Você está na página 1de 2

Poetas contemporâneos

1. Miguel Torga

a) Representações do contemporâneo

o Os poemas compostos contra o estado novo são expressão de uma profunda


revolta contra a ditadura – “Dies irae”

o Os poemas mais recentes salientam o desalento do sujeito face a uma Pátria


estagnada – “lamento” , “A um negrilho”

o Poesia fortemente marcada pelo telurismo, pelos lugares rústicos da paisagem


portuguesa – “Pátria” , “Ibéria”

o Temáticas contemporâneas: a dor humana, a relação homem/Deus, a luta


pela liberdade, a afirmação da dignidade humana, a comunhão com a
natureza

b) Tradição literária

o Aproveitamento de temas/motivos da tradição literária com valor simbólico


Ex.: “Mar”
→ Descobrimentos portugueses

Ex.: “Ibéria”
→ Identidade da cultura e das origens portuguesas

Ex.: “Orfeu Rebelde”


→ Orfeu: si ́mbolo da poesia e do canto

o Influência de poetas portugueses (Camões)

C) Figurações do poeta

 Exaltação de Camõ es – consciência da sua própria limitação enquanto poeta


quando comparado ao génio épico
d’ Os Lusíadas. Ex.: “Camõ es”

 Analogia do poeta com Orfeu – grito obsessivo, livre de regras, encontrando na poesia a forma de expressão
mais plena e eterna. Ex.: “Orfeu Rebelde”

 Poeta como ser em busca da sua identidade. Ex.: “Prospeçao


̃ ”

D) Arte Poética

 Poesia como arma e como forma de eternização e expressão plena. EX: Orfeu Rebelde
 Poema como palco do drama da criação poética, da pesquisa incessante que o poeta tem de realizar para se
encontrar, se conhecer, se definir e descobrir a sua identidade original. EX: Prospeção

E) Linguagem e Estilo

 Utilização de uma linguagem sóbria, rigorosa e simples, associada à terra e à lavoura, em oposição a
uma linguagem mari ́tima.

 Presença de si ́mbolos bi ́blicos e helénicos, imagens cristãs e pagãs.

 Prática de formas poéticas fixas, mas também do versilibrismo (caracteri ́stica do grupo da Presença),
com métrica regular e irregular.

Interesses relacionados