Você está na página 1de 3

CASE

VISÃO DA UNDB

Ser uma instituição nacionalmente reconhecida pela sua excelência em todas as suas áreas de atuação.

MISSÃO DA UNDB

Promover o conhecimento alicerçado em princípios éticos, científicos e tecnológicos, através de metodologias de vanguarda,
visando à formação e ao aperfeiçoamento humano de profissionais comprometidos com o processo de desenvolvimento e
mudança nos seus campos de atuação.

1. INFORMAÇÕES SOBRE A DISCIPLINA

Disciplina: Teoria da Norma Penal e do Crime Carga Horária: 60h


Professor (a): Esp. Thiago Viana Turno: Noturno
Curso: Direito Período/Semestre: 2º/2018.1
Pré-Requisito: Não há Horário: DT02AN – Quarta 1º (Estudos Colaborativos); Quinta 3º
e 4º

2. OBJETIVOS

PRINCIPAL Compreender o princípio da insignificância (bagatela), sua aplicação pelo sistema de justiça criminal e como ele se
relaciona com a seletividade do sistema penal.

SECUNDÁRIOS Analisar a aplicação e interpretação do princípio da insignificância, seus critérios e os argumentos utilizados
para afastá-lo ou não. Além disso, examinar como a aplicação ou não do princípio da insignificância implica a seletividade do
próprio sistema penal.

3. CASE

Janice Almeida desde o Natal contava as horas para começar o pré-Carnaval em São Luís, especialmente para curtir o
bloco Só Safados. Assim que foi marcado o primeiro grito de carnaval do bloco, Janilce saiu de casa numa segunda-feira enso-
larada para ir comprar adereços nas lojas de armarinho e barracas na Rua Grande e nas ruas vizinhas. Após descer do coleti-
vo, Janice andava pela praça Deodoro e decidiu, de última hora, sacar dinheiro no Banco do Brasil. Ocorre que, ao atravessar
a rua, ela se assustou e apressou o passo para não ser atropelada por uma moto e, nesse momento, Jairo Albuquerque apro-
veitou a distração da mesma e lhe subtraiu uma correntinha de R$ 40,00. Ela gritou quando se deu conta de Jairo ter lhe
arrancado a correntinha e dois PMs que estavam nas proximidades saíram em perseguição de Jairo, que acabou sendo deti-
do. Na delegacia, constatou-se que o mesmo já tinha contra si três condenações com trânsito em julgado (duas por tráfico de
drogas e uma por roubo), razão pela qual o delegado pediu a prisão preventiva do mesmo à autoridade judicial.

De acordo com a situação acima descrita, desenvolva as teses de defesa e de acusação do caso.

4. QUESTÕES PARA ANÁLISE

Questão principal: E possível a aplicação princípio da insignificância ao caso em questão?

Página 1 de 3
CASE

Perguntas secundárias:

1. Quais as implicações do uso dos critérios, objetivos e subjetivos, para a aplicação do princípio em tela?
2. O Poder Judiciário, na aplicação do princípio da insignificância acaba por reforçar a seletividade do sistema penal?

5. TEORIAS ENVOLVIDAS

• Teoria geral do crime


• Princípios do Direito Penal
• Criminologia

6. OBSERVAÇÕES GERAIS

GERAIS:
- A aplicação do case seguirá o disposto no Manual institucional do case;

- O aluno que deixar de apresentar o case ou o paper programado, não terá direito à reposição (artigo 75, § 2º do Regi-
mento Interno da UNDB);
- Em nenhuma hipótese serão aceitos trabalhos fora do prazo ou justificativa de ausência;
- A cópia de ideias alheias (sem indicação da fonte) terá como consequência a atribuição de nota 0 (zero) para toda a avali-
ação, independentemente da extensão do plágio.

ESPECÍFICAS:
- A sinopse do case será elaborada individualmente, digitada, com o mínimo de 2 e o máximo de 4 laudas (sendo a última
dessas 4 laudas a de referências);
- O aluno deverá levar para a aula de discussão sua sinopse do case, contendo a resposta à indagação acima, em duas vias,
sendo que uma deverá ser entregue à professora e a outra servirá para subsidiar o trabalho nos grupos;
- Na discussão, as notas serão atribuídas a partir da apresentação dos relatores, após a discussão em pequenos grupos. Será
atribuída, a princípio, nota única a todos os membros do grupo. Nota diferenciada (para mais ou para menos) poderá ser
atribuída individualmente pela participação na discussão generalizada.

REFERÊNCIAS
BARATTA, Alessandro. Criminologia crítica e crítica do direito penal: introdução à sociologia do direito penal. Tradução Jua-
rez Cirino dos Santos. 3 ed. Rio de Janeiro: Editora Revan: Instituto Carioca de Criminologia, 2002.

BOTTINI, Pierpaolo Cruz. O Princípio da Insignificância nos crimes contra o patrimônio e contra a ordem econômica: análise
das decisões do Supremo Tribunal Federal. Disponível em: <https://blogdovladimir.files.wordpress.com/2011/08/pesquisa-
sobre-o-princc3adpio-da-insignificc3a2ncia.pdf> - Acesso em: 15/02/2018.

CUNHA, Rogério Sanches. Manual de Direito Penal. Parte geral (Arts. 1º ao 120). 5. ed.: Rev., amp. e atual. Salvador: Juspo-
divm, 2017.

Página 2 de 3
CASE

7. CRONOGRAMA

ENTREGA DEVOLUÇÃO
SINOPSE DO CASE 26/04 03/05
DEBATE (PEQUENOS E GRANDES GRUPOS) 26/04 -
DISSERTAÇÃO ARGUMENTATIVA 10/05 17/05

Aprovado pelo Colegiado do Curso de Direito

Data: fevereiro de 2018

_______________________________
Prof. Me. Arnaldo Vieira Sousa
Presidente do Colegiado

Página 3 de 3