Você está na página 1de 7

Dossiê bebidas energéticas

BEBIDAS
absorção intestinal, responsável em antioxidação, detoxificação e estímulo em torno de 3g a 6g/dia.
prover a energia inicial que o organis- da glicólise e glicogênese. No fígado, A glucoronolactona é um tipo de
mo precisará para praticar uma ativi- a taurina conjuga-se com ampla va- carboidrato biossintetizado a partir
dade física, por exemplo. A sacarose riedade de produtos tóxicos, como da glicose, podendo ser encontrado

ENERGÉTICAS
não é um carboidrato simples, pois é metabólitos de medicamentos e xe- também no vinho tinto, cereais,
constituída por dois tipos diferentes nobióticos, permitindo que estas toxi- maçãs e pêras. É essencial para a
de carboidrato, a glicose e a frutose. nas sejam rapidamente excretadas desintoxicação e metabolismo de
Nesse último caso, a digestão não é pelo organismo. A taurina pode ainda ampla variedade de xenobióticos e
tão rápida quanto a primeira, resul- se complexar com metais pesados e medicamentos, via conjugação no
tando em dois tempos absortivos, reduzir os níveis destes metais pelo fígado, que são excretados na urina.
A princípio, os energéticos foram desenvolvidos para o público um imediato e outro em um tempo mecanismo de desintoxicação pela Este processo é conhecido como
posterior. A presença desses dois redução rápida com a formação de glucuronização.
noturno, sendo comercializados como uma bebida revigorante. tempos faz com que a utilização do produtos estáveis. Outra função desintoxicadora
No entanto, hoje, o perfil do consumidor é mais amplo: abrange carboidrato não ocorra de uma vez e
sim de forma gradual, o que resulta
Em estudos utilizando taurina,
através do consumo de bebidas ener-
atribuída à glucoronolactona é a
sua complexação com a bilirrubina
pessoas de diversas idades e é usado para os mais variados fins. na utilização do carboidrato por um géticas no exercício, foi demonstrado e, posterior, eliminação pela urina.
tempo maior. A glucuronolactona é rapidamente
A taurina é um aminoácido deri- absorvida e metabolizada quando
Introdução As bebidas energéticas composição destas bebidas, observa- vado dos aminoácidos sulfu- administrada oralmente.
hipertônicas têm o objetivo se que a grande maioria consiste em rados (metionina e cisteína), O inositol, também conhecido
As bebidas energéticas de estimular o metabolismo, uma mistura de carboidratos (cerca que se encontra como myo-inositol, é um
foram criadas por um em- ativando o estado de alerta de 11g/dl) com taurina (400mg/dl), conjugada com isômero da glicose en-
presário austríaco em 1989. do organismo, reduzindo o cafeína (cerca de 32mg/dl), gluco- ácidos biliares contrado na forma livre,
Sua principal função é a sono durante algum tempo. ronolactona (cerca de 240mg/dl) e de sódio e po- na forma de
de fornecer mais energia, Já as bebidas energéticas vitaminas do complexo B (100% da tássio, resul- fosfolipídeo
através da estimulação do isotônicas têm como obje- necessidade diária). Com base nessas tando na for- e em formas
metabolismo. São compostas tivo repor líquidos, carboi- condições, haja vista também o cres- mação do ácido fosforila-
de vitamina B, ingredientes dratos e eletrólitos. cimento ascendente destas bebidas, taurocólico, um das, conhe-
de ervas exóticas e metilxan- A literatura científica nutricionistas e outros profissionais dos ácidos da cido como
tinas, cafeína, ginkgo biloba, vem crescendo em tra- da saúde envolvidos com alimentação bile alcalina, ácido fítico.
glucoronolactona, creatina, balhos voltados aos benefí- precisam conhecer seus componentes essencial para É encontrado
maltodextrina, taurina, inosi- cios das bebidas energéticas e estarem atentos a novos trabalhos. absorção das e amplamente
tol, guaraná e ginseng, sendo e de seus componentes, em gorduras. A taurina é o principal ami- o efeito positivo deste aminoácido na distribuído na dieta humana, tanto
esta a combinação perfeita para particular. É importante que os Principais componentes noácido intracelular livre da maior resposta hormonal, conduzindo para em fontes vegetais quanto animais.
dar mais energia. A cafeína atua como profissionais da área da saúde envol- De acordo com a ANVISA, atri- parte dos tecidos dos mamíferos. Em um maior desempenho e tempo de Suas fontes são frutas cítricas (exceto
estimulante no Sistema Nervoso Cen- vidos com alimentação busquem reais bui-se o uso da expressão “bebida seres humanos, é biossíntetizada e exercício. Além disso, tanto os bati- o limão), feijão, pasta de amendoim,
tral (SNC), o que acaba resultando no conhecimentos sobre este produto energética” ou “energy drink” ao pro- ingerida como parte da dieta normal. mentos cardíacos e as concentrações lecitina de soja, levedo de cerveja,
aumento da atenção pela liberação de e seu consumo, principalmente por duto que contém em sua composição Estudos demonstraram que as maio- de catecolaminas foram significan- germén de trigo, etc.
adrenalina e de cálcio, que auxiliam indivíduos sob estresse fisiológico, inositol e/ou glucoronolactona e/ou res concentrações intracelulares de temente mais baixos no grupo que Suas funções farmacológicas
nas contrações musculares mais como os atletas, aos quais as bebidas taurina e/ou cafeína, podendo ser taurina são encontradas no coração, utilizou taurina, sendo estes efeitos assemelham-se às da colina e na
afetivas. A taurina tem a função de energéticas, aliadas a treinamento e adicionado de vitaminas e minerais leucócitos, músculo esquelético, reti- os prováveis responsáveis pela re- forma de fosfstidil inositol encontra-
aumentar a resistência física e, tam- dieta adequada, podem ter caráter e, inclusive, de outros ingredientes, na e sistema nervoso central, sendo sistência prolongada dos atletas. Os se nas membranas celulares e nas
bém, de amenizar as consequências ergogênico. desde que esses não descaracterizem o fígado o local de maior variação nas mecanismos cardíacos atribuídos lipoproteínas plasmáticas. Os deri-
causadas pela depressão pós álcool. A Secretaria de Vigilância Sanitá- o produto. concentrações de taurina, onde estas a taurina incluem efeito inotrópico vados polifosforilados do inositol são
A glucoronolactona é uma substância ria do Ministério da Saúde publicou Das bebidas existentes hoje no são dependentes da dieta ingerida. positivo, modulação da capacidade liberados como segundo mensageiro
à base de glicose que ajuda na elimi- no diário oficial da União, em 05 de mercado, classificadas nessa cate- Além das bebidas energéticas, a do depósito de cálcio no retículo em resposta a uma variedade de
nação de toxinas exógenas e endóge- novembro de 1998, a Portaria nº 868, goria, os ingredientes mais comuns taurina também pode ser encontrada sarcoplasmático, estimulação na ve- hormônios e neurotransmissores.
nas e que, em uma atividade física, regulamentando a identificação, a são carboidratos, taurina, cafeína, em frutos do mar (mariscos, ostras), locidade de bombeamento de cálcio Embora não existam demonstrações
atua como um ótimo desintoxicante, produção e a venda das bebidas ener- glucoronolactona, inositol e vitaminas aves (carne escura de frango ou peru) ativada pela ATPase e as influências das necessidades de ingestão diária,
aumentando o desempenho físico e géticas, identificando-as como Com- do complexo B. Atualmente, o grande e carne bovina. nos canais iônicos. o inositol está presente em altas
diminuindo a fadiga. São constituídas posto Líquido Pronto para Consumo. diferencial em um energético é a pre- Existem evidências de que a tauri- Não existem recomendações concentrações no leite materno e sua
de grandes quantidades de carboidra- Atualmente, existe no mercado sença de dois tipos de carboidratos: na participa de várias funções fisioló- diárias estabelecidas para este ami- deficiência está relacionada à distúr-
tos, principalmente de açúcar, pois aproximadamente 25 marcas de a sacarose e a dextrose. A dextrose gicas importantes. No sistema nervo- noácido, mas segundo alguns estudos, bios no transporte e no metabolismo
estimulam a sede. bebidas energéticas e, analisando a é um carboidrato simples de rápida so está associada à osmorregulação, as necessidades diárias são estimadas das gorduras.

36 FOOD INGREDIENTS BRASIL Nº 23 - 2012 www.revista-fi.com www.revista-fi.com FOOD INGREDIENTS BRASIL Nº 23 - 2012 37
Dossiê bebidas energéticas
A cafeína é uma das principais xan- puderam demonstrar aumentos na energéticas e protéicas e, com isso, Em estudo realizado em 2001, esse setor estimam que já existem Conclusão
tinas, substâncias que são encontradas performance de endurance, devido à aumentariam as necessidades diárias os pesquisadores submeteram 11 mais de 130 delas sendo vendidas
em estado natural numa séria de ingestão da cafeína. de alguns nutrientes, como tiamina, motoristas a 5 horas de restrição de em supermercados, casas noturnas, As bebidas energéticas são muito
plantas, como café, chás, mate, cacau e Com relação aos exercícios físicos riboflavina e vitamina B6. sono na noite anterior à realização bares e academias de ginástica. As úteis para pessoas que praticam ati-
guaraná, entre outras. E acrescentada prolongados, os resultados sugerem dos testes. Os testes incluíram uma principais continuam sendo Red Bull, vidades físicas muito fortes ou outras
a bebidas energéticas e alguns remé- que o uso da cafeína promove me- Os benefícios das bebidas simulação inicial por 30 minutos Burn e Gladiator (da Coca-Cola), atividades que exijam bastante do or-
dios. Sabe-se que as xantinas exercem lhoria na eficiência metabólica dos energéticas em um tipo de simulador de carro Flying Horse e Flash Power. Embora ganismo. Compostas por carboidrato,
seus efeitos estimulantes antagonizan- sistemas energéticos durante o es- Vários estudos vêm sendo realiza- (pré tratamento), seguido de inter- o consumo desses energéticos conti- cafeína e taurina, geram um efeito
do os receptores de adenosina e a inibi- forço, contribuindo para um melhor dos com bebidas energéticas nestes valo de 30 minutos e depois foram nue em expansão, as líderes multina- para estimular o estado de alerta do
ção da fosofdiesterase - com resultante desempenho físico. últimos anos, apresentando resulta- submetidos a outras 2 horas dirigindo cionais vêm perdendo mercado para corpo e também agem na diminuição
acúmulo de AMPcíclico. Essa ação Já é usual o enriquecimento com dos interessantes. (pós-tratamento). as versões brasileiras da bebida. da sonolência durante certo período.
simpaticomimética indireta resulta vitaminas em muitos alimentos de Com o objetivo de determinar Nos intervalos foi administrada A pioneira Red Bull, criada na Normalmente, os energéticos
em facilitação da liberação dos trans- consumo geral, bebidas energéticas os efeitos de uma bebida energética bebida energética contendo taurina, Alemanha em 1987, está no Brasil são fabricados em unidades de
missores adrenérgicos. No contendo taurina e cafeína cafeína e glucoronolactona ou bebida desde 1999. Até cinco anos atrás de- 200ml a 250ml. Se ingeridos em
sistema nervoso central, as no desempenho, um estudo imitação, sem taurina, cafeína e gluco- tinha mais de 60% do mercado. Hoje, pequenas quantidades, podem ser
xantinas aceleram a cogni- realizado com 10 atletas de ronolactona. Após a ingestão da bebida embora ainda seja líder absoluta, teve insuficientes para que o estado de
ção, diminuindo a fadiga e ciclismo, pedalando durante energética, tanto os incidentes dirigin- sua participação reduzida para 40%. alerta da pessoa seja restabelecido.
aumentando o estado de 60 minutos em cicloergôme- do como o tempo de reação demonstra- Na tentativa de aumentar a dis- Por exemplo, a cafeína só gera o
vigília. A cafeína antagoniza tro, constou que após a in- ram melhora significativa. A principal tância dos concorrentes e se sentir efeito estimulante se consumida em
os receptores de adenosina. gestão de bebida energética, ação destas bebidas é proveniente da menos ameaçada, a Red Bull começou uma proporção de seu peso corporal
A cafeína exerce efeitos a resistência dos voluntários combinação de cafeína e taurina. a estudar o lançamento de uma nova vezes três. Ou seja, um homem de
inotrópicos no sistema car- foi significativamente maior embalagem, para atrair a classe C: os 80 kg precisa consumir no mínimo
diovascular, prolongando em comparação com as ou- Mercado promissor energéticos hoje oferecidos em latas 240mg para sentir os efeitos.
e intensificando o estado tras duas bebidas que con- Com a promessa de oferecer uma de 250ml, 355ml e 473mil, chegariam É importante ter em mente que
ativo das fibras muscula- tinham o mesmo sabor da dose extra de disposição, os energé- às prateleiras também em garrafas pet. existem certos limites que devem ser
res, aumentando sua força bebida energética original, ticos, que são uma febre no Canadá Entre os novos concorrentes da respeitados. Se ingeridos em excesso,
e frequência de contração, porém, sem os componentes e nos Estados Unidos, conquistam Red Bull está o Mood, lançado em os energéticos podem trazer alguns
resultando no aumento do cafeína e taurina. Os resulta- mais espaço entre os consumidores setembro do ano passado pelo grupo efeitos colaterais, como aumento do
rendimento cardíaco. A contração especialmente, fornecendo a combi- dos encontrados são decorrentes dos brasileiros. Nos últimos cinco anos, o Ultra, controlador da rede Ipiranga de batimento cardíaco e insônia. Além
muscular é fortalecida pela ação nação de 5 vitaminas (niacina, B6, B12, efeitos que estes componentes exer- consumo do produto explodiu no país, postos de combustíveis. O produto é disso, a cafeína acelera também a
da cafeína e outras xantinas, pois riboflavina e ácido pantotênico) em cem durante o exercício prolongado. a taxas que chegam a ser em média 10 vendido apenas nas lojas de conveniên- perda de cálcio, magnésio e potássio,
aumenta a capacidade de trabalho, concentrações menores ou iguais aos Em outro estudo, os autores vezes maiores do que qualquer outra cia am/pm, com mil unidades no país. o que pode facilitar a ocorrência de
relacionada com o estímulo celular, da recomendação vigente. São dissol- submeteram 17 atletas masculinos a modalidade de bebida. O Mood chegou às geladeiras da câimbras. Outro ponto importante
principalmente pelo aumento da gli- vidas homogeneamente no líquido e dois testes experimentais durante 60 Segundo dados da Associação rede am/pm tendo de dividir espaço é que como essas bebidas diminuem
cogenólise e lipólise. acrescentadas após a pasteurização, minutos de ciclismo com aumento da Brasileira das Indústrias de Refri- com outras cinco marcas de ener- a absorção de cálcio pelo organismo,
A meia-vida da cafeína varia de 4 a não sofrem perda pelo aquecimento. carga inicial até os indivíduos atingi- gerantes e Bebidas Não Alcoólicas géticos. Em seis meses, o produto o que futuramente pode causar uma
6 horas, ou até dois dias, dependendo Teoricamente, os exercícios au- rem a exaustão. Após 25 minutos de (ABIR), entre 2006 e 2010, o cresci- atingiu 30% de participação nas ven- perda de massa óssea.
da idade, peso, sexo, estado hormonal mentam as necessidades ou perda ciclismo, uma bebida imitação (B1) e mento foi de 325%, enquanto a venda das da categoria dentro da rede de O certo é manter um controle. Os
ou o uso do contraceptivo oral. Os de nutrientes devido a adaptações uma bebida energética (B2) contendo de sucos, a segunda no ranking das conveniência. energéticos criam fortes dependên-
derivados xantínicos são rápida e bioquímicas associadas ao treina- taurina, cafeína e glucoronolactona que mais ganharam mercado, teve A estratégia da Ipiranga está em cias por serem compostos, na maioria,
completamente absorvidos pelo trato mento; aumento na concentração de foram administradas. acréscimo de 53%. O aumento do conquistar um público que foge do por cafeína e isso pode gerar con-
gastrointestinal, e as concentrações enzimas mitocondriais que reque- Parâmetros fisiológicos e metabóli- poder de compra da população e perfil tradicional dos consumidores de sequências maléficas ao organismo.
plasmáticas máximas são registradas rem os nutrientes como cofator, e a cos, como frequência cardíaca, consu- a disposição da nova classe média energéticos. A embalagem do produto Enfim, o consumo de bebidas
cerca de 1 hora após sua ingestão. necessidade para reposição e ma- mo de oxigênio e lactato (que mensura brasileira de incluir a bebida em sua e o material de divulgação tem um ape- energéticas pode ser extremamente
A cafeína consumida através das nutenção dos tecidos. Além disso, a fadiga/cansaço), foram avaliados no cesta de compras são os dois motivos lo clean; a meta é atingir executivos, interessante não só para praticantes
bebidas energéticas é um recurso er- também existem algumas evidências estudo. No grupo B2 (bebida energé- que ajudam a explicar o crescimento. estudantes e “pais de família”. de atividades físicas, mas também,
gogênico utilizados a fim de potencia- bioquímicas de deficiência vitamí- tica) o tempo médio de ciclismo até a O outro, evidentemente, é o fato de a O Grupo Petrópolis, dono das para eventuais situações nas quais
lizar o desempenho de resistência. Es- nica em indivíduos ativos. Uma das exaustão foi significativamente maior, categoria ainda ter uma participação marcas de cerveja Itaipava e Crys- seja necessário um estímulo e dis-
tudos recentes têm apontado a cafeína razões para isso pode ser ingestões demonstrando uma melhor capacidade pequena no consumo geral de bebidas tal, também se lançou no mercado posição maior. O ideal é sempre
como um poderoso agente modulador marginais associadas a escolhas de resistência. Como o grupo contro- no país, são 87 milhões de litros por de energéticos há menos de um ano, procurar por produtos que tenham
do desempenho físico em atividades dietéticas pobres ou redução de le (B1) ingeriu bebida sem taurina, ano, de um total de 72 bilhões. com a marca TNT. Para a empresa, a os ingredientes necessários e em boas
físicas de diferentes naturezas. energia ingerida. cafeína e glucoronolactona, os efeitos Tanto espaço para crescer fez sur- expectativa é de que essa categoria quantidades, de forma que atendam
A revisão da literatura mostra Sabe-se que os exercícios são ca- benéficos da bebida B2 podem ser gir no mercado uma centena de mar- de bebidas cresça outros 400% nos os objetivos e prezem pela saúde do
que, na década de 90, muitos estudos pazes de aumentar as necessidades atribuídos a estes três componentes. cas. Consultores que acompanham próximos cinco anos. consumidor.

38 FOOD INGREDIENTS BRASIL Nº 23 - 2012 www.revista-fi.com www.revista-fi.com FOOD INGREDIENTS BRASIL Nº 23 - 2012 39
Dossiê bebidas energéticas

CORANTES ENERGY DRINKS


NATURAIS A RECIPE FOR GLOBAL SUCCESS
Global growth of 12 % for energy drinks in 2011! No other segment has been able to
Considera-se coran- misturado ao corante achieve growth rates and margins at this level over many years. The energy market will
te a substância ou a clorofila, pode fornecer
mistura de substâncias a cor natural da uva.
diversify even further in the coming years: The trend is moving towards new flavours
que possuem a pro- Através de formulações and away from the classic energy drink taste. The Döhler Group is a global producer,
priedade de conferir ou compostas por urucum marketer and provider of technology-based natural ingredients, ingredient systems and
intensificar a coloração e cúrcuma, a Corantec
de um alimento ou be- Corantes Naturais for-
integrated solutions for the food and beverage industry. Based on extensive experience
bida. É sabido que a nece uma grande varie- in energy drinks and the broad flavour portfolio, Döhler has developed energy drink
cor de uma bebida é dade de tonalidades para concepts which promise success, tailored to every target group and market.
um importantíssimo sabores como maracujá,
atributo que está as- abacaxi, limão, pêra, ma-
sociado ao seu sabor mão, manga, laranja, Trend shifts towards do not only offer positive associations, dients, as well as products that cater
e, por isso, influencia etc. Além de fornecer o new flavours but above all full and authentic fruit to the natural trend and only contain
muito na decisão do dióxido de titânio para indulgence. Juicy energy drinks natural caffeine from guarana.
consumidor na hora da proporcionar a opacida- The classic energy taste polarised are therefore very popular with
compra. Entretanto, de natural das bebidas the consumer world from the very consumers. This is verified both Integrated Solutions for
as cores vibrantes e de frutas, a Corantec beginning. For adults over the age of by research by Döhler Sensory & the worldwide beverage
intensas proporciona- Corantes Naturais for- 30 in particular, classic energy drinks Consumer Science and the beverage industry
das pelos corantes ar- nece o corante caramelo, often taste too sweet and artificial. An market. The combination of natural- With sales sites in over 130 coun-
tificiais estão deixando muito utilizado em be- investigation by Döhler Sensory & ness and juice results in premium tries, we know every energy market
de ser um diferencial bidas energéticas sabor Consumer Science, however, showed concepts, which is supported also by inside out. This expertise, together
positivo na decisão do cola e guaraná. that this age group is definitely new ingredients like guarana as a with our broad flavour portfolio, allows
consumidor de bebidas. Contando com labo- interested in a quick energy kick. natural source of caffeine. In a young us to develop energy drinks tailored
Na medida em que es- ratórios de aplicação, This also applies to consumers who and innovative segment like energy to the market. Experienced teams in
pecialistas passaram a de pesquisa e desenvol- have grown out of the classic energy drinks, all kinds of fruits and fruit development, application, technical
defender a substituição vimento, a Corantec Co- taste and are looking for something combinations are possible. Döhler product management and product
dos corantes artificiais rantes Naturais disponi- new. The beverage industry reacted offers an attractive portfolio of juicy management work closely together
usados em produtos biliza seus especialistas appropriately with new, fruity fla- energy drinks containing between to provide our customers with com-
alimentícios, a Coran- para o desenvolvimento vours. Of around 70 top product in- 5% to 25% fruit juice in almost any prehensive solutions: from the first
tec Corantes Naturais, de formulações espe- troductions in Latin America, around flavour imaginable. idea to sensorically tested product
percebendo esta tendência, começou convencional das bebidas comuns. Pu- cíficas que satisfaçam plenamente half boasted innovative flavours. concepts, all the way to tailor-made
a investir em pesquisas para garantir blicações que revelam características a necessidade de cada cliente, ele- Especially berry and citrus flavours Coffee & Tea Energy all-in-one compounds. Needless to
fornecimento constante e desenvolver nutracêuticas dos corantes naturais vando a relação cliente-fornecedor like lemon and orange are coming Drinks - energy meets say, all ingredients are also available
novas formulações mais estáveis, fazem com que a substituição dos a uma verdadeira parceria próspera up. But also other exotic flavours lifestyle as individual components.
mais brilhantes e com melhor preço. corantes sintéticos na indústria de e duradoura. have the chance to awake consumers’ Coffee and tea are also ideal in the
* Döhler Market Research/Canadean
Esta eminente proibição do uso alimentos e bebidas funcionais seja attention. Thanks to comprehensive creation of new energy drinks - it is
* Daniel Bonadia é supervisor de qualidade da
de corantes artificiais no Brasil e no um caminho sem volta. flavour expertise, Döhler has deve- well established in the daily routine
Corantec Corantes Naturais.
mundo é acompanhada pela prefe- Há mais de 25 anos no mercado loped plenty of exciting concepts with of many consumers, providing that
rência do consumidor por alimentos de alimentos e bebidas, a Corantec extremely interesting flavours. energy kick whenever it’s needed.
e bebidas que apresentem aditivos e Corantes Naturais possui know how That is why combining coffee or tea
ingredientes mais saudáveis em seus para obter todas as tonalidades pos- Juicy Energy Drinks - a and energy drinks is just the next
rótulos. Neste contexto, as bebidas síveis através de fontes da natureza. fruity energy boost logical step. Just like juicy energy
energéticas vêm ganhando mercado, Como exemplo, o carmim de cocho- Their naturalness means that fruit drinks, it is possible to create pro-
por proporcionarem um desempenho nilha é uma excelente opção para Corantec Corantes Naturais Ltda. juices enjoy a good image among ducts that combine the classic coffee Döhler América Latina
específico à saúde, além da nutrição bebidas sabor morango e, quando www.corantec.com.br consumers. In energy drinks, they drink with standard energy ingre- www.doehler.com.br

40 FOOD INGREDIENTS BRASIL Nº 23 - 2012 www.revista-fi.com www.revista-fi.com FOOD INGREDIENTS BRASIL Nº 23 - 2012 41
Dossiê bebidas energéticas

A NUTRIÇÃO
Antes dos exercícios timulou o desenvolvimento muscular durante exercícios
Estudos demonstram que a ingestão de proteína com combinados de resistência e permanência
carboidrato estimula maior resistência e produz uma com- • PeptoPro® mais carboidrato aumentaram significativa-
posição corporal mais esbelta do que o carboidrato sozinho. mente a resistência e o desempenho de ciclistas treina-

ESPORTISTA PODE
dos e reduziram dores musculares após um percurso
Durante os exercícios de 60 km.
O consumo de carboidrato e proteína durante os exer- • PeptoPro® aumentou a resistência e a performance de

POTENCIALIZAR
cícios, geralmente na forma de bebidas, tem demonstrado atletas altamente treinados durante exercícios exe-
aumentar o desempenho nos esportes. cutados até a exaustão, possibilitando um período de
recuperação de quatro horas.
Após os exercícios • PeptoPro® mostrou-se eficaz no estímulo da recuperação

SEUS NEGÓCIOS
Após os exercícios há um curto período de tempo quan- muscular pós-exercícios.
do a ingestão de carboidratos mais proteína estimula com
eficiência a síntese de proteínas nos músculos e glicogênio, Combinado a carboidratos, PeptoPro® é uma excelente
reduzindo assim as dores musculares. fonte de proteínas que acelera a recuperação de glicogênio
após exercícios. A restauração de glicogênio muscular
Alguns dados do mercado How can we Health you? A liberação eficiente de aminoácidos é especificamente é um dos fatores mais importantes que determinam o
� O mercado de produtos nutricionais para esportistas O mercado de produtos nutricionais para esportistas importante durante atividades físicas intensas quando a tempo necessário para a recuperação após o treinamento.
vem expandindo-se para a maioria dos consumidores que é uma arena altamente competitiva na qual a inovação e capacidade digestiva do corpo diminui. PeptoPro® funciona em sinergia com carboidratos, au-
praticam todos os tipos de atividades físicas. a qualidade garantem a vitória. E nós podemos ajudar mentando a resposta de insulina durante a recuperação
� O número de pessoas que faz exercícios e sua você a vencer! Como PeptoPro® chega aos músculos e órgãos após exercícios em atletas profissionais de endurance e
compreensão do papel da nutrição em seu desempenho O amplo portfólio de nutrientes inovadores, seguros e auxilia a restaurar os estoques de glicogênio. Tudo isso
esportivo vem aumentando. de alta qualidade da DSM, alinhado ao nosso conhecimen- torna PeptoPro® o ingrediente ideal para promover uma
� O corpo necessita de carboidratos, proteínas, gor- to de mercado e a nossa experiência em aplicações pode rápida recuperação após exercícios.
duras, vitaminas, minerais e outros micronutrientes para ajudar a fazer seus produtos nutricionais para esportes PeptoPro® é completo e instantaneamente solúvel em
garantir sua máxima performance. mais atraentes para seu público alvo, seja um nicho ou água fria, disponível em formas adequadas a uma variedade
� A DSM fornece o PeptoPro®, um hidrolisado protéico mercado de massa. de produtos para a nutrição de esportes. É utilizado por
patenteado, que comprovadamente amplia a resistência, Somos o único fabricante integrado de pré-mistura, triatletas profissionais, fisiculturistas, equipes de ciclismo e
o desempenho e a recuperação: vitaminas e ingredientes funcionais capaz de criar e ofe- vários times de rúgbi e futebol no mundo inteiro, bem como
O PeptoPro® é a proteína perfeita para esportes. recer formulações sob medida a você em qualquer lugar. milhares de atletas amadores e de elite em todo o mundo.
PeptoPro® é rapidamente transportado para onde é ne- Utilize nosso amplo conhecimento científico, know how
cessário no corpo, aumentando a resistência, auxiliando técnico, presença global e garantia total de qualidade para Para a DSM, qualidade
na recuperação e no fortalecimento muscular de atletas. garantir sua tranquilidade. é um estilo de vida
O PeptoPro® pode ser combinado a outros nutrientes Por meio de nossa rede global de unidades de pré- Esta é a essência do Quality for Life™: o selo de exce-
essenciais, criando produtos nutricionais sob medida para mistura, criamos combinações de nutrientes que agregam PeptoPro fornece elementos essenciais onde são
®
lência de nossos produtos.
a prática de esportes para atender às necessidades de: valor sob medida para você. Nossa marca Quali®-Blends necessários - com rapidez Quality for Life™ é a marca de qualidade, confiabilidade
* Atletas de competições oferece o equilíbrio correto de ingredientes que ajudam e rastreabilidade. É a garantia que os clientes da DSM
* Pessoas fisicamente ativas de todas as idades no seu desempenho esportivo. Como a proteína intacta chega aos músculos e órgãos recebem os melhores ingredientes de nutrição e saúde,
conhecendo a origem da qual dependem. Quality for Life™
Elementos essenciais na nutrição A DSM pode ajudá-lo a chegar mais rápido ao significa sustentabilidade. Simboliza nosso compromisso
para a prática de esportes mercado com soluções atrativas que funcionam para com o meio ambiente, consumidores, parceiros comerciais,
� Água e eletrólitos a nutrição esportista. nossos funcionários e a estrutura regulatória que rege
� Energia Total Adequada nossas operações.
* Proteína - fornecida com PeptoPro® Com o selo Quality for Life™, garantimos tranquilidade
* Carboidrato PeptoPro® é sinônimo a você e seus clientes.
� Vitaminas e minerais de bons negócios!
* Quali®-B: B1, B2, B3, B5, B6, B12, ácido fólico, Biotina
* Vitaminas Antioxidantes: Quali®-C; Quali®-E PeptoPro® é um proteína hidrolisada que contém todos
* Quali®-D os 20 aminoácidos no mesmo equilíbrio natural encontrado
� Outros ingredientes funcionais na caseína, uma proteína láctea, porém praticamente sem
* All-Q® Coenzima Q10 lactose ou gordura. PeptoPro® fornece aminoácidos na for-
* ROPUFA® ômega-3 ma de dipeptídeos e tripeptídeos, moléculas tão pequenas PeptoPro®
* FloraGLO® luteína que não precisam de maior digestão no corpo, podendo ser Resultados de ensaios clínicos DSM Nutritional Products
* Optisharp® Zeaxantina fornecidas diretamente aos músculos. • PeptoPro® aumentou o metabolismo de proteínas e es- www.dsm.com

42 FOOD INGREDIENTS BRASIL Nº 23 - 2012 www.revista-fi.com www.revista-fi.com FOOD INGREDIENTS BRASIL Nº 23 - 2012 43
Dossiê bebidas energéticas

BEBIDAS EXTRATOS
ENERGÉTICAS BOTÂNICOS PARA
BEBIDAS FUNCIONAIS
O mercado de bebidas funcionais
O número de alegações funcionais em todo o mundo
A categoria de energéticos cresceu 25% no último está crescendo em todas as categorias de alimentos e bebi-
ano, segundo a Associação Brasileira das Indústrias das. Esta tendência deve ser mantida nos próximos anos,
de Refrigerantes e Bebidas Não Alcoólicas (ABIR), e a com crescimento em torno de 9% até 2015. A tendência
tendência é de que aumente muito mais. A projeção do para uma maior naturalidade e saúde está direcionando os
Instituto Euromonitor aponta um crescimento de 70% mercados: as pessoas continuam procurando ingredientes
na categoria até 2015, atingindo mais de 175 milhões funcionais a partir de fontes naturais e receitas nutricio-
de litros da bebida no mercado brasileiro, conforme nalmente corretas.
o mesmo instituto, o valor total mundial do segmento Se focarmos mais especificamente sobre o mercado
deve chegar a US$ 52 bilhões em 2016. de bebidas funcionais, podemos ver que três regiões do
Segundo o Mintel, no último ano, tivemos somente mundo estão dominando:
no Brasil, o lançamento de 62 produtos na categoria
de energéticos. Os sabores variam do tradicional sa- Se verificarmos mais precisamente os tipos de ale-
bor guaraná, com cafeína, aos mais inusitados. Sendo gações de benefício que são feitos sobre estas bebidas
que os lançamentos mais recentes atendem também funcionais, temos o seguinte gráfico:
a tendência da energia e saudabilidade. Dentro os
lançamentos os destaques são os com adição de sucos
de frutas com combinações diversas que trazem para
o consumidor o aporte de benefícios, vitaminas, poder
antioxidante e também com a adição de ingredientes
naturais alinhados à tendência de produtos mais na-
turais e mais saudáveis.
Sintonizada com as tendências mundiais de
sabores e a demanda deste mercado, a Duas Ro- extratos, aliados a sua tecnologia, criando excelentes
das lançou uma coleção de aromas para bebidas propostas para a indústria de alimentos e bebidas. A Como se pode ver neste gráfico, a América Latina
energéticas com diferentes perfis de sabores e empresa é uma das maiores fabricantes de ingredientes ainda é um mercado de bebida funcional pequeno em
de combinações. Esta coleção chamada MOO - para alimentos e bebidas da América Latina, possui comparação com as três principais regiões, mas é muito
VE apresenta sabores nas versões Frutas Ver- seis unidades fabris (três no Brasil e três na América dinâmico: considerando a quota de mercado total da re-
melhas, Açaí Natural, Frutas Cítricas, Açaí com Gua- Latina) e um moderno centro de pesquisa e tecnologia. gião, o número de novos produtos lançados é enorme (10%
raná, Guaraná com Extrato de Carvalho, Guaraná com dos novos produtos lançados no mundo são lançados na As categorias mais importantes de alegações perma-
Rhum e Citrus. América Latina, enquanto que a participação de mercado necem as de energia (28% do total), as de antioxidantes
Atenta às oportunidades, a empresa desenvolveu total da região é atualmente de 5%). (15%) e, em seguida, as alegações de controle de peso,
um preparado aromatizado para energéticos com mais As bebidas funcionais na América Latina correspon- que são muito mais presentes em 2012 do que em 2011.
versatilidade de aplicação, ou seja, uma solução inte- dem a um valor de mercado de 2,4 bilhões de euros em
grada para facilitar a indústria em termos de mistura 2012 (até esta data) e, até o fim do ano, o crescimento será Alegações de energia
de ingredientes e o mais importante: na redução de provavelmente de 25%! Especialmente neste campo, há uma forte tendência
custos. De fato, se compararmos o crescimento de várias áreas de ingredientes naturais energéticos como ginsenosídeos
A Duas Rodas está sempre buscando alternativas Duas Rodas Industrial Ltda. geográficas neste setor, podemos ver imediatamente que de ginseng e seus extratos ou conteúdo de cafeína natural
através de combinações de aromas, desidratados, www.duasrodas.com a América Latina é a zona que mais cresce. de diversas fontes botânicas.

44 FOOD INGREDIENTS BRASIL Nº 23 - 2012 www.revista-fi.com www.revista-fi.com FOOD INGREDIENTS BRASIL Nº 23 - 2012 45
Dossiê bebidas energéticas
Foco em Ginseng bebidas energéticas contêm cafeína, T et al, 2005). Na maioria das vezes, de cirurgia vascular, com também para a prevenção do stress
Há provas científicas que demons- há também uma grande oportunidade extratos de chá verde são promovidos idades entre 65 e 75 anos, oxidativo (Valentova et al., 2007).
trem a capacidade de ginseng e seus para utilizar os extratos de plantas por suas propriedades antioxidantes foram administrados ou No mercado de bebidas funcio-
extratos em aumentar o desempenho fí- que contêm cafeína natural. Chá ver- e as seguintes declarações podem 50ml de suco de romã por nais, o sumo de cranberry continua
sico. Por exemplo, tem sido relatado por de, café verde, erva-mate, guaraná e ser encontradas nas embalagens dos dia (n = 10, 1,5 mmol ou a ser a forma mais habitual da fruta
Kim et al (2005), que a administração noz de cola já são utilizados em muitas produtos: “Com ...mg de antioxidante o equivalente a 453mg de usada na formulação, enquanto que
de Panax ginseng aumenta o tempo de formulações de bebidas energéticas do chá verde por porção”, “Contém polifenóis totais) ou nada seus extratos estão principalmente
resistência ao desgaste. Em seu estudo, pelo seu teor natural de cafeína. flavonóides do chá verde”, “fonte (n = 9), juntamente com presentes nos suplementos alimen-
7 homens sedentários fizeram exercí- Todos estes extratos são produzidos natural / rica em antioxidante”. a medicação adequada por tares. No entanto, o processo de
cios voluntários até a exaustão em uma pela Naturex. Os extratos de chá verde são uti- pelo menos um ano. A es- extração utilizado para cranberry
esteira antes e após a administração lizados na forma de pó para chá em pessura média da carótida oferece mais possibilidades em ter-
de 8 semanas de extrato de Panax gin- Alegações de antioxidante 50% das bebidas funcionais, seguidas (IMT) diminuiu 13% em mos de conteúdos de moléculas ativas.
seng (2 g de cada vez, 3 vezes ao dia). A demanda por ingredientes an- pelo chá pronto para beber (24%) e comparação com a linha de Esses tipos de extratos de cranberry
A duração do exercício até a exaustão tioxidantes naturais também é forte. outras categorias tais como bebidas base, 9% com relação ao podem abrir novas possibilidades em
foi significativamente aumentada em A Naturex é capaz de fornecer uma energéticas, bebidas sem álcool, sucos controle depois de um ano e termos de alegações para o mercado
1,5 min. Além disso, o malondialdeído grande variedade de extratos botâ- ou águas aromatizadas. até 35% após 3 anos de bebidas funcionais.
(MDA) foi significativamente elevado nicos contendo diferentes moléculas Para reforçar a alegação funcio- em pacientes que beberam A Naturex adquiriu recentemente a
durante o ensaio (p <0,01), e atenuado antioxidantes: nal da bebida, extratos de chá verde suco de romã. O consumo empresa norte-americana Decas, a fim
após a administração de extrato são muitas vezes formulados de sumo de romã também de reforçar a sua oferta em extratos de
de Panax ginseng (p <0,01), em combinação com sucos de resultou na diminuição da oxidação de existe agora também uma base sólida cranberry. Somos capazes de oferecer
indicando que este pode facilitar fruta e extratos de outras plan- LDL e peroxidação em cerca de 20% de evidências sobre sua significativa vários extratos solúveis em água com
a recuperação do exercício exaus- tas. Por exemplo, uma bebida e 59%, respectivamente. O aumento atividade antioxidante. diferentes teores de fruta e com con-
tivo (Kim et al., 2005). “Detox” funcional seria obtida da capacidade antioxidante total no Um estudo avaliou o efeito de teúdo nativo especificado em polifenóis
Desde janeiro de 2011, mais pela mistura do extrato de chá soro e da atividade de paraoxonase um consumo de 8 semanas de totais, acidez total e proantocianidinas.
de 1.200 bebidas energéticas fo- verde e suco de Elderberry foram 130% e 83%, respectivamente. suco de cranberries secas (DCJ)
ram lançados em todo o mundo. ricos em antioxidantes com A pressão arterial sistólica, mas não em 65 mulheres jovens saudáveis.
Bibliografia
Ginseng é um dos extratos mais extratos de hibisco e de urtiga a diastólica, também foi reduzida Parâmetros básicos bioquímicos e
Kim,S.H., K.S.Park, M.J.Chang, and
utilizados na formulação de bebi- pelo seu efeito desintoxicante. versus o valor basal e grupo-controle hematológicos, a capacidade antioxi- J.H.Sung. 2005. Effects of Panax ginseng extract
das energéticas correspondendo Extratos de chá verde tam- após um ano de consumo de suco de dante, a presença de metabólitos na on exercise-induced oxidative stress. J. Sports
Med. Phys. Fitness 45:178-182.
a 13% dos novos lançamentos bém são amplamente utilizados romã (Aviram et al., 2004). urina, e atividade antiaderente in Pereira Panza V.S et al. : Consumption of gre-
de bebidas com esta alegação. em bebidas pelo seu papel for- Mais de 25% das bebidas funcio- vivo foram determinados durante en tea favorably affects oxidative stress markers
Ele vem logo depois Guaraná que Foco no chá verde talecedor da imunidade, propriedades nais contendo extrato de romã alegam todo o estudo. 400mg de DCJ / dia in weight-trained men, Nutrition, 2008 March.
Miura Y et al. : Green tea polyphenols (flavan
representa 16% destes lançamentos. O chá verde é exclusivamente de controle de peso e da saúde da pele. propriedades antioxidantes. Mistura- não tiveram nenhuma influência 3-ol) prevent oxidative modification of low density
A combinação da Cafeína / Guaraná derivado das folhas da Camellia Si- Com seu conteúdo de cafeína natural, do com outros extratos que também sobre qualquer parâmetro testado. lipoproteins : an ex vivo study in humans, The
Journal of Biochemistry, 2000 April, vol 11, pp
/ Ginseng é a mistura natural mais nensis. Embora seja nativa do sul e o chá verde também é adicionado à têm provado o seu impacto positivo Já uma quantidade de 1200mg de 216-222
comum para bebidas energéticas. do leste da Ásia, hoje é cultivada em mistura de ingredientes de bebidas na saúde cardiovascular como res- DCJ / dia resultou numa redução Nagao T et al. : Ingestion of tea rich in cate-
Nas embalagens dos produtos, os todo o mundo. O chá verde é muito energéticas naturais. veratrol, alho, bagas de espinheiro estatisticamente significativa nos chins leads to a reduction in body fat and malon-
dialdehydemodified LDL men, American journal
fabricantes apresentaram benefícios famoso por seu potencial antioxidante A Naturex oferece uma série de ou chá verde, a romã pode reforçar níveis séricos de produtos proteicos of clinical nutrition, 2005 Jan, vol 81, pp122-129
do ginseng para a saúde tais como: e também por vários outros benefícios extratos de chá verde solúveis em sua alegação de melhoria da saúde de oxidação avançada. Este efeito Aviram et al., Pomegranate juice consump-
tion for 3 years by patients with carotid artery
“A energia natural do ginseng”, “A de saúde. água, com vários perfis de ativos: de cardíaca. específico de proteção contra os stenosis reduces common carotid intima-media
potência extra de ginseng”, “Energia Na verdade, o chá verde contém 20% a 98% de polifenóis totais, com Extratos de romã produzidos danos oxidativos das proteínas é thickness, blood pressure and LDL oxidation.
física & saúde mental”, “Contém ex- um elevado nível de polifenóis, catequi- especificações de catequinas, cafeína pela Naturex para bebidas funcio- aqui descrito pela primeira vez. As Clinical nutrition, June 2004, vol. 23, n.3, 423-33.
Valentova et al. , Biosafety, antioxidant sta-
trato de Ginseng que melhora a saúde nas, e particularmente a famosa e EGCG. nais são totalmente solúvel em água, amostras de urina mostravam um tus, and metabolites in urine after consumption
e reduzi a fadiga”. epigalocatequina-galato (EGCG). com especificações padronizadas em efeito inibidor sobre a adesão das of dried cranberry juice in healthy women: a pilot
double-blind placebo-controlled trial. J Agric
A Naturex oferece vários extratos Graças às suas propriedades Foco em romã polifenóis totais e ácido elágico. Eles estirpes uropatogênicas de Esche-
Food Chem. 2007 Apr 18;55(8):3217-24. Epub
de Ginseng, projetados especifica- antioxidantes, o chá verde pode re- A romã é também uma grande são também otimizados organolepti- richia coli, mas não houve aumento 2007 Mar 24.
mente para aplicações em bebidas. duzir o estresse oxidativo induzido fonte de polifenóis com centenas de camente a fim de reduzir o impacto de na acidez da urina. Ácido hipúrico,
Somos capazes de oferecer extratos por diferentes mecanismos (Pereira compostos conhecidos, como o ácido amargor e adstringência ao mínimo. isômeros de ácidos salicilúrico e
de ginseng solúveis em água contendo et al., 2008). elágico e ácidos clorogênicos. di-hidroxibenzóico e quercetina
até 30% de ginsenosídeos. Pesquisas têm demonstrado que Foram provados seus benefícios Foco em cranberry glucoronido foram identificados
o chá verde pode melhorar e prote- específicos para o sistema cardiovas- Nos últimos anos, o Cranberry se como os principais metabólitos. Em
Outras plantas no campo de ger o perfil de colesterol (proporção cular. Em um estudo realizado em 19 beneficiou de grande comunicação em conclusão, os frutos de cranberry Naturex Ingredientes
bebidas energéticas LDL / HDL, prevenção contra danos pacientes com Eco Doppler anormal torno de seus benefícios em relação à são eficazes não só na prevenção Naturais Ltda.
Sabendo que mais de 45% das oxidativos) (Miura et al, 2000;. Nagao das carótidas medido em uma clínica saúde do trato urinário. No entanto, da infecção do trato urinário, mas www.naturex.com

46 FOOD INGREDIENTS BRASIL Nº 23 - 2012 www.revista-fi.com www.revista-fi.com FOOD INGREDIENTS BRASIL Nº 23 - 2012 47
Dossiê bebidas energéticas

BEBiDAS
nária de cafeína costuma ser menor do últimos anos tem sido associada à consumidas de cafeína por este público
que 5% da dose administrada. Isso se melhora do desempenho físico em di- têm sido na forma de comprimidos ou
deve à sua rápida reabsorção no túbulo versas modalidades esportivas. Essa bebidas esportivas15. Os comprimidos
renal. Devido a esse processo, o pico de melhora do desempenho pode estar contêm doses elevadas dessa substân-

ENERGÉTICAS
cafeína na urina ocorre de 1 a 3 horas relacionada com: aumento da lipólise, cia, enquanto as bebidas possuem uma
após a ingestão. gerando maior disponibilidade de áci- combinação de cafeína e carboidratos,
Em casos de consumo excessivo dos graxos como substrato energético para, além de aumentar o desempenho,
de cafeína, a paraxatina é o principal muscular e, consequentemente, pou- fornecer doses extras de energia.
metabólito a sofrer acúmulo no plasma. pando a utilização do glicogênio; au- Devido ao seu metabolismo, os efei-
Energéticos melhorou o tempo dos ciclistas em um Os efeitos mais conhecidos desen- Cronicamente, esse acúmulo instala-se mento da liberação de cálcio do retículo tos da cafeína são muito rápidos (90 a
De acordo com a RDC 273/2005 da teste de desempenho4. cadeados pelo consumo de cafeína no sistema nervoso central, ocorrendo sarcoplasmático nas fibras musculares, 120 minutos) e dessa forma seu consu-
ANVISA, “Composto Líquido Pronto Além disso, um estudo feito com 36 envolvem o estímulo do sistema ner- intoxicação. Apesar da paraxantina potencializando a capacidade de contra- mo deve ser repetido várias vezes para
para o Consumo” é a denominação voluntários concluiu que o consumo de voso central, especificamente no SRA possuir os mesmos efeitos que a cafeína, tilidade muscular; maior estímulo da se obter os efeitos desejados ao longo
legal dos energéticos, sendo este o pro- energéticos melhora significativamente (sistema reticular ascendente) ligado, em excesso não provoca aumento dos bomba de sódio e potássio, permitindo do dia, gerando o risco de efeitos colate-
duto que contém como ingrediente(s) a resistência aeróbica e o desempenho entre outras funções, ao controle do efeitos, visto que ocorre saturação de estímulos mais rápidos do sistema ner- rais como a dependência. Desta forma,
principal(is): inositol e/ou glucoro- anaeróbico em sessões de bicicleta sono/vigília, por consequência aumen- seus receptores13. voso central; aumento da ressíntese do novas fórmulas com liberação lenta de
nolactona e/ou taurina e/ou cafeína, ergométrica. E também mostrou que tando a atenção e o estado de alerta e Os efeitos metabólicos da cafeína AMP cíclico, levado a um aumento do cafeína têm sido desenvolvidas. Essas
podendo ser adicionado de vitaminas com o consumo de energéticos, houve diminuindo o sono e cansaço9 . são inúmeros. O efeito mais conheci- tempo de contração muscular. fórmulas quando comparadas com o
e/ou minerais até 100% da Ingestão melhorias significativas no desem- Entretanto, atualmente são rela- do dessa droga está relacionado com Em consequência a todos esses efei- café e outras bebidas, mostraram um
Diária Recomendada (IDR) na porção penho mental, incluídos tempo de tados possíveis efeitos da ingestão de sua estimulação do sistema nervoso tos relatados da cafeína na melhora do efeito positivo prolongado da cafeína
do produto. reação de escolha, concentração e me- cafeína sobre a lipólise, oxidação lipídi- central, ocasionando diminuição do exercício físico, o uso desta metilxantina no organismo, diminuindo os efeitos
Curiosamente, essa mesma legis- mória, o que reflete em um aumento ca, diminuição da quebra do glicogênio sono e cansaço e aumento da atenção pelos praticantes de atividade física colaterais. Estudos têm mostrado os
lação da ANVISA que regulamenta a subjetivo do alerta5. muscular e a uma maior capacidade e humor14 .Entretanto, a cafeína nos está cada vez maior. As fontes mais benefícios de uma ingestão de cafeína
bebida, permite na rotulagem o uso do Finalmente, um estudo realizado no de contração muscular, e por esses de liberação prolongada.
termo “Energy Drink”, mas proíbe o Reino Unido, mostrou que as bebidas motivos muitos desportistas e atletas Referências bibliográficas A cafeína de liberação lenta em con-
uso da expressão “Energético” - que energéticas melhoram e/ou mantêm o vêm consumindo de forma excessiva 1- Magkos F, Kavouras SA. Caffeine use in sports, pharmacokinetics in man, and cellular mechanisms
centração de 300mg aumenta o estado de
define toda a categoria, tanto para o humor e o desempenho durante tarefas alimentos e bebidas fontes de cafeína, of action. Crit Rev Food Sci Nutr. 2005;45(7-8):535-62. alerta sem modificar o sono em relação
varejo quanto para os consumidores cansativas e cognitivamente exigentes6. assim como a forma medicamentosa. 2- Westerterp-Plantenga M, Diepvens K, Joosen AM, Berube-Parent S, Tremblay A. Metabolic effects ao grupo placebo, SICARD e colabo-
of spices, teas, and caffeine. Physiol Behav. 2006 Aug 30;89(1):85-91. Epub 2006 Mar 30. Review.
da bebida! Mesmo contendo outros ingredien- As principais fontes naturais de cafe- 3- Kovacs EM, Stegen JHCH, Brouns F. Effect of caffeinated drinks on substrate metabolism, caffeine radores mostraram que doses diárias
Muitos estudos recentes mostram tes importantes, sabe-se que a cafeína ína são principalmente o café e chás excretion, and performance. J Appl Physiol. 1998 Aug;85(2):709-15. de 600mg de cafeína de liberação lenta
4- Lima WP, Carnevali LC Jr, Eder R, Costa Rosa LF, Bacchi EM, Seelaender MC. Lipid metabolism in
diversos benefícios advindos do consu- é a substância comportamentalmente preto e mate, chocolate, refrigerantes e também não modificaram a qualidade do
trained rats: effect of guarana (Paullinia cupana Mart.) supplementation. Clin Nutr. 2005 Dec;24(6):1019-
mo de Energy Drinks. ativa mais consumida no mundo7. Com bebidas energéticas10. O guaraná (Pau- 28. Epub 2005 Sep 22. sono, além de aumentar os efeitos dese-
Um estudo feito na Holanda sobre este foco, a divisão Funcional Mikron da linia Cupana Mart.) que é amplamente 5- Mandel HG. Update on caffeine consumption, disposition and action. Food Chem Toxicol. 2002 jados. Portanto, o consumo de cafeína
Sep;40(9):1231-4.
o efeito dos energéticos na redução Ultrapan desenvolveu uma cafeína mi- consumido como estimulador tanto na 6- Denaro CP, Brown CR, Wilson M, Jacob P 3rd, Benowitz NL. Dosedependency of caffeine metabolism
com liberação lenta parece ser a melhor
da sonolência de motoristas concluiu croencapsulada com liberação controlada. forma de pó, como na fórmula de cápsu- with repeated dosing. Clin Pharmacol Ther. 1990 Sep;48(3):277-85. estratégia para se obter os efeitos dessa
que a sonolência subjetiva diminuiu la, também é um produto rico nessa 7- Patat A, Rosenzweig P, Enslen M, Trocherie S, Miget N, Bozon MC, Allain H, Gandon JM. Effects of substância por mais tempo no organis-
significativamente durante a terceira e A cafeína substância (cerca de 2,5% a 5% de ca-
a new slow release formulation of caffeine on EEG, psychomotor and cognitive functions in sleep-deprived
mo, sem comprometer o sono e evitar
subjects. Hum Psychopharmacol. 2000 Apr;15(3):153-170.
quarta hora na direção após a ingestão A cafeína (1,3,7-trimetilxantina) é feína em suas sementes)11 . 8- Beaumont M, Batejat D, Coste O, Doireau P, Chauffard F, Enslen M, Lagarde D, Pierard C. Recovery outros efeitos colaterais promovidos pela
after prolonged sleep deprivation: residual effects of slow-release caffeine on recovery sleep, sleepiness
do energético¹. a droga psicoativa mais utilizada no Metabolismo da cafeína and cognitive functions. Neuropsychobiology. 2005;51(1):16-27.
mesma. Esta forma de apresentação na
Com atletas, um estudo com 12 mundo, sendo consumida por cerca de A cafeína ingerida oralmente é 9- Lagarde D, Batejat D, Sicard B, Trocherie S, Chassard D, Enslen M, Chauffard F. Slow-release caffeine: Industria Alimentícia vem assumindo
voluntárias, realizando três sessões do 80% da população mundial. rapidamente absorvida e alcança seu a new response to the effects of a limited sleep deprivation. Sleep. 2000 Aug 1;23(5):651-61. denominações mercadológicas que ten-
10- Sicard BA, Perault MC, Enslen M, Chauffard F, Vandel B, Tachon P. The effects of 600 mg of slow
Protocolo de Bruce para esteira a cada Apesar de citações de utilização pico plasmático entre 30 e 75 minutos release caffeine on mood and alertness. Aviat Space Environ Med. 1996 Sep;67(9):859-62. tam resumir suas propriedades, como
quatro dias, concluiu que os energéticos longínquas no tempo, essa substância após ingestão e possui uma meia vida 11 - Mets MAJ, Ketzer S, Blom C, et al. Positive effects of Red Bull® Energy Drink on driving perfor- por exemplo: “cafeína time release” ou
mance during prolonged driving.Psychopharmacology. 2011 April; 214(3): 737–745.
têm efeitos ergogênicos sobre o desem- só foi isolada em 1819. Em 1985, a de cerca de 4-5 horas. Cerca de 80% 12 - Kazemi F, Gaeini AA, Kordi MR, et al.The acute effects of two energy drinks on endurance perfor-
cafeína microencapsulada.
penho de resistência². cafeína foi sintetizada pela primeira da cafeína ingerida é metabolizada em mance in female athlete students. Sport Sciences for Health. 2009; Volume 5, Number 2, 55-60.
Outro estudo sugere que o consumo vez em laboratório, e desde então têm paraxantina pelo fígado e 16% em teo- 13 - Ragsdale FR, Gronli TD, Batool N, et al. Effect of Red Bull energy drink on cardiovascular and
renal function.Amino Acids. 2010;38(4):1193-1200.
de energéticos reduz as alterações na sido amplamente utilizada na indústria bromina e teofilina. Esses metabólitos 14 - Ivy JL, Kammer L, Ding Z, et al. Improved cycling time-trial performance after ingestion of a
pressão arterial durante experiências farmacêutica, sendo acrescentada a podem sofrer diversas dimetilações e caffeine energy drink. Int J Sport NutrExercMetab. 2009;19(1):61-78.
15 - Alford C, Cox H, Wescott R.The effects of Red Bull Energy Drink on human performance and mood.
estressantes (Teste Pressor ao Frio) e diversos medicamentos, com o intuito oxidações no fígado, até serem excre-
Amino Acids. 2001; Volume 21, Number 2, 139-150.
aumenta a tolerância dos consumidores de reduzir efeitos colaterais8. tados. Na urina, já foram verificados 16 - Smit HJ, Cotton JR, Hughes SC, et al. Mood and Cognitive Performance Effects of “Energy” Drinks
à dor³. Atualmente, com o advento dos su- mais de doze metabólitos diferentes Constituents: Caffeine, Glucose and Carbonation. Nutritional Neuroscience. 2004; Volume 7, Number 3, Ultrapan Indústria
June, 127-139.
Com ciclistas, um estudo feito com plementos alimentares, tem começado da cafeína, entretanto muito pouco ou 17 - Fredholm BB, Bättig K, Holmén J, et al. Actions of Caffeine in the Brain with Special Reference to
e Comércio Ltda.
12 atletas treinados mostrou que o a aparecer também nas formulações nada é encontrado dessa metilxantina Factors That Contribute to Its Widespread Use. Pharmacological Reviews. 1999; Vol. 51, Issue 1, 83-133 www.ultrapan.com.br
consumo de energéticos com cafeína destes produtos. na sua forma íntegra12. A excreção uri- www.funcionalmikron.com.br

48 FOOD INGREDIENTS BRASIL Nº 23 - 2012 www.revista-fi.com www.revista-fi.com FOOD INGREDIENTS BRASIL Nº 23 - 2012 49