Você está na página 1de 2

Caro cliente,

Ao analisarmos a atividade que sua empresa oferece, verificamos que ela


está relacionada à gestão empresarial.

É nossa obrigação lhe informar que, assim como a advocacia é privativa


de advogados e contabilidade é privativa de contadores, o Decreto nº 61.934/94
determina que as atividades que exijam conhecimentos inerentes a técnicas de
organização e de administração são atividades privativas de administradores.

As atividades privativas de administradores são as seguintes:


- elaboração de pareceres, relatórios, planos, projetos, arbitragens e laudos, em que se
exija a aplicação de conhecimentos inerentes às técnicas de organização;
- pesquisas, estudos, análises, interpretação, planejamento, implantação, coordenação e
controle dos trabalhos nos campos de administração geral, como administração e
seleção de pessoal, organização, análise métodos e programas de trabalho, orçamento,
administração de matéria e financeira, relações públicas, administração mercadológica,
administração de produção, relações industriais bem como outros campos em que estes
se desdobrem ou com os quais sejam conexos;
- o magistério em matéria técnicas do campo da administração e organização.

OU

As atividades privativas de administradores são aquelas “baseadas em


conceitos teóricos e na vivência prática de implantação de metodologias junto aos
setores administrativos, de produção e de serviços auxiliares, apontando-a como auxiliar
na tomada de decisões empresariais”.

Por isso, se sua empresa realmente realiza atividade de gestão ou ensina


tais atividades, para que possa fazê-lo de forma regular, sugerimos que faça o Registro
junto ao Conselho Regional de Administrativo (CRA) de sua região.

Para que possa realizar este registro, a sua empresa deve “ter um
Administrador ou um profissional da área de Administração, devidamente registrado no
Conselho Regional de Administração como Responsável Técnico pela Empresa”.

Este profissional pode ter um vínculo com sua empresa como sócio,
empregado ou responsável técnico.

Não se esqueça: se sua empresa presta serviço, mesmo temporariamente,


na jurisdição de outro CRA deverá promover o Registro Secundário neste último,
mesmo que não tenha domicílio naquele CRA, devendo, neste caso, utilizar o endereço
e demais dados do Registro Principal.

Caso continue a realizar as atividades sem o registro junto ao CRA, nós


continuaremos a realizar sua contabilidade, porém não nos responsabilizamos por
eventuais processos administrativos e multas geradas pela fiscalização decorrente da
falta de registro de sua empresa.

( ) Ok, entendo a exigência e comprometo-me a realizar o registro junto ao CRA. Além


disso, assumo os riscos referentes à não realização do registro;

( ) Não concordo com esta recomendação, por isso não farei registro junto ao CRA e
assumo os riscos referentes à não realização do registro;

( ) Não concordo com esta recomendação, quero rescindir meu contrato com a
Contabilizei e declaro ciente da minha responsabilidade quanto à multa contratual de
rescisão do contrato.