Centro de Actividades Pedagógicas Caneta & Papel ± Rio Tinto Teste diagnóstico de Língua Portuguesa 7º ano Ano Lectivo 2010

/11 Nome do aluno: _________________ Grupo I
1. Lê com atenção o seguinte texto :
Ao longo dos passeios de Nova York, por sobre as estações e galerias do subway, abremse grandes respiradouros gradeados por onde cai de tudo: o sol e a chuva, o luar e a neve, luvas, lunetas e botões, papelada. chewing gum, tacões de sapatos de mulheres que ficam entalados, e até dinheiro. Às vezes, lá no fundo, no lixo acumulado ou em poças de água estagnada, brilham moedas de níquel e mesmo de prata. Os garotos ajoelham de nariz colado às grades, tentando lobrigar tesouros na obscuridade donde sopra um hálito húmido e oleoso e o cheiro dos freios queimados. Fazem prodígios de habilidade e obstinação para pescar as moedas perdidas. Alguns têm êxito nisso, mas depois engalfinham-se em disputas tremendas sobre a posse e a partilha do tesouro: nunca se sabe quem foi que viu primeiro. («) O limpa-vias trabalhava há muitos anos no subway, sempre de olhos no chão. Uma toupeira, um rato dos canos. Picava papéis na ponta de um pau com um prego, e metia no -os saco. Varria milhões de pontas de cigarros, na maioria quase intactos, de fumadores impacientes, raspava das plataformas o chewing gum odioso, limpava as latrinas, espalhava desinfectantes, ajudava a pôr graxa nas calhas, polvilhava as vias de um pó branco e misterioso, e todas as vezes que o camarada da lanterna soltava um apito estrídulo ± lá vem o comboio! ± ele encolhia-se contra a parede negra, onde escorriam águas de infiltração, na estreita passagem de serviço. Até já tinha ajudado a recolher pedaços de cadáveres, de gente que se atirava para debaixo dos trens, e a transportar os corpos exangues de velhos que de repente se lembravam de morrer de ataque cardíaco, nas horas de maior ajuntamento, uns e outros perturbando o horário e provocando a curiosidade casual e momentânea dos passageiros apressados. Sempre de olhos no chão, bisonho e calado, como quem nada espera do Alto, e não esperava. A vida dele vinha toda do chão imundo e viscoso. Nem sequer olhava a lívida claridade que resvala dos respiradouros para o negrume interior, onde tremeluzem lâmpadas eléctricas, entre as pilastras inumeráveis daquela floresta subterrânea metalizada: nunca lhos tinham mandado limpar.
Excerto da obra Arroz do Céu Autor: José Rodrigues Miguéis

Classificação: _____________

Explica a seguinte expressão textual por palavras tuas ³Sempre de olhos no chão. assim. Quem as escuta? Quem as recolhe. 2. o segundo texto. E mesmo pálidas verdes paraísos lembram ainda. bisonho e calado. 20 pontos (3.´ 1. com atenção. 1.1.1. traçando o seu perfil físico e psicológico.5 Caracteriza a personagem principal. e não esperava. nas suas conchas puras? Eugénio de Andrade .4 1.3x6) Deverás apontar as respostas na folha de resolução do teste. cheias de memória. Algumas. Lê. Identifica o tipo de narrador do texto.1. leves. 1. Inseguras navegam: barcos ou beijos. Outras. uma dupla adjectivação e uma personificação. orvalho apenas.2 Indica os sinónimos das palavras destacadas a negrito. Secretas vêm. um punhal. Desamparadas. justificando a tua escolha com uma frase retirada do excerto.1.3 Identifica a personagem principal. desfeitas.1 1. cruéis.6 Retira do excerto uma enumeração. como quem nada espera do Alto.1 ± Responde às seguintes questões. no texto. as águas estremecem.1. as palavras.1. As Palavras São como um cristal. 1. justificando com uma frase retirada do excerto. Tecidas são de luz e são a noite. inocentes. um incêndio.1.

1. 2. (Anota as resposta na folha do teste) 3. recordando os itens gramaticais abordados no ano anterior . Indica a formação das seguintes palavras: (5 pontos ± 1x5) a) aguardente b) felizmente c) corta-mato d) aparvalhado e) anormal .3x6) 2. 2.1 Responde a cada um dos itens. 2. Identifica o tema do poema.1. 2.1.1. Refere a estrutura externa do poema. Identifica uma metáfora e justifica-a com expressões do poema. Indica o esquema rimático das suas primeiras estrofes e o tipo de rima usado.1.1.5 Porque terá o autor composto um poema sobre palavras? Justifica a tua opinião.3.4.2.1. 2.2.1.1 Responde às seguintes perguntas: 20 (3. A quem se destinarão estas perguntas? Grupo II 3.1.6 Atenta na última estrofe.

e) . d) Este emigrante envia dinheiro aos seus familiares.1 Analisa.1 Indica a categoria dos seguintes verbos: (3 pontos ± 1x3) a) SER: verbo ____________ b) ENVIAR: verbo ____________ c) VARRER: verbo ____________ 3. Analisa. b) Este emigrante envia dinheiro aos seus familiares. sintacticamente. no Leste.4. no Leste. c) Este emigrante envia dinheiro aos seus familiares.1. as seguintes palavras abaixo: (7 pontos ± 1x7) a) limpa-vias b) aos c) varre d) para e) calado f) espreitar g) enorme . no Leste.3. os elementos sublinhados nas seguintes frases. varre o arroz para o lixo! 3.3.Limpa-vias. morfologicamente.2.(5 pontos ± 1x5) a) O limpa-vias é emigrante em Inglaterra.

4. O limpa-vias limpa vidros. (3 pontos ± 1. tu) por minha casa. (oração coordenada conclusiva) 3.7.3.5) a) O emigrante recolhia o arroz.1 ± Constrói frases complexas. estarei lá para decidir. . conforme as indicações (3 pontos ± 1.1 ± Identifica as seguintes orações coordenadas: (2 pontos ± 1x2) a) O limpa-vias não só era pobre como também emigrante. 3. ______ (passar. f) Eu fiz questão que tu _____________ (cantar) para todos nós.5x2) a) O limpa-vias varre.6. g) Quando eu ___________ (saber) a verdade. mas. (oração subordinada causal) b) Ele chegou à Inglaterra. Era pobre. b) Ele esperou pelo arroz. quem __________ (fechar) a loja fui eu! e) Para o próximo ano. b) Quando o arroz caía. b) Hoje. todos os fins-de-semana.1 ± Constrói frases complexas. nós _____________ (fazer) uma viagem pela Europa. c) Eu desejo que tu _____________ (querer) melhorar as tuas notas. i) j) Há muitos anos atrás. O governo inglês ordenou. conforme as indicações. o limpa-vias apanhava-o. O arroz foi uma bênção.5. Logo. h) Se nós quiséssemos. d) No último fim-de-semana. eles ___________ (costumar) ir ao circo. Completa com as formas verbais adequadas: (10 pontos ± 1x10) a) Há muito tempo.8. naquele dia. (oração subordinada temporal). ___________ (telefonar) à Joana. 3. não caíram nenhuns grãos. ele __________ o melhor escritor de sempre. o Júlio ____________ (ir) a uma consulta médica.1 ± Identifica as seguintes orações subordinadas: (2 pontos ± 1x2) a) O emigrante era calado porque não falava a mesma língua. (oração coordenada disjuntiva) b) A famíla dele é pobre.

Deverás ter cuidado com a caligrafia e ter em atenção os erros ortográficos. Faz frases curtas e parágrafos correctos.5. (20 pontos) _________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________ ________________________________________________________________________ _ _________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________ _______________________ __________________________________________________ _________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________ ________________________________________________________________________ _ _________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________ ________________________ _________________________________________________ _________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _ Boa sorte! Profª Maria Miranda . realiza uma composição na qual contes como decorreram as tuas férias. Numa exposição cuidada.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful