Você está na página 1de 40

como tirar

sua ideia
do papel
um guia prático com desafios
para quem quer levar
seu projeto do 0 a 1

Victor Mahon

powered by
Você já tem uma ideia
para colocar no papel?

Sim! Não!

Ótimo! Pode seguir para a próxima etapa!

Sem problemas! Para quem quer iniciar um


projeto pessoal, profissional, ou até mesmo um
negócio, existem várias formas de se chegar
uma ideia. Sugerimos que foque em um
problema a ser resolvido ou um grande desejo.

02
Essa é uma ideia
realmente inovadora?

Sim! Não!

Ótimo! Pode seguir para a próxima etapa!

Blz! Se já tem alguém fazendo isso no Mundo,


talvez fique até mais fácil para você. Só que, se
vc for implantar na mesma região, terá que dar
uma melhorada na sua proposta de valor!

03
Você já parou para pensar se
essa ideia combina com você?

Sim! Não!

Ótimo! Pode seguir para a próxima etapa!

Então, vou te passar algumas perguntas que


vão te ajudar a refletir um pouco mais e avaliar
se essa ideia combina realmente com você:

04
Perguntas para refletir

Como você quer ver essa


ideia daqui a 5 anos?

r e s s a
Você se s n c r e t iza
ente desa Co s e n t ido
quando pe fiado o t r a r á
nsa em co visã a v i d a ?
mo u
alcançar e
ssa visão para s
?
h a b i l i d a d es
h e c i m e n t o se
ê t e m o s c on a v i s ã o?
Voc j o r n ada a t é
r e s s a
para realiza
Você acha que
durante a
concretização d
essa visão
suas necessida
des
financeiras serã
o atendidas?
05
Respondeu as perguntas
anteriores? Faz sentido seguir?

Sim! Não!

Ótimo! Pode seguir para a próxima etapa!

Volte à etapa 1.

06
Conte uma história

Sim, já sei! Ainda não sei!

Escreva uma pequena história relatando uma situação


onde a sua ideia seja utilizada para resolver uma
situação-problema real. Use a estrutura abaixo para
facilitar a organização da sua história.

Era uma vez...


(descreva bem o personagem e o lugar mais comum
onde você encontra ele)

Todos os dias...
(descreva o que personagem passa/vive normalmente,
se baseando em fatos/situações do seu mundo atual e
nos seus sentimentos em relação à essa realidade)

Até que um certo dia...


(dias/semanas/meses, o personagem passa/vive por
fatos/situações do mundo atual dele que lhe causam
sentimentos do mundo atual dele)

07
Conte uma história

Por causa disso...


(descreva as consequência vividas pelo personagem
por estar vivendo essa realidade e qual(is) o(s) seu(s)
desejo(s) de mudança)

Foi aí que descobri...


(descreva a saída - solução - encontrada pelo
personagem para resolver essa realidade e como essa
solução supriu o seu desejo de mudança)

E desde então...
(descreva como passou a ser a realidade do
personagem após o uso da solução encontrada e
quais os benefícios que ele teve com isso)

A moral da história é...


(faça um breve resumo do problema vivido e da
solução encontrada, reforçando a importância que a
solução na vida do personagem)

08
Conhecendo melhor o(a)...

Nome

Agora que você contou a história que ilustra a sua


ideia na prática, vamos aprofundar em um dos
elementos importantes para qualquer história: o
personagem.

Para isso, use a estrutura a seguir para montar a sua


proto-persona e entender melhor quem é a pessoa
que precisa da solução que você está propondo.

Se quiser chamar mais alguém que conhece bem o


personagem, melhor!

09
Nome:

Idade: Sexo:

Estado Civil:

Filhos: Renda:

Profissão: Biografia:

Escolaridade:

Objetivos de vida:

Hobbies:

Frustrações:

FATORES DE DECISÃO INFLUÊNCIA

Impulso autoral Eu influencio


Curiosidade
Felicidade
ROI
Preço
Eu sofro influência
Reconhecimento
Família
Liberdade
Aprendizado

10
Conhecendo mais à fundo
o(a)...

Uma vez tendo descrito o personagem da sua história,


é hora de compreendê-lo mais à fundo.

Para isso, coloque-se no lugar dele, levantando pontos


que ele pensa e sente, que ele vê, que ele fala e faz, e
que ele escuta.

Tudo isso servirá de input para o preenchimento do


mapa da empatia.

Sugestão: Use post-its e fique à vontade para


convidar outras pessoas que conhecem bem o
personagem para preencher o mapa contigo.

11
O que Dores:
PENSA E SENTE?

O que ESCUTA? O que VÊ?


Ganhos:

O que
FALA E FAZ?

12
Conversando com o(a)...

Com todas as premissas em mãos, agora você deverá


validar tudo aquilo que foi colocado no papel até
então.

Para isso, identifique em seu círculo mais próximo ao


menos 3 pessoas que tenham as características da
persona que você descreveu.

Conte a história escrita na página 8, apresente o


personagem e o mapa da empatia e, em seguida,
escute a opinião das pessoas para quem você
apresentou. Analise se as premissas estabelecidas por
você fazem sentido e são verdadeiras.

Anote todas as críticas, sugestões, incoerências e


pontos passíveis de mudança e confirmação, e faça
os ajustes necessários nas respostas dadas aos
desafios anteriores.

13
Criando perguntas-chave

Até o momento validamos a persona que você quer


atender, e as prováveis dores e/ou desejos dela.

Agora precisamos começar a validar a ideia em si.

O primeiro passo é criar PERGUNTAS-CHAVE para


que você escreva e cole em um lugar que você vê
sempre. Pode ser na parede da sua casa, no espelho
do banheiro ou na porta do seu guarda roupa.

Afinal, a resposta para essa pergunta representa a


ideia que você quer tirar do papel.

Para te ajudar, a dica é seguir a estrutura a seguir que


para formatar essas perguntas.

14
Perguntas-chave

Como a minha ideia vai conseguir atender


aos desejos e/ou mitigar as dores da
minha persona de tal forma que ela seja
um cliente fiel?

Como vou conseguir atender bem meu


cliente e ganhar dinheiro com minha ideia?

Como vou entrar no mercado de tal forma


que minha ideia cresça?

15
Perguntas-chave

16
O quanto faz sentido?

Sim, já sei! Ainda não sei!

Todo mundo que cria uma ideia, geralmente fica fascinado


por ela.

Emoção é ótimo, mas também é importante balanceá-la


com um pouco de razão para te deixar mais tranquilo(a)
sobre a concretização do seu projeto.

Para isso, faça uma autocrítica, avaliando de 0 a 10, estes


2 critérios a seguir:

... a INTENSIDADE da dor do seu cliente

0 ' | ' | ' | ' | ' 5 ' | ' | ' | ' | ' 10

pequeno médio grande

... a RECORRÊNCIA com que a dor se repete

0 ' | ' | ' | ' | ' 5 ' | ' | ' | ' | ' 10

pequeno médio grande

17
O quanto faz sentido?

Sim, já sei! Ainda não sei!

Após analisar suas ideias e avaliá-los com base nos


critérios de Intensidade e Recorrência, calcule o IR
conforma a fórmula abaixo:

I + R
IR =
2

+
IR = =
2

Você sempre pode trabalhar para aumentar mais o IR!


Mas fique atento: algumas vezes, o esforço para
crescer pode ser grande demais e não valer à pena.

18
O quanto faz sentido?

Sim, já sei! Ainda não sei!

Tão importante quanto olhar para fora e avaliar sua ideia


perante o mercado, é olhar para dentro e avaliar alguns
pontos que vão influenciar diretamente na sua execução.

Por isso, faça uma autocrítica quanto a rapidez e a


facilidade para tirar sua ideia do papel, avaliando de 0 a
10, estes 2 critérios:

... a RAPIDEZ com que dá pra executar a ideia

0 ' | ' | ' | ' | ' 5 ' | ' | ' | ' | ' 10

pequeno médio grande

... a FACILIDADE para tirar a ideia do papel

0 ' | ' | ' | ' | ' 5 ' | ' | ' | ' | ' 10

pequeno médio grande

19
O quanto faz sentido?

Sim, já sei! Ainda não sei!

Após analisar suas ideias e avaliá-los com base nos


critérios de Rapidez e Facilidade, calcule o RF
conforma a fórmula abaixo:

R + F
RF =
2

+
RF = =
2

Você sempre pode trabalhar para aumentar mais o RF!


Mas fique atento: algumas vezes, o esforço para
crescer pode ser grande demais e não valer à pena.

20
Ainda não é hora de parar...

Não cansa, pois até agora foi tudo bem fácil e tranquilo.
Na verdade até agora foi o que mais os Empreendedores
Nutella gostam de fazer: testar a ideia no papel.

Só que aí mora o perigo! Precisamos sair à campo.

Por isso, agora o desafio é procurar 10 potenciais


clientes e validar sua proposta .

Explique o que você vai oferecer, e veja a aceitação.


Aproveite também para validar o preço que você imagina
cobrar e sinta o que eles acham.

Peça feedback e anote tudo.

21
Ainda não é hora de parar...

Se sua ideia não fizer o mínimo sentido para eles, volte


para a Etapa 1 e reavalie cada passo.

Talvez tenham ajustes necessários a serem feitos!

Agora, se sua ideia fez sentido, mas não estiver no radar


do cliente, isso não significa que ele não vai comprar.

Na verdade, significa sim que você terá que educá-lo


para ele comprar!

Nesse caso, a sugestão para você é estudar mais sobre


funil de consciência.

Porém, se a coisa fez sentido, vamos em frente!

22
O modelo de negócio...

Agora que você tem todas os dados na mão, chegou a


hora de estruturá-los em um quadro que irá expandir
a consciência sobre as diversas áreas do negócio que
existe por trás da ideia.

Afinal, você vai montar um negócio, não uma ideia!

No Business Model Canvas, você irá visualizar os


principais pontos que um negócio precisa se atentar
para sair do zero e começar a funcionar.

Ele é composto por 9 blocos, que são:

23
O modelo de negócio...

Proposta única de valor o que sua empresa vai oferecer


para o mercado que realmente terá valor para os clientes;

Segmento de clientes quais segmentos de clientes serão


foco da sua empresa;

Canais como o cliente compra e recebe seu produto e


serviço;

Relacionamento com clientes como a sua empresa se


relacionará com cada segmento de cliente;

Atividade-chave quais são as atividades essenciais para


que seja possível entregar a Proposta de Valor;

Recursos principais são os recursos necessários para


realizar as atividades-chave;

Parcerias principais são as atividades-chave realizadas


de maneira terceirizada e os recursos principais
adquiridos fora da empresa;

Fontes de receita são as formas de obter receita por


meio de propostas de valor.

Estrutura de custos são os custos relevantes necessários


para que a estrutura proposta possa funcionar.

24
Parceiros Atividades - Proposta única de Relacionamento Segmento
principais Chave valor com cliente de clientes

Recursos - Canais
Principais

Estrutura de custos Fontes de Receitas

25
O plano de ação...

Este é o último passo antes de tirar sua ideia do


papel.

Agora que você já tem listado tudo o que é necessário


para fazer o seu negócio acontecer, é preciso
transformar essas demandas em atividades reais, com
metas, prazos e ordem de prioridade.

Seguindo uma sequência lógica, descreva quais as


atividades que você irá precisar executar para tirar a
sua ideia do papel.

Algumas delas apareceram no seu CANVAS, outras


ainda não.

A sugestão é que você faça o lançamento de sua ideia


de forma enxuta, sempre lembrando de pensar em
pelo menos 3 áreas: comercial, de operações e
administrativo/financeiro.

26
Área comercial

Ítem O que fazer Como fazer Prazo Responsável Orçamento

27
Área de operações

Ítem O que fazer Como fazer Prazo Responsável Orçamento

28
Área adm / fin

Ítem O que fazer Como fazer Prazo Responsável Orçamento

29
Na real...
Foi divertido para mim, e talvez para você, ter
percorrido essa jornada até aqui.

Entendo que existe muita ansiedade e vontade


envolvidas quando falamos em tirar uma ideia do
papel.

No início, ao vislumbrar a ideia, tudo parece ser muito


simples. Porém, é a prática que vai mostrar como as
coisas realmente são.

Executar não é uma coisa fácil, pois dói!

Recentemente perguntei ao tradutor do Google qual era


a palavra em Latim para "execução", e ele me
retornou: Supplicium.

Apesar dele ter traduzido a "execução" errada,


lembrou-me um expressão que já escutei muito: "É um
suplício fazer isso...", ou seja, uma tortura.

Não enxergo assim, vejo a execução como uma


habilidade que podemos usar para expor quem somos.

E é isso que eu quero que vocês façam. Exponham


quem realmente vocês são, através não só de
palavras, mas também de suas realizações.

30
Na real...

Ser empreendedor não é uma tarefa fácil.

Nosso país não é o melhor do mundo para essa


prática, mas somos os mais criativos!

Porém, sinto dizer que criatividade não é a única


habilidade ou competência que um executor precisa
ter.

E se eu pudesse deixar uma última sugestão seria:

"Não adie seu sonhos, mas não deixe de se capacitar


nunca. O mundo aqui fora não é para amadores."

Um enorme abraço e um grande desejo que vocês


realizem seus sonhos. Fiquem com Deus.

Victor Mahon

Se você já tem um negócio rodando e


quer descobrir como fazê-lo crescer e se tornar
sustentável à longo prazo, acesse:

www.desafio8020.com.br/rc

31
Rascunho
32
Rascunho
33
Rascunho
34
Rascunho
35
Rascunho
36
Rascunho
37
Rascunho
38
Rascunho
39