection


• SOLIDWORKS inspection independente

Suplemento do SOLIDWORKS Inspection

Melhorias de usabilidade
Todos os ícones localizados previamente no PropertyManager foram movidos para o
CommandManager para simplificar a interface do usuário.
Estes ícones foram modificados:

Nome da ferramenta Marker

Editar projeto de inspeção

Adicionar/Editar balões

Atualizar projeto de inspeção

Baloneamento manual de desenhos


Balonear os desenhos manualmente oferece maior controle sobre como o SOLIDWORKS
Inspection adiciona balões aos desenhos.
Quando você seleciona o baloneamento automático, o software baloneia todas as
características do desenho, usando a ordem de classificação especificada (sentido horário
ou anti-horário).
Se você selecionar o baloneamento manual, o software:
• Coloca balões somente nas características específicas que você identificou.
• Ordena os balões com base na ordem em que você os selecionou.

113
SOLIDWORKS Inspection

Para balonear os desenhos manualmente:

1. Clique em Novo projeto de inspeção (SOLIDWORKS Inspection


CommandManager).
2. Selecione um template de projeto.
3. Na guia Configurações gerais do PropertyManager de Criar projeto de inspeção, em
Informações de característica, para Extração, selecione Manual.

4. Clique em para validar as configurações do projeto.

5. Clique em Adicionar característica (CommandManager do SOLIDWORKS


Inspection).
6. Na área de gráficos, use uma das seguintes técnicas para selecionar as características
que receberão um balão:
• Selecione características individuais.
As características são adicionadas à Árvore de características na ordem em que
você as seleciona.

• Adicione um conjunto de características à caixa.


Todas as características dentro da caixa são adicionadas à Árvore de características.

114
SOLIDWORKS Inspection

Para remover uma característica, clique nela na área de gráficos.

Se você deseja balonear a maioria, mas não todas as características, você pode
selecionar todo o desenho e depois remover as características não deseja balonear.

7. Clique em Adicionar/Editar Balões (SOLIDWORKS Inspection


CommandManager).
O software cria balões para as características que você selecionou, na ordem em que
você as selecionou.

Esta etapa não será necessária se você tiver selecionado Balão automático nas
Configurações do projeto do Inspection.

Escolha do formato de um balão VDA


Os balões VDA, que ficavam disponíveis independentemente no SOLIDWORKS Inspection,
agora estão disponíveis no suplemento do SOLIDWORKS Inspection.
Os balões VDA são caracterizados por um formato de gota e frequentemente são usados
na indústria automóveis alemã.

115
SOLIDWORKS Inspection

Para escolher do formato de um balão VDA:

1. Clique em Adicionar/Editar Balões (SOLIDWORKS Inspection


CommandManager).
2. No PropertyManager Configurações de balão, em Formato regular, para Formato,
selecione VDA.

3. Clique em .

Prevenção de renumeração de balões por meio de bloqueio


Impedir renumeração automática permite adicionar ou remover balões sem afetar a
disposição e a numeração dos balões que permanecerem.
Quando você revisa um projeto do SOLIDWORKS Inspection ao excluir ou adicionar
características e, depois, ao atualizá-lo, por padrão, o software renumera os balões no
documento. Se você especificou uma ordem de classificação no sentido horário ou
anti-horário, quando os balões são numerados, essa ordem é mantida.
Por exemplo, se você remover a característica representada pelo balão 3, a próxima
característica na sequência é renumerada com o balão 3. De acordo com a versão do
relatório de inspeção, os recursos de medição são diferentes. Isso pode criar uma confusão
e gerar erros onerosos.

116
SOLIDWORKS Inspection

Numeração original do balão

Balões renumerados após a remoção da característica 3

Você pode substituir esse comportamento usando Impedir Renumeração automática.


Quando usar o recurso para impedir renumeração automática:
• Se você remover um balão, o número dele é removido da sequência sem afetar os
outros números de balões.
• Se você adicionar novas características, elas serão adicionadas no final da sequência
de números de balões.
Para impedir a renumeração dos balões:

1. Clique em Novo projeto de inspeção (SOLIDWORKS Inspection


CommandManager).
2. Selecione um template de projeto.
3. Na página Configurações gerais, em Informações de característica, selecione
Impedir Renumeração automática e clique em .
4. Para remover um balão, siga um destes procedimentos:

117
SOLIDWORKS Inspection

• Na Árvore de características, selecione o balão. Em Propriedades, desmarque


a caixa de seleção Selecionada.
A característica não está mais selecionada para inspeção; no entanto, o número
do balão permanece associado à característica.

Se você usar este método, é possível restaurar o balão, se necessário, ao marcar


a caixa de seleção novamente.

• Na área de gráficos, exclua a característica associada ao balão e clique em

Atualizar projeto de inspeção .


O software remove o número do balão da sequência, mas mantém a numeração
original dos balões restantes.

A numeração original do balão é mantida

SOLIDWORKS inspection independente

Zoom com scroll do mouse no SOLIDWORKS Inspection


O Zoom com scroll do mouse permite navegar por um projeto de inspeção com controles
similares aos do SOLIDWORKS.
O Zoom com scroll do mouse é selecionado por padrão na guia Opções do aplicativo
da caixa de diálogo Opções.
Para usar o zoom com o scroll do mouse:
• Role para cima para diminuir o zoom.
• Role para baixo para aumentar o zoom.
• Pressione e segure o botão do meio do mouse para ter uma visão panorâmica.
Além disso, você pode usar os seguintes comandos para navegar:
Alt + Esquerda Ir para a folha anterior.

118
SOLIDWORKS Inspection

Página abaixo Ir para a folha anterior.

Alt + Direita Ir para a próxima folha.

Page Up Ir para a próxima folha.

Alt + Cima Rolar para cima.

Alt + Baixo Rolar para baixo.

Página inicial Ir para a primeira folha.

Fim Ir para a última folha.

119
16
SOLIDWORKS MBD
O SOLIDWORKS MBD está disponível como um produto comprado separadamente que você
pode usar com o SOLIDWORKS Standard, o SOLIDWORKS Professional e o SOLIDWORKS
Premium.

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Precisão do PDF 3D
• Melhorias do Editor de Templates do PDF 3D
• Orientação da exibição de anotações
• Anexo de arquivos em PDFs 3D
• Comparação de PMI 3D entre peças
• Exportação de anotações de PMI para STEP 242
• Correspondência de nomes em PDFs 3D
• Reordenamento de vistas 3D
• Exibição em esboços nos PDFs 3D

Precisão do PDF 3D
Ao salvar ou publicar como PDF 3D, você pode definir o nível de precisão para um PDF
3D.
Para definir a precisão do PDF 3D:

1. Clique em Publicar como 3D PDF (barra de ferramentas do SOLIDWORKS MBD).


2. No PropertyManager, em Precisão, selecione uma opção:

Nível de precisão Descrição

Maximum Sem compactação com perdas (pode


resultar em arquivos muito grandes).

Alto Tolerância de 0,001mm (baixa


compressão, alta precisão) Baixa
compactação com perdas pode resultar
em arquivos grandes.

Médio Tolerância de 0,01mm (média compressão,


precisão média) Média compactação com
perdas pode resultar em arquivos de
tamanho moderado.

120
SOLIDWORKS MBD

Nível de precisão Descrição

Baixo Tolerância de 0,1mm (alta compressão,


baixa precisão) Alta compactação com
perdas pode resultar em arquivos
menores.

3. Para aplicar a compactação com perdas aos polígonos no modelo, selecione Usar
compactação com perdas na tesselação.

Para obter mais informações, consulte Compactação com perdas.

Melhorias do Editor de Templates do PDF 3D


O Editor de Template do PDF 3D permite mais controle do layout e formatação dos
modelos.

Alinhamento de elementos
Você pode alinhar dois ou mais elementos de template como superior, inferior, esquerda,
direita, centro ou meio.
Para alinhar elementos:

1. No Editor de Template do PDF 3D, selecione dois ou mais elementos, por exemplo,
uma imagem e uma área de texto.

2. Clique em Alinhar e clique em Esquerda , Centro , Direita , Superior


, Meio ou Inferior .

Copiar e colar entre páginas


As guias agora são chamadas de páginas. Você pode copiar um elemento de uma página
para outra.
Para copiar e colar entre as páginas:

1. Selecione o item a serem copiado.


2. Clique em Ctrl + C.
3. Selecione uma página.
4. Clique em Ctrl + V.

Formatação do texto
Você pode formatar o texto usando os estilos negrito, itálico e sublinhado, e pode alinhar
texto à esquerda, direita, centralizado e justificado.
Para formatar o texto:

1. No Editor de Template do PDF 3D, clique em Texto .


2. Clique para colocar o espaço reservado da área de texto no template.

121
SOLIDWORKS MBD

3. No PropertyManager, em Propriedades, defina a opções de formatação.


4. Clique fora do bloco de texto.

Usar o pincel de formatos


O Pincel copia um estilo de texto para outro elemento de texto.
Para usar o Pincel:

1. Selecione o texto cujo estilo (fonte, tamanho, negrito, itálico, sublinhado, tachado,
cor e alinhamento) você deseja copiar.

2. Clique em Pincel .
3. Clique no texto onde deseja colocar o estilo.
O estilo do texto original é aplicado ao texto selecionado.

Agrupamento e desagrupamento de elementos


Você pode agrupar e desagrupar elementos em uma página de template.
Para agrupar elementos:
1. Pressione Ctrl e selecione dois ou mais elementos.
2. Clique em Grupo > Agrupar .
Para desagrupar elementos:
1. Selecione um conjunto de elementos agrupados.
2. Clique em Grupo > Desagrupar .

Inserção de elementos no local do ponteiro


Quando você insere um elemento, como um texto ou retângulo, em um template de PDF
3D, ele é colocado no local do ponteiro.

Inserção de retângulo
Você pode inserir um retângulo em um template de PDF 3D.
Para inserir retângulos:

1. No Editor de Template do PDF 3D, clique em Retângulo .


2. Coloque o retângulo na página.
Você pode posicionar e dimensionar o retângulo.
3. Defina as opções, como cor de preenchimento, contorno, espessura da borda e raio
de canto.

4. Clique em .

Bloqueio de elementos
Você pode bloquear elementos em uma página de template para impedir que eles sejam
movidos ou redimensionados.

122
SOLIDWORKS MBD

• Para bloquear um elemento, selecione o elemento e clique em Bloquear .


• Para desbloquear um elemento, selecione o elemento e clique em Desbloquear .

Ordenação de elementos
Você pode definir a ordem dos elementos de frente para trás.
Para ordenar os elementos:

1. Selecione um elemento e clique em Ordenar .


2. Clique em uma opção:

Opção Descrição

Trazer para frente


Move o elemento para a primeira posição.

Trazer uma para frente


Move o elemento uma posição para frente.

Enviar para trás


Move o elemento para a última posição.

Enviar uma para trás


Move o elemento uma posição para trás.

Renomeação de páginas
Você pode renomear páginas em um template.
Para renomear páginas:

1. Clique duas vezes no nome da página.


2. Digite o novo nome.
3. Clique fora do nome para salvar o novo nome.

Reposicionamento de páginas
Você pode alterar a posição das páginas em um template arrastando e soltando a guia
da página em um novo local. Isso permite que você comece um documento com uma
página de capa ou outras informações introdutórias, como um aviso de isenção de
responsabilidade ou declarações de regulamento.

Posição inicial das guias de página

123
SOLIDWORKS MBD

Guias de página reposicionadas

Redimensionamento de linhas e colunas em tabelas


genéricas
Para redimensionar linhas ou colunas, posicione o cursor sobre o divisor da linha ou da
coluna e arraste-o.

Orientação da exibição de anotações


Ao serem publicadas em PDF 3D, as anotações são orientadas de forma que fiquem
sempre legíveis na orientação predeterminada de cada vista 3D.

Anexo de arquivos em PDFs 3D


Ao publicar em PDF 3D, você pode anexar arquivos.
Para anexar arquivos em PDFs 3D:

1. Clique em Publicar em PDF 3D .


2. No PropertyManager, em Anexos, clique em Anexar arquivos.
3. Navegue até o arquivo a ser incluído e clique em Abrir.
O arquivo é incluído como um anexo.

Comparação de PMI 3D entre peças


Você pode usar a ferramenta Comparar PMI 3D para comparar anotações do DimXpert,
dimensões de referência e outras anotações entre dois documentos de peça.

124
SOLIDWORKS MBD

Documento de referência

Documento modificado

Para comparar PMI 3D entre peças:


1. Clique em Ferramentas > Comparar > PMI 3D.
2. No Painel de Tarefas, selecione Documento de referência e Documento modificado.
3. Clique em Executar comparação.

Exportação de anotações de PMI para STEP 242


Você pode exportar peças e montagens do SOLIDWORKS com anotações de PMI para o
formato STEP 242.
Para exportar anotações de PMI para STEP 242:

1. Clique em Publicar arquivo STEP 242 (barra de ferramentas SOLIDWORKS MBD).


2. Na caixa de diálogo, digite um nome de arquivo.
3. Clique em Salvar.

125
Correspondência de nomes em PDFs 3D
Os nomes atribuídos ao PMI do DimXpert em PDFs 3D correspondem aos nomes originais
no SOLIDWORKS.

Reordenamento de vistas 3D
Você pode reordenar vistas 3D na guia Vistas 3D usando o recurso de arrastar e soltar
ou Ordem de classificação.

Reordenação de vistas 3D usando o recurso de arrastar


e soltar
Para reordenar vistas 3D usando o recurso de arrastar e soltar:

1. Selecione uma vista 3D.


2. Arraste-a e solte-a em um local.
Quando você reordena vistas usando o recurso de arrastar e soltar, a vista é chamada
de Personalizada.

Reordenação de vistas 3D usando Ordem de classificação


Para reordenar vistas 3D usando Ordem de classificação:

Na guia Vistas 3D, em Ordem de classificação, selecione uma opção.

Opção Ordem de classificação

Nome Alfabética, por nome de vista 3D.

Configuração Alfabética, por configuração e depois por nome de vista


3D.

Estado de exibição Alfabética, por estado de exibição e depois por nome


de vista 3D.

Personalizado Ordem salva da reorganização de arrastar e soltar.

História Ordem de criação.

Exibição em esboços nos PDFs 3D


Os esboços que são visíveis em vistas 3D são exibidos em PDFs 3D dentro da mesma
vista 3D.

126
17
Exibição do modelo

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Controle de decalques e cenas pelos estados de exibição


• Exibição dos resultados do SOLIDWORKS Simulation na área de gráficos
• Avaliação de modelos para impressão 3D
• Renderização da rede do PhotoView 360 oferece suporte para renderização
quadro-a-quadro
• Vistas de seção

Controle de decalques e cenas pelos estados de exibição


Você pode definir que os estados de exibição usem diferentes instâncias de decalques e
cenas.
Você também pode configurar fontes de luz para todos os tipos de luz, incluindo a luz do
sol. Esse recurso requer o PhotoView 360.
Para controlar decalques e cenas pelos estados de exibição:

1. Abra a letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\


SOLIDWORKS 2017\whatsnew\model_display\usb_drive1\usb_drive1.sldasm.

2. Na árvore de projeto do FeatureManager, clique com o botão direito em usb_case1


e clique em Abrir peça .

3. Adicione um estado de exibição chamado Barcode e personalize-o:


a) Clique em no topo da árvore de projeto do FeatureManager.
O Painel de exibição aparece.

127
Exibição do modelo

b) Clique com o botão direito no Painel de exibição e clique em Adicionar estado


de exibição .
c) Digite Barcode para o nome do campo que aparece na parte superior.
d) Selecione a guia DisplayManager .
e) Clique em Exibir decalques e depois em Abrir biblioteca de decalques.
f) No Painel de tarefas, arraste o decalque de Código de barras até Case_body.

Quando você arrasta o decalque e posiciona-o em seu componente, um


manipulador aparece acima do decalque. Você pode alterar a direção e o
alinhamento do decalque usando o manipulador.

g) No PropertyManager de Decalque, em Estados de exibição, selecione Este estado


de exibição e clique em .
h) Na área de gráficos, clique com o botão direito e selecione Editar cena .
i) No Painel de tarefas, clique em Cenas de apresentação e arraste a cena Plano
de fundo de cozinha até a área de gráficos.
j) Clique em .

4. Adicione outro estado de exibição chamado Desenvolvido_com_SOLIDWORKS e


personalize-o.
a) Clique com o botão direito no Painel de exibição e selecione Adicionar estado de
exibição .
b) Digite Designed_with_SOLIDWORKS para o nome do campo que aparece na parte
superior.
c) No DisplayManager, clique com o botão direito em códigodebarras1 e clique
em Excluir.
d) No PropertyManager de Decalques, clique em Abrir biblioteca de decalques.
e) No Painel de tarefas, arraste o decalque Desenvolvido com SOLIDWORKS até
o Case_Body.

128
Exibição do modelo

f) No PropertyManager de Decalque, em Estados de exibição, selecione Este estado


de exibição e clique em .

g) Na área de gráficos, clique com o botão direito e selecione Editar cena .


h) No Painel de tarefas, clique em Cenas de apresentação e arraste a cena Plano
de fundo de fábrica até a área de gráficos.
i) Clique em .

5. Na guia ConfigurationManager , em Estados de exibição, clique em Barcode e


em Designed_with_SOLIDWORKS para alternar entre os estados de exibição.
6. No CommandManager das Ferramentas de renderização, clique em Estados de
exibição alvo .
A caixa de diálogo Estado de exibição alvo é aberta.

Quando você alterna entre estados de exibição, o estado de exibição ativo é


selecionado na caixa de diálogo Estado de exibição alvo. Isso é útil para apagar
ou personalizar decalques e cenas no estado de exibição ativo.

Exibição dos resultados do SOLIDWORKS Simulation na


área de gráficos
Você pode exibir os resultados do SOLIDWORKS Simulation na área de gráficos do
SOLIDWORKS juntamente com outros componentes ou corpos do modelo que não são
parte da simulação.
Assim, não é necessário alternar entre os resultados da simulação e o ambiente de
modelagem. Mão é ideal exibir os resultados da simulação nos corpos e componentes.
Essa exibição ajuda a com os propósitos de marketing e projeto preditivo. Antes, se você
executasse uma simulação em um componente de uma montagem, somente o componente
era exibido com os resultados e todos os outros componentes eram ocultados.

Um exemplo de projeto preditivo é fazer alterações no modelo com base nos resultados
da simulação.

Disponível com as licenças do SOLIDWORKS Simulation.

129
Exibição do modelo

Para exibir os resultados do SOLIDWORKS Simulation na área de gráficos:

1. Abra a letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\


SOLIDWORKS 2017\whatsnew\model_display\sunglasses.sldasm.
Se a caixa de diálogo Resolver componentes de peso leve aparecer, clique em OK.
Há um estudo de simulação salvo com a montagem.

2. Clique na guia Static 1.

3. Na árvore de estudos do Simulation, clique com o botão direito em Estático 1 e


clique em Executar.
4. Clique na guia Model.

5. Clique em Simulation Display (barra de ferramentas View) ou em View > Display


> Simulation Display.
Se a caixa de diálogo Simulation Display aparecer, clique em OK.
6. No PropertyManager:
a) Em Selected Result, selecione Displacement1.
b) Clique em .
A montagem é exibida com os resultados da simulação em seu contexto.

O comando Exibição do Simulation só lista as plotagens de resultados dos estudos


cujos dados de simulação foram todos carregados. Para carregar todos os dados
de simulação, clique em Simulation > Opções > Opções do sistema > Geral
e selecione Carregar todos os estudos do Simulation ao abrir um modelo
(requer mais tempo para abrir um modelo). Outra opção para carregar dados
de simulação de um estudo específico é clicar em guias de simulação individuais.

130
Exibição do modelo

Avaliação de modelos para impressão 3D


Antes de imprimir um modelo usando uma impressora 3D, você pode avaliar a espessura
e os espaçamentos dele para ver se essas características podem ser impressas por meio
da tecnologia de impressão 3D de Modelagem de Deposição Mesclada (FDM, Fused
Deposition Modeling).
Com base na altura da layer e no material termoplástico selecionado, você pode identificar
problemas com a espessura de parede e a largura do espaçamento antes de imprimir o
modelo.
A ferramenta Impressão 3D identifica onde a espessura da parede ou a distância entre
duas faces em uma ranhura está abaixo de um determinado limite e realça a geometria
no modelo. Essa ferramenta é útil quando modelos grandes são reduzidos ou quando
modelos detalhados são impressos em uma impressora 3D.
Para avaliar os modelos para impressão 3D:

1. Abra letra da unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\SOLIDWORKS


versão\whatsnew\model_display\airplane.sldprt.

2. Clique em Impressão 3D (barra de ferramentas Padrão) ou em Arquivo >


Impressão 3D.
3. No PropertyManager, clique na guia Configurações e faça o seguinte:
a) Defina o Plano inferior do modelo.
b) Defina o valor de Escala.
c) Clique em Dimensionar para ajustar.
4. No PropertyManager, clique na guia Visualização e faça o seguinte em Altura da
layer:
a) Defina a Altura da layer como 0,5.
b) Selecione Análise de espaçamento/espessura e Personalizar espessura e
espaçamento.
c) Defina Espessura/espaçamento como 2,5.
d) Defina Ângulo como 178.
e) Clique em Calcular.
As áreas do modelo com espaçamentos muito pequenos ou muito grandes são
mostradas.

131
Exibição do modelo

Renderização da rede do PhotoView 360 oferece suporte


para renderização quadro-a-quadro
O PhotoView 360 oferece suporte para a renderização de rede quadro-a-quadro quando
você salva uma animação, o que aumenta o desempenho de renderização.
O recurso de renderização da rede do PhotoView 360 permite que você distribua a
renderização de uma animação para até 10 máquinas clientes em rede que estejam
executando o PhotoView 360 Net Render Client.
Em versões anteriores, vários computadores clientes compartilhavam o trabalho de
renderização do mesmo quadro, o que exigia uma quantidade significativa de
intercomunicação de rede. No SOLIDWORKS 2017, cada computador cliente trabalha
independentemente em seus próprios quadros. Isso reduz a necessidade da comunicação
entre os computadores clientes e pode diminuir drasticamente o tempo necessário para
completar a renderização. Não são necessárias alterações na forma como os clientes
estão configurados.
Para configurar a renderização quadro a quadro, você só precisa configurar uma rede de
computadores.
A lista de computadores disponíveis é exibida na parte inferior da interface do PhotoView
Network Render Client. Você pode também visualizar a lista expandindo a guia na parte
inferior da janela de renderização final.
Observe que computadores em redes sem fio não interagem bem quando se trata de
renderização em rede ou renderização de animação quadro a quadro. O computador
coordenador ou o computador que executa o PhotoView Network Render Client não deve
usar uma conexão sem fio para acessar a rede.

132
Exibição do modelo

Vistas de seção

Criação de vistas de seção transparentes


Ao criar vistas de seção, você pode definir corpos e componentes individuais para ficarem
transparentes.
A transparência ajuda a ver através da parte interna do modelo. A vista de seção
transparente está disponível no PhotoView 360.
Para criar uma vista de seção transparente:

1. Abra a letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\


SOLIDWORKS 2017\whatsnew\model_display\gearbox\GEARBOX.sldasm.

2. Clique em Vista de seção (barra de ferramentas Exibir) ou em Exibir > Exibição


> Vista de seção.
3. No PropertyManager:
a) Em Método de seção, selecione Zonal.
b) Selecione Componentes transparentes.

133
Exibição do modelo

4. Na Árvore de projeto do FeatureManager, selecione HOUSING - GEARS.


5. No PropertyManager, em Componentes transparentes:
a) Selecione Incluir selecionado para tornar o encaixe transparente.
b) Defina o Valor de transparência para 0,75.

c) Clique em .
A vista de seção é aberta com um encaixe transparente.

134
Exibição do modelo

Manter cor da tampa


No PropertyManager Vista de seção, a opção Manter cor da tampa é selecionada por
padrão.
Além disso, nas versões anteriores, se você selecionasse Seção somente gráficos, a
opção Manter cor da tampa era selecionada automaticamente. Isso não acontece mais.
Quando selecionada, a opção Manter cor da tampa é sempre refletida na exibição do
modelo com uma tampa de cor sólida ou parcialmente colorida.

135
18
Peças e recursos

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Furos avançados
• Padrões circulares bidirecionais
• Melhorias do chanfro
• Conversão de recursos em corpos e superfícies
• Classificação da lista de corte
• Referências de peça derivada são mantidas
• Ativação e desativação de equações em todas as configurações
• Extrusão a partir de uma face plana de qualquer tamanho
• Reconstrução de todas as configurações
• Execução do FeatureWorks depois de adicionar itens às peças importadas
• Selecionar todos os recursos de divisão e salvar corpos
• Seleção de faces, arestas e curvas do perfil de varredura
• Aprimoramentos da rosca
• Melhorias em O que está errado?
• Seleção de janela para instâncias a ignorar
• Envolvimento cria geometria em qualquer face

Furos avançados
Com a ferramenta Furo Avançado, você pode definir furos avançados das faces do lado
mais próximo e mais distante. Flyouts do elemento de furação ajudam a orientar o
processo. Uma caixa de grupo Favoritos está disponível no PropertyManager.

Criação de elementos de furo avançado


1. Crie uma simples peça de bloco extrudado.

Para ver melhor as visualizações, pressione Ctrl + selecione todas as faces e clique
em Aparências. No Painel de Tarefas, em Vidro, clique duas vezes em Vidro
transparente para aplicar a aparência.

2. Clique em Furo avançado (barra de ferramentas Recursos) ou em Inserir >


Recursos > Furo avançado.
O PropertyManager é aberto com o flyout do Lado mais próximo exibido.
3. No PropertyManager, na guia Tipo, em Faces dos lados mais próximo e mais
distante, selecione uma face.

136
Peças e recursos

É exibida uma visualização temporária do furo. O local é temporário e baseado na sua


seleção inicial na face. Você define a posição mais tarde.

4. No flyout do Lado mais próximo, clique em Inserir elemento sob o elemento


ativo para adicionar um elemento do Lado mais próximo ao furo avançado.
5. No PropertyManager, em Faces dos lados mais próximo e mais distante, selecione
Lado mais distante, em seguida, selecione a face oposta no modelo.
O flyout do Lado mais próximo agora exibe dois elementos do Lado mais próximo.
O flyout do Lado mais distante está ativo e contém um elemento. Uma barra separa
os flyouts.

O tipo de elemento predefinido nos flyouts é Rebaixado .

Em seguida, você definirá as especificações do elemento.

Definir especificações do elemento


1. No flyout do Lado mais próximo, selecione o elemento superior para ativá-lo. Que
deve manter o tipo de furo como Rebaixado, mas modificar algumas definições.
2. Em Especificação do elemento:
a. Em Tipo, selecione Parafuso de tampa com cabeça de soquete sextavado.
b. Em Tamanho, selecione 1/4.
A visualização temporária do elemento do Lado mais próximo será atualizada.

137
Peças e recursos

3. No flyout, clique em para ver o segundo elemento do Lado mais próximo e, em

seguida, clique em Reto .


Que deverá modificar as especificações para este elemento.
4. Em Especificação do elemento:
a. Em Tipo, selecione Folgas de parafuso.
b. Em Tamanho, selecione 1/4.
c. Para o Dimensionamento personalizado, defina a Condição final como Cego
e a Profundidade como 1.
A visualização será atualizada para mostrar o tamanho e a profundidade modificada
para o elemento Reto.

138
Peças e recursos

Nos flyouts, você pode arrastar elementos para reposicioná-los. Se a operação de


arrastar causar uma falha no elemento, ele será realçado. Posicione o ponteiro do
mouse sobre o elemento para visualizar uma mensagem de erro.

O elemento do Lado mais distante é definido como Rebaixado. Você deve modificá-lo
para ser um elemento de trilha roscada.

5. No flyout do Lado mais distante, clique em para o elemento do Lado mais

distante, depois clique em Rosca .


6. Em Especificação do elemento:
a. Em Tipo, selecione Furo roscado.
b. Em Tamanho, selecione 1/4-20.
O elemento do Lado mais distante será atualizado até o meio do elemento do Lado
mais próximo devido à condição final de Até o próximo elemento.

Você pode salvar os recursos do furo avançado como Favoritos para reutilizá-los. No
PropertyManager, na guia Tipo, em Favorito, você pode adicionar, atualizar, excluir,
salvar ou carregar um furo avançado favorito.

Em seguida, você cria e posiciona as instâncias.

Criar e posicionar instâncias de furo avançado


1. No PropertyManager, selecione a guia Posições.
Você pode selecionar vários pontos ou usar um esboço para criar vários furos.

139
Peças e recursos

Se você se esquecer de selecionar a guia Posições e clicar em , o software solicita


que você selecione um ponto na face para localizar o furo. Clique em OK no prompt
para abrir a guia Posições e a barra de ferramentas Esboço.

2. Clique em Retângulo central (barra de ferramentas Esboço) e esboce um retângulo,

usando a origem do esboço na face como o centro.


3. Clique em para fechar o PropertyManager do Retângulo central e retornar ao
PropertyManager da Posição do furo.
O software cria cinco instâncias do furo, incluindo um ponto de esboço na origem
selecionada. Você deve remover a instância central.

4. Em Instâncias a ignorar, selecione o orbe da instância central a para remover apenas


esta instância da visualização.

140
Peças e recursos

Em Opções de esboço, você pode selecionar Criar instâncias na geometria de


construção para criar instâncias usando a geometria de construção.

Padrões circulares bidirecionais


Você pode criar padrões circulares de forma simétrica ou assimétrica em ambas as direções
a partir da geometria do recurso original. Isso é útil em situações nas quais o recurso
original não está localizado no final do arco de padrão.
Você pode ajustar o ângulo, número de instâncias e configurações de espaçamento para
cada direção de forma independente. A opção Simétrico aplica as mesmas configurações
a ambas as direções.
Para criar padrões circulares bidirecionais:

1. Em um modelo de peça, clique em Padrão circular (barra de ferramentas


Recursos) ou em Inserir > Padrão/Espelho > Padrão circular.

2. No PropertyManager, em Recursos para padrão , selecione um recurso original


para o padrão.
3. Em Direção 1, selecione um Eixo do padrão.

4. Defina o Ângulo para 25 e o Número de instâncias para 4.

141
Peças e recursos

5. Selecione Direção 2 e depois selecione Simétrico.


Três instâncias do mesmo recurso original aparecem simetricamente na direção

inversa.

6. Desmarque a opção Simétrico e defina o Ângulo para 30 e o Número de


instâncias para 6.
O padrão é atualizado apenas na Direção 2. O padrão da Direção 1 é alterado.

7. Em Instâncias a ignorar, selecione as instâncias 2 e 3 na Direção 2.


Os orbes da instância ficam brancos, indicando as instâncias ignoradas.

8. Clique em para concluir o padrão.

142
Peças e recursos

Melhorias do chanfro
O PropertyManager Chanfro foi atualizado para se alinhar com a ferramenta Filete. Há
dois novos tipos de chanfro, Face offset e Face à face, que você pode converter de
chanfros em filetes e vice-versa.

Chanfros de face offset


Os chanfros de face offset são resolvidos ao afastar as faces adjacentes até as arestas
selecionadas. O software calcula o ponto de interseção das faces offset e, em seguida,
calcula o normal a partir daquele ponto até cada face para criar o chanfro.

Cálculo do offset do chanfro Chanfro aplicado

Esse método gera resultados previsíveis ao realizar o chanfro entre faces não planas.
Chanfros de face offset podem mudar de direção de aresta a aresta e são compatíveis
com a realização de chanfro em recursos inteiros e na geometria da superfície.

Chanfros de face a face


Os chanfros de face a face podem criar chanfros simétricos, assimétricos, de linha de
contenção e de largura da corda.
Há duas maneiras de converter chanfros de face offset e face a face em filetes e vice-versa.
• Clique com o botão direito do mouse no recurso de chanfro e clique em Editar recurso
. No PropertyManager, para Tipo de recurso, clique em Tipo de filete ou Tipo de
chanfro e depois em .
• Clique com o botão direito do mouse em um recurso de chanfro e clique em Converter
chanfro em filete ou Converter filete em chanfro. O PropertyManager é aberto
com Tipo de recurso convertido já selecionado. Clique em .
Não há alterações na funcionalidade de outros tipos de chanfro. Seus PropertyManagers
foram reorganizados.

Para acessar os novos tipos de chanfro, clique em Chanfro (barra de ferramentas


Recursos) ou em Inserir > Recursos > Chanfro. No PropertyManager, em Tipo de

chanfro, selecione Face offset ou Face a face .

143
Peças e recursos

Conversão de recursos em corpos e superfícies


Para peças, você pode converter recursos em corpos e superfícies que mantenham as
referências geométricas de outras peças, montagens e desenhos. Isto permite remover
o histórico desnecessário do recurso, ao mesmo tempo e que mantém os corpos e as
superfícies.
Para acessar esta funcionalidade, na Árvore de projeto do FeatureManager, clique com
o botão direito do mouse no nome da peça e clique em Converter em corpos.
Para converter recursos em corpos e superfícies:

1. Abra um arquivo de montagem, como, por exemplo, o modelo HousingAssy.SLDASM


exibido.
O componente de Encaixe é parte de uma montagem. Dois componentes são
referências externas para o Encaixe. Outro componente é posicionado em relação
ao Encaixe.

2. Na Árvore de projeto do FeatureManager, clique com o botão direito do mouse em


Encaixe e selecione Abrir peça .
A peça de Encaixe é aberta.

3. Na parte superior da Árvore de projeto do FeatureManager, clique com o botão direito


do mouse em Encaixe e clique em Converter em corpos.
4. Na caixa de diálogo:
a) Em Nome do arquivo, altere o nome para Housing2.SLDPRT.
b) Selecione Salvar como.

144
Peças e recursos

c) Selecione Preservar geometria de referência e esboços.


d) Clique em OK.
O arquivo convertido mantém todos os esboços e geometria do Plano1.

5. Clique em Janela > HousingAssy.SLDASM para voltar à montagem.


Devido ao fato de a montagem ter sido aberta em segundo plano, o componente de
Encaixe original foi substituído por Encaixe2.

6. Na árvore de projeto do FeatureManager, expanda Posicionamentos .


Não houve falhas em referências externas ou posicionamentos, o que demonstra que
o modelo manteve todas as suas referências geométricas.

Classificação da lista de corte


Você pode escolher as opções de classificação para listas de corte no menu de atalho no
nível superior da pasta Lista de corte e na guia Propriedades do documento.
Você pode coletar corpos idênticos e escolher faces e recursos para excluir na classificação.
Esta opção coleta todos os corpos em uma pasta de Itens de lista de corte que
forem geometricamente idênticos, mas gerados por diferentes recursos. Por exemplo,
cilindros criados por recursos de extrusão ou de revolução, mas que têm volumes idênticos.
Para usar a classificação da lista de corte:
Nesse modelo, os corpos de Extrusão1 e Revolução1 têm o mesmo volume, mas
aparecem em pastas de Itens da lista de corte diferentes.

145
Peças e recursos

Siga um destes procedimentos:


• Na Árvore de projeto do FeatureManager, clique com o botão direito do mouse no nível
superior da pasta Lista de corte e depois em Opções de classificação da lista
de corte. Em Opções de classificação, selecione Coletar corpos idênticos e clique
em .
• Clique em Ferramentas > Opções > Propriedades do documento > Soldagens.
Em Opções da lista de corte, selecione Coletar corpos idênticos.

Para preservar a opção Coletar corpos idênticos na caixa de diálogo Propriedades


do documento, crie um template com essa opção selecionada. Ao criar novas peças
de soldagem com este template, o software verifica automaticamente se há corpos
idênticos nas pastas Itens da lista de corte .

Agora, ambos os corpos são exibidos na mesma pasta Itens da lista de corte .

146
Peças e recursos

Para escolher faces e recursos para excluir:


Neste modelo, o corpo Padrãolinear1 foi criado a partir do corpo Ressalto-extrusão1
e depois Corte-extrusão1 foi adicionado a uma instância do padrão. Você deve excluir
a geometria do recurso Corte-extrusão1 da classificação da lista de corte.

1. Na árvore de projeto do FeatureManager, clique com o botão direito do mouse no nível


superior da pasta Lista de corte e depois em Opções de classificação da lista
de corte.
2. No PropertyManager, em Faces/recursos a serem excluídos, selecione
Corte-extrusão1 na Árvore de projeto do FeatureManager.

147
Peças e recursos

Você pode selecionar os recursos da Árvore de projeto do FeatureManager ou faces


de corpos na área de gráficos. Essa opção é útil para coletar corpos gerados a partir
de materiais de bruto idênticos ao ignorar recursos como furos, filetes e chanfros.

3. Clique em .
Os corpos Ressalto-extrusão1 e Corte-extrusão1 aparecem em uma única pasta
Itens da lista de corte . A geometria do recurso Corte-extrusão1 foi excluída ao
comparar corpos no processo de classificação da lista de corte.

Referências de peça derivada são mantidas


As peças derivadas mantêm suas referências quando você modifica o corpo original usando
operações Boolianas com recursos como combinar, extrusão de corte, divisão e core.
Antes, você recebia uma mensagem de erro informando que a peça da base não tem um
corpo sólido ao realizar operações Boolianas na peça-pai.

Ativação e desativação de equações em todas as


configurações
Você pode ativar e desativar as equações na Vista de equação , Vista de equação
de esboço ou Vista organizada na caixa de diálogo Equações, variáveis globais
e dimensões.
As equações são desativadas em todas as configurações. Você pode ativar as equações
se nenhuma outra equação ativa controla o mesmo parâmetro.
Para desativar as equações na caixa de diálogo Equações, variáveis globais e dimensões,
em qualquer vista, clique com o botão direito do mouse em uma equação e clique em

148
Peças e recursos

Desativar equação. A equação desaparece da vista. A Vista organizada mantém


todas as equações. As equações desativadas ficam disponíveis.
Para ativar uma equação desativada, na caixa de diálogo Equações, variáveis globais e
dimensões, clique em Vista organizada . Clique com o botão direito do mouse na
equação e clique em Ativar equação. A equação reaparece em todas as vistas nas quais
ela aparecia anteriormente.

Em Vista de dimensão , você pode ativar e desativar Variáveis globais e


Recursos, mas não Dimensões.

Extrusão a partir de uma face plana de qualquer tamanho


Você pode criar extrusões de ressalto, corte e superfícies a partir uma superfície, face ou
plano de qualquer tamanho. A superfície ou face precisa ser plana. Antes, a seleção De
> Superfície/face/plano precisava encapsular todo o esboço.
Para fazer a extrusão a partir de uma face plana de qualquer tamanho:

• Em peças, clique em Ressalto/base extrudado (barra de ferramentas Recursos)


ou em Inserir > Ressalto/base > Extrudar. Essa funcionalidade também está
disponível para Corte extrudado e Superfície extrudada .
• Em montagens, clique em Inserir > Recurso de montagem > Corte > Extrusão.
Selecione um esboço. Em De, selecione Superfície/face/plano e selecione uma superfície
ou face plana ou um plano.

Reconstrução de todas as configurações


A ferramenta Reconstruir todas as configurações está disponível em vários locais
mais visíveis.
Para reconstruir todas as configurações:
Siga um destes procedimentos:
• No ConfigurationManager, clique com o botão direito do mouse no nome do arquivo e
clique em Reconstruir todas as configurações.
• Em um arquivo, clique em Editar > Reconstruir todas as configurações.
• Pressione Ctrl + Shift + B.

149
Peças e recursos

A opção Reconstruir todas as configurações está disponível apenas quando há


várias configurações em um arquivo.

Execução do FeatureWorks depois de adicionar itens às


peças importadas
Você pode adicionar vários recursos e referências a uma peça importada sem perdê-los
se executar o FeatureWorks na peça importada posteriormente.
Os seguintes recursos e referências são aceitos:
• Vistas de desenho
• Anotações de desenho
• Dimensões de desenho
• Posicionamentos de montagem
• Recursos das montagens

Selecionar todos os recursos de divisão e salvar corpos


Você pode usar a opção Selecionar todos para recursos de divisão a fim de selecionar
todos os corpos divididos sem salvar os corpos resultantes em novas peças.
Antes, era necessário marcar as caixas de seleção individualmente ou selecionar Atribuir
nomes automaticamente, o que criava arquivos de peças separados e desnecessários
para cada corpo.
Para selecionar todos os corpos:
Siga um destes procedimentos:
• Clique em Inserir > Recursos > Dividir. Em Corpos resultantes, clique em
Selecionar todos .
• Clique em Inserir > Recursos > Salvar corpos. Em Peças resultantes, clique em
Selecionar todas .

Seleção de faces, arestas e curvas do perfil de varredura


Você pode selecionar faces, arestas e curvas diretamente de modelos como perfis de
varredura. A seleção melhorada é compatível com os recursos de varredura de ressalto,
base, corte, superfície e corte de montagem. Antes, você precisava criar um esboço extra
com entidades convertidas como o perfil.
Você pode selecionar:
• Faces da geometria do modelo.
• Uma única aresta ou curvas da geometria de referência que contêm um loop suave e
fechado.
• Um grupo de arestas ou curvas selecionado como um loop usando o SelectionManager.

Para acessar essa funcionalidade, clique em Ressalto/base varrido (barra de


ferramentas Recursos) ou em Inserir > Ressalto/base > Varredura. No

150
Peças e recursos

PropertyManager, em Perfil e caminho, selecione Perfil de esboço e selecione uma


face, aresta ou curvas.

Selecione a face para o Selecione as arestas usando Recurso de varredura


Perfil de esboço o SelectionManager para o
Perfil de esboço

Aprimoramentos da rosca
Roscas aparadas
Você pode alinhar roscas às faces das extremidades. Uma Rosca de corte é estendida
e cortada para corresponder à face da extremidade. Uma Rosca extrudada é cortada
para corresponder à face da extremidade. No PropertyManager, em Opções de rosca,
selecione Aparar com face inicial e Aparar com face final.

Antes de aparar

151
Peças e recursos

Após aparar

Vários inícios
As roscas podem ter vários inícios. No PropertyManager, em Opções de rosca, selecione
Vários inícios. Defina o número de inícios para definir o número de vezes que a rosca
é criada em um padrão circular com espaçamento uniforme ao redor do furo ou eixo. A
imagem mostra uma rosca com quatro inícios com uma cor diferente para cada rosca.

O valor do passo da rosca deve permitir vários inícios sem resultar em cruzamentos e
roscas que se intersectam. No exemplo, o passo da rosca amarela é largo o suficiente
para permitir que as roscas verde, azul e vermelha sejam aninhadas dentro dela.

Favoritos
Uma caixa de grupo Favoritos está disponível no PropertyManager.

Melhorias em O que está errado?


Os detalhes e chamadas para ação de O está errado? aparecem na árvore de projeto do
FeatureManager, trilhas de seleção e área de gráficos. Você não precisa mais para abrir
a caixa de diálogo O que está errado?.
Para exibir uma caixa contextual de O que está errado?, selecione um erro ou aviso na
árvore de projeto do FeatureManager, trilha de seleção ou área de gráficos. A caixa
descreve o problema e oferece sugestões para corrigi-lo. São exibidos links para Editar

152
Peças e recursos

recurso ou Editar esboço . Dependendo da situação, também pode haver links


para Visualização e Ajuda .

Para exibir uma lista de todos os erros e avisos, clique no nó superior na árvore de projeto
do FeatureManager. Clique em um item da lista para selecioná-lo na árvore de projeto
do FeatureManager.

153
Peças e recursos

Você ainda pode exibir a caixa de diálogo O que está errado?. Clique com o botão direito
do mouse no recurso com um erro ou aviso e clique em O que está errado?.

Seleção de janela para instâncias a ignorar


Você pode utilizar a seleção de caixas e de laço para adicionar ou remover instâncias a
ignorar nos padrões.
Para usar a seleção de janela para instâncias a ignorar:

1. Crie ou edite um recurso de padrão.

Essa seleção não funciona para padrões de esboço.

2. No PropertyManager, expanda Instâncias a ignorar.


Os orbes de seleção aparecem para todas as instâncias do padrão.

3. Na área de gráficos, clique com o botão direito do mouse, clique em Seleção de laço
e selecione as instâncias a ignorar.
Os orbes ficam brancos, o que indica que eles são ignorados no padrão. As instâncias
são listadas em Instâncias a ignorar.

154
Peças e recursos

4. Clique em .

• Se a seleção contém instâncias ignoradas e não ignoradas, o software alterna


o estado atual das instâncias. As instâncias ignoradas tornam-se não ignoradas
e vice-versa.
• Shift + selecione apenas as instâncias para adicionar a Instâncias a ignorar.
• Alt + selecione apenas as instâncias para remover de Instâncias a ignorar.
• Os orbes de seleção das instâncias devem estar totalmente dentro da região de
seleção para serem adicionados ou removidos de Instâncias a ignorar.

Envolvimento cria geometria em qualquer face


O recurso Envolver permite que você crie geometria em qualquer tipo de face. É possível
envolver não só um esboço em todos os tipos de face, mas também um esboço em várias
faces. Antes, o recurso Envolver só abrangia faces de forma cilíndrica e cônicas, e você
só podia trabalhar em uma única face por vez.
Você pode escolher entre dois métodos para criar um envolvimento. O método Analítico
preserva o comportamento legado no qual você pode envolver um esboço completamente
em torno de um cilindro ou cone. O método Superfície de spline envolve um esboço
em torno de qualquer tipo de face. Uma limitação desse método é que ele não pode
envolver um modelo.

155
Peças e recursos

Método de superfície de
Método analítico
spline

O PropertyManager e a visualização também foram reprojetados. As opções no


PropertyManager são listadas em uma ordem mais lógica, com ícones grandes para
ajudá-lo a distinguir entre os vários tipos envolvimento disponíveis. A visualização exibe
um guia de pontos para exibir onde um envolvimento começa uma face alvo.
Para criar uma geometria de envolvimento em qualquer face:

1. Abra a letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\


SOLIDWORKS 2017\whatsnew\parts\iron.sldprt.

2. Clique em Envolver (barra de ferramentas Recursos) ou em Inserir > Recursos


> Envolver.
3. Na área de gráficos, selecione o esboço do SOLIDWORKS.
4. No PropertyManager:

a) Para Tipo de envolvimento, clique em Relevo .

b) Para Método de envolvimento, clique em Superfície de spline .

156
Peças e recursos

5. Selecione as faces na alça superior do ferro. Há um total de seis.

6. No PropertyManager, em Parâmetros de envolvimento, defina a Espessura


como 2mm e clique em .

Se quiser que o recurso de envolvimento se destaque, você pode alterar a aparência dele
colorindo o decalque ou ativando e desativando as arestas.

157
19
SOLIDWORKS PDM
O SOLIDWORKS® PDM é oferecido em duas versões. O SOLIDWORKS PDM Standard é incluído
no SOLIDWORKS Professional e SOLIDWORKS Premium, e está disponível para aquisição de
licença individual para usuários que não sejam do SOLIDWORKS. Ele oferece recursos de
gerenciamento padrão de dados para um pequeno número de usuários.
O SOLIDWORKS PDM Professional é uma solução completa de gerenciamento de dados para
um número pequeno ou grande de usuários, e está disponível como produto que pode ser
comprado separadamente.

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Adição de colunas personalizadas


• Alteração de uma categoria de um arquivo em check-in
• Controle das permissões de download para usuários e grupos
• Cópia de permissões e membros do grupo
• Geração de PDFs 3D do SOLIDWORKS MBD
• Substituição da versão mais recente
• Melhorias da visualização
• Melhorias na qualidade no SOLIDWORKS PDM
• Melhorias na exibição da árvore de referências
• Reversão de um arquivo com referências
• Pesquisa de arquivos locais
• Compatibilidade entre o cliente do SOLIDWORKS PDM e o Pacote de serviços do
servidor
• Suplemento de tarefas do SOLIDWORKS PDF
• Melhorias no Viewer de Web2 do SOLIDWORKS PDM
• Replicação do banco de dados do vault

Adição de colunas personalizadas


A funcionalidade Coluna personalizada foi expandida para as caixas de diálogo Executar
transição (alteração de estado) e Obter.

158
SOLIDWORKS PDM

Para adicionar colunas personalizadas:

1. Siga um destes procedimentos:


• Clique com o botão direito do mouse no cabeçalho de qualquer coluna e clique em
Mais.
• Clique com o botão direito do mouse em qualquer lugar na caixa de diálogo e clique
em Colunas > Mais.
2. Selecione as colunas a serem exibidas.
As colunas personalizadas adicionadas são exibidas em ordem alfabética no lado
direito das colunas predeterminadas. Você pode classificar, redimensionar e reordenar
as colunas personalizadas. O SOLIDWORKS PDM salva essas configurações de acordo
com o usuário.

Alteração de uma categoria de um arquivo em check-in


O login dos administradores podem alterar uma categoria de um arquivo em check-in de
uma das seguintes formas:
• Selecione o arquivo e clique em Modificar > Alterar categoria.
• Clique com o botão direito no arquivo e depois em Alterar categoria.

Controle das permissões de download para usuários e


grupos
No cliente Web2, os Administradores podem controlar as permissões de download dos
usuários e grupos ao adicionar e configurar as seguintes definições no nó <configuration>
do arquivo Web.config:

<vaultSettings>
<vault name="EPDM" defaultDelimiter="|" denyDownloadGroups="Group1">
<user name="admin" denyDownload="false"/></vault>

159
SOLIDWORKS PDM

<user name="User1" denyDownload="true"/></vault>


</vaultSettings>

Configuração do vault Descrição

Nome do vault. Crie uma seção separada


name <vaultSettings> para cada vault que
precisa de permissões controladas de
download.

O delimitador costumava separar os nomes


defaultDelimiter de grupo na configuração
denyDownloadGroups. O delimitador padrão
é |.

Os grupos que devem ter permissões de


denyDownloadGroups download negadas no vault específico. É
necessário separar os nomes de grupos com
base no delimitador especificado na
configuração defaultDelimiter.

Configurações do usuário Descrição

Nome do usuário. Crie um nó <usuário>


name separado para cada usuário.

Nega permissões de download dos usuários


denyDownload do vault especificado. Se definido como
falso, o usuário poderá fazer o download
dos arquivos. Se definido como verdadeiro,
o usuário não poderá fazer o download dos
arquivos.

Um usuário não poderá fazer o download de arquivos se ele for negado como parte de
um grupo ou como um usuário.

Cópia de permissões e membros do grupo


Os administradores podem copiar permissões e membros do grupo de um grupo existente
ao criar um novo grupo e enquanto faz a importação do Active Directory.
Para copiar permissões e membros do grupo:

1. Clique com o botão direito do mouse em Grupos e clique Novo grupo.


2. Na caixa de diálogo, em Nome do grupo, digite um nome.
3. Em Copiar do grupo, selecione o grupo de origem.
4. Selecione Copiar permissões e/ou Copiar membros.
5. Clique em Avançar e OK.

160
SOLIDWORKS PDM

Geração de PDFs 3D do SOLIDWORKS MBD


Os clientes do SOLIDWORKS PDM Professional que utilizam a funcionalidade do
SOLIDWORKS MBD podem gerar a saída de PDF 3D do SOLIDWORKS MBD
automaticamente usando a tarefa Converter.
Isso o ajuda a definir, organizar e publicar informações de manufatura e produtos em 3D
(PMI), incluindo dados de modelo 3D nos formatos de arquivo padrão do setor. Essa
funcionalidade melhora a integração entre o SOLIDWORKS PDM e o SOLIDWORKS MBD.
Para gerar PDFs 3D do SOLIDWORKS MBD:
1. Na ferramenta Administração, no painel esquerdo da caixa de diálogo Converter -
Propriedades, clique em Configurações de conversão.
2. Defina o Formato de arquivo de saída como PDF 3D - MBD (*.pdf).

Montagem ou peça
As guias Montagem e Peça permitem que você defina os temas e vistas para publicar na
saída.

Tema para montagem


do SW ou Tema para Caminho do tema do PDF 3D
peça do SW
Caminho do arquivo de tema. Se o arquivo de tema estiver
no vault, ele precisa estar em cache antes de executar a
tarefa. Se o arquivo de tema estiver fora do vault, ele precisa
estar acessível para o host de tarefa.

Permitir ao usuário alterar o caminho do tema


Permite aos usuários alterar o caminho do arquivo de tema
durante a execução da tarefa.

Selecione as vistas a
serem incluídas Vistas 3D
(Predeterminado) Inclui toda as vistas 3D capturadas, exceto
a vista de modelo atual no arquivo de saída.

Vistas primárias
Permite selecionar as vistas primárias, vistas frontal, superior
e posterior a serem incluídas no arquivo de saída.

Permitir ao usuário alterar esta configuração


Permite aos usuários alterar a configuração das vistas durante
a execução da tarefa.

161
SOLIDWORKS PDM

Substituição da versão mais recente


O SOLIDWORKS PDM permite aos usuários substituírem a versão mais recente de um
arquivo durante as operações de check-in e alteração do estado. Isso reduz
significativamente o número de arquivos.
Antes, o SOLIDWORKS PDM criava uma nova versão de arquivo para qualquer alteração
de um arquivo ou de seus metadados.
Os casos de uso típicos incluem:
• Check-in do fim do dia.
• Corrigir um erro de digitação.
• Atualizar referências-filhas do arquivo referidos para a versão mais recente.
• Atualizar a versão mais recente de um arquivo para corresponder à versão atual do
SOLIDWORKS.
• Atualizar metadados através da ação de transição para definir variável.
• Todas as pequenas alterações que mantenham o rótulo de revisão na versão mais
recente.
Os administradores podem permitir que os usuários substituam a versão do arquivo ao
conceder a permissão para substituir pasta e permissão do estado.
A funcionalidade de substituição de versão é compatível com documentos ou arquivos.
Ela também é compatível com transições acionadas por meio do cliente da Web2. Não é
compatível com:
• Itens.
• BOMs nomeadas.
• As versões do arquivo que tiverem itens associado definidos com Atualização
automática.
• Arquivos cujo check-in foi realizado através do cliente da Web2.

Alterações na interface do usuário com substituição da


versão
Muitas interfaces do usuário foram alteradas com a funcionalidade de substituição de
versão.
A caixa de diálogo Check-in exibe uma coluna chamada Substituir a versão mais
recente. Por padrão, essa opção fica desativada. Você pode selecioná-la somente se a
opção de Check-in estiver marcada. Para substituir todos os arquivos, clique com o botão
direito do mouse na caixa de diálogo e clique em Substituir a versão mais recente
em todos os arquivos ou pressione Ctrl+R.
Ao selecionar Substituir a versão mais recente, a coluna Nova ver. é atualizada com
o valor da versão mais recente.

162
SOLIDWORKS PDM

A caixa de diálogo de Propriedades da transição exibe a caixa de seleção É possível


substituir a versão mais recente durante o check-in. Os administradores podem
configurar a ação de substituição de versão durante a execução da transição.
A caixa de diálogo Check-in do arquivo na ação do Dispatch exibe a caixa de seleção
Substituir a versão mais recente. A substituição de versão não será aceita na ação
do Dispatch se:
• O usuário que efetuou o login não tiver permissão para substituir a pasta ou permissão
de estado.
• As versões do arquivo tiverem itens associados definidos com Atualização automática.

A caixa de diálogo Histórico exibe o ícone seguido por Check-in realizado com
substituição de versão em Evento para a versão mais recente. Para a versão
substituída, o ícone é atualizado para o ícone , o que indica que o arquivamento de
arquivo associado ao evento do seu histórico foi substituído pelo evento mais recente.
Quando você tem uma versão de arquivo em cache e outro usuário substitui essa versão
do arquivo em outro computador:

• A coluna Número de versão no File Explorer é exibida como -/versão mais recente.
Quando você seleciona este arquivo, o ícone é atualizado na guia Versão e o status da
Versão local é atualizado para A versão local foi substituída.
• Ícone de Informações rápidas de filho no suplemento do SOLIDWORKS PDM exibido
como . A coluna Número da versão exibe -/versão mais recente, com o nome do
arquivo e o número de versão em negrito.
Se uma BOM nomeada é associada à versão substituída do arquivo de origem, o ícone
na guia Lista de materiais é exibido como .
Na ferramenta de Administração, na caixa de diálogo Propriedades do usuário, a página
Avisos para a operação de Check-in exibe um aviso que informa que A versão local foi
substituída. Os administradores podem definir que este aviso interrompa o check-in de
um arquivo-pai que tem referências substituídas.

163
SOLIDWORKS PDM

Melhorias da visualização
Ao visualizar arquivos do SOLIDWORKS no Windows Explorer (guia Visualização), o
SOLIDWORKS PDM oferece mais funcionalidades e controles.
As melhorias do visualizador permitem que você:
• Alterne a vista explodida ao clicar em Explodir.
• Desative a exibição dos detalhes do cartão na guia Visualização do Windows Explorer,
Explorador de Item e Visualizador de Arquivos. Isso permite ver a visualização do
eDrawings em toda a área de visualização.
A Visualização do cartão é ativada por padrão. Para desativá-la:
• No Windows Explorer, clique em Exibir > Visualização do cartão.
• No Visualizador de Arquivos, clique em Vista > Exibir arquivo > Visualização do
cartão.
• No Item Explorer, clique em Vista > Visualização do cartão.

O SOLIDWORKS PDM utiliza como padrão as configurações de cor do plano de fundo


e cor de realce salvas no visualizador completo do eDrawings.

Visualização do cartão ativada

164
SOLIDWORKS PDM

Visualização do cartão desativada

Melhorias na qualidade no SOLIDWORKS PDM


Você pode mover um arquivo usando o comando Move/Rename file na ação do Dispatch.
Anteriormente, você só podia copiar, excluir e renomear o arquivo.
A tarefa Converter suporta a utilização das variáveis de cartão de dados de um arquivo
no nome do arquivo de saída.
Fórmulas de entrada para as caixas Editar de cartão de pesquisa são atualizadas quando
você insere novos valores nos campos relacionados em buscas no Windows Explorer.
Por exemplo: Em um Cartão de pesquisa, você adiciona uma caixa de edição, conecta-a
à variável do Projeto, e adiciona uma Fórmula de entrada como PRJ<Número>. Em
pesquisas no Windows Explorer, quando você insere um valor para a variável Número do
Cartão de pesquisa, a fórmula de entrada aciona e exibe o PRJ seguido do valor da variável
Número.
O botão Redefinir tudo nas caixas de diálogo Copiar árvore e Mover árvore redefine
todas as configurações para os valores padrão. Anteriormente, Redefinir tudo costumava
redefinir apenas o Caminho da pasta de destino e o Nome do arquivo alvo para os
valores padrão.
É possível desativar o pop-up de informação do usuário no Windows Explorer ao posicionar
o cursor do mouse sobre o nome do usuário na coluna Check-out feito por. Para desativar
a exibição, na ferramenta de Administração, na página Explorer das Configurações do
usuário, desmarque a opção Exibir pop-up de informações do usuário.

Melhorias na exibição da árvore de referências


O SOLIDWORKS PDM exibe uma árvore de referência melhorada com relações subpai.

165
SOLIDWORKS PDM

As caixas de diálogo Obter, Definir revisão, Executar transição (alteração de estado),


Copiar árvore e Mover árvore e a guia Contém exibem a árvore de referências com apenas
um nó para o arquivo selecionado, que é exibido na parte superior da árvore.
A relação subpai é exibida com o nome do arquivo em azul e uma seta para cima.
Se o arquivo de desenho selecionado tiver várias referências, a relação subpai é exibida
várias vezes na árvore de referências.

SOLIDWORKS PDM 2017

166
SOLIDWORKS PDM

SOLIDWORKS PDM 2016

Reversão de um arquivo com referências


O SOLIDWORKS PDM aprimora a reversão para lidar com o redirecionamento e a reversão
de referências de forma mais eficiente.
Para reverter um arquivo com suas referências:
• Os usuários devem ter permissão de acesso à Reversão da pasta.
• O arquivo selecionado e todas as suas referências-pais precisa estar no estado de
check-in realizado.
• A versão de destino da reversão não deve ser armazenada a frio.
Você pode reverter a um arquivo-pai com suas referências e arquivos-filhos indicados
como subpais (como arquivos de desenho) para um estado anterior como construído.
Ao reverter uma referência-filho (como um arquivo de peça), você pode redirecionar as
referências-pais das versões revertidas para a nova versão.
Antes, você não podia reverter um arquivo com todas as suas referências e as
referências-pais eram removidas.
Após a reversão, o SOLIDWORKS PDM redefine as configurações referidas dos arquivos.
Se a mesma configuração:
• Está disponível na versão de destino, as referências são mantidas para aquela
configuração.
• Não está disponível na versão de destino, as referências são redirecionadas para a
configuração ativa (a última salva) da versão de destino.

A funcionalidade de redirecionamento de referência e reversão de um arquivo com


referências não é aceita os itens.

Reversão de uma estrutura de arquivo


Para reverter uma estrutura de arquivo:

1. Na caixa de diálogo Histórico, selecione o evento ao qual reverter e clique em


Reverter.
O SOLIDWORKS PDM seleciona o arquivo-pai e as referências que têm os mesmos
eventos da versão indicada para reverter.
Na caixa de diálogo Reverter, é possível selecionar outras referências para reverter
e o Ponto da reversão.
O SOLIDWORKS PDM seleciona Sim para Redirecionar referências pai do arquivo
para serem revertidas para redirecionar as referências.
2. Para Comentários de reversão, digite um comentário.
3. Clique em Continue (Continuar).
A lista dos arquivos referidos para os quais as referências são redirecionadas ou
excluídas é exibida.
4. Clique em Reverter para confirmar a operação.

167
SOLIDWORKS PDM

Caixa de diálogo Reversão


A caixa de diálogo Reversão permite reverter um arquivo com ou sem referências. Você
pode redirecionar as referências-pai ou exclui-las.
Para abrir a caixa de diálogo Reversão:
1. Na caixa de diálogo Histórico, selecione a versão para a qual fazer a reversão e clique
em Reverter.

Configurações

Aviso seguinte / Aviso anterior Aparece apenas quando


houver avisos na coluna
Avisos.
Na lista de arquivos, altera o
foco para o próximo arquivo
com um aviso ou o arquivo
anterior com um aviso.

Exibir todos os níveis Exibe referências de arquivos


para toda a hierarquia de
arquivos (Exibir todos os
níveis) ou apenas o nível
superior da hierarquia de
arquivos (Somente nível
superior).

168
SOLIDWORKS PDM

Arquivos selecionados Exibe uma caixa de diálogo


Selecionar arquivos, onde
você pode especificar um
padrão com caracteres
curinga para selecionar
arquivos.

Abrir lista de arquivos Abrir todos abre uma lista


de arquivos no Microsoft
Excel como um arquivo
delimitado por vírgulas.

Abrir visível abre uma lista


de arquivos visíveis no
Microsoft Excel como um
arquivo delimitado por
vírgulas.

Salvar lista de arquivos Exportar todos exporta a


lista de todos os arquivos
como um arquivo .txt
delimitado por vírgulas.

Exportar visíveis exporta a


lista dos arquivos visíveis
como um arquivo .txt
delimitado por vírgulas.

Arquivos a serem revertidos

Tipo Apresenta uma visualização em miniatura do arquivo ao passar o mouse


sobre o ícone de tipo de arquivo.

Nome do Exibe o arquivo a ser revertido e seus arquivos referidos (se houver).
arquivo

Avisos Exibe avisos se alguma das condições de reversão não for atendida.

Reverter Exibe o arquivo-pai selecionado e suas referências que tenham o mesmo


evento Revisão ou Transição ou de Check-in. Você pode selecionar ou
desmarcar os arquivos a reverter.

169
SOLIDWORKS PDM

Ponto de
Clique em qualquer ponto de reversão para exibir a lista de Eventos no
reversão
histórico de arquivos da versão desejada. O Ponto de reversão padrão
selecionado é destacado em azul. Ao alterar esta configuração, as linhas
são destacadas na cor amarela.
O Ponto de reversão é definido como:

Setting Descrição

Sem ponto de ajuste de reversão Se os arquivos não forem


selecionados para a reversão.
Ao selecionar um arquivo para
reversão, o SOLIDWORKS PDM
define o Ponto de reversão como
o maior evento válido na versão
desejada.

Componente interno Se um arquivo-pai tiver um


componente interno, ele é
selecionado ou desmarcado para
reversão com seu arquivo-pai. Não
é possível selecionar ou desmarcar
o componente interno
explicitamente.

O SOLIDWORKS PDM tenta fazer a correspondência dos arquivos-filhos


com os eventos Revisão, Transição ou Check-in a partir do arquivo-pai
acionado pela reversão. Qualquer mudança no ponto de reversão do
arquivo-pai recalculará os pontos de reversão padrão dos arquivos-filhos
na árvore.

Ver. local Exibe a versão local e a versão mais recente como a versão local/versão
mais recente do arquivo.

Versão
Exibe a versão referida/versão mais recente do arquivo.

O arquivo é revertido da versão mais recente para a versão referida.

Check-out Exibe o usuário que fez o check-out do arquivo. Fica em branco se o


por check-in do arquivo tiver sido feito.

Check-out Exibe o computador e a pasta local para onde foi feito o check-out do
em arquivo, ou fica em branco se o check-out não foi feito.

Encontrado Exibe a pasta do vault que contém o arquivo.


em

Estado Exibe o estado do arquivo.

170
SOLIDWORKS PDM

Redireciona Sim Predeterminado. Redireciona as


as referências-pai das versões revertidas.
referências-pai
do arquivo No Exclui as referências-pai das versões
a ser revertidas.
revertido

Comentários Permite digitar comentários sobre a reversão.


da
reversão

Continuar Permite ver os arquivos referidos redirecionados ou excluídos da versão


revertida.

Lidar com referência-pai


Dependendo da seleção de Redirecionar referências-pai do arquivo a ser revertido
na caixa de diálogo Reversão, as referências-pais de versões filhas revertidas são
redirecionadas ou excluídas.

Abrir lista de arquivos Exporta os detalhes no Microsoft Excel como


um arquivo delimitado por vírgulas.

Salvar lista de arquivos Salva os detalhes em um arquivo de texto.

Arquivo a ser revertido Lista o arquivo a ser revertido.

Arquivo-pai Lista os nomes dos arquivos-pais de


referência do arquivo a ser revertido.

Versões para referência Exibe as versões afetadas do arquivo-pai


separadas por ponto-e-vírgula.

Caminho de arquivo relativo Exibe o caminho do arquivo na raiz do vault.

Reverter Reverte os arquivos selecionados.

Pesquisa de arquivos locais


Você pode pesquisar arquivos locais que são adicionados ao vault no modo off-line.
Para pesquisar arquivos locais no File Explorer, clique com o botão direito dentro da pasta
e clique em Pesquisar arquivos locais.
Na ferramenta de Administração, na página Menus, os administradores podem modificar
a opção de menu Pesquisar arquivos locais para aparecer para um usuário quando
ele estiver visualizando os arquivos no Windows Explorer.

171
SOLIDWORKS PDM

Compatibilidade entre o cliente do SOLIDWORKS PDM e


o Pacote de serviços do servidor
O SOLIDWORKS PDM permite que uma não correspondência do pacote de serviço entre
componentes de cliente e servidor dentro da mesma versão principal.
Antes, os componentes de cliente e servidor tinham que ter a mesma versão principal e
o mesmo pacote de serviço.

Suplemento de tarefas do SOLIDWORKS PDF


O SOLIDWORKS PDM Professional oferece um suplemento de tarefas que permite aos
usuários converterem arquivos do Microsoft Office e arquivos em formato DWG/DXF em
arquivos de PDF.
O suplemento de tarefas do SOLIDWORKS PDF fornece as seguintes tarefas:

Tarefa Descrição

Office para PDF Converte arquivos Microsoft Word, Excel e PowerPoint.

DraftSight para PDF Converte arquivos em formato DWG/DXF.

Para converter arquivos em PDF, os usuários devem ter as seguintes opções instaladas
no host de tarefas:
• Microsoft Office 2010 ou versões posteriores para arquivos do Microsoft Office.
• SOLIDWORKS DraftSight Professional/Premium para arquivos em formato DWG/DXF.

Para que a tarefa DraftSight para PDF seja concluída, é preciso desativar o Suplemento
do SOLIDWORKS PDM no DraftSight, no host especial de tarefas.

Acesso ao suplemento de tarefas do SOLIDWORKS PDF


Para acessar o suplemento de tarefas do SOLIDWORKS PDF:

1. Na ferramenta Administração, carregue o SWPDFTaskAddIn.


a) Clique com o botão direito do mouse no vault e clique em Importar.
b) Na caixa de diálogo, navegue até letra da unidade:\Default Data.
c) Selecione os arquivos Draftsight_to_PDF_gb.cex e Office_To_PDF_gb.cex e
clique em Abrir.
2. Certifique-se de que a execução do suplemento Tarefas do SOLIDWORKS PDF
seja permitida no computador cliente.
3. Configure as tarefas.

Configuração da tarefa Office para PDF


Os administradores podem configurar a tarefa Office to PDF para converter arquivos do
Microsoft Office para arquivos PDF.

172
SOLIDWORKS PDM

Para configurar a tarefa Office to PDF:

1. Na ferramenta Administração, expanda Tarefas e clique duas vezes em Office para


PDF.
2. Na caixa de diálogo, para Suplemento, selecione o Suplemento Tarefas do
SOLIDWORKS PDF.
3. No painel da esquerda, configure as opções:

Opção Descrição

Método de execução Selecione os computadores que podem executar a


tarefa.

Comando de menu Especifica se e como o comando deve aparecer para


os usuários no File Explorer.

Cartão de arquivo Mapeia variáveis do cartão de dados do arquivo de


origem para o cartão de dados do arquivo de saída
ou adiciona Texto livre ao cartão de dados do arquivo
de saída.

Detalhes do PDF de saída Especifica o nome e o local do arquivo PDF de saída.

Opções do Office Define as configurações para arquivos do Microsoft


Word, Excel e PowerPoint.

Permissões Permite que você selecione os usuários e os grupos


que têm permissão para iniciar a tarefa.

Notificação de êxito e Permite selecionar os usuários e grupos a serem


Notificação de erro notificados.

Propriedades do Office para PDF - Cartão de arquivo


Use a página Cartão de arquivo da caixa de diálogo Propriedades do Office para PDF para
especificar o mapeamento de variáveis do cartão de dados de arquivo de origem para o
cartão de dados do arquivo de saída.
Para exibir a página de Propriedades do Office para PDF - Cartão de arquivo:
1. Expanda o nó Tarefas e clique duas vezes em Office para PDF.
2. No painel da esquerda, clique em Cartão de arquivo.

173
SOLIDWORKS PDM

Opção Descrição

Lista de variáveis
Variável de origem

Variável usada no cartão de dados do arquivo de origem.

Variável de destino

Variável no cartão de dados do arquivo de saída mapeada


para a variável Origin.

Adicionar variável Ativa a seção Variável selecionada para que você possa
especificar o mapeamento da variável.

Remover variável Remove o mapeamento da variável selecionada.

Variável selecionada
Define o mapeamento de variável.

Opção Descrição

Variável de origem Variável usada no cartão de dados do arquivo de origem.

Texto livre Texto a ser exibido na variável de destino se você selecionar


Texto livre como a origem.

Variável de destino Variável no cartão de dados do arquivo de saída.

Propriedades do Office para PDF - Detalhes do PDF de saída


Use a página Detalhes PDF de saída da caixa de diálogo Propriedades do Office para PDF
para configurar as propriedades básicas do arquivo PDF, como caminho predefinido e
caminho de registro do vault.
Para exibir a página Propriedades do Office para PDF - Detalhes do PDF de saída:
1. Expanda o nó Tarefas e clique duas vezes em Office para PDF.
2. No painel da esquerda, clique em Detalhes do PDF de saída.

174
SOLIDWORKS PDM

Opção Descrição

Caminho da saída
principal Caminho predeterminado
Local onde os arquivos PDF convertidos são salvos.
Crie o caminho do arquivo de saída digitando texto estático
e clicando em para selecionar entre as seguintes variáveis
dinâmicas:
• Nome do arquivo de origem
• Extensão do arquivo de origem
• Caminho da pasta de origem
• Caminho da pasta-raiz do vault
• Revisão do arquivo de origem
• Versão do arquivo de origem
• Estado do fluxo de trabalho do arquivo de origem
• Data atual
• Variáveis
O exemplo na caixa de diálogo mostra o formato e o caminho
do arquivo atualmente selecionado.

Permitir ao usuário alterar o caminho da saída


Permite aos usuários alterar o caminho de saída durante a
execução da tarefa.

Caminho da saída Segundo local onde os arquivos PDF convertidos são salvos.
secundária
Crie o caminho do arquivo de saída digitando texto estático
e clicando em para selecionar entre as variáveis dinâmicas.
O exemplo na caixa de diálogo mostra o formato e o caminho
do arquivo selecionado no momento.

Criar uma referência Quando selecionada, o arquivo de destino contém uma


do arquivo de destino referência ao arquivo de origem.
para o arquivo de
Para visualizar a referência, selecione o arquivo de saída no
origem
File Explorer e observe a guia Contém.

Tratamento de nomes
de arquivos duplicados Substituir o arquivo existente
Sobrescreve o arquivo se já existir um arquivo com o mesmo
nome.

Criar uma nova versão dos arquivos existentes


Cria uma nova versão do arquivo se já existir um arquivo
com o mesmo nome.

175
SOLIDWORKS PDM

Opção Descrição

Configurações de log
Caminho do log do vault
Clique em Procurar para criar o caminho do log do vault.

Opções avançadas de Exibe a caixa de diálogo Opções avançadas de criação de


criação de script scripts, onde você pode:
• Modificar o script do VB que controla a tarefa.
• Alterar o tipo de interface do usuário usada pela tarefa.

Propriedades do Office para PDF - Opções do Office


Use a página Opções do Office da caixa de diálogo Propriedades do Office para PDF para
definir as opções para arquivos do Microsoft Word, Excel e PowerPoint.
Para exibir a página de Propriedades do Office para PDF - Opções do Office:
1. Expanda o nó Tarefas e clique duas vezes em Office para PDF.
2. No painel à esquerda, clique em Opções do Office.

Opção Descrição

Word
Seleção de página
• Todas as páginas
Seleciona todas as páginas para a conversão.
• Página(s) de
Seleciona páginas no intervalo.

Propriedades do documento
Inclui as propriedades do documento.

Documento com marcação


Inclui o documento com marcação.

Permitir ao usuário alterar as configurações de


exportação
Permite aos usuários alterar as configurações de exportação.

176
SOLIDWORKS PDM

Opção Descrição

Excel
Seleção de guia
• Todas as planilhas/Toda a pasta de trabalho
Seleciona todas as planilhas para conversão.
• Planilha(s) de
Seleciona planilhas no intervalo.

Propriedades do documento
Inclui as propriedades do documento.

Ignorar áreas de impressão das planilhas se existirem


Ignora as áreas de impressão nas planilhas para converter
toda a planilha.

Permitir ao usuário alterar as configurações de


exportação
Permite aos usuários alterar as configurações de exportação.

177
SOLIDWORKS PDM

Opção Descrição

PowerPoint
Seleção de slides
• Todos os slides
Seleciona todos os slides para a conversão.
• Slide(s) de
Seleciona slides no intervalo.
• Permitir ao usuário alterar as configurações do slide
Permite aos usuários alterar as configurações do slide.

Propriedades do documento
Inclui as propriedades do documento.

Enquadrar slides
Inclui os slides do quadro.

Incluir slides ocultos


Inclui os slides ocultos.

Permitir ao usuário alterar as configurações de


exportação
Permite aos usuários alterar as configurações de exportação.

Configuração da tarefa DraftSight para PDF


Os administradores podem configurar a tarefa DraftSight para PDF para converter
arquivos no formato DWG/DXF em arquivos PDF.
Para configurar a tarefa DraftSight para PDF:

1. Expanda Tarefas e clique duas vezes em DraftSight para PDF.


2. Na caixa de diálogo, para Suplemento, selecione o Suplemento Tarefas do
SOLIDWORKS PDF.
3. No painel da esquerda, configure as opções:

Opção Descrição

Método de execução Selecione os computadores que podem executar a tarefa.

Comando de menu Especifica se e como o comando deve aparecer para os


usuários no File Explorer.

178
SOLIDWORKS PDM

Opção Descrição

Cartão de arquivo Mapeia variáveis do cartão de dados do arquivo de origem


para o cartão de dados do arquivo de saída ou adiciona
Texto livre ao cartão de dados do arquivo de saída.

Detalhes do PDF de Especifica o nome e o local do arquivo PDF de saída.


saída

Configurações de Define as configurações para arquivos em formato


conversão DWG/DXF.

Permissões Permite que você selecione os usuários e os grupos que têm


permissão para iniciar a tarefa.

Notificação de êxito Permite selecionar os usuários e grupos a serem notificados.


e Notificação de erro

Propriedades do DraftSight para PDF - Cartão de arquivo


Use a página Cartão de arquivo da caixa de diálogo Propriedades do DraftSight para PDF
para especificar o mapeamento de variáveis do cartão de dados de arquivo de origem
para o cartão de dados do arquivo de saída.
Para exibir a página de Propriedades do DraftSight para PDF - Cartão de arquivo:
1. Expanda o nó Tarefas e clique duas vezes em DraftSight para PDF.
2. No painel da esquerda, clique em Cartão de arquivo.

Opção Descrição

Lista de variáveis
Variável de origem
Variável usada no cartão de dados do arquivo de origem.

Variável de destino
Variável no cartão de dados do arquivo de saída mapeada
para a variável Origin.

Adicionar variável Ativa a seção Variável selecionada para que você possa
especificar o mapeamento da variável.

Remover variável Remove o mapeamento da variável selecionada.

Variável selecionada
Define o mapeamento de variável.

179
SOLIDWORKS PDM

Opção Descrição

Variável de origem Variável usada no cartão de dados do arquivo de origem.

Texto livre Texto a ser exibido na variável de destino se você selecionar


Texto livre como a origem.

Variável de destino Variável no cartão de dados do arquivo de saída.

Propriedades do DraftSight para PDF - Detalhes do PDF de saída


Use a página Detalhes PDF de saída da caixa de diálogo Propriedades do DraftSight para
PDF para configurar as propriedades do arquivo PDF, como caminho predefinido e caminho
de registro do vault.
Para exibir a página Propriedades do DraftSight para PDF - Detalhes do PDF de
saída:
1. Expanda o nó Tarefas e clique duas vezes em DraftSight para PDF.
2. No painel da esquerda, clique em Detalhes do PDF de saída.

Opção Descrição

Caminho da saída
principal Caminho predeterminado
Local onde os arquivos PDF convertidos são salvos.
Crie o caminho do arquivo de saída digitando texto estático
e clicando em para selecionar entre as seguintes variáveis
dinâmicas:
• Nome do arquivo de origem
• Extensão do arquivo de origem
• Caminho da pasta de origem
• Caminho da pasta-raiz do vault
• Revisão do arquivo de origem
• Versão do arquivo de origem
• Estado do fluxo de trabalho do arquivo de origem
• Data atual
• Variáveis
O exemplo na caixa de diálogo mostra o formato e o caminho
do arquivo atualmente selecionado.

Permitir ao usuário alterar o caminho da saída


Permite aos usuários alterar o caminho de saída durante a
execução da tarefa.

180
SOLIDWORKS PDM

Opção Descrição

Caminho da saída Segundo local onde os arquivos PDF convertidos são salvos.
secundária
Crie o caminho do arquivo de saída digitando texto estático
e clicando em para selecionar entre as variáveis dinâmicas.
O exemplo na caixa de diálogo mostra o formato e o caminho
do arquivo atualmente selecionado.

Criar uma referência Quando selecionada, o arquivo de destino contém uma


do arquivo de destino referência ao arquivo de origem.
para o arquivo de
Para visualizar a referência, selecione o arquivo de saída no
origem
File Explorer e observe a guia Contém.

Tratamento de nomes
de arquivos duplicados Substituir o arquivo existente
Sobrescreve o arquivo se já existir um arquivo com o mesmo
nome.

Criar uma nova versão dos arquivos existentes


Cria uma nova versão do arquivo se já existir um arquivo
com o mesmo nome.

Configurações de log
Caminho do log do vault
Clique em Procurar para criar o caminho do log do vault.

Opções avançadas de Exibe a caixa de diálogo Opções avançadas de criação de


criação de script scripts, onde você pode:
• Modificar o script do VB que controla a tarefa.
• Alterar o tipo de interface do usuário usada pela tarefa.

Propriedades de DraftSight para PDF - Configurações de conversão


Use a página Configurações de conversão da caixa de diálogo Propriedades de DraftSight
para PDF para definir as opções para os arquivos DWG/DXF.
Para exibir a página Propriedades de DraftSight para PDF - Configurações de
conversão:
1. Expanda o nó Tarefas e clique duas vezes em DraftSight para PDF.
2. No painel da esquerda, clique em Configurações Avançadas.

181
SOLIDWORKS PDM

Opção Descrição

Substituir Substitui as configurações atuais do DraftSight e permite aos


configurações atuais usuários alterar as configurações.
do DraftSight

Folhas
Todas as folhas
Seleciona todas as planilhas para conversão.

Planilhas com nome


Seleciona planilhas com nome.

Permitir ao usuário alterar as configurações


Permite aos usuários alterar as definições da planilha.

Tamanho do papel
Padrão
Permite selecionar o tamanho da planilha na lista.

Custom
Permite definir a Largura, a Altura e as Unidades.

Propriedades do Inclui as propriedades do documento.


documento

Referências do arquivo de origem

Usar a versão referida dos Usa a versão referida dos arquivos referidos quando
arquivos referidos (como a tarefa é acionada.
construído)

Usar a versão mais recente dos Usa a versão mais recente dos arquivos referidos
arquivos referidos quando a tarefa é acionada.

Melhorias no Viewer de Web2 do SOLIDWORKS PDM


O SOLIDWORKS PDM Professional aprimora a tecnologia de visualização no cliente de
Web2 para arquivos SOLIDWORKS e outros tipos comuns de arquivo.
• Arquivos SOLIDWORKS. Você pode visualizar dinamicamente os arquivos em
navegadores compatíveis, como Microsoft Internet Explorer, Google® Chrome™, Mozilla®
Firefox® e Apple® Safari® sem carregar plug-ins.

182
SOLIDWORKS PDM

Antes, você podia visualizar dinamicamente os arquivos no Microsoft Internet Explorer


apenas com um plug-in do eDrawings ActiveX®.
• Outros tipos comuns de arquivo. A qualidade da visualização é mais parecida com a
visualização do arquivo no aplicativo nativo.

Não é mais possível converter vários formatos de arquivo em PDF no cliente de Web2.

183
SOLIDWORKS PDM

Replicação do banco de dados do vault


O SOLIDWORKS PDM Professional é compatível com a replicação de um banco de dados
do vault que pode melhorar o desempenho em alta latência (normalmente em mais de
50 milissegundos) e ambientes de alto uso.
Os administradores podem usar a tecnologia de Grupos de disponibilidade AlwaysOn
(AOAG) do Microsoft SQL Enterprise edição 2012 ou posterior. Para obter mais detalhes,
consulte https://msdn.microsoft.com/en-us/library/ff878265.aspx.
Para cada grupo de disponibilidade, o AOAG mantém um único banco de dados primário
de leitura-gravação e vários bancos de dados secundários somente leitura. O servidor
SQL primário atualiza os servidores SQL secundários periodicamente.

O cliente da Web2 e o cliente da Web do SOLIDWORKS PDM não podem aproveitar o


banco de dados secundário.

Você pode criar os servidores SQL secundários por meio da LAN e WAN para o servidor
SQL primário. Usando o AOAG, o SOLIDWORKS PDM Professional pode direcionar as
operações de leitura para o servidor SQL secundário. Isso melhora o desempenho da
seguinte forma:
• As operações de leitura são direcionadas para o servidor SQL secundário, o que reduz
significativamente a carga sobre o servidor SQL primário de modo que ele possa
responder mais rapidamente e lidar com mais carga.
• Para as operações de leitura, os usuários acessam o servidor do banco de dados SQL
secundário, em vez de acessar o banco de dados SQL primário. Isso acelera as operações

184
SOLIDWORKS PDM

de leitura, como a navegação pelas pastas do vault, e o acesso aos cartões de dados,
conteúdo e informações de local de uso.
• No caso de alta latência entre o servidor cliente e o servidor SQL primário, ter um
servidor SQL secundário localmente para o cliente melhora o desempenho das operações
de leitura.

É recomendado usar o modo de confirmação síncrona nos servidores SQL secundários


que têm pouquíssima latência para o servidor SQL primário.

Todas as operações de gravação são direcionadas para o servidor SQL primário. Durante
o login, o usuário é conectado:
• Aos servidores SQL primário e secundário caso o servidor SQL secundário esteja
acessível.
• Ao servidor SQL primário caso o servidor SQL secundário não esteja acessível. Nesse
caso, o servidor SQL primário lida com todas as operações do banco de dados da
respectiva sessão.

Configuração de servidores SQL secundários


Use a caixa de diálogo Configurações do servidor para configurar os servidores SQL
secundários.
Para configurar servidores SQL secundários:

1. Na ferramenta Administração, expanda Replicação e clique duas vezes em Banco


de dados.
2. Na caixa de diálogo Banco de dados, clique em Adicionar servidor.
3. Na caixa de diálogo Configurações do servidor, em Nome do servidor, selecione o
nome do servidor SQL secundário.
4. Para Lag máx. do primário, digite um valor.
5. Clique em Adicionar membro para atribuir usuários e grupos.
6. Clique em Testar configurações e em OK.

Caixa de diálogo Configurações do servidor


A caixa de diálogo Configurações do servidor permite configurar o servidor SQL secundário.

Opção Descrição

Nome do servidor Permite selecionar o servidor SQL secundário. Esse nome deve
ser exclusivo.

Use o endereço IP se o SOLIDWORKS PDM estiver


configurado para se comunicar usando este.

185
Opção Descrição

Máx. Lag do primário


O tempo máximo de lag permitido entre os servidores SQL
primário e secundário.
Esse valor pode variar de 1 minuto a 60 minutos. Se o tempo
de lag real ultrapassa o valor máximo, todas as operações de
leitura e gravação são direcionadas apenas para o servidor SQL
primário.

Não há suporte para números decimais, zero e valores


negativos.

Adicionar Membro Permite atribuir usuários e grupos ao servidor SQL secundário.


Se você atribuir um usuário a um banco de dados por meio de
um grupo e o usuário for atribuído a outro banco de dados
explicitamente, o SOLIDWORKS PDM o direciona para o banco
de dados ao qual ele foi atribuído explicitamente.
Se você atribuir um usuário a vários servidores SQL secundários
por meio de atribuições de grupo ou explícitas, o SOLIDWORKS
PDM o direciona para o banco de dados ao qual ele foi
adicionado mais recentemente.

Remover Membro Permite remover os usuários e grupos selecionados.

Testar configurações Verifica o seguinte:


• O nome do servidor SQL secundário é exclusivo.
• O banco de dados do vault no servidor SQL primário é
replicado nos servidores SQL secundários.
• O nome de usuário (sa) e a senha para os servidores SQL
primário e secundário são os mesmos.

186
20
SOLIDWORKS Plastics
O SOLIDWORKS Plastics Standard, SOLIDWORKS Plastics Professional e SOLIDWORKS Plastics
Premium estão disponíveis como produtos comprados separadamente que podem ser usados
com o SOLIDWORKS Standard, SOLIDWORKS Professional e SOLIDWORKS Premium.

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Válvulas de gaveta automáticas


• Melhorias nas configurações do PlasticsManager
• Personalização dos valores mín. e máx. de plotagens
• Carregamento mais rápido de peças
• Resfriamento de alta precisão
• Plotagem de massa da peça em relação ao tempo
• Edição de malha sólida
• Melhorias na interface de usuário

Válvulas de gaveta automáticas


Uma opção define automaticamente as válvulas de controle para que você possa prever
os tempos de abertura da válvula de controle com base na chegada da fusão frontal.
As válvulas de gaveta são usadas em sistemas de canais a quente para injetar plástico
sequencialmente em vários locais na cavidade. A simulação do Plastics pode ajudar a
determinar a sequência cronológica para a abertura cada válvula. Duas opções para
facilitar essas simulações.
No PropertyManager Local da injeção, clique em Adicionar válvulas automaticamente
para permitir que o programa defina válvulas de controle nas interfaces comuns entre
os canais e as cavidades. Você não precisa mais selecionar elementos de malha
manualmente ao ativar essa opção.
Ao selecionar Automático em Intervalo aberto da válvula, a válvula de controle abre
automaticamente quando a fusão frontal passa pela porta. Assim, você pode ver os
tempos de abertura previstos de cada válvula de controle no arquivo de log.

187
SOLIDWORKS Plastics

Melhorias nas configurações do PlasticsManager


A associação de configurações entre o SOLIDWORKS e o SOLIDWORKS Plastics foi
melhorada.
As melhorias nas configurações incluem:
• Qualquer atualização feita no ConfigurationManager, por exemplo, adição de uma nova
configuração ou alternância entre configurações, é propagada para a árvore do
PlasticsManager.
• O SOLIDWORKS Plastics aceita configurações derivadas.
• A opção Duplicar estudo copia as configurações de estudos do Plastics para uma nova
configuração.

Personalização dos valores mín. e máx. de plotagens


As melhorias nas plotagens incluem a edição dos valores mínimo e máximo fora do
intervalo dos dados atuais e a redefinição dos valores mínimo e máximo de volta aos
valores padrão.
Ao comparar as plotagens de resultados de diferentes simulações, você pode definir um
intervalo adequado de plotagem (que pode ser fora dos valores mínimo e máximo da
plotagem individual) para facilitar a comparação e a interpretação dos resultados.
Os limites mínimo e máximo predeterminados são mostrados acima da legenda de
plotagem.

No PropertyManager de Resultados, clique em para redefinir os valores mínimo e


máximo para os valores predeterminados.

Carregamento mais rápido de peças


Uma opção permite que controle o carregamento de dados de análise do Plastics ao abrir
documentos de peça.
No PropertyManager Configurações, a opção Carregar dados do Plastics quando
.sldprt está aberto fica desmarcada por padrão. Os dados salvos da simulação do Plastics
são carregados com a ativação da árvore do PlasticsManager.
Selecionar a opção Carregar dados do Plastics quando .sldprt está aberto resulta
em uma demora maior ao abrir arquivos sldprt com dados salvos da simulação do
Plastics.

Resfriamento de alta precisão


O módulo de análise Cool foi aprimorado.
Uma opção de solução está disponível para o módulo de análise Cool, que permite a
simulação de circuitos de resfriamento com múltiplas entradas e saídas. Todas as
passagens laterais sem entradas ou saídas são consideradas fins da linha. Selecione
Campo do fluxo do líquido de arrefecimento em Condições de contorno.

188
SOLIDWORKS Plastics

Seta vermelha: Entrada; Seta azul: Saída; X: Fim da linha

Após a conclusão da análise do Campo do fluxo do líquido de arrefecimento, as novas


opções de plotagem de resultado ficam disponíveis para velocidade do líquido de
arrefecimento e pressão da água.

Velocidade do sistema do líquido de


arrefecimento

189
SOLIDWORKS Plastics

Temperatura do molde ao final do


resfriamento

O tempo de abertura do molde é incluído nos cálculos do solver Cool. Isso representa o
efeito do líquido de arrefecimento em circulação enquanto o molde é aberto. O tempo de
abertura do molde é listado no resumo Tempo de ciclo no relatório.

Plotagem de massa da peça em relação ao tempo


A plotagem de Massa da peça mostra as alterações da massa da peça durante os
processos de preenchimento e embalagem.
A plotagem de Massa da peça inclui apenas os domínios de cavidade. Os domínios de
canal são excluídos. A plotagem de massa da peça ajuda a determinar quando a cavidade
está totalmente embalada, assim você pode diminuir o tempo de embalo para eliminar
embalagens desnecessárias adicionais da alimentação e dos canais.
Você também pode usar Massa da peça juntamente com a plotagem de temperatura
da porta para determinar o tempo de manutenção de pressão e de congelamento.

190
SOLIDWORKS Plastics

Tempo de O primeiro estágio de compactação será automaticamente encerrado se


compactação a taxa de fluxo do polímero se aproximar de zero e qualquer Tempo de
automático manutenção da pressão restante será adicionado ao Tempo de
resfriamento puro para determinar a nova duração do segundo estágio
de compactação. A taxa de fluxo de polímero é monitorada na interface
entre os domínios do canal e da cavidade, ou nos locais da injeção se
nenhum domínio do canal tiver sido definido. Os critérios para uma taxa
de fluxo próxima de zero são satisfeitos quando a taxa de alteração da
massa da peça fica abaixo de 0,01% por segundo.

Configurações

Tempo de manutenção da pressão 8 s

Resultados

Tempo de ciclo (= Tempo de 16,64 seg


enchimento + Tempo total no
estágio de compactação)

Tempo de preenchimento 0,62 s

Tempo total no estágio de 16,02 s


compactação (= Tempo de
manutenção da pressão + Tempo
de resfriamento puro)

Tempo de manutenção da pressão 4,52 s

Tempo de resfriamento puro 11,50 s

Edição de malha sólida


Uma opção no PropertyManager Malha sólida - Manual mantém as definições de domínio
estabelecidas anteriormente ao criar uma malha sólida com o método Manual.
No PropertyManager Malha sólida - Manual, selecione Usar projeto anterior.
O programa mantém as definições anteriores para Canais de arrefecimento, Canais e
Moldes virtuais, e prossegue para o passo de criação da malha de superfície. Essa opção
economiza tempo, pois você pode modificar apenas a malha da cavidade, redefinir as
atribuições do domínio em um modelo.

Melhorias na interface de usuário


Vários aprimoramentos na interface de usuário melhoram a produtividade.
• Ícones ao lado dos campos numéricos dos parâmetros estão ativos e restauram os
valores de entrada predefinidos dos parâmetros.
• A caixa de diálogo Polímero mantém o tamanho personalizado e as configurações de
local da última exibição.

191
• Nomes compridos de materiais de polímeros são exibidos por completo na caixa de
diálogo Polímero.
• O controle de velocidade da animação foi melhorado. O intervalo de velocidade foi
aumentado por um fator de 2.
• No PropertyManager Assistente do projeto de canal, clique em Usar ângulo de
inclinação para definir uma geometria de alimentação com uma determinada dimensão
de diâmetro (D1) no início da alimentação e um ângulo de inclinação para calcular
automaticamente o diâmetro no final da geometria de alimentação. Para inverter as
dimensões de uma determinada alimentação, clique em Inverter dimensão.
• Uma plotagem de contorno mais intuitiva para Linha de solda reflete a gravidade da
interseção das frentes de fundição do plástico. Na plotagem de contorno Linhas de
solda, os locais da cavidade onde as frentes de fundição do plástico se encontram,
sob ângulos (agudos) pequeno, são exibidos em vermelho. Os locais onde os ângulos
são grandes (obtusos) estão coloridos em azul.

192
21
Rota
Disponível no SOLIDWORKS Premium.

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Melhorias da rota automática


• Opção automática Zoom para ajustar ao adicionar componentes de rota
• Ferramenta de vista explodida
• Melhorias de planificação
• Bicos de tubo rígido
• Melhorias da qualidade e correções para rota
• Reutilização de rotas para tubos e mangueiras
• Proteção de rotas distintas através de clipes

Melhorias da rota automática


Para tipos de rota ortogonais e flexíveis, as falhas em Rota automática são corrigidas
automaticamente por meio do reposicionamento da rota.
Antes, você recebia uma mensagem de erro ao usar Rota automática quando os pontos
finais estavam muito próximos ou o raio era muito pequeno para a geometria.
As soluções de Caminhos alternativos são listadas no PropertyManager Rota automática.
Um máximo de sete soluções é fornecido de cada vez. Você pode acessar as soluções de
caminho alternativo clicando na caixa Caminhos alternativos e depois clicando na área
de gráficos para visualizar o manipulador. No manipulador, você pode clicar com o botão
direito do mouse para mudar para a próxima solução possível e clicar com o botão
esquerdo para aceitar a solução proposta.

Opção automática Zoom para ajustar ao adicionar


componentes de rota
Você pode definir o comportamento da ferramenta automática Zoom para ajustar depois
de adicionar componentes de rota em Elétrica, tubulação rígida e flexível.

Antes, a ferramenta Zoom para ajustar foi ativada automaticamente durante a


adição de componentes de rota na área de gráficos.
Para definir essa opção, clique em Ferramentas > Opções > Rota e selecione Zoom
automático para ajuste após a adição de componentes de roteamento.

193
Rota

Ferramenta de vista explodida


Você pode criar vistas explodidas de montagens de Rota semelhante às montagens do
SOLIDWORKS usando a ferramenta Vista explodida.
Antes, ao usar a Vista explodida em rotas, os acessórios voltavam para as posições
originais, alterando a posição de outros segmentos de tubo rígido na montagem.
A funcionalidade melhorada abrange o seguinte:
• Você pode criar vistas explodidas no nível da submontagem.
• Você pode criar vistas explodidas com os seguintes tipos:
• Etapa regular
• Etapa radial
• Você não recebe mais uma mensagem de erro quando tenta selecionar uma peça de
rota e arrastá-la ao usar Vista explodida em Elétrica, tubulação rígida e flexível.
• Você pode arrastar ou selecionar peças de rota em submontagens ou componentes de
forma semelhante à que você pode arrastá-las na montagem de nível superior.
• Você não pode usar a ferramenta de Vista explodida com rotas planificadas.

Melhorias de planificação

Aprimoramentos no Editar rota planificada


Você pode editar rotas planificadas complexas de estilo para manufatura com as opções
aprimoradas de edição na ferramenta Editar rota planificada.
Você também pode acessar Editar rota planificada no menu de atalho da configuração
planificada na Árvore de projeto do FeatureManager.
Os seguintes aspectos foram aprimorados:
• Gráficos temporários.
• Manipulador para alterar o ângulo e raio de dobra.
• Seleção de ponto fixo para determinar qual lado do segmento de rota deve ser editado.

194
Rota

Rotas planificadas desunidas


A funcionalidade de planificação elétrica permite rotas desunidas em estilos de fabricação
e de anotação.
Antes, você recebia uma mensagem de erro ao tentar planificar rotas desunidas.
A exibição de rotas desunidas é aceita em desenhos planificados.

Uma rota é um segmento de rota desunido quando a montagem de rota que tem
diversas rotas individuais que não estão conectadas entre si, formando um sistema
semelhante a um circuito.

195
Rota

Bicos de tubo rígido


Você pode usar bicos para conectar dois acessórios em uma montagem de rota.
Um bico de tubo rígido é um pedaço curto de tubo com uma rosca macho de tubo nas
em uma ou ambas as extremidades. O suporte para cinco tipos de bicos de tubos rígidos
é fornecido no Routing Library Manager.
Cinco novos tipos de bicos são fornecidos na Biblioteca de Projetos.

1. Bico de tambor
2. Bico sextavado
3. Bico fechado
4. Bico de soldagem
5. Bico de mangueira

196
Rota

Melhorias da qualidade e correções para rota


Rota genérica
• Você pode substituir a criação automática de adaptadores ao pressionar Alt + arrastar
e soltar conectores ou acessórios na área de gráficos. Você pode:
• Inserir peças sem iniciar uma rota automaticamente.
• Posicionar uma peça antes de iniciar uma rota.
• A ferramenta de Tríade do gerador de esboços está disponível em Tubulação rígida
e flexível. Antes, ela só estava disponível em Rotas elétricas.
• Várias instâncias do mesmo componente são referidas numericamente na Lista De-Para
de fios. Por exemplo, quando um plugue está na montagem superior e também em
uma submontagem, ambas as instâncias são referidas uma única vez na Lista De-Para
de fios.

Tubulação rígida
Caso uma penetração esteja faltando na junção de tubos rígidos, você é notificado com
uma mensagem de erro que aponta a junção.

Reutilização de rotas para tubos e mangueiras


Você pode reutilizar uma rota de tubo existente na mesma montagem ou em outras
montagens. A rota reutilizada usa os mesmos números de peças, componentes e
comprimentos de mangueiras que a rota original, mas diferentes caminhos do esboço,
de acordo com a intenção do projeto.
Para reutilizar rotas de tubos:

1. Na Árvore de projeto do FeatureManager, clique com o botão direito do mouse em


uma montagem de rota de tubo e clique em Reutilizar rota ou Ferramentas >
Roteamento > Tubulação flexível > Reutilizar rota.
2. No PropertyManager:
a) Selecione Procurar todas as submontagens.
b) Clique em Buscar para pesquisar por uma montagem existente de rota de tubo
flexível para abrir o documento da rota.
c) Selecione Manter comprimento de segmento de rota.
Os comprimentos de cada segmento de rota são atribuídos a cada segmento da
montagem da rota de tubo reutilizada e o parâmetro de comprimento fixo é
aplicado. Todas as configurações, caso haja mais de uma, são aplicadas à rota
reutilizada.
A montagem da rota do tubo reutilizada herda as propriedades da montagem-pai
da rota do tubo, incluindo as propriedades personalizadas e número de peça das
propriedades da configuração. Se o número da peça estiver em branco no pai,
então a montagem da rota do tubo reutilizada usa o nome da montagem-pai.
Se uma rota reutilizada estiver na mesma montagem da rota original, elas são
agrupadas na BOM como se fossem duas instâncias da mesma montagem.

197
Rota

As edições não são propagadas a partir da rota reutilizada para a


montagem-pai da rota do tubo. A rota reutilizada é uma cópia. Para
preservar a intenção do projeto e impedir que a rota reutilizada desvie
do o pai, vários recursos estão desabilitados. Por exemplo, você não
pode adicionar acessórios ou recurso de montagem a uma rota
reutilizada.

d) Clique em .
3. Para alterar o projeto da rota reutilizada a partir da rota-pai, você pode remover o
vínculo entre ambas as rotas clicando com o botão direito do mouse na rota reutilizada
na Árvore de projeto do FeatureManager e, depois, em Desvincular rota.
Todos os recursos de roteamento são restaurados, o ícone é removido e a rota não
é agrupada ao seu pai em uma BOM.

Para editar os caminhos das rotas, clique com o botão direito do mouse na rota e
selecione Editar rota.

Proteção de rotas distintas através de clipes


Quando você passa várias rotas através de um clipe, os fios individuais não são unidos
e são compensados em relação ao eixo do clipe.
Para proteger rotas distintas através de clipes:

1. Abra a letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\


SOLIDWORKS 2017\whatsnew\Routing\ClipRoutes\ClipRoutes.sldasm.
2. Clique com o botão direito do mouse no clipe e selecione a configuração 4-01 -
6,4mm Dia na seção superior do menu de atalho.

3. Clique em .
4. Na árvore de projeto do FeatureManager, clique com o botão direito em um Route1
e selecione Editar rota.
5. Clique em Ferramentas > Rota > Ferramentas de rota > Rota/Editar através
do clipe .
6. Clique em qualquer um dos segmentos da rota e no eixo do clipe.
O segmento selecionado e o eixo do clipe são exibidos em Seleções atuais, no
PropertyManager.
7. No PropertyManager:
a) Selecione Offset do eixo do clipe.
b) Defina Distância de offset como 10.

8. Clique em .
9. Repita as etapas 6 a 7 para a segunda rota.
10. No PropertyManager:
a) Selecione Offset do eixo do clipe.
b) Defina Distância de offset como 5.

11. Clique em .

198
Rota

12. Repita as etapas 6 a 7 para a terceira rota.


13. No PropertyManager:
a) Selecione Offset do eixo do clipe.
b) Defina Distância de offset como 2.

14. Clique em Alinhamento automático .


Todas as rotas são colocadas em torno da terceira rota.

O alinhamento automático agrupa todas as rotas próximas à última rota modificada.

15. Repita a etapa 6 e clique no eixo do clipe.


Três rotas são exibidas no PropertyManager, em Rotas que passam pelo clipe.

199
22
Chapa metálica

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Criação de alívios de canto de três dobras


• Cortes normais
• Suporte da tabela de punção para peças espelhadas e derivadas
• Opções de chapa metálica

Criação de alívios de canto de três dobras


Você pode criar alívios de canto onde três dobras se encontram em um ponto comum. O
alívio de canto é aplicado no ponto de interseção comum das linhas de dobra.

200
Chapa metálica

Para criar alívios de canto de três dobras:

1. Abra a letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\


SOLIDWORKS 2017\whatsnew\sheet metal\bracket.sldprt.

2. Clique em Alívio de canto (barra de ferramentas Chapa metálica) ou em Inserir


> Chapa metálica > Alívio de canto.
3. No PropertyManager:
a) Em Tipo de canto, selecione Canto de 3 dobras.
Para criar um canto de três dobras, o modelo deve ter três dobras onde as linhas
de dobra se encontram exatamente no mesmo ponto.
b) Em Cantos, clique em Coletar todos os cantos.

c) Em Opções de alívio, clique em Circular e defina Diâmetro para 4.


Os alívios de canto de três dobras podem ser retangulares, circulares, redondos
ou ter rupturas.

d) Clique em .
Os alívios são adicionados aos cantos.

201
Chapa metálica

Cortes normais
A opção Corte normal no PropertyManager Corte-Extrusão foi melhorada e proporciona
resultados melhores.
Para peças de chapa metálica com recursos de corte extrudado criadas em versões
anteriores ao SOLIDWORKS 2017, selecione Corte normal e Geometria otimizada no
PropertyManager Corte-Extrusão para aproveitar a funcionalidade melhorada.
A geometria agora produz resultados mais suaves. O exemplo a seguir mostra um corte
extrudado com base em um esboço circular.

SOLIDWORKS 2017 SOLIDWORKS 2016

Suporte da tabela de punção para peças espelhadas e


derivadas
Para desenhos de peças de chapa metálica espelhadas e derivadas, as informações de
punção são aceitas nas tabelas de punção.

202
Chapa metálica

Por exemplo, se você criar uma vista de desenho de uma peça de chapa metálica
espelhada, qualquer ferramenta de conformação ou recurso de biblioteca na peça
espelhada ficam disponíveis nas tabelas de punção.
Ao criar uma peça derivada, você deve selecionar Informações da chapa metálica no
PropertyManager Inserir peça.
Consulte Obtenção de componentes de chapa metálica em desenhos na página 92.

Opções de chapa metálica


Você pode definir o comportamento padrão que controla se os corpos de chapa metálica
seguem os parâmetros definidos na pasta Chapa metálica da Árvore de projeto do
FeatureManager ou não.

A pasta Chapa metálica na Árvore de projeto do FeatureManager contém definições


de chapa metálica para corpos individuais de chapa metálica. Nessa pasta, você pode
definir os parâmetros comuns de chapa metálica para todos os corpos ou estabelecer
definições individuais para cada corpo. As seguintes opções permitem que você controle
o comportamento padrão de corpos recém-criados de chapa metálica, por exemplo, se
as definições da chapa metálica seguem as configurações da pasta Chapa metálica ou
não.
Você pode salvar essas opções para um template, pois elas são específicas do documento.
Em Ferramentas > Opções > Propriedades do documento > Chapa metálica, em
Novos corpos de chapa metálica, selecione:
• Substituir parâmetros padrão
• Substituir parâmetros de compensação da dobra
• Substituir parâmetros de alívio automático
Quando selecionadas, essas opções substituem os parâmetros da pasta Chapa metálica.
Nos PropertyManagers individuais de cada corpo de chapa metálica, as caixas de seleção
Substituir parâmetros padrão são marcadas. Quando todas as opções estiverem
desmarcadas, todos os parâmetros de corpos individuais de chapa metálica são acionados
pelas configurações na pasta Chapa metálica.

203
23
SOLIDWORKS Simulation
O SOLIDWORKS Simulation Standard, o SOLIDWORKS Simulation Professional e o SOLIDWORKS
Simulation Premium estão disponíveis como produtos comprados separadamente que podem
ser usados com o SOLIDWORKS Standard, SOLIDWORKS Professional e SOLIDWORKS Premium.

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Atualização automática de junta de viga


• Conversão de um estudo estático para um novo estudo
• Detecção de pontos quentes de tensão
• Exibição dos resultados do SOLIDWORKS Simulation na área de gráficos
• Edição de vários grupos de contatos
• Método de controle de comprimento de arco melhorado para análise de contato
não linear
• Alternância inteligente de solver
• Gerenciamento de resultados de análise dinâmica
• Gravação de macros no Simulation
• Propriedades de massa no Simulation
• Simulação descarregada
• Melhorias de desempenho para o SOLIDWORKS Simulation
• Melhorias de pós-processamento para o SOLIDWORKS Simulation
• Sondagem de resultados em nós selecionados
• Cargas e massa remotas para vigas
• Mensagens do solver ignoradas automaticamente

Atualização automática de junta de viga


Quando você faz alterações de projeto em componentes estruturais que geram malhas
com elementos de viga, não é necessário recalcular as definições existentes das juntas
de viga em um estudo do Simulation. O programa atualiza automaticamente as juntas
de viga quando você vai para a guia do estudo do Simulation.
Na caixa de diálogo Opções do sistema - Geral, selecione Atualizar juntas da viga
automaticamente quando um estudo é ativado.
Durante o processo do projeto, você pode alterar recursos de soldagem na guia Modelo,
como perfil, comprimento, ângulo de rotação da viga, suprimir ou cancelar supressão do
status e conversão em corpo sólido.
O programa recalcula as definições da junta de viga das soldagens atualizadas quando
você vai para a guia do estudo do Simulation.

204
SOLIDWORKS Simulation

Conversão de um estudo estático para um novo estudo


Você pode copiar um estudo estático para um novo estudo dinâmico linear ou estudo não
linear. Apenas as condições de limite compatíveis são transferidas para o novo estudo.
Para converter um estudo estático em um novo estudo:

1. Em uma árvore de estudo estático, clique com o botão direito do mouse no ícone
superior e clique em Copiar estudo.
2. Em Source Study, selecione o estudo estático de origem a ser copiado para um novo
estudo de destino.
3. Em Nome do estudo, digite o nome do novo estudo.
4. Em Configuration to use, selecione a configuração vinculada ao estudo de destino.
5. Em Target Study, selecione um dos tipos de estudo disponíveis: Static, Nonlinear
ou Linear Dynamic.

6. Clique em .
Todas as cargas e condições de limite admissíveis são copiadas para o novo estudo
de destino. O programa emite mensagens de aviso quando os recursos do estudo
estático de origem, como conectores e cargas, não são transferidos para o estudo de
destino devido a limitações.

Talvez ainda seja necessário definir as cargas que dependem do tempo ou da


frequência para o estudo de destino para executar a análise.

Detecção de pontos quentes de tensão


A ferramenta de diagnóstico Stress Hot Spot detecta as regiões do modelo que
apresentam as tensões mais altas.
Disponível para estudos estáticos.

Clique com o botão direito do mouse na pasta Resultados e clique em Stress Hot
Spot Diagnostics.
As tensões mais altas nas áreas de interesse podem ser atribuídas a singularidades de
tensão devido a recursos de geometria, como cantos agudos, cargas pontuais ou condições
de limite fixas.
As singularidades de tensão têm natureza divergente, ou seja, ao reduzir o tamanho da
malha, espera-se que o valor das singularidades de tensão aumente até o valor teórico
de infinito. Os valores legítimos de concentração de tensão têm natureza convergente e
atingem um valor estável à medida que você refinar a malha.
Quando pontos de tensão forem detectados, você poderá visualizar essas regiões do
modelo com uma plotagem de pontos de tensão que mostra a variação das tensões von
Mises. Você pode especificar uma cor personalizada (a cor padrão é cinza) para os valores
de tensão maiores do que o valor limite que aciona a detecção de pontos de tensão.
Clique em Isolate Stress Hot Spots no PropertyManager Stress Hot Spot para exibir
somente as áreas identificadas como pontos de tensão.

205
SOLIDWORKS Simulation

Exibição dos resultados do SOLIDWORKS Simulation na


área de gráficos
Você pode exibir os resultados do SOLIDWORKS Simulation na área de gráficos do
SOLIDWORKS juntamente com outros componentes ou corpos do modelo que não são
parte da simulação.
Assim, não é necessário alternar entre os resultados da simulação e o ambiente de
modelagem. Mão é ideal exibir os resultados da simulação nos corpos e componentes.
Essa exibição ajuda a com os propósitos de marketing e projeto preditivo. Antes, se você
executasse uma simulação em um componente de uma montagem, somente o componente
era exibido com os resultados e todos os outros componentes eram ocultados.

Um exemplo de projeto preditivo é fazer alterações no modelo com base nos resultados
da simulação.

Disponível com as licenças do SOLIDWORKS Simulation.


Para exibir os resultados do SOLIDWORKS Simulation na área de gráficos:

1. Abra a letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\


SOLIDWORKS 2017\whatsnew\model_display\sunglasses.sldasm.
Se a caixa de diálogo Resolver componentes de peso leve aparecer, clique em OK.
Há um estudo de simulação salvo com a montagem.

206
SOLIDWORKS Simulation

2. Clique na guia Static 1.

3. Na árvore de estudos do Simulation, clique com o botão direito em Static 1 e


clique em Run.
4. Clique na guia Model.

5. Clique em Simulation Display (barra de ferramentas View) ou em View >


Display > Simulation Display.
Se a caixa de diálogo Simulation Display aparecer, clique em OK.
6. No PropertyManager:
a) Em Selected Result, selecione Displacement1.
b) Clique em .
A montagem é exibida com os resultados da simulação em seu contexto.

O comando Simulation Display exibe somente plotagens de resultados dos estudos


para os quais você carregou todos os dados de simulação. Para carregar todos os
dados de simulação, clique em Simulation > Options > System Options >
General e selecione Load all Simulation Studies when opening the model
(requires more time to open a model). Você pode também carregar dados de
simulação para um estudo específico clicando nas guias de simulação individual.

Edição de vários grupos de contatos


Você pode selecionar vários conjuntos de contatos em uma única etapa para modificar
suas propriedades comuns. Você pode converter vários conjuntos de contatos para um
tipo de contato comum diferente das configurações originais.

207
SOLIDWORKS Simulation

O tempo gasto para editar vários conjuntos de contatos é reduzido ao permitir a seleção
e modificação de vários conjuntos de contatos em uma única etapa.
Selecione mais de dois conjuntos de contatos e clique em Editar definição. Quando você
seleciona vários conjuntos de contatos do mesmo tipo, as propriedades do primeiro
conjunto de contatos são propagadas para os demais.
Quando você seleciona conjuntos de contatos com diversos tipos, o tipo de contato
selecionado no PropertyManager de Editar vários conjuntos de contatos é aplicado a todos
os conjuntos de contatos selecionados. Todos os conjuntos de contatos são convertidos
para um tipo de contato comum. Os pares de conjuntos de contatos permitidos para
conversão são mencionados acima.

Unidas Sem Permitir Ajuste por Parede


penetração penetração contração virtual

Unidas Sim Sim Sim Sim N/D

Sem Sim Sim Sim Sim N/D


penetração

Permitir Sim Sim Sim Sim N/D


penetração

Ajuste por Sim Sim Sim Sim N/D


contração

Parede virtual N/D N/D N/D N/D Sim

Resistência Isolamento Unido (Térmico)


térmica (Térmico) (Térmico)

Resistência térmica Sim Sim Sim


(Térmico)

Isolamento (Térmico) Sim Sim Sim

Unido (Térmico) Sim Sim Sim

Se você selecionar conjuntos de contatos diversos (por exemplo, contatos de parede


virtual e sem penetração) que não estão qualificados para uma conversão em grupo para
outro tipo de contato, o software solicita que você realize uma ação corretiva.

Método de controle de comprimento de arco melhorado para


análise de contato não linear
Você pode analisar o comportamento de flambagem de qualquer estrutura com mais
precisão usando a inclusão de contatos sem penetração entre os componentes que podem
entrar em contato durante a análise.
O método de controle de comprimento de arco é compatível com estudos estáticos não
lineares com definições de contato sem penetração. Estudos não lineares de simplificação
2D também são compatíveis com o método de controle de comprimento de arco melhorado.

208
SOLIDWORKS Simulation

A tabela lista os recursos compatíveis com os solvers Direct Sparse e Intel Direct Sparse
para cada método de controle.

Controle de força Controle de Controle de Compr.


deslocamento de Arco

Force Yes Yes Yes

Deslocamento Yes No No
prescrito

Sem contato de Yes No Yes


penetração

Força + Yes No No
deslocamento
prescrito

Deslocamento Yes No No
prescrito + contato
sem penetração

Força + contato sem Yes No Yes


penetração

Força + Yes No No
deslocamento
prescrito + contato
sem penetração

Nem o comprimento de arco nem o método de controle de deslocamento são capazes


resolver movimentações de um corpo rígido que podem ocorrer durante uma solução
não linear. Se você encontrar uma movimentação de um corpo rígido durante uma
análise não linear, use o método de controle de força com um deslocamento prescrito
para aumentar as chances de atingir a convergência.

Alternância inteligente de solver


O software pode selecionar automaticamente o solver mais robusto para estudos não
lineares.
Na caixa de diálogo Nonlinear - Static, em Solver, selecione Automatic Solver Selection.
O programa seleciona o mais robusto entre dois solvers dependendo do tamanho do
modelo e da memória RAM disponível:
• Solver Intel Direct Sparse. Para modelos pequenos e médios com geometria pequena.
O solver Intel Direct Sparse requer mais memória RAM que o solver FFEPlus Iterative.
• Solver FFEPlus Iterative. Para modelos médios com geometria volumosa, e modelos
grandes.

209
SOLIDWORKS Simulation

Gerenciamento de resultados de análise dinâmica


O gerenciamento de arquivos grandes de resultados de estudos dinâmicos lineares foi
melhorado.
Para reduzir o tamanho do arquivo de resultados da análise para estudos dinâmicos
lineares, no PropertyManager Opções de resultado, clique em Somente tensão nodal
von Mises (mais rápida).
Após a conclusão da análise, apenas o componente de tensão von Mises fica disponível
para plotagem.
Os algoritmos melhorados permitem uma obtenção mais rápida de resultados rastreados
por sensor.

Gravação de macros no Simulation


Você pode gravar as operações executadas com a interface do usuário do SOLIDWORKS
Simulation em um script de macro.
Com a gravação de macro, você pode capturar essas tarefas para estudos estáticos e
não lineares:
• Criar estudos
• Definir propriedades de estudo (estudos estáticos)
• Aplicar material
• Aplicar condições de cargas e limite
• Criar malha e controle de malha
• Executar o estudo
• Criar plotagens
A seguir há uma lista de condições de cargas e limite compatíveis com a gravação de
macro:
Pressão, Gravidade, Centrífuga, Carga de rolamento, Temperatura, Convecção, Fluxo de
aquecimento, Potência térmica, Radiação, Massa distribuída, Excitação de base uniforme
e selecionada, Acessórios de fixação, Configuração de teste de queda, Definições de
contato manual (apenas com seleção de entidade, contatos não detectados
automaticamente detectados) e Contatos de componente.
Operações de macro são acessadas a partir da barra de ferramentas Macro ou no menu
Tools > Macro. As macros gravadas são salvas como arquivos de projeto Visual Basic
for Applications (VBA) .swp.

Propriedades de massa no Simulation


Você pode calcular as propriedades de massa de todo os corpos ou apenas dos selecionados
incluídos em um estudo do Simulation.
Clique com o botão direito do mouse no ícone superior na árvore de estudos do Simulation
e selecione Mass Properties.
A ferramenta Mass Properties considera:
• Corpos sólidos, de viga e de chapa metálica com as respectivas definições de material
atribuídas no Simulation.
• Espessuras atribuídas a corpos de casca e de superfície.

210
SOLIDWORKS Simulation

• Cascas compostas com materiais atribuídos.


• Massas remotas.
• Massas adicionadas com conectores de parafuso e de pino.
As seguintes propriedades são calculadas: massa, volume, área de superfície, centro de
massa e principais momentos de inércia (medidos no centro de massa).

Simulação descarregada
Você pode descarregar a execução de uma simulação para outro computador conectado
ao domínio da sua rede local. Ao descarregar uma simulação, você pode continuar a
trabalhar com o SOLIDWORKS no computador coordenador executando tarefas paralelas.
Disponível para a licença do SOLIDWORKS Simulation Premium e para estudos estáticos
e não lineares.
A simulação descarregada distribui a parte com a solução da equação do processo de
simulação para um computador de worker agent conectado ao mesmo domínio de rede.
Para descarregar uma simulação, você precisa de:
• Um computador executando o SOLIDWORKS Simulation Premium que atue como o
coordenador.
• Um computador com o SOLIDWORKS Simulation Worker Agent instalado e ativo
que atue como o worker agent.
• Uma conexão de rede entre o coordenador e o worker agent.
Você cria um estudo de simulação estático e não linear no coordenador. A tarefa de
solucionar as equações de simulação é realizada no worker agent. A detecção de contato
durante a análise é realizada tanto no computador worker agent como no coordenador.
Enquanto o worker agent processa o Simulation, você pode continuar a trabalhar com o
SOLIDWORKS no computador coordenador. Você visualiza e faz o processamento posterior
dos resultados da simulação no computador coordenador.

Somente o computador do coordenador precisa de uma licença do SOLIDWORKS e do


SOLIDWORKS Simulation Premium.

Execução de uma simulação descarregada


Para executar uma simulação descarregada, tanto a máquina coordenadora como a worker
agent devem estar no mesmo domínio de rede. O SOLIDWORKS Simulation Worker Agent
está instalado e ativado no computador worker agent.
Para executar a simulação descarregada:

1. Para o computador worker agent na rede:


a) No SOLIDWORKS Installation Manager, instale o cliente do SOLIDWORKS
Simulation Worker Agent.
®
O Intel MPI Library Hydra Process Manager (inclui os executáveis da Interface de
Envio de Mensagem da Intel [MPI, Message Passing Interface]) está instalado e
estabelece protocolos de comunicação entre a máquina coordenadora e a worker
agent para que elas executem com êxito a simulação descarregada.
b) Execute SOLIDWORKS Simulation Worker Agent pelo menu Iniciar do
Windows. (pasta de instalação padrão do Simulation Worker Agent: letra da

211
SOLIDWORKS Simulation

unidade:/Program Files\Common Files\SOLIDWORKS Shared\Simulation Worker


Agent). Clique em Activate Worker Agent. O computador worker agent agora
está pronto para executar uma simulação descarregada.

Para alterar o local da pasta temporária, clique em Deactivate Worker Agent e


edite o local da pasta onde os arquivos temporários são armazenados.

2. Para o computador do coordenador na rede:


a) Crie um estudo estático ou não linear do Simulation.
b) Clique em Manage Network (CommandManager do Simulation). Na caixa de
diálogo User Account Control, clique em Yes para permitir que o compartilhamento
de rede do SOLIDWORKS Simulation faça as alterações em seu computador.
Digite a senha de login do Windows na primeira vez que você executar uma
simulação descarregada no computador coordenador.
No SOLIDWORKS Simulation Network Manager, todas as máquinas worker
agent com o SOLIDWORKS Simulation Worker Agent instalado e ativado são
listadas. O computador coordenador é destacado em verde no topo da lista. Clique
em Refresh para atualizar a lista dos worker agents disponíveis detectados na
rede.
c) Clique em Offloaded Simulation (CommandManager do Simulation).
O solver é alternado para o Intel Network Sparse.
d) Na lista de worker agents disponíveis na rede, selecione um para processar a
simulação descarregada e clique em OK.
Se o SOLIDWORKS Simulation Network Manager não detectar worker agents,
certifique-se de que pelo menos um computador worker agent esteja ligado e que
o worker agente esteja ativo; tanto a máquina coordenadora como a worker agent
devem estar na mesma sub-rede.

Os computadores destacados em vermelhos não podem ser utilizados porque


que são worker agents executando trabalhos do Simulation ou estão atuando
como coordenadores e compartilhando a pasta do Simulation para outras
simulações descarregadas em processamento.

e) Execute o estudo.
Quando a simulação descarregada estiver em execução, o status do computador
worker agent selecionado muda de inativo para ativo. Informações sobre o status
da simulação descarregada são mostradas na janela do SOLIDWORKS Simulation
Worker Agent.

212
SOLIDWORKS Simulation

Quando a simulação descarregada for concluída, o cliente do Simulation Worker


Agent copia os arquivos de resultado de volta para o disco rígido do computador
coordenador.

• Você não precisa instalar o SOLIDWORKS ou o SOLIDWORKS Simulation no


computador worker agent para executar uma simulação descarregada.
• Você não precisa instalar o cliente do SOLIDWORKS Simulation Worker Agent
no computador coordenador a menos que planeje usá-lo como um worker agent.
• Para verificar se o computador coordenador e o do worker agent estão na mesma
sub-rede, abra a janela do Processador de comandos do Windows e execute o
comando net view. Esse comando exibe uma lista dos computadores na mesma
sub-rede, com aquele que está sendo utilizado para executar o comando. Ambos
os computadores, o coordenador e o worker agent, devem aparecer na lista para
executar a simulação descarregada.
• Certifique-se de que o Firewall do Windows não esteja bloqueando os executáveis
da simulação descarregada: mpiexec.hydra.exe, hydra_service.exe e
pmi_proxy.exe localizados em letra da unidade:\Program Files\Common
Files\SOLIDWORKS Shared\Simulation Worker Agent. Caso ainda não consiga
executar a simulação descarregada, tente desativar o Firewall do Windows para
o domínio da rede.

Melhorias de desempenho para o SOLIDWORKS Simulation


Várias melhorias na área dos gráficos, geração da malha e formulação de contato
melhoram o desempenho global do produto do Simulation.
• Os símbolos dos conectores de pino foram reprojetados. Com os símbolos reprojetados,
você pode identificar o tipo de conector de pino (com anel de retenção ou chave) na
área de gráficos sem abrir o PropertyManager do conector de pino.

213
SOLIDWORKS Simulation

Símbolo para pino com anel de retenção Símbolo para pino com chave (sem
(sem translação) rotação)

• Os símbolos de pré-carregamento para parafusos identificam a pré-carga axial ou de


torque aplicada.

Símbolos para parafusos com pré-carga Símbolos para parafusos com pré-carga
de torque axial

• Os índices de falha dos critérios de falha de cascas compostas (Tsai-Hill, Tsai-Wu, e


tensão máxima) são calculados a partir das tensões nodais. Antes, os índices de falha
eram calculados a partir dos valores de tensão no elemento.
• O gerador de malhas baseado em curvatura mesclado é compatível com métodos
H-adaptativo e P-adaptativos.
• A alocação de memória otimizada ou apoio multisegmentado para os compiladores
Intel melhoram o desempenho dos estudos com união superfície-superfície e de
definições de contato sem penetração. O tempo gasto pelo programa na fase de
formulação da união e de contatos sem penetração é reduzido.
• Melhoria notável no desempenho que possibilita a redução do tempo de solução do
solver iterativo FFEPlus para estudos estáticos.

Melhorias de pós-processamento para o SOLIDWORKS


Simulation
Várias melhorias no pós-processamento de resultados e visualização em plotagem
aumentam a produtividade.

• Com a adição da ferramenta Synchronize Views, no modo Compare Results, a


sincronização da orientação de vista e tamanho do modelo (panorâmica, zoom e girar)
é automática em todos os painéis de vista.
• Na caixa de diálogo Compare Results, clique em Save image as para salvar as
plotagens ativas de resultado em múltiplos painéis em um formato de arquivo *.png,
*.jpg, ou *.bmp.
• Você pode definir o valor máximo de uma plotagem de tensão como igual ao valor de
tensão de escoamento do material. Clique na seta para baixo da caixa do valor
máximo e selecione Yield Strength: xxx.
• Na legenda do diagrama de plotagem de resultados, você pode: (a) clicar em Redefinir
a cor acima do máximo para cor padrão para redefinir como cor padrão a cor

214
SOLIDWORKS Simulation

personalizada que é aplicada aos resultados acima de um determinado valor máximo,


(b) clicar em Redefinir cor abaixo do mínimo para padrão , ou (c) clicar na
amostra de cores superior ou inferior, contornada por uma caixa, para definir uma cor
personalizada.
• Você pode facilmente alternar a exibição de formas de modos na área de gráficos. Na
parte inferior da legenda de forma de modos, clique em << para exibir a forma de
modo anterior e >> para exibir a próxima forma de modo.
• Clique com o botão direito em Resultados e em Modos de comparação para
comparar modos selecionados até um máximo de quatro (disponível para estudos de
frequência, de dinâmica linear e de flambagem). Clique em Filtro de seleção de
modo para selecionar o número de modos a comparar.
• Você pode salvar a geometria deformada de um modelo como um corpo tesselado,
apenas superfícies ou formatos de malha. No PropertyManager Corpo de forma
deformada, expanda Exportação avançada e selecione uma das opções disponíveis.

Sondagem de resultados em nós selecionados


Depois de executar uma simulação, você pode sondar os resultados em nós identificados
pelo respectivo número do nó. Os nós selecionados nos PropertyManagers Listar resultados
e Sondar resultados são realçados no modelo com suas anotações.
Para sondar resultados nos nós selecionados:

1. No PropertyManager Sondar resultados, em Opções, selecione No número do nó.


2. Digite o número de um único nó ou um intervalo de nós, por exemplo, 1000-1020.
Os locais dos nós selecionados com suas anotações ficam visíveis na área de gráficos.

215
3. Em Opções de relatório, clique em Capturar imagem .
4. Salve a vista ativa do modelo em formato de arquivo *.png, *.jpg ou *.bmp.

Cargas e massa remotas para vigas


Você pode definir cargas remotas, massa remota e massa distribuída pelas vigas.
Todas as opções disponíveis relacionadas à carga remota, massa remota e massa
distribuída no PropertyManager Cargas/massa remotas se estendem a estudos com
elementos de viga.
Você pode converter um corpo sólido em uma massa remota e transferi-la para um
elemento de viga. No PropertyManager Tratar como massa remota, selecione Juntas
ou Vigas .
Disponível para estudos estáticos, de frequência, de flambagem e dinâmicos lineares.

Mensagens do solver ignoradas automaticamente


Durante uma execução do Simulation, as mensagens do solver que solicitam que você
escolha uma ação são descartadas automaticamente.
Clique em Simulation > Options > System Options > General e selecione
Automatically timed out decision solver messages after n seconds.

216
24
Geração de esboço

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Criação de offsets de esboço em superfícies com geometria 3D


• Melhorias na ferramenta Segmento
• Prevenção de microlinhas acidentais
• Contornos de esboço sombreado
• Extrusão de contornos de esboço sombreado

Criação de offsets de esboço em superfícies com geometria


3D
Você pode usar a ferramenta Offset na superfície para compensar arestas de modelo
3D e faces do modelo em um esboço 3D.
Antes, você precisava criar mais recursos para compensar uma aresta.
Para criar offsets de esboço em superfícies com geometria 3D:

1. Abra a letra de unidade:\Users\Public\Public Documents\SOLIDWORKS\


SOLIDWORKS 2017\whatsnew\Sketching\CurvedSurface.sldprt.
2. Clique em Offset na superfície />(barra de ferramentas Esboço) ou em
Ferramentas > Ferramentas de esboço > Offset na superfície.
3. Na área de gráficos, selecione a aresta da Superfície-Loft4, conforme mostrado.

4. No PropertyManager:
a) Defina Distância de offset como 10.
b) Selecione Inverter.
A entidade é projetada na face oposta.

217
Geração de esboço

Você só pode usar a opção Inverter quando a aresta selecionada estiver


conectada a faces que pertencem ao mesmo corpo.

5. Selecione as arestas interiores de Superfície-Loft5 e Superfície-Loft3.

6. Clique em .
7. Clique duas vezes no valor de dimensões das três arestas e digite 30 na caixa de
entrada do valor da dimensão.

8. Clique em Offset na superfície .


9. No PropertyManager:
a) Clique em Superfície-Loft5 na área de gráficos.
b) Defina Distância de offset como 20.
c) Clique em .
Todas as arestas da Superfície-Loft5 são compensadas.

218
Geração de esboço

Melhorias na ferramenta Segmento


Você pode usar a ferramenta Segmento para criar segmentos de comprimento igual em
splines, parábolas, elipses, elipses parciais e cônicos.

Antes, a ferramenta Segmento estava disponível apenas para círculos e arcos.


Quando você usa a ferramenta Segmento para splines, parábolas, elipses, elipses parciais
e cônicos:
• As relações equidistantes são criadas em uma única operação da ferramenta Segmento.
• A relação equidistante é substituída por uma relação coincidente depois de ser excluída
de uma única operação de Segmento.

Prevenção de microlinhas acidentais


Uma zona de buffer dinâmico ajuda a manter uma zona de consistência na qual o modo
de esboço clicar-clicar resulta na geometria esperada, com menos casos de microlinhas
acidentais.
Antes, a criação de microlinhas acidentais causava contornos abertos, o que impossibilitava
o use do esboço para criar um recurso.

Contornos de esboço sombreado


Você pode usar a configuração Contornos de esboço sombreado para ver os contornos
e subcontornos fechados de um esboço como entidades sombreadas. Você pode arrastar,
redimensionar e aplicar relações em contornos de esboço sombreado.
Antes, era necessário usar a ferramenta Mover para arrastar os contornos do esboço.
Quando você seleciona a configuração Contornos de esboço sombreado, apenas as
formas fechadas do esboço são sombreadas. Isso torna mais fácil determinar se uma
forma está totalmente fechada ou não.

Contornos e subcontornos
Contorno. Um contorno é uma forma fechada.

219
Geração de esboço

Subcontorno. Um subcontorno é o contorno formado quando você combina contornos


uns aos outros.

A configuração Contornos de esboço sombreado permite que você:


• Arraste a área sombreada.
• Aplique relações às entidades.
• Crie blocos das seleções do esboço sombreado com a ferramenta Criar bloco no menu
de atalho.
• Use a ferramenta Ressalto/base extrudado na barra de ferramentas de contexto
ao clicar com o botão direito no esboço sombreado.
• Use contornos sombreados como entrada para as ferramentas Espelhar entidades e
Offset de entidades.

A ferramenta Contornos de esboço sombreados está disponível apenas para novos


esboços do SOLIDWORKS 2017.

220
Geração de esboço

Extrusão de contornos de esboço sombreado


Para extrudar contornos de esboço sombreado:

1. No modo de esboço, clique em Contornos de esboço sombreado (barra de


ferramentas Esboço) ou em Ferramentas > Configurações de esboço > Contornos
de esboço sombreado.

Use Contornos de esboço sombreado para desativar a ferramenta.

2. Esboce três círculos concêntricos dentro de um retângulo.

O círculo mais externo tem o tom mais claro de azul e o círculo mais interno tem o
tom mais escuro.
3. Clique em qualquer subcontorno da entidade de esboço e arraste-o.

Toda a entidade de esboço se move.

221
4. Pressione Alt e clique em uma área sombreada.

A ferramenta Ressalto/base extrudado é exibida na barra de ferramentas de


contexto.
5. Clique em Ressalto/base extrudado.

6. Defina as opções no PropertyManager e clique em .


A área sombreada é extrudada.

222
25
SOLIDWORKS Toolbox
Disponível em SOLIDWORKS Professional e SOLIDWORKS Premium.

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Limpar dados de configuração inativos do Toolbox


• Redimensionamento de componentes de fixação PEM
• Atualização dos componentes do Toolbox em montagens

Limpar dados de configuração inativos do Toolbox


A ferramenta de configurações do Toolbox Limpar dados inativos permite que você
exclua dados de configuração inativos dos arquivos de peças do Toolbox.
Ao remover dados não utilizados que aumentam o tamanho do arquivo, Limpar dados
inativos melhora o desempenho para ações como abrir o PropertyManager de Inserir
componente.
Configurações inativas são aquelas que não estão listadas nas Configurações do Toolbox
e não estão no arquivo de peça. Se uma configuração existia e foi utilizada em uma
montagem, ela ainda é considerada ativa, mesmo que não esteja presente na lista de
configurações nas Configurações do Toolbox.
Limpar dados inativos exclui os seguintes dados de configurações inativos:
• Propriedades personalizadas
• Nomes de configuração
• Designações
• Números de peça
• Descrições
• Comentários
O comando não:
• Limpa dados de geometria ou dados de configuração ativos.
• Afeta as configurações personalizadas criadas por você usando o PropertyManager de
Inserir Componente ao inserir uma peça do Toolbox em uma montagem.

É altamente recomendável que você faça o backup dos dados antes limpar os dados
inativos.

Para limpar dados de configuração inativos do Toolbox:

1. No Windows, clique em Iniciar > Todos os Programas > SOLIDWORKS versão


> Ferramentas do SOLIDWORKS > Configurações do Toolbox />.
2. Na caixa de diálogo Toolbox, clique em 2 Personalize seu hardware.

223
SOLIDWORKS Toolbox

3. Expanda a exibição do hardware até o nível no qual deseja limpar os dados inativos.
Você pode realizar a limpeza no nível da pasta ou de peça a peça.
4. Clique em Limpar dados inativos.
5. Na caixa de diálogo Limpar dados inativos, expanda Opções e selecione uma das
seguintes ações:
• Limpar dados inativos de configuração do hardware desativado. Disponível
se você excluir no nível de pasta. Limpa os dados de configurações ativadas e
desativadas.
• Salvar relatório de limpeza Navegue até o local onde o relatório deve ser salvo.
Gera um relatório de limpeza que resume os resultados da operação de dados. O
relatório é um arquivo de texto delimitado por tabulações que você pode abrir no
Microsoft Excel.
O formato do nome do arquivo é o seguinte:
endereço hierárquico do componente selecionado resultados da limpeza
de dados registro de data e hora
Por exemplo:
Ansi polegada_porcas e parafusos_cabeça sextavada resultados da limpeza
de dados -25-03-2016_01-55-02-PM.txt

6. Clique em um dos seguintes:


• Sim, limpe todos os dados de configuração inativa. Uma barra de andamento
indica que a exclusão está acontecendo.

A limpeza de pastas ou peças que contêm um grande número de configurações


pode levar muito tempo.

• Não, não fazer nada e cancelar a operação. A caixa de diálogo se fecha sem
excluir dados.

Redimensionamento de componentes de fixação PEM


Quando você insere componentes de fixação PEM, o diâmetro externo do colar corresponde
ao diâmetro interno do furo.
Para redimensionar componentes de fixação PEM:
1. No PropertyManager Configurar componente de um componente de fixação posicionado,
selecione Autodimensionar para geometria posicionada.
2. Reconstrua a montagem que contém o componente de fixação.
O software atualiza o tamanho do componente de fixação.
Se o componente de fixação foi dimensionado corretamente, o software não faz
alteração alguma.

Atualização dos componentes do Toolbox em montagens


Você pode atualizar todos os componentes do Toolbox com uma única ação.

224
SOLIDWORKS Toolbox

Quando uma montagem contém componentes do Toolbox no nível superior ou em uma


submontagem, o menu de atalho da montagem inclui um item de menu Atualizar
componentes do Toolbox.
Dependendo da estrutura da montagem, um submenu flyout oferecer as opções para
atualizar:
• Apenas a montagem de nível superior
• Apenas as montagens de subnível
• Todos os níveis da montagem

Para ver o item Atualizar componentes do Toolbox, os componentes do Toolbox


precisam estar presentes e você precisa selecionar o suplemento da biblioteca do
SOLIDWORKS Toolbox.

Você pode atualizar:


• As peças do Toolbox que foram criadas usando o editor do Toolbox.
• Peças cridas pelo usuário que foram adicionadas ao Toolbox e são acionadas por uma
tabela de projeto, recurso ou dimensão configurada.
• Padrões do Toolbox copiados.
Você não pode atualizar:
• Componentes suprimidos do Toolbox.
• Peças que eram componentes do Toolbox, mas cujos indicadores do Toolbox foram
removidos.
• Componentes do Toolbox em uma pasta de componentes de fixação inteligentes.

Propriedades personalizadas recém-adicionadas não são aplicadas às configurações


ativas. Cada componente com uma propriedade personalizada recém-adicionada é
assinalado com um aviso. Você deve editar o componente manualmente para corrigir
o aviso.

Para atualizar os componentes do Toolbox em montagens:

1. Na árvore de projeto do FeatureManager, clique com o botão direito do mouse na


montagem de nível superior, clique em Atualizar componentes do Toolbox e
escolha uma opção do submenu.
Uma mensagem avisa que a operação não pode ser desfeita e que o processo pode
ser demorado.
2. Clique em OK.
O software copia as atualizações de dados e dimensões do arquivo de peça principal
de Configurações do Toolbox e as aplica às configurações ativas no nível adequado
da montagem ativa.
3. Para salvar as atualizações, basta salvar a montagem.

225
26
SOLIDWORKS Visualize

Este capítulo contém os seguintes tópicos:

• Instalação do SOLIDWORKS Visualize


• Suplemento do SOLIDWORKS Visualize
• SOLIDWORKS Visualize Boost
• Opacidade da geometria e suporte a animações
• Ajuda sensível ao contexto
• Criação de vistas de seção
• Tela inicial
• Snap do ponto de pivô
• Uso da navegação de câmera e atalhos do SOLIDWORKS
• Outros aprimoramentos

Instalação do SOLIDWORKS Visualize


O SOLIDWORKS Visualize está disponível no Gerenciador de Instalação do SOLIDWORKS.
O SOLIDWORKS Visualize permite que você renderize imagens de alta qualidade a partir
de arquivos criados no SOLIDWORKS e outras ferramentas de projeto. Você pode instalar,
atualizar e remover o SOLIDWORKS Visualize usando o gerenciador de instalação. Ele
precisa de um número de série adicional e, geralmente, é instalado em um computador
que esteja executando o software SOLIDWORKS.
O SOLIDWORKS Visualize agora tem suporte para licenças SolidNetWork (SNL) (flutuante),
bem como ativações off-line.
Antes, só era possível instalar o SOLIDWORKS Visualize por um pacote de instalação
separado.

Suplemento do SOLIDWORKS Visualize


O suplemento do SOLIDWORKS Visualize, disponível em todas as versões do SOLIDWORKS,
permite exportar recursos do SOLIDWORKS diretamente para o SOLIDWORKS Visualize.
É possível exportar os seguintes recursos do SOLIDWORKS:
• Geometria
• Aparências
• Iluminação HDR
• Decalques
Com o SOLIDWORKS Professional, você também pode exportar estudos de movimento.

226
SOLIDWORKS Visualize

A exportação de animação está limitada às animações de corpo rígido, de câmera e de


aparência.
Os seguintes comandos estão disponíveis no suplemento:

• Exportação simples salva uma cópia do modelo e carrega-a no SOLIDWORKS Visualize


usando o agrupamento de peças do modo Aparência.
• Exportação avançada salva uma cópia do modelo e carrega-a no SOLIDWORKS
Visualize com o agrupamento de peças do modo Automático agrupamento e Monitorar
arquivo ativado. Você pode também fazer o upload dos estudos de movimento se
estiver usando o Visualize Professional.
• Atualizar exporta a versão mais recente do modelo e aciona uma atualização no
SOLIDWORKS Visualize. Este botão fica esmaecido até que você clique em Exportação
avançada pela primeira vez.
• Salvar avançado salva uma cópia do modelo e dos estudos de movimento em um
local específico para que você possa importar o modelo no SOLIDWORKS Visualize
depois.

SOLIDWORKS Visualize Boost


O SOLIDWORKS Visualize Boost é um serviço que permite que você distribua a
renderização de um computador executando o SOLIDWORKS Visualize Professional para
um ou mais computadores em uma rede.
Você pode executar outras tarefas no seu computador enquanto a renderização está
sendo executada, e as imagens renderizadas finais estarão disponíveis mais rapidamente.
As imagens podem ser renderizada em uma única máquina ou em um cluster de várias
máquinas que executam o Visualize Boost.
Uma licença gratuita do SOLIDWORKS Visualize Boost é incluída com cada SOLIDWORKS
Visualize Professional com assinatura ativa. Assinaturas adicionais do Visualize Boost
estão disponíveis para compra.

Instalação do Visualize Boost com o SLDIM


Instale o Visualize Boost usando o Gerenciador de instalação do SOLIDWORKS. Ele exige
um número de série separado.
Como a finalidade do Visualize Boost é descarregar a renderização, instale-o em
computadores diferentes dos que executam o SOLIDWORKS Visualize Professional. O
desempenho de renderização pode ser maximizado instalando o Visualize Boost em
computadores com vários núcleos de CPU e unidades de processamento de gráfico (GPUs).
Para instalar o SOLIDWORKS Visualize Boost:

1. Inicie o Gerenciador de instalação do SOLIDWORKS.


2. Na página de Boas-vindas, selecione Individual.

227
SOLIDWORKS Visualize

3. Faça o seguinte:
a) Na página de Número de série, expanda Visualização.
b) Selecione SOLIDWORKS Visualize Boost e digite o número de série.
c) Clique em Avançar.
4. Siga as instruções de avisos do sistema e clique em Próximo.
5. Na página Resumo, aceite os termos do Contrato de Licença do SOLIDWORKS e clique
em Instalar agora.

Clique duas vezes no ícone de atalho do SOLIDWORKS Visualize Boost na área de trabalho
para abrir a interface.

Ativação da licença do Visualize Boost


Você precisa ativar e configurar o SOLIDWORKS Visualize Boost através de uma interface
na Web para que você possa usá-lo para renderização. Ele é compatível com os
navegadores Chrome, Firefox e Internet Explorer.
Depois de ativar e configurar o Visualize Boost, ele é iniciado automaticamente na
inicialização do sistema e é executado no plano de fundo. Não é necessária nenhuma
ação adicional.
Para ativar a licença do SOLIDWORKS Visualize Boost:

1. Siga um destes procedimentos:


a) Na área de trabalho, clique duas vezes no ícone de atalho do Visualize Boost .
b) Abra um navegador e insira o URL: http://localhost:8993/config.html.
2. Digite um endereço de e-mail e clique em Ativar licença.

Configuração do SOLIDWORKS Visualize Boost


Na maioria das redes, as configurações padrão são suficientes para configurar o
computador para o Visualize Boost, mas se o ambiente de rede exigir outras configurações,
siga estas etapas para configurar o computador manualmente.
Para configurar o computador para que ele faça parte de um cluster na
renderização no Visualize Boost:

1. Siga um destes procedimentos:


a) Se o sistema estiver executando o SOLIDWORKS Visualize Boost, clique duas vezes
no ícone de atalho do Visualize Boost na área de trabalho ou abra um navegador
e digite o URL: http://localhost:8993/config.html.
b) Se você estiver em um sistema diferente, abra um navegador e digite o URL:
http://<IP Address>:8993/config.html or http://<DNS
name>:8993/config.html.
2. Selecione o Idioma na lista suspensa no canto superior direito da tela.
3. Clique na guia Configuração para configurar o nó do Visualize Boost.
4. No campo Nome do cluster, especifique um nome de computador, como Renderização
super-rápida, Cluster de apresentação ou Computadores do 4º andar.
O nome do cluster aparece no SOLIDWORKS Visualize Professional como um perfil
de cluster. Para renderizar uma imagem, os usuários que executam o SOLIDWORKS

228
SOLIDWORKS Visualize

Visualize Professional selecionam um perfil de cluster em uma lista de clusters


disponíveis no Boost.

Recomenda-se especificar o nome do cluster no computador que tem o Visualize


Boost, em vez de localmente no computador do Visualize Professional, para que
todos os usuários do Visualize tenham acesso aos mesmos nomes dos clusters em
suas listas de perfis do Visualize Boost.

5. Insira a Porta de acesso do cliente ao Cluster.


Esta é a porta que os computadores que executam o SOLIDWORKS Visualize usam
para se conectar ao cluster Boost. A porta padrão de acesso do cliente ao cluster é
8998.
6. Na área Modo de rede, selecione uma opção com base no ambiente de rede:
• Selecione Sem rede para impedir que este computador pertença a outro cluster.
Este modo é útil para resolver problemas no Visualize Boost.
• Selecione Modo UDP Multicast se a rede for compatível com UDP Multicast. O
Visualize Boost procurará a rede e formará um cluster de todos os computadores
que usam o modo UDP Multicast na mesma porta. Este modo é recomendado se
a rede for compatível.
• Selecione Modo TCP com Descoberta (default) se não for possível usar o modo
UDP Multicast. O Visualize Boost procurará a rede e formará um cluster de todos
os computadores que usam o modo TCP com Descoberta na mesma porta.
• Selecione o Modo TCP se for necessário criar uma lista explícita dos computadores
do cluster, pois os outros modos não conseguem localizar os computadores que
você deseja incluir. Este modo é mais trabalhoso para configurar e não é
recomendado se os modos UDP Multicast ou TCP com Descoberta estiverem
disponíveis.

7. Ao selecionar Modo UDP Multicast ou Modo TCP com Descoberta, insira o


Endereço de descoberta do cluster.
Esta definição deve ser um endereço IP e uma porta acima de 1024. A porta padrão
varia entre os modos de rede:
• 8994 para UDP Multicast
• 8995 para modo TCP com Descoberta
• 8996 para TCP
Estas portas são utilizadas para que computadores com Visualize Boost se conectem
entre si. Todos os computadores configurados com o mesmo Endereço de descoberta
do cluster e que estejam na mesma rede local formarão um cluster.
8. Ao selecionar Modo TCP:
• Insira uma Porta de acesso do cluster. Esta é a porta que os nós do Visualize
Boost, no cluster, usam para se comunicar entre si. A porta padrão do modo TCP
é 8996.
• Se este computador for o nó principal do cluster (o computador que coordena o
trabalho do cluster), use o campo Lista de endereço do cluster para listar os
endereços IP de outros nós no cluster. Cada endereço IP (como
192.168.0.100:8996) deve incluir a Porta de acesso do cluster configurada
para todos os nós no cluster. Deixe o campo em branco se este computador não
for o nó principal do cluster.

229
SOLIDWORKS Visualize

9. Clique em Salvar configuração. O Visualize Boost salva a nova configuração e, em


seguida, interrompe e reinicia o serviço.
10. Clique na guia Status. Se o status for Pronto, a tela mostrará os computadores
conectados ao cluster e as Sessões (tarefas) atribuídas ao cluster.

Seleção de um cluster do Visualize Boost para


renderização
Para que você possa usar o cluster do Boost para renderização, você deverá adicioná-lo
à lista de perfis de cluster no seu computador do SOLIDWORKS Visualize Professional e
selecioná-lo.
Para adicionar e selecionar um cluster do Boost na lista de perfis:

1. No SOLIDWORKS Visualize, clique em Ferramentas > Opções e selecione a guia


Boost.
2. Clique em Verificar para pesquisar clusters do Boost na rede.
3. Clique em Adicionar para adicionar um novo cluster à lista de perfis de cluster.
Selecione NVIDIA VCA somente se você tiver instalado uma NVIDIA Quadro VCA
na sua rede.
4. Na lista Perfis, selecione o nome do cluster. A área Configurações do Boost exibe
o status, o nome do cluster e o endereço de descoberta do cluster.
5. Se necessário, ajuste as configurações do PowerBoost para rastreamento de raio em
tempo real e clique em Conectar.

Ajuste das configurações do PowerBoost para


rastreamento de raios
O rastreamento de raios é uma técnica para renderizar cenas 3D. Ele rastreia o caminho
de cada raio de luz de sua fonte até que ele saia da cena ou fique fraco demais para ter
um efeito. O termo também se aplica ao método inverso: rastrear o caminho de cada
raio de luz da parte traseira da câmera até a fonte de luz.
O PowerBoost (disponível somente no SOLIDWORKS Visualize Professional) oferece um
modo de renderização que encaminha o rastreamento de raios diretamente para o Viewport
do Visualize. É necessário ter uma conexão com a Internet. Para melhorar o desempenho,
recomenda-se um computador com várias GPUs para o computador do Visualize Boost
ou o VCA NVIDIA Quadro.

230
SOLIDWORKS Visualize

Para ajustar as configurações do PowerBoost para o rastreamento de raios:

1. No SOLIDWORKS Visualize, clique em Ferramentas > Opções e selecione a guia


Boost.
2. Na lista Perfis, selecione um perfil de cluster com um computador de alto desempenho
ou o VCA NVIDIA Quadro®.
3. As configurações padrão do PowerBoost são aceitáveis para a maioria das redes. Você
pode ajustar as seguintes definições conforme necessário:

• Modo de transmissão: Streaming é o padrão e aplica-se às conexões de rede


com pouca largura de banda e alta latência. Selecione Síncrono quando a conexão
com a rede tem uma grande largura de banda e baixa latência, que é comum em
redes de área local.
• Formato de transmissão: H.264 é o valor predeterminado e usa relativamente
pouca largura de banda, o que melhora o desempenho. Sem perda oferece
qualidade de imagem um pouco mais alta, mas consome muito mais largura banda
e reduz o desempenho.
• Taxa de bits de streaming: Valores mais altos aumentam a qualidade da imagem,
mas consomem mais largura de banda da rede. Valores mais baixos poupam largura
de banda, mas reduzem a qualidade da imagem.
• Taxa de quadros máxima: Valores mais altos aumentam a qualidade da imagem,
mas tornam o aplicativo mais lento. Valores mais baixos aumentam o desempenho,
mas reduzem a qualidade da imagem.
• Latência: Valores mais altos aumentam a qualidade da imagem, mas tornam o
software mais lento às entradas do usuário (como movimentação da câmera).
Valores mais baixos aumentam o desempenho, mas reduzem a qualidade da
imagem.

Mostrar arquivos de log


No SOLIDWORKS Visualize, na guiaFerramentas > Opções > Boost, clique em Mostrar
arquivos de log para verificar os arquivos de log do Boost service, Queue, Visualize
Queue Server, Offline Renderer, e outros.

Compartilhar perfis de cluster


É possível salvar o perfil de um cluster e compartilhá-lo com outros usuários do
SOLIDWORKS Visualize Professional na mesma rede.

231
SOLIDWORKS Visualize

Para compartilhar o perfil de um cluster:

1. No SOLIDWORKS Visualize, clique em Ferramentas > Opções e selecione a guia


Boost.
2. Clique em Salvar para salvar o perfil no disco rígido e enviar o arquivo para um
colega.
3. Seu colega poderá então iniciar o SOLIDWORKS Visualize Professional, navegar até
a guia Ferramentas > Opções > Boost, e clicar em Carregar para carregar o
arquivo na lista Perfis.

Renderização de imagens
Para renderizar a saída para um cluster do Visualize Boost:

1. No SOLIDWORKS Visualize Professional, abra um modelo e clique em Ferramentas


> Renderizar, ou na barra de ferramentas principal, clique em Ferramentas de

geração .
2. Na caixa de diálogo Ferramentas de geração, na área Configurações de

renderização, clique em PowerBoost .


O nome do cluster será exibido.
3. Defina o Modo de renderização. Você pode definir um limite de tempo ou selecionar
Qualidade e inserir um número de Passagens. O padrão de 500 passagens é
adequado para a maioria das tarefas de renderização.
4. Para iniciar a renderização em outro momento, selecione Enviar para o Queue.
O trabalho é enviado para o SOLIDWORKS Visualize Queue e não é concluído até que
você clique em Iniciar Queue no cliente do Queue.
5. Se estiver pronto para renderizar, selecione Mostrar progresso para monitorar o
processo de renderização. Em seguida, clique em Iniciar renderização.
Você pode clicar em Pausar, Salvar agora ou Cancelar para interromper a
renderização.

Ao utilizar o Visualize Boost para renderizar, o computador com o Visualize Professional


precisa permanecer on-line e conectado à rede. O computador não pode ser desligado
ou desconectado da internet até que o Visualize Boost tenha concluído o trabalho.

Opacidade da geometria e suporte a animações


É possível ajustar a opacidade das peças, grupos e modelos para mostrar os detalhes
internos de projetos complexos.
Na peça selecionada, ajuste o controle deslizante da Opacidade na guia Modelos para
esmaecer a transparência.

232
SOLIDWORKS Visualize

Os resultados são atualizados em tempo real no Viewport.

Para as animações, você pode ajustar os quadros-chave usando o controle deslizante


Opacidade.

O esmaecimento de peças só é compatível nos modos Visualização e Precisa.

Ajuda sensível ao contexto


Nas caixas de diálogo do SOLIDWORKS Visualize, você pode visualizar a ajuda específica
para as caixas de diálogo pressionando F1.
Em outros locais da interface do usuário, como em uma guia Paleta, pressionar F1 abre
a ajuda no tópico Bem-vindo ao SOLIDWORKS Visualize. Use a guia Pesquisa para localizar
tópicos da ajuda específicos.

233
SOLIDWORKS Visualize

Criação de vistas de seção


Para exibir as peças internas de um modelo, você pode criar vistas de seção adicionando
planos de corte.
É possível manipular planos de corte usando os controles de movimento padrão. É possível
usar vários planos de corte para melhor dissecar o modelo. Não há limites.
No SOLIDWORKS Visualize Professional, é possível também animar o efeito dos planos
de corte da mesma forma como se anima um modelo.
Para criar vistas de seção:

1. Na guia Modelos, clique em Novo plano de corte.

Outra opção para criar um plano de corte é clicar em Projeto > Modelos > Novo
plano de corte.

Plano de corte aparece na Viewport como um plano fraco, geralmente transparente,


que automaticamente se estende por todo o seu modelo.

2. Na árvore do modelo, selecione o plano de corte.


Os parâmetros do plano de corte são listados abaixo da árvore do modelo.
3. Digite um Nome para o plano.
4. Use as opções Girar e Transformar para modificar a orientação do plano.
• Para inverter o plano, clique em Inverter.

• Para girar o plano em 90º, clique em uma das opções Girar.

234
SOLIDWORKS Visualize

• Para inclinar o plano, em Transformar, altere um ou mais dos valores Rotação


XYZ.

Você também pode usar o manipulador de transformação para modificar a posição


do plano. Para ativar o manipulador, clique com o botão direito do mouse no plano
de corte em Conjunto de modelos e clique em Manipular > Mover.

235
SOLIDWORKS Visualize

5. Para acrescentar mais um plano de corte, clique em Novo plano de corte.

6. Selecione o segundo plano e use os mesmos controles para manipulá-lo.


7. Para ocultar um plano de corte, siga um destes procedimentos:
• Em Conjunto do modelo, clique com o botão direito do mouse no plano de corte
e clique em Ocultar plano de corte.
• Nos parâmetros do plano de corte, clique em Oculto.

8. Para remover um plano de corte, em Conjunto do modelo, clique com o botão


direito do mouse no plano de corte e clique em Excluir.

Também é possível animar planos de corte.

Os planos de corte afetam toda a geometria de uma cena. Eles não podem ser aplicados
apenas a peças, grupos ou modelos específicos.

Tela inicial
Na tela inicial do Visualize, você pode facilmente encontrar projetos que tenha aberto
recentemente e realizar outras tarefas.
Você pode visualizar miniaturas de projetos do SOLIDWORKS Visualize (*.SVPJ) e do
Bunkspeed (*.BIF) recentemente abertos, abrir os projetos com um clique, "fixar" projetos
para que eles sempre apareçam na tela inicial antes dos projetos não fixados e exibir a
pasta em que cada arquivo de projeto está armazenado no Windows Explorer.
Em uma guia separada, você pode visualizar miniaturas de montagens e peças do
SOLIDWORKS (*.SLDASM, *.SDPRT) recentemente abertas, abri-las clicando em uma
miniatura e exibir a pasta em que cada arquivo está armazenado no Windows Explorer.
Você pode encontrar e baixar projetos de amostra armazenados na biblioteca do Visualize
na nuvem.
Os links na tela inicial permitem que você leia dicas úteis, assista a tutoriais e encontre
os links facilmente para realizar ações como visualizar a ajuda on-line e acessar fóruns
de comunidades, onde você pode compartilhar e discutir renderizações.

236
SOLIDWORKS Visualize

Snap do ponto de pivô


O snap do ponto de pivô permite que você localize com precisão um ponto de pivô do
modelo na superfície do modelo.
Para colocar o ponto do pivô:

1. Clique em Ferramentas de manipulação de objetos > Pivô .


2. Mantenha a tecla Ctrl pressionada.
Um pequeno ponto azul que aparece no Viewport, sobreposto na parte superior do
modelo, mostra onde você pode fazer o snap da localização do pivô.

Uso da navegação de câmera e atalhos do SOLIDWORKS


Os usuários familiarizados com a navegação de câmera do SOLIDWORKS CAD podem
usá-la no lugar da navegação de câmera padrão do SOLIDWORKS Visualize.
Para usar a navegação da câmera do SOLIDWORKS CAD, faça o seguinte:
• Durante a execução do SOLIDWORKS Visualize, clique em Ferramentas > Opções.
Na caixa de diálogo Opções, na guia Interface do usuário, em Navegação, selecione
o modo SOLIDWORKS CAD.
Quando você manipula a câmera, o ponteiro corresponde à ferramenta selecionada.
O seguinte comportamento de navegação está disponível:

Ação Cursor Atalhos de teclado Atalhos de teclado


do Visualize do SOLIDWORKS

Girar vista Alt + clique Arraste com o botão


do meio do mouse.
Pressione as teclas
de setas. Mantenha
pressionada a tecla
Shift para girar em
incrementos de 90º.

237
SOLIDWORKS Visualize

Ação Cursor Atalhos de teclado Atalhos de teclado


do Visualize do SOLIDWORKS

Câmera panorâmica Alt+ botão do meio Mantenha


do mouse pressionada a tecla
Ctrl e arraste com o
botão do meio do
mouse.
Mantenha
pressionada a tecla
Ctrl e use as teclas
de movimentação.

Rolar vista Ctrl + Alt + Scroll Mantenha


pressionada a tecla
Alt e arraste com o
botão do meio do
mouse.
Mantenha
pressionada a tecla
Alt e pressione as
teclas de seta para a
direita ou esquerda.

Aumentar e diminuir Alt + clique com o Mantenha


zoom botão direito pressionada a tecla
Shift e arraste com
o botão do meio do
mouse.
Pressione Z para
diminuir o zoom ou
Shift + Z para
aumentar o zoom.

Zoom na área Página inicial Gire a roda de


rolagem do mouse
quando a opção
Zoom no centro da
tela estiver
desmarcada.

Outros aprimoramentos
• Barra de controle inteligente para perfis de renderização
Recém-projetada, a barra de controle inteligente permite adicionar os perfis de
renderização mais utilizados a um conveniente menu suspenso.

238
SOLIDWORKS Visualize

Os controles permitem:

Duplicar o item atual Copia o perfil de renderização atual.

Adicionar um novo item Permite que você nomeie o perfil.

Perfis de renderização Exibe as configurações de um perfil.

Renomear o item atual Permite renomear um perfil.

Bloquear o item atual Bloqueia perfil para impedir alterações.

• O campo Duração para definir a hora das animações, mesas giratórias e dos estudos
do sol
O novo campo Duração facilita definir o comprimento das animações, mesas giratórias
e estudos sobre o sol. Nas versões anteriores, era necessário dividir o número total de
quadros da animação por FPS (quadros por segundo) para calcular a duração do filme.
• Melhorias para definir tamanho e resolução
Aprimoramentos da interface facilitam a definição do tamanho e da resolução de saídas.
Você pode selecionar entre as unidades de medida compatíveis para o tamanho, informar
um tamanho e uma resolução, e ver a imagem resultante e o tamanho de impressão
nas unidades selecionadas.
• Aprimoramentos na caixa de diálogo Importar as configurações
• O layout do modo Agrupamento de peças e das configurações é mais claro.
• A nova caixa de seleção Snap para o piso automaticamente faz o snap do ponto
mais baixo do modelo no piso da cena Visualize.
• Além disso, quando você importa um projeto no Visualize a partir de formatos de
arquivo compatíveis, a cena será automaticamente dimensionada para se ajustar ao
seu modelo. A caixa de seleção Dimensionamento automático foi removida, pois
esta configuração não é mais necessária.
• Rearranjo de comandos dos menus
Comandos, especialmente os dos menus Arquivo e Projeto, foram reorganizados e
agrupados de forma lógica. A reformulação reduz a complexidade do menu enquanto
continua a fornecer acesso a todas as opções disponíveis anteriormente.
• Foi adicionado o suporte aos arquivos .jt e CREO 3.0

239
www.solidworks.com

Dassault Systèmes SolidWorks Corp.


175 Wyman Street
Waltham, MA 02451
Phone: 1 800 693 9000
Outside the US: +1 781 810 5011
Email: generalinfo@solidworks.com

Europe Headquarters Japan Headquarters


Phone: +33 4 13 10 80 20 Phone: +81 3 6270 8700
Email: infoeurope@solidworks.com Email: infojapan@solidworks.com

Asia/Pacific Headquarters Latin America Headquarters


Phone: +65 6511 9188 Phone: +55 11 3186 4150
Email: infoap@solidworks.com Email: infola@solidworks.com

SOLIDWORKS is a registered trademark of Dassault Systèmes SolidWorks Corporations in the US and other countries.
Other brand and product names are trademarks of their respective owners. ©2016 Dassault Systèmes. All rights reserved

Você também pode gostar