Você está na página 1de 1

História Contemporânea III 2019

Marina Garcia Ferreira, 120.340 Vespertino

Descrição do Avatar

Aurora Sanchez nasceu em 1929. Sua família era de ciganos nômades oriundos do norte da Espanha. Viajava com sua família pela Espanha, França e Bélgica realizando comércios e entretenimentos musicais. Em novembro de 1942 passaram para o vilarejo de Le Chambon-sur-Lignon, junto com seu irmão Alexandre foram vender panelas, cestos de vime e tecidos ao Sr. Maurice, dono da venda da cidade, quando souberam da chegada de um carro alemão no acampamento onde eles estavam. Alexandre foi atrás deles e pediu para que Aurora ficasse com o casal da venda.

Ele não voltou e ela nunca mais viu sua família. Maurice e sua esposa Isabele a

esconderam e se afeiçoaram a Aurora, cuidando-a como uma filha. Todavia, sabiam do perigo de deixa-la sair da residência para eles, e para ela então foi recebeu em casa

Nos raros momentos que saia de casa, por sua pele mais

escura que os demais, Isabele passava pó de arroz em seu rosto na tentativa de fazê-la

uma educação francesa básica

parecer branca.

O desaparecimento de toda sua família, mais o estilo de vida sem liberdades que lhe foi imposto eram marcas que a acompanhariam pelo resto da vida; apesar da dor, queria acreditar que estavam vivos e que iriam se reencontrar e voltar a viver como antes. Nos anos seguintes ao fim da guerra, já entre vinte e trinta anos, se envolveu politicamente nos direitos dos povos ciganos.