Você está na página 1de 8

Questões de gramática

2014 – PF – 2

1. Associa cada conjunto de palavras da coluna A a uma única palavra da coluna


B, de modo a relacionares o elemento que é comum às palavras de cada conjunto
com a palavra cujo sentido lhe está associado. Escreve as letras e os números
correspondentes. Utiliza cada letra e cada número apenas uma vez.

COLUNA A COLUNA B

(a) aracnofobia, claustrofobia, hidrofobia. (1) água

(b) decaedro, decassílabo, decatlo (2) cavalo

(c) hemiciclo, hemicilindro, hemisfério. (3) dez
 (4) medo

(d) hipismo, hipódromo, hipopótamo. (5) metade


(e) palmípede, quadrúpede, velocípede. (6) olho (7) pé (8) vento

2. Completa cada uma das frases seguintes com a forma do verbo apresentado
entre parênteses, no tempo e no modo indicados.
 Escreve a letra que
identifica cada espaço, seguida da forma verbal correta.


Pretérito imperfeito do indicativo 
 Antes de partirmos, eu e os meus


amigos ------------ (colocar) sempre uma máquina fotográfica na 
 mochila. 


Pretérito perfeito composto do indicativo 
 Ultimamente, ............(vir) a


público muitas notícias sobre a exploração espacial.

Presente do conjuntivo 
 Interessam-me todos os livros de viagens que


...........(conter) sugestões de rotas exóticas.

Pretérito imperfeito do conjuntivo Oxalá tu ............. (poder) viajar


connosco nas férias de verão. 


3. Lê a frase seguinte.“Pus as bagagens no porão”.
 Reescreve a frase


substituindo a expressão sublinhada pela forma adequada do pronome
pessoal. Faz apenas as alterações necessárias.
 

4. Transcreve a expressão que desempenha a função sintática de predicativo do
sujeito na frase seguinte. “Os turistas que pareciam menos cansados
seguiram viagem”.
 


5. Como classificas a oração sublinhada na frase
 «As informações apresentadas


sobre Magalhães permitem concluir que se trata de um grande
navegador.»?

Escreve o número do item e a letra que identifica a opção escolhida.

(A) Oração subordinada substantiva relativa.

(B) Oração subordinada adverbial final.


(C) Oração subordinada substantiva completiva.

(D) Oração subordinada adverbial causal. 


2014 – TI

1.Completa cada uma das frases seguintes com um dos dois elementos
apresentados entre parênteses.

O prémio literário atribuído ao escritor foi, _ _ (de certo / decerto) modo, um



 reconhecimento público pelo trabalho realizado. 


Não vejo _ _ (se não / senão) um motivo para ele querer adquirir todos os livros
desta coleção. 


Os livros de poesia não são mais caros do que os _ _ (de mais / demais).

Sentíamo-nos obrigados a dar continuidade ao estudo, _ _ (com quanto /


conquanto) já estivéssemos a precisar de repouso. 


2.Classifica a forma verbal sublinhada na frase seguinte, indicando pessoa,


número, tempo e modo. “Quando terminares a leitura do texto, passa à redação do
comentário.”
 


3.Para cada item (3.1. e 3.2.), seleciona a opção que permite obter uma afirmação
correta.

3.1. Na frase «A mensagem deste poema do século XVI permanece atual.», a


palavra sublinhada é uma forma de um verbo

(A) copulativo.
 (B) intransitivo.
 (C) transitivo direto. (D) transitivo indireto. 


3.2. Na frase «Enviámos ontem uma mensagem aos organizadores do concurso


de escrita.», a expressão sublinhada desempenha a função sintática de


(A) complemento indireto.
 (B) complemento direto. 
 (C) complemento oblíquo.


(D) modificador. 


4.Reescreve cada uma das frases seguintes, iniciando cada frase que escreveres
com a palavra indicada entre parênteses.
 Faz apenas as alterações
necessárias.


a) Empenhar-nos-emos no trabalho, se nos orientarem. (Só) 



b) Ele traz-te o novo livro do teu autor preferido. (Oxalá)
c) Encontraram-no num curso de pintura. (Alguém)

2013 – PF – 2

1.Qual das frases seguintes contém a sequência de palavras cujas classes são
«determinante – nome – pronome – verbo – determinante – nome – verbo – nome
– advérbio – adjetivo»?


(A). Essa história que humaniza os extraterrestres inspirou vários filmes


conhecidos.


(B) O viajante que chegou a Lisboa relatou aventuras verdadeiramente


impressionantes.

(C). Certos cientistas que investigam o espaço fazem descobertas bem


interessantes.

(D) A possibilidade de viajarmos até Marte não deixa ninguém indiferente. 


2.Completa cada uma das frases seguintes com a preposição adequada.


Os perigos ____ que contávamos durante a viagem não surgiram.


A paisagem ____ que mais gosto já inspirou vários artistas.



Uma aurora boreal é um espetáculo ____ que sempre sonhei assistir.


O cargo ____ que o comandante me nomeou é de muita responsabilidade.


As razões ____ que ele decidiu viajar constituem um mistério.


Um herói é capaz de arriscar a vida por aquilo ____ que acredita. 


3.Classifica a forma verbal sublinhada na frase seguinte, indicando pessoa,


número, tempo e modo. “Se tivéssemos sabido que o cientista iria estar presente,
teríamos assistido à palestra”.


4.Lê a frase seguinte. “ Emocionado com a fotografia, o astronauta mostrou-a a


uma jornalista sua amiga”.
 Reescreve a frase, substituindo a expressão
sublinhada pela forma adequada do pronome pessoal. Faz apenas as alterações
necessárias.


5.Classifica, de forma completa, a oração sublinhada na frase seguinte: “Os


alunos asseguraram ao professor que havia novos dados sobre o robô Curiosity”.

6.Os segmentos (A), (B), (C), (D) e (E) constituem partes de um texto e estão
desordenados. Escreve a sequência de letras que corresponde à ordem correta
dos segmentos, de modo a reconstituíres o texto. Começa a sequência pela letra
(E).



 (A) 
 Devido às correntes contrárias e às condições especiais dos ventos, não


era possível navegar sempre na direção pretendida, e muito menos ainda seguir
uma rota exata. Por exemplo, quem desejasse navegar da Europa à Índia devia
rumar primeiramente ao Brasil, e dali deixar-se conduzir pelos ventos alísios até
contornar o cabo da Boa Esperança. 


(B) 
 Fosse qual fosse o sistema utilizado para a sua conservação, os alimentos,
passado algum tempo e em contacto com o ar contaminado dos porões,
deterioravam-se dentro das barricas onde eram armazenados. 


(C) Se a tudo isto acrescentarmos que frequentemente decorriam meses, e


mesmo anos, até que um navio regressasse à sua pátria, que a tripulação recebia
um tratamento duro e frequentemente injusto e era mal remunerada, teremos, por
fim, uma ideia mais completa de como então era difícil a vida a bordo.
(D) Além disso, a vida dos marinheiros a bordo era também extremamente árdua.
As condições de alojamento da tripulação eram muito precárias, dado que os
marinheiros dormiam praticamente amontoados. No entanto, as piores
dificuldades diziam respeito à alimentação.

(E) É difícil imaginar as grandes dificuldades que uma viagem por mar quase
sempre implicava nos séculos XVII e XVIII, e mesmo no século XIX, ao nível das
condições de navegação, por um lado, e ao nível das condições de vida dos
marinheiros, por outro.
Heinz Conradis, «Navios e Descobridores», O Grande Livro dos Oceanos, Lisboa, Seleções do Reader’s Digest, 1972 (texto
adaptado)

2013 – TI

1.Completa cada uma das frases seguintes com a forma adequada do verbo
apresentado entre parênteses, usando apenas tempos simples.


No próximo ano, talvez _ _ (haver) mais poetas presentes na feira do livro.

O ator não esperava que _ ____ (aparecer) tantos alunos no recital. 


O professor quer que eu, a Ana e o Bruno _ _ (participar) na comemoração do Dia



 Mundial da Poesia. 


Era desejável que estas obras de Camões, de Bocage, de Pessoa, enfim, tudo _ _
(caber) 
 nesta estante. 


2.Associa a cada função sintática da coluna A uma única frase da coluna B, de


modo a identificares a expressão sublinhada que corresponde a cada função
sintática.
 Escreve as letras e os números correspondentes. Utiliza cada letra e
cada número apenas uma vez. 


COLUNA A COLUNA B

(a) complemento direto


1) Pedro, se puderes, lê o último livro deste autor.

(b) complemento oblíquo
(2) Chegaram, ontem, novos livros à biblioteca.

(c) predicativo do sujeito
(d) sujeito (3) Fui a casa buscar uma antologia de autores brasileiros.

(e) vocativo (4) Comprei um livro de poesia, mas ainda não o li.


(5) Os alunos da turma escreveram um poema coletivo.

(6) Prestei muita atenção à leitura do poema.


(7) Os temas dos textos deste poeta continuam atuais.


(8) Este poema de Camões foi musicado por José Afonso.

3.Seleciona a opção que corresponde à forma passiva da frase «A Maria vai


entrevistar o poeta, por causa do trabalho de Português.».


(A) «A entrevista da Maria ao poeta vai ser feita, por causa do trabalho de
Português.»

(B) «Quem vai entrevistar o poeta, por causa do trabalho de Português, é a


Maria.»


(C) «Por causa do trabalho de Português, o poeta vai dar uma entrevista à
Maria.»


(D) «O poeta vai ser entrevistado pela Maria, por causa do trabalho de
Português.» 


4.Transforma cada par de frases simples numa frase complexa, utilizando


locuções conjuncionais das subclasses indicadas entre parênteses.


a) Conclui esse trabalho. Lê este livro. 
 (locução conjuncional subordinativa


temporal) 
 


b) O contacto com a poesia é benéfico na infância.
 Ofereci um livro de poemas


ao meu irmão mais novo.
 (locução conjuncional subordinativa causal)

c) Escreve um poema.
 Tenho insistido contigo.
 (locução conjuncional
subordinativa final)


2012 – PF – 2

1.Lê a frase seguinte. “Os geólogos fizeram descobertas notáveis”.


Reescreve a frase, usando o adjetivo no grau superlativo absoluto sintético

2.Seleciona, para responderes a cada item (2.1. e 2.2.), a única opção que permite
obter uma afirmação correta. 


2.1. A frase que inclui uma forma verbal no futuro composto do indicativo é (A)
«Os turistas poderão acreditar na lenda?»


(B) «Alguns fósseis foram encontrados nas falésias.»


(C) «Os turistas terão acreditado na lenda?» 


(D) «Alguns fósseis seriam encontrados nas falésias.» 


2.2. A frase que inclui uma forma verbal no pretérito mais-que-perfeito composto
do indicativo é:

(A) «Muitos vestígios de dinossauros eram encontrados nesta região.»


(B) «Os dinossauros tinham vivido nesta região.»


(C) «Os dinossauros tinham de viver nesta região.» 


(D) «Muitos vestígios de dinossauros podiam ser encontrados nesta região.» 


3.Lê a frase seguinte: ” Traz os mapas para aqui!” 
 Reescreve a frase,


substituindo a expressão sublinhada pelo pronome pessoal adequado.

4.Explicita a regra que torna obrigatório o uso de vírgulas na frase seguinte,


indicando a função sintática da expressão sublinhada. “A Geologia, ciência que
estuda rochas e minerais, interessa a muitos alunos.”
5.Transforma cada par de frases simples numa frase complexa, utilizando
conjunções das subclasses indicadas entre parênteses.


a) A água desta praia é tão fria! // Poucas pessoas mergulham aqui. (conjunção
subordinativa consecutiva)

b) Gosto das aulas sobre minerais. // Prefiro o estudo dos seres vivos. (conjunção
subordinativa concessiva)

c) Os alunos estudarão os fósseis. // Interessar-se-ão pela Geologia. (conjunção


subordinativa condicional)

6.Transcreve a oração subordinada que integra a frase complexa que se segue.

“Todos os turistas que estiveram neste local ouviram lendas fantásticas.”