Você está na página 1de 5

Apoio e

Intervenção Familiar
Avaliação
Intervenção
2011
Apoio e
Intervenção Familiar
Avaliação Intervenção

Núcleo Apoio e Intervenção Familiar - descrição geral

O NAIF tem como objectivo global, desde o seu início, a criação de um espaço, para as famílias, casais e
adultos. Espaço este, que se caracteriza por pôr à disposição vários modelos de intervenção, na tentativa de
os ajudar a encontrar resolução para os seus pedidos.

Este núcleo tem como equipa técnica:

- A Coordenadora - Psicóloga Clínica - especializada em acompanhamento familiar/casais, e


acompanhamento reabilitativo
- Uma técnica, especializada em Terapia Ocupacional, com formação na área de intervenção
comportamental com famílias.

Os pedidos para intervenção junto deste núcleo, chegam através dos próprios, de colegas da equipa técnica,
ou através da comunidade, sendo que alguns deles já são encaminhados por tribunais de família, embaixada
dos Estados Unidos da América, instituições de acolhimento, CPCJ, entre outros.
 
A actividade clínica do NAIF caracteriza-se por acompanhamentos feitos junto dos elementos da família, ao
casal, no entanto, a intervenção pode também ser feita junto de qualquer elemento da família.

No acompanhamento às famílias com crianças portadoras de uma perturbação do desenvolvimento surgem


pedidos iniciais, feitos quer pelas famílias, quer pelo técnico que encaminha, ou pelo técnico que acompanha.
Esses pedidos reflectem as diversas necessidades identificadas, com prioridade dada às situações de maior
sofrimento.

Alguns exemplos dos objectivos dos acompanhamentos, independentemente do modelo de intervenção, são:

- Preservação do próprio na família


- Maior entendimento da criança com problemas
- Maior domínio de estratégias para lidar com a criança
- Ajuda para identificar os pontos fortes da família
- Diminuição dos sentimentos de impotência
- Ajuda para lidar com a depressão de um dos cônjuges
- Retoma do diálogo
- Evitar a situação de divórcio/moderação
- Discussão dos modelos de parentalidade
- Apoio na intimidade do casal

Na perspectiva do NAIF, uma vida familiar de sucesso requer que todas as necessidades das famílias,
incluindo as dos pais, sejam identificadas e resolvidas (Pereira, 1998). E é extremamente crucial para um
modelo centrado na família que o seu foco seja colocado nas necessidades da família inteira, e não apenas
nas da criança (Dunst et al., 1991).  
Apoio e
Intervenção Familiar
Formação

Núcleo Apoio e Intervenção Familiar - Formação

O NAIF desenvolveu e preparou diversas formações como resultado de alguns pedidos que nos têm sido
feitos. Todas estas formações podem ser apresentadas em forma de workshop, ou palestra e podem, todas
elas, ser adequadas para pais, e/ou técnicos. Em todas são focados aspectos teóricos, relativamente às
temáticas, mas o destaque é posto na reflexão, (de forma conjunta ou através da partilha da experiência do
orador), sobre as dificuldades e problemas que a família na sua entidade, ou nos seus diversos elementos,
vive. Todos os tópicos podem ser alterados, reflectindo o grupo alvo e o objectivo da iniciativa.

Apresentado um pequeno resumo das mesmas:


 
1. Ser pai...Ser mãe...Ser filho. Que relações...que ralações?
Mudanças nos papéis dos progenitores e da criança/jovem;
Expectativas parentais;
Tipos de relações familiares;
Sintomas dos problemas familiares.

2. Relação Pais-Escola - Como desenvolver?


Que papéis desempenham os pais na escola?
Que expectativas tem a Escola face aos pais?
Como potenciar o papel familiar na Escola, colmatando as dificuldades dos jovens?
Co-responsabilidades na Educação, tarefas partilhadas.

3. Ser família e responder às necessidades - enfrento e sobrevivo


Conceito de família;
Modelos de Família;
Presença de um diagnóstico na família;
Modelos de Luto, face à diferença;
Equilíbrios e desequilíbrios em momentos de crise;
Crise e coping (adaptação) .

4. Mulher e Saúde
A evolução do papel da mulher;
A mulher mãe;
A mulher gestora;
A fantasia da super-mulher e a mulher em luto;
Acumulação e rivalidade de papéis;
A mulher na nova família.

5. Socorro sou pai de um Adolescente!


Conceitos e Teorias sobre a adolescência;
Os maiores marcos e as maiores dificuldades;
A adolescência vivida na e pela família;
As crises vistas de forma positiva;
A Adolescência como etapa familiar;
Compreensão.
Apoio e
Intervenção Familiar
Formação

 
6. Imagens por detrás do espelho - O casal
O casal como entidade familiar ;
As dificuldades da fusão ;
Cedências ;
A dança e a música que nos une ;
Os maiores problemas ;
Como manter a chama acesa ?

(Para mais informações contacte familias@cadin.net)