Você está na página 1de 6

O EGOGRAMA

O Egograma foi criado por Eric Berne, Criador da Analise Transacional (Pode ler um livro
chamado "O que você diz depois de dizer olá”), fala teoricamente sobre a abordagem Analise
transacional.

O Egograma, foi elaborado com a intenção de nortear o indivíduo de forma auto perceptiva,
sobre suas prováveis tendências comportamentais.

Pode ser adaptado para diversas situações, recrutamento e seleção, traços de liderança, formas
de relacionamento interpessoal, em trabalhos com casais, famílias, e adapta-lo sugerindo
mudanças de acordo com o contexto que utilizamos. Traz 5 traços de comportamentos a serem
analisados sendo que partimos do pressuposto de que necessitamos da utilização de todos os
traços em equilíbrio, para o desempenho perfeito em nossa comunicação.

www.institutocibelenardi.com.br - Go beyond!
www.institutocibelenardi.com.br - Go beyond!
www.institutocibelenardi.com.br - Go beyond!
O primeiro traço que analisaremos é o CP:

- Vamos compreender como sendo o lado crítico das pessoas, quanto maior o resultado (acima de 17),
maior será a manifestação critica a pessoa no meio onde está inserida, demonstrando desqualificação do
outro, centralização, rude, agressivo verbalmente causa muito sofrimento aos seus subordinados, seus
subordinados sempre estão se sentindo inúteis, imprestáveis, com sentimentos de autoestima rebaixada
quanto mais inferior a 15 menor será a sua capacidade de expressão critica.

Os dois extremos são prejudiciais à saúde mental do trabalhador, necessitamos adequá-lo, uma marca
adequada seria 14/16.

Principais Características e tendências profissionais do Pai Crítico (CP):

• Perfeccionista;
• Cumpre com a palavra;
• Cobra-se demais;
• Sofredor;
• Valoriza tradições;
• Responsável;
• Cumpre o regulamento;
• Organizado;
• Despreza as pessoas;
• Crítico em relação as coisas e fatos;
• Rigoroso com os defeitos alheios;
• É muito preocupado;
• Cargos de Gestão e Liderança;

O Segundo traço é o NP, que é o nosso senso de proteção, de cuidar do outro. Pontuação acima de 20,
estamos cuidando demais e esquecendo-se de nós mesmos, e o pior, depois cobramos. Quando se
encontra baixo na marca do 8/9, trata-se de uma pessoa egoísta, que não liga e não tem percepção do
outro, não está muito disposta a fazer algo pelo outro. O ideal é entre 15 e 20, ou seja, tendendo ao
equilíbrio.

Principais Características e tendências profissionais do Pai Protetor (NP):

• Está sempre pronto para ajudar


• Não sabe dizer não
• Geralmente tem dó das pessoas
• Age emocionalmente
• Extremamente atencioso
• Gosta de lidar com pessoas
• Não sabe falar não
• Professor
• Enfermeiro
• Assistente Social

www.institutocibelenardi.com.br - Go beyond!
O terceiro é o A, razão, adulto, nosso lado do raciocínio concreto, sem interferência das emoções, como
acontece nos casos anteriores. Se estiver muito alto, 20/30, trata-se de uma pessoa calculista,
perfeccionista, responsável, analítica, burocrática, pode pecar por excesso de analises, trava processos, as
vezes inflexível.

No local do trabalho, principalmente quando se ocupa cargos de liderança, é necessário tomadas de decisão
constantemente, e neste contexto é imprescindível que as pessoas apresentem um A na marca de 16/17,
caso seja muito alto, como exposto acima, acaba causando estresse nas pessoas sob sua gestão. Caso seja
12/13 é considerado um A baixo, também muito prejudicial, pois está decidindo com bases emocionais e
não profissionais. Causa sofrimento na equipe.

Principais características e tendências profissionais do Adulto:

• Analisa os fatos antes de tomar uma decisão


• Controla suas emoções em uma conversa
• Sempre planeja antes de agir
• É racional
• É lógico
• Não demonstra emoção facilmente
• É frio
• Profissionais da área técnica
• Médicos
• Engenheiros
• Empresários

www.institutocibelenardi.com.br - Go beyond!
O próximo é o FC, que consideramos como nosso lado das emoções intensas, livres. Quando o indivíduo
apresenta um FC alto, 25/30, trata-se de uma pessoa irresponsável, puramente emocional, não
cumpridora de seus deveres, inconveniente em brincadeiras, não respeita o outro, horários,
compromissos, não confiável, porém vive as emoções intensamente, sem medos de repressão, tudo pode,
não tem limites. Indiscutivelmente nunca

Consegue parar em emprego nenhum, em negócio nenhum, porque administra recursos com base nos
desejos e não na racionalidade um FC na marcados 19/25, trata-se de uma pessoa com nível de
responsabilidade razoável, apresenta os traços acima, mais suave, tornando-se uma pessoa mais
agradável, gostosa de conviver, porém emocional, vai decidir contaminada pela emoção. Nas
organizações, espera-se um FC, 13/16, isto quer dizer uma boa administração da questão Razão Emoção.
Abaixo de 13, trata-se de uma pessoa com repressão na emoção, perdendo um pouco da naturalidade e
da espontaneidade. Sente-se com dificuldades em motivar, estimular não consegue viver intensamente
as emoções.

Principais características e Tendências profissionais da Criança Livre (FC):

• Extremamente curioso
• Age no calor do entusiasmo
• Obstinado com relação aos seus objetivos
• Arriscam-se para abrir o próprio negócio
• Corajoso
• Desafiador
• Espontâneo/ Sem limites/ Não cumpre regras
• Vendedores
• Microempresários

E o último traço que apresentamos, é o

AC que é o nosso lado de Submissão. No contexto organizacional, um AC na marca do 15/16 é fantástico,


isto quer dizer que o indivíduo demonstra capacidade de falar, ouvir e interagir adequadamente,
qualidade que todos nós procuramos. Quando se encontra alto, acima de 20, nos indica que se trata de
uma pessoa que ouve muito e interage pouco, troca pouco, sem potência, considerada "sem perfil" para
vagas de gestores de pessoas. Quando se encontra em níveis baixos, 12 abaixo, indica um PC alto, sujeito
altamente critico, inadequado ao contexto organizacional.

Principais características e tendências profissionais da Criança Adaptada (AC):

• Sabe lidar bem com as pessoas • É retraído


• Esforça-se para contentar os outros • Tem muito medo
• Segue as regras • Adia a tomada de decisões
• Tem projetos mas não os coloca em prática • Vive se queixando
• Gosta de seguir regras • Profissionais da computação
• Obediente • Operadores de máquinas
• Educado
• Ótimo funcionário

www.institutocibelenardi.com.br - Go beyond!