Você está na página 1de 3

Formação em Orientação Sexual e Identidade de Género

Esta formação pretende sensibilizar profissionais de áreas de (potencial) intervenção


com a população LGBT para a complexidade das vivências e dos mecanismos sociais
de grave discriminação ainda dirigidos a orientações sexuais e/ou identidades de género
não normativas.

São temáticas centrais da formação dimensões como a necessidade de linguagens e


atitudes que favoreçam o entrave à reprodução profissional de formas opressivas de
entender e atuar junto destas pessoas, bem como a invisibilidade, o silenciamento, o
sofrimento psicossocial, os crimes de ódio, o contexto português e a lei portuguesa
relacionada com estas temáticas ou a violência doméstica, de acordo com os
conhecimentos e as linhas orientadoras atuais da intervenção profissional com esta
população.

A ação de formação em Orientação Sexual e Identidade de Género potencia, assim, a


consciência crítica dos/as formandos/as, no sentido de promover uma cidadania
ativa, fundamental para a construção de práticas profissionais inclusivas e
respeitadoras da diversidade sexual e de género, numa ótica de direitos humanos.

Equipa de formadores/as

A equipa pedagógica desta ação de formação é composta pela Doutora Marta


Pinto, e o Doutor Acácio Guedes

Obtenção de Frequência

Frequência presencial obrigatória de 75% da carga horária total. No final de cada


sessão será obrigatório assinar a folha de presenças. São aceites justificações de faltas
se forem devidamente comprovadas.

Contactos:

Email: colegioquatroirmasfarmhouse@gmail.com

Telefone: 936366171/ 946772043


Conteúdos Programáticos

Tema I: Especificidades da discriminação contra pessoas LGBT – 4h30m


Professor Doutor Nuno Santos Carneiro

1.1. Definição da discriminação em função da orientação sexual e da


identidade de género
1.2. A importância da terminologia
1.3. Sinais sociais evidentes de discriminação
1.4. Discriminação direta v. indireta
1.5. Saber identificar a discriminação
1.6. Desconstrução de estereótipos baseados no género e na orientação sexual

Módulo II: Crimes de ódio e violência doméstica – 3


horas Professor Doutor Nuno Santos Carneiro

3.1. Conceito de crimes de ódio


3.2. Impacto nas vítimas e sociedade
3.3. Conceito e enquadramento da violência doméstica
3.4. Mitos sobre a violência doméstica entre pessoas do mesmo sexo

Módulo III: Direitos das pessoas LGBT: leis e instituições – 2h 30m


Professor Doutor Jorge Gato

2.1. O quadro jurídico em Portugal


2.2. A importância dos Direitos Humanos e o enquadramento internacional

Módulo IV: Rede de recursos LGBT existentes - 2 horas


Professor Doutor Jorge Gato

4.1. Especificidades e recursos para vítimas de violência doméstica LGBT


4.2. Competências e instrumentos para combater a discriminação
4.3. Produtos transferíveis (ex: manuais de boas práticas, códigos de conduta)
4.4. Parcerias com outros setores e trabalho em rede com ONGs

Módulo V: Módulo temático específico relacionado com o público-alvo – 6


horas Professor Doutor Nuno Santos Carneiro
2019
ATIVIDADES DE INVESTIGAÇÃO/ FORMAÇÃO / INTERVENÇÃO MAI JUN JUL AGO SET MAR ABR MAI JUN JUL AGO SET
A autoavaliação das escolas e a construção de currículos significativos
Fase 1 – Diagnóstico S1 S2
Fase 2 – Reflexão e desenho de melhorias S3 S4
Fase 3 – Implementação S5 S6 S7
Fase 4 – Tratamento de dados e divulgação de resultados S8 S9 S10
A Observação de Pares multidisciplinares como forma colaborativa de supervisão pedagógica
1 – Organização dos quartetos nas escolas
2 – Formação 20 1
1º ciclo de obs.: práticas letivas A 2º ciclo de obs.:
3 – Desenvolvimento do programa de observação de aulas
1º ciclo de obs.: práticas letivas B avaliação
4 – Preenchimento dos guiões na plataforma Moodle da U.Porto [OBVIE]
5 – Tratamento dos dados, sua apresentação e devolução dos resultados
Transições dos estudantes para o Ensino Secundário
Seleção, contatos e autorizações de estudantes, seus EEs e suas escolas
Entrevistas a 4 estudantes do 10º ano de escolaridade
Inquérito dos estudantes do 10º ano de escolaridade
Especificidade curricular das expressões nas conceções de docentes do 1º CEB
Aplicação dos Questionários a docentes de 1º CEB
Devolução de resultados aos docentes inquiridos
Visita a um Agrupamento de escolas
Realização de entrevistas a 5 docentes do 1º CEB
Apresentação dos resultados do projeto
Cooperação para a inovação e a troca de boas práticas
Identificação dos participantes interessados por Agrupamento e liderança intermédia
Organização da rede através do Moodle do OBVIE
Caraterização das lideranças
Realização de 3 encontros temáticos
ATIVIDADES DE DISSEMINAÇÃO / FORMAÇÃO
V Ciclo de Debates OBVIE 28 25 7 5 e 26
III Seminário internacional “Observatórios de Educação e Formação” 1
Sessões em escolas (a agendar a pedido das escolas)