Você está na página 1de 11

Centro Pai João de Angola

Aqui a Umbanda é levado a sério.

Oferenda de Exu
Publicado em por admin

Para CONSEGUIRMOS FAVORES DE EXÚ

Primeiro queremos lembrar que exú nada tem a ver com o diabo do catolicismo, ao contrário: A palavra exú em
dialeto yorúba, significa esfera, e foi criado para que levasse aos orixás nossos pedidos, e, também é o responsável
pela procriação de nossa raça. Este orixá mora nas encruzilhadas, pois ela representa os caminhos que nos levam
ao encontro de nosso destino, e as dúvidas que sempre nos acometem na hora de tomarmos qualquer decisão.
Então devemos invocá-lo com muito respeito, afinal a ele está entregue a missão de nos proteger e guardar nossas
estradas.

Para que exú nos ajude a encontrar um bom emprego:

Materiais necessários:
01 alguidá médio
01 kg de farinha de mandioca
01 vidro de azeite de dendê
01 vela vermelha
50 cm de morim vermelho
01 garrafa pequena de aguardente de cana
03 moedas de qualquer valor
01 charuto
01 cx. de fósforo

Se pega o alguidá, coloca-se a farinha de mandioca, adiciona-se o azeite de dendê, e vamos fazendo uma farofa,
mexendo com as mãos e pedindo a exú que nos ajude a encontrar um bom emprego etc., então passamos também
as moedas em nosso corpo, pedindo fartura…, e as colocamos enfiadas na farofa, pegamos o morim esfregamos
em nosso corpo, do pescoço para baixo, assim como se tivéssemos nos limpando, e pedindo a exú para que tire de
nosso caminho todo mal, olho grande, etc.

Feito isto, levamos tudo a uma encruzilhada (cruzeiro) e lá chegando pedimos licença a exú, jogando um pouco de
cachaça nos cantos, depois se acende a vela em um dos cantos, forramos o morim ao lado, colocamos em cima o
alguidá, acendemos o charuto e, colocamos ao lado junto com o fósforo. Feito isto podemos esperar que em breve
teremos a resposta que precisamos.

Para que exú afaste o olho grande de nossa casa ou empresa:


01 alguidá pequeno
Farinha de mandioca
dendê
Um copo
cachaça
01 vela vermelha ou branca
01 fava olho de boi

No alguidá, fazemos uma farofa, misturando com as mãos o dendê, e vemos pedindo a exú para afastar de nós
todo olho grande, inveja e etc. Colocamos por cima a fava olho de boi, depois, colocamos no pátio em um local
escondido, acendemos a vela e, colocamos um copo com cachaça. Depois é só trocar de 07 em 07 dias e, a inveja
nunca mais irá nos alcançar.

Ebó (limpeza) para que exú afaste toda praga e perseguição

01 alguidá grande
01 pacote de milho de pipoca
dendê
01 vela branca

Em uma panela, coloque um pouco de dendê, e estoure as pipocas no mesmo. Depois coloque as pipocas em um
alguidá, e quando esfriar leve em uma encruza, lá chegando acenda a vela pedindo a exú, que leve toda praga,
atraso, feitiçaria, etc. então pegue as pipocas e vá passando pelo corpo (da cabeça aos pés), dizendo: Laroiê exú,
que através de sua força, retire todo mal que tiver em minha vida, abrindo meus caminhos e me trazendo a paz, a
saúde e prosperidade.
Ao chegar em casa, tome um banho de asseio com sabão de coco, e, depois um de água com açúcar e acenda uma
vela com um copo com água em um local mais alto que sua cabeça e reze um pai nosso e uma Ave Maria para seu
anjo da guarda.

Para que exú traga a pessoa amada de volta:

01 prato branco raso


Farinha de mandioca
mel
02 velas brancas

No prato coloque o nome da pessoa amada escrito 03 vezes em um papel branco, faça a farofa de mel e coloque
por cima,
Em uma das velas escreva o nome da pessoa dos pés da vela para o pavio, então corte a ponta, vire-a de cabeça
para baixo e, faça um outro pavio, a outra deixe inteira. Leve no pátio de sua residência e entregue à Maria Padilha
com as velas acesas, pedindo a ela para que tire as forças da pessoa, e que traga de volta o mais rápido possível.

Para obter caminhos abertos sob a influencia de exú;


02 pratos
01 kg de farinha de mandioca
dendê
mel
02 velas brancas (comum)

Em casa com uma vela acesa, faça uma farofa crua de dendê e vá pedindo a Exú, para abrir seus caminhos, tirar o
olho grande, as pragas, os atrasos etc., então vá jogando a farofa de dentro de seu pátio até o cruzeiro, fazendo os
mesmos pedidos. Lá chegando deve Ter uma outra pessoa lhe esperando com a outra vela acesa e em um prato a
farofa de mel. Então venha jogando aquela farofa do cruzeiro até sua casa, pedindo a Exú que traga a paz, a saúde
o emprego…

Oferenda a Exú Tranca Rua das almas para abertura de caminhos:

01 alguidá médio
01 pacote de milho de pipoca
dendê
01 vela branca
03 moedas correntes

Em uma panela colocar um pouco de azeite de dendê, e, estourar as pipocas, depois colocá-las no alguidá e por
cima as 03 moedas correntes. Levar em um cemitério e colocar nos pés da cruz das almas e fazer os pedidos à
Tranca Rua das almas.

Sr Tranca Rua eu preciso de você - Exu e Pombo gira

Oferenda para pedir algo impossível a Exú João Caveira

01 alguidá médio
01 pacote de milho de pipoca
01 bife de porco
03 moedas
dendê
01 vela branca
01 copo virgem
01 garrafa pequena de cachaça

Em uma panela untada com o dendê, estourar as pipocas, depois se frita o bife no dendê, sem queimar e colocar
por cima das pipocas, por cima do bife colocar as moedas, levar nos pés de uma sepultura, e arriar com o copo
com cachaça e a vela branca pedindo a João Caveira que resolva aquele problema. O resto da cachaça deixa-se ao
lado sem entornar. João caveira resolverá seu problema em poucos dias.

Oferenda para que Exú da meia noite afaste as perseguições de nossa vida
01 alguidá médio
01 pacote de farinha de mandioca
02 cebolas brancas (médias)
dendê
01 vela vermelha
01 garrafa de cachaça
01 copo virgem
01 charuto
01 caixa de fósforos
01 bife
Primeiro corte uma das cebolas em pedaços bem pequenos, depois em uma panela coloque-a para fritar no dendê,
deixe-a dourar e adicione a farinha de mandioca, então vá mexendo até que se transforme em uma farofa bem
sequinha, coloque-a no alguidá. Depois frite o bife em dendê e coloque por cima da farofa. A outra cebola, corte-a
em 07 rodelas e cubra a farofa e o bife com as mesmas. Leve em uma encruzilhada e, entregue com as duas velas, o
copo com cachaça e coloque a garrafa ao lado, acenda o charuto e ponha ao lado da obrigação juntamente com a
caixa de fósforos.

Banho para Maria Padilha nos trazer alguém que desejamos

Pétalas de 07 rosas vermelhas


01 champanhe
01 vidro de perfume
01 panela
01 prato raso
Farinha de mandioca
01 vela branca

Em uma panela coloque um pouco de água para ferver, após a fervura, desligue o fogo e adicione: 07 vezes o nome
da pessoa, mel, as pétalas de rosa e 21 gotas do perfume, e deixe esfriar. Quando estiver frio ou morno, tome-o do
pescoço para baixo, sendo que as pétalas e o papel com os nomes você deverá recolher. Então faça uma farofa crua
de mel, coloque o papel no fundo prato e por cima a farofa, cubra tudo com as pétalas de rosa e leve em uma
encruzilhada e ofereça a Maria Padilha com a vela acesa para que traga a pessoa para você.

Outro banho para Maria Padilha trazer de volta um amor

Em uma panela, coloque para ferver: água, canela em casca, cravo da índia, açúcar cristal, casca de maçã bem
vermelha, e o nome da pessoa escrito 07 vezes. Após a fervura deixe esfriar e quando estiver bem morno, tome o
banho do pescoço para baixo, recolhe os ingredientes do chão, coloque em um pedaço de pano vermelho, em
forma de trouxa e leve em uma praça perto de uma encruzilhada. Chegando lá, escolha uma árvore bonita e
coloque a trouxa de modo que fique escondida no tronco, e faça seus pedidos à Maria Padilha, não é necessário
acender vela. Quando chegar em casa, acenda uma vela para a pessoa amada atrás da porta da sala e diga: fulano…
pelas forças de Maria Padilha, tu só terás sossego quando vier até a mim. Acenda vela durante 07 dias.

Para Cigana ajudar a sair um casamento


01 balaio com alça
05 espelhos redondos e pequenos
01 garrafa de vinho
07 velas (uma de cada cor) menos pretas
200gr de semente de girassol
200gr de arroz com casca
200gr de grão de bico
200gr de ervilha seca
200gr de lentilha
200gr de grãos de trigo
200gr de grãos de aveia
05 qualidades de doces
Incenso em palito
01 jogo de baralho
01 pandeiro pequeno
01 MT de cetim vermelho
01 taça

Dentro do balaio coloque o nome da pessoa com os pedidos, por cima vá colocando os grãos, enfeite em volta com
os espelhos e vá alternando com as cartas de baralho, os doces e os incensos e por último coloque o pandeiro. Leve
em um local de jardim bem limpo, forre o chão com o cetim, coloque a taça com vinho ao lado e o restante deixe
na garrafa. Acenda as velas em volta de modo que não queime o cetim e peça à cigana que te ajude a conseguir o
que está desejando.

Para Exú dar bons caminhos

01 folha de mamona
Um pouco de farofa de dendê
03 moedas
Um pouco de milho de galinha torrado
01 vela branca

Coloque a farofa de dendê na folha de mamona, o milho torrado e por cima as moedas. Leve em uma encruzilhada
de bastante movimento e coloque a obrigação junto com a vela acesa, pedindo a Exú lonã que lhe de os caminhos
que está pedindo.

Oferenda a Exú Tiriri

01 garrafa de cachaça
01 charuto
01 caixa de fósforos
07 bifes
01 alguidá
Pacote de farinha de mandioca
01 vela vermelha e preta
dendê
Faça uma farofa crua de dendê, coloque no alguidá, por cima coloque os bifes fritos no dendê com cebola ralada e,
leve em uma encruzilhada. Entregue com a vela acesa, derrame um pouco de cachaça em volta deixando o resto na
garrafa acenda o charuto e coloque ao lado com a caixa de fósforos e peça com muita fé tudo que desejar que Exú
Tiriri faça. Presentes à orixás

Ao orixá Ogum para abertura de caminhos

07 punhados de feijão preto


07 punhados de feijão fradinho
07 punhados de milho de galinha
01 vela branca
01 caixa de fósforos

Torre os grãos acima descritos e leve em uma estrada de bastante movimento, ou uma estrada de ferro. Lá
chegando acenda a vela chamando por Ogum e faça seus pedidos. Pegue os grãos e vá passando pelo corpo,
pedindo a Ogum que tenha misericórdia e desamarre seus caminhos.

Outro

01 alguidá
01 inhame cará
Farofa (crua) de dendê
07 moedas
01 vela branca

Cozinhe o inhame cará com casca e deixe esfriar. Depois de frio descasque, unte com dendê e coloque em cima da
farofa de dendê que está no alguidá. Crave as moedas e coloque a mesma em uma estrada com a vela acesa e seus
pedidos a Ogum.

Para Odé trazer a prosperidade:

01 alguidá
01 kg de milho de galinha bem catado e lavado
01 vela de sete dias branca
mel
01 copo com água

Coloque o milho para cozinhar, e, quando estiver bem cozido, escorra a água e deixe esfriando. No fundo do
alguidá coloque seus pedidos para Odé trazer a fartura e prosperidade, depois do milho frio coloque por cima e
regre com mel.

Arrie em local de sua casa no chão, com a vela de sete dias acesa e o copo com água. Depois de 03 dias leve o
alguidá com a comida para o mato e coloque lá com uma vela pequena (branca) acesa. A vela de sete dias fica
acesa em sua casa. Quando acabar de queimar jogue a água em uma planta, com certeza após esta obrigação, Odé
trará a fartura para dentro de sua casa.

Banho de prosperidade, pelos caminhos de Agué.

Cozinhe em uma panela com água:


03 punhados de alpiste
03 punhados de açúcar cristal
07 moedas correntes

Este banho deve ser cozido de manhã bem cedo e, ao cair da tarde (antes de escurecer) deve ser tomado do
pescoço para baixo, recolha os ingredientes, inclusive as moedas, coloque em uma sacolinha branca, e durma com
o axé em seu corpo. De manhã em jejum saia com os ingredientes que estão na sacola e vá conversando com a
natureza, e fazendo os seus pedidos, ao chegar em um matinho bem limpo, abra a sacola deixe de preferência em
baixo de uma árvore, faça seus pedidos à Agué e espere os resultados.

Comida para pedir prosperidade à Agué

01 alguidá médio
01 kg de milho de galinha bem catado e lavado
mel
50 gr de fumo de rolo
01 vela de sete dias branca
01 vela branca (pequena)
01 copo

Cozinhe o milho de galinha até amolecer bem. Depois escorra a água e coloque o milho dentro do alguidá, quando
estiver frio, coloque pedaços pequenos do fumo de rolo por cima, regre com mel e acenda a vela de sete dias com o
copo com água. Depois de três dias, leve o alguidá para a mata e arrie, com a vela branca acesa e refaça seus
pedidos a Agué.

Para pedir misericórdia a Oxalá por alguém doente

01 tigela de louça branca


01 pacote de canjica branca
01 vela de sete dias branca
mel
01 vela branca (pequena)
01 cx. de algodão de farmácia
01 copo

Escolha bem a canjica branca retirando todas as impurezas, coloque para cozinhar até ficar bem cozida, escorra a
água e deixe esfriando, dentro da tigela, coloque o nome da pessoa que está doente, por cima, a canjica branca
(fria), regre com mel, cubra com uma camada de algodão, e arrie em sua casa (no chão), com a vela de sete dias e o
copo com água, e implore a Oxalá pela sua saúde. Depois de 03 dias, despeje a comida em uma sacolinha branca, e
leve em um rio. Ao chegar acenda a vela na margem do rio, pedindo a Oxalá a graça da saúde para fulano… e
despeje a comida no rio. Com certeza a pessoa terá uma melhora.

Para Yemanjá ajudar na reconciliação de um lar

01 tigela branca
01 pacote de canjica branca
mel
01 vela de sete dias branca
01 copo
01 vela comum branca

Escolha bem a canjica, e coloque para cozinhar bem. Depois de cozida escorra a água, e enquanto a canjica está
esfriando coloque seu nome e o de seus familiares no fundo da tigela. Então despeje a canjica fria e regre com mel.

Entregue à Yemanjá, dentro de sua casa, pedindo a ela pela união de sua família etc. com a vela de sete dias acesa
e o copo com água. Deixe esta comida em sua casa 04 dias, no quinto dia despeje a comida em uma sacolinha
branca, leve até as águas (rio ou mar), acenda a vela pedindo o que deseja à mãe Yemanjá e despache a comida ali.

Para pedir a Omulú e Obaluaiê pela saúde de outro

01 alguidá médio
01 pacote de milho de pipoca
01 vela de 07 dias branca
01 copo com água
01 moeda
01 vela branca comum
Azeite de oliva

Coloque o nome da pessoa no fundo do alguidá com a moeda por cima, em uma panela estoure as pipocas com um
pouco de azeite de oliva, despeje dentro do alguidá e arrie para Omulú em sua casa com a vela de sete dias e o
copo com água. Quando a vela de sete dias terminar pegue o alguidá leve em um matinho bem limpo e entregue à
Omulú com a vela comum.

Para pedir ajuda a Oxalá para se conseguir emprego

01 tigela branca
01 vela de 07 dias branca
01 pacote de canjica branca
Azeite de oliva
mel
01 copo
01 vela branca comum
Escolha bem a canjica branca e coloque para cozinhar. Dentro da tigela coloque seus pedidos escritos em papel
branco, e regre com mel e azeite de oliva. Quando a canjica estiver bem cozida e fria, coloque dentro da tigela e
regre com mel. Entregue em sua casa com a vela de sete dias acesas e o copo com água. Depois de 03 dias
suspenda a tigela com a comida e entregue na beira de água com a vela comum acesa. A vela de sete dias termina
de queimar em sua casa.

Banho para descarga

É comum ouvirmos falar em banho de descarga, e também algumas pessoas dizerem que tal banho é muito bom
ou muito ruim. O banho deve ser receitado para as pessoas de acordo com seu problema, mas existem algumas
ervas que podem ser utilizadas sem problema algum por qualquer pessoa, em qualquer dia. Assim passaremos a
seguir alguns destes banhos, que descarregam o corpo e acalma nossos anjos da guarda:

Banho de boldo

Em um recipiente, coloque um pouco de água e macere de 07 folhas de boldo bem lavadas. Depois coe e adicione
água morna, tome um banho de asseio e jogue o banho de preferência da cabeça aos pés. Em seguida acenda uma
vela com um copo com água em um local acima de sua cabeça e ofereça ao seu anjo da guarda.

Um outro banho muito usado nos terreiros de candomblé é a água que cozinhamos a canjica branca. Ela deve ser
separada em um recipiente, misturada com mais água, adiciona-se mel e toma-se da cabeça aos pés. Este banho
serve para atrair Oxalá e limpar-nos de todas as impurezas.

Em um recipiente com água, macere: boldo, manjericão e alecrim da horta, deixe “descansar” um pouco, coe
misture com água morna, e mel e jogue da cabeça aos pés. Fazendo assim com que todos os inimigos se afastem
de você.

Para acalmar crianças novas e fazer com que durmam bem, pegue um pouco de alfazema (folhas) cozinhe e, dê o
banho e aproveite para fazer um chá. A criança passará a dormir um sono tranqüilo!

Banho para limpeza de nosso corpo e nossa casa

Em uma panela coloque para cozinhar;


Canela em casca
Erva doce
Noz moscada ralada
Cravo da índia

Após estar bem fervido, desligue o fogo e, em um outro recipiente, coloque metade deste banho para esfriar,
quando estiver morno, tome um banho de asseio e, jogue este do pescoço para baixo. O restante deixe esfriar bem,
e ao limpar a casa, passe um pano com este banho. As energias se transformarão, atraindo fluidos maravilhosos e,
totalmente benéficos.

PARA PEDIR FARTURA A ODÉ


01 abóbora moranga bem bonita
Milho de galinha
01 vela branca comum
250 gr de charque
21 moedas
mel
01 alguidá
06 espigas de milho verde bem lavadas e cozidas

Primeiro cozinhe a moranga, o milho de galinha, o charque e as espigas de milho. Depois de frios, abra uma tampa
na moranga e raspe o miolo sem retirar tudo, encha com o milho de galinha misturado com o charque, pegue as
moedas e passe pelo corpo fazendo seus pedidos, coloque-as dentro da moranga uma a uma enfeitando, regre com
mel e coloque a tampa de volta. Coloque a moranga dentro do alguidá e em volta enfeite com as espigas cozidas, e
regre com mel. Leve tudo a um mato bem, limpo, escolha uma árvore bem bonita e entregue à Odé com a vela
acesa e faça seus pedidos.

PARA TRAZER DE VOLTA UM AMOR

01 pacote de farinha de milho (fina)


01 prato branco fundo
07 velas brancas
01 copo com café amargo
Açúcar cristal

Com a farinha de milho (fubá), faça um mingau bem doce, depois de pronto, coloque no fundo do prato o nome da
pessoas escrito 07 vezes e, derrame o mingau por cima. Deixe esfriar e entregue do lado de for a de sua casa para
as almas aflitas, com as sete velas acesas em volta e o copo de café ao lado. Reze sete Pai Nossos e, sete Ave Maria
e peça as almas para afligirem o coração da pessoa e, que ela só tenha sossego quando voltar para você, e, prometa
a elas que assim que fizerem o que está pedindo mandará rezar sete missas em sua intenção. Com certeza a pessoa
só terá sossego depois que voltar para você.

PARA AS ALMAS TE AJUDAREM A PROSPERAR

01 prato branco raso


01 pão de sal
07 moedas
01 vela branca comum
01 copo com café amargo

Corte o pão em sete fatias e, coloque-as dentro do prato. Por cima de cada fatia coloque uma moeda, entregue as
almas do lado de fora de sua casa, com a vela acesa e o café. Reze sete pai-nosso e sete Ave Maria e peça a elas
para te ajudarem a encontrar um emprego, para te livrar da fome, etc. esta obrigação deve ser entregue as almas
que morreram com fome e com sede. Com certeza elas lhe ajudarão no que está pedindo, e pode também refazer
esta obrigação toda Segunda-feira, sempre no mesmo horário.
Av. Dona Sofhia Rasgulaeff 177.
Jardim Alvorada/ Maringá /Paraná
Telefone: (44) 3034-5827 (44) 99956-8463
Consultas Somente com Hora Marcada.
Atendimento: de Segunda a sexta-feira
Das 09:00 as 19:00 horas.
Não damos consultas:
via WhatsApp ou via E-mail e mensagens de celular.

Esta entrada foi publicada em Oferendas aos Orixás. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Centro Pai João de Angola


Desenvolvido por Beto de Ogum.