Você está na página 1de 1

15. Telmo não revela a Maria de quem é o retrato de D.

João de Portugal porque


(A) receia que Maria faça mais perguntas e descubra o segredo da família.
(B) receia que D. Madalena o repreenda se o fizer.
16. A identidade de D. João de Portugal é finalmente revelada a Maria
(A) por Telmo. (B) por seu pai, Manuel de Sousa Coutinho.
17. D. Madalena revela a força de crenças e de agouros no seu espírito quando se mostra aterrada por
verificar que o dia em que decorre a ação é

TESTES
(A) uma sexta-feira. (B) um domingo.
18. O Romeiro chega, é apresentado a D. Madalena, e diz que vem
(A) do Egito. (B) da Terra Santa.
19. Perante as revelações que o Romeiro vai fazendo, D. Madalena acaba por mostrar-se aterrada porque
(A) toma consciência de que as suas premonições são passíveis de acontecer.
(B) reconhece no Romeiro D. João de Portugal.
20. O «grito espantoso» de D. Madalena no final do ato deve-se ao facto de
(A) ter reconhecido o marido dado como morto.
(B) perceber a infâmia que vai cair sobre toda a família, especialmente sobre Maria.

Ato III
21. A principal preocupação de Manuel de Sousa Coutinho perante a notícia de que D. João de Portugal
está vivo é para com
(A) Maria. (B) D. Madalena.
22. Em relação à nova situação de D. Madalena, Manuel de Sousa Coutinho considera-se.
(A) culpado (B) inocente.
23. Manuel de Sousa Coutinho está convencido que sua filha Maria.
(A) não resistirá à situação vergonhosa em que se encontra e morrerá.
(B) sofrerá imenso juntamente com D. Madalena.
24. A solução encontrada por Manuel de Sousa Coutinho e por D. Madalena para o problema causado pelo
aparecimento de D. João de Portugal é.
(A) separarem-se indo viver cada um isoladamente. (B) seguirem a vida religiosa.
25. Relativamente à identidade do Romeiro, Madalena
(A) conhece-a. (B) desconhece-a.
26. Telmo tem para com o seu antigo aio, D. João de Portugal
(A) os mesmos sentimentos. (B) sentimentos diferentes.
27. Na origem destes sentimentos está a relação com
(A) Maria. (B) D. Madalena.
28. O Romeiro tenta remediar a situação que causou através
(A) de Telmo. (B) de Frei Jorge.

29. Maria, nas cenas finais, exprime um grito de revolta


(A) contra Deus. (B) contra os pais.

30. A morte de Maria em cena deve-se


(A) à sua doença. (B) à sua doença e à vergonha com a sua condição social de filha ilegítima.

ED I TÁVE L
Entre Palavras 11 • Dossiê Prático do Professor • FOTOCOPIÁVEL 247

Você também pode gostar