Você está na página 1de 6

A REVELAÇÃO NATURAL/GERAL: A IRA DE DEUS

Rm 1:18-20 “A ira de Deus se revela do céu contra toda impiedade e perversão dos homens que detêm a verdade pela injustiça;
porquanto o que de Deus se pode conhecer é manifesto entre eles, porque Deus lhes manifestou. Porque os atributos invisíveis
de Deus, assim o seu eterno poder, como também a sua própria divindade, claramente se reconhecem, desde o princípio do
mundo, sendo percebidos por meio das coisas que foram criadas. Tais homens são, por isso, indesculpáveis;”

INTRODUÇÃO

Importância da carta aos romanos. A Igreja de Roma. E o propósito da carta.

Esboço dos 3 primeiros capítulos, apresentação do evangelho e condenação dos gentios, moralistas, judeus e de todos.

A importância e necessidade do evangelho lendo os versos 18 ao 20.

A Justiça de Deus se revela no Evangelho(17), e a Ira de Deus se revela do Céu(18).

O Evangelho traz perdão e vida eterna.

A Revelação que Deus faz na Natureza e na nossa consciência é para mostrar que Deus está irado com a humanidade, e a
humanidade irá pagar pelos seus pecados.

1º A IRA DE DEUS SE REVELA DO CÉU. “A ira de Deus se revela do céu”

Deus é incapaz de se irar? Ou Ele é somente amor?

Eles não temem a razão de Deus ter Ira.

E o que é a ira de Deus?

“A ira de Deus é dirigida contra o pecado, portanto, intimamente relacionada com a santidade e a justiça de Deus. A ira de
Deus pode ser definido da seguinte forma: A Ira de Deus significa que ele odeia intensamente todo o pecado.” Grudem

“A ira de Deus é a expressão da justiça de Deus contra pecado.”

Existe um Deus, e Ele está irado, e esta Ira tem origem no céu.

Deus faz isso na consciência das pessoas.

O senso divido, o sentimento de religião é universal, todos em qualquer época, lugar tem medo de algo superior a eles, de um
poder que é superior.

O pagamento de culpa, o ser humano sente que é culpado por algo.

O sentimento de culpa é universal, todos possuem.

Até mesmo o Índio no meio da Amazônia, do chinês ao americano sabe de que existe um Deus, e de que ele está irado com
seus atos.

Não pode se comparar a Ira de Deus e a raiva humana. É a reação de Deus diante do pecado, das suas criaturas rebeldes.

Todos sabem de que há um Deus onde eles ofenderam.

A existência de religião desde o principio da humanidade.

O homem é religioso.
2º DEUS ESTÁ IRADO CONTRA A IMPIEDADE E PERVERSÃO DOS HOMENS QUE DETÊM A VERDADE PELA INJUSTIÇA.
“contra toda impiedade e perversão dos homens que detêm a verdade pela injustiça”

Deus está irado por contra de duas coisas:

1º a Impiedade:

Impiedade significa falta de religião, viver como se Deus não existisse.

Uma pessoa piedosa, ela anda nos caminhos de Deus, adora ao Senhor, reconhece a sua soberania e quer servir a Ele.

Uma pessoa impiedosa é o contrario, não reconhece a Deus na sua vida, vive como se ele não existisse, e não leva em
consideração.

A ira de Deus é contra toda impiedade da raça humana, pois não o reconhecem, não servem, não adoram.

2º a Perversão dos homens

Enquanto a impiedade fala do relacionamento do homem com Deus .

A Perversão é o relacionamento do homem com homem.

O homem perverteu o direito, a dignidade, a justiça.

O tratamento imoral e injusto com os outros.

Deus está irado porque as pessoas matam uns aos outros, se odeiam, se enganam, mentem descaradamente, o homem
fazendo seu semelhante sofrer.

Deus está irado com isto também.

Mas como a Humanidade chegou a esse ponto?

3º eles detêm a verdade com a injustiça

A verdade de Deus que se revelou a nós.

Deus exige de todos os povos que tenham respeito, o adorem e o sirva.

Até mesmos que nunca ouviram falar de Cristo, ou da Lei de Moises, o conhecimento de Deus é natural a todo ser humano.

Mas o que o humano fez com a verdade?

Paulo diz que eles deterão a verdade com a injustiça.

Deter significa literalmente, manter em baixo. Matar por afogamento

O homem não pode mudar a verdade, mas ele pode sufocar a verdade, reprimi-la, suprimi-la.

A Ira de Deus é por estas questões. Deus se revelou ao homem na natureza, na consciência e o que o homem faz?

Sufoca todo conhecimento de Deus com injustiça.

Resultado do sufocamento da verdade? Toda impiedade e perversão humana.

Ninguém nasce ateu, é uma escolha que você faz no futuro.

1. Há um Deus, Ele está irado e que Ele revela essa ira do céu nas nossas mentes.
2. Este Deus está irado com a impiedade e perversão dos homens com resultado do sufocamento da verdade que Deus
revelou para eles.
Mas alguém pode perguntar: É justo Deus se Irar? O homem conhece realmente a Deus? Existe esse conhecimento de Deus,
tão claro pra que Deus responsabilize e cobrasse do homem?

3º A IRA DE DEUS É JUSTA

Sim, é justo (V.19) “porquanto o que de Deus se pode conhecer é manifesto entre eles, porque Deus lhes manifestou.”

O homem rejeita conscientemente a Deus. Por isso é justo.

Mas nós nunca poderemos conhecer a Deus por completo.

Deus é infinito e seu Ser. Infinito em seus atributos ou qualidades, na santidade, no seu poder, na sua onipresença,
onisciência, na sua justiça, na sua misericórdia.

Não conhecemos ele plenamente, mas podemos conhecer algumas coisas.

Deus se manifestou dentro de nós, no meio de nós.

Ele se manifestou na sua imagem e semelhança, onde temos desde quando nascemos.

Apesar do pecado, essa imagem ainda permanece em nós.

Todo homem sabe que existe um poder superior, e que ele deve alguma coisa.

Os momentos de tragédias:

Basta acontecer uma tragédia ou um sofrimento muito grande, ai logo diz: Meu Deus do Céu.

Só existe ateu enquanto o avião não cai.

Depois que o avião começa a cair ai é Meu Deus do céu, me salva.

Mas porque Deus lhe manifestou?

Se não fosse a iniciativa de Deus se revelar a nós, a humanidade viveria em trevas.

Deus é quem toma a iniciativa de revelar-se, de se manifestar-se a humanidade.

Deus deseja que nós o conheçamos que nós o amemos que nós o sirvamos, de todo nosso coração.

I coisa há um Deus e ele está irado, e ele diz isso nas nossas consciências.

II coisa, Eles está irado contra a impiedade e perversão dos homens, porque os homens sufocaram a luz da verdade no seu
coração e trocaram pela injustiça.

III coisa é justo Deus está irado, porque o que se pode conhecer de Deus ele manifestou ao homem, ele se revelou na
consciência e no coração humano.

Paulo fala das coisas que são possíveis pra conhecer a Deus.

4º DEUS REVELOU ALGUNS DOS SEUS ATRIBUTOS, A SEU RESPEITO NA CRIAÇÃO.

“Porque os atributos invisíveis de Deus, assim o seu eterno poder, como também a sua própria divindade”

O verso 20 complementa o verso 19. Ele explica um ao outro. 20 conhecimento de Deus manifestado, e o 19 é manifestação
de Deus na natureza.

Ele brilha ao nosso redor nas coisas que foram criadas.

A beleza do universo, a sua harmonia, a sua imensidão, não faria nenhum sentido se dentro de mim já não tivesse essa
consciência de que há um Deus e que ele é o autor disso tudo.
Eu só posso ver a natureza e deduzir que existe um Deus porque a luz dele já brilha dentro de mim.

A criação apenas confirma aquilo que a minha consciência já diz. Que há um Deus.

Esse Deus tem atributos, o que é atributo?

Atributos de Deus: como a onipotência, onipresença, onisciência, eternidade.

Atributos transmitidos a nós: Inteligência, criatividade, consciência, arbítrio, sentimento, são coisas que Deus passou pra nós.

Deus é Espírito. Portanto ele é invisível.

Apesar de esses atributos serem invisíveis aos nossos olhos carnais, ele é visível em nossa mente.

Paulo menciona dois atributos invisíveis de Deus.

1º É o seu eterno poder

Paulo nos diz que observando a natureza existe um poder eterno, que existia antes da natureza, e que deu origem a ela.

É impossível as coisas surgirem por acaso, ou do nada.

Há um poder eterno que antecede o universo e que deu origem a tudo isso.

O segundo atributo invisível que Paulo menciona:

2º A sua própria divindade

E o que é a divindade de Deus?

Ele não é como nós, ele é totalmente outro.

Ele não é limitado como nós, não é finito, ele não teve um começo, e ele não terá fim, ele não faz parte da criação, ou seja,
não é a alma do mundo.

Pela natureza podemos contemplar que há um poder eterno e que esse poder é majestoso e glorioso.

Paulo nos diz: Os atributos invisíveis de Deus foram revelados na natureza, como seu poder eterno e a sua divindade.

Mas há uma quinta coisa que Paulo fala aqui:

Que essa Revelação de Deus é claramente conhecida.

5º ELA É CLARA, ANTIGA E UNIVERSAL

“claramente se reconhecem, desde o princípio do mundo, sendo percebidos por meio das coisas que foram criadas”.

1º É claro o conhecimento de Deus V.20 “claramente se reconhecem”.

Paulo está dizendo que o Poder Eterno de Deus, sua divindade é claramente conhecido.

É claramente conhecido que há um Deus Santo, que está irado contra toda impiedade e perversão da humanidade.

É natural saber que Deus existe, está na nossa consciência.

A manifestação de Deus é clara.

2º O conhecimento de Deus é Antigo V.20 “desde o princípio do mundo”.

Desde Adão, até o ultimo ser humano nascido hoje ele tem esse conhecimento de Deus.

Ele tem o conhecimento dentro dele, e fora dele. A Glória de Deus brilha dentro de nós, e fora de nós.
3º O conhecimento de Deus é Universal V.20 “mundo”

Esse conhecimento está em todo homem que já pisou nesse mundo.

Não é um conhecimento secreto, misterioso de Deus, mas sim conhecido por todos na sua consciência e na criação.

6º “TAIS HOMENS SÃO, POR ISSO, INDESCULPÁVEIS;”

Paulo, conclui que todos são indesculpáveis.

Indesculpável literalmente do grego Apologia.

Apologia é uma defesa que você apresenta ao ser acusado de algum crime, e é uma tentativa que a pessoa acusada faz para se
justificar.

No dia do Juízo, nenhuma pessoa terá uma apologia a apresentar diante de Deus.

Ninguém tem desculpa diante de Deus.

É isso que Paulo está dizendo aqui, por isso, tais homens são indesculpáveis.

1. Há um Deus, este Deus está irado.

2. Ele manifesta sua ira na nossa consciência.

3. A ira dele é contra a impiedade e perversão dos homens que detém a verdade pela injustiça.

4. É justo que Deus esteja irado, porque o que se pode conhecer de Deus, Ele manifestou a nós, pela consciência e pela
criação. Pela Criação podemos ver algumas coisas que podem ser conhecidas de Deus, como seu eterno poder, e sua própria
divindade.

5. E esta Revelação é clara, antiga e universal.

6. Concluindo: Não tem inocente diante de Deus, nem aqui, nem no amazonas, nem na Antártida, nem no polo Norte, nem
deserto Árabe, nem nas florestas mais ocultas do mundo.

Nunca Teve e nunca terá um inocente diante de Deus.

APLICAÇÕES

O que podemos aprender com esse texto?

1º é importante tanto pra você e para mim o quanto é importante o evangelho.

Porque o evangelho é necessário?

Porque é preciso de outra revelação?

A Revelação da Ira de Deus é suficiente pra lhe deixar sem desculpas diante de Deus, ela não pode lhe salvar.

Ela mostra a dependência que temos de Deus, e nossa miséria.

É preciso da revelação especial.

Esta revelação vem através de seu Filho Jesus Cristo, o Evangelho de Cristo.

Essa revelação é única forma da qual podemos ser salvos da ira de Deus.

Pra você entender a necessidade do Evangelho é preciso que você entenda a perdição da raça humana.

De que todos são culpados, e carecem da glória de Deus.

Estamos debaixo da Ira de Deus com justiça. Medite nisso:


Que você é um privilegiado a ouvir o evangelho, ao ter a revelação especial em suas mãos.

É necessário evangelizar, proclamar o evangelho.

Precisamos levar o evangelho de Deus que salva as pessoas.

Há um Deus, e esse Deus é um Deus Santo.

E esse Deus é um Deus que se Ira. Ao contrario do que muitos dizem que Deus é só amor, mas ele é santo também.

E porque ele é Santo ele está irado.

Ele está irado pelos seus pecados.

Você não tem desculpa nenhuma pra viver longe dele.

Esse Deus tem compaixão dos pecadores que reconhecem que são pecadores, que estão perdidos e que buscam
humildemente.

Deus tenha misericórdia de mim pecador, não mereço nada a não ser a tua ira.

O Senhor se revelou a nós, isso demonstra que ele quer me conhecer, e que Ele quer que eu o conheça me ilumina me guia
mediante Jesus Cristo para que eu possa me reconciliar contigo e viver para tua glória.

Você pode fazer isso, se curvar diante do Deus todo-poderoso criador dos céus e da terra.

Aproveitar a misericórdia dele enquanto ele ainda lhe permite viver, e escutar o evangelho que salva o pecador.

A Ela a toda glória.