Você está na página 1de 2

O bullying é um problema mundial, sendo que a agressão física ou moral repetitiva deixa marcas

para o resto da vida na pessoa atingida.

Nas escolas, a maioria dos atos de bullying ocorre fora da visão dos adultos e grande parte das
vítimas não reage ou fala sobre a agressão sofrida

CLASSIFICAÇÃO DO BULLING (Intimidação Sistemática)


Classificada, conforme as ações praticadas:
 Verbal (insultar, xingar e apelidar pejorativamente),
 Moral (difamar, caluniar, disseminar rumores);
 Sexual (assediar, induzir e/ou abusar),
 Social (ignorar, isolar e excluir);
 Psicológica (perseguir, amedrontar, aterrorizar, intimidar, dominar, manipular, chantagear e
infernizar),
 Físico (socar, chutar, bater);
 Material (furtar, roubar, destruir pertences de outrem),
 Virtual (depreciar, enviar mensagens intrusivas da intimidade, enviar ou adulterar fotos e
dados pessoais que resultem em sofrimento ou com o intuito de criar meios de
constrangimento psicológico e social).

TIPOS DE BULLYNG
Diretos :
Indiretos: caracterizada por forçar a vítima ao isolamento social

 espalhar comentários;

 recusa em se socializar com a vítima;

 intimidar outras pessoas que desejam se socializar com a vítima;

 ridicularizar o modo de vestir ou outros aspectos socialmente significativos (incluindo a


etnia da vítima, religião, incapacidades etc).

Sempre existiram, mas tinham outros nomes: BRIGÃO, VALENTÃO, ETC.

Como o bullying pode afetar o emocional de uma pessoa? Quais as consequências deste ato em uma
criança e/ou adulto.

Veja bem, O BULLYNG TEM A CARACTERÍSTICA DE SER UM ATO REPETITIVO


CONTRA ALGUEM OU UM GRUPO MAIS FRACO.
POR SE TRATAR DE UM ATO DE HUMILHAÇÃO E MUITAS VEZES AGRESSÃO FÍSICA,
A VÍTIMA QUE EM GERAL JÁ TEM UM PERFIL DE INSEGURANÇA, NÃO ADAPTAÇÃO,
SIM, POR QUE SE ASSIM NÃO O FOSSE NÃO HAVERIA O BULLYNG, O ATO NÃO SE
CARACTERIZARIA COM A REPETIÇÃO. PARA O BEM RESOLVIDO, UM ATO DE
BULLYNG, SEJA FÍSICO OU MORAL NÃO TERIA CONTINUIDADE, PORTANTO NÃO SE
CARACTERIZARIA COMO BULLYNG.

CONTINUANDO, PARA ALGUEM COM ESTA CARACTERÍSTICA, QUE EM GERAL SE


MOSTRA MAIS FRACO E SE SUBMETE AO ATO POR MEDO, DE VIOLÊNCIA E/OU
PERDAS, O BULLYNG TORNA-SE UMA CONFIRMAÇÃO DE SUA JÁ SUPOSTA
CONDIÇÃO DE INFERIORIDADE.

A CONFIANÇA NO OUTRO É SUPRIMIDA, A PROPRIA IMAGEM É DISTORCIDA, PASSA-


SE A ACREDITAR QUE REALMENTE É O QUE O AGRESSOR ESTÁ DIZENDO, OU
ACREDITA QUE MERECE A INVESTIDA. OU AINDA, A VITIMA DESENVOLVE MUITA
RAIVA, GUARDA-A DENTRO DE SI E EM GERAL EM SUA VIDA ADULTA, A
MANIFESTA NO MEIO EM QUE VIVE, OU OPTA POR ACABAR COM O SOFRIMENTO.

CONSEQUENCIAS DO BULLING
Vítimas de bullying têm mais chance de desenvolverem:
1. transtornos de humor,
2. transtornos alimentares,
3. distúrbios de sono ou/e
4. transtornos de ansiedade em algum momento da vida

Sinais e sintomas possíveis de serem observados em alunos - crianças e adolescentes - vitimas de


bullying:[3]

 enurese noturna (urinar na cama);


 distúrbios do sono (como insônia);
 problemas de estômago;
 dores e marcas de ferimentos;
 síndrome do intestino irritável;
 transtornos alimentares;
 isolamento social/ poucos ou nenhum amigo;
 tentativas de suicídio;
 irritabilidade/agressividade;
 transtornos de ansiedade;
 depressão maior;
 relatos de medo regulares;

 resistência/aversão a ir à escola;

 demonstrações constantes de tristeza;


 mau rendimento escolar;
 atos deliberados de autoagressão.