Você está na página 1de 17

CFTV – CIRCUITO FECHADO DE TV

Aplicando CFTV na Automação Industrial para Apoio


no Controle Operacional
DO QUE VAMOS FALAR
• Quais justificativas para
utilização de CFTV no Controle
Operacional;
• Quais benefícios os CFTV levam
para o Controle Operacional
junto com a Automação
Industrial;
• Quais tecnologias disponíveis e
quais aplicações nos sistemas de
Controle e Automação;
OUT/2015 CFTV NA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - Conceitos e Aplicações - Márcio Venturelli 2
CENÁRIO
• É necessário operar uma caldeira de
alta pressão através de um centro
de operação. Como não colocar
operadores em área de risco?
• É necessário operar uma carga
flutuante (esteiras de sólidos
“bagaço ou grãos”), como dar
segurança ao operador quanto a
instabilidade da carga?
• Quero registrar e atuar em eventos
com imagens para rastrear possíveis
sinistros de operação da planta;

OUT/2015 CFTV NA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - Conceitos e Aplicações - Márcio Venturelli 3


HISTÓRICO

TECNOLOGIA DA IP
COMUNICAÇÃO

Digital
Operador no
Centro de
Operador em Operação com
Analógico Planta com Apoio de CFTV
Apoio da
Automação
Operador na
Planta – USO NA OPERAÇÃO
tudo Manual

OUT/2015 CFTV NA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - Conceitos e Aplicações - Márcio Venturelli 4


DESAFIOS
• Como definir pontos críticos para
colocação de CFTV?
– O que é crítico, não colocar operador em risco
e levar conforto operacional;
• Como integrar Controle e Imagem para o
Operador?
– O CFTV é complemento do controle, valida a
operação pela imagem e simplifica a
operação;
• Como apoiar a tomada de decisões para o
Operador?
– Registar eventos (gravar), tomar ações por
movimento e estar disponível remotamente;

OUT/2015 CFTV NA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - Conceitos e Aplicações - Márcio Venturelli 5


CONCEITO
• O CFTV na
automação industrial
é a filmagem,
gravação e ação de
imagens de processo
e máquinas, que são
levadas para o
operador de um
processo industrial.
OUT/2015 CFTV NA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - Conceitos e Aplicações - Márcio Venturelli 6
BENEFÍCIOS

• Segurança Operacional
• Diminuição de Erros
• Ação por Imagem
• Rastreio de Operação
• Conforto Operacional
• Redução de Custo de Operação
• Resposta Imediata
OUT/2015 CFTV NA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - Conceitos e Aplicações - Márcio Venturelli 7
INFRAESTRUTURA
Um sistema CFTV é composto:
1. Câmaras
2. Acessórios de Instalação das
Câmaras
3. Cabeamento das Câmaras até a
Central
4. Central de Câmaras
5. Monitores de Operação
6. Sistema de Gerenciamento de
Imagens
OUT/2015 CFTV NA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - Conceitos e Aplicações - Márcio Venturelli 8
ESPECIFICANDO
 CFTV Analógico (Quantidade Câmaras)
 CFTV Digital – IP (Quantidade Câmaras)
 Câmara sem fio – Wireless
 Tecnologia PoE Power on Ethernet
 Câmara com I/O
 Visualização Noturna (Infravermelho)
 Câmara Móvel
 Sistema com Detecção de Movimento /
Evento
 Gravação de Imagens por Time Stamp
 Câmaras e Infra em Área Classificada Ex
 Gravação, Envio de E-mail, Conexão
Cloud
OUT/2015 CFTV NA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - Conceitos e Aplicações - Márcio Venturelli 9
OPERAÇÃO CFTV + AUTOMAÇÃO

F.O. Fibra Ótica


UTP – Cabo Par Trançado
PoE – Power on Ethernet – Sinal + Energia

OUT/2015 CFTV NA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - Conceitos e Aplicações - Márcio Venturelli 10


ARQUITETURA AVANÇADA
VLAN – Rede Virtual
Firewall – Proteção de Acesso
Cloud – Nuvem – Acesso Internet

OUT/2015 CFTV NA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - Conceitos e Aplicações - Márcio Venturelli 11


SCADA (IHM) COM CFTV

OUT/2015 CFTV NA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - Conceitos e Aplicações - Márcio Venturelli 12


IMPLANTAÇÃO
• O que o operador quer?
• O que o operador precisa?
• Estudar o ambiente de instalação
• Modo de operação esperado
• Especificação de Equipamentos
• Projeto de Infraestrutura
• Projeto da Sala de Controle
• Implantação
• Treinamento e Operação

OUT/2015 CFTV NA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - Conceitos e Aplicações - Márcio Venturelli 13


TENDENCIAS

• Imagem e dados
estarem onipresente
na operação industrial
através do IIoT
(Internet Industrial das Coisas);

• Operador “veste” as informações (imagem e


dados) em tempo real (Óculos Google Glass);
• Imagens serem usadas para controle e
automação.
OUT/2015 CFTV NA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - Conceitos e Aplicações - Márcio Venturelli 14
CONCLUSÃO

Os CFTV evoluíram tecnologicamente e são um


grande apoio ao operador no controle operacional
em plantas industriais, a convergência de imagem e
informações, permitem uma automação mais
segura e otimizada.

OUT/2015 CFTV NA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - Conceitos e Aplicações - Márcio Venturelli 15


AUTOR
• Márcio Venturelli trabalha no mercado de automação industrial há 20 anos,
tendo passado por diversos departamentos, tais como, assistência técnica,
treinamentos, comissionamento, projetos, engenharia, marketing e negócios.

• Trabalhou em diversos projetos de implantação de sistemas de automação e


controle operacional de plantas de bioenergia, transformação e manufatura, no
Brasil e no exterior.

• Atualmente trabalha em desenvolvimento de novos mercados e novas tecnologias


com foco em arquitetura de soluções na área de automação industrial, tendo
como principal diretriz, geração de valor para o usuário, nas dimensões: aumento
da produção, redução de custos e elevação da segurança operacional.

• Professor universitário de pós-graduação de automação industrial e


gerenciamento de projetos.

• Membro Sênior da ISA (Sociedade Internacional da Automação), Coordenador do


Comitê de Automação Industrial do CEISE Br e Diretor de Safety Bus da PI
(Profibus Internacional).

• Graduado em Ciência da Computação, com especialização em Controle e


Automação Industrial, Pós-Graduado em Gestão Industrial, Pós-Graduado em
ATUALIZADO OUT/2015 Tecnologia do Petróleo e Gás e possui MBA em Estratégia de Negócios.

OUT/2015 CFTV NA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL - Conceitos e Aplicações - Márcio Venturelli 16


CFTV – CIRCUITO FECHADO DE TV
Aplicando CFTV na Automação Industrial para Apoio
no Controle Operacional

Você também pode gostar