Você está na página 1de 1

“Hoje em dia, os meios de comunicação de massas e as redes sociais oferecem uma resposta

cada vez mais eficaz àqueles que procuram popularidade.”

Apresente uma reflexão sobre a procura de popularidade no mundo atual. Fundamente o seu
ponto de vista, recorrendo a argumentos e a exemplos significativos.

Atualmente todos almejam popularidade e a forma mais fácil para a alcançar é através
dos meios de comunicação de massa e das redes sociais, uma vez que estão disponíveis a grande
parte da população mundial. Porém nem sempre a fama assim conseguida é merecida.

Por um lado, é demasiado fácil conseguir popularidade e na maioria das vezes quem a
procura não terá de fazer grandes esforços para a encontrar através da internet e televisão. A
meu ver um dos exemplos mais atuais deste facto são os Reality Shows, visto que os
concorrentes destes programas televisivos acabam por obter muita popularidade sem
merecerem, apenas pelo seu aspeto, roupas, linguagem, entre outras futilidades. O que se passa
dentro daquela casa não está só disponível na televisão mas também em revistas, sítios e redes
sociais, o que leva a que todo o país ou até grande parte do mundo saiba do que lá se passa e
no fundo estes concorrentes ficam a ser populares sem fazerem nada pela sociedade.

Por outro lado, a popularidade está frequentemente associada ao mérito e ao


reconhecimento e neste caso quem a procura terá de esforçar-se muito para a alcançar. Por
exemplo, os doutores palhaços, falados varias vezes na televisão e em revistas, ganharam
popularidade ao levar até às crianças hospitalizadas alegria. Estes são como um protótipo de
reconhecimento e popularidade devido ao fantástico trabalho que realizam todos os dias.

Porém, na minha opinião, estes profissionais na maioria das vezes não são tão
valorizados como os participantes dos Reality Shows e isso não está correto. Ou seja, a
sociedade não valoriza o que é mais importante, deixando-se iludir pelas futilidades.

Em suma, todos nós temos o direito de procurar a popularidade, mas se queremos ser
verdadeiramente reconhecidos teremos de trabalhar arduamente para tal.