Você está na página 1de 1

Namora comigo.

Monique Rodrigues

Na era da virtualidade, dos contatos artificiais. Uma moça; sem nome,encantada com um
jovem rapaz, utiliza dos benefícios da mídia e o pede em namoro. Esta talvez seja a história
mais comum na contemporaneidade. Jovens que se relacionam no mundo virtual, mas nunca
transpassam as barreiras do código binário.
Isso aconteceu numa terça de carnaval, viajando pela linhas do tempo de uma rede social, a
moça avistou o rapaz de forma que ela nunca esperava vê-lo. Aferrecida pela visão desejou
no mesmo instante. Decidindo que pediria o mesmo em namoro. Tomada pela coragem que
da máquina que cala as expressões, ela enviou lhe uma mensagem dizendo: namora comigo.
Sua reação imediata em resposta: hã?
Ela repete: namora comigo?
Ele: por que pergunta assim, do nada?
Ela : é tão difícil responder para ofertar me uma pergunta como resposta..
Após este breve diálogo, silêncio se instaura.
A moça tomada pela crença de estar diante de seu novo amor insiste: namora comigo?
Ele: não tenho resposta para está pergunta.
Ela: todo mundo tem alguma resposta
Ele: não quero te magoar, mas já tenho alguém.
A jovem muito enfurecida. diz que ele estava atrapalhando sua história com aquela frase que
ela não queria ouvir. Ele poderia finjir.
Ambos abandonaram a conversa, vocênão conteve seus pensamentos. Percebendo que sua
frase foi muito desennhosa do sentimento nutridos pelo jovem.
Resolvendo enviar lhe uma mensagem de redenção.
Continha nessa todo arrependimento em ter pedido que ele fingi se.
Dizia ela: como pesar confesso não ter suportado o fato de já existir outra em sua vida, não
existe história alguma. A não ser a que eu quero contar com você.
Era tanto desejo apossando se da jovem que ela o pediu para namorar as duas. Infelizmente
ela não sabe o que ele decidiu. Por sua mensagem não terr sido entregue.
Isso consumiu seu pensamento em dor por semanas está a esperar a mudança do status da
mensagem.