Você está na página 1de 11

DE

SEPTEM
REGNVM
SANCTORVM

SVB FIGVRÂ
XVIII
Mestre Therion De Septem Regnvm Sanctorvm Svb Figvrâ XVIII

DE SEPTEM
REGNVM
SANCTORVM

A Cerimônia dos
Sete Reis Sagrados

Sub Figurâ XVIII

A.·. A.·.
Publicação em Classe D

TRADUÇÃO, REVISÃO E PUBLICAÇÃO:

Shakta Ádynátha Amánáska, 947


Rubens Bulad

Amrit
Thelema, Yôga & Magick
www.amrit.co m.br
MMVI era vulgaris

-2-
www.amrit.com.br
Mestre Therion De Septem Regnvm Sanctorvm Svb Figvrâ XVIII

Ritual XXVIII

A CERIMÔNIA DOS SETE REIS SAGRADOS

(Probacionistas, que são ociosos ou luxuriosos, lhes devem ser dada uma tarefa adequada à
suas naturezas. Se eles recusarem a tarefa por preguiça ou por um sentimento de que eles
têm negócios mais importantes (como seus Neófitos podem julgar) então deve V.V.V.V.V. 8=3
por si próprio informar então com muita deferência que eles estão agora ajustados para
admissão ao Mistério dos Sete Reis Sagrados).

(O Templo está arrumado conforme mostra a ilustração [faltando nessa edição])

O Deus do primeiro trono tem robes Azul Profundo;


segundo – Violeta;
3º - Escarlate;
4º - Alaranjado;
5º - Verde;
6º - Amarelo Pálido;
7º - Azul Claro.

Os outros oficiantes são o Hegemon, vestido de branco & mascarado em branco, e em sua
mão está o Bastão da Fênix dos Planetas, & o Hiereus, vestido de preto & mascarado em
preto, e em sua mão estão o Açoite & Cajado.

O Candidato, bem nutrido & alegre, vestido com o Robe de um Probacionista, & coroado com
folhas de loureiro, é conduzido pelo Hegemon (seu Neófito) pelo Corredor. Levado ao Altar,
onde queima uma pequena fogueira de madeira perfumada, cedro ou sândalo ou ligri aloés, ele
é feito a se ajoelhar ali, & o oficiante Negro vem adiante, ameaçando-no com seu açoite & diz:

H: Quem és Tu?

Hg., para o Candidato: Eu sou o Aspirante à Sagrada & Sublime Ordem da A.’.A.’. & eu procuro
a ajuda de Osíris.

(nota: Esta cerimônia pode ser adaptada para ser executada por dois oficiantes, o Hegemon
assumindo a cada hora um manto de diferente cor, & a apropriada forma-deus. Mas é mais
desejável que todo o complemento dos Nove possam assistir.)

“Saudações à ti, Osíris, Triunfante, Senhor de Ammenta, Senhor de Enenet! Saudações à ti,
todo glorioso sol de misericórdia & justiça, em cuja cabeça está a coroa dourada de luz que é
invisível para os homens! Saudações à ti, saudações à ti, límpida luz em nossa escuridão!
Saudações à ti através de quem sozinho (...) pode chegar à Fraternidade Imortal. Digna-se a
guiar este Aspirante no estreito caminho, & não deixeis que ele caia no caminho daqueles que
erram.”

(Não há resposta) “Deixe-nos subir, & procure Osíris.” (Então vem o Primeiro Trono)

SATURNO
“Boas vindas, boas vindas, boas vindas, para tu que foste escolhido, tu que tens aspirado à
Fraternidade Imortal. Aspiração é Força, & eu dou-lhe de minha generosidade: Paz & plenitude
& contentamento & boa saúde & lentidão dos dias. Todos estes prêmios tu ganhaste pela
virtude da simples aspiração. Mas acautele-se com a sombra negra ao meu lado, pois ela
deverá colocar gelo contra seu coração; ela deverá contrair todo vosso ser; ele deverá trazer-te
para a tristeza & pobreza & velhice prematura se tu a olhares demais para sua face. Coloque

-3-
www.amrit.com.br
Mestre Therion De Septem Regnvm Sanctorvm Svb Figvrâ XVIII

então sua cabeça em meus joelhos, e eu deverei colocar minhas mãos em sua cabeça, &
abençoar-te com minhas bênçãos.”

(Ele se vai)

“Bem vindo foste tu, & tu deverás ser bem vindo aos meus irmãos. Tu continuas.” (Eles
alcançaram o Segundo Trono)

JUPITER
“Boas vindas, boas vindas, boas vindas, para tu que foste escolhido, tu que tens aspirado à
Fraternidade Imortal. Aspiração é Força, & eu dou-lhe de minha generosidade: Autoridade &
respeito dos homens & distinção & louvor & veneração. Todos estes prêmios tu ganhaste pela
virtude da simples aspiração. Mas acautele-se com a sombra negra ao meu lado, pois ela
deverá arremessar-te abaixo, & tu deverás ser desprezado por todos os homens & seu poder
deverá ser quebrado se tu olhares demais para sua face. Coloque então sua cabeça em meus
joelhos, e eu deverei colocar minhas mãos em sua cabeça, & abençoar-te com minhas
bênçãos.”

(Ele se vai)

“Bem vindo foste tu, & tu deverás ser bem vindo aos meus irmãos. Tu continuas.” (Eles
alcançaram o Terceiro Trono)

MARTE
“Boas vindas, boas vindas, boas vindas, para tu que foste escolhido, tu que tens aspirado à
Fraternidade Imortal. Aspiração é Força, & eu dou-lhe de minha generosidade: Coragem &
energia & força & conquista & domínio. Todos estes prêmios tu ganhaste pela virtude da
simples aspiração. Mas acautele-se com a sombra negra ao meu lado, pois ela deverá
queimar-te como se com fogo & tudo o que tu tens tu deverá perder. E em suas batalhas tu
deverás ser submetido, & tu deverás ser quebrado & triturado no vento se tu olhares demais
para sua face. Coloque então sua cabeça em meus joelhos, e eu deverei colocar minhas mãos
em sua cabeça, & abençoar-te com minhas bênçãos.”

(Ele se vai)

“Bem vindo foste tu, & tu deverás ser bem vindo aos meus irmãos. Tu continuas.” (Eles
alcançaram o Quarto Trono)

SOL
“Boas vindas, boas vindas, boas vindas, para tu que foste escolhido, tu que tens aspirado à
Fraternidade Imortal. Aspiração é Força, & eu dou-lhe de minha generosidade: Fama &
jovialidade & uma vida digna & aberta; glória & harmonia deverão ser seus servidores, & vitória
deverá esperar por ti como uma criada. Todos estes prêmios tu ganhaste pela virtude da
simples aspiração. Mas acautele-se com a sombra negra ao meu lado, pois ela deverá tirar-te
da vida entre os homens e, então que tu se esconderás em esconderijos & cavernas longe da
luz, & teu nome deverá ser perdido, & tu deverás repentinamente ser assassinado se tu olhares
demais para sua face. Coloque então sua cabeça em meus joelhos, e eu deverei colocar
minhas mãos em sua cabeça, & abençoar-te com minhas bênçãos.”

(Ele se vai)

“Bem vindo foste tu, & tu deverás ser bem vindo aos meus irmãos. Tu continuas.” (Eles
alcançaram o Quinto Trono)

VENUS
“Boas vindas, boas vindas, boas vindas, para tu que foste escolhido, tu que tens aspirado à
Fraternidade Imortal. Aspiração é Força, & eu dou-lhe de minha generosidade: Amor & beleza

-4-
www.amrit.com.br
Mestre Therion De Septem Regnvm Sanctorvm Svb Figvrâ XVIII

& verdadeira felicidade, facilidade & abundância. Todos estes prêmios tu ganhaste pela virtude
da simples aspiração. Mas acautele-se com a sombra negra ao meu lado, pois ela deverá
destruir o amor em ti, & toda sua beleza deverá ser amaldiçoada, & nenhuma palavra de
agrado deverás tu escutar novamente se tu olhares demais para sua face. Coloque então sua
cabeça em meus joelhos, e eu deverei colocar minhas mãos em sua cabeça, & abençoar-te
com minhas bênçãos.”

(Ele se vai)

“Bem vindo foste tu, & tu deverás ser bem vindo aos meus irmãos. Tu continuas.” (Eles
alcançaram o Sexto Trono)

MERCÚRIO
“Boas vindas, boas vindas, boas vindas, para tu que foste escolhido, tu que tens aspirado à
Fraternidade Imortal. Aspiração é Força, & eu dou-lhe de minha generosidade: Aprendizado &
eloqüência & o poder de curar os males dos homens. Todos estes prêmios tu ganhaste pela
virtude da simples aspiração. Mas acautele-se com a sombra negra ao meu lado, pois um
ladrão deverá vir a ti & roubar-te; tu não terás mais conhecimento, & com um mal seu corpo
deverá dissolver-se se tu olhares demais para sua face. Coloque então sua cabeça em meus
joelhos, e eu deverei colocar minhas mãos em sua cabeça, & abençoar-te com minhas
bênçãos.”

(Ele se vai)

“Bem vindo foste tu, & tu deverás ser bem vindo aos meus irmãos. Tu continuas.” (Eles
alcançaram o Sétimo Trono)

LUA
“Boas vindas, boas vindas, boas vindas, para tu que foste escolhido, tu que tens aspirado à
Fraternidade Imortal. Aspiração é Força, & eu dou-lhe de minha generosidade: Pureza &
claridade de visão & todas as colheitas do deleite. Todos estes prêmios tu ganhaste pela
virtude da simples aspiração. Mas acautele-se com a sombra negra ao meu lado, pois ela
deverá escurecer vossos olhos, & tu deverás se perder no caminho, & tu deverás resfriar-se, &
tu deverás repentinamente ser assassinado se tu olhares demais para sua face. Coloque então
sua cabeça em meus joelhos, e eu deverei colocar minhas mãos em sua cabeça, & abençoar-
te com minhas bênçãos.”

(Ele se vai)

“Bem vindo foste tu, & tu deverás ser bem vindo aos meus irmãos; tu fizeste, mas levante sua
mão em aspiração à Fraternidade Imortal, & tu tendes arrastado os sete coros da harpa
celestial. Tu continuas.”

Eles voltam, não ao altar, mas à pequena porta do templo, dentro de que está um calabouço
escuro.

O Hegemon empurra-o furiosamente dentro do calabouço com mãos e pés. Todos gritam alto:
“Osíris é um deus negro.”

Lá ele deve ficar por sete horas.

(Se em qualquer ponto prévio do ritual ele deveria dizer:


“Eu não pedi essas bênçãos, eu procuro Osíris. O que disse aquele silêncio, oh negro?” ou
palavras de similar propósito, o Hegemon responde, removendo a venda dos olhos de uma vez
por todas, “Verdadeiramente, tu disseste bem; sabes que Osíris é um deus negro, & o estreito
caminho para a Sagrada & Sublime Ordem não jaz através de verdes pastos & águas
tranqüilas. Mas no Vale da Sombra da Morte, seu açoite e cajado deverão avaliar-te.

-5-
www.amrit.com.br
Mestre Therion De Septem Regnvm Sanctorvm Svb Figvrâ XVIII

“Leve-os então & dobre seus braços em seus peitos; ascenda comigo os sete degraus do
Trono.”

O Aspirante então faz assim, levantado em meio aos oficiantes. O Quarto Trono é removido
para liberar a passagem. Os sete reis tumultuam-no & atacam-no com suas armas; mas ele faz
seu caminho & eles caem um por um; o Sétimo rei no Segundo degrau, o Sexto no Terceiro, o
Quinto no Quarto, o Quarto no Quinto, o Terceiro no Sexto, o Segundo no Sétimo & o Primeiro
no Pé do Trono.

O Aspirante passa acima de seus corpos & toma seu assento. Eles então, cada um de seu
lugar, adoram-no enquanto os dois oficiantes ajudam-no em cada lado, & o Hierofante dirige-se
a ele:

“Frater ________, esse dia eu simbolicamente coloquei-o no assento de um irmão da A.’.A.’..


Veja nisto que sua vida reflete verdadeiramente esta conquista gradual dos Modelos dos Sete,
& nunca esqueça que teu caminho é o caminho de Osíris, - & que Osíris é um deus negro.”

(Então eles conduzem-no do Templo)

(Depois que as sete horas se passam, o Aspirante é resgatado por Osíris, o oficiante negro,
nas palavras já dadas, omitindo “Verdadeiramente tu disseste bem” & usando um tom severo
para o começo da fala. A cerimônia então procede como antes.)

-6-
www.amrit.com.br
Mestre Therion De Septem Regnvm Sanctorvm Svb Figvrâ XVIII

Ritual XXVIII

THE CEREMONY OF THE SEVEN HOLY KINGS

(Probationers, who are idle or luxurious, Shall be given a task suitable to their natures. If they
refuse the task from laziness or from a feeling that they have more important business (as their
Neophyte may judge) then may V.V.V.V.V. 8=3 himself inform then with much deference that
they are now fitted for admission to the Mystery of the Seven Holy Kings.)

(the Temple is arranged as shewn in the attached illustration [missing in this copy].)

The God of the first Throne hath robes of Deep Blue; second - Violet; 3rd. - Scarlet; 4th.
- Orange; 5th. - Green; 6th. - Pale Yellow; 7th. - Bright Blue.

The other officers are the Hegemon, clad in white & masked in white, & in his hand is the
Phoenix Wand of the Planets; & the Hiereus, masked in black & robed in black, in his hands are
the Scourge & Crook.

The Candidate, well fed & joyful, clad in the Robe of a Probationer, & crowned with laurel, is led
by the Hegemon (his Neophyte) into the Hall. Taken to the altar, on which burns a small fire of
odorous wood, cedar or sandal or ligri aloes, he is made to kneel thereat, & the Black officer
comes forward threatening him with his scourge & saith:

H: Who art Thou?

Hg., for Cand.: I am the Aspirant to the Sacred & Sublime Order of A:.A:. & I seek the aid of
Osiris.

(note: This ceremony can be adapted for working by two officers, the Hegemon assuming each
time a different coloured cloak, & the appropriate God-form. But it is most desirable that the full
complement of Nine should assist.)

'Hail unto thee, Osiris, triumphant, Lord of Amennta, Lord of Enenet! Hail unto thee, all glorious
sun of mercy &justice, upon whose head is the golden crown of light that is invisible to men! Hail
unto thee, hail unto thee, sole light in our darkness! Hail unto thee through whom alone (... )
may attain unto the Brotherhood Immortal. Deign to guide this aspirant in the straight path, & let
him not fall into the way of those who err."

(There is no answer). "Let us arise, & seek Osiris." (They come to the First Throne.)

SATURN

Welcome. welcome, welcome, for thou art chosen, 0 thou that hast aspired to the Brotherhood
Immortal. Aspiration Is strength, & I give thee of my bounty: Peace & plenty & contentment &
good health & length of days. All these host thou won by virtue of that single aspiration. But
beware of the black shadow at my side, for he shall put ice against thy heart; he shall constrict
thy whole being; he shall bring thee to sorrow & poverty & premature old age if thou so much as
lift thine eyes unto his face. Place therefore thine head upon my knees, that I may put mine
hands upon thine head, & bless thee with my blessings."

(He does go.)

"Welcome wast thou, & thou shalt be welcome to my brethren. Pass thou on." (They reach the
Second Throne.)

JUPITER
"Welcome, welcome, welcome, for thou art chosen, 0 thou that host aspired to the Brotherbood
Immortal. Aspiration is strength, & I give thee of my bounty: Authority, & the respect of men, &

-7-
www.amrit.com.br
Mestre Therion De Septem Regnvm Sanctorvm Svb Figvrâ XVIII

distinction & praise & veneration. All these hast thou won by virtue of that single aspiration. But
beware of the black shadow at my side, for he shall cast thee down, & thou shalt be despised of
all men, & thy power shall be broken if thou so much as lift thine eyes unto his face. Place
therefore thine head upon my knees, that I may put mine hands upon thine head, & bless thee
with my blessings."

(He does so.)

"Welcome wast thou, & thou shalt be welcome to my brethren. Pass thou on." (They reach the
Third Throne.).

MARS
"Welcome, welcome, welcome, for thou art chosen, 0 thou that hast aspired to the Brotherhood
Immortal. Aspiration is strength, & I give thee of my bounty: Courage & energy & force;
conquest & domimon. All these host thou won by virtue of that single aspiration. But beware of
the black shadow at my side, for he shall bum thee as with fire, & all that thou hast shalt thou
lose. And in thy battles shalt thou be overcome, & thou shalt be broken & ground into dust if
thou so much as lift thine eyes unto his face. Place therefore thine head upon my knees, that I
may put mine hands upon thine head, & bless thee with my blessings."

(He does go.)

"Welcome wast thou, & thou shalt be welcome to my brethren. Pass thou on." (They reach the
Fourth Throne.)

SUN
"Welcome, welcome, welcome, for thou art chosen, 0 thou that hast aspired to the Brotherhood
Immortal. Aspiration is strength, & I give thee of my bounty: Fame & jollity, & a life fair & open;
glory & harmony shall be thy servants, & victory shall wait upon thee as an handmaid. All these
hast thou won by virtue of that single Aspiration. But beware of the black shadow at my side, for
he shall drive thee from the life of men, so that thou hidest in dens & caverns from the light, &
thy name shall be lost, & thou shalt suddenly be slain if thou so much as lift thine eyes unto his
face. Place therefore thine head upon my knees, that I may put mine hands upon thine head, &
bless thee with my blessings."

(He does so.)

"Welcome wast thou, & thou shalt be welcome to my brethren. Pass thou on." (They reach the
Fifth Throne.)

VENUS
"Welcome, welcome, welcome, for thou art chosen, 0 thou that hast aspired to the Brotherhood
Immortal. Aspiration is strength, & I give thee of my bounty: Love & beauty & true happiness,
ease & abundance. All these hast thou won by virtue of that single aspiration. But beware of the
black shadow at my side for he shall destroy love in thee, & all thy beauty shall be blasted, & no
word of kindness Shalt thou ever hear again if thou so much as lift thine eyes unto his face.
Place therefore thine head upon my knees, that I may put mine hands upon thine head, & bless
thee with my blessings."

(He does so.)

"Welcome wast thou, & thou shalt be welcome to my brethren. Pass thou on."

(They reach the Sixth Throne.)

-8-
www.amrit.com.br
Mestre Therion De Septem Regnvm Sanctorvm Svb Figvrâ XVIII

MERCURY
"Welcome, welcome, welcome, for thou art chosen, 0 thou that hast aspired to the Brotherhood
Immortal. Aspiration is strength, & I give thee of my bounty Learning, & eloquence, & the power
to heal the ills of men. All these hast thou won by virtue oft hat single aspiration. But beware of
the black shadow at my side, for a thief shall come upon thee & despoil thee; & thou shalt have
no more knowledge, & with disease thy body shall dissolve away if thou so much as lift thine
eyes unto his face. Place the refore thine head upon my knees, that I may put mine hands upon
thine head, & bless thee with my blessings.

(He does so.)

"Welcome wast thou, & thou shalt be welcome to my brethren. Pass thou on." (They reach the
Seventh Throne.)

MOON
"Welcome, welcome, welcome, for thou art chosen, 0 thou that hast aspired to the Brotherhood
Immortal. Aspiration is strength, & I give thee of my bounty: Purity & clearness of vision, & all
the harvest of delight All these hast thou won by virtue of that single aspiration. But beware of
the black shadow at my side, for he shall darken thine eyes, & thou shalt waste away, & thou
shalt go a-cold, & thou shalt suddenly be slain if thou so much as lift thine eyes unto his face.
Place therefore thine head upon my knees, that I may put mine hands upon thine head, & bless
thee with my blessings."

(He does so.)

"Welcome wast thou to me, as thou wast welcome to my brethren; thou didst but lift up thine
hand in aspiration to the Brotherhood Immortal, & thou hast swept the seven chords of the
celestial harp. Pass thou on."

They go back, not to the altar. but to the little door of the temple, within which is a dark
dungeon.

The Hegemon thrusts him furiously into this with hand & foot. all crying aloud "Osiris is a black
god."

There he must remain for seven hours.

(If at any point previous in the ritual he should say


"I ask not these blessings; I seek Osiris. What saith yon silent dark one?" or words of similar
purport, the Hegemon answers, removing the hoodwink once a for all, "Verily, thou sayest well;
know that Osiris Is a black God, & the straight way unto the Sacred & Sublime Order lieth not
through the green pastures & beside still waters. But in the Valley of the Shadow of Death, His
crook & scourge shall avail thee.

"Take them therefore & fold thine arms upon thy breast; ascend with me the seven steps of the
Throne."

The Aspirant then does so, standing between the officers. The Fourth Throne is removed to
leave a passage. The Seven Kings rush upon him & belabor him with their weapons; but he
makes his way & they fall one by one; the Seventh upon the Second step, the Sixth upon the
Third, the Fifth upon the Fourth, the Fourth upon the Fifth, the Third upon the Sixth, the Second
upon the Seventh & the First at the Foot of the Throne.

The Aspirant passes over their bodies & takes his seat. They then, each from his place, adore
him while the two officers support him on either side, & the Hierophant addresses him:

-9-
www.amrit.com.br
Mestre Therion De Septem Regnvm Sanctorvm Svb Figvrâ XVIII

"Frater _____this day have I symbolically placed thee in the seat of a Brother of the A:.A:. See
to it that thy life truly reflect this gradual conquest of the Posers of the Seven, & never forget
that thy path is the path of Osiris, - & that Osirjs is a black God."

(They then conduct him from the temple.)

(After the seven hours are past, the Aspirant is rescued by Osiris, the black officer, in the words
already given, omitting "Verily thou sayest well" & using a sterner tone for the beginning of the
speech. The ceremony then proceeds as before.)

- 10 -
www.amrit.com.br
Mestre Therion De Septem Regnvm Sanctorvm Svb Figvrâ XVIII

Amrit
Thelema, Yôga & Magick
www.amrit.com.br
MMVI era vulgaris

- 11 -
www.amrit.com.br