Você está na página 1de 2

Luiz Guilherme Brasil – FISIOPATOLOGIA –MEDICINA – 2018

UPE - Pdte. Franco


BRASIL, Luiz Guilherme
FISIOPATOLOGIA

Conceitos gerais da fisiopatologia


A fisiopatologia é a ciência que estuda as alterações dos órgãos que ocorrem com a doença e também os efeitos que
essas alterações tem sobre a função corporal.

Saúde_____________________________________________________________________________________________

OMS (1948): É um estado de completo bem estar físico, mental, social e não só a ausência de enfermidade.

Departamento of Healthy People:


1. Ter vida livre de enfermidades preveníveis, discapacidade, lesão e morte súbita.
2. Chegar a uma equidade de saúde e eliminara as disparidade.
3. Promover uma boa saúde a todos
4. Promover condutas saudáveis durante toda a vida.

Enfermidade_______________________________________________________________________________________
É um padecimento agudo ou crônico que se adquire ou nasce com ele, o qual causa disfunção fisiológica em um ou mais
sistemas corporais.
Cada enfermidade tem sinais e sintomas específicos que caracterizam sua patologia e sua etiologia.
O processo patológico inclui: etiologia, patogênese, alterações morfológicas, manifestações clinicas, diagnostico e curso
clinico para depois um tratamento.

Etiologia
É a causa das enfermidades e entre eles podem ser de origem biológica (vírus, bactérias), forcas físicas (traumatismo,
queimaduras, radiação), químicos (álcool, venenos), a própria herança genética e os excessos ou déficits nutricionais.
A maioria das enfermidades são de origem multifatorial e podem afetar um órgão ou vários órgãos.
Fatores de risco: são múltiplos fatores que predispõe uma enfermidade em particular. Podem ser congênitos ou
adquiridos.
Acreditasse quem muitas enfermidades são o resultado de predisposição genética e um acontecimento ambiental que
serve para desencadear o inicio do desenvolvimento da enfermidade.

Patogênese
A patogênese explica a forma que evoluciona a enfermidade, mostra a sequencia de acontecimentos celulares e
teciduais que ocorrem desde o momento do contato inicial com o agente etiológico até o final da enfermidade.

Morfologia e histologia
A morfologia se refere a estrutura fundamental ou forma das células e dos tecidos e a histologia estuda as células e a
matriz extracelular dos tecidos corporais.
As alterações morfológicas são alterações macro ou microscópicas que ocorrem nos tecidos característicos de uma
enfermidade.
A lesão é uma descontinuidade patológica de um órgão ou tecido.
Luiz Guilherme Brasil – FISIOPATOLOGIA –MEDICINA – 2018
UPE - Pdte. Franco
BRASIL, Luiz Guilherme
FISIOPATOLOGIA

Manifestações clinicas
As enfermidades se manifestação de diferentes maneiras e causam sinais e sintomas que são termos utilizados para
descrever alterações estruturais e funcionais de uma enfermidade.
 Anamneses: é a entrevista medico-paciente onde o paciente relata os sinais e sintomas que o levaram até a
consulta.
 Sintomas: é uma moléstia subjetiva que a pessoa com o transtorno descreve (dor de cabeça, náusea, enjoo)
 Sinais: é uma manifestação que o observador pode notar e comprovar (febre, taquicardia, bradicardia)
 Síndrome (Sx): é um conjunto de sinais e sintomas característicos de um estado patológico
 Complicações: são possíveis extensões adversas de uma doença ou de um tratamento.
 Sequelas: são lesões ou disfunções que seguem ou são causadas por uma enfermidade.

Diagnostico (Dx)
É a identificação da natureza ou causa de um problema de saúde. O processo patológico requer uma historia clinica
minuciosa, uma exploração física (EF) e provas diagnosticas complementares.
As provas de laboratório e imagem são usadas para confirmar um diagnostico.
Os exames laboratorias são muito utilizados como provas complementares e alguns termos devem ser compreendidos.
O valor de muitas provas diagnosticas se baseiam na confiabilidade e valides, assim como na sua sensibilidade e
especificidade.
 Valor normal: representa resultados dentro de uma variação normal do que esta sendo avaliado (ex.
concentração de sódio sérico 136-145mEq/l)
 Valides: se refere ao grau de que uma ferramenta de medição determina o que se tenta medir (PA pelo esfigmo
ou PA por medição intra-arterial)
 Confiabilidade: se refere ao grau em que uma observação se repete e da o mesmo resultado.
 Sensibilidade: se refere a proporção de pessoas com uma enfermidade que são positivas para tal enfermidade
em uma prova. (verdadeiro POSITIVO)
 Especificidade: se refere a proporção de pessoas que não tem tal enfermidade que são negativas a uma prova.
(verdadeiro NEGATIVO)

Curso Clinico
É a evolução da enfermidade e pode ter um curso agudo, subagudo e crônico.
 Agudo: é um processo grave porem esta autolimitado.
 Crônico: é um processo continuo e prolongado.
 Subaguda: é um processo intermédio, se encontra entre a aguda e a crônica.
Também podem se classificar segundo a sua aparição clinica
 Enfermidade pré-clínica: não é clinicamente evidente porem esta destinado a evoluir para a etapa clinica.
 Enfermidade subclínica: não é clinicamente aparente e não esta destinada a se tornar clinicamente aparente.
 Enfermidade clinica: se manifesta por sinais e sintomas.
Ocorre também o estado portador onde o paciente possui o microorganismo no corpo porem não esta infectado mas
pode transmitir a enfermidade para outra pessoa.
Leitura complementar do capitulo 1 : Estudo de Framingham