Você está na página 1de 8

1º LISTA – TRAÇÃO‐COMPRESSÃO‐CISALHAMENTO‐TORÇÃO

Nome: Turma Data / /

1) Calcular o alongamento total de um fio de alumínio com diâmetro 1/8” e comprimento 120 cm
quando lhe é aplicada uma carga de 1 kN. Considere o Módulo de Elasticidade do Alumínio E = 70
GPa. (Resp.: ΔL = 2,16 mm)

2) O bloco de madeira de seção triangular é submetido a uma força de 500 lbf, conforme a figura
abaixo. Determine a tensão média sobre o material em psi. (Resp.: σ = 9,26 psi)

3) A coluna está submetida a uma força axial de 8 kN no seu topo. Supondo que a seção transversal
tenha as dimensões mostradas na figura, determinar a tensão normal média que atua sobre a seção
a‐a. (Resp.: σ = 1,82 MPa)
4) O motorista do carro esporte aplica os freios traseiros e faz os pneus derraparem. Supondo que a
força normal em cada pneu traseiro seja 400 lb e o coeficiente de atrito cinético entre os pneus seja
μc = 0,5, determinar a tensão de cisalhamento média desenvolvida pela força de atrito sobre os
pneus. Supor, também, que a borracha seja flexível e cada pneu tenha 32 psi de pressão de ar.
(Resp.: τ = 16 psi)

5) Uma coluna em formato de C com base 150 mm e altura 300 mm e alma ½” está submetida a uma
força axial de 280 kN no seu topo. Considere essa força no centro de gravidade da viga. Determine a
tensão normal média que atua sobre a seção. (Resp.: σ = 38,4 MPa)

6) O olhal abaixo é usado para suportar uma força de 5 kip. Determinar o diâmetro d, e a espessura h
necessária, de modo que a arruela não penetre ou cisalhe o apoio. A tensão normal admissível do
parafuso é σadm = 21 ksi, e a tensão de cisalhamento admissível do material do apoio é τadm = 5 ksi.
(Resp.: d = 0,55 in e h = 0,318 in)
7) O acoplamento é feito usando parafuso e porca e duas arruelas. Supondo que a tensão de apoio
admissível para as tábuas seja (σa)adm = 2 ksi e o esforço de tração admissível do aço do parafuso
seja (σt)adm = 18 ksi, determinar a tensão admissível máxima aplicada na rosca do parafuso. A rosca
do parafuso tem Ø0,31” e as arruelas tem Øe 0,75” e Øi 0,50”. (Resp.: σadm = 13 ksi)

8) Determinar as menores dimensões do eixo e da tampa circulares se a carga que devem suportar a
força P = 150 kN. O esforço de tração e a tensão de apoio são (σt)adm = 175 MPa, (σa)adm =275
MPa. (Resp.: d3 = 26,35 mm, t = 9,1 mm e d1 = 48,2 mm)

9) Uma barra maciça de aço, retangular, com 3 ¾” de altura está submetida a uma força de 120 kN,
sendo que a carga aplicada é intermitente, com choques leves, fator de falha de fabricação 1, aço
usado é 1020 com e uma tensão de escoamento de 220 MPa. Que medida da base deve ter essa
barra para suportar tais esforços? (Resp.: b = 17,2 mm)

10) Um suporte cilíndrico de ferro fundido preso a uma máquina operatriz sofre uma carga alternada de
8500 lbf e sofre choques bruscos constantes e fator de falha de fabricação 1,8. Determine seu
diâmetro sabendo que sua tensão de escoamento vale 410 MPa. (ø=50,4 mm)
11) O suporte de uma máquina conforme mostrado abaixo, sofre uma carga constante, com choques
leves de 2,5 kip nos pontos A e B. Na região C o suporte deve ser fixado por parafusos de aço inox
que possui σe = 85 ksi. Determine o diâmetro do parafuso que sofre tração. Considere fator de falha
de fabricação 1,8. (ø=9,9 mm)

12) A roda de apoio de um andaime é mantida em posição na perna por meio de um pino de Ø4mm.
Supondo que a roda seja submetida a uma força normal de 3 kN, determinar a tensão de
cisalhamento média desenvolvida sobre o pino. Desprezar o atrito entre a perna interna do andaime
e o tubo usado na roda. (Resp.: τ = 119,36 MPa)

13) O tirante está apoiado em sua extremidade por um disco circular fixo como mostrado na figura
abaixo. Se a haste passa por um furo de 40 mm de diâmetro, determinar o diâmetro mínimo
requerido da haste (em mm) e a espessura mínima do disco (em mm) necessários para suportar uma
carga de 20 kN. A tensão normal admissível da haste é σadm = 60 MPa, e a tensão de cisalhamento
admissível do disco é τadm = 35 MPa. (Resp.: d = 20,6 mm; t = 4,55 mm)
14) Uma placa é fixada a uma base de madeira por meio de três parafusos de diâmetro ¾”. Calcular a
tensão média de cisalhamento nos parafusos para uma carga P=120 kN, conforme mostra a figura.
(Resp.: τ = 140,34 MPa)

15) Considere agora a mesma placa do exercício anterior fixada a uma base de madeira por meio de três
parafusos de diâmetro ½” com porcas. Calcular a força nos parafusos quando submetidos a uma
tensão de τ = 6,1 ksi. (Resp.: F = 32 kN)

16) Calcular a tensão de cisalhamento máxima de um eixo de 25 mm de diâmetro submetido a 5000


kgf.cm de torque. (R: τmax = 1629,75 Kgf/cm²)

17) Calcular a tensão máxima e mínima para um eixo vazado de diâmetro externo 25 mm e interno 12
mm, quando um momento torçor de 5000 kgf.cm atua sobre o mesmo. (R: τmax = 1721,11 Kgf/cm² e
τmin = 826,13 Kgf/cm²)
18) Uma barra de aço sólida de seção transversal circular tem diâmetro d=1,5 in, comprimento L=54 in e
módulo de elasticidade G=11,5x106 psi. A barra está submetida a torques T agindo nas
extremidades. (a) Se o torque tem magnitude T = 250 lbf.ft, qual é a tensão de cisalhamento máxima
na barra? Qual é o ângulo de torção entre as extremidades? (b) Se a tensão admissível é 6000 psi,
qual é o torque máximo permitido? (Resp.: (a) τmax = 4527 psi e φ = 1,62°, (b) Tmax = 3976,1 lbf.in)

19) Um eixo de aço deve ser fabricado com uma barra circular sólida ou com um tubo circular. O eixo
deve transmitir um torque de 1200 N.m sem exceder uma tensão de cisalhamento admissível de 40
MPa. Determine o diâmetro necessário d0 eixo sólido. (Resp.: do=53,46 mm)

20) Um momento de torção de 3 kN.m é aplicado ao cilindro maciço de bronze indicado. Determinar: a)
a máxima tensão de cisalhamento; b) Ângulo de torção ( R: a ‐ max = 70,74 Mpa; b ‐ θ = 0,000262° )
Considere GBronze = 103 GPa.
21) Um tubo de ferro fundido com 3” de diâmetro e parede ¼” mostrado na figura está enterrado no
solo. Supondo que seja aplicado um torque em seu topo com uma chave rígida, determinar a tensão
de cisalhamento máxima no tubo e o ângulo de torção no trecho AB e BC. Considere G = 5,5x103 ksi.
(Resp.: τ = 1,05MPa; θAB = 0,0383°; θBC = 0,0255°)

22) Que valor de momento de torção deve ser aplicado à extremidade do eixo circular da figura abaixo,
de modo que o ângulo de torção produzido seja de 2°? Adotar módulo de elasticidade G = 80 GPa,
para o tubo de aço. (Resp.: T = 1900 N.m)

23) Para a figura mostrada abaixo determinar: a) o torque T que causa um ângulo de torção de 3° no eixo
cilíndrico vazado de aço (G=77 GPa); b) o ângulo de torção causado pelo mesmo torque T, num eixo
cilíndrico maciço de mesma área de seção transversal.(Resp.: a) T = 8683 N.m, b) φ = 7,8°)
24) O tubo de cobre abaixo possui Øe = 2,5 in e Øi = 2,3 in. Se ele se encontra fixo na parede no ponto C
e três torques são aplicados conforme mostrado na figura, determine a torção máxima desenvolvida
no tubo nos pontos A e B. Os pontos A e B estão localizados na superfície do tubo (Resp.: τA =
23,8MPa e τB = 19 MPa)

25) O conjunto de aço A‐36 consiste em um tubo com raio externo 1” e espessura da parede 0,125”. Por
meio de uma chapa rígida em B, ele é acoplado ao eixo maciço AB de Ø1”. Determinar o ângulo de
torção no trecho CB do tubo se um torque de 565 N.m for aplicado nessa extremidade. A
extremidade A do eixo tem apoio fixo. Considere o módulo de elasticidade do aço G = 11 x 106 psi (φ
= 0,160°)

Você também pode gostar