Você está na página 1de 70

Redes GPON

Testes e Melhores Práticas

Luis Fillipe Couto


Fiber Optics Specialist

luis.couto@viavisolutions.com
VIAVI Brasil
Arquitetura PON e Testes Recomendados

2
Arquitetura PON

Alimentação Distribução
(Primária) (Secundária)
ONT
Escritório Central
Splitter*
PON OLT
1490/1550 nm ONT
W
D Splitters
M 1310 nm

Video RF
ONT
Video AMP

* É possível ter vários splitters em cascata

 OLT  Transmissão Descendente (Downstream)


– Voz / Video IP / Dados @ 1490 nm
– Video analógico (RF) @ 1550 nm

 ONT  Transmissão Ascendente (Upstream)


– Voz / Dados @ 1310 nm

3
Tipos de Testes – Medições Recomendadas

Escritório Central Splitter* ONT


PON OLT 1490/1550 nm
W
D Terminais
ONT
M 1310 nm

Qualidade da Fibra
Construção

Medição de perda de inserção para caracterizar o enlace,


medição de perda de retorno
Equipamentos : LTS, PM, ORL meter
Caracterizar a fibra com OTDR
Instalação

Testes Ópticos
Verificar a potência óptica em cada comprimento de onda
usando um Power Meter Seletivo

Manutenção da Fibra
Monitoração
Mantenção /

Medir potência óptica com um Power Meter Seletivo.


Localizar falhas com OTDR para PON
Monitoração de Fibra

4
Inspeção e Limpeza
Tipos de Contaminação

A face do conector deve ser livre de qualquer contaminação ou sujeira, como


mostra a figura:
Fibra Monomodo

Tipos comum de contaminação e defeitos:

Sujeira/Pó Óleo/Gordura Fendas e Lascas Riscos

6
Tipos de Face do Conector

 PC – Physical Contact  APC – Angled Physical Contact

 O ângulo reduz a reflexão para o


conector

SC - PC SC - APC

7
Contaminação de conectores vs Desempenho

Contaminação de conectores e seu efeito no desempenho


1 Conexão Limpa

No traço do OTDR pode-se perceber a diferença de reflexão e


atenuação entre um conector limpo (1) e um conector sujo (3)

Reflexão (ORL) = 67.5 dB


Perda (IL) = 0.250 dB

3 Conexão Suja

Reflexão (ORL) = 32.5 dB


Perda (IL) = 4.87 dB

8
Requerimentos da IEC 61300-3-35

• A IEC 61300-3-35 fornece um processo para a


inspeção e os requisitos de passa/falha
FERROLHO– 1.25 or 2.5 mm

CASCA– 125 µm

NÚCLEO– 9 µm (SM)

Zona Região Defeitos Aceitáveis Riscos


A Núcleo 0 – 25 µm Nenhum Nenhum
Sem limite ˂ 2 µm Sem limite ≤ 3 µm
B Casca 25 – 120 µm 5 de 2 a 5 µm Nenhum ˃ 3 µm
Nenhum ˃ 5 µm
C Epoxi 120 – 130 µm Sem limite Sem limite
D Ferrolho 130 – 250 µm Nenhum ≥ 10 µm Sem limite

9
Teste Real

10
Inspeção e Limpeza de Conectores

Inspecionar AMBOS os lados da conexão é a única forma de


assegurar-se que estará livre de contaminação e defeitos

Patch Cord (“Macho”) Bulkhead (“Fêmea”)


Os Patch cords são de mais fácil acesso e inspeção comparados a um conector “fêmea”
em um DGO, que usualmente não é verificado.
O lado do bulkhead representa metade da conexão, contudo, é mais propenso a estar
sujo e ser mais problemático.

11
Inspecionar Antes de Conectar

INSPECT CONNECT

Is it
clean?

NO YES
CLEAN

12
Fase 1: Construção

Testes FTTH/GPON
Testes na fase de Construção

Feeder Distribution

CDOE ONT
1490 nm
OLT ONT
1310 nm ONT
ONT
ONT

CDOI

Construção : Qualificação da Rede


- Inspeção de Conectores
- IL @ 1310/1550nm (1490 apresenta resultado muito próximo de 1550nm)
- ORL @ 1310/1550nm (1490 apresenta resultado muito próximo de 1550nm)
- Perda de Emendas/Conectores/Splitters 1310/1550 nm
- Detecção de Macro-curvaturas
- Comprimento das Fibras

14
Fase 2: Ativação

Testes FTTH/GPON
Testes na fase de Ativação

Feeder Distribution

CDOE ONT
1490 nm
OLT ONT
1310 nm ONT
ONT
ONT

CDOI

Ativação : Medição de Potência Óptica


Antes de ativar a rede ou conectar uma ONT
- Inspeção dos Conectores
- Verificação de configuração da OLT
- Verificação de configuração da ONT
- Teste PASSA/FALHA:
- Downstream
- Upstream
- RF Video

16
Implantação: Ativação do Assinante

D E
ONT

ONT

ONT
CDOE
C
B

CDOI
17
Implantação: Ativação do Assinante

A
Passo 1 : Verificar entrega de potência
Pode haver portas trocadas ou potência insuficiênte
proveniente da fase de contrução.
1. Inspeção dos Conectores na saída da CDOE
[ponto A]
2. Medição da Potência na saída da CDOE [ponto A].
(@1490nm)
3. O valor encontrado não deve ultrapassar os limiares
estipulados para cada modelo de topologia.
CDOE

18
Implantação: Ativação do Assinante

A
Passo 2 : Continuidade de Potência
Verificar a continuidade do cabo
1. Inspeção dos Conectores na entrada da CDOI
[ponto B]
2. Inserção de VFL (Luz Visível) na saída da CDOE
[ponto A] para localização precisa na entrada da
CDOI [ponto B].
3. Medição da Potência na entrada da CDOI [ponto B].
(@1490nm)
CDOE 4. O valor encontrado não deve ultrapassar os limiares
estipulados para cada modelo de topologia.

B CDOI

19
Implantação: Ativação do Assinante

Passo 3 : Nível de potência no 2º splitter


Verificar qualidade do splitter
1. Inspeção dos Conectores na saída da CDOI [ponto C].
2. Medição da Potência saída da CDOI [ponto C].
(@1490nm)
3. O valor encontrado não deve ultrapassar os limiares
estipulados para cada modelo de topologia.

C
B

CDOI
20
Implantação: Ativação do Assinante

Passo 4 : Medição de nível de chegada


Verificar nível de potência que chega no andar do
assinante
1. Inspeção dos Conectores na entrada da ONT
[ponto D]. D
2. Inserção de VFL (Luz Visível) na saída da CDOI
[ponto C] para localização precisa na entrada da
ONT [ponto D].
3. Medição da Potência entrada da ONT [ponto D].
(@1490nm)
4. O valor encontrado não deve ultrapassar os limiares
estipulados para cada modelo de topologia.
C
B

CDOI
21
Implantação: Ativação do Assinante

Feeder Distribution

CDOE
1490 nm
OLT
1310 nm E ONT
ONT
ONT

CDOI

Passo 5 : Medição de Potência Óptica Final


• Inspeção de Conectores da ONT [ponto E]
• Medição das potências [ponto E] :
1. De entrada na ONT (@1490nm)
2. De saída da ONT (@1310nm)
• Gerar traço OTDR (@1650nm) [ponto E]
• Gerar relatório da fibra fim-à-fim:
1. Potência Ótica
2. OTDR
22
Implantação: Ativação do Assinante

Feeder Distribution

CDOE
1490 nm
OLT
1310 nm ONT
ONT
ONT

CDOI

Passo 6 : Testes de performance


• Conexão da ONT.
• Testes de camadas superiores: 2, 3 e 4.
• Velocímetro real (experiencia do usuário em camada 4) – True Speed

23
Fase 3: Manutenção

Testes FTTH/GPON
Testes de Manutenção
Feeder Distribution

CDOE
1490 nm
OLT
1310 nm ONT
ONT
ONT

CDOI

Manutenção: Solução de Problemas na Rede


Quando um ou mais assinantes apresentam problemas

- Inspeção dos Conectores


- Medição de Potência Óptica em ambas direções (1310 e 1490nm)
- OTDR para fibras ativas a 1625nm o 1650nm (filtrado)

25
Soluções VIAVI

26
Caneta de Luz Visível

Localizador de Falha Visual


Localização de Falhas

 O VFL insere um feixe de luz


vermelha visível (@ 630 ou
650nm) na fibra

 Utilização:
- Identifica Fibras
- detecta falhas devido a
curvaturas, conectorização
mal feita
- confirma a continuidade

 Até 7km de range

 Disponíveis como
equipamentos pequenos ou
integrados em instrumentos

28
FFL-50/100

29
FiberChek
Probe Microscope
Inspeção Fácil e Rápida
A única solução “tudo-em-um” para inspeção de fibras

 Operação completamente Automática


 Não necessita conectar nenhum
dispositivo externo
 Não necessita telas adicionais
 Não necessita cabos adicionais

 Tela Touch integrada


 Proporciona controle total pelo próprio
dispositivo
 Veja as imagens e a análise dos
resultados em tempo real
 Interface intuitiva baseada em ícones

 Capacidade de armazenamento
 Armazena e mostra resultados de testes
 Alterna modos de visualização

31
Automatiza el trabajo de los técnicos en campo… Con
solo presionar un botón
1.Encuentra la Fibra
• Centrado de imágenes automatizado

2.Enfoque de Fibra
• Inserte y tire del gatillo
• Centrado automático cuando se activa
• Cambia a la aplicación de la imagen en vivo

3. Analice la Fiber
• Pruebas automatizadas con resultados Pasa/Falla
• Tire el gatillo para realizar las pruebas
• Observe los resultados en la pantalla
• Identificar zonas
• Zoom y resultados

4.Salvar los resultados


• Nombres de archivos integrados
• Integrados con el estandar IEC-61300-3035
• Guarda los resultados en el dispositivo o para exportar
• Facil transferencia de resultados a otros dispositivos (WiFi, Bluetooth o USB)
32
Prueba cualquier conector….en cualquier locacion
 Fácil acceso para cualquier lugar
• Torres, Monopolos, etc.
• Patch panels altos
• patch panels alta densidad
• Multi-Fiber ribbon
• Conectores en tarjetas y en circuit
boards
• Funda manos libres

 Soporta todas las puntas de


inspección FBPT existentes
• Standard
• Long Reach
• Ribbon
• 60-Degree Angled
• OptiTap
• Aproveche las puntas existentes. Sin
mas inversiones!

33
Integração com múltiplos dispositivos
 Conexão com outros dispositivos via Bluetooth, WiFi, e
USB
 Compatível com dispositivos móveis via app
FiberChekMOBILE
▫ Disponível para iOS & Android

 Integração com múltiplos dispositivos de medição Viavi


▫ Fiber (SmartClassFiber family, TB/MTS family)
▫ Cable Products (OneExpert)
▫ Wireless Products (Cell Advisor)

PC/Laptop SmartClass Fiber TBERD 2K/4K/6K HST-3000 Android & iOS Devices

MTS 5800 OneExpert CellAdvisor


Certifier40G

34
Multiples opciones de conectividad

 Mejor calidad en imagines en vivo


 Reconocimiento de la sonda FiberChek
 Soporta 3 modos WiFi
 Direct Connect (lose network connectivity)
 Connect over network (maintains network connection)
 WiFi Ad-Hoc (maintains network connection)

 El Usuario obtiene los reusltados en la sonda


 Facil trasferencia de los resultados a
dispositivos externos.
 Mantiene la conexion de la red

 Carga
▫ 2 horas de cargar con cable USB Secure
▫ 8 horas de autonomia Locking
 Conexion con PC para mas caracteristicas USB
▫ Manejo de perfiles connection
 Conexion a dispositios Bluetooth WiFi
▫ Exportar datos, observar, etc.
 Incluido conector seguro USB.

35
Conexion a sus dispositivos Moviles
 Integracion con la aplicacion FiberChek MOBILE app
▫ Exporte resultados desde el FiberChek probe a su dispositivo movil.
▫ Observar y operar desde el dispositivo movil
▫ Facil observacion y manejo de los resulados guardados
▫ Generacion de reportes de certificacion

 Ventajas y beneficios adicionales desde el dispositivo


movil
▫ Imagenes Pinch-to-zoom
▫ Almacenamiento en la nube
▫ Comparte los reports de certificacion via email
▫ Voice-to-text
▫ Soporta idiomas localizados
▫ Automatic updates

Android iOS Windows


www.viavisolutions.com

FiberChek MOBILE FiberChek MOBILE FiberChek PRO


1. Open the Google Play App 1. Open the App Store App 1. Go to www.viavisolutions.com
2. Search: “FiberChekMOBILE” 2. Search: “FiberChekMOBILE” 2. Search: “FiberChek”
3. Select INSTALL 3. Select INSTALL 3. Select the FiberChek probe webpage
4. The FiberChekMOBILE app icon will appear 4. The FiberChekMOBILE app icon will appear 4. Select “Downloads”
5. Select “FiberChek PRO software installation”

36
FiberChek tambien es compatible con el USB Optical
Power Meter

dBm

Operación Stand Alone Compatible con FiberChek MOBILE


1. Recolecta los resultados de la inspeccion desde
1. Recolecta los resultados de la inspeccion desde
FiberChek Probe
FiberChek Probe
2. Guarda los resultados
2. Conexion directa del MP-60 hacia el FiberCheck
3. Recolecta mediciones OPM desde elMP-60
3. Visualizacion en la pantalla del FiberCheck
4. Guarda resultados en dispostivos externos
4. Guarda los resultados
5. Integracion junto con la APP FiberChek
5. Exporta resultados a dispostivos externos
MOBILE

37
Buena integracion de workflow y reportes de dispositivos
externos
 Envia los resultados directamente desde la sonda a
los dispositivos de prueba
▫ FiberChekPRO
▫ FiberChekMOBILE
▫ SmartClass Fiber
▫ MTS/TBERD
▫ Cell Advisor
▫ One Expert (ONX)
 Soporta pruebas y reportes agrupados
▫ Ideal para la funcionalidad de trabajo de mapeo en el
FiberChek PRO
▫ Mediciones con el FiberChek y gestione las tareas
desde una PC o tablet

38
Certificador de Ativação de redes
PON
OLP-88
Novidades

 Verificação da ativação da ONT/ONU

 Identificação do número de série da ONT/ONU

 Identificação de equipamentos estranhos na rede

 Medição em tempo real da Perda de Inserção (IL)

 Identificação da OLT-ID

40
Como o OLP-88 identifica as informações da OLT e ONT
Analisando o sinal PON
 O campo PON-ID oferece:
▫ ODN class ( B+, C+, … )
 Sabendo a calsse ODN, podemos obter:
- Perda Máxima (IL)
- Níveis de Potência (min/max)
▫ Potência transmitida pela OLT (TOL)
 Permite teste de IL em serviço
▫ Identificação da OLT
 Localização da OLT no rack

 Processo de ativação da ONT:


▫ Identificação da ONT
 Serial # (Reg-ID) e ONT-ID
permitem identificar cliente
▫ Identificação do Status das ONTs
 Troubleshooting para ONTs que
apresentam divergência de Status
41
Processo de Ativação ONU/ONT
O que é
 Processo que habilita uma ONT inativa a juntar-se a uma rede PON (obter um time-
slot abixo de uma determinada OLT). O processo de ativação consiste de três fases:
▫ Estabelecimente de parâmetros:
 A ONU/ONT precisa obter os parâmetros de operação para transmissão upstream
▫ Aquisição de Serial Number
 A OLT descobre uma nova ONT pelo seu Serial Number e habilita seu ONT-ID
▫ Ranging
 Sincronização de Burst e Balanceamento de Potência

O que isso nos proporciona


 O processo de ativação oferece informação sobre o status de ativação da ONU/ONT:

Status Causa Efeito


Ativada Operação Normal Nenhum efeito
Desativada Serviço desabilitado (temporariamente) Sem operação
Não‐Registrada ONU/ONT não registrada na OLT Sem operação
Alien Dispositivo desconhecido Funcionamento instável

42
Desafio 1: Como saber se a ONT está conectada a OLT
correta?

1x8 1x8 ONT


OLT – A6 B8 D9 AB 2E 3C 4F

OLT – F8 A7 B3 CC 0F 7A 1B 1x8

ONT

1x8

Verificando o ID da OLT.

43
Desafio 2: Como saber se a ONT está registrada e ativa?

44
Desafio 3: Como saber se as potências encontradas
na rede atendem as especificações dos
equipamentos?

Sem necessidade de configuração manual dos limiares!

45
Tesde definitivo de ativação

OLT-ID Rack 3 Shelf 4 Board 11

46
Smart-Reporter Software

Smart-Reporter:
 Conexão via cabo USB (incluído)
 Importa todos os dados para o PC

Geração de Relatórios de Certificação


 Inspeção de Conectores e Medidas de Potência no
mesmo relatório
 Geração de Relatório Customizável
 Salva como HTML ou PDF

47
OTDR

Equipamentos preparados para FTTH


Testes de OTDR

Feeder Distribution

CDOE
1490 nm
OLT
1310 nm ONT
ONT
ONT

CDOI

49
Testes com OTDR

Traço Ideal com 32 picos

Os picos podem ser identificados!


Zonas “invisíveis” curtas…

50
Testes com OTDR

Traço REAL com 32 picos de assinantes (ONT)

Os picos não são identificáveis!


Zonas “invisíveis” largas

51
Testes de OTDR

Feeder Distribution

CDOE
1490 nm
OLT
1310 nm ONT
ONT
ONT

CDOI

52
Medições com OTDR a partir do usuário final

Testes através de Splitters 1x128


3 Splitters em Cascata, 1x2, 1x8 y 1x8

53
Módulo OTDR Metro PON (MP)

 Aplicações:
▫ Redes FTTX / PON – Range Dinâmico e Zonas Mortas Otimizadas para realizar testes através de
splitters até 1/128
▫ Redes ponto a ponto de médio ou largo alcance, tipicamente até 120 Km em todos os comp. de onda.
 Comprimentos de Onda: 1310, 1490, 1550, 1625, 1650nm
 Funções OTDR e Loss Test Set: Fonte (contínua ou modulada, standard) & medidor de potência na porta
do OTDR (opcional)
 Testes livres de erro: combina em uma só porta todos os comp. de onda realizando um teste para todos
os comp. de onda de uma só vez.

Teste em redes com splitters de até Teste em link de 200km em


Splitter 1x16 (13 dB) com 13.8 metros
1x128. 1550nm.
de zona morta.
Exemplos de splitters cascateados:
1x2, 1x8 e 1x8

54
Módulos OTDR preparados para PON

Range Dinamico
Otimizado a
100/300 ns
para passar por
splitters de 1:64
e 1:128

Detecção de Tráfego (Ao conectar a fibra o


equipamento percebe se a fibra está ativa ou
apagada.)

Alarmes incluem um limiar para splitter

Detecção automática de splitters com un ícone.


Atenuação de seção em dB (dB/km).

55
Smart Link Mapper

FTTH-SLM
Benefícios do FTTH-SLM

 Transforma os técnicos mais novos com o OTDR em


especialistas e realiza imediatamente o diagnóstico de
qualidade da infra-estrutura de rede GPON

▫ Seleciona parametros de testes otimizados, para conduzir medições


confiáveis através dos splitters ópticos (Algoritmo Automático OptiPulse)

▫ Automaticamente detecta e identifica todos os elementos da rede GPON, tais


como os tipos de splitters (Modo Discover)

▫ Exibe em forma de ícones o mapa da rede, a partir dos resultados do traço


OTDR (Visualização SmartLink)

▫ Garante as medições de acordo com as recomendações do ITU-T/IEEE de


forma automática com análise PASSOU/FALHOU ou limiares customizados.
57
FTTH-SLM : An OTDR Software Application Dedicated to FTTH
Environment Testing

58
FTTH-SLM: Menu de Configuração

Menus de configuração dedicados com a É recomendável setar os


terminologia das Redes GPON
tipos de splitters, caso você já
saiba.
Modo Discover: Auto-detecção e identificação
dos tipos de splitters na Rede GPON O Modo Discover não permite
a análise Passa/Falha

59
FTTH-SLM: Menu de Alarmes

Limiares Passa/falha de acordo com as


recomendações do ITU-T/IEEE para Redes PON

60
FTTH-SLM: Algoritmo de Aquisição OptiPulses

OptiPulses: Automaticamente realiza medições


com pulsos curtos e longos

O algoritmo OptiPulses realiza


automaticamente aquisições com o OTDR
em pulsos curtos e longos. Isso permite
detectar todos os eventos antes e depois
do splitter e que os usuários “enxerguem”
mesmo dentro das zonas mortas.

61
FTTH-SLM: Resultados com ícones , mapeando a rede

Visualização Simples, baseada em ícones, mapeando a


rede
Selecione Trace View para
acessar o traço/tabela de
resultados do OTDR

SmartLink View combina


os resultados obtidos com
o Optipulse (aquisição com
pulsos curtos e longos) em
uma única visualização

Gera diretmente do MTS


relatórios em PDF

Altere o tipo de evento ou


tipo de splitter (1xN) se
necessário

62
FTTH-SLM: Diagnóstico Imediato de Falhas

1 Selecione um evento 2 Receba mais informações sobre um


evento específico

1
2

Diagnóstico claro da causa do


problema

63
FTTH-SLM: Resultados, Visualização do Traço e da Tabela
de Eventos
Análise Especial do sinal para detectar todos
os eventos no link

Clique SmartLink
para acessar o
diagrama da rede
baseado em
ícones

Uma única tabela


de eventos por
comprimento de
onda, combinando
pulsos curtos e
longos realizados
com o OptiPulses
- Pulsos curtos e longos são exibidos no mesmo gráfico
- Os traços podem ser analisados independentemente
- Os eventos na tabela são diretamente correlacionados com o traço / auto zoom
- Todos os traços do OTDR são salvos no formato Bellcore .sor
64
FiberComplete

Testes Bi-direcionais Automáticos


Fiber Complete - Aplicação em PON

Fiber OLT  Downstream : - Voz & Dados @ 1490 nm


1
xDSL - Vídeo Analógico @ 1550 nm
ONT  Upstream : Voz & Dados @ 1310 nm

Central Office
Drop Terminal ONT
WDM
PON OLT Passive Splitter
1490/1550 nm ONT
Distribution fibers
Feeder fiber

1310 nm Drop Terminal


ONT
RP Video

Video AMP

1
2

Instalação / Qualificação da fibra Construção / Ativação Manutenção e Troubleshooting

- Desde a OLT ao splitter (qualificação Antes de ativar a rede ou ao conectar - Medição do nível de potência
do cabo feeder): IL/ORL; Perda na uma ONT: - Testes de OTDR a partir da ONT ou
emenda/conector; Distância - Medição do nível de potência no CO do terminal (se algumas ONTs ainda
- Desde o splitter até as ONTs 1
- Medição do nível de potência em estão respondendo)  In-service
(qualificação do cabo de distribuição): cada saída dos splitters OTDR (1625/1650 nm Filtrado)
MP OTDR IL/ORL; Perda na emenda/conector; - Teste de OTDR desde o splitter ou
Distância OLT (se nenhuma ONT/OLT
- Desde a ONT até a OLT  P2P (até apresenta resposta)
1x32) 2

66
Fiber Complete / OTDR

Módulo Tudo em um: Até 6 instrumentos combinados:

 Medidor de IL
 Medidor de Potencia
 Optical return loss (ORL meter)
 Fonte de luz contínua
 Medidor de distância (tamanho) de Fibra
 OTDR

Características Principais
 Uma só porta/conexão para medições OTDR, distância, IL & ORL
bidirecional
 Testes automáticos com um só botão
 Verificação de continuidade automáticamente
 Armazenamento automático de resultados
 Detector de falhas Inteligente
 Passo-a-passo instrutivo para referência inicial (testes de IL/ORL)
 Indicador passa/falha baseado em limiares definidos

67
Módulo FIberComplete
Loss, ORL, distância, perda em emendas e conectores
2x unidades equipadas com FiberComplete e OTDR
Unit A OTDR
ORL
IL Unit B
LS LS
PM PM
OTDR OTDR

Dois módulos permitem, em uma só porta de conexão:


- Verificação automática de continuidade com detecção da
unidade distante em alguns segundos 1310 nm Status
- Medição de perda de inserção usando a fonte de luz e o Loss AB 16.65 
medidor de potência integrados
Loss BA 15.83 
- Medição de perda de retorno utilizando a fonte de luz e o Average Loss
medidor de potência integrados
16.24 
ORL A 32.41 
- Perda de emendas e conectores, dobras (curvaturas) e
reflectância usando o OTDR ORL B 26.48 

68
Perguntas?

Você também pode gostar