Você está na página 1de 22

1

SUMÁRIO

Apresentação ......................................................................................................... 03
Evolução Literária ............................................................................................... 04
E-books, tão básico! ............................................................................................ 05
A leitura no século 21 ........................................................................................ 06
Livros Digitais x Impressos ............................................................................. 07
Livros digitais ........................................................................................................ 08
Prazer ou praticidade? ...................................................................................... 09
Livros digitais: nova solução .......................................................................... 10
A vantagem dos livros digitais ....................................................................... 11
“Leitura” digital .................................................................................................... 12
Lados negativos e positivos da Reforma ................................................... 13
Novo Médio ............................................................................................................ 14
Ensino Médio ......................................................................................................... 15
Os dois lados da folha ........................................................................................ 16
Como os livros digitais podem facilitar nossas vidas .......................... 17
Livros digitais vs livros físicos ....................................................................... 18
Realidade digital .................................................................................................. 19
Livros físicos e suas importâncias ................................................................ 20
Relevância ou irrelevância? .....………………………………………………….. 21
A revolução dos livros ...................................................................................... 22

2
APRESENTAÇÃO

Este caderno de opinião é resultado de um trabalho conjunto


desenvolvido por professoras e professores em formação
vinculadas(os) ao NEPELIN – Núcleo de Estudos e Pesquisas em
Ensino de Linguagem junto dos nonos anos, turmas 91 e 92, da
Escola Municipal de Ensino Fundamental Padre Nóbrega.
Ao longo de diversas aulas, previstas em um ciclo de oficinas
que contemplam o trabalho de leitura e produção textual a partir da
dinamização, junto das turmas, de atividades contidas no caderno
didático Para ler e produzir artigos de opinião na escola, os alunos
puderam conhecer o gênero textual artigo de opinião,
compreendendo sua estrutura composicional, propósito
sociocomunicativo e funcionamento. Como atividade final, os
alunos puderam optar por uma das propostas contidas no caderno
didático, produzindo os textos que fazem parte deste caderno: Lei
da Reforma do Ensino Médio ou Livros Digitais.
As produções aqui relacionadas são, portanto, resultado de
todo o trabalho desenvolvido junto das turmas, das reescritas dos
textos e, sobretudo, da dedicação dos alunos, que foram desafiados
a agir por meio da escrita, expressando e defendendo seus
posicionamentos a respeito dos temas em questão.
Sabemos que escrever não é fácil, mas é, sem dúvida, um
poderoso instrumento de ação social. A escrita de artigos de
opinião permite que expressemos nossa posição diante da
sociedade e nos afirmemos enquanto sujeitos críticos, cada vez
mais conscientes e ativos em relação aos textos que lemos e
competentes em relação às escolhas linguísticas de que lançamos
mão para interagir com o outro e com o mundo.
Por fim, agradecemos à Escola Padre Nóbrega pela
disponibilidade e cooperação com o processo, o que foi
fundamental para o êxito da proposta desenvolvida com os alunos.

3
ARTIGO | Evolução Literária

Alisson Maciel - 91
Com certeza muitas pessoas usam a internet e aparelhos
eletrônicos “como partes de suas vidas”. A internet é uma das
maiores invenções da idade moderna, porque com ela temos acesso
a quase tudo que temos direito.
Na concepção de vários jovens é muito melhor ler textos e
artigos na internet, mas a leitura excessiva pela tela de
computadores ou smartphones pode prejudicar a visão. O uso de
livros digitais seria uma “salvação” para o meio ambiente, porque
árvores seriam cortadas moderadamente para a fabricação do
papel.
Então, por um lado seria bom aumentarem o uso de livros
digitais, mas primeiro deveriam achar uma forma de acabar com os
danos prejudiciais à visão.

4
ARTIGO | E-books, tão básico!

Fred de Moraes - 91
Primeiramente, por que esse assunto “e-books” que é tão
básico?! Os livros digitais são um exemplo da evolução e da cyber-
atividade humana. O e-book ou livros digitais, são bem melhores e
bem mais práticos do que os livros impressos, os e-books tem alto
nível de durabilidade, e o risco de serem deixados em casa ou
perdidos diminui, é quase nula, pois os livros até pelo fato de
ficarem na escola são digitais.
Hoje em dia, com tamanho da tecnologia que os homens
possuem, é realmente possível ter em países como o nosso, tablets
com softweres que disponibilizam o acesso apenas aos livros e a
sites de pesquisas. Países como EUA e Japão já adquiriram essa
técnica, e com isso seus níveis de educação e de aprendizagem
decolaram e a qualidade de vida também! Mas não podemos deixar
eles para trás, os livros impressos causam mais interação com o
leitor e muito mais modos de serem usados, até mesmo de
apoiador, brincadeiras a parte, os livros impressos são um enorme
retrocesso não precisam ser extintos, eles apenas devem ser
guardados.
Os e-books têm menos custo e são menos prejudiciais à
natureza, pois deixa de ser fabricado com árvores e passa a ser
apenas mais um objeto eletrônico.

5
ARTIGO| A leitura no século 21

Júlia Oliveira - 91
A tecnologia tem se mostrado muito eficaz em facilitar a vida
do ser humano, mas será que a tela do celular irá superar a
experiência do papel?
O celular que antigamente era apenas uma ferramenta de
comunicação, tornou-se na maior fonte de entretenimento da
atualidade. Dessa forma, a chegada dos livros na rede é algo
inevitável.
A leitura além de divertir, é algo que exercita a mente e faz o
leitor se concentrar. Contudo, com um aparelho com várias opções
de jogos e redes sociais seria possível ler ou ele checaria o facebook
nesse período de tempo?
Quando temos o livro físico estamos apenas atentos ao texto,
a textura da página, a história do livro e a mensagem que o autor
quer nos passar, vantagens que nunca poderão ser substituídas por
e-books.

6
ARTIGO | Livros Digitais x Impressos

Leonardo Garcia - 91
Os livros digitais já estão sendo uma grande evolução para o
mundo, pois a cada instante que passa à tecnologia vai sendo
melhorada.
Os livros digitais seriam ótimos, pois se algumas pessoas
não tivessem condições de comprar o livro físico, poderiam ler o
livro digitalmente.
Os livros impressos são ótimos para muitas pessoas, muitas
pessoas chegam a colecionar pilhas e pilhas de livros de todos os
tipos, e muitas pessoas também acham ótimo os livros serem
digitais, porque eles teriam o livro que quisessem na palma de suas
mãos.
Os livros digitais não correriam risco de serem rasgados,
queimados e etc. E já os livros impressos correm esses riscos.

7
ARTIGO | Livros digitais

Leonardo Segalla - 91
Atualmente, com toda essa tecnologia no mundo, eu acho
que os livros impressos são desnecessários, pois já está na hora de
começar a utilizar livros digitais.
Eu sou totalmente a favor da utilização de livros digitais,
pois como aluno, eu acho que isso vai incentivar o estudo e vai
implantar uma nova forma de se relacionar.
Hoje em dia muitos colégios privados já utilizam livros
digitais, e acredito e espero que as escolas públicas também
passem a utilizar esse método que eu acho muito bom para o
aprendizado.
O celular é um grande problema, pois passamos grande
parte do dia mexendo nele, com os livros digitais podemos usar o
celular para coisas produtivas como estudar, se aprofundar mais no
conteúdo, por isso e mais motivos sou totalmente a favor dos livros
digitais.

8
ARTIGO | Prazer ou praticidade?

Maria Eugênia Tólio - 91


Livros são uma fonte muito boa para adquirir conhecimento,
ou até mesmo só para passar o tempo. Quando alguém fala em
livro, sempre imaginamos uma coisa física, com folhas, com cheiro.
Porém, hoje em dia, com toda essa tecnologia, nem sempre é isso
que vem na cabeça das pessoas. Agora existem livros digitais,
dentro do seu celular.
Eles têm muitas vantagens, não ocupam espaço, não
obrigam que árvores sejam cortadas, possuem variedade dentro
dos aplicativos, entre outras. Apesar disso, nada se compara a ter
um livro em suas mãos, sentir o cheiro, a textura. Sem contar que
você fica focado no livro impresso, no digital você pode abrir outros
aplicativos e esquecer da leitura.
Nos livros digitais há mais interação, com gráficos animados
e pequenos vídeos, o que não tem nos impressos. Isso pode
prejudicar, causando distração, assim, perdendo o foco da leitura.
O livro digital tem suas vantagens, mas o bom e velho
impresso ganha, por ser algo físico, parece que temos mais
curiosidade em saber a história. Ter o prazer de abrir um livro
novo é inigualável, sentir o cheiro, a textura das páginas, tudo isso
nos traz felicidade.

9
ARTIGO | Livros digitais: nova solução

Nathalia Rodrigues - 91
Os e-books ou livros digitais, como são conhecidos, têm
ajudado leitores que adoram ler, por diversos fatores.
Os livros digitais são melhores, pois são fáceis de encontrar,
manusear e podem ser levados a todos os lugares sem que
estraguem.
Também não prejudicam o meio ambiente, porque não é
necessário derrubar árvores para fabricá-los. Outro argumento é
que não custam caro, porque não é necessário fazer todo o
processo de fabricação com os impressos.
Por outro lado, existem pessoas que ainda preferem os
livros comuns, os impressos, pelo fato de terem o prazer de tê-los
em mãos e diferentemente dos livros digitais, não serem tão
cansativos.
Os e-books são mais eficientes por diversos fatores, e se
todos optassem por utilizá-los seria uma boa solução,
principalmente para o meio ambiente.

10
ARTIGO | As vantagens dos livros digitais

Tiago Rocha - 91
Hoje em dia o consumo de livros digitais está crescendo entre
os leitores. Porque as plataformas de leitura digital estão sendo
muito acessadas pelos leitores amantes de livros.

De acordo com Amazon.com, não só os livros, mas revistas e


jornais triplicaram a venda do kindle e de e-books. O livro digital é
mais prático que o impresso, ele tem mais durabilidade e nenhuma
árvores é utilizada na sua criação. O preço é muito menor que o
impresso, segundo o site BW Contabilidade.

Existe uma grande variedade de livros para se escolher, o


impresso você precisa comprar em livrarias com o preço muito alto
ou até nem tem o livro que você deseja. Também tem a
interabilidade, que é a vantagem do e-book, embora o livro físico
tenha inúmeras vantagens como: sensação de algo físico, e a
concentração, mas de certa forma o livro digital é mais prático para
a sua leitura. “Enfim, uma infinidade de recursos que podem
acelera o processo de aprendizado e otimizar a busca por
informação”.

11
ARTIGO | “Leitura” digital

Vitor Assis - 91
As diferentes formas de escritura e leitura sempre
revolucionaram o mundo a cada nova forma de escrever
descoberta: passamos por pedras, pergaminhos, máquinas de
escrever e agora chegaram os livros digitais, mas nunca podemos
esquecer os livros impressos.

Por mais que seja, de certa maneira, mais fácil e rápido ler
“livros” digitais em frente a tela do computador, isso pode, além de
estimular a criança a permanecer mais tempo nos aparelhos
eletrônicos, tirar da sociedade os livros impressos, que por séculos
foram a grande base e fonte de conhecimento humano, passaram
por várias tecnologias que poderiam tê-los tornado ultrapassados,
e mesmo assim continuaram firmes.

Vale lembrar que existem vários livros (impressos) com


informações não encontradas na internet, com muitos deles,
soterrados em bibliotecas antigas, a serem traduzidos até hoje.

E diferentemente dos livros digitais, os impressos podem


ser lidos por quem não tem internet.

12
ARTIGO | Lados negativos e positivos da Reforma

Gabriel Padoin - 92
A reforma do Ensino Médio causa muita polêmica devido à
promoção de muitas alterações no Ensino Médio, entre elas
aumentar a carga horária das 800 horas para mil horas, então de 4
horas diárias irá para 5 horas diárias. Será dividido o currículo
entre conteúdo comum e assuntos específicos de acordo com o
itinerário formativo escolhido pelo estudante, porém português e
matemática continuam sendo obrigatórias.
Mas ainda permanece lados positivos e negativos na
reforma do Ensino Médio, muitos acham ruim, como a obrigação de
Sociologia e Filosofia no BNCC. E lados eram como a possibilidade
do estudante escolher a trajetória de ensino.
Então concluindo, todos temos, que pensar bem sobre a
Reforma, pois é o nosso futuro que estará em jogo.

13
ARTIGO | Novo Médio

Isadora Machado - 92
A reforma do ensino médio tem causado muita polêmica
entre os alunos e professores, pois tem seu lado bom e seu lado
ruim.
Acredito que deveria ter mudanças na “mudança”, os mais
afetados deveriam ser consultados para que venha acontecer coisas
novas rápido, para que o Brasil seja mais desenvolvido, aliás,
deveríamos ter reformas no fundamental, pois é o início de tudo, é
a base que devermos ter para sermos um povo unido.
Eu acho também que seria tri melhor se englobarem os
técnicos, é um preparatório para o futuro, para a faculdade,
também acho que tem seu lado ruim, como por exemplo as aulas
dobrarem o horário e para piorar terá que ser obrigatória Artes e
Educação Física, um desperdício de tempo nisso?
Pelo amor, poderia ter mais português e redação, já que no
ENEM tem muita gente que não passa por causa disso.
Devemos pensar melhor, é o que queremos? Deve ter mais
mudanças antes disso acontecer.

14
ARTIGO | Ensino Médio

Juliana Garrot - 92

A reforma do Ensino Médio, é um assunto que tem gerado


muita polêmica desde o ano passado, como todos os assuntos no
Brasil.
Esse é um assunto que antes de você falar que é a favor ou
contra, o ideal seria você colher o máximo de informações possíveis
e pensar bem também.
Eu sou a favor da reforma do ensino médio, porque o aluno
vai poder escolher algumas matérias que tem mais interesse,
demonstrando assim mais interesse pelas aulas e por ter um
número menor de disciplinas que ele tem mais dificuldade, sem
falar também no ensino técnico que é uma ótima ajuda para
facilitar a entrada no mercado de trabalho, após ou durante o
ensino médio.
Então através de todas as informações que tive e depois de
pensar, chego a conclusão que a reforma do ensino médio traria
benefícios sim.

15
ARTIGO | Os dois lados da folha
Ronaldo Ferreira - 92

Neste texto iremos falar sobre os livros digitais, você é a


favor ou contra?
Acho que tenho dois lados dos livros digitais o bom é que,
acho que facilita muitas coisas, você não precisa mais sair de casa
para comprar livros em seu smartphone ou computador. Isto para
certas pessoas é muito melhor porque moram afastadas da cidade
então não precisam ir até o centro da cidade para comprar um livro
em dois, três cliques.
Embora, existe o lado ruim é que é muita tecnologia e as
pessoas vão se afastando, não vão mais a praças, bibliotecas, param
de interagir e assim se afetam.
Então acredito que mesmo que tenha um lado bom existe
outro muito pior, então é melhor ficar ficarmos com o modo
tradicional que é muito melhor e devemos incentivar os jovens e ler
e adquirir um pouco a mais de histórias e mais cultura.

16
ARTIGO | Como os livros digitais podem facilitar nossas vidas

Miguel - 92

Junto com o avanço das tecnologias, as plataformas de


leitura também mudaram e os leitores estão utilizando, cada vez
mais, o meio digital. A utilização desse meio se dá por inúmeros
fatores e há diferentes posicionamentos a respeito desse tema.

Em minha opinião, os livros digitais não tomarão totalmente


o lugar dos livros impressos. Acredito que eles ainda vão estar nas
prateleiras, apenas esperando para que alguma pessoa os leia. Na
verdade, os livros digitais chegaram para facilitar a vida dos
leitores, como por exemplo em uma viagem de trabalho, no qual
você tenha espaço para seu celular, tablet, etc, mas não possa
carregar seu livro consigo. Além disso, alguns livros nos quais você
não encontre à venda, você pode comprar em seu dispositivo
móvel, podendo ser até mais barato! Então, acredito que os livros
digitais não vão substituir os impressos, mas eles vão, na verdade,
facilitar nossas vidas.

17
ARTIGO | Livros digitais vs livros físicos

Pedro Artur - 92

Os livros digitais é um tema que vem tendo muito debatido


pelos jovens nos últimos tempos, mas acredito que livros digitais
não sejam uma coisa boa porque se os livros virarem digitais a
cultura dos livros físicos vai acabar.

Além disso, tudo vai ficar em volta dos aparelhos


eletrônicos. Hoje em dia já fazemos a maior parte das coisas por
celulares e computadores, se os livros virarem computadorizados
tudo girará ainda mais em volta da tecnologia, perdendo assim a
magia de ter um livro físico em mãos.

Diante disso é possível afirmar que provavelmente os livros


digitais não substituirão os livros físicos ainda que tenham espaço
no mercado.

18
ARTIGO | Realidade digital
Guilherme de Oliveira - 92

A tempos vem sendo debatido sobre as importâncias de se


ler um livro. Desde os tempos mais remotos da humanidade nós,
seres humanos, já tínhamos em nossas mãos livros. Pesquisadores
encontraram em uma caverna na Romênia, supostos escritos
bíblicos. Isso só exalta o papel que os livros têm em nossa
civilização.

Na Rússia, algumas escolas de ensino primário já usam


aparelhos digitais como: tablets e notebooks para estimular a
leitura. Pois assim, a leitura fica mais divertida. Entretanto, a
aqueles que rejeitam o uso de tais dispositivos. Há algumas pessoas
que afirmam que o uso exagerado de computadores no
aprendizado prejudica a visão e causa transtornos psíquicos.

Com toda a certeza, de qualquer jeito existem pontos bons e


ruins no uso de livros físicos e digitais, mas com moderação,
acredito eu que os livros digitais sejam muito mais produtivos e
proporcionam um prazer diferente a todos que optam pelas
plataformas online.

19
ARTIGO | Livros físicos e suas importâncias

Emily Santos - 92

A possibilidade de os livros digitais tomarem o lugar dos


livros físicos é grande. Isso, porque as pessoas hoje em dia fazem
tudo pela internet e acham mais prático.

Apesar de os livros digitais terem algumas qualidades, ainda


trazem alguns riscos para a vida social das pessoas.

Além de ser ruim ficar só na frente do celular, diminui o


tempo que as pessoas passam com um livro na mão. Além disso, em
alguns sites aparecem notícias e propagandas, então o leitor pode
se desconcentrar, prejudicando ainda mais a leitura.

Ao contrário dos livros digitais, os livros físicos são menos


cansativos, e é mais empolgante receber um livro do que um
aplicativo como presente.

Muitas pessoas preferem livros digitais, mas é aquela


preguiça que nos faz não ir até uma livraria e comprar um livro. Por
que iremos sair para comprar algo que preferimos ficar em casa e
comprar pela internet? Esse é o pensamento da maioria das
pessoas.

20
ARTIGO | Relevância ou Irrelevância?

Mirtila Antunes - 92

Segundo orientadores pedagógicos de escolas infantis, as


crianças se encantam muito mais por livros físicos, o grande mundo
da imaginação contido e, livros de conto de fadas, gibis e até mesmo
histórias em quadrinhos, despertam vários sentidos no sistema
comunicativo de uma criança, além de proporcionar um amplo
desenvolvimento pedagógico. Mas por parte de alguns orientadores
sociais é irrelevante o fato do uso de livros físicos nas escolas
infantis, por conta da incapacidade de alguns professores de
desenvolver um tema dentro da pedagogia, que desencadeie algo
de suma importância em crianças de 4 a 5 anos.

Por ver surge a questão: Mas o que fazer então? Tablets, TVs,
smartphones e cia devem ser a resposta?

A tecnologia é “indisciplinar” para uso nas escolas de


educação infantil, pois as crianças devem ter um espaço para
expressar, dentro o meio escalar, sua capacidade de
desenvolvimento somente a leitura física pode proporcionar. Há
um mundo completamente paralelo de interatividade entre livros
físicos e e-books digitais.

21
ARTIGO | A revolução dos livros
Ana Caroline Scherer - 92
As tecnologias vem mudando nossa realidade, a cada dia
uma novidade diferente, em uma evolução constante. Nada escapa
dessa evolução, nem mesmo os livros.
Livros que apesar de antigos e com um extenso histórico
mundial, não escapam da ideologia, tecnológica. A sua evolução são
os e-books.
E-books nada mais são de uma forma simplificada, livros
digitais. Imagine só milhares de livros compactados em um único
dispositivo portátil. Mas como toda criação existente há prós e os
contras.
Além da fácil mobilidade, há também uma forma mais fácil
de se encontrar os livros, esses são os prós.
Os contras são pontos já provados pela ciência como por
exemplo o fato de que a luz de um celular ou computador pode
danificar a visão dependendo do tempo que a pessoa ficou lendo,
por exemplo. Assim como a bateria deste aparelho pode acabar já
nos livros físicos a história também é diferente. Além da
durabilidade e do fato de não necessitar de alguma bateria para se
ler, com os livros físicos, simplesmente se parece que a leitura é
enriquecida.
Como leitora afirmo que apesar de iguais e ao mesmo tempo
diferentes, os livros físicos e os e-books são ambos ótimas formas
para se fazer uma leitura.

22