Você está na página 1de 28

Competência: Trabalhar com equipamentos e sistemas técnicos em contextos

domésticos, identificando e compreendendo as suas normas de boa utilização.

Reflectir acerca da utilização do equipamento, tendo em conta o género (homem ou


mulher) do utilizador (quem utiliza, para quê e porquê), o género do operador de
manutenção do aparelho, explorando caso necessário formas de o tornar igualitário para
ambos os géneros.

Descrever as diferentes funcionalidades do equipamento (para que serve), limitações


(evitar danos e normas de boa utilização) e potencialidades (outros usos) tecnológicas e
principais características que teve em conta no momento de aquisição do equipamento.

Indicar de que forma se pode verificar que o equipamento funciona (ou se está ligado) e
se são/foram necessárias providências na sua habitação, relativamente à potência
(eléctrica) exigida por parte do equipamento.

Exemplos de anexo: Catálogo ou manual (páginas) de instruções relativos ao


equipamento; fotografia do equipamento; recibo relativo à aquisição do equipamento;
fotos legendadas; recibo da EDP;
Competência: Trabalhar com equipamentos e sistemas técnicos em contextos
profissionais, identificando e compreendendo as suas normas de boa utilização e os seus
impactos nas organizações.

Reflectir acerca da forma ou em que contexto adquiriu conhecimentos para lidar com o
seu equipamento profissional ou sistema técnico (autoformação ou formação) e ainda se
esses conhecimentos tiveram influência na sua qualificação profissional (ou reconversão
profissional).

Descrever as propriedades e funcionamento do equipamento profissional ou sistema


técnico assim como as limitações do mesmo. Indicar que tipo de utilização faz/fazia
desse equipamento e descrever de que forma torna/tornou mais eficiente o seu trabalho.

Mencionar uma situação/situações em que tenha sido necessário interagir com um


profissional especializado do equipamento (baseando-se em princípios científicos em
que assenta o funcionamento do equipamento ou sistema técnico). Identifique de um
modo científico o funcionamento de uma componente.

Exemplos de anexos: Certificados de formação; fotografia do adulto a manusear o


equipamento; fotos legendadas; manuais de equipamentos;
Competência: Interagir com instituições, em situações diversificadas com base nos
direitos e deveres de utilizadores e consumidores de equipamentos e sistemas técnicos.

Face à aquisição/avaria de um equipamento/sistema técnico efectuada por si, em


contexto privado ou profissional, relate com quem ou com que instituição contactou
(fornecedor, vendedor, fabricante, DECO,…) mencionando a razão da escolha.
Demonstre que é um utilizador informado e um consumidor responsável face à
diversidade de instituições existentes na sociedade.

Mencionar de que forma actuou ou o que teve em conta (garantia, qualidade do produto
ou serviço prestado) perante a situação de aquisição/avaria do equipamento/sistema
técnico. Caso possível, descrever em pormenor a argumentação (técnica) utilizada.

Indicar a razão da escolha desse tipo de equipamento com base em fundamentos


científicos (modelos matemáticos) com vista à optimização de relações custo/benefício
(custo e/ou consumo de energia de um electrodoméstico; potência do ar
condicionado/área a que se destina).

Exemplos de anexos: Fotografia do equipamento; documento ou cópia relativo à


reclamação; garantia do equipamento; comprovativo de compra do equipamento;
catálogo ou brochura relativo às características do equipamento; fotos legendadas.
Competências: Fazer uso de conhecimentos e práticas para compreender e usufruir das
transformações e evoluções técnicas e sociais.

Reflectir acerca das evoluções de um ou vários equipamentos/sistema técnico


considerando as suas consequências nas estruturas sociais (computador – sedentarismo;
internet – mobilidade; metropolitanos em contextos urbanos)

Descrever quais as alterações tecnológicas que o equipamento/sistema técnico sofreu e


mencionar de que forma essas evoluções trouxeram benefícios no seu percurso de vida
(melhor desempenho no trabalho no sentido de redução do número de horas por tarefa –
da máq. de escrever ao computador; internet: da carta/mail para conversação on-line;
melhor mobilidade – bicicleta/moto/avião).

Identificar componentes do equipamento/sistema técnico que sofreram alterações


essenciais para a evolução do mesmo (chip, transístor – essencial para evolução da
macro para micro-electrónica, ou seja PC - portátil).

Exemplos de anexos: Fotografia dos equipamentos/sistemas técnicos que estiveram


presentes ao longo do seu percurso de vida; Artigos/textos consultados sobre evoluções
técnicas; Fotos legendadas; Gravações de CD’s com informação da internet.
Competência: Saber utilizar e modo de funcionamento das comunicações rádio em
contexto doméstico.

Identificar diferentes usos sociais das funcionalidades de equipamentos que utilizam


comunicações rádio, por exemplo os telemóveis, consoante as idades e/ou profissões
dos indivíduos (telemóvel-crianças; GPS-empresários/bombeiros/arquitectos; PDA-
bancários/professores).

Identificar os componentes principais de um equipamento que utilizem comunicações


rádio: antena, ecrã de cristais líquidos, teclado, microfone, bateria, entre outros.
Explorar as novas tecnologias de funcionamento do telemóvel, distinguindo as
potencialidades e limitações das redes e dos equipamentos: GSM, GPRS, 3G. Indique
situações pessoais onde teve de resolver problemas relacionados com equipamentos
rádio (falta de rede; configuração de satélite; bluetooth; sincronização com PC).

Mencione se em algum momento da sua vida presenciou/identificou ondas


electromagnéticas ou ondas rádio ou sinais de satélites.

Exemplo de anexos: Manual do(s) equipamento(s) com ficha técnica e página de bons
procedimentos; Fotografia do telemóvel ou de outro equipamento que utilize
comunicações rádio (antena parabólica; computadores portáteis; GPS). Documentação
consultada relativa a comunicações rádio
Competências: Compreender a importância do uso das TIC na vida profissional assim
como a evolução tecnológica e respectiva influência nos contextos e qualificações
Identifique com precisão características diferentes nos monitores dos computadores
(dimensão, peso, brilho, contraste, etc.) ou de outra TIC, assim como o sistema de
representação binário.
profissionais.

Mencione se utiliza o computador ou outra tecnologia, ao nível profissional, e se


aprendeu sozinho – auto-formação – ou se foi pela via de formação. Compare a
utilização do computador/TIC em diferentes profissões que já teve (maior ou menor
uso). Explore a importância das suas literacias e qualificações no local de trabalho como
forma de reconversão profissional.

Identificar várias aplicações informáticas e diferentes sistemas operativos (MS Word,


MS Excel, MS Windows 2000, MS Windows XP, MS Windows Vista e Linux).
Compreender as vantagens e desvantagens dos vários programas e sistemas operativos
para a realização de determinadas tarefas desenvolvidas no local de trabalho. Explorar
situações onde utiliza as diferentes aplicações informáticas. Reflicta sobre a
produtividade informática e a evolução tecnológica – PC e Servidores – e a crescente
capacidade de armazenamento em disco, memória, entre outros (Necessidade de
armazenar informação implica mais servidores - Datawarehouse). Ou explore outra TIC
que tenha feito parte do seu percurso profissional.

Ou identifique alguns princípios científicos básicos de funcionamento da TIC.

Exemplo de anexos: Curso Literacia Digital; curso de formação em TIC; fotografia do


equipamento profissional (ex. computador); manual e/ou ficha técnica da TIC escolhida;
informação consulta relativa ao Sistema Binário.
Competência: Ter conhecimento acerca da evolução dos meios de informação e
comunicação de massas e sua influência na sociedade.

Identificar os meios de comunicação de massas que conhece e utiliza, compreendendo a


sua actuação/cultura jornalística (política; desportiva), e explore o seu papel e
importância na construção da opinião pública. Mencionar uma situação em que tenha
recorrido (feito uso) a um meio de comunicação (Comunicado de prestação de serviços,
responder a anúncios de emprego, colocar casa para alugar, publicitar a sua firma, entre
outros.).

Em meados do século passado era o cabo transatlântico o maior difusor de informação.


Tendo isto presente, aborde o papel do satélite (ou das tecnologias de suporte aos meios
de comunicação) na disseminação da informação e de que forma faz uso deste no seu
dia-a-dia (por exemplo, Estações de rádio).

Identificar o papel do prime-time como um momento específico de divulgação de


produtos publicitários nos Media, tendo em conta os diferentes públicos-alvo. Explorar
novos conceitos e procedimentos utilizados nos meios de comunicação de massas
(Provedor do telespectador). Apresente alguma regulamentação (por exemplo, a
Entidade Reguladora para a Comunicação Social) da promoção publicitária, em função
de determinados problemas sociais ou de saúde ou públicos-alvo (ex: tabagismo,
obesidade, entre outros.).

Exemplo de anexos: Artigos de opinião e/ou notícias que tenham servido de base para
formar a sua opinião acerca de algo; Comprovativo de ligação à TV Cabo, MEO, entre
outros; Cópia de anúncio publicitário; Legislação / D.L. Fotografias relativas à temática.
Competência: Conhecer a evolução das redes tecnológicas (televisão, adsl, ...)
identificando a relação com as redes sociais.

A actual sociedade da informação possibilita novas oportunidades assim como algumas


desigualdades. Explore as diferenças introduzidas pela Internet – antes do telégrafo, do
telefone, do fax – e situações por ela provocadas (por exemplo, sedentarismo).
Mencione situações da sua vida privada e tente reflectir sobre o conceito de info-
exclusão.

Actuar em relação ao desenvolvimento dos modos de transmissão de informação,


relacionando-os com a evolução das estruturas sociais e ocupação do território, ou seja,
identifique as diferentes ofertas de redes de Internet – Cabo, ADSL, WiFi – e os
diferentes protocolos e “velocidades” que regem as comunicações. Explore o conceito
de aldeia global.

Reflectir sobre a evolução dos conhecimentos científicos na construção das Redes –


sistema binário – uns (1) e zeros (0); e diferenciar bytes de Megabytes e dar exemplos
práticos de aplicabilidade destas medidas.

Exemplo de anexos: Kit de instalação de uma rede wireless em casa; Cursos de


formação em TIC; Estatística relacionada com redes sociais e utilização da Internet;
Informação consultada sobre a temática; Comprovativo de adesão à Internet.
Competências: Realizar orçamentos familiares de acordo com as despesas e receitas de
forma a optimizar o rendimento disponível, tendo em conta os impostos e os produtos e
serviços financeiros disponíveis.

Face ao rendimento/agregado familiar, identificar qual a categoria em que se insere no


que diz respeito à contribuição fiscal (Declaração IRS – trabalhador
independente/trabalhador por conta de outrem; anexos apresentados) e comparar a sua
situação com uma outra diferente, de um colega de trabalho ou amigo. Explique como
“gere” o seu orçamento familiar consoante a composição do seu agregado familiar.

Identificar algum tipo de crédito que utilize/utilizou (crédito habitação, crédito


automóvel, ou outros) e qual a entidade a que recorreu para o obter. Descrever quais as
condições de crédito e comparar com outras taxas de juro, prazos de pagamento e
benefícios associados. Mencionar se tem alguma poupança (PPR, PPH, PPA), ou outros
produtos financeiros (seguro de saúde, entre outros), e mencionar quais os benefícios
destas poupanças.

Apresentar o seu orçamento familiar identificando distintamente despesas e receitas


(fixas e variáveis).

Exemplo de anexos: Cópia do Modelo 3; Brochuras de créditos ao consumo, habitação


e/ou automóvel; Carta a solicitar renegociação do contrato.
Competências: Interagir nos modelos de gestão e estruturas organizacionais
rentabilizando a produção, organização e bem-estar dos trabalhadores, dispondo de
conhecimentos de gestão de recursos.

Todas as instituições apresentam uma estrutura organizacional. Da empresa ou empresas


onde trabalhou, interprete o(s) organograma(s), demonstrando compreensão das
diferentes unidades orgânicas e se possível, apresentando algumas medidas / sugestões
com o intuito da eficiência produtiva.

Da sua vida profissional, ou de familiares, apresente diferenças entre trabalhadores por


conta outrem e independentes e suas repercussões fiscais (diferentes itens do ordenado).
Demonstre conhecimentos de contabilidade e de direito fiscal (carga fiscal da entidade
patronal; direitos e deveres fiscais de um profissional).

Você é proposto para chefiar a sua organização/empresa. Explore a gestão de recursos


técnicos e humanos, indicando estratégias para a implementação da eficácia
organizacional (objectivos vs resultados/missão da empresa/cliente/plano social da
organização/plano de formação).

Exemplo de anexos: Curso de formação “Gestão de Conflitos”; Curso de “Jovem


Empresário”; Curso de Contabilidade; Outros cursos; Organograma (s); Cópia de recibo
de vencimento.
Competência: Ter noção da influência dos sistemas monetários e financeiros
reconhecendo problemas e oportunidades na sociedade.

Faça uma retrospectiva sobre a sociedade antes de 1974, sobre a vida antes do Euro, a
inflação, o emprego, entre outros. Identifique os diferentes actores dos sistemas
monetários e financeiros, compreendendo a intervenção de instâncias como a UE e o
BCE, explorando os conceitos de moeda/euro/ poupança na economia e bem-estar.

A evolução da moeda – reis, escudos, euros (moeda, nota, cheque, cartão crédito) – das
comunicações – Internet – dos tipos de transacção – cartão de crédito, dinheiro
electrónico – e explorar a questão segurança nos sistemas bancários. Mencione os
diferentes meios de transacção (tecnologias) e a segurança aplicada a cada um deles e
aborde a comunicação existente entre instituições económicas e financeiras.

Mencione alguns indicadores macroeconómicos e/ou políticas monetárias, tais como,


inflação, taxas de juros, PAC, entre outros.

Exemplo de anexos: Artigos de opinião relativos à problemática; Curso de


Contabilidade; Fotografias de moedas e notas; Dados estatísticos;
Competência: Compreender os impactos das evoluções sociais, tecnológicas e
científicas nos usos e gestão do tempo (transporte Aéreo, vídeo-conferência, custo da
hora de salário, etc.)

Faça uma reflexão sobre as diferentes jornadas de trabalho (recorde os tempos dos seus
avós e pais) diário ao longo dos tempos/lutas sociais, compreendendo que os elementos
do sistema económico (agricultura–indústria–serviços) variam e estão em permanente
evolução ao longo dos tempos (durante o processo de industrialização).

Pondere acerca das tecnologias existentes na gestão do tempo. Explore a relação, por
exemplo entre o transporte aéreo e a videoconferência (leque espaço-tempo). Reflicta
sobre as tecnologias que utiliza/utilizou e lhe possibilitam/possibilitaram gerir o seu
tempo.

Explore a evolução na gestão (do custo) do tempo ao longo da história. Reflicta sobre o
tempo gasto numa tarefa nos anos 80’s e/ou 90’s e o tempo que gasta agora. Explore o
valor/hora que recebeu num ano anterior e o valor/hora de um mês de trabalho (sem
subsídio de férias nem de Natal).

Exemplo de anexos: Dados estatísticos; Fotografias; Artigos de opinião/Informação


consultada referente à temática

Competência: Promoção de boas práticas, no domínio privado, que originem a


preservação e melhoria do meio ambiente.
Tendo em conta a classe ou contexto social e profissão/rendimento em que se insere,
identificar o tipo de conforto térmico utilizado (vestuário, lareira, aquecedor eléctrico,
ar condicionado) e explorar diferentes modos de conforto térmico tendo em conta
modos de poupança energética (tenha em conta modos de aquecimento do século
passado – casa dos avós).

Descrever a que técnicas, procedimentos e equipamentos recorre de forma a evitar o


desperdício energético e rentabilizar recursos (lâmpadas de baixo consumo, isolamento
térmico nas instalações – vidros duplos, painéis fotovoltáicos; equipamento
inteligentes).

Identificar, face aos seus equipamentos, as diferentes formas de transmissão de calor


(convecção / radiação / condução / Indução).

Exemplo de anexos: - Fotografia da etiqueta energ. de um electrodoméstico ou de


lâmpadas de baixo consumo. Fotografias de equipamentos; Manual de instruções do
equipamento; Recortes de revistas da especialidade e/ou folhetos publicitários e/ou
informativos; Facturas de compra e da EDP.

Competência: Actuar, ao nível profissional, de forma consciente na recolha e


tratamento de resíduos.
Mencionar os diferentes profissionais/instituições relacionados com a recolha e
tratamento de resíduos provenientes do local onde trabalha. Explore a relação
institucional (contrato; protocolo) entre essas empresas. Qual a sua opinião (pessoal)
sobre os profissionais da recolha e tratamento de resíduos.

Identificar quais os resíduos biodegradáveis e recicláveis existentes no seu local de


trabalho (vidro, papel, óleos, tintas, metais, entre outros.), e mencionar a importância da
sua separação, reflectindo acerca das consequências ambientais face às consequências
sociais. Refira se a sua empresa está certificada (ISO). Em caso afirmativo, explore a
mesma.

Identificar quais os resíduos, provenientes do seu local de trabalho, que são (ou podem
ser) utilizados como produtores de energia. Deve descrever as fases de
decomposição/reutilização do resíduo e explorar as vantagens desse processo.

Exemplo de anexos: Fotografia a ecopontos do local onde trabalha, ou de resíduos


provenientes do local de trabalho; Textos/documentos produzidos na e para a empresa;
Manuais de boas práticas; Certificado do curso de HACCP ou outro relacionado com o
tema; Informação consultada relativa à temática.

Competência: Avaliar a gestão de recursos naturais e agir de acordo com os interesses


envolvidos.
Identificar um recurso natural que tenha feito parte do seu percurso de vida
(descrevendo em que sentido) e mencionar quais as instituições que participam na
gestão desse recurso identificando potencialidades e fragilidades no modelo de gestão.

Mencionar as tecnologias e materiais utilizados na gestão do recurso natural e explorar a


adequação dos mesmos face às necessidades da população ou outros usos (ria formosa:
artes piscatórias permitidas, materiais e tecnologias utilizados / água: barragens, furos,
estações de tratamento).

Reflectir sobre intervenções que tenham ocorrido no recurso natural, provindas de


estudos científicos e mencionar a importância da ciência como argumento válido para
decisões e actuações (muitas vezes suportada em debate/ sessão de discussão pública).

Exemplo de anexos: Fotografia do recurso natural; Artigos de opinião relativos ao


recurso natural; Estudos de impacto ambiental; Legislação; Comprovativo de presença
em seminários/colóquios/ debates relativos a recursos naturais.

Competência: Dispor de conhecimentos sobre a evolução do clima ao longo do tempo


e a sua influência nas actividades populacionais, sociais e regionais.
Identificar alterações que tenham ocorrido em grupos sociais, regiões e modos de
produção ao longo do tempo, tendo em conta a evolução do clima (Algarve: exploração
agrícola e piscatória; exploração turística; turismo em espaço rural; agricultura
biológica). Refira instituições/organizações com interacção com as variáveis climáticas.
Mencione o que sabe sobre a medida “utilizador-pagador”.

Reflectir acerca do processo de evolução das tecnologias, ao longo do tempo, e sua


consequência na estabilidade ambiental e em particular na evolução climática
(electrodomésticos “amigos do ambiente”, carros com menor emissão de CO2).

Reflectir acerca das causas ou factos que originaram alterações no clima


(industrialização, transportes - emissão de CO2 para a atmosfera). Recorra a estudos
científicos para suportar a sua reflexão.

Exemplo de anexos: Fotografias que evidenciem a evolução de regiões, do clima


(passado e presente); Artigos de jornal ou revista relacionados com o assunto; Artigos
de opinião.

Competência: Ter conhecimentos relacionados com construção e arquitectura


(construção ecológica, isolamento) com vista à integração social e à melhoria do bem-
estar individual (aproveitamento de espaços em casas, prédios, entre outros.).
Refira se já efectuou obras em sua casa (e porquê) ou se esteve envolvido numa.
Apresente a planta da sua casa identificando os diferentes espaços (quais as actividades)
e qual a importância desses no sentido da melhoria do bem-estar social, da qualidade de
vida e integração da sua família. Retorne ao tempo dos seus pais e avós e identifique os
espaços onde almoçavam e confraternizavam. Explorar modos de integração de famílias
deslocadas de determinado tipo de alojamento para outros contextos sociais (modos de
intervenção social em bairros de construção social alvo de processos de realojamento).

Mencione os diferentes materiais de construção que utilizou ou conhece,


compreendendo-os como meios para melhorar as condições de habitabilidade –
isolantes, amigos do ambiente – ou seja, desenvolva a questão das tecnologias
inovadoras de construção civil na optimização das condições de habitabilidade e
arquitectura ajustadas.

Reflicta sobre as propriedades dos materiais, tradicionais e modernos, em função das


necessidades e qualidade da construção – mencione se conhece ou se já recorreu a tintas
ecológicas, tintas poluidoras ou isolantes reciclados – ou em função das quantidades
necessárias (litros ou kg/ área ou volume).

Exemplo de anexos: Plantas de casa; Fotografias legendadas de divisões; Catálogos de


materiais, explicativos de cada um, com vantagens da sua aplicação; Alguns cálculos
que envolvam áreas e volumes.

Competência: Actuar na exploração dos recursos naturais ou centros urbanos ao nível


de desenvolvimento local e regional com conhecimentos científicos.
De acordo com a sua experiência, aborde as diferentes dinâmicas de desenvolvimento
local e regional (Algarve: o êxodo para o litoral), compreendendo a evolução das
actividades económicas e os processos de transformação sociocultural num dado
território (mudanças nas actividades económicas: agricultura para serviços),
relacionando-os com as mudanças nas profissões e modos de vida das populações (O
papel da PAC - Política Agrícola Comum - e da agricultura biológica).

Mencione se já desenvolveu alguma acção na exploração dos recursos naturais, com


conhecimentos dos meios técnicos adequados. Refira se já empreendeu alguma(s)
actividade(s) económica(s) para assim identificar alguns produtos/equipamentos,
compreendendo que a sua utilização deve ser acautelada consoante o espaço, quer seja
rural quer litoral.

Identificar diferentes processos/procedimentos químicos, biológicos, relacionados com


o desenvolvimento regional e com a salvaguarda do ambiente e do bem-estar das
comunidades (Ex. Identificar etapas do ciclo do azoto – fixação de azoto pelas
leguminosas, incorporação pelas plantas, transferência para os animais, entre outros.).

Exemplo de anexos: Fotografias de outrora de paisagens rurais ou urbanas; Formação


específica; Informação estatística relativa à temática; Artigos de opinião consultados
relativos à temática.

Competência: Consultar e organizar informação, com conhecimento científico sobre o


papel das diferentes instituições existentes, no âmbito da administração e segurança do
território.
Identificar diferentes instituições com que tenha interagido: GNR, PSP, …
compreendendo as suas atribuições e campos de actuação. Relacione essas
competências com o seu percurso de vida. Explorar a relação entre o desenvolvimento
da rede rodoviária e a transformação da densidade e aglomeração populacional dos
territórios. Dê a sua opinião sobre o papel que a Autoestrada Lisboa/Algarve
representou para a região (densidades e bens/serviços).

Identifique várias técnicas de vigilância, sinalização e segurança rodoviárias de base


tecnológica. Relacione aquelas que conhece com o seu percurso de vida. Acha
necessário a existência de regulamentação referente à calibração dos equipamentos
utilizados pelas forças de segurança. Explore algumas.

Procurar identificar diferentes soluções rodoviárias recorrendo a grafos, investigação


operacional: método de transportes – percursos óptimos; e reflicta sobre as normas e
códigos reguladores de segurança e administração do território. Pode abordar a
construção de rotundas (vantagens e desvantagens) na gestão de tráfego.

Exemplo de anexos: Artigos de opinião relativos à temática; Consulta sobre a tecnologia


Doppler; Legislação, D.L., lei orgânica; Informação consultada sobre grafos e/ou
rotundas; Fotografias de soluções rodoviárias que façam parte do seu percurso de vida
(ex. percurso casa-trabalho), se possível actuais e do passado.

Competência: Conhecer o papel da evolução tecnológica como condicionante das


mobilidades (transportes, comunicação) e reconhecer a influência dos fluxos
migratórios na sociedade.
Identificar fluxos migratórios importantes (de entrada e saída) verificados em Portugal
(familiares que emigraram para França, Brasil, amigos imigrantes, entre outros)
relacionando-os com as suas causas (económicas, políticas, religiosas, outros.). Explorar
as características dos pólos de atracção (regiões em expansão) de população e dos pólos
de repulsão (regiões deprimidas). Aproveite a sua experiência e/ou de alguns familiares
e amigos.

Comparar a relação entre a evolução dos meios de transporte e evoluções tecnológicas


(barco, comboio, avião, comboio de alta velocidade, cartas, telefone, Internet) com as
configurações das migrações efectuadas. Será que os aspectos tecnológicos, influenciam
as pessoas no momento da partida dos seus países de origem. Reflicta sobre o aspecto
da valorização profissional.

Identifique algumas das espécies migratórias no reino animal, que façam parte do seu
percurso de vida.

Exemplo de anexos: Fotografias legendadas; Artigos de opinião relativos à temática;


Fotocópias de bilhetes de avião, comboio alfa, entre outros; Printscreen de aplicações
informáticas.

Competência: Adoptar cuidados básicos de saúde, no domínio privado, em função


do indivíduo (idade, tipo de actividade, estado de saúde, contexto socio-cultural).
Descrever quais os seus hábitos alimentares/de higiene/ e práticas desportivas, enquanto
indivíduo inserido numa sociedade (familiar, amigos e profissional), pertencente a uma
determinada cultura. Comparar os hábitos alimentares/práticas desportivas com culturas
ou sociedades diferentes (dieta mediterrânica, restrições culturais, fast food vs. Slow
food / surf, snowboard, entre outros.).

Mencionar o tipo de equipamentos que utiliza para confeccionar ou aquecer comida e as


suas práticas desportivas e de lazer. Justifique o porquê das suas escolhas, reflectindo
acerca dos benefícios das mesmas (panelas tradicionais, panela de pressão, microondas,
panelas a vapor/desporto tradicional vs. Ginásio-passadeira, bicicleta, remos).

Identificar nos vários alimentos que consome quais os principais nutrientes (proteínas,
vitaminas, sais minerais) e a sua função (plástica, reguladora, entre outros.). Apresente o
seu plano de alimentação equilibrado justificando as suas escolhas face às suas
características (peso, idade, sexo, actividade profissional, doença, entre outros.).

Exemplo de anexos: - Fotografias de equipamento de ginástica/lazer; Tabelas calóricas


dos alimentos e/ou do exercício físico; Fotografias de salmouras ou de equipamento de
conservação, tal como de utensílios de cozinha saudável; Cartão de Nadador-Salvador;
Cartão de Dador de Sangue; Recibo de frequência em ginásio; Fotografias de
equipamentos de confecção.

Competência: Ter conhecimento acerca dos riscos de determinadas profissões assim


como de preservação e promoção da saúde no local de trabalho.
Identificar num contrato de trabalho cláusulas relativas às situações de doenças
profissionais ou de acidente de trabalho. Descrever as diferenças existentes nos
indivíduos que estão sujeitos ao sistema de protecção social privado e público,
descriminando o seu caso e comparando com o outro.

Identificar e interpretar no seu local de trabalho símbolos, objectos ou regras


relacionados com a prevenção e segurança no local de trabalho (saída de emergência,
exaustor, símbolos químicos, entre outros.). Mencionar, caso já tenha intervindo, uma
situação previsível de primeiros socorros, e de que forma agiu ou deveria agir.

Descrever quais os efeitos no organismo que são passíveis de ocorrer no seu local de
trabalho, ou que já tenha sofrido (desvios na coluna, doenças do foro respiratório devido
a inalações, tendinites – uso do rato, entre outros.), identificando as causas e
apresentando soluções para a prevenção dos mesmos (cadeiras ortopédicas, máscara,
entre outros.).

Exemplo de anexos: Fotocópia do contrato de trabalho; Curso de Higiene e Segurança


no Trabalho; Outros cursos relacionados com segurança no trabalho; Documentos e
vídeos que promovam o cumprimento de normas de segurança; Documentos elaborados
pelo próprio sobre boas práticas; Consultas várias.

Competência: Reconhecer os direitos e deveres dos cidadãos no que diz respeito à


possibilidade de escolha do tipo de medicação, os limites da auto-medicação e actuar na
promoção e salvaguarda da saúde, assim como o papel que a ciência tem na tomada de
decisões racional

Identificar na sua relação médico/doente os deveres profissionais da actuação clínica


(confidencialidade, direito a uma segunda opinião, negociação com o médico na opção
de escolha de um medicamento genérico, mencionando a razão da escolha). Relate uma
ida ao Hospital ou Centro de Saúde, mencionando as circunstâncias da mesma.

Identificar a composição, posologia, indicações e contra-indicações de um medicamento


que tome com alguma frequência (por exemplo, todos os Invernos) descrevendo em que
situações recorreu ao mesmo e como gere essa automedicação. Descriminar as
diferentes classes de medicamentos a que já recorreu (anti-piréticos, anti-inflamatórios,
antibióticos, antidepressivos) e quais os limites da automedicação face às diferentes
classes de medicamentos e a necessidade ou não de receita médica. Relate alguma
situação que tenha recorrido a outras terapêuticas.

Identificar dois medicamentos, um que tome e outro que seja equivalente, descrevendo
de que forma podemos assegurar-nos dessa equivalência (principio activo, composição,
concentração) – genérico vs convencional.

Exemplo de anexos: Cartão de utente; Artigos relativos a práticas terapêuticas ou


medicinas alternativas; Posologia de um medicamento; Receita médica.

Competência: Actuar na prevenção de doenças tendo em conta a evolução da


sociedade, da ciência e da tecnologia.
Identificar algumas práticas sociais de risco face a patologias (drogas-injecção, relações
sem prevenção / sida, hepatite B). Compreender que as noções de saúde variam
consoante os grupos sociais e entre tempos históricos e que evoluem consoante as fases
de desenvolvimento das sociedades (Europa vs. Continente africano).

Descrever de que forma é possível prevenir uma determinada patologia que receba
especial atenção da sua parte (doenças sexualmente transmissíveis – uso do
preservativo) e de que forma é possível identificar um indivíduo que tenha essa
patologia. Dar exemplos de soluções de técnicas de protecção e desinfecção face a
situações imprevistas (uso de saco plástico em vez de luvas, lixívia como desinfectante).

Reflectir acerca do papel da estatística no planeamento de programas de


combate/prevenção de doenças (slogans com valor número de pessoas infectadas para
causar impacto no público; faixas etárias de risco).

Exemplo de anexos: Artigos de opinião relativos à patologia; Curso de 1.ºs Socorros;


Artigos / excertos de opinião relativos à temática; Fotos legendadas; Contratos de
trabalho; Informação consultada relativa à temática.

Competência: Compreender o indivíduo como elemento de uma sociedade e como ser


único (célula, DNA, entre outros.)
Identificar a diversidade de características individuais dos elementos que compõem uma
sociedade, a partir de variáveis como o sexo, a idade, a etnia ou a escolaridade. Explorar
modos de integração no colectivo de indivíduos em situações de exclusão social ou alvo
de discriminação por serem portadores de características específicas (ex: idosos,
indivíduos portadores de deficiência, ex-reclusos, toxicodependentes, entre outros.).

Indique todas as tecnologias (raio-x, ecografia, análises laboratoriais, entre outros.) que
conhece ao dispor da sua saúde ou da saúde dos seus, quais as funcionalidades de cada
uma e qual a funcionalidade a que recorreu. Demonstrar de que forma se faz a
interpretação dos resultados tendo em conta um exemplo concreto (por ex., análises
laboratoriais). Deve compreender o papel da evolução tecnológica na compreensão do
“eu”.

Explore as suas aprendizagens no sentido de compreender a base científica de diferentes


estruturas elementares (Átomo, molécula, DNA, célula).

Exemplo de anexos: Consulta de artigos científicos; Fotografias da sua infância e/ou


juventude; Fotocópias de análises laboratoriais ou de outros exames; Fotocópia do
cartão relativo ao grupo sanguíneo; Cartão de “Dador de Sangue”.
Competência: Identificar e relacionar, cientificamente, diferentes processos, métodos e
técnicas que permitam ter o conhecimento sobre a realidade em Ciências Sociais e
encontrar soluções técnicas que melhorem processos e procedimentos.

Identificar técnicas/procedimentos de recolha de informação – inquéritos, entrevistas –


mencionando se já utilizou ou não. Demonstre que compreende a opção por um dos
processos e explore como a sua operacionalização pode melhorar a eficácia e eficiência
das organizações.

Mencione se já procurou soluções técnicas para melhorar processos e/ou procedimentos,


no sentido que, a experiência permite melhorar a eficiência. Explorar como as relações
entre teoria e experimentação estão na base do desenvolvimento tecnológico.

Dar opinião, de acordo com a experiência, sobre a valorização que o papel das várias
componentes, tem na prática científica. Para si qual o papel da representação
matemática como suporte para a explicação e previsão dos factos.

Exemplo de anexos: Consulta na Internet; Artigos de opinião científicos; Formação em


Estatísticas; Informação consultada relativa à temática; Fotocópias de questionários e/ou
inquéritos aplicados.
Competência: Intervir numa sociedade ou numa instituição, com conhecimentos
científicos e tecnológicos e de forma crítica, em debates públicos e face a interesses
políticos.

Deve demonstrar capacidade de intervir racional e criticamente em questões públicas


com base em conhecimentos científicos e tecnológicos. Ou seja ser capaz de debater!
Escolha uma controvérsia pública!

Deve reconhecer a pluralidade de instituições, reconhecendo interesses particulares e


poderes específicos. Enumerar instituições que se relacionem directa ou indirectamente
com a controvérsia escolhida. Explore o papel de duas (com opiniões contrárias)
identificando as suas ideologias e tradições (interesses particulares ou públicos) e
argumentações científicas utilizadas.

Identificar processos tecnológicos (tecnologia) e suas limitações, compreendendo prós e


contras das diferentes tecnologias. Reflicta sobre a controvérsia na implementação de
alguma delas.

Explore o papel da Ciência e como esta é usada para validar os diferentes pontos de
vista das partes em oposição, identificando algumas potencialidades e limitações, na
controvérsia escolhida (apresente dados estatísticos).

Exemplo de anexos: Artigos de opinião/ textos/ participação em blogs /


seminários/congressos sobre a temática; Informação estatística consultada; Fotografias
referentes a actos públicos.
Competência: Aplicar o saber formal na interpretação de leis e modelos científicos e
compreender que podem estar em constante evolução e influenciar e/ou os grupos
sociais.

Identificar diferentes modelos de sociedade e suas principais características (processos


tecnológicos, económicos, culturais e políticos). Analisar a sociedade como uma rede de
agentes, grupos e instituições em permanente interacção.

Mencione se compreende que as soluções técnicas têm validade limitada e que têm
tendência a mudar, tal como muda a ciência e a própria sociedade (papel da máquina a
vapor na revolução industrial, a água potável e a saúde).

Reflectir sobre a sua experiência, tendo em conta que se vive num mundo onde
coexistem leis científicas de invariância (que valorizam a estabilidade) e leis científicas
de evolução (que apontam para a mudança-lei da formação do universo, lei da evolução
das espécies).

Exemplo de anexos: Artigos científicos; Fotografias antigas que se relacionem com a


temática; Artigos elaborados pelo próprio.