Você está na página 1de 2

1850 - Periodo Tokugawa (by PEP)

O país vive um tempo de mudanças e modernização. O desenvolvimento urbano,


comercial, industrial e social é grande. Os Tokugawa consolidaram seu controle sobre um
Japão reunificado, mantendo um poder sem precedentes sobre o imperador, a corte,
todos os daimyos, e sobre as ordens religiosas. Isso garantiu anos de paz e força ao
xogunato Tokugawa.
Os samurais (5% da população) desfrutam da paz dedicando-se às artes, ao Bushido e
execução de seus deveres burocráticos. Samurais, artesãos e mercadores vivem em
cidades construídas em volta dos castelos dos daimyos, cada um tendo uma parte
específica da cidade para residir e sempre em disputas de status.
Um código de leis foi criado para regular as casas dos daimyos. O código abordava desde
questões simples como usos e costumes até tipos de armas e número de tropas permitidas
em suas terras. Era proibida a construção de navios com capacidade de navegar em mar
aberto e obrigada a adesão ao sistema Sankin Kotai (A família do daimyo mora em Edo
(Tokyo), e o daimyo reveza sua residência anualmente entre suas terras e Edo).
Embora os daimyos não fossem oficialmente taxados com impostos, eles eram
regularmente taxados com contribuições para o apoio logístico e militar e para obras
públicas como castelos, estradas, pontes, e palácios. Os vários regulamentos e taxações
não só fortaleciam os Tokugawa, mas também esgotavam as riquezas dos daimyos,
consequentemente os enfraquecendo como uma ameaça para a administração central. Os
feudos, que no passado eram domínios altamente militarizados, tornaram-se meras
unidades administrativas.
Um maior controle foi mantido sobre os daimyos na era Tokugawa, existindo a
seguinte hierarquia entre eles:
Shinpan: Os mais próximos da casa dos Tokugawa (casas aparentadas). São vinte e
três daimyos parentes diretos de Leyasu (fundador do xogunato). Os shinpan possuem
os títulos mais honorários e postos de conselheiro. O clã Hyuuga é Toshiba são desta
classe.

Fudai: Na segunda classe ficam os daimyos recompensados pelos serviços prestados e


fidelidade comprovada. Membros da classe representavam a maior parte dos ofícios
mais importantes. O clã Katsumoto pertence a esta classe.

Tozama: Noventa e sete feudos formavam o terceiro grupo, os tozama ("vassalos de


fora"), ex-inimigos e novos aliados. Os tozama ficam em sua maioria nas periferias do
arquipélago. Por serem pouco confiáveis, são comandados com mais cautela e tratados
generosamente, embora tenham sido excluídos de cargos no governo central. O temido
clã Toyota faz parte desta classe.

Este texto é baseado em fatos reais (eu acho! Wikipedia né!?) e foi criado para nooooossa alegria!!
Quer dizer...Alguns elementos foram criados ou alterados para a história de Blood & Honor do PEP.

Interesses relacionados