Você está na página 1de 60
Linguagem Corporal André Rossiter Introdugao a Analise Comportamental 6 sstudo pionero da Anlise Comportamental se deu por intermédio do Behaviorismo (sstudo comport mental), com destaque para Skinner, Parlay, Watson, Ryle, Wittgenstein, Edvard Tolman, Wolpe, Choms| dentre outros em 1913. Essencialmente o principio do Behaviorism analsa questies estaticas do comportamenta com base em estimulos e respastas e chegz a moldar 0 comportamento por principias de estimulo ¢ reforgo Dentre as princiais vertentes do Behaviorismo encontramas: Behavivismo Clissico, NeoBehavirismo, Gehaviorisma Filsdtico, Behavirisma Radical ¢ Comportamentologa, © comportamenta humana é contrlada por regas, na proposigio de Malot, onde por meio do Material ismo Cultural que se caracterza pela mistura de fatores psicolgicas e antropoldgicos de uma sociedade, chegumas a entender o compartamenta human, suas motivacdes @ com iso moldar ou entender a agio das pessoas A teavias compartamentais tem coma base o Honisma (teoriasflasfias que defender a identidade entre a mente ¢ 0 corpo), muito-bem descritas na psicossomatizagio (capacidade do corpo expresar 0 que a mente sents). Observaram que nem todo comportamenta podera ser maldado com base em estimulo e reforgp e com iso surgu 0 Neabehaviorismo, tendo como pioneiros Tolman e Hull Ji.0 Behaviorismo filoséfico naveg entre a dispasgio comportamental « a tendéncia comportamental camo fruta da estado mental de cada um © Behaviorirno Hetadolégico tem coma base a observagio de comportamentos « aciié que sio replicaves e foram muito difundidos por Skinner « Watson © Behaviorism radical também teve forte influéncia de Skinner e lida com o comportamento cognitive, emocional ou motor levando em conta o cantesta e condigGes do ambiente de maneira mais ampla, Par fim a comportamentologa se refere a naturera humana do comportamento, analisa 0 porqué do camportamento hurmano e se considera capar de ajudar a construir uma sociedade sustentvel de forma ripida por meio desta andes. Entendendo porque o Corpo Fala. A Somatizagao. 6 corpo humano tem uma ligica de funcionamento ator esse que & comprovado pela faciidade que a medicina tem em consertar ou minimizar a limitagies corporis que por ventura a nossa histéria ou DNA ts, © hamem primitivo nfo bebig praticava esportes, darmia cedo « morria em média SQ anos mais cedo que nis em 2017, temos uma estimativa de vida média de 80 anos, mesmo quando levamos uma vida repleta de vicios, pouco sono, ma alimentagio dentre outrs marelas impastas pela expasicio miditica tstimulando consumisma de forma perversa e mais efcaz que a psicaloga na recuperacio do ser humano ou tratamento da mesmo A capacidade de expressar no corpo o que sentimos & conhecida pela psicologa como samatizacio © de maneira menos cientifia perceba que nossa alimentacio define « nosso corpo e escreve nele quase que camo os rabiscas que produzimos num caderno, a diferenca & que a somatizagio leva em conta aspectos mas suis desta escrita ou linguagem corporal de sentimentas e emogies que sio expressas na corpo. Exempla: Uma pessoa triste abaixa a cabega iso acontece porque abaiando a cabeca a pessoa diminui a entrada de ar coragio bombeia menos sangue para a resto do corpo e iso causa uma sensagio de depressfo rspratéria, mesmo que em babio nivel, ssa expressa a necesidade que o corpo tem de sentir 4 que a cabega esptte ou alma sentem, A percepgio « entendimento dessa linguagem corporal é disponivel para todos em maior ou menor gyau de acordo com a sensbilidade de cada um em perceber 0 outro ou a capacidade de se conhecer na sentido mais amplo da palavra