Você está na página 1de 2

UFBA – INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE

Departamento de Bioquímica e Biofísica


Disciplina ICS003 - Biofísica III
Curso de Medicina
Discente: Danillo Mota

Estudo dirigido – Bioeletrogênese

1) No que se refere à bioeletrogênese, como você diferencia as células


excitáveis das não excitáveis?
As atividades biológicas envolvem reações químicas, elétrica, mecânica, térmica
e até luminosa. Em vertebrados, os efeitos bioelétricos podem exercer uma
função central e são observados em três tecidos: o neural, o muscular e o
endócrino. Ou seja, células excitáveis são células que quando recebem um
estimulo dão respostas especificas. Essas células processam as informações
recebidas, através, principalmente, de sua membrana, por exemplo os neurônios
são células excitáveis pois tem a capacidade de gerar e propagar sinais elétricos.
Todas as células possuem DDP elétrico em sua membrana plasmática, porém
só os neurônios, as células musculares e as células glandulares conseguem
alterar essa DDP elétrico significativamente.

2) Cite algumas funções biológicas que são dependentes do fluxo de


correntes iônicas.
Contração muscular, atividade cardíaca, transmissão nervosa, secreção de
glândulas e comunicação entre células do organismo são algumas funções que
dependem do fluxo de correntes iônicas.

3) O que significa potencial de repouso aumentado e potencial de


repouso diminuído?
No momento em que a célula está polarizada, ou seja, quando há uma maior
concentração de potássio no seu interior o que favorece um maior acumulo de
carga negativa, dizemos que o potencial de repouso está aumentado. No
momento em que a célula começa a despolarizar.

4) O que é potencial de equilíbrio de um íon? O que ele representa para


o fluxo iônico?
É o potencial no qual não há movimentação de um determinado íon. No fluxo
iônico esse potencial é importante pois ele estabelece o potencial de equilíbrio
de cada íon, que se tem por meio do balanço de duas forças (força elétrica e
química) e o balanço dessas duas forças resulta no potencial de equilíbrio
daquele íon é a partir desse resultado que é possível perceber o por que a
tendência de alguns íons é de entrar ou sair da célula, na sua normalidade.

5) O que é potencial limiar?


Potencial limiar é quando ocorre uma inversão da polaridade da célula, ou seja,
quando ocorre a despolarização da célula.

6) Qual a importância do equilíbrio de Gibbs-Donan?


Quando grandes partículas negativamente carregadas, como proteínas, que não
atravessam a membrana semipermeável, atraem os íons carregados
positivamente e repelem os carregados negativamente. E dessa forma, se
estabelece um gradiente elétrico e de concentração de íons. Logo, o equilíbrio
de Gibbs-Donan é importante pois ele é caracterizado pelo equilíbrio entre íons
que podem atravessar a membrana e os que não podem, ocorrendo um
equilíbrio entre as cargas das soluções.

7) Qual a gênese do potencial de repouso?


Ocorre quando a membrana está polarizada e não há potenciais sinápticos ou
qualquer outra alteração ativa do potencial de membrana, ou seja, quando o
potencial de membrana não é alterado por potenciais de ação.

Você também pode gostar