Você está na página 1de 1

A Frase “estrela da manhã” em Isaías 14:12

Em Isaías 14:12, o ser poderoso que liderou uma rebelião contra Deus é referido por uma frase
frequentemente traduzida como “estrela da manhã” em várias versões Portuguesas e como “Lúcifer”
em várias versões Inglesas. A designação hebraica original aqui - usada apenas dessa vez na Bíblia -
é Heylel. Seu significado preciso ainda é debatido. Alguns acham que significa “Louvai a Deus” por
ter uma relação com o hebraico Halal (“louvor”) e, talvez, sendo o el no final um sufixo que significa
“Deus” (como nos nomes angelicais de Miguel e Gabriel).

Outros alegam que Heylel significa “brilho” ou “brilhante” - particularmente dada a sua
aparente associação astronômica.

E, junto aqui com a frase “filho da alva”, muitos acreditam que seja uma referência ao planeta
Vênus como a estrela da manhã brilhando no leste antes do amanhecer. Na verdade, este era,
evidentemente, a compreensão do termo, pouco antes do tempo de Cristo. A antiga tradução da
Septuaginta grega do Antigo Testamento representava a palavra como Eosphoros (“portador do
amanhecer”), o termo grego para Vênus como a estrela da manhã (também conhecido no grego como
Phosphoros, que significa “portador de luz”).

Este significado foi incorporado à tradução da Vulgata Latina do quinto século com a palavra
Lúcifer (“portador de luz” ou “servidor da luz”), o nome que os astrônomos romanos usaram para a
estrela da manhã. Além disso também devemos considerar que os anjos de Deus foram referidos,
figurativamente, nas Escrituras como “estrelas da manhã” (Jó 38:7, ver também Apocalipse 1:20).

Um pouco de conhecimento de astronomia nos ajuda a entender melhor esse quadro. Vênus é
o objeto mais brilhante do céu à exceção do sol e da lua. Agora, compreendemos que ele é um planeta.
Mas, para os antigos ele era classificado como uma estrela - simplesmente porque para eles a palavra
estrela significava um ponto pequeno e brilhante de luz no céu. Observe mais uma vez que a referência
no versículo 12 é “filho da alva”. [A alva é a primeira claridade do dia que se produz no horizonte].
O planeta Vênus é ainda referido como a estrela da manhã ou estrela do entardecer porque é visível
apenas pouco antes do amanhecer ou logo após o pôr do sol.

Assim, o quadro apresentado é o de uma estrela grande, comparada a Vênus, que quer ser
maior do que as outras estrelas: “Acima das estrelas de Deus exaltarei o meu trono” (versículo 13).
Antes do amanhecer, Vênus se levanta no horizonte do leste. Mas antes que seja capaz de subir para
o céu - subir acima das outras estrelas e ser a mais alta - a luz do sol nascente faz Vênus desaparecer
na crescente luz do dia.

Os paralelos entre o que é retratado pela astronomia e o que aconteceu no reino espiritual são
impressionantes e reforçam os pontos mostrados aqui por Isaías quando descreve esta trágica
rebelião angelical.

Fonte: https://portugues.ucg.org/ferramentas-de-estudo-da-biblia/guias-de-estudo/existe-realmente-um-
diabo/a-frase-estrela-da-manha-em-isaias-1412