Você está na página 1de 4

PLANO DE ENSINO

CURSO: Psicologia
SÉRIE: 8º Semestre
DISCIPLINA: Projeto de Pesquisa em Psicologia
CARGA HORÁRIA SEMANAL: 03 horas/aula
CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60 horas/aula

I – EMENTA

Produção de conhecimento através de práticas de investigação científica.


Elaboração de Projeto de investigação científica.

II – OBJETIVOS GERAIS

 Posicionamento crítico frente às problemáticas dos sujeitos em relação aos


aspectos psicológicos, sociais, econômicos, políticos e culturais com o objetivo de
construir um conhecimento científico sobre as dimensões da saúde humana.
 Elaboração de um projeto de pesquisa a partir de um TEMA COMUM: “Práticas
clínicas, educacionais e psicossociais destinadas à atenção psicológica e o desafio
da inserção institucional”.

III – OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Tais competências serão desenvolvidas a partir das seguintes habilidades:

 Elaborar um projeto de investigação científica.


 Articular ideias e ordenar pensamentos para a construção de argumentos
consistentes e lógicos.
 Acessar e articular diferentes conceitos psicológicos para a compreensão e
investigação dos fenômenos e processos da saúde humana.
 Escrever de maneira articulada e consistente sobre o tema escolhido para a
investigação científica.
 Ler, interpretar e utilizar adequadamente informação bibliográfica em livros,
periódicos e outras fontes especializadas através de meios convencionais e
eletrônicos.
 Selecionar técnicas e metodologias apropriadas para a coleta de dados
necessários à investigação científica.

IV – CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

 Metodologia de investigação científica em Psicologia.


 Produção de textos científicos.
V – ESTRATÉGIA DE TRABALHO

 Levantamento bibliográfico.
 Leitura e discussão de textos e artigos referentes à metodologia de investigação
científica em Psicologia.
 Orientação e supervisão dos textos parciais produzidos pelos alunos referentes
à investigação científica.
 Elaboração do projeto de investigação científica.
 Formação de grupo de trabalho com até 5 alunos.

VI – AVALIAÇÃO

Trata-se de uma avaliação Semestral.

A avaliação a ser realizada no final do semestre (no período da NP2) será composta
por uma Prova e pela elaboração do Projeto de Pesquisa.

1- A Prova valerá de 0,0 (zero) a 10,0 (dez) e deverá ser composta da seguinte
forma:
- 10 (dez) questões objetivas, sendo que cada uma delas deve valer 0,6 pontos e 2
(duas) questões dissertativas, sendo que cada uma delas deve valer 2,0 pontos.

As questões objetivas devem abordar as normas presentes no Manual do CEPPE,


relacionadas principalmente:
a) À metodologia;
b) À coerência entre o que se pretende conhecer e as posições conceituais e
epistemológicas sobre as quais o projeto se fundamenta;
c) Aos resumos de pesquisas realizadas por outros pesquisadores, a fim de preparar
o aluno para identificar e cotejar os diferentes itens de uma pesquisa, tais como:
objetivo, hipótese, metodologia, com ênfase em sujeitos, instrumentos e
procedimentos, base teórica, relevância social e cuidados éticos.

As questões dissertativas devem se referir à:


a) Coerência entre o que o projeto se propõe a conhecer e as posições conceituais e
epistemológicas que o fundamentam;
b) Relação entre o problema de pesquisa, seus objetivos e a metodologia proposta;
c) Forma como estão sendo estruturados os aspectos metodológicos do projeto que
está sendo desenvolvido.

O Projeto redigido pelo grupo tem o valor de 0,0 (zero) a 10,0 (dez) e será avaliado
a partir do referencial apresentado pelo Manual de Orientação dos Procedimentos
de Avaliação e Apresentação dos Relatórios de Investigação Científica do Plano de
Estudos Orientados, a partir dos seguintes indicadores:

- Será feita uma média simples das duas notas (somatória da nota da prova + a
nota do Projeto dividida por 2), apenas se o aluno obtiver nota ≥ 5,0 na prova.
Caso o aluno obtenha nota < que 5,0 na prova, não será computada a nota do
Projeto. Será computada apenas a nota da prova como Nota Semestral.
Caso o aluno não atinja a média necessária estará de Exame.

Critérios de Avaliação do Projeto de Investigação Científica


Valor
Itens a serem avaliados
do Item
 Capa 0,25
 Folha de rosto 0,25
 Sumário 0,25
 Introdução (problema de investigação científica
com fundamentação pelas leituras teóricas com 1,25
justificativa e os objetivos)
 Participantes (caracterização do objeto de
1,50
investigação e da amostra)*
 Instrumentos (descrições das ferramentas que
1,50
serão utilizadas na coleta de dados) **
 Procedimentos (descrições como os dados
2,50
serão obtidos, detalhando a natureza da coleta)***
 Ressalvas Éticas 1,00
 Referências bibliográficas 1,50
Total 10,00

* No caso de haver sujeito da pesquisa.


** No caso do uso de questionários, entrevistas, testes ou escalas.
*** Busca das fontes bibliográficas, observação e registro de eventos,
questionamento ou intervenção no objeto de estudo.

Atenção: o Projeto de Investigação Científica que receber nota ≥ 7,0, seguindo-se


os critérios e indicadores de avaliação, deve ser encaminhado para o parecer do
CEPPE ou do Comitê de Ética da IES. Uma cópia corrigida deve permanecer com o
professor até o final do semestre letivo.

A média do semestre será calculada de acordo com o Regimento da IES.

VII – BIBLIOGRAFIA

BÁSICA

CARVALHO, J. E. C.; THIERS, V. O.; ZAVATARRO, H. A. Informações para a


elaboração de projetos e relatórios de pesquisa. São Paulo: CEPPE-UNIP, 2003.
(http://www3.unip.br/servicos/aluno/suporte/ceppe/documentos.aspx).

LUNA, V. S. Planejamento de pesquisa. São Paulo: EDUC, 2002.

MINAYO, M. C. Ciência, técnica e arte: o desafio da pesquisa social. In: Pesquisa


Social: teoria, método e criatividade. Petrópolis/RJ: Editora Vozes, 2000.
COMPLEMENTAR

BAPTISTA, M. N.; Campos, D. C. Metodologias de pesquisa em ciências:


análises quantitativa e qualitativa. Rio de Janeiro: LTC Editora, 2007.

ECO, U. Como se faz uma tese. São Paulo: Editora Perspectiva, 1998.

SEVERINO, A. J. Metodologia do Trabalho Científico. São Paulo: Cortez Editora,


2000.

SILVERMAN, D. Interpretação de dados qualitativos: métodos para análise de


entrevistas, textos e interações. Porto Alegre: Artmed, 2009.

SZYMANSKI, H. (org.) A entrevista na pesquisa em educação: a prática reflexiva.


Brasília: Editora Plano, 2002.

Indicações bibliográficas específicas, a partir da definição dos temas dos trabalhos,


serão apresentadas pelos professores.