Você está na página 1de 150

Inglês

Aula 01

Título - Frases básicas em Inglês


As orações em Inglês também se dividem em Sujeito e Predicado.
Ao montarmos uma oração com um sujeito e um predicado, montamos
um período simples. Estas orações estão presentes nos textos que
lemos em inglês.

Examples:

Andrew is an engineer. (Andrew é um engenheiro.)


Sujeito Predicado

He works in a big company. (Ele trabalha numa grande empresa.)


Suj. Predicado

Ao juntarmos um período simples com outro, montamos um composto.


Períodos compostos são também freqüentemente utilizados na
composição de textos. Podemos juntar as orações de várias maneiras,
uma delas é utilizando a palavra “and” (e).

Example:

Andrew is an engineer and he works in a big company.


Sujeito Predicado (e) Suj. Predicado

Identificando o sujeito, que pode ser um nome ou um pronome,


encontramos também os verbos logo à sguir. Na primeira oração, vemos
o “is” ou o “to be”. Na segunda oração vemos o “work”. Os verbos
compõem o predicado e nos dão a noção de estado ou de movimento na
oração.

Já podemos então identificar o sujeito e o verbo de uma oração. Isso é


fundamental para que você consiga uma boa leitura dos textos. O
sujeito pode ser um nome (ou um substantivo) ou um pronome. Nas
orações em Inglês, a presença do sujeito é constante. Observe a tabela
seguinte :
Pronomes (Sujeito)

Singulares Plurais

I - eu We - nós
You - você You - vocês
He - ele They - eles ou elas
She - ela
It - ---

Note que o pronome “It” não possui tradução. Ele ocupa, entre várias
possibilidades, a função de sujeito quando o sujeito é inexistente em
português, ex.:

It rains a lot in the summer. (Chove muito no verão.)

Observe a seguir a formação do verbo “to be”.

To be – ser , estar

Singulares Plurais

I am We are
You are You are
He is They are
She is
It is

Observe agora o sujeito e o “to be” nos seguintes exemplos :

Examples:

Sharon is from Australia. (Sharon é da Austrália.)

She’s a systems analyst. (Ela é uma analista de sistemas)

She is not a supervisor. (Ela não é uma supervisora)

Note que o sujeito pode ser substituído por um pronome. A negação,


“not” é colocada depois do verbo. Se juntarmos estes períodos,
podemos transforma-los de simples para composto.
Examples:

Sharon is from Australia. She’s a systems analyst but she is not a


supervisor.

Duas orações foram juntadas pela palavra “but” ou “mas” em Inglês.


Então concluímos:

Sujeito + Predicado = Período Simples

Sharon is from Australia.


Sujeito Predicado

Período Simples + Período Simples = Período Composto

She‘s a systems analyst but she is not a supervisor.


Período Simples (mas) Período Simles

Período + Período + Período = Parágrafo

Sharon is from Australia. She’s a systems analyst but she is not a


Período Período Período
supervisor.

É assim que os textos são formados. Um período depois do outro


formam um parágrafo. Um parágrafo depois do outro formam um texto.
Vejam mais este parágrafo :

Example:

Tony and his family are my neighbors . His sister is Carol . Their parents
are Mandy and Pete.

(Tony e sua família são maus visinhos. Sua irmã é Carol. Seus pais são
Mandy e Pete.)

Vimos a utilização de verbos, nomes, pronomes como também dos


possessivos (my, his, their).
Os pronomes e o verbo “to be” compõem uma lista de vocabulário que
merece ser memorizada.
Observem os pronomes possessivos:

Tony and his family are my neighbors . (Tony = He. O possessivo é


his)

Their parents are Mandy and Pete. (Tony e Carol = They. O


possessivo é Their)

Pronomes Possessivos (Adjetivos)

I - my We - our
You - your You - your
He - his They - their
She - her
It - its

A utilização dos possessivos depende de quem estamos falando e seu


sentido depende da frase. O possessivo sempre combina com aquele
que possui.

Example:

I am your new teacher and you are my new pupils.


(Eu sou seu novo professor e vocês são meus novos alunos)

Example:

He is our new classmate and his name is Alfred.


(Ele é nosso novo colega de sala e seu nome é Alfred) ou
(Ele é nosso novo colega de sala e o nome dele é Alfred)

Example:

She is our new secretary but her name is not Susan. It’s Sharon.
(Ela é nossa nova secretária mas seu nome não é Susan . É Sharon.) ou
(Ela é nossa nova secretária mas o nome dela não é Susan . É Sharon.)
Example:

They are our new neighbors and their names are Jack and Jill. Their
children are our friends.

(Eles são nossos novos vizinhos e seus nomes são Jack e Jill. Os filhos
deles são nossos amigos)

No seguinte diálogo, veremos o funcionamento das estruturas vistas até


agora.

Diálogo: Dois personagens na porta de uma


sala de aula (01 moça e 01 homem)
a) Excuse me ! Am I late for class ? Is the teacher here ?
b) No, you’re on time. And yes, the teacher is here.

a) Oh, good. I’m Christina. Are you new here ?


b) Yes, I am.

a) I’m from Venezuela. What about you ?


b) I’m from Michigan.

a) Michigan ? Then you’re not a new student in this English class ?


b) You’re right ! I’m not a new student. I am your new teacher.

Em “Am I late for class ?” (Estou atrasada para aula ?), ocorreu a
inversão entre o sujeito “I” e o verbo “am”. Ao invés de “I am late for
class”, vemos “Am I late for class ?”. Isto ocorre na estrura da
interrogação em Inglês. O mesmo aconteceu em “Is the teacher
here?” (O professor está aqui ?).

A questão “What about you?” é uma forma abreviada de pergunta que


significa : “E você?”
Exercício.

De acordo com o diálogo visto, decida se as


alternativa a seguir são verdadeiras ou falsas.
True False
Christina is on time. ( ) ( )

Christina is late time. ( ) ( )

Christina is Venezuelan. ( ) ( )

The teacher is late. ( ) ( )

The teacher is American. ( ) ( )

Christina and the teacher ( ) ( )


are new at school.

Complete as seguintes frases com a forma


correta do verbo to be.

São Paulo _______ a state. It _______ located in Brazil. My family and I


________ from Brazil. My father ________ a carpenter and my mother
________ a housewife. I have two brothers. Their names _________
José and Francisco. I _________ a student and my name _________
Paulo.

Complete as seguintes frases com a forma


correta do Pronome Pessoal.
Adriana is a student in my class. ______ is my friend. Her parents are
teachers. ______ are my teachers. Adriana and I live in the same
building. ______ are neighbors. She has a brother and ______ is an
engineer.
Complete as seguintes frases com a forma
correta do Pronome Possessivo.
He is a taxi driver. ______ name is Tony. He has a wife and ______
name is Julliet. They have two children. _______ names are Carlos and
Mandy. Carlos and I are in the same class. He is ______ friend. We like
Ms. Johnson very much. She is ______ teacher.

Corrija os erros das seguintes frases:


a) We is from Venezuela.

b) Venezuela are in South America.

c) He is a writer. Her name is Jennifer.

d) Susan not is my friend.

e) Where you are from ?

f) This is Mr. Smith. Your son is in my class.

Troque as palavras grifadas pelos pronomes


pessoais.
Hello. I am John. My last name is Smith. My last name is an American
a)
name. My family and I are from USA. Lucy is my mother. My mother is
b)
from a town in Seattle. The town is very small. Peter is my father.
c)
My father is from New York. New York is a big city in the East of USA.
d) e)
My parents are in Brazil now. My parents are on vacation. I am at home
f)
with my sisters. My sisters and I are not happy alone. My sisters are
g) h)
always mad at me. My brother is lucky. My brother is not at home.
i)
My brother is at college. The college is far away.
j) k)
Exercício.(Respostas)

De acordo com o diálogo visto, decida se as


alternativa a seguir são verdadeiras ou falsas.
True False
Christina is on time. ( X) ( )

Christina is late . ( ) (X )

Christina is Venezuelan. (X ) ( )

The teacher is late. ( ) ( X)

The teacher is American. (X ) ( )

Christina and the teacher (X ) ( )


are new at school.

Complete as seguintes frases com a forma


correta do verbo to be.

São Paulo __is___ a state. It ___is__ located in Brazil. My family and I


__are___ from Brazil. My father ___is__ a carpenter and my mother
__is____ a housewife. I have two brothers. Their names __are___ José
and Francisco. I __am___ a student and my name ___is___ Paulo.

Complete as seguintes frases com a forma


correta do Pronome Pessoal.
Adriana is a student in my class. _She__ is my friend. Her parents are
teachers. _They_ are my teachers. Adriana and I live in the same
building. _We__ are neighbors. She has a brother and _he__ is an
engineer.
Complete as seguintes frases com a forma
correta do Pronome Possessivo.
He is a taxi driver. _His_ name is Tony. He has a wife and _her_ name
is Julliet. They have two children. __Their__ names are Carlos and
Mandy. Carlos and I are in the same class. He is __my__ friend. We like
Ms. Johnson very much. She is __our__ teacher.

Corrija os erros das seguintes frases:


g) We are from Venezuela.

h) Venezuela is in South America.

i) She is a writer. Her name is Jennifer.

j) Susan is not my friend.

k) Where are you from ?

l) This is Mr. Smith. His son is in my class.

Troque as palavras grifadas pelos pronomes


pessoais.
Hello. I am John. My last name is Smith. My last name is an American
a) It
name. My family and I are from USA. Lucy is my mother. My mother is
b) She
from a town in Seattle. The town is very small. Peter is my father.
c) It
My father is from New York. New York is a big city in the East of USA.
d) He e) It
My parents are in Brazil now. My parents are on vacation. I am at home
f) They
with my sisters. My sisters and I are not happy alone. My sisters are
g) We h) They
always mad at me. My brother is lucky. My brother is not at home.
i) He
My brother is at college. The college is far away.
j) He k) It
Inglês
Aula 02

Título – Present Continuous e Pronomes Objeto.


O “present continuous” é basicamente um tempo verbal que descreve
uma ação que está se processando no momento .

Example:

Alex is talking to his sister and his mother is watching television.


(Alex está falando com a mãe dele e a sua irmã está assistindo TV.)

Portanto forma-se o present continuous da seguinte forma.

Present Continuous

Sujeito + to be (AM, IS, ARE) + VERBO + ing

Como este tempo verbal utiliza o verbo to be, as afirmações e negações


serão formadas seguindo o mesmo padrão descrito na aula 01,
adicionando-se o “not” nas negativas e invertendo-se os verbos nas
perguntas.

Examples:

Carol is not studying. She is talking to her brother.


(Carol não está estudando. Ela está falando com o irmão dela.)

Are your parents watching TV with you right now ?


(Seus pais estão assistindo TV com você no momento ?)

Os verbos geralmente recebem “ing” no final. Porém algumas alterações


podem ocorrer.

Verbos terminados em “e”, retira-se esta vogal e adiciona-se “ing”.

Smile (sorrir) - Smiling


Live (viver) - Living
Choose (escolher) - Choosing
Exceção:

See (ver) - Seeing


Be (ser ou estar) - Being (nestes verbos, o “e” é preservado)

Verbos monossílabos terminados em CVC (consoante, vogal,


consoante), dobra-se a última consoante.

Sit (sentar) - Sitting


Run (correr) - Running
Get (conseguir) - Getting

Exceção:
Verbos terminados em W, X e Y não dobram.

Sew (costurar) - Sewing


Mix (misturar) - Mixing
Play (jogar) - Playing

Nos verbos a seguir, a sílaba tônica está marcada em negrito:

Verbos com duas ou mais sílabas dependem da sílaba tônica.

Admit (adimitir) - Admitting


Forget (esquecer) - Forgetting

Verbos com duas ou mais sílabas dependem da sílaba tônica.

Whisper (cochichar) - Whispering


Open (abrir) - Opening

Example:

Tom is opening a bottle of champagne because he is celebrating his new


job.
(Tom está abrindo uma garrafa de champanha porque ele está
celebrando seu novo emprego.)

Example:

Carol is whispering to Susan because he is telling her a secret.


(Carol está cochichando com Susan porque ela está contando-lhe um
segredo.)
Example:

Tom is talking to Carol. He is speaking to her but she is not listening to


him.
(Tom está conversando com a Carol. Ela está falando com ele mas ela
não o está ouvido.)

No exemplo anterior, podemos observar o uso de alguns pronomes que


se localizam depois dos verbos. Eles não têm a função de sujeito, mas
sim de objeto.

He is speaking to her.
Suj. Verbos Obj.

Observamos aí uma estrutura básica chamada SVO (Sujeito, Verbo e


Objeto). Está estrutura é muito presente na formação de frases em
geral na língua inglesa e portanto merece sua atenção. Ao ler textos,
identifique estas estruturas. Isso facilitará a sua leitura.

Na tabela seguinte, vemos os dois tipos de pronomes, os que funcionam


como sujeito e os que funcionam como objeto.

Pronomes Pessoais (Sujeito) & Pronomes Pessoais (Objeto)

I - me We - us
You - you You - you
He - him They - them
She - her
It - it

Nos exemplos seguintes, observem o uso dos pronomes, como sujeitos


e como objetos dos verbos.

Example:

Tom is talking to Susan and Carol. He is listening to them and they are
listening to him.
(Tom está conversando com Susan e Carol. Ele as está ouvindo e elas o
estão escutando.)
Example:

Is our teacher looking at us or at them ?


(Nosso professor está olhando para nós ou para eles ?)

Example:

Are you giving your bike to your brother ?


Yes, I’m giving it to him because I’m buying a new one.

(Você está dando a sua bicicleta para seu irmão ?)


(Sim, eu a estou dando-lhe porque vou comprar uma nova)

Diálogo (01 moça e 01 senhora por telefone)


a) Hello.
b) Hi, Mandy. This is Lucy.

a) Hi, Lucy ! How are you doing ?


b) I’m fine ! How are my wonderful grandchildren ?

a) They’re ok. Norma’s working in Boston and Sam’s teaching


private lessons.
b) Great ! And how is Carol ?

a) She’s at school. I think she’s studying computer science right


now .
b) Is my son, Pete there ? Is he watching TV ?

a) Well, he’s here but he’s not watching TV.


b) Oh ! What’s he doing ?

a) He’s doing the laundry right now .


b) But that is a woman’s job ! And What are you doing ?

a) Me? I am doing the taxes.


b) The taxes ! But that’s a man’s job !
Forme frases no present continuous de acordo
com o diálogo e usando as palavras dadas:
Mandy and Lucy / talk about / the children

_________________________________________________________

Mandy / ask about / Pete

_________________________________________________________

Pete / do / taxes

_________________________________________________________

Escolha a melhor alternativa de acordo com o


diálogo.
1) Lucy e Mandy são :

a) Sogra e nora respectivamente.


b) Nora e sogra repectivamente.
c) Mãe e filha respectivamente.
d) Filha e mãe respectivamente.

2) Pete é provavelmente :

a) Pai da Lucy.
b) Pai da Mandy.
c) Marido da Lucy.
d) Marido da Mandy.

3) Pete está :

a) Lavando a louça.
b) Lavando a roupa.
c) Calculando os impostos.
d) Assistido TV.
4) Norma, Sam, e Carol estão:

a) Em casa.
b) Ajudando Pete.
c) Ajudando Mandy.
d) Fora de casa.

5) Lucy acha que :

a) Mandy e Pete formam um casal moderno.


b) Mandy e Pete estão com problemas conjugais.
c) Mandy e Pete estão com papeis invertidos.
d) Mandy e Pete são excelentes no que fazem.

6) Norma, Sam e Carol provavelmente são:

a) Filhos da Lucy.
b) Netos da Mandy.
c) Netos da Lucy.
d) Irmãos do Pete.

7) Entre Norma, Sam e Carol é provavelmente verdadeiro que :

a) Norma seja estudante.


b) Sam seja estudante.
c) Carol seja estudante.
d) Carol seja professora.
Respostas

Forme frases no present continuous de acordo


com o diálogo e usando as palavras dadas:
Mandy and Lucy / talk about / the children

Mandy and Lucy are talking about the children.

Mandy / ask about / Pete

Mandy is not talking about Pete.

Pete / do / taxes

Pete is not doing the taxes.

Escolha a melhor alternativa de acordo com o


diálogo.
8) Lucy e Mandy são :

e) Sogra e nora respectivamente.


f) Nora e sogra respectivamente.
g) Mãe e filha respectivamente.
h) Filha e mãe respectivamente.

9) Pete é provavelmente :

e) Pai da Lucy.
f) Pai da Mandy.
g) Marido da Lucy.
h) Marido da Mandy.

10) Pete está :

e) Lavando a louça.
f) Lavando a roupa.
g) Calculando os impostos.
h) Assistido TV.
11) Norma, Sam, e Carol estão:

e) Em casa.
f) Ajudando Pete.
g) Ajudando Mandy.
h) Fora de casa.

12) Lucy acha que :

e) Mandy e Pete formam um casal moderno.


f) Mandy e Pete estão com problemas conjugais.
g) Mandy e Pete estão com papeis invertidos.
h) Mandy e Pete são excelentes no que fazem.

13) Norma, Sam e Carol provavelmente são:

e) Filhos da Lucy.
f) Netos da Mandy.
g) Netos da Lucy.
h) Irmãos do Pete.

14) Entre Norma, Sam e Carol é provavelmente verdadeiro


que :

e) Norma seja estudante.


f) Sam seja estudante.
g) Carol seja estudante.
h) Carol seja professora.
Aula 03
Passado do to be e past continuous
No passado, o to be se comporta de forma semelhante ao presente, ou
seja, as afirmações, negações e questões são feitas da mesma forma.

Examples:

I was worried about you last week.


(Eu estava preocupado com você na semana passada)

You were not at home for three days.


(Você não esteve em casa por três dias.)

Were you away on business ?


(Você estava numa viagem de negócios ?)

No presente, o “to be” tem três formas : AM, Is, Are.


No passado só tem duas : Was, Were.

Simple past of to be

I was
You were
He was
She was
It was
We were
You were
They were

Ao utilizarmos o passado, utilizamos também os marcadores de tempo


como:
Last night (ontem à noite)
Last week (semana passada)
Yesterday (ontem)

Os textos seguem a mesma ordem de formação que no presente, ou


seja, sujeito + predicado. Notem na tradução do texto a seguir que o
verbo “to be” é muito flexível no que diz respeito às significações que
ele pode assumir. Além de ser ou estar, ele também pode ser
compreendido como ficar ou até mesmo ir.
Example:

I wasn’t at home last night but my parents were. I was at the movies
and it was very good. I was with my friends. They were very interested
in the movie. It was a new movie with Tom Hanks and Brad Pitt. They
were excellent .

(Eu não estava em casa ontem a noite mas meus pais estavam. Eu fui
no cinema e foi muito bom. Eu estava com meus amigos. Eles ficaram
muito interessados no filme. Era um novo filme com Tom Hanks e Brad
Pitt. Eles estavam ótimos.)

A atribuição de sentidos pode ser muito subjetiva, ou seja, depende de


quem esta lendo. Quando estiver lendo um texto, procure ser mais
flexível mas tome cuidado para não divagar muito e atribuir sentidos
que não estão no texto.

Dialogo.

Namorado(b) e namorada(a) estão


conversando.
a) Where were you yesterday at 7:00 PM ?
b) At 7:00 ? Let’s see. Ah yes, I was at work. I was in a meeting.

a) And where were you at 8:00 PM ?


b) I was driving home ?

a) Where were you at 9:00 PM ?


b) I was at home.

a) No, you weren’t.


b) I wasn’t ? How can you say so ?

a) Because I called you and your mother told me so !


b) Oooops !
Escolha as alternativas corretas de acordo com
o texto.
1) A namorada está :

a) Acreditando no namorado.
b) Duvidando do namorado.
c) Satisfeita com as respostas dele.
d) Duvidando da mãe dele.

2) O namorado provavelmente :

a) Não caiu em contradição.


b) Caiu em contradição logo no início da conversa.
c) Caiu em contradição no fim da conversa.
d) Não se importou com as perguntas.

Vejamos agora como se forma o past continuous, uma “variação” do


present continuous, só que no passado.

Example:

I was driving home and they were still working.


( Eu estava dirigindo para casa e eles ainda estavam trabalhando)

Note que as palavras “was e were” são as formas do passado do verbo


“to be” e são responsáveis pela utilização do “ing” nos verbos seguintes:
“Driving e Working”. É esta a formação do past continuous, conforme
mostrado na tabela seguinte.

Past continuous

To be (was, were) + verbo + ing

Veja o past continuous funcionando em mais alguns exemplos. Veremos


também a utilização de alguns verbos no passado simples e que
terminam em “ed”. São os passados regulares.

Example:

I was sitting under a tree when the rain started.


(Eu estava sentado sob uma árvore quando a chuva começou.)
No exemplo acima, “I was sitting” significa Eu estava sentado e não
Eu estava sentando. Portanto, em alguns momentos, veremos este
tipo de ocorrência, ou seja, a ação pode parecer estar acontecendo mas
já ter acontecido. É uma característica do continuous na língua inglesa e
que em português acontece de uma forma diferente.

Example:

They were wearing pajamas when we arrived.


(Eles estavam usando pijamas quando chegamos.)

Observe no exemplo seguinte que é possível uma equivalência entre o


continuous e o pretérito imperfeito do português.

Example:

I was working while you were sleeping.


(Eu trabalhava enquanto você dormia.) ou
(Eu estava trabalhando enquanto você estava dormindo.)

Note agora no exemplo seguinte que o verbo “see”(ver), normalmente


não usado no continuous, pode assumir um sentido diferente quando
isso acontece.

Examples:

What was she doing when I called ?


(O que ela estava fazendo quando eu liguei ?)

She was seeing the doctor.


(Estava visitando o médico.)

Note também que o “to be” se comporta como um auxiliar e pode


substituir o predicado todo.

Example:

My friends weren’t studying for the test but I was.


(Meus amigos não estavam estudando para o teste mas eu sim.)

They were playing ball but I wasn’t.


(Eles estavam jogando bola mas eu não.)
Diálogo : Dois amigos conversam a ”festa” do
dia anterior.
a) How was the party last night ?
b) Oh ! It was a total fiasco ?

a) How come ?
b) Well, when I arrived, my friend was sleeping ?

a) What?
b) Yeah ! He was sleeping and his wife was watching TV in the living
room. She was wearing a bathrobe and a facial mask. I was very
embarrassed.

a) But what about the party ?


b) It was not yesterday, it is next Saturday.

Escolha a melhor alternativa de acordo com o


diálogo acima.
1) A festa do dia anterior foi :

a) Um sucesso total.
b) Um fracasso total.
c) Uma festa à fantasia.
d) Uma festa desanimada.

2) O rapaz que foi à festa.

a) Não gostou dos convidados.


b) Não estava vestido adequadamente.
c) Estava usando um roupão.
d) Ficou muito sem jeito.

3) Na casa onde o rapaz foi :

a) A esposa do amigo dele estava dormindo.


b) O amigo estava de roupão.
c) Os convidados já tinham ido embora.
d) A televisão estava ligada.
4) O rapaz foi à festa :

a) No dia errado.
b) Na hora errada
c) No endereço errado.
d) Em trajes errados.

5) Quando o rapaz chegou, seus amigos :

a) Estavam esperando por ele.


b) Estavam cansados de esperar.
c) Já tinham começado a festa sem ele.
d) Não estavam esperando por ele.

Monte as frases de acordo com o diálogo e


utilizando o past continuous:
His friend/wait for him

_________________________________________________________

His friend/sleep/when he arrived.

His friend’s wife/ wear/ a party dress

_________________________________________________________

His friend’s wife/ wear / facial mask

_________________________________________________________

His friends / listen to / music

_________________________________________________________
Respostas
Escolha as alternativas corretas de acordo com
o texto.
3) A namorada está :

e) Acreditando no namorado.
f) Duvidando do namorado.
g) Satisfeita com as respostas dele.
h) Duvidando da mãe dele.

4) O namorado provavelmente :

e) Não caiu em contradição.


f) Caiu em contradição logo no início da conversa.
g) Caiu em contradição no fim da conversa.
h) Não se importou com as perguntas.

Escolha a melhor alternativa de acordo com o


diálogo acima.
6) De acordo com o rapaz, a festa do dia anterior foi :

e) Um sucesso total.
f) Um fracasso total.
g) Uma festa à fantasia.
h) Uma festa desanimada.

7) O rapaz que foi à festa.

e) Não gostou dos convidados.


f) Não estava vestido adequadamente.
g) Estava usando um roupão.
h) Ficou muito sem jeito.

8) Na casa onde o rapaz foi :

e) A esposa do amigo dele estava dormindo.


f) O amigo estava de roupão.
g) Os convidados já tinham ido embora.
h) A televisão estava ligada.
9) O rapaz foi à festa :

e) No dia errado.
f) Na hora errada
g) No endereço errado.
h) Em trajes errados.

10) Quando o rapaz chegou, seus amigos :

e) Estavam esperando por ele.


f) Estavam cansados de esperar.
g) Já tinham começado a festa sem ele.
h) Não estavam esperando por ele.

Monte as frases de acordo com o diálogo e


utilizando o past continuous:
His friend/wait for him

His friend was not waiting for him.

His friend/sleep/when he arrived.

His friend was sleeping when he arrived.

His friend’s wife/ wear/ a party dress

His friend’s wife was not wearing a party dress.

His friend’s wife/ wear / facial mask

His friend’s wife was wearing a facial mask

His friends / listen to / music

His friends were not listening to music.


Aula 04
There to be
“There to be” é o verbo “haver” em Inglês. Observem o
exemplo.

AIDS

There is only one effective weapon against this problem :


Education !
(Há somente um arma eficiente contra este problema: Educação !)

a) Waiter ! There is a fly in my soup !


b) Yeah ! And there are two in mine !
c) (O garçon se volta para o primeiro) Do you want me to
bring you another fly, sir ?

a) Garçon ! Há uma mosca na minha sopa !


b) É ! E há duas na minha !
c) O senhor quer que eu lhe traga outra mosca ?

Uma maneira muito informal de substituir-se os verbos “haver e


existir” em português é o verbo “ter”. Isto acontece
normalmente em linguagem oral. Observe nos exemplos
seguintes os uso dos quantitativos “some e any”.

Example :

There is some bread but there isn’t any butter.


(Há um pouco de pão mas não há nenhuma manteiga”)

Example :

Is there any milk ? (Há um pouco de leite ? )


Yes, there is some. (Sim, há um pouco. )

Example :

Is there any coffee ? (Há um pouco de café ?)


No, there isn’t any. (Não, não há nenhum ?)

A partir dos exemplos, podemos concluir que “some” é usado em


afirmações e “any” é usado em perguntas e negações. Nos
exemplos abaixo, você verá a forma plural de “there to be”:
Example :
There are some glasses but there aren’t any dishes.
(Existem alguns copos mas não há nenhum prato.)

Example :

Are there any forks ? (Há algum garfo?)


No, there aren’t any . (Não, não há nenhum.)

Example :

Are there any knives ? (Há alguma faca ?)


Yes, there are some . (Sim, há algumas.)

Através dos exemplos, é possível verificar que “there to be”


possui plural e singular. “Some” e “any” servem para as duas
situações.
Nos exemplos seguintes veremos o “there to be” sendo utilizado
no passado.

Examples :

Was there anybody looking for me ?


Yes, there was somebody looking for you ?

(Havia alguém procurando por mim?)


(Sim, havia alguém procurando por você.)

“Anybody” e “somebody” são pronomes indefinidos. Se


combinarmos some, any, every e no com body, thing e one,
formaremos a lista completa deles.
Estes pronomes serão sempre acompanhados de verbos no
singular e os pronomes que começam com “some” ou “any”
seguirão a mesma regra para formação de afirmações,
negações e perguntas que vimos anteriormente. Os que
começam com “no” já são naturalmente negativos e quando
utilizados numa oração, o verbo não precisará ser negado.
Pronomes Indefinidos

Some body (alguém) Everybody (todos)


Something (algo) Everything (tudo)
Someone (algum) Everyone (todos)

Anybody (alguém, ninguém) Nobody (ninguém)


Anything (nada, algo) Nothing (nada)
Anyone (algum, nenhum) No one (nenhum)

Examples :

Was there anything wrong ? (Havia algo errado


?)
No, there wasn’t anything wrong (or) (Não, não havia nada
errado.)
No, there was nothing wrong. (Não, “não” havia nada
errado.

Observe no exemplo acima que ao usar um pronome começando


com “any” na negativa, o verbo também fica negativo. Porém,
ao utilizarmos um pronome que começa com “no”, o verbo fica
na forma afirmativa mas o sentido da frase é negativo.

No exemplo abaixo vemos o uso de um pronome que começa com


“some” sendo usada na pergunta. Normalmente, utilizaríamos
um pronome começando por “any”, porém, essa pergunta
funciona mais como um oferecimento ou sugestão do que como
uma questão. Numa oração assim, é normal utilizarmos um
pronome começando por ‘some”.

Examples :

Would you like some eggs ? (Gostaria de alguns ovos ?)


No, I would like some yogurt. (Não, gostaria de um pouco de
iogurte.)

A resposta negativa segue na forma regular.

Examples :

Would you like something to eat ? (Quer algo para


comer ?)
No, I wouldn’t like anything to eat. (Não, não quero
nada para comer. )
Os pronomes com “any” podem ainda assumir um sentido de
“qualquer”.

Example:

I am so thirsty that I can drink anything.


(Estou com tanta sede que posso beber qualquer coisa. )

Diálogo: Patrão (a) e Secretária (b)


a) Was anybody waiting for me yesterday ?
b) No, nobody was waiting for you ?

a) Was there anyone on the phone ?


b) No, there was no one on the phone.

a) Is there anything wrong with the computer ?


b) No, there is nothing wrong with it ?

a) Who is coming for the meeting today ?


b) Everyone.

a) Is there any coffee ready ?


b) Yes, there is some ? Would you like some ?

a) Yes, would you mind bringing some to my desk ?


b) No problem ! Would you like some milk or sugar in it ?

a) Some milk but no sugar. I’m on a diet.


b) Ok, Do you need anything else ?

a) No, thanks. Oh, yes ? Are there any messages.


b) There is one. The sales manager wants to see you.

a) Ok, ask him to come into my office .


b) Right away.
De acordo com o diálogo, qual a melhor
alternativa ?
1) Não havia nada errado com o computador.
2) Ninguém virá à reunião de hoje.
3) Há dois recados.
4) O patrão quer o café com açúcar.
5) Havia uma pessoa no telefone.
6) Ninguém aguardava o patrão ontem.

Assinale a alternativa correta.


1) ________ no problems when I arrived.

a)There are d) There were


b)There is e) They are
c)There was

2) So far, ________ no cure for cancer.

a)There is d)There aren’t


b)There isn’t e)There was
c)There are

3) Could you come back _________ other day ?

a)Someone d)Anyone
b)Something e)Anything
c)Some

4) ___________ copied secret files from the


computer.

a)Anyone d)Everyone
b)Nothing c)Someone
c)Something

5) She told her daughter not to take ________ sun


without _______ sunscreen.

a)any/anybody d)anyone/anyone
b)anybody/anything e)anyone/any
c)any/any
6) He always looks at his notes. He knows ________
by heart.

a)nobody d)none
b)no e)anything
c)nothing

7) When I am starving, I can eat ____________.

a)nothing d)none
b)something e) anybody
c)anything

De acordo com o contexto, qual seria a


melhor tradução dos termos em itálico.
1) Norma is trying to find out the purse she lost
yesterday.

a)procurando d)descobrindo
b)testando e)olhando
c)verificando

2) As typical, Doug is on time for the meeting.

a)Finalmente d)No final


b)Tipicamente e)No início
c)Como de costume

3) I am weary after working out.

a)bem d)tenso
b)cansado e)estressado
c)preocupado

4) Some old friends of mine called on us last night.

a)ligaram d)comunicaram
b)chamaram e)visitaram
c)calaram
Respostas
De acordo com o diálogo, qual a melhor
alternativa ?
7) Não havia nada errado com o computador.
8) Ninguém virá à reunião de hoje.
9) Há dois recados.
10) O patrão quer o café com açúcar.
11) Havia uma pessoa no telefone.
12) Ninguém aguardava o patrão ontem.

Assinale a alternativa correta.


8) ________ no problems when I arrived.

a)There are d) There were


b)There is e) They are
c)There was

9) So far, ________ no cure for cancer.

a)There is d)There aren’t


b)There isn’t e)There was
c)There are

10) Could you come back _________ other day ?

a)Someone d)Anyone
b)Something e)Anything
c)Some

11) ___________ copied secret files from the


computer.

a)Anything d)Everyone
b)Nothing c)Someone
c)Something

12) She told her daughter not to take ________ sun


without _______ sunscreen.

a)any/anybody d)anyone/anyone
b)anybody/anything e)anyone/any
c)any/any
13) He always looks at his notes. He knows ________
by heart.

a)nobody d)none
b)no e)anything
c)nothing

14) When I am starving, I can eat ____________.

a)nothing d)none
b)something e) anybody
c)anything

De acordo com o contexto, qual seria a


melhor tradução dos termos em itálico.
5) Norma is trying to find out the purse she lost
yesterday.

a)procurando d)descobrindo
b)testando e)olhando
c)verificando

6) As typical, Doug is on time for the meeting.

a)Finalmente d)No final


b)Tipicamente e)No início
c)Como de costume

7) I am weary after working out.

a)bem d)tenso
b)cansado e)estressado
c)preocupado

8) Some old friends of mine called on us last night.

a)ligaram d)comunicaram
b)chamaram e)visitaram
c)calaram
Inglês 05
The Present.
O Presente Simples expressa uma ação que acontece
rotineiramente, em contraste com o “Continuous”, que expressa,
entre outras coisas, uma ação que esta se processando no momento.

Examples :

He is a lawyer. (Ele é um advogado.) Presente


He works in an office (Ele trabalha num escritório.) Simples.

At the moment, he is writing a contract.


(No momento, ele está escrevendo um contrato.) “Continuous.”

Quando usamos a terceira pessoa do singular, “he, she, it”, o verbo


recebe um “s”

Examples :

Ken and his family live in Canada. (Ken e sua família moram no Canadá.)
They = 3a do plural

His parents live in Toronto but Ken lives in Montreal. (Seus pais moram
They = 3a do plural He = 3a do singular em Toronto mas ele
mora em Montreal.

Acompanhe a tabela seguinte para você visualizar melhor o “s” da 3a


pessoa do singular.

Present Simple.

I work
You work
He works
She works
It works
We work
You work
They work

No entanto, este “s” pode variar como na tabela seguinte.


Present Simple

I
You
He
She s, es, ies
It
We
You
They

Acompanhem agora a maneira pela qual o “s” pode variar.

Present Simple

Regra geral : “s” > work / works

Present Simple

Verbos terminados em : s, sh, ch, x, z e o recebem “es”

Dress / dresses mix / mixes


Wash / washes buzz / buzzes
Catch / catches do / does

Logo, a decisão de se utilizar “s” vai depender da letra em que o


verbo termina.

Examples :

He dresses formally to go to work and he likes to wear suits.


(Ele se veste formalmente para trabalhar e adora usar ternos.)

Examples :

She catches the bus to go to school but she hates to commute.


(Ela pega o ônibus para ir a escola, mas detesta usar transporte
público.)

E ainda temos mais uma regrinha referente ao “s”.


Present Simple

Verbos terminados em “y” precedido de consoante : retira-se o y e


coloca-se ies .

Try / tries Study / studies.

Isto não vale para “y” junto de vogal como “play”, recebendo
somente o “s” resultando em “plays”.

Examples :

He tries to arrive early but he always gets late because there is too
much traffic in the city in the morning.

(Ele tenta chegar cedo, mas sempre se atrasa porque há muito transito
na cidade pela manhã.)

No exemple seguinte, vemos o funcionamento do auxiliar.

Examples:

I don’t study in the morning. My brother does.

(Não estudo de manhã. Meu irmão estuda)

Vejam na tabela seguinte o verbo “do” que é o verbo auxiliar do


presente simples.

Present Simple

I He
You She DOES
We DO It
They

Na 3a pessoa do singular, o vebo “do” , por terminar com a letra “o”,


recebeu “es”, resultando em “does”, o auxiliar da 3a pessoa do singular.
O verbo “do”, que pode ser traduzido como “fazer”, mas serve como
verbo auxiliar no presente simples. Ele é utilizado para perguntas,
negações ou para substituir o predicado.
Examples:

Does Lucy study languages ?


No, she doesn’t but her brother does.

(Lucy estuda línguas ?)


(Não, ela não estuda, mas seu irmão estuda.)

Nesse exemple, vimos que o auxiliar “does” foi usado no início da


pergunta. Quando isto acontece, o verbo volta para a sua forma
original, sem “s”. O mesmo “does” foi usado na resposta. Na primeira
parte, para negar e na segunda substituiu o predicado, evitando a
repetição de palavras.

Examples:

Do your parents still work ?


No, they don’t work anymore because both are retired.

(Seus pais ainda trabalham?)


(Não, não trabalham mais porque ambos são aposentados.)

Example :

Does it make any difference to you whether we go out for dinner ?


(Faz alguma diferença para você se sairmos para jantar?)

O sujeito da frase anterior é “it”, o pronome neutro que não tem


tradução. “Wheather” é um sinônimo de “if” ou seja, “se”. Nos exemplos
a seguir veremos o contraste entre o uso do Presente Simples e do
Continuous.

Example :

Terry isn’t getting along with her new roommate; they argue
constantly.
(Terry não está se dando bem com seu novo colega de quarto. Eles
discutem constantemente.)

Nesse exemplo, vemos que o Continuous é usado para expressar uma


ação que está ocorrendo no momento e que pode mudar: “Terry
isn’t getting along with her new roommate.” Por outro lado, junto da
palavra “constantly”, observamos o uso do Presente Simples,
demonstrando uma ação que acontece rotineiramente.

Example :

This message from Tom does not have anything to do with the plans
we are making for the party tonight.
(Este recado do Tom não tem nenhuma relação com os planos que
estamos fazendo para a festa de hoje.)

Nesse exemplo, negado por “does not”, vemos o uso ed uma expressão
idomática: “have anything to do with” ou “ter alguma relação com”.
Novamente, podemos também observar o uso do Presente Simples em
contraste com o Continuous demonstrando um fato constante em
relação a um temporário.

Texto.
The new baby name book.

So, you’re expecting a baby, and you’re still choosing a name. Your

child’s name is going to affect his or her future, so you don’t want to

make a mistake. You’ve heard reports that teachers give better

grades to David and Karen than to Elmer and Gertrude. Relax. Now

there’s help – Sue Browder’s new book. She tells us that those reports

about teachers are probably wrong, however, that a special name helps

a child develop self-esteem.

De acordo com o texto, assinale a alternativa


mais correta.
a) O nome não afeta o futuro da criança.
b) A criança não quer cometer um erro.
c) David e Karen são certamente melhores que Elmer e Gertrude.
d) Os professores estão definitivamente errados.
e) Um nome ajuda no desenvolvimento da auto-estima.
Assinale a alternativa correta.
They won’t forgive you unless you __________.

a) apologizes
b) apologize
c) doesn’t apologize
d) don’t apologizes
e) apologizing

Dogs _______ very good companions, aren’t they.

a) are
b) is
c) aren’t
d) don’t be
e) isn’t

Nowadays, a secretary __________ at computer terminals.

a) to work
b) work
c) is work
d) works
e) working

Excuse me, ___________ in that house ?

a) do you live
b) are she live
c) doesn’t live
d) don’t live
e) you don’t lives

She _____________ chocolate. Why ___________ her something else ?

a) don’t like/do you offer


b) doesn’t likes/don’t you offer
c) doesn’t like/don’t you offers
d) doesn’t like/don’t you offer
e) aren’t like/do not you offer
Respostas
De acordo com o texto, assinale a alternativa
mais correta.
f) O nome não afeta o futuro da criança.
g) A criança não quer cometer um erro.
h) David e Karen são certamente melhores que Elmer e Gertrude.
i) Os professores estão definitivamente errados.
j) Um nome ajuda no desenvolvimento da auto-estima.

Assinale a alternativa correta.


They won’t forgive you unless you __________.

f) apologizes
g) apologize
h) doesn’t apologize
i) don’t apologizes
j) apologizing

Dogs _______ very good companions, aren’t they.

f) are
g) is
h) aren’t
i) don’t be
j) isn’t

Nowadays, a secretary __________ at computer terminals.

f) to work
g) work
h) is work
i) works
j) working
Excuse me, ___________ in that house ?

f) do you live
g) are she live
h) doesn’t live
i) don’t live
j) you don’t lives

She _____________ chocolate. Why ___________ her something else ?

f) don’t like/do you offer


g) doesn’t likes/don’t you offer
h) doesn’t like/don’t you offers
i) doesn’t like/don’t you offer
j) aren’t like/do not you offer
Inglês 06
Simple past
Observem os seguintes exemplos de frases no passado.

Example:

We left yesterday morning and arrived last night.


(Nos partimos ontem de manhã e chegamos ontem à noite.)

Example:

She worked hard yesterday therefore she went to bed early.


(Ela trabalhou muito ontem, portanto foi para a cama cedo.)

Os verbos no passado se dividem em dois grandes grupos: regulares e


irregulares. Para se construir o passado, os verbos regulares recebem
a terminação “ed.” Já os irregulares possuem forma própria.

The Simple Past

I
You
He arrived last night. (Regular)
She
It went to bed late. (Irregular)
We
You
They

Também podemos ver que, diferente do presente, o passado é


constante com todos os pronomes e sujeitos. Ele não varia. Ao
utilizarmos “arrived”, ele não varia na terceira pessoa. O mesmo
acontece com o “go” ou melhor, “went” que é o passado.

Example:

The rescue team failed to find the pilot who disappeared


(A equipe de resgate não conseguiu achar o piloto que desapareceu.)
Example :

When he came home, he ate a huge dinner.


(Quando ele chegou em casa, comeu muito no jantar.)

No presente simples, temos dois auxiliares que são “DO e DOES”. No


passado, temos um só que é o “DID”. Usamos o “DID” da mesma
forma, ou seja, em perguntas, negações e para substituir o predicado.
Ao utilizarmos o “DID” os verbos voltam para a forma infinitiva,
mas o sentido da frase continua no passado.

Example:

We stayed in Toronto but we did not stay at a hotel.


(Ficamos em Toronto mas não ficamos em um hotel.)

Example:

She saw the horses but she did not see the other animals.
(Ela viu os cavalos, mas não viu os outros animais.)

Example:

They took a taxi but they didn’t take the bus.


(Eles pegaram um ônibus, mas não pegaram um táxi.)

Example :

What did you watch on TV last night ?


I watched a soccer match.

(O que você viu na TV ontem à noite ?)


(Assisti uma partida de futebol.)

Example :

Where did you find the information ?


I found it in a website.

(Onde você encontrou a informação ?)


(Encontrei-a num site da internet.)
Nos exemplos seguintes, observe o uso do auxiliar “DID” na
substituição do predicado para evitar-se a repetição de palavras.

Example:

Lucy ate fish for dinner but Carol didn’t.


(Lucy comeu peixe no jantar, mas Carol não)

Example :

Carol didn’t read the newspaper but Lucy did.


(Carol não leu o jornal, mas Lucy leu.)

Dialogo: Duas amigas conversam.


Lucy) What happened?
Mandy) I lost my ring.

Lucy) Was it valuable ?


Mandy) Well, It belonged to my great-grandmother.

Lucy) Where did you lose it ?


Mandy) I’m not sure. The ring was loose.

Lucy) When did you last have the ring ?


Mandy) This morning .

Outra pessoa entra na conversa por telefone.


Mandy) Hello!
Mary) Hello, I’m Mary Smith. Is this Mandy Stern?

Mandy) Yes !
Mary) I work at the hairdresser’s. Did you forget a ring here ?

Mandy) Yes ! How did you know it was my ring ?


Mary) I found it on the floor and asked around. Your friend, Susan,
remembered it on your finger.
Mandy) Great! And am I glad Susan has a good eye for jewelry!
Mary) Good. Don’t worry. Your ring is safe.

De acordo com o texto, escolha a melhor


alternativa:
1)
a) Lucy perdeu um anel.
b) Mandy perdeu um anel.
c) Mary perdeu um anel.
d) Lucy achou um anel.
e) Susan perdeu um anel.

2)
a) O anel pertencia à avó de Mandy.
b) O anel pertencia à avó de Lucy.
c) O anel pertencia à bisavó de Mandy.
d) O anel pertencia à bisavó de Lucy.
e) O anel pertencia à tataravó de Mandy.

3)
a) Mandy sabe exatamente onde perdeu o anel.
b) Lucy sabe extamente onde perdeu o anel.
c) Mary é amiga de Lucy.
d) O anel estava folgado.
e) Lucy é filha da Mandy.

4)
a) Lucy viu o anel pela última vez de manhã.
b) Mandy viu o anel pela última vez de manhã.
c) Lucy viu o anel pela última vez à noite.
d) Mandy viu o anel pela última vez à noite.
e) Mandy não se recorda da última vez que viu o anel.

5)
a) Mandy provavelmente é amiga da Mary.
b) Mary é provavelmente amiga da Lucy.
c) Lucy é provavelmente amiga da Susan.
d) Mandy e Susan não se conhecem.
e) Mandy e Susan são amigas.
6)
a) Susan viu o anel no dedo da Mandy.
b) Lucy viu o anel no dedo da Mandy.
c) Susan viu o anel no dedo da Mary.
d) Mary viu o anel no dedo da Susan.
e) Mary viu o anel no dedo da Lucy.

Simple Past X Past Continuous


É possível associarmos o Simple Past ao Past Contínuous. Ao fazer isso,
vamos obter um efeito interessante.

Past continuous + Simple past

He was driving when the accident occurred.


(Ele estava dirigindo quando o acidente ocorreu.)

O Past Continuous nos dá a noção de uma ação que estava


acontecendo enquanto outra, no Simple Past, a interrompeu.
Quando usamos duas frases no Simple Past, a idéia é que uma ação
ocorreu depois da outra. E ainda, quando usamos as duas no Past
Continuous, temos a idéia que as ações estavam ocorrendo
simultaneamente. Observe o contraste dos seguintes exemplos:

Example :

When she came home, he was reading a paper.


(Quando ela chegou em casa, ele estava lendo o jornal.)
– A chegada dela interrompeu a leitura dele.

Example :

When she came home, he read a paper.


(Quando ela chegou em casa, ele leu o jornal.)
– Ele começou a ler o jornal assim que ela chegou.

Example :

While she was coming home, he was reading the newspaper.


(Enquanto ela estava voltando para casa, ela estava lendo o jornal.)
- As duas ações estavam ocorrendo ao mesmo tempo.
Texto : Marie e Pierre Currie.
Maria Sklodowska left Poland and moved to Paris when she was 24.

While she was studying at the Sorbonne, she met physicist Pierre Currie.

She was going to return to her country after her studies, but the two

scientists fell in love and got married. While they were raising their two

daughters, they were also doing research on radioactivity. In 1903, the

Curries won the Nobel Prize in physics for their discoveries.

De acordo com o texto, escolha a melhor


alternativa:
1)
a) Marie mudou-se para Paris para ensinar na Sorbonne.
b) Maria mudou-se para Paris para casar-se com Pierre.
c) Maria era natural da Polônia.
d) Maria era natural de Paris.
e) Maria conheceu Pierre na Polônia.

2)
a) Marie desistiu de voltar a Polônia para estudar mais.
b) Marie mudou seu nome.
c) Pierre mudou-se para Polônia .
d) Pierre não quis sair de Paris.
e) Marie e Pierre tiveram dois filhos.

3)
a) Marie e Pierre ganharam o Prêmio Nobel de física.
b) Marie e Pierre continuaram suas pesquisas na Polônia.
c) Marie e Pierre não tiveram filhos.
d) Pierre já havia ganhado outros prêmios.
e) Marie já havia ganhado outros prêmios.
Respostas
De acordo com o texto, escolha a melhor
alternativa:
1)
f) Lucy perdeu um anel.
g) Mandy perdeu um anel.
h) Mary perdeu um anel.
i) Lucy achou um anel.
j) Susan perdeu um anel.

2)
f) O anel pertencia à avó de Mandy.
g) O anel pertencia à avó de Lucy.
h) O anel pertencia à bisavó de Mandy.
i) O anel pertencia à bisavó de Lucy.
j) O anel pertencia à tataravó de Mandy.

3)
f) Mandy sabe exatamente onde perdeu o anel.
g) Lucy sabe extamente onde perdeu o anel.
h) Mary é amiga de Lucy.
i) O anel estava folgado.
j) Lucy é filha da Mandy.

4)
f) Lucy viu o anel pela última vez de manhã.
g) Mandy viu o anel pela última vez de manhã.
h) Lucy viu o anel pela última vez à noite.
i) Mandy viu o anel pela última vez à noite.
j) Mandy não se recorda da última vez que viu o anel.

5)
f) Mandy provavelmente é amiga da Mary.
g) Mary é provavelmente amiga da Lucy.
h) Lucy é provavelmente amiga da Susan.
i) Mandy e Susan não se conhecem.
j) Mandy e Susan são amigas.
6)
f) Susan viu o anel no dedo da Mandy.
g) Lucy viu o anel no dedo da Mandy.
h) Susan viu o anel no dedo da Mary.
i) Mary viu o anel no dedo da Susan.
j) Mary viu o anel no dedo da Lucy.

De acordo com o texto, escolha a melhor


alternativa:
1)
f) Marie mudou-se para Paris para ensinar na Sorbonne.
g) Marie mudou-se para Paris para casar-se com Pierre.
h) Marie era natural da Polônia.
i) Marie era natural de Paris.
j) Marie conheceu Pierre na Polônia.

2)
f) Marie desistiu de voltar a Polônia para estudar mais.
g) Marie mudou seu nome.
h) Pierre mudou-se para Polônia .
i) Pierre não quis sair de Paris.
j) Marie e Pierre tiveram dois filhos.

3)
f) Marie e Pierre ganharam o Prêmio Nobel de física.
g) Marie e Pierre continuaram suas pesquisas na Polônia.
h) Marie e Pierre não tiveram filhos.
i) Pierre já havia ganhado outros prêmios.
j) Marie já havia ganhado outros prêmios.
Inglês 07
Leitura.

Leia o seguinte texto e preste atenção nas palavra em destaque.

A PLAN FOR GLOBAL SECURITY.

Two factors made the attack of September 11 possible:

globalization and human nature. Neither is likely to change much.

As long as we live in an open, accessible, interconnected world as

long as there are evil men and women, we will face the specter of

international terrorism. Even if Al Qaeda is destroyed, even if

other terrorist groups are disrupted, even if some of their state

sponsors are punished, we will live with the knowledge that it can

happen again - and again. Free trade, the technological revolution,

the Information Superhighway, all these wondrous aspects of the

open world economy make it easier than ever before to penetrate

and disrupt it. As we have painfully discovered, one explosion

strategically placed can cause massive harm.

Newsweek. Dez. 2001 - Fev. 2002

As palavras em destaque são chamadas “termos cognatos”. A origem destas


palavras está na língua latina, portanto se assemelham muito com o
português não somente na forma como no significado. É fácil entender que
“human” significa “humanos” e que “attack” significa “ataque” e assim por
diante. Assim os cognatos são palavras valiosas e formam o primeiro caminho
das pedras no processo de leitura de um texto em Inglês.
Leia agora o texto mais uma vez e observe os novos termos destacados.

A PLAN FOR GLOBAL SECURITY.

Two factors made the attack of September 11 possible:

globalization and human nature. Neither is likely to change much.

As long as we live in an open, accessible, interconnected world as

long as there are evil men and women, we will face the specter of

international terrorism. Even if Al Qaeda is destroyed, even if other


terrorists group are disrupted, even if some of their state sponsors

are punished, we will live with the knowledge that it can happen

again - and again. Free trade, the technological revolution, the

Information Superhighway, all these wondrous aspects of the open

world economy make it easier than ever before to penetrate and

disrupt it. As we have painfully discovered, one explosion

strategically placed can cause massive harm.

Newsweek. Dez. 2001 - Fev. 2002

As palavras acima são muito freqüentes na língua inglesa. Se você ainda não
as memorizou, com certeza vai memorizar porque elas são usadas
constantemente e também servem como guia no processo de leitura. Palavras
como, “one”, “have”, “can”, “that” e outras, surgem nos texto a todo
momento.
Considerando então os termos cognatos e os temos familiares, já teremos
podemos então olhar o texto com uma outra visão. Ele já não é mais um
amontoado desconhecido de palavras. Já podemos tirar algum significado
dele. É também importante começarmos a pensar de uma maneira diferente
sobre os textos, ou seja, não vamos ficar tão presos ao significado daquilo
que não entendemos e vamos nos concentrar naquilo que reconhecemos.
Veja o texto agora mais uma vez e concentre-se nestas novas partes
destacadas.

A PLAN FOR GLOBAL SECURITY.

Two factors made the attack of September 11 possible:

globalization and human nature. Neither is likely to change much.

As long as we live in an open, accessible, interconnected world as

long as there are evil men and women, we will face the specter

of international terrorism. Even if Al Qaeda is destroyed, even if

other terrorist groups are disrupted, even if some of their state

sponsors are punished, we will live with the knowledge that it can

happen again - and again. Free trade, the technological revolution,

the Information Superhighway, all these wondrous aspects of the

open world economy make it easier than ever before to penetrate


and disrupt it. As we have painfully discovered, one explosion

strategically placed can cause massive harm.

Newsweek. Dez. 2001 - Fev. 2002

Agora destacamos construções que são muito freqüentes nos textos em


inglês. Frases como “there are evil men and women” nos mostram
construções que podem ser vistas mesmos quando estamos estudando Inglês
em um chamado “nível básico” no caso do exemplo dado, podemos ver o uso
de “there are”.

Vejam o texto mais uma vez.

A PLAN FOR GLOBAL SECURITY.

Two factors made the attack of September 11 possible:

globalization and human nature. Neither is likely to change much. As

long as we live in an open, accessible, interconnected world as

long as there are evil men and women, we will face the specter of

international terrorism. Even if Al Qaeda is destroyed, even if other

terrorist groups are disrupted, even if some of their state

sponsors are punished, we will live with the knowledge that it can

happen again - and again. Free trade, the technological revolution,

the Information Superhighway, all these wondrous aspects of the

open world economy make it easier than ever before to penetrate

and disrupt it. As we have painfully discovered, one explosion

strategically placed can cause massive harm.

Newsweek. Dez. 2001 - Fev. 2002

Aqui finalmente destacamos algumas palavras que são dicas importantes


sobre o que o texto fala. O terrorismo, o atentado de 11 de setembro, Al
Qaeda e outras palavras, nos dão a dica que o texto trata de um determinado
assunto que é observável mesmo quando não se conhece o texto todo.
Agora é com você! Continue estudando, faça esta “investigação” nos textos.
Descubra sobre o que eles falam e como falam. E, é claro, olhe as partes sem
esquecer do todo.
Inglês 8
Pronomes Interrogativos.
Estes pronomes são freqüentemente usados para formação de
perguntas e também podem ser usados na conexão de sentenças.
Vejame aprendam a série de exemplos selecionados.

What (o que)

What makes you think like that ?


(O que faz você pensar assim?)

What did you see yesterday ?


(O que você viu ontem?)

I don’t know what to do.


(Não sei o que fazer.)

What about (que tal) – Depois deste, o verbo recebe ING.

What about having some coffee?


(Que tal tomar um café?)

Who (quem)

Who are you ?


(Quem é você?)

I don’t know who she is.


(Não sei quem ela é.)

Ao ligarmos sentenças, podemos usar o who ou whom para pessoas,


which para coisas e animais ou that para os dois. Neste caso, estas
palavras funcionam como pronomes relativos. Os pronomes relativos
podem ser omitidos mas seu sentido fica implícito na frase.
Whom (quem – objeto)

Whom were you talking to ?


(Com quem você estava falando?)

I don’t remember whom/who she was talking to.


(Não me lembro com quem ela estava falando.)

The man (whom / that/ who) I was talking to is my boss. ou


The man I was talking to is my boss.
(O homem com quem eu estava falando é meu patrão.)

Which (qual)

Which movie do you want to see, Star wars or Independence day ?


(Qual filme você que ver, Guerra nas Estrelas ou Dia da Independência?)

The book (which/that) I am reading is very good. ou


The book I am reading is very good.
(O livro que estou lendo é muito bom.)

Why (por que)

Why are you so nervous ?


(Por que voce está tão nervoso?)

I don’t understand why you are so nervous .


(Não entendo por que você está tão nervoso.)

When & where costumam ser confundidos. Veja e aprenda a diferença.

When (quando)

When were you born ?


(Quando você nasceu?)

I don’t remember when she was born .


(Não me lembro quando ela nasceu.)
Where (onde)

Where is your sister ?


(Onde está sua irmã?)

I don’t know where my sister is.


(Não sei onde minha irmã está.)

São Paulo is the city where I was born in 1970.


(São Paulo é a cidade onde nasci em 1970.)

Whose (de quem, cujo(a) )

Whose car is this ?


(De que é este carro ?)

Can you tell me whose car this is ?


(Você pode me dizer de quem é este carro?)

The teacher met the students whose grades are very low.
(O professor se reuniu com os alunos cujas notas estavam muito baixas.)

O pronome how é especial. Ele pode aparecer sozinho:

How (como)

How did you do this ?


(Como você fez isso ?)

I don’t understand how you did this .


(Não entendo como você fez isso .)

Ou pode ser combinado com adjetivos, formando assim uma espécie de


quantitativo, ou sejas, uma pergunta referente à quantidade relacionada
ao sentido daquele adjetivo usado.
Vejam como isso ocorre nos exemplos seguintes :
How + Adjetivos.

How old are you ?


(Quantos anos você tem?)

How far is Rio from São Paulo ?


(Qual a distância entre o Rio e São Paulo?)

How deep is the Pacific ?


(Qual a profundidade do Pacífico?)

How long is this street ?


(Qual o comprimento desta rua?)

How long does it take to go to Europe ?


(Quando tempo leva para se ir a Europa?)

How wide is this room ?


(Qual a largura desta sala?)

How much did you pay for the car ?


(Quanto você pagou pelo carro?)

How many people are coming ?


(Quantas pessoas virão?)

How high is that building ?


(Qual a altura daquele prédio?)

How often do you travel ?


(Com que freqüência você viaja?)

Assinale a alternativa correta.


1) You look as if you’ve had a bad day. _______ happened ?

a) What d) How long


b) How e) Whom
c) Where
2) _________ going to a movie tomorrow ?

a) How long d) When


b) What about c) How large
c) Where

3) _________ for this wallet ?

a) How many did you pay


b) How long did you pay
c) How far did you pay
d) How much did you pay
e) How wide did you pay

4) Is there a reason _______ you must work on Sundays?

a) when d) who
b) whom e) what
c) why

5) The car ________ you bought, belonged to my brother.

a) which d) whose
b) whom e) who’s
c) who

6) Do you remember the moment _______ we met ?

a) when d) whose
b) where e) who
c) why

7) Queen Elizabeth I was a woman ________ life was very


interesting.

a) whom d) why
b) who e) whose
c) why

8) Do you know ________ it takes to travel to Argentina by car ?

a) how long d) how old


b) how high e) how far
c) how many
Respostas
Assinale a alternativa correta.
9) You look as if you’ve had a bad day. _______ happened ?

a) What d) How long


b) How e) Whom
c) Where

10) _________ going to a movie tomorrow ?

a) How long d) When


b) What about c) How large
c) Where

11) _________ for this wallet ?

a) How many did you pay


b) How long did you pay
c) How far did you pay
d) How much did you pay
e) How wide did you pay

12) Is there a reason _______ you must work on Sundays?

a) when d) who
b) whom e) what
c) why

13) The car ________ you bought, belonged to my brother.

a) which d) whose
b) whom e) who’s
c) who

14) Do you remember the moment _______ we met ?

a) when d) whose
b) where e) who
c) why
15) Queen Elizabeth I was a woman ________ life was very
interesting.

a) whom d) why
b) who e) whose
c) why

16) Do you know ______ it takes to travel to Argentina by car ?

a) how long d) how old


b) how high e) how far
c) how many
Inglês 09
Preposições.
As preposições são palavras importantes na língua Inglesa. Elas nos
ajudam a entender o texto e nos dão noções de modo, tempo e lugar.
É possível memorizar algumas delas e com isso melhorar o nosso
vocabulário.

A primeira é “IN” :

IN (dentro de um lugar fechado)

The children are playing in the room


(As crianças estão brincando na sala.)

IN (antes de uma expressão de tempo vago)

He will be here in a few minutes


(Ele vai estar aqui em alguns minutos.)

IN (antes de meses e anos)

I met her in May. It was in 1999.


(Eu a conheci em Maio. Foi em 1999.)

IN (antes de cidade e paises )

Mandy lives in Montreal, a City in Canada.


Mandy mora em Montreal, uma cidade no Canadá.)

A seguinte é “ON”:

ON (sobre alguma superfície)

The book is on the table.


(O livro está sobre a mesa.)
ON (antes de datas específicas e dias da semana)

His birthday is on Monday.


He was born on March 21, 1970.
(O aniversário dele é na segunda feira.)
(Ele nasceu no dia 21 de Março de 1970)

ON (localização às margens de um rio)

Budapest is on the Danube.


(Budapeste fica às margens do Danúbio.)

ON (viajando como passageiro)

He is on a plane to London.
(Ele está num avião para Londres.)

ON (algo ligado)

You forgot the light on.


(Você esqueceu a luz ligada.)

A próxima é “AT”:

AT (na frente de horas)

I’ll see you tomorrow at 5:00 PM.


(Vejo você amanhã as cinco da tarde.)

AT (em um endereço exato)

They live at 143, Johnson St.


(Eles moram na rua Johnson, nº 143.)

AT (sentado na frente de …)

They are sitting at the table.


(Eles estão sentados à mesa.)
AT (para o sinal @ em endereços eletrônicos)

John.smith@provider.com
(John ponto Smith, arroba provedor, ponto com)
(Em Inglês: John dot Smith, at provider, dot com)

Vejamos agora o “BY”:

BY (indicando autoria)

The telephone was invented by Graham Bell.


(O telefone foi inventado por Graham Bell.)

BY (indicando um meio de transporte)

We traveled to Argentina by bus.


(Nos viajamos para a Argentina de ônibus.)

BY (num tempo impreciso)

They will be back by August.


Eles estarão de volta mais ou menos em Agosto.)

A próxima é “FROM”:

FROM (indicando a origem)

He comes from Brazil.


(Ele vem do Brazil.)

FROM (indicando o início a partir de um ponto no tempo)

We have classes from 7:00 am on.


(Nos temos aulas das sete da manhã em diante.)

FROM (indicando um ponto de partida)

Read the book from page 11 to page 33.


(Leia o livro da página 11 até a 33)
Temos também o “FOR”:

FOR (indicando duração de tempo)

I haven’t seen my friends for a long time.


(Não vejo meus amigos há muito tempo.)

FOR (no lugar de …, ou por alguém )

Could you do it for me, please ?


(Você poderia fazer isso por mim, por favor ?)

FOR (com a finalidade de)

We went to the supermarket for some milk.


(Fomos ao supermercado para comprar leite.)

Vejamos o “OF”

OF (um ponto de algo)

At the end of a rainbow, there’s a pot of gold.


(No fim de um arco-íris, há um pote de ouro)

OF (antes de pronomes possessivos)

Flavio and Osvaldo are old friends of mine.


(Flávio e Osvaldo são amigos meus.)

“OFF” com dois Fs, é um pouco diferente.

OFF (desligado)

The radio is off.


(O radio está desligado.)

OFF (numa idéia de desconexão o desligamento de algo)

She fell off a horse.


(Ela caiu do cavalo)
Temos também o famoso “TO”:

TO (indicando direção)

He is going to Italy next week.


(Ele vai para a Itália na semana que vem.)

TO (um instrumento com uma finalidade específica)

This is the key to the door.


(Esta é a chave da porta.)

Veja também o “UP”, “DOWN”, “BEHIND”, “OUT” e “THROUGH”:

UP (para cima)

Go up this street and turn right.


(Suba esta rua e vire à direita.)

DOWN (para baixo)

The cars are going down the road.


(Os carros estão descendo a rua.)

BEHIND (atrás)

My room is behind that door.


(Minha sala fica atrás daquela porta.)

OUT (para for a ou “sem” quando usado junto de “OF”)

I’m not going out tonight because I am out of money.


(Não vou sair por hoje à noite porque estou sem dinheiro.)

THROUGH ou THRU (através)

Don’t walk through that door.


(Não passe por aquela porta.)
E além da utilização das preposições de um modo mais ou menos
independente, temos ainda que observar as ocasiões em que elas são
partes integrantes dos verbos, ex.:

Look at – olhar
Wait for – esperar
Listen to – escutar

E ainda há casos em que as proposições podem mudar o sentido do


verbo :

Get – conseguir, pegar


Get up - levantar
Get to – chegar
Get along – combinar, ter um bom relacionamento.

E não podemos esquecer os casos em que a proposição faz pouca


diferença:

Climb – escalar
Climb up – subir
Save – economizar
Save up – economizar.

Nestes casos, as diferenças são mais relevantes na própria língua


inglesa e podem passar mais desapercebidas ao lermos em português.

Veja no texto seguinte a o uso de algumas preposições que


acompanham os verbos e os substantivos.

WIND AND WATER.


Ho Da-ming could not figure out why his restaurant was failing. He had

set it up on a busy street. His chef was famous. He had laid out a

fortune for interior design. But customers rarely came back. Why ? Mr.

Ho called in a feng shui consultant to find out. Feng shui (meaning

“wind and water”) is the ancient Chinese art of placing things in the
environment. According to it, the arrangements of furniture, door and

windows affect our health, wealth and happiness.

The consultant said the restaurant entrance was letting prosperity out.

The owner tore it down and put up a new one. His action paid off.

Business picked up and Mr. Ho became rich.

De Acordo com o texto:


a) Mr. Ho não acredita em Feng Shui.
b) O consultor disse que estava tudo bem.
c) Mr. Ho reconstruiu a entrada do restaurante.
d) O restaurante do Mr. Ho fica na China.
e) O consultor é chinês.

Qual seria a melhor tradução para os seguintes


verbos de acordo com o texto ?
figure out

set up

come back

find out

let out

tear down

put up

pay off.

pick up
Respostas

De Acordo com o texto:


f) Mr. Ho não acredita em Feng Shui.
g) O consultor disse que estava tudo bem.
h) Mr. Ho reconstruiu a entrada do restaurante.
i) O restaurante do Mr. Ho fica na China.
j) O consultor é chinês.

Qual seria a melhor tradução para os seguintes verbos de acordo com o


texto ?

figure out - entender

set up - estabelecer

come back - voltar

find out descobrir

let out deixar escapar

tear down - demolir

put up - construir

pay off valer a pena

pick up - dar certo, progredir


Inglês 10
Many or Much
“Many” quer dizer muitos ou muitas e pode ser usado na frente de
palavras no plural, ou os chamados substantivos contáveis.
“Much” quer dizer muito ou muita e pode ser usados na frente de
palavras no singular, ou os chamados substantivos incontáveis.
Existem variações portanto, estude os exemplos a seguir e aprenda os
casos.

MANY
Bill knows many people at work.
(Bill conhece muitas pessoas no trabalho.)

MUCH
I haven’t got much time to study
(Não tenho muito tempo para estudar)

A LOT OF
I have a lot of bad habits and I drink too much coffee.
(Tenho muitos hábitos ruins e tomo muito café.)

(A)FEW
Have you got a few dollars ?
Few, not many.
(Você tem alguns dólares ?)
(Poucos não muitos)

(A)LITTLE
Have you got a little money ?
Little, not much.
(Você tem um pouco de dinheiro ?)
(Pouco, não muito.)

HOW MANY
How many questions have you got ?
(Quantas questões você tem ?)

HOW MUCH
How much water do you drink a day ?
(Quanta água você toma num dia ?)
TOO MANY
I feel sick. I ate too many eggs.
(Sinto-me mal. Comi muitos ovos.)

TOO MUCH
You’ve bought too much milk.
(Você comprou leite demais.)
TOO LITTLE
I am hungry. I ate too little food.
(Estou com fome. Comi muito pouco.)

TOO FEW
I am tired. I’ve had too few days on vacation.
(Estou cansado. Tive muitos poucos dias em férias.)

TEXTO :

Too much !

I enjoy reading the paper almost everyday but there are too many

sections. These days a lot of information is cheap and easy to get. We

have radios, TV’s, computers and Internet. And let’s no forget

newspapers and magazines. Information is wonderful but too much

information causes trouble. People don’t have much time to think things

through. A lot of people get too much mail, too many faxes, too

many phone calls, and too many news reports. We need to stop a

little and think for a few moments. We need less information, not

more.

De Acordo com o texto:


a) Precisamos de cada vez mais informações.
b) Temos informações demais.
c) Não podemos parar para pensar.
d) O autor não gosta de jornais.
e) Informação é algo caro de se conseguir.
Resposta.
De Acordo com o texto:
f) Precisamos de cada vez mais informações.
g) Temos informações demais.
h) Não podemos parar para pensar.
i) O autor não gosta de jornais.
j) Informação é algo caro de se conseguir.
Inglês 11
The Present Perfect.
O “Present Perfect” é um tempo verbal em inglês que mostra uma ação
que ocorreu no passado, mas os efeitos estão no presente.

Example:
My grandfather has recovered from his illness.
(Meu avô se recuperou de sua doença.)

Example:
Mary and her sister have started a new job.
(Mary e sua irmã começaram um novo emprego.)

A construção deste tempo é feita com o verbo “have” como auxiliar e o


particípio, a terceira coluna, dos verbos. Quando o verbo for
regular, como nos exemplos acima, o passado e o particípio serão
formados da mesma maneira, ou seja, com ED no final. Caso ele seja
irregular, o particípio terá forma própria, portanto é necessário
consultar uma tabelinha de verbos e memorizar as formas mais
utilizadas.

I He
You HAVE She HAS + Particípio.
We It
They

Veja como o é o verbo TO BE neste tempo.

Example:
Students haven’t been much absent lately.
(Os alunos não têm estado muito ausentes ultimamente.)

Example:
I have already been to London.
(Eu já estive em Londres.)

Example:
She hasn’t been to London yet.
(Ela não esteve em Londres ainda.)
Example:
They have studied hard since yesterday.
(Eles estão estudando muito desde ontem.)

Example:
She has lived in the same house for years.
(Ela mora na mesma casa há anos.)

Example:
I have never tried frogs.
(Eu nunca experimentei rãs.)

Example:
Have you ever visited India ?
(Você já visitou a Índia?)

Example:
Has he ever fought in a war ?
(Ele já lutou numa guerra?)

Vocês devem ter percebido que a tradução depende muito do


sentido frase. Este tempo é assim, circula entre o presente e o
passado.
Vejam aqui, alguns exemplos de verbos regulares e irregulares.

Regular verbs.

Visit Visited Visited


Enjoy Enjoyed Enjoyed

Irregular Verbs

Go Went Gone
Cost Cost Cost

E vejam agora, mais alguns exemplos. Observem também como as


traduções podem variar entre o presente e o passado dependendo da
frase. Aprendam também algumas expressões idiomáticas.

Example:
He’s had good grades because he’s an apple polisher
(Ele tirou boas notas porque é um puxa-saco.)
Example:
Example:
I have expected a decision for donkey’s years.
(Espero uma decisão há um tempão.)

Example:
They have earmarked this new building for students activities.
(Eles reservaram este prédio novo para atividades dos alunos.)

Observem que esse tempo verbal é bem comum em textos, como


destacado na seguinte história.

Life in the 90’s

There is a group of women in Britain who are happy, fit, carefree, sleep

well and seldom see their doctors. Who are these wonder-girls ? Are

they young, keep-fit, health-food fanatics. Hardly – they are all over 90!

A survey of nonagenarians found four out of five are women. Half

haven’t been to hospitals for five years and two in three have not

had regular contact with their GP’s. What does it take to live this long ?

According to survey, be middle class, don’t smoke, avoid drinking,

exercise daily and, surprise, eat meat and dairy products like butter.

Keyword

De acordo com o texto :


a) Há mais homens que mulheres acima dos 90 anos.
b) Há mais mulheres que homens acima dos 90 anos.
c) Os idosos não gostam de ir ao médico.
d) Os idosos dessa idade evitam o consumo de carne e laticínios.
e) A classe média não fuma e evita bebida alcoólica.

Vejam mais um texto em que ocorre o Present Perfect.


My name is Jason and I have written this web page to introduce

myself. I’ve always been a work-hard, play-hard kind of guy. I grew

up in Idaho and my family did a lot of adventure sports like rock

climbing and white-water rafting. Lately, people have named these

activities “extreme sports”, but to me they’ve always seemed just lie

normal fun and I love skydiving.

Since I got married last year, my wife has practiced skydiving with

me. She has learned very fast and hasn’t had any fear.

Focus on Grammar

Um texto como este é muito mais


provavelmente encontrado:
a) Numa revista.
b) Num jornal.
c) Num manual
d) Na internet.
e) Numa revista em quadrinhos.

De acordo com o texto, o autor:


a) Encara esportes extremos como algo difícil de fazer.
b) Acha esportes extremos algo normal.
c) Escreveu este artigo para falar de pára-quedismo.
d) Acha que sua esposa é medrosa.
e) Nasceu em Idaho.
Respostas
De acordo com o texto :
f) Há mais homens que mulheres acima dos 90 anos.
g) Há mais mulheres que homens acima dos 90 anos.
h) Os idosos não gostam de ir ao médico.
i) Os idosos dessa idade evitam o consumo de carne e laticínios.
j) A classe média não fuma e evita bebida alcoólica.

Um texto como este é muito mais


provavelmente encontrado:
f) Numa revista.
g) Num jornal.
h) Num manual
i) Na internet.
j) Numa revista em quadrinhos.

De acordo com o texto, o autor:


f) Encara esportes extremos como algo difícil de fazer.
g) Acha esportes extremos algo normal.
h) Escreveu este artigo para falar de pára-quedismo.
i) Acha que sua esposa é medrosa.
j) Nasceu em Idaho.
Inglês 12
Present perfect continuous
Este tempo é ligeiramente diferente do Present Perfect. Nele, notamos a
presença do TO BE na forma BEEN, ou seja, no particípio.
Conseqüentemente, nota-se também a presença do outro verbo com
ING no final.

Example:
She has read the book.
(Ela leu o livro)

A frase acima demonstra que ação de ler o livro já terminou.

Example :
She has been reading a book.
(Ela está lendo, ou tem estado lendo, um livro)

Já neste ultimo exemplo, vemos que a ação começou no passado, mas


ainda não terminou. A ação ainda está em conclusão.

O Present Perfect Continuous é montado da seguinte forma:

I, you, we, they + have been Verb + ing


He, she, it + has

Vejam agora alguns exemplos comparando os dois tempos:

Examples:
She has worked as a secretary since 1998.
(Ela trabalha como secretária desde 1998.)
(Descrevemos uma ação que começou no passado e dura até agora.)

She has been working as a secretary since 1998.


(Ela trabalha como secretária desde 1998.)
(Descrevemos uma ação que começou no passado, dura até agora e
poderá continuar no futuro.)
Fica agora um pouco mais difícil de vermos a diferença através da
tradução. Vimos a tradução dos dois casos pode até ser a mesma,
mas o efeito de sentido das duas frases é um pouco diferente
conforme mostrado nas explicações.

Examples:
He has lost weight.
(Ele perdeu peso.)
(A ação aparentemente já terminou.)

He has been losing weight.


(Ele está perdendo peso,)
(A ação começou no passado e ainda não terminou. Ele, o sujeito, ainda
está perdendo peso)

Há também uma outra diferença nestes dois últimos exemplos. No


primeiro, enfatizamos o resultado, “ele perdeu peso”, no segundo,
enfatizamos o processo, “ele está perdendo peso”. No primeiro caso,
a ênfase está no fato de lê ter perdido peso. No segundo, a ênfase
está no processo de perda de peso.

Example:
Mary has been taking photos ever since her parents bought her a
camera when she was only ten.
(Mary tira fotos desde que seus pais lhe compraram uma câmera
quando ela tinha apenas dez anos de idade.)

No exemplo acima, apesar da tradução no presente, procure visualizar


que a Mary, o sujeito, tirou, tira e vai continuar tirando fotos.

Example:
Lately she has been shooting a lot of nature photographs. This year
she has competed in three amateur photography contests.
(Ultimamente, ela tem tirado muitas fotos sobre a natureza. Neste ano,
ela participou de três concursos amadores de fotografia.)

Observem no exemplo acima o seguinte: ela ainda está tirando fotos da


natureza, ainda não concluiu esta atividade, mas já participou de três
concursos, e isso já foi concluído.
Example :
Kate found a beautiful old stamp last month. It is now part of the
collection she has been working on for the past two years.
(Kate achou um lindo selo antigo no mês passado. Agora, ele é parte da
coleção que ela esta fazendo há dois anos)

Notem que ela “achou” o selo no “mês passado”, portanto, esta frase
fica no passado mesmo. Já a outra, mostra que a coleção foi iniciada
mas ainda não foi concluída.

Vamos abrir espaço nesta aula para vermos os possessivos

Adjetivos Pronomes
Possessivos Possessivos

My mine (meu(s), minha(s))


Your yours (seu(s), sua(s))
His his (dele)
Her hers (dela)
Its its (dele, dela)
Our ours (nosso(s), nossa(s))
Your yours (seu(s), sua(s))
Their theirs (deles, delas)

A tradução das duas listas fica mais ou menos a mesma. Porém os dois
grupos tem uso diferente. Aquele grupo chamado de Adjetivos será
sempre seguido por um substantivo. O outro grupo, chamado de
Pronome, não será seguido por substantivo algum.

Examples:
Mary and John are very proud of their children.
(Mary e John têm muito orgulho de seus filhos.)

Lucy and Andrew are very proud of theirs.


(Lucy e Andrew têm muito orgulho dos seus.)

Notaram como não foi necessário o uso do substantivo, filhos, na


segunda oração ?
Examples:
This is my turn.
(Esta é a minha vez.)

This turn is mine.


(Esta vez é minha.)

Nesse exemplo, vemos que o substantivos, vez, aparece depois do


Adjetivo Possessivo na primeira frase, mas na segunda ele, o
substantivo, mudou de lugar.

Example:
Tony took his equipment and Mandy took hers.
(Tony levou seu equipamento e Mandy levou o dela.)

O “equipamento” dela ficou subentendido.

Example:
Rudney and Lana are old friends of ours.
(Rudney e Lana são velhos amigos nossos.)

Essa é uma construção mais comum em Inglês do que “our old friends”.

Example:
Whose computer is that ?
It’s yours.
(De quem é esse computador ?)
(É seu.)

O substantivo, computador, fica subentendido.

Veja agora mais uma expressão idiomática:

Example:
Please, keep this fact under your hat.
(Por favor, mantenha este fato em segredo.)

Manter um fato “em baixo do chapéu” significa mantê-lo em segredo.


Good News ! Kids are getting vaccinated in record numbers.

Here’s some news that will give you a shot in the arm: childhood

vaccination rates in the USA have recently reached record levels.

More children than ever under age 02 have received the recommendable

doses of some of the vaccines doctors say are most critical, according to

the most recent figures from the Centers for Disease Control. A healthy

77,5 percent have received shots for diphtheria, polio and measles.

The Entertaining Magazine

De acordo com o texto,


a) Mais crianças americanas que nunca estão sendo vacinadas.
b) Cada criança americana com menos de 02 anos esta sendo
vacinada.
c) Todas as crianças americanas estão recebendo as doses
recomendadas.
d) Cerca de 77,5% das crianças estão com difteria.
e) Os médicos dizem que a situação é crítica nos EUA.
Resposta

De acordo com o texto,


f) Mais crianças americanas que nunca estão sendo vacinadas.
g) Cada criança americana com menos de 02 anos esta sendo
vacinada.
h) Todas as crianças americanas estão recebendo as doses
recomendadas.
i) Cerca de 77,5% das crianças estão com difteria.
j) Os médicos dizem que a situação é crítica nos EUA.
Inglês 13
Future
Há muitas maneiras de se expressar o futuro em Inglês. Vejamos as
principais.

Diálogo (Mãe e filho – ele está com fome)

F) I’m starving. When dinner will be ready ?


(Estou morto de fome. Quando o jantar ficara pronto ?)

M) It won’t be ready for half an hour.


(Só daqui há meia hora.)

F) I guess I’ll have a candy bar.


(Acho que vou comer um doce.)

M) Don’t ! It’ll spoil your appetite.


(Não faça isso ! Vai estragar o seu apetite.)

F) No, it won’t. Nothing spoils my appetite. Remember. I’m a growing


boy.
(Não, não vai. Nada estraga meu apetite. Lembre-se. Sou um menino
em crescimento.)

Nesse diálogo, verificamos o uso do futuro com WILL. Esta palavra é


colocada na frente do verbo levando-o para o futuro. A forma negativa é
WON’T. É simples, não é. Observe a tabela abaixo.

Future Contracted forms

I I’ll
You You’ll
He He’ll Negative
She will + verb She’ll Won’t
It It’ll
We We’ll
You You’ll
They They’ll
Há também uma outra forma de expressa o futuro. Observe os
exemplos seguintes.

Diálogo (casal num restaurante - ela preocupa-


se com o peso)
H) The chicken looks good. Are you going to order it ?
(O frango parece bom. Você vai pedir ?)

M) No, just a salad.


(Não, só uma salada.)

H) What are you going to drink ? Coffee?


(O que você vai beber? Café?)

M) No, I had three cups this morning. I am going to have a glass of


lemonade.
(Não, eu tomei três xícaras hoje de manhã. Vou tomar um copo de
limonada.)

H) How about dessert ?


(E a sobremesa?)

M) I ate a big breakfast. I’m not going to eat dessert. And you ?
(Comi muito no café da manhã. Não vou comer sobremesa. E você?)

H) I am going to have a lasagna.


(Vou comer uma lasanha.)

M) That’s not fair !!!


(Isso não é justo?)

Essa é uma outra forma muito conhecida de se formar o futuro em


Inglês. É o GOING TO. Observe a tabela.

Future
I am
You are
He is
She is going to + verb
It is
We are
You are
They are
Como você pode ver, essa é uma construção que envolve verbo to be.
Portanto, não há nada de novo para nós.
Vamos agora tentar enxergar a diferença entre estas duas formas de
futuro.

Dialogo (dois amigos discutem o que vão fazer


nas férias)

1) What are you going to do on your next vacation ?


(O que você vai fazer nas próximas férias?)

2) I think I’ll go to the beach. And you ?


(Acho que vou para a praia. E você.)

1) I am going to a ski resort. You know I love ski.


(Vou para uma estação de esqui. Você sabe que eu adoro esqui.)

Um dos amigos não tem certeza do que vai fazer nas férias e usa a
forma will do futuro para expressar suas intenções. O outro tem
certeza do que pretende e portanto usa a forma going to.

Diálogo (dois amigos, o segundo fica surpreso


com a informação)

a) I saw your car. You have a flat tire.


(Vi seu carro. Seu pneu está furado.)

b) Really. I’ll change it


(É mesmo? Vou troca-lo)

No caso de surpresa, ou de uma decisão imediata, a forma preferida


também é will.
Diálogo (dois amigos, o Segundo não fica
surpreso com a informação)
a) I saw your car. You have a flat tire.
(Vi seu carro. Seu pneu está furado.)

b) I know. I am going to change it.


(Já sei. Vou troca-lo)

Já nesse casso, o amigo não foi pego de surpresa, ele já sabia e tinha
planos de trocar o pneu.

Em resumo, podemos dizer que o futuro com going to é um futuro


esperado, enquanto o futuro com will é um futuro inesperado.

Vejamos agora mais alguns outros casos de futuro.

Example:

We are having a party on Saturday. Do you want to come ?


(Vamos dar uma festa no sábado. Você quer vir.)

O Presnt Continuous também serve para expressar futuro. O uso é


muito parecido com o going to.

Example:

The plane arrives at two o’clock in the morning.


(O avião chega às duas horas.)

O Simple Present expressa um futuro referente a horários


programados como de chegada de aviões, trens e meios de transporte.

Example

Next Monday, the president will be celebrating six years in power.


(Na semana que vem, o presidente estará celebrando seis anos no
poder.)

Este é o futuro contínuo que utiliza will, o verbo to be e o ING. Mostra


uma ação que está durando um certo tempo no futuro.
Example:

The congress is to introduce a new law on safety at work.


(O congresso está prestes a introduzir uma nova lei sobre segurança no
trabalho.)

Nesse futuro, temos o uso do verbo to be mais a preposição to e o


infinitivo do verbo. É um futuro abreviado, muito usado em linguagem
jornalística.

Example:

By the time you arrive at the office, I will have finished the report.
( Na hora que você chegar no escritório, eu terei terminado o relatório.)

Neste tipo de futuro, temos o uso do will mais o Present Perfect.


Funciona para prever um fato no futuro.

Example:

When I retire, I shall have more time for writing.


(Quando eu me aposentar, terei mais tempo para escrever.)

O shall é uma maneira antiga de se montar o futuro. Hoje ele pode ser
usado em situação solene como em contratos ou na bíblia.

Vejam e comparem os exemplos a seguir.

Compare:

He will travel next week.


(Ele viajará na semana que vem.)

He is going to travel next week.


(Ele vai viajar na semana que vem.)

He travels next week.


(Ele viaja na semana que vem.)

He is traveling next week.


(Ele está viajando na semana que vem.)
Texto
The future of fashion.

Well dressed men and women will look like “Star Trek” officers. They

will be wearing body suits made of high-tech material. The suits will

be cool in the summer and warm in the winter. Most likely, people are

going to be wearing their technology as well – wrist video phones and

sunglasses with computer screens on lenses.

Focus on grammar.

De acordo com o texto, a melhor alternativa é:


a) Homens e mulheres serão fãs de Star Trek.
b) Homens e Mulheres usarão as mesmas roupas.
c) As roupas serão frias no inverno e quentes no verão.
d) A tecnologia fará parte da moda.
e) Videofones e óculos escuros terão lentes de computador

De acordo com o texto, A melhor tradução para


likely é:

a) Diferentemente.
b) Semelhantemente.
c) Provavelmente.
d) Improvável.
e) Gostosamente.
Respostas

De acordo com o texto, a melhor alternativa é:


f) Homens e mulheres serão fãs de Star Trek.
g) Homens e Mulheres usarão as mesmas roupas.
h) As roupas serão frias no inverno e quentes no verão.
i) A tecnologia fará parte da moda.
j) Videofones e óculos escuros terão lentes de computador

De acordo com o texto, A melhor tradução para


likely é:

f) Diferentemente.
g) Semelhantemente.
h) Provavelmente.
i) Improvável.
j) Gostosamente.
Inglês 14
Leitura
Ao lermos um texto em Inglês pela primeira vez, e principalmente
quando não conhecemos muito bem a língua, seria bom apenas
fazermos uma leitura superficial para descobrirmos sobre o que é o
assunto. Faça isso com o texto a seguir.

There was silence. A silence so acute that you could have heard – as the

saying is – a pin drop. Actually, somebody did drop what was probably a

shoe in the next room. It sounded like a bomb in the hushed

atmosphere. Poirot cast a quick glance at the little group of three people

on his right, then turned his gaze to the five people huddled together on

his left – a group of people with frightened eyes.

Poirot said quietly: Let me tell you this, my friends, to investigate a

crime it is only necessary to let the guilty party or parties talk – always,

in the end, they tell you what you want to know.

(Agatha Christie, Death on the Nile.)

Agora observe a seguinte afirmação:

O texto foi provavelmente tirado de um romance de aventura.

Para descobrimos se isso é verdade, devemos procurar pistas no texto.


É preciso também entendermos que o texto inclui títulos, sub-títulos,
notas de roda-pé, e todo tipo de anotação que tenha algum tipo de
relação com o assunto. Em outras palavras, não esqueça de olhar
todo e qualquer detalhe ao redor do texto, e não somente o
corpo do texto propriamente dito. Muitas vezes, a informação que
resolve uma questão pode estar uma singela notinha de roda-pé
localizada depois do texto.
Depois dessa dica, acho que você já percebeu que a resposta desta
questão está mesmo e numa nota dessas, não é ? Afinal, quem é o
autor do texto ?

(Agatha Christie, Death on the Nile.)

Você já ouviu falar de Agatha Christie ? Que tipo de histórias esta autora
escrevia ? Certamente ela não ficou famosa por causa de romances de
aventura, não é mesmo ? Porém, temos ainda uma outra dica :

... to investigate a crime ...

Investigate e crime são termos cognatos com o português. Então, se


existe alguém nessa estória investigando um crime, e essa estória foi
escrita por Agatha Christie, podemos concluir que a afirmação,

O texto foi provavelmente tirado de um romance de aventura.

é provavelmente falsa pois os dados que vimos levam a idéia de que


estamos lendo o fragmento de um romance policial.

Observe e pense sobre a próxima afirmação.

De acordo com o texto o ambiente estava barulhento.

Temos que procurar no texto alguma coisa que confirme ou contrarie


esta afirmação. Assim você conseguirá decidir se ela é verdadeira ou
falsa. Veja então a seguinte frase que tiramos do texto.

There was silence.

There was, você deve se lembrar, é a forma do verbo haver em inglês


no passado. Silence é uma palavra cognata, ou seja, ela se assemelha
com o seu equivalente em português. Logo, já deve estar ficando claro
que a afirmação ,

De acordo com o texto o ambiente estava barulhento.

não é verdadeira pois o adjetivo “barulhento” contrasta com a palavra


“silêncio”.

Agora observe mais uma afirmação.


Na sala ao lado, alguém atirou um objeto no chão.

Penso que as palavras “sala” e “alguém” fazem parte de um grupo fácil


de vocabulário que vocês já devam conhecer. Se isso for correto, vocês
vão reconhecer as palavras em itálico na seguinte passagem do texto:

… somebody did drop what was probably a shoe in the next


room …

Acho que vocês também conseguem identificar a palavra shoe, que


poderia ser o tal objeto atirado no chão. Bem, como podemos tirar uma
conclusão ? Um caminho é o verbo que está na afirmativa e ao lado do
auxiliar did. Quando os auxiliares do, does e did são usados ao lado de
um verbo na afirmativa, eles na verdade enfatizam este verbo. Então
significa que a ação, nesta frase, aconteceu mesmo ! Bem,
aparentemente esta afirmação é correta. Podemos pelo menos arriscar
que sim, não é ? Se você quiser confirmar, procure o verbo drop no
dicionário.
Vamos observar a próxima afirmação.

Poirot é provavelmente um psiquiatra.

Temos agora que buscar alguma informação sobre o personagem Poirot


ou o fato dele ser psiquiatra ou não. Vejamos então a passagem dita por
Poirot:

Let me tell you this, my friends, to investigate a crime …

Investigate e crime são palavras que associadas não nos remetem


necessariamente a psiquiatria. Portanto a afirmação anterior pode não
ser verdadeira.
Vejam mais uma afirmação.

De acordo com o texto, os inocentes sempre dizem o que se quer saber.

Parece que a palavra inocentes é importante no sentido da afirmação.


Vasculhe o texto em inglês e tente encontrar algo que seja parecido com
inocente. Também, procure vasculhar outros sentidos como dizer,
saber, querer e sempre.
Ao fazer essa busca, o fragmento do texto que destacamos é:
… let the guilty party or parties talk – always, in the end, they
tell you what you want to know.

As partes em itálico no trecho destacado se referem a dizer, sempre,


querer e saber respectivamente. Não conseguimos achar nada
parecido com inocentes. Sendo assim, caso você não consiga achar
mais nada, o caminho que faz mais sentido, para não deixar uma
alternativa de uma questão em branco, é considerar a afirmação como
falsa. Para confirmar, procure por guilty em um dicionário.
Vejamos mais uma afirmação.

Segundo o texto, havia três pessoas à esquerda de Poirot.

Seguindo o mesmo caminho descrito anteriormente, se concentre em


três pessoas e à esquerda de Poirot. Você vai se deparar com a
seguinte passagem.

Poirot cast a quick glance at the little group of three people on


his right, …

Vemos em itálico que existem três pessoas mas não à esquerda e sim
à direita de Poirot. Portanto a afirmação também não parece
verdadeira.
Vejamos mais um caso.

O texto diz que os amigos de Poirot investigarão um crime.

Se concentrem agora em amigos, investigarão e crime. Vocês irão


detectar a seguinte passagem.

Let me tell you this, my friends, to investigate a crime it is only


necessary to let the guilty party or parties talk …

My friends está separado do verbo por uma vírgula. Isto nos dá uma
pista que my friends não pode ser o sujeito do verbo investigate. Há
portanto uma grande possibilidade da afirmação não ser verdadeira
também.
Muito bem ! Vimos alguns caminhos possíveis para concluirmos se uma
afirmação é falsa ou verdadeira em relação a um texto. Espero que
essas dicas possam ajudar vocês a acertar mais algumas questões dos
vestibulares.
Good Luck!!!
Inglês 15
Modal verbs

Diálogo. (Um casal faz planos para celebrar o


aniversário de casamento.)
M) Where can we celebrate our wedding anniversary?
(Onde podemos celebrar nosso aniversário de casamento?)
H) You can decide. Anywhere is fine for me.
(Você pode decidir. Qualquer lugar está bom para mim.)

M) Who may we invite ?


(Quem podemos convidar?)
H) You must invite anyone you want to.
(Você tem que convidar quem quiser.)

M) How much should we spend ?


(Quanto devemos gastar?)
H) You can spend as much as you wish.
(Você deve gastar o quanto quiser.)

M) Do you mean I ought to pay for everything.


(Você quer dizer que eu devo pagar tudo sozinha?)
H) Sure, dear. You want to celebrate. Not me.
(Claro meu bem. Você quer celebrar. Não eu.)

No diálogo acima, vários verbos modais foram usados. Estes verbos tem
algumas características especiais. Eles só têm duas formas que se
assemelham com o presente e o passado. Eles nunca mudam de
forma e sempre são acompanhados por outros verbos numa
oração, pois sozinhos não têm significado completo. Veja a lista de
verbos modais (ou anômalos como dizem alguns autores. De toda
maneira, este é mais um grupo de palavras que merece ser
memorizado para facilitar o seu entendimento dos textos, ok ?

Modal Verbs.

Will – Would Must


Shall – Should Ought to
Can – Could Had better
May – Might Would rather
Vejam nos exemplos a seguir que alguns desses verbos merecem algum
tipo de tradução. Outros somente modificam o verbo seguinte.

Example:

Maybe, virtual reality will make lessons more fun.


(Talvez, a realidade virtual tornará as aulas mais divertidas.)

Aqui temos pouca novidade. Já vimos que o will não tem tradução e
leva o verbo seguinte para o futuro, não é mesmo ?

Example:

More air pollution would cause even more global warming.


(Mais poluição do ar causaria ainda mais aquecimento global.)

Caso você ainda não tenha visto, o would leva as palavra para o
condicional.

Example:

This clause shall be reinforced according to the law.


(Esta cláusula será cumprida de acordo com a lei.)

O shall é o futuro solene, um futuro utilizado em contratos e na bíblia.


Ele também pode ser utilizado para substituir o let’s, por ex.: Let’s go
to a restaurant. é um convite informal, enquanto Shall we go to a
restaurant? é um convite mais formal.

Example:

You should see a doctor at least once a year.


(Você deveria ver um médico no mínimo uma vez por ano.)

O should serve para fazermos recomendações ou darmos conselhos.

Example:

She can type 60 words per minute.


(Ela consegue datilografar 60 palavras por minuto.)
O can geralmente indica uma capaciade ou habilidade no presente para
fazer algo. Ele também serve para pedirmos permissão de uma maneira
mais informal, por ex.: Can I open the door?

Example:

When I was younger, I could ride horses all day long.


(Quando eu era mais moço, eu conseguia andar à cavalo o dia todo.)

O could geralmente indica uma capacidade ou habilidade no passado


para fazer algo. Ele também serve para pedirmos permissão de uma
maneira um pouco mais formal que o can, por ex.: Could I open the
door?

Example :

This war may come to an end at any moment.


(Esta Guerra pode chegar ao fim a qualquer momento.)

O may indica uma possibilidade. Ele também serve para pedirmos


permissão de uma maneira mais formal, por ex.: May I open the
door?

Example:

At the end , thing ended up the way they might.


(No fim, as coisas terminaram do modo mais improvável.)

O might demonstra uma possibilidade que de tão remota era


improvável que acontecesse, mas pode acontecer.

Example :

If you want to be a good professional, you must prepare very hard.


(Se você quiser ser um bom profissional, você deve se preparar muito.)

O must dá uma idéia de obrigação. Ele também pode indicar uma


conclusão, por ex.: Teachers love Tony. He must be a good boy.
(Os professores adoram o Tony. Ele deve ser um bom garoto.)
Example :

You ought to leave early if you do not want to be late.


(Você deve se sair cedo se não quiser se atrasar.)

O ought to é o único modal que necessita de to. Ele é um bom


substituto do must e é uma maneira mais informal e leve de expressar
uma obrigação.

Example :

If you don’t know what to say, you’d better keep quiet.


(Se você não sabe o que dizer, seria melhor ficar em silêncio.)

O had better é um equivalente de should só que expressa uma


recomendação mais leve.

Example :

My stomach is not OK. I’d rather have tea than coffee.


(Meu estômago não está bem. É melhor eu tomar chá ao invés de café.)

O would rather expressa uma preferência.

Para formarmos uma negativa, os modais se comportam como outros


verbos auxiliares, ou seja, são juntados ao not.

Negative = Modal + not

Veja então os exemplos.

Example :

The plan is perfect ! It can’t go wrong.


(O plano é perfeito! Não pode dar errado.)

Example :

If you have gastritis, you mustn’t eat junk food.


(Se você tem gastrite, você não deve comer salgadinhos ou lanches.)
Example:

You’d better not sunbathe for too long.


(É melhor você não tomar banho de sol por muito tempo.)

Vamos acompanhar o uso de alguns destes verbos num texto ?

Compulsive Shopper.

Compulsive shopping may become a life-shattering addiction like

alcohol, drugs of gambling, a top psychiatrist says. “It can ruin lives

and relationships,” declared Dr. Danilo Ponce, professor of psychiatry at

the University of Hawaii. “ Studies estimate that as many as 15 million

Americans – both men and women – must be addicted to shopping. If

you are addicted to shopping, it won’t be a pleasant pastime, but a

compulsive necessity.

Keyword

De acordo com o texto :


a) Comprar compulsivamente é uma necessidade americana.
b) Comprar compulsivamente pode ser um vício tão sério quanto
álcool ou drogas.
c) Dr. Danilo arruinou sua vida e seu relacionamento por causa de
um vício.
d) Se você for viciado em compras, devera arrumar um passatempo
agradável para se livrar do vício.
e) Quinze milhões de americanos, de ambos os sexos, possuem
alguma espécie de vício.
Resposta

De acordo com o texto :


f) Comprar compulsivamente é uma necessidade americana.
g) Comprar compulsivamente pode ser um vício tão sério quanto
álcool ou drogas.
h) Dr. Danilo arruinou sua vida e seu relacionamento por causa de
um vício.
i) Se você for viciado em compras, devera arrumar um passatempo
agradável para se livrar do vício.
j) Quinze milhões de americanos, de ambos os sexos, possuem
alguma espécie de vício.
Aula 16
Adjectives.
Adjetivos são palavras que dão uma qualidade ou atributo aos nomes.
Normalmente são usados antes destes nomes (ou substantivos). Eles
não variam nunca, ou seja, servem para o plural e para o singular e
também para o masculino e o feminino sem variar.

Mary has an intelligent, beautiful and young daughter.


(Mary tem uma filha inteligente, bonita e jovem.)

Mary has an intelligent, handsome and young son.


(Mary tem um filho inteligente, bonita e jovem.)

Além disso, os adjetivos também são utilizados nos chamados graus de


comparação. O primeiro é o de igualdade . Para construí-lo, utilizamos
as ... as com o adjetivo colocado no meio. Veja os exemplos.

Strong

Tony is as strong as his brother.


(Tony é tão forte quanto seu irmão.)

Podemos fazer orações negativas.

Strong

Tony is not as strong as his father.


(Tony não é tão forte quanto seu pai.)

Nas negativas, podemos substituir o primeiro as pela palavra so. O


sentido será o mesmo.

Strong

Tony is not so strong as his father.


(Tony não é tão forte quanto seu pai.)

Um outro grau de comparação muito utilizado é o de superioridade. Uma


maneira de construí-lo e utiliza-se er than no final do adjetivo. Note
que a última letra pode dobrar, como normalmente fazemos com muitas
palavras que terminam com uma vogal entre duas consoantes.
Thin

Mandy is thinner than Lucy.


(Mandy é mais magra que Lucy.)

Uma outra maneira de construir o comparativo de superioridade é


utilizar-se more ... than quando o adjetivo tiver mais de uma sílaba.

Organized

Lucy is more organized than Mandy.


(Lucy é mais organizada que Mandy.)

Existe também o grau superlativo. Quando o adjetivo tiver até duas


sílabas, ele recebe the ... est. Veja o exemplo.

Fast

Ferrari is the fastest car I have ever seen.


(A Ferrari é o carro mais rápido que eu já vi.)

Quando o adjetivo tem mais de duas sílabas, ele recebe the most ... .

Expensive

Ferrari is the most expensive car I have ever seen.


(A Ferrari é o carro mais caro que eu já vi.)

Existe ainda o comparativo de inferioridade montado com less ... than.

Impulsive

Mark is less impulsive than Tony.


(Mark é menos impulsivo que Tony.)

E também existe o superlativo de inferioridade.

Impulsive

Mark is the least impulsive boy in his family.


(Mark é o menino menos impulsivo da família.)
Há casos irregulares também. Estes casos não seguem exatamente as
regras que vimos até agora e têm forma própria.
Os irregulares mais utilizados são:
GOOD, BAD & FAR

Vejam o comparativo de superioridade de good.

Good

Talking is always better than fighting.


(Conversar é sempre melhor que brigar.)

No superlativo, good fica assim:

Good

Brazil is the best country to live.


(O Brasil é o melhor país para se morar.)

Vejam o comparativo de superioridade de bad.

Bad

Laziness is worse than ignorance.


(A prguiça e pior que a ignorância.)

No superlativo, bad fica assim

Bad

Ignorance is the worst sin of mankind.


( A ignorância é o pior pecado do ser humano.)

Vejam o comparativo de superioridade de far.

Far

Canada is farther than USA.


(O Canadá é mais distante que os EUA.)
No superlativo, far fica assim

Far

China is the farthest place I have ever visited.


(A China é o lugar mais distante que eu já visitei.)

Um efeito especial pode ser alcançado ao utilizarmos dois comparativos


simultaneamente. Conseguiremos assim uma idéia de
proporcionalidade. Vejam os exemplos.

Comparative + Comparative

The older, the more experienced.


(Quanto mais velho, mais experiente.)

Comparative + Comparative

The more expensive, the more beautiful.


(Quanto mais caro, mais bonito.)

Comparative + Comparative

The planet is getting warmer and warmer.


(O planeta esta ficando cada vez mais quente.)

Comparative + Comparative

English is getting more and more interesting for me.


(O inglês está ficando cada vez mais interessante para mim.)

Devemos ainda lembrar que os adjetivos existem naturalmente ou


podem ser construídos. Uma maneira de construí-los é utilizarmos o
ing.

ING

I think this movie is boring.


(Eu acho que este filme é chato.)
Podemos usar o particípio de um verbo irregular ou de um regular .

REGULAR

I was bored when the movie was over.


(Eu estava chateado quando o filme terminou.)

IRREGULAR

The witness gave a spoken statement.


(A testemunha deu um depoimento falado.)

Podemos também construir adjetivos com o uso de hífen.

Hyphen

The two-o’clock train is late.


(O trem das duas horas está atrasado.)

E ainda podemos transformar os adjetivos em substantivos. O


substantivo é retirado da oração mas seu sentido permanece lá.

Tony is a seven-year-old boy.


(Tony é um menino de sete anos.)

Tony is a seven-year-old .
(Tony é um menino de sete anos.)

Dessa forma, quando o substantivo (boy ou boys), o adjetivo o


substitui podendo ser transformado em plural.

Tony and Mike are seven-year-old boys.


(Tony e Mike são meninos de sete anos de idade.)

Tony and Mike are seven-year-olds.


(Tony e Mike são meninos de sete anos de idade.)

E ainda existem palavra que podem ocupar as duas categoria, podem


ser adjetivos numa frase e substantivos noutra.
I have a black car.
(Eu tenho um carro preto.)

Black is my favorite color.


(Preta é a minha cor favorita.)

Leia o texto e escolha a alternativa correta.


Your car color tells a lot about you.

White: This is the most popular car color. If you car is white, you are
honest, nurturing, supportive and need to feel needed.

Red : Impulsive and athletic. You are quick to speak your mind, but
suffer from emotional ups and downs. You are also a courageous
excitement-seeker.

Black: Elegant and sophisticated. You like mystery in your life.

Silver: You’re secure and optimistic about achieving financial success.

(Keyword.)

a) Pessoas honestas gostam de carros pretos.


b) Os que gostam de carros brancos são impulsivos.
c) Os emocionalmente estáveis gostam de carros vermelhos.
d) Os seguros e otimistas gostam de carros prata.
e) Pessoas elegantes e sofisticadas preferem carros brancos.

a) Os que possuem carros vermelhos não falam o que pensam.


b) Os que possuem carros vermelhos gostam de mistério.
c) Os que possuem carros pretos não falam o que pensam.
d) Os que possuem carros brancos gostam de mistério.
e) Os que possuem carros pretos gostam de mistério.
Respostas

f) Pessoas honestas gostam de carros pretos.


g) Os que gostam de carros brancos são impulsivos.
h) Os emocionalmente estáveis gostam de carros vermelhos.
i) Os seguros e otimistas gostam de carros prata.
j) Pessoas elegantes e sofisticadas preferem carros brancos.

f) Os que possuem carros vermelhos não falam o que pensam.


g) Os que possuem carros vermelhos gostam de mistério.
h) Os que possuem carros pretos não falam o que pensam.
i) Os que possuem carros brancos gostam de mistério.
j) Os que possuem carros pretos gostam de mistério.
Inglês 17
Past Perfect
O Past Perfect é um tempo verbal utilizado quando temos duas ações
que ocorreram no passado, porém uma delas ocorreu antes da outra.

When you called, she had just received the bad news.
(Quando você ligou, ela tinha acabado de receber as más notícias.)

The movie had already begun by the time we arrived.


(O filme já havia começado no horário que chegamos.)

A organização do Past Perfect é muito parecida com a do Present


Perfect, ou seja, temos a utilização do verbo have como auxiliar, só
que no passado.

I
You
He
She HAD + Participle
It
We
You
They

Se juntarmos o to be no particípio passado, teremos a formação do


Past Perfect Continuous.

She finally launched the book she had been writing for years.
(Ela finalmente lançou o livro que estava escrevendo há anos.)

He had been saving since Christmas to buy a new bike.


(Ela estava economizando desde o natal para comprar uma bicicleta.)

A construção fica parecida com a do Present Perfect Continuous.


O Past Perfect Continuous é usado para indicar uma ação que
aconteceu no passado antes de uma outra e que levou um certo tempo
para ser completada. A diferença entre o Past Perfect e o Past
Perfect Continuous é que o primeira enfatiza o resultado, e o segundo
enfatiza a ação.
I
You
He
She HAD + BEEN + Ving
It
We
You
They

Vejam alguns exemplo e comparem o Past Perfect e o Past Perfect


Continuous.

When I last went to Moscow, they had renovated St Basil’s Cathedral.


(Quando fomos à Moscou pela última vez, eles haviam reformado a
catedral de São Basílio.) Ênfase no resultado.

When I last went to Moscow, they had been renovating St Basil’s


cathedral.
(Quando fomos à Moscou pela última vez, eles estavam reformando a
catedral de São Basílio.) Ênfase na ação.

I had worked hard and the report was finished.


(Eu havia trabalhado muito e o relatório ficou pronto) Ênfase no
resultado.

I had been working hard and I thought I deserved a holiday.


(Eu estava trabalhando muito e achei que merecia férias.) Ênfase na
ação.

Leia o texto e escolha a alternativa correta.


Don José was a wealthy Cuban landowner who emigrated to Mexico in

1959. The agricultural reforms had begun a few months earlier. He

moved again in 1965 and made his home in the USA. He had made

his fortune in growing sugar cane, and he brought his expertise to his

new home.
a) Don José emigrou para o México antes da reforma agrária.
b) Don José emigrou para o México durante da reforma agrária.
c) Don José emigrou para o México devido a reforma agrária.
d) Don José emigrou para o México por causa da reforma agrária.
e) Don José emigrou para o México depois da reforma agrária.

a) Don José ganhou muito dinheiro com a cana de açúcar depois de


mudar-se para os EUA.
b) Don José ganhou muito dinheiro com a cana de açúcar antes de
mudar-se para os EUA.
c) Don José ganhou muito dinheiro com a cana de açúcar ao de
mudar-se para os EUA.
d) Don José perdeu muito dinheiro com a cana de açúcar depois de
mudar-se para os EUA.
e) Don José perdeu muito dinheiro com a cana de açúcar antes de
mudar-se para os EUA.

Consolidation
Vamos rever os principais tempos verbais estudados até agora. As
traduções não estão ao “pé da letra”, ou seja, adaptamos as traduções
de acordo com o sentido das orações e não palavra por palavra.

Present Simple
I take the same bus.
(Eu tomo o mesmo ônibus.)

She takes the same bus.


(Ela toma o mesmo ônibus.)

Present Continuous
I am taking the same bus.
(Estou pegando o mesmo ônibus)

She is taking the same bus.


(Ela está pegando o mesmo ônibus.)

Simple Past
I took the same bus.
(Peguei o mesmo ônibus.)

She took the same bus.


(Ela pegou o mesmo ônibus.)
Past Continuous
I was taking the same bus.
(Estava pegando o mesmo ônibus.)

She was taking the same bus.


(Ela estava pegando o mesmo ônibus.)

Present Perfect
I have taken the same bus.
(Peguei o mesmo ônibus.)

She has taken the same bus.


(Ela pegou o mesmo ônibus.)

Present Perfect Continuous


I have been taking the same bus.
(Tenho tomado o mesmo ônibus.)

She has been taking the same bus.


(Ela tem tomado o mesmo ônibus.)

Past Perfect
I had taken the same bus.
(Tinha tomado o mesmo ônibus.)

She had taken the same bus.


(Ela tinha tomado o mesmo ônibus.)

Past Perfect Continuous


I had been taking the same bus.
(Estava tomando o mesmo ônibus.)

She had been taking the same bus.


(Ela estava toamando o mesmo ônibus.)

Future – Going to
I am going to take the same bus.
(Eu vou tomar o mesmo ônibus.)

She is going to take the same bus.


(Ela vai tomar o mesmo ônibus.)
Future - Will
I will take the same bus.
(Tomarei o mesmo ônibus.)

She will take the same bus.


(Ela tomará o mesmo ônibus.)

Leia o texto e escolha a alternativa correta.


Queen of talk

Oprah Winfrey began speaking publicly in the church when she was

two. By the time she was twelve, she had already decided on a

career. She wanted to be paid to talk. In fact, it wasn’t long before

she got her first radio job. Although she hadn’t had any experience,

she became a news reporter. When Winfrey got her TV talk show in

1986, she had already been a TV news reporter and had acted in a

Major Hollywood movie, The Color Purple. In 1994, she decided that

the quality of her talk-show themes had been getting worse and worse

and she promised to focus on more meaningful issues.

Taylor Lewis.

a) Oprah decidiu sobre sua carreira quando tinha dois anos.


b) Ela se tornou repórter de noticiário mesmo sem experiência.
c) Ela começou sua carreira como atriz.
d) A qualidade de seus shows melhorava cada vez mais.
e) Ela cantava na igreja e era muito popular.
Respostas
f) Don José emigrou para o México antes da reforma agrária.
g) Don José emigrou para o México durante da reforma agrária.
h) Don José emigrou para o México devido a reforma agrária.
i) Don José emigrou para o México por causa da reforma agrária.
j) Don José emigrou para o México depois da reforma agrária.

f) Don José ganhou muito dinheiro com a cana de açúcar depois de


mudar-se para os EUA.
g) Don José ganhou muito dinheiro com a cana de açúcar antes de
mudar-se para os EUA.
h) Don José ganhou muito dinheiro com a cana de açúcar ao de
mudar-se para os EUA.
i) Don José perdeu muito dinheiro com a cana de açúcar depois de
mudar-se para os EUA.
j) Don José perdeu muito dinheiro com a cana de açúcar antes de
mudar-se para os EUA.

f) Oprah decidiu sobre sua carreira quando tinha dois anos.


g) Ela se tornou repórter de noticiário mesmo sem experiência.
h) Ela começou sua carreira como atriz.
i) A qualidade de seus shows melhorava cada vez mais.
j) Ela cantava na igreja e era muito popular.
Aula 18.
If Clauses
Charge dos professores apresentando os exemplos.

If she asks me to, I will go away.

I won’t go away unless she asks me to.

If she asked me to, I would go away.

I wouldn’t go away unless she asked me to.

If she had asked me to I would have gone away.

I wouldn’t have gone away unless she had asked me to.

Present + will

Past + would

Past Perfect + would have

Charge de um político discursando.

If I am elected, I will give employment to people.

Charge de um outro político discursando.

If I am reelected, I will finish the work I started four years ago.

Charge de duas pessoas falando.

A: What is the distance between São Paulo and Tokyo ?

B: If I knew the answer, I would tell you.


Charge de duas pessoas falando

A: I forgot to tell Lucy about the party.

B: If I had known that before, I would have reminded you.

Charge de duas pessoas falando

A: What would you do if you found lot of money on the street?

B: I would keep it unless I found the owner.

Charge: Médico aconselhando o paciente.

A: Unless you stop smoking. You may have serious health problems.

Charge: Dois agentes secretos

A: Should plan A fail, we use plan B !


B: What plan B ???

Charge : Casal discute na frente da TV.

Girl: Unless you stop looking at that girl, I will go ape.

Boy: What girl ?

Girl: Don’t play the mug! The one wearing a white bikini.

Boy: But I was not looking at her .

Girl: Well, if you were not looking, how did you know the one I was
talking about.

Boy: Oh Gosh ! What a catch 22!


I’m driving him mad

I am a mature 25-year-old with a good job and a stable home life. My

mum and dad are easy-going and always allow me to do my own stuff. I

should be happy but I am spoiling everything with my jealousy. My

boyfriend and I have the most awful rows whenever he looks at other

women. I even get angry if he watches girls on TV. He used to reassure

me all the time which helped, but now he is so fed up with my constant

moaning that he just storms out of the room. I know it is only natural

for men to look at girls but I can’t stand it. I am scared that I’ll lose him

if I don’t control my feelings.

Keywortd. p. 307

a) Unless she controls her feelings, she will lose her boyfriend.

b) If she controls her feelings, she will lose her boyfriend.

a) Unless she controls her feelings, she will lose her boyfriend.

a) If she controls her feelings, she will lose her boyfriend.


Inglês 19
Gerund
O uso de ing no final do verbo pode ter múltiplas aplicações. A primeira
delas é como sujeito.

Smoking causes cancer.


(Fumar causa cancer.)

Driving gives me headaches.


(Dirigir me dá dores de cabeça.)

Outro uso comum é quando um verbo é colocado depois de uma


preposição.

She was accused of stealing.


(Ela foi acusada de roubo.)

There is no use in crying over spilt milk.


(Não há sentido em chorar-se sobre o leite derramado.)

Há também expressões idiomáticas que obrigam o uso de ing no


verbo seguinte.

I can’t help having a coffee after the meals.


(Não consigo deixar de tomar café após as refeições.)

They can’t stand lining up.


(Eles não conseguem ficar na fila)

It’s worth trying again.


(Vale a pena tentar de novo)

We look forward to your answering.


(Aguardamos a sua resposta.)

Há também verbos que obrigam o uso de ing no verbo seguinte.

Would you mind opening the door ?


(Você se importaria em abrir a porta?)
He enjoys dancing.
(Ele adora dançar.)

Como há também os verbos que permitem duas construções, ou seja,


com ing ou seguido de infinitivo. O sentido é o mesmo.

I hate to interrupt others.


(Detesto interromper os outros.)

I hate interrupting others.


(Detesto interromper os outros.)

She loves going to the mall.


(Ela adora ir ao shopping.)

She loves to go to the mall


(Ela adora ir ao shopping.)

Podemos também utilizar o ing para formar adjetivos.

This game is boring.


(Este jogo está chato)

It is an interesting point.
(Este é um ponto interessante.)

O ing também é utilizado para formação de substantivos.

After making a decision, there is no coming back.


(Depois de tomar uma decisão, não há retorno.)

You need good timing to prepare for a test.


(Você precisa de um bom controle de tempo para se preparar para um
teste.)

Aproveitem esta aula também para estudar alguns plurais .


Irregular Plural forms.

Singular Plural

Man - Men Woman - Women Foot - Feet


Tooth - Teeth Mouse - Mice Child - Children
Variations

Singular Plural

Bus - Buses
Brush - Brushes
Watch - Watches
Fax - Faxes
Topaz - Topazes
Hero - Heroes
Baby - Babies
Thief - Thieves
Life - Lives

Leia o texto e escolha a melhor alternativa.


The importance of synthetic materials.

The day when we had to rely on wool, cotton or silk for our clothes, or
wood, grass and mud for our houses, have now passed.
The development of the plastic industry has given us a wide range of
synthetic materials. We can use plastic in making clothes, building ships,
producing toys or kitchen utensils, or imitating leather, wood or rubber.
Modern man probably uses something made of synthetic material everyday,
and yet only a hundred years ago these processes were unknown.

The International Encyclopedia

a) Lã, algodão, e seda são os únicos matérias para fabricação de


roupas.
b) Madeira, palha e argila são os únicos matérias para fabricação de
casas.
c) É impossível usar plástico na fabricação de roupas.
d) O homem moderno provavelmente usa algum tipo de material
sintético diariamente.
e) Estes processos já eram conhecidos há mais de 100 anos.
Respostas

f) Lã, algodão, e seda são os únicos matérias para fabricação de


roupas.
g) Madeira, palha e argila são os únicos matérias para fabricação de
casas.
h) É impossível usar plástico na fabricação de roupas.
i) O homem moderno provavelmente usa algum tipo de material
sintético diariamente.
j) Estes processos já eram conhecidos há mais de 100 anos.
Inglês 20
Reflexives
Existem vários usos para os pronomes reflexivos. Um destes usos faz a
ação dos verbos voltar para o próprio sujeito.

Alguém se olhando no espelho diz:

I can see myself on the mirror.


(Estou me vendo no espelho.)

Duas crianças brincando dizem:

We are enjoying ourselves.


(Nós estamos nos divertindo.)

Existe uma equivalência entre os pronomes, observe:

Reflexive pronouns

I Myself
You Yourself
He Himself
She Herself
It Itself
We Ourselves
You Yourselves
They Themselves

Os pronomes reflexivos podem também ser utilizados depois de verbos


acompanhados de preposições.

Uma amiga comenta sobre a outra que está falando sozinha:

She’s always talking to herself.


(Ela está sempre falando sozinha – com ela mesma.)

Quando utilizamos os reflexivos nos imperativos, não podemos esquecer


que o sujeito a ser considerado é o pronome YOU no singular ou no
plural, depende da situação.
A mãe se despede dos dois filhos que estão indo para a escola:

Take care of yourselves.


(Cuidem-se)

Quando utilizados junto da preposição BY, os reflexivos servem para


expressar a idéia de que o autor da ação está agindo sozinho, sem o
auxílio de ninguém.

Um desastrado insiste que consegue carregar os cristais sozinhos:

Don’t worry ! I can do it by myself !


(Não se preocupe ! Eu consigo fazer sozinho.)

Uma outra maneira de utilizarmos os reflexivos é para enfatizarmos um


determinado ponto da frase.

A namorada fala do bolo que ela mesma fez para o namorado.

I made it myself.
(Eu mesma o fiz)

Há também uma outra expressão que faz a ação do verbo incidir sobre o
próprio sujeito. Esta expressão é o EACH OTHER. Ela é usada quando
temos duas pessoas envolvidas.

Dois namorados se abraçando.

They love each other.


(Eles se amam – um ao outro.)

Quando temos um número maior de pessoas envolvidas, a expressão


usada é ONE ANOTHER.

Uma família (pai, mãe e filhos) se abraçando.

They love one another.


(Eles se amam – uns aos outros.)

Aproveite agora para estudar um pouco de vocabulário. As listas


seguintes contém palavras que merecem ser memorizadas pois
aparecem repetidas vezes em vários textos que lemos. Utilize um
dicionário para descobrir o significado delas.
Nesta primeira lista, temos masculinos cujos femininos são irregulares,
ou seja, têm forma própria.

Masculine and Feminine

Son Daughter
Brother Sister
Father Mother
Man Woman
Husband Wife
Nephew Niece
Uncle Aunt
Widower Widow

Nesta lista seguinte, o feminino é formado a partir do sufixo ESS.

Masculine and Feminine

Actor Actress
Waiter Waitress
Tiger Tigress
Lion Lioness

E existem ainda, para animais, algumas formas irregulares.

Masculine and Feminine

Bull Cow
Horse Mare
Rooster Hen

É bom frisar que, quando usamos alguma destas palavras, sabemos


então o gênero de um animal. Portanto, o pronome neutro, IT, não é o
melhor para ser utilizado.

The bull was sitting under a tree. He was black and very strong.
(O touro estava sentado sob uma árvore. Ele era preto e muito forte.)

O mesmo também acontece quando falamos do nosso próprio animal de


estimação, pois normalmente sabemos se é macho ou fêmea.

My dog is very clever. She can play many tricks.


Minha cadela é muito esperta. Ela sabe fazer muitos truques.
Leia o texto e escolha a melhor alternativa.

Texto

After I finished high school, I just wasn’t ready to go to college itself. I

really needed sometime by myself to figure out what I wanted to do. I

had saved up a lot of money so I used it to travel through Eastern

Europe for six months. It was an amazing experience and I learned a lot

about myself. Once I got home I was ready to start college. Now the

only trouble is, I don’t have enough money to pay for it. I should have

given more thought to my finances themselves before taking such an

expensive trip.

Interchange

a) A autora do texto sabia exatamente o que deveria fazer ao


terminar o colégio.
b) Ao terminar o colégio, a autora do texto resolveu estudar um
pouco no leste europeu.
c) A autora do texto não teve dinheiro o suficiente para pagar a
viajem que fez ao exterior.
d) A autora do texto teve que economizar dinheiro durante seis
meses para viajar.
e) A autora do texto se arrepende de não ter planejado bem as suas
finanças antes de viajar.
Resposta

f) A autora do texto sabia exatamente o que deveria fazer ao


terminar o colégio.
g) Ao terminar o colégio, a autora do texto resolveu estudar um
pouco no leste europeu.
h) A autora do texto não teve dinheiro o suficiente para pagar a
viajem que fez ao exterior.
i) A autora do texto teve que economizar dinheiro durante seis
meses para viajar.
j) A autora do texto se arrepende de não ter planejado bem as suas
finanças antes de viajar.
Inglês 21
Reading.
Um texto deve sempre ser lido mais de uma vez. Faça uma leitura
rápida do texto a seguir e depois vamos procurar detalha-lo.

RATS

Men are the cleverest and most dangerous animals on earth. Rats come
second. Men kill their enemies. They have killed millions of men since
ancient times – but rats have killed hundreds of millions of men since
ancient times. Rats carry diseases. Black rats carry fleas, and these
fleas give men bubonic plague. Bubonic plague still kills thousands of
Asians and Africans today – as it killed millions of Europeans in the past,
until brown rats came to Europe and pushed the black rats out. There is
no plague in Europe today, but brown rats carry thirty five other
diseases – typhus for example. Typhus has killed two hundred million
people in the last four hundred years. Rats are dangerous. They not only
carry diseases into men’s homes, they also take men’s food. They eat
33 million tons of grain every year. That is enough grain to feed two
hundred million people – so men die of hunger because rats eat their
food. Rats are clever, too. They have good leaders. Men try to poison
them, but if their leaders tell them that food is dangerous, they do not
eat it. So our cities and villages are full of rats. We can go to the moon,
but we can not kill this dangerous enemy. Why ? Is it because we are
not clean ?

The Scientific American.

A Primeira coisa que devemos observar no texto é o título. Essa


observação parece meio infantil, mas não é. Muitos leitores têm o hábito
de ir direto ao texto e ignorar o título. Como costumo dizer, muitas
vezes, a reposta de uma determinada questão pode estar no título ou
até mesmo numa nota de roda-pé. Outro fato que devemos considerar é
que nosso entendimento de um texto em inglês não é mesmo de um
texto em português, ou seja, ao lermos um texto na nossa primeira
língua, estaremos, em princípio, familiarizados com a maior parte do
vocabulário. Por isso, se deixarmos de lado uma palavra ou outra, ainda
teremos um entendimento que talvez seja suficiente para entendermos
o conteúdo de texto. Numa língua estrangeira, o nosso conhecimento do
vocabulário pode não ser o mesmo. Portanto, não podemos desperdiçar
nada. Cada palavra deve ser observada, mesmo se não a conhecermos.
Ao lermos o texto acima, observamos que o título nos dá uma
idéia do conteúdo do texto. É sobre ratos. Se observarmos também a
nota bibliográfica, veremos que é um texto publicado numa revista
científica. Portanto, já podemos antecipar alguma coisa.
Numa segunda leitura, seria bom você observar os substantivos
pois estes, como o próprio nome diz, contém a substancia do texto. Veja
o trecho assinalado.

Nouns

Men are the cleverest and most dangerous animals on earth. Rats

come second. Men kill their enemies. They have killed millions of men

since ancient times – but rats have killed hundreds of millions of men

since ancient times. Rats carry diseases. Black rats carry fleas, and

these fleas give men bubonic plague.

Notem também que além dos substantivos nos darem várias dicas
sobre o sentido do texto, eles também nos ajudam a perceber a
organização gramatical do mesmo. Os substantivos costumar ser
sujeitos ou objetos das orações. Portanto, Podemos encontrar verbos
antes e depois deles.

Junto dos substantivos, temos também os adjetivos :

Adjectives

Bubonic plague still kills thousands of Asians and Africans today –

as it killed millions of Europeans in the past, until brown rats came to

Europe and pushed the black rats out.

Os adjetivos modificam e qualificam os substantives. Em inglês,


não se esqueça, eles normalmente aparecem em ordem invertida, ou
seja, primeiro o adjetivo e depois o substantivo.
No segmento anterior, alguns adjetivos de nacionalidade foram
transformados em substantivos.
Um outro ponto que merece atenção é a estrutura verbal. Ela nos
dá a dinâmica das ações que ocorrem no texto e expressa os estados
em que tudo se esncontra.

Verbal Structures

There is no plague in Europe today, but brown rats carry thirty five

other diseases – typhus for example. Typhus has killed two hundred

million people in the last four hundred years. Rats are dangerous. They

not only carry diseases into men’s homes, they also take men’s food.

They eat thirty-three million tons of grain every year. That is enough

grain to feed two hundred million people – so men die of hunger

because rats eat their food.

Ao identificarmos os verbos, fica mais fácil entendermos quando


as ações ocorreram, ocorrem ou se ainda estão por ocorrer.
Outra palavras que merecem atenção são os pronomes. Eles
identificam sujeitos, objetos, posses e ajudam no entendimento do
texto. Os pronomes substituem os substantivos, portanto, é importante
identificarmos a quem eles se reportam.

Pronouns

Rats are clever, too. They have good leaders. Men try to poison them,

but if their leaders tell them that food is dangerous, they do not eat it.

So our cities and villages are full of rats. We can go to the moon, but

we can not kill this dangerous enemy. Why ? Is it because we are not

clean ?

Se identificarmos os pronomes e soubermos a quem eles se


reportam, conseguiremos identificar sobre quem esta se falando num
texto e numa oração.
Mais um elemento importante e possível de identificarmos com certa
facilidade são os marcadores de tempo. Eles nos ajudam a compreender
quando os eventos ocorrem no texto.

Time Markers

They have killed millions of men since ancient times – but rats have

killed hundreds of millions of men since ancient times. Rats carry

diseases. Black rats carry fleas, and these fleas give men bubonic

plague. Bubonic plague still kills thousands of Asians and Africans

today – as it killed millions of Europeans in the past, until brown rats

came to Europe and pushed the black rats out.

E finalmente, vamos olhar os numerais, um outro grupo de vocabulário


também presente nos textos que lemos.

Numbers

Typhus has killed two hundred million people in the last four

hundred years. Rats are dangerous. They not only carry diseases into

men’s homes, they also take men’s food. They eat thirty-three million

tons of grain every year. That is enough grain to feed to feed two

hundred million people – so men die of hunger because rats eat their

food.

Depois de identificarmos estes vários grupos, podemos partir para uma


nova leitura do texto. Nessa próxima leitura você verá que o texto ficou
bem mais familiar e identificável. Portanto, mãos a obra, leia bastante.
Leia tudo que puder em inglês. Quanto mais melhor.
Inglês 22
Passive Voice
A voz passiva é muito utilizada em inglês. Por sorte, ela não é difícil de
entender. Observe como ela é organizada.

To be + Participle = Passive

Usando-se então o verbo to be, em qualquer uma de suas formas, mais


o particípio do verbo, teremos a formação da passiva. Veja os exemplos.

They manufacture a new car every hour. ATIVA


Eles fabricam um carro novo a cada hora.)

A new car is manufactured every hour. PASSIVA


(Um carro novo é fabricado a cada hora.)

Observe duas coisas:


1) O verbo to be acompanha o tempo do verbo da frase original.
2) O sujeito da frase original passa a ser o agente da passiva, mas
também pode ser omitido caso seja irrelevante, como no exemplo
acima.

Veja o que acontece no exemplo seguinte:

The police arrest many criminals everyday.


(A polícia prende criminosos todos os dias.)

Criminals are arrested by the police everyday.


(Criminosos são presos pela polícia todos os dias.)

Nesse caso, o agente da passiva, the police, foi mantido e introduzido


pela preposição by. Podemos concluir que a voz passiva em inglês,
como em português, é usada para omitir o autor de uma ação ou não.
Essa omissão vai depender de quem escreveu o texto ou da relevância
do agente.

Veja mais exemplos e observe o que acontece.


They eat a lot of rice in China.
(Eles consomem muito arroz na China.)

A lot of rice is eaten in China.


(Muito arroz é consumido na China.)

They interrupted our conversation.


(Eles interromperam nossa conversa.)

Our conversation was interrupted.


(Nossa conversa foi interrompida.)

They built a lot of new apartments last year.


(Eles construíram muitos apartamentos novos no ano passado.)

A lot of new apartments were built last year.


(Muitos apartamentos novos foram construídos no ano passado.)

The Chinese have invented a new type of microprocessor.


(Os chineses inventaram um novo tipo de microprocessador.)

A new type of microprocessor has been invented by the Chinese.


(Um novo tipo de microprocessador foi inventado pelos chineses.)

The president has made dramatic announcements.


(O presidente fez anúncios dramáticos.)

Dramatic announcements have been made by the president.


(Anúncios dramáticos foram feitos pelo presidente.)

Paul McCartney will write a new book.


(Paul MacCartney escreverá um novo livro.)

A new book will be written by Paul McCartney.


(Um novo livro será escrito por Paul MacCartney.)

Brazil is going to win the game.


(O Brasil vencerá o jogo.)

The game is going to be won by Brazil.


(O jogo será vencido pelo Brasil.)
They are making new plans.
(Eles estão fazendo novos planos.)

New plans are being made.


(Novos planos estão sendo feitos.)

Nos exemplos seguintes, veremos um fato interessante. Os verbos


podem ter dois objetos, um direto e outro indireto. Quando isso
acontece em inglês, podemos formar a voz passiva do objeto indireto
também. Vejam os exemplos a seguir e observem como o efeito de
sentido pode ser obtido em português de outra forma.

Notem que no segundo tipo de passiva, o objeto indireto passa a ser o


sujeito. Como não temos essa possibilidade de construção em
português, podemos utilizar a terceira pessoa do plural para
indeterminar o sujeito e causar um efeito semelhante.

Maria told me a secret.


(Maria contou-me um segredo.)

A secret was told to me by Maria


(Um segredo foi-me contado pela Maria.)

I was told a secret by Maria.


(Foi-me contado um segredo pela Maria)

She won’t give you a present.


(Ela não te dará um presente.)

A present won’t be given to you


(Um presente não lhe será dado.)

You won’t be given a present.


(Não lhe darão um presente.)

Somebody is writing a letter to him.


(Alguém está escrevendo uma carta para ele.)

A letter is being written to him.


(Uma carta está sendo escrita para ele.)

He is being written a letter.


(Estão lhe escrevendo uma carta.)
The bank hasn’t sent a report to her.
(O banco não enviou o relatório para ela.)

A report hasn’t been sent to her.


(Um relatório não foi enviado para ela.)

She hasn’t been sent a report.


(Não lhe enviaram um relatório.)

Nos exemplos seguintes, veremos algumas construções na forma


passiva que são muito comuns na língua inglesa. Estas construções
funcionam como um tipo de “clichê” da língua. Poderíamos chamá-las de
idiomatismos.

SUPPOSED TO

You are supposed to be approved


(Espera-se que você seja aprovado.)

SUPPOSED TO

French Wine is supposed to be good.


(Espera-se que o vinho francês seja bom.)

IT’S SAID THAT

It’s said that Brazilians play soccer very well.


(Dizem que os brasileiros jogam futebol muito bem.)

IT’S SAID THAT

It’s said that Japanese food is healthy.


(Dizem que a comida japonesa é saudável.)

Os meses do ano e os dias da semana são mais um grupo de


vocabulário que deve ser memorizado. Se você tiver alguma dificuldade,
use um bom dicionário para auxiliar seu estudo.
Months of the Year Days of the week

January Sunday
February Monday
March Tuesday
April Wednesday
May Thursday
June Friday
July Saturday
August
September
October
November
December

Leia o texto e escolha a melhor alternativa.


Reader’s Digest

Reader’s Digest was founded in 1922. Today it is read by people in


every country in the world. It is published in nineteen languages and
forty-eight editions. Each foreign-language edition is especially
tailored to fit the needs and interest of its international audience. Last
year Reader’s Digest was read by 100 million people. Shouldn’t you be
one of them? Subscribe today.

Focus on Grammar.

a) A revista Seleções é publicada em todas as línguas do mundo.


b) Todas as edições da Seleções são absolutamente iguais.
c) No ano passado, a Seleções foi lida em 19 países.
d) A revista interessa os auditores internacionais.
e) A primeira edição da Seleções foi provavelmente publicada em
1922.
Resposta
f) A revista Seleções é publicada em todas as línguas do mundo.
g) Todas as edições da Seleções são absolutamente iguais.
h) No ano passado, a Seleções foi lida em 19 países.
i) A revista interessa os auditores internacionais.
j) A primeira edição da Seleções foi provavelmente publicada em
1922.
Inglês 23
Reported speech
Quase sempre que pensarmos no reported speech, ou discurso
indireto, devemos ter em mente a seguinte idéia: Um passo para trás e
um passo para o lado. Em outras palavras, os verbos dão um passo para
trás e os pronomes dão um passo para o lado. Observe a tabela em que
o lado esquerdo representa os tempos verbais e os pronomes das
orações no discurso direto, e o lado direito representa o modo em que
ficam no discurso indireto.

Verbs

Present > Past


Present perfect > Past perfect
Past > Past perfect
Will > Would
Can > Could

Pronouns

I > He ou She
We > They

Agora, vamos observar o funcionamento disso nos exemplos.

Uma amiga diz para outra:

I am buying a gift for my children.


(Estou comprando um presente para meus filhos.)

A Segunda amiga conta para uma terceira.

She said (that) she was buying a gift for her children.
(Ela disse que estava comprando um presente para os filhos dela.)

Note que o uso do pronome relativo that é opcional pois a oração


seguinte começa com um novo sujeito. Os pronomes e os verbos foram
mudados seguindo a tabela que vimos anteriormente. Veja mais um
exemplo.
Uma amiga diz para outra:

I’ve won a lottery jackpot.


(Eu ganhei um prêmio de loteria.)

A Segunda amiga conta para uma terceira.

She told me she had won a lottery jackpot.


(Ela me disse que tinha vencido um prêmio de loteria.)

Você já deve ter percebido que, no discurso indireto, uma nova oração,
introduzida por uma pequena frase com o verbo say ou tell. Outros
verbos também podem ser utilizados e eles acompanham o tempo
verbal de todo o período. Veja mais exemplos.

Uma amiga diz para outra:

I entered the university in 1998.


(Eu entrei na faculdade em 1998.)

A Segunda amiga conta para uma terceira.

She said (that) she had entered the university in 1998.


(Ela disse que entrou na faculdade em 1998.)

No caso dos imperativos, basta utilizarmos a preposição to.

Um sargento diz para um cabo:

Keep alert !!!


(Fique alerta !!!)

O cabo diz para o resto do pelotão:

He told us to keep alert.


(Ele nos disse para ficarmos alertas.)

Os imperativos também podem ser negativos. Neste caso, além de


utilizarmos a preposição to, utilizaremos também o not . Veja no
exemplo seguinte.
Um amigo diz para outro que está preocupado:

Don’t rack your brains if you can’t find a solution.


(Não quebre a cabeça se você não consegue encontrar uma solução.)

O Segundo conta para um terceiro.

He told me not to rack my brains.


(Ele me disse para não quebrar a cabeça.)

Veja agora como funciona o discurso indireto nas perguntas. Note que
continuam as mudanças referentes aos tempos verbais e pronomes,
mas também aparecem outras. A organização da oração que é
interrogativa, com o verbo na frente do sujeito, passa para a forma
afirmativa, com o verbo depois do sujeito. Outra característica desse
tipo de discurso indireto é a utilização do verbo ask.

Uma amiga diz para outra:

Can you tell Laura to call me?


(Você poderia dizer para a Laura me ligar?)

A segunda amiga conta para a Laura.

She asked me if I could tell you to call her.


(Ela perguntou-se se eu poderia pedir-lhe para ligar-lhe)

Quando temos uma pergunta utilizando os auxiliares do, does e did,


notem que eles são simplesmente removidos da oração. As mudanças
de tempos verbais e pronomes continuam a acontecer.

Um assaltante pergunta para vítima:

How much money do you have ???.


(Quanto dinheiro você tem ???)

A vítima conta para a polícia:

He asked me how much money I had.


(Ele me perguntou quanto dinheiro eu tinha.)
O chefe pergunta para o funcionário:

Did you finish the report ?


(Você terminou o relatório ?)

O funcionário diz a um colega:

The boss asked me if I had finished the report.


(O chefe me perguntou se eu havia terminado o relatório.)

Leia o texto e escolha a melhor alternativa.


Tattoos

This form of body art was created thousands of years ago. Today, they

have again become popular. More and more people – both in offices

and college campuses – are having them done. However, caution is

necessary. Tattoo needles can spread disease, so the tattoo artist

must be well trained in preventing infection. Although you can now

get a tattoo removed with less pain and scarring than before, having

one applied is still a big decision.

Focus on Grammar.

a) Há milhares de anos as tatuagens eram mais populares.


b) Tatuagens não podem ser removidas.
c) Tanto os funcionários das empresas quanto os universitários estão
fazendo tatuagens.
d) Tatuagens disseminam doenças.
e) Fazer uma tatuagem é uma decisão fácil de se tomar
Resposta:
f) Há milhares de anos as tatuagens eram mais populares.
g) Tatuagens não podem ser removidas.
h) Tanto os funcionários das empresas quanto os universitários estão
fazendo tatuagens.
i) Tatuagens disseminam doenças.
j) Fazer uma tatuagem é uma decisão fácil de se tomar
Inglês 24.
Special difficulties.
Bem, nesta lição, eu resolvi dar uma passadinha por algumas palavras
que podem representar alguma dificuldade.

As primeiras serão make e do. As duas significam fazer, mas são


usadas em diferentes momentos. Não há regras muito rígidas para estes
dois verbos. De um modo geral, costuma-se dizer que o make é usado
para fazer coisas no mudo material, enquanto o do é usado para
criações mentais. Veja os exemplos e a partir deles vamos abstrair
quando estudarmos os textos.

MAKE & DO
He wants to make his will.
(Ele quer fazer seu testamento.)

MAKE & DO
I’ll do my best.
(Farei o melhor que puder.)

MAKE & DO
We have made a mistake.
(Cometemos um erro.)

MAKE & DO
Could you do me a favor ?
(Você poderia me fazer um favor ?)

Os verbos say e tell significam dizer. Quando usamos o tell, temos


que utilizar um nome ou pronome logo depois dele, ou o objeto indireto.
No caso do say, usamos primeiro o objeto direto. Veja os exemplos.

SAY & TELL


What do you say to this ?
(O que você me diz disso ?)

SAY & TELL


I am telling you a secret.
(O que você me diz disso ?)
SAY & TELL
No sooner said than done.
(Dito e feito.)

SAY & TELL


He has never told a lie.
(Ele nunca contou uma mentira.)

Há também os falsos cognatos. Algumas vezes, estas palavras


apresentam dificuldades pois elas se parecem muito com o português e
podem confundir o leitor. Veja os exemplos.

ACTUALLY
What do you actually want to know ?
(O que você quer fazer na verdade ?)

EVENTUALLY
After moving so many times, I decided to live in Rio eventually.
(Depois de mudar várias vezes, decidi finalmente morar no Rio.)

RESUME
After the break, the teacher resumed his class.
(Depois do intervalo, o professor retomou a aula.)

PRETEND
Sometimes children pretend to be sick so that they can skip school.
(As vezes as crianças fingem estar doentes para não ir para a escola.)

LECTURE
He is usually nervous when he speaks at a lecture.
(Ele geralmente fica nervoso quando tem que falar numa palestra.)

SUPPORT
My father supports the whole family.
(Meu pai sustenta a família inteira.)

Há também os falsos cognatos de duplo sentido. Eles significam duas


coisas: o sentido aparente com o português e um outro diferente. Vejam
os exemplos.
ABSTRACT
He’s written an abstract about the book.
(Ele escreveu um resumo sobre o livro.)

BACHELOR
I think he will be a bachelor for the rest of his life.
(Eu acho que vou ficar solteiro pelo resto da minha vida.)

COLLECT
This is a collect call from USA.
(Esta é uma chamada a cobrar dos EUA.)

CLASS
I hate missing classes.
(Detesto perder aulas.)

CHINA
These teacups are made of china.
(Estas chícaras são feitas de porcelana.)

CLUB
I’ve bought a new club.
(Eu comprei um taco novo.)

Vejamos agora as conjunções. Elas servem para conectar uma frase


com a outra.

SO
We didn’t prepare, so we did not have a good result.
(Não nos preparamos, então não alcançamos um bom resultado.)

THEREFORE
There was too much fog. The plane, therefore, could not land.
(Havia muita neblina. Portanto, o avião não conseguiu pousar.)

SINCE
Since there is no mistake, your grade is 10 !
(Visto que não há erros, sua nota é 10 !)

OTHERWISE
You must arrive on time, otherwise you won’t get in.
(Você deve chegar no horário, caso contrário não vai entrar.)
HOWEVER
Your work is very good. However, there are a few points to improve.
(Seu trabalho está muito bom. Porém há alguns pontos a melhorar.)

IN SPITE OF
In spite of the traffic, we managed to arrive on time.
(Apesar do transito, nós conseguimos chegar no horário.)

DESPITE
Despite being sick, he decided to go to work.
(Apesar de estar doente, ele decidiu ir trabalhar.)

ALTHOUGH
Although there was a sign on the wall, she kept smoking.
(Apesar de haver um aviso na parede, ela continuou a fumar.)

THOUGH
The car isn’t fast. It’s economical, though.
(O carro não é rápido. Contudo, é econômico. )

EVEN THOUGH
Even though we were tired, we went to the party.
(Apesar de estarmos cansados, fomos à festa.)

Leia o texto e escolha a melhor alternativa.


A professora diz a um aluno atrasado:

“The subway was late is an excellent excuse for a delay. However, there
are no subways in our city.”

a) A professora aceitou plenamente a desculpa do aluno.


b) O aluno mentiu para a professora.
c) O metrô estava atrasado.
d) A professora estava atrasada.
e) O metrô não estava funcionando.
Resposta.
f) A professora aceitou plenamente a desculpa do aluno.
g) O aluno mentiu para a professora.
h) O metrô estava atrasado.
i) A professora estava atrasada.
j) O metrô não estava funcionando.
Inglês 25
Vestibulares
Nos vestibulares. É bom que você leia primeiro as questões e depois os
textos. Assim, você já terá uma idéia do que procurar no texto. Faça
esta experiência agora.

1) Sobre o que a mulher quer saber ?


2) Qual o fato que dá humor ao diálogo ?

Marido e mulher conversam

Mulher) Honey, you have to tell me how we are spending our money.
I should know about these things.

Marido) Fine. We are spending 25% on rent, 20% on the kids, 30 %


on food, 15 % on clothes and 40 % on the cars.

Mulher) But honey, that’s 130%.

Marido) I know ! That’s the problem !

Depois, repita o processo.

1) Sobre o que a mulher quer saber ?


2) Qual o fato que dá humor ao diálogo ?

Marido e mulher conversam

Mulher) Honey, you have to tell me how we are spending our money.
I should know about these things.

Marido) Fine. We are spending 25% on rent, 20% on the kids, 30 %


on food, 15 % on clothes and 40 % on the cars.

Mulher) But honey, that’s 130%.

Marido) I know ! That’s the problem !

Agora, dê suas respostas e confira no gabarito.


Vamos fazer a mesma coisa com o texto seguinte. Leia primeiro as
perguntas e depois o texto.

1) Em quantas línguas a revista Seleções é publicada ?


2) Este texto é uma propaganda da revista Seleções ?
3) Há quanto tempo que a Seleções existe ?
4) Além da língua, que outras diferenças existem entre as edições ?
5) De acordo com o texto, em quais países a Seleções é lida ?

Reader’s Digest

Reader’s Digest was founded in 1922. Today it is read by people in

every country in the world. It is published in nineteen languages and

forty-eight editions. Each foreign-language edition is especially

tailored to fit the needs and interests of its international audience. Last

year Reader’s Digest was read by 100 million people. Shouldn’t you be

one of them? Subscribe today.

Focus on Grammar.

Co o texto é mais longo e as perguntas são mais numerosas, você pode


também escrever uma de cada vez no topo do texto mantendo os olhos
nela enquanto busca a resposta no texto. As palavras da pergunta
podem ajuda-lo a descobrir a solução. Preste sempre atenção nos
termos que são cognatos, os que são o que parecem, nos números, nos
nomes de cidades e outras palavras que são relativamente fáceis de
identificar.

Nos exemplos abaixo, eu destaquei em negrito as frases onde estão


contidas as repostas. Responda as questões e confira no gabarito.
1) Em quantas línguas a revista Seleções é publicada ?

Reader’s Digest

Reader’s Digest was founded in 1922. Today it is read by people in

every country in the world. It is published in nineteen languages

and forty-eight editions. Each foreign-language edition is especially

tailored to fit the needs and interests of its international audience. Last

year Reader’s Digest was read by 100 million people. Shouldn’t you be

one of them? Subscribe today.

Focus on Grammar.

2) Este texto é uma propaganda da revista Seleções ? Explique.

Reader’s Digest

Reader’s Digest was founded in 1922. Today it is read by people in

every country in the world. It is published in nineteen languages and

forty-eight editions. Each foreign-language edition is especially

tailored to fit the needs and interests of its international audience. Last

year Reader’s Digest was read by 100 million people. Shouldn’t you be

one of them? Subscribe today.

Focus on Grammar.
3) Há quanto tempo a Seleções existe ?

Reader’s Digest

Reader’s Digest was founded in 1922. Today it is read by people in

every country in the world. It is published in nineteen languages and

forty-eight editions. Each foreign-language edition is especially

tailored to fit the needs and interests of its international audience. Last

year Reader’s Digest was read by 100 million people. Shouldn’t you be

one of them? Subscribe today.

Focus on Grammar.

4) Além da língua, que outras diferenças existem entre as edições ?

Reader’s Digest

Reader’s Digest was founded in 1922. Today it is read by people in

every country in the world. It is published in nineteen languages and

forty-eight editions. Each foreign-language edition is especially

tailored to fit the needs and interests of its international

audience. Last year Reader’s Digest was read by 100 million people.

Shouldn’t you be one of them? Subscribe today.

Focus on Grammar.
5) De acordo com o texto, em quais países a Seleções é lida ?

Reader’s Digest

Reader’s Digest was founded in 1922. Today it is read by people in

every country in the world. It is published in nineteen languages and

forty-eight editions. Each foreign-language edition is especially

tailored to fit the needs and interests of its international audience. Last

year Reader’s Digest was read by 100 million people. Shouldn’t you be

one of them? Subscribe today.

Focus on Grammar.
Respostas

3) Sobre o que a mulher quer saber ?


Sobre como o marido gasta o dinheiro.

4) Qual o fato que dá humor ao diálogo ?


O marido gasta mais do que ganha com as despesas do lar e
discretamente culpa a mulher por isso.

6) Em quantas línguas a revista Seleções é publicada ?


Em dezenove línguas.

7) Este texto é uma propaganda da revista Seleções ?


Sim. Ele pergunta se você ainda não é um assinante e pede para
você assinar.

8) Há quanto tempo que a Seleções existe ?


Desde 1922.

9) Além da língua, que outras diferenças existem entre as edições ?


Cada edição em língua estrangeira é adaptada de acordo com as
necessidades e interesses dos leitores internacionais.

10) De acordo com o texto, em quais países a Seleções é lida ?


Em todos os países do mundo.