Você está na página 1de 4

AnovavisãocontábilapósaLei11.638/2007

Comaintroduçãodalei11.638/2007,acontabilidadenoBrasilsofreumaamplamodificação,fazendocomqueocontador

torne­senãosomenteumresponsávelpelaapuraçãoepagamentodeimpostos

postado30/05/201211:37:06­165.914acessos

Tweet Compartilhar
Tweet
Compartilhar

Anovavisãocontábil:

EmvistaasmudançasnaLegislaçãoSocietáriaeoAmbienteInternacionaldeNegócioseporações,juntamentecomopoderregulatórioe interpretativoqueaComissãodevaloresmobiliários–CVM, possui, encontra­seanecessidadedoBrasilseadaptar aregulaçãocontábil internacionaleissoimplicaemimpactosnobalançopatrimonial.

Entreosobjetivosdestalei, além dealterar artigosdalei nr. 6.404/1976 paraatualizá­laao novo mundo denegóciosglobal, deveser ressaltadoodeprovidenciarmaiortransparênciaàsatividadesempresariaisbrasileiras.

AlgunsdosprincipaisavançosemtermosdepráticascontábeiséaadequaçãodoBalançoPatrimonial:

EstruturadoBalançoPatrimonialsegundoaLei6.404/76XLeill.638/07:

ANTES

DEPOIS

ATIVOCIRCULANTE

ATIVOCIRCULANTE

REALIZÁVEL

A

ATIVO

NÃO

LONGOPRAZO

CIRCULANTE

ATIVOPERMANENTE

·REALIZÁVEL

A

LONGOPRAZO

·INVESTIMENTO

·INVESTIMENTO

·IMOBILIZADO

·IMOBILIZADO

·DIFERIDO

·INTANGÍVEL

·DIFERIDO

PASSIVOCIRCULANTE

PASSIVOCIRCULANTE

PASSIVO EXIGÍVEL A LONGOPRAZO

PASSIVO

NÃO

CIRCULANTE

RESERVA

DE

·EXIGÍVEL A LONGO PRAZO

EXERCÍCIOSFUTUROS

PATRIMÔNIOLÍQUIDO

·RESULTADO

DE

EXERCÍCIOSFUTUROS

·CAPITALSOCIAL

PATRIMÔNIOLÍQUIDO

·RESERVA

DE

CAPITAL

·CAPITALSOCIAL

·RESERVA

DE

·RESERVADECAPITAL

REAVALIAÇÃO

·AJUSTE

DE

·RESERVAS

DE

AVALIAÇÃO

LUCROS

PATRIMONIAL

·LUCROS

OU

·RESERVAS

DE

PREJUIZOS

LUCROS

ACUMULADOS

·AÇÕES

TESOURARIA

EM

·PREJUIZOS

ACUMULADOS

Pode­severificarnoquadroacima,quecomavigênciadaLei11.638/07,jáocorrerammudançasnaestruturadoBalançoPatrimonial,como:

1–Criaçãodosubgrupo“Intangível”noPermanente,desdobradodosubgrupoImobilizado;

2–ExtinçãodapossibilidadedereavaliaçãodosbensdoAtivoImobilizadoe,consequentemente,eliminaçãodasReservasdeReavaliação;

3–OusodosubgrupoDiferidoficarestritoaoregistrodasdespesaspré­operacionaiseaosgastosdereestruturação;

4–Eliminaçãodaconta“LucrosouPrejuízosAcumulados”mantendosomenteaconta“PrejuízosAcumulados”;

5–Criação,noPatrimônioLíquido,dosubgrupo“Ajustedeavaliaçãopatrimonial”,englobando:

5.1–Como“ReservasdeCapital”,passamaserconsideradosapenasosganhosrelacionadoscomocapitalsocialdaempresa;

5.2–Reservadelucroarealizar, inclusão, nocalculodaparcelarealizadadolucroliquidodoexercício, doresultadonãorealizadoda contabilizaçãodeativoepassivopelovalordemercado.

Alteraçõesnaáreasocietária:

Dentreasprincipaisalterações,destacam­se,resumidamente:

DemonstraçõesFinanceiras:

Além dasdemonstraçõesfinanceirasjáanteriormenteprevistas(balançopatrimonial,demonstração doslucrosou prejuízosacumuladose demonstraçãodoresultadodoexercício),inovaaleiaoexigir:demonstraçãodosfluxosdecaixae,secompanhiaaberta,demonstraçãodo valoradicionado.Foisubstituídaademonstraçãodasorigenseaplicaçõesderecursos;

2–Demonstraçãodoresultadodoexercício:

Anovaleidispõequeademonstraçãodoresultadodoexercíciodiscriminara,entreoutrasinformações,asparticipaçõesdedebêntures,de empregadoseadministradores, mesmonaformadeinstrumentosfinanceiros, edeinstituiçõesoufundosdeassistênciaouprevidênciade empregados,quenãosecaracterizamcomodespesa.

Foirevogadooparágrafo2ºdoart.187daLeinr.6.404quedispunhaqueoaumentodovalordeelementosdoativoemvirtudedenovas

avaliações, registrados como reserva de reavaliação, poderia ser computado como lucro para efeito de distribuição de dividendos ou participaçõesdepoisderealizado.

Deacordocomoartigo6ºdaLei11.638,ossaldosexistentesnasreservasdereavaliaçãodeverãosermantidosateasuaefetivarealizaçãoou

estornadosateofinaldoexercíciosocialemqueentraremvigor.

3–Demonstraçõesdosfluxosdecaixaedovaloradicionado:

­Demonstraçãodosfluxosdecaixa:asalteraçõesocorridas,duranteoexercício,nosaldodecaixaeequivalentesdecaixa,segregando­se

essasalteraçõesem,nomínimo,3fluxos:(a)dasoperações,(b)dosfinanciamentose(c)dosinvestimentos;

­Demonstraçãodovaloradicionado:ovalordariquezageradapelacompanhia,asuadistribuiçãoentreoselementosquecontribuíramparaa

geraçãodessariqueza,comoempregados,financiadores,acionistas,governoeoutros,bemcomoaparceladariquezanãodistribuída.

4–BalançoPatrimonial:

Oativopermanenteserádivididoem:investimentos,imobilizado,intangívelediferido;

Opatrimônioliquidodeveserdivididoem:ajustesdeavaliaçãopatrimonialreservasdelucros,açõesemtesourariaeprejuízosacumulados

(antespreviatambém:reservasdereavaliaçãoelucroseprejuízosacumulados.

5–Reservaseretençãodelucros:

ALei11.638criaareservadeincentivosfiscais,prevendoqueaassembléiageralpoderá,porpropostadosórgãosdeadministração,destinar

paraareservadeincentivosfiscaisaparceladolucroliquidodecorrentededoaçõesousubvençõesgovernamentaisparainvestimentos,que

poderáserexcluídadabasedecalculododividendoobrigatório.

Relaçãodoprincipiodaessênciasobreaformacomasalteraçõesdalegislaçãocontábil:

ComoadventodaLei11.638/2007,torna­senecessáriaagoraainterpretaçãodessanovaevastalegislaçãoque,alemdeconvergirparaa

harmonizaçãocomasnormasinternacionaisdecontabilidade,atransparênciadasdemonstraçõescontábeiseabuscadaessênciasobrepondoa

forma,brindou­noscomaaprovaçãode14deliberaçõesemitidaspeloComitêdePronunciamentosContábeis(CPC).Ofatoéque2009será

um ano de adaptação a nova lei em decorrência dasdiversasinterpretaçõesque surgirão em face do entendimento de cada uma dessas deliberações.

Aomesmotempo, tornaobrigatóriaaelaboraçãodasdemonstraçõescontábeis, pelasnovasregras, paraempresasqualificadasnoroldas

denominadassociedadedegrandeportequepossuemumvolumedenegóciossignificativo,e/ouativosrepresentativos(ativosuperioraR$240

milhõesoureceitabrutaanualacimadeR$300milhões),oqueproporcionaráumapercepçãomaistransparenteporpartedomercado.

Todasessasmodificações,eissonãohácomonegar,foidegranderelevânciaerepresentaramumpassoimportanteparaqueumaintegração dascompanhiasbrasileirascomaconvergênciacontábilinternacional. Porém, aindanãoigualaoBrasilaopadrãocontábilinternacional.

Primeiroteremosqueaguardarosdemais26pronunciamentoscontábeisprevistospeloCPCepelaComissãodevaloresmobiliários(CVM).

Nemtudosãoflores,vistoqueaomesmotempoemqueganhamosnatransparência,perdemosnoquesitocomparabilidade.

DentreasdiversasnovidadesqueaLei11.638/2007trouxe,destacamosasprincipaisnoquadrocomparativo:

Lei6.404,de15de dezembrode1976

Lei11.638,de28de dezembrode2007

Publicação das Demonstrações das Origens e Aplicações de Recursos–Doar.

PublicaçãodasDemonstraçõesdosFluxosdeCaixas–DFC.

NãohaviaaexigênciadapublicaçãodaDemonstraçãodo Valor Adicionado–DVAparaascompanhiasabertas.

Obrigatoriedade da publicação da Demonstração do Valor Adicionado–DVAparaascompanhiasabertas.

Osaumentosdevaloresnossaldosdeativosserão registrados comReservadeReavaliação,noPatrimônioLíquido.

Osaumentosoudiminuiçõesdevaloresnossaldosdeativos e passivos decorrentes de avaliações e preço de mercado serão registrados na conta deAjuste deAvaliação Patrimonial, no PatrimônioLíquido.

O ativo permanente é dividido em: investimentos, ativo imobilizadoeativodiferido.

Ativo permanente passa a ser dividido em: investimentos, imobilizado,intangívelediferido.

Nasoperaçõesdeincorporação,fusãooucisão,ossaldos vertidos poderãoserregistradospelosvalorescontábeis.

Os saldos serão vertidos a valor de mercados nos casos de:

fusões,cisõesouincorporações.

OPatrimônioLíquido:capitalsocialreservadecapital, reservas dereavaliação,reservasdelucrosouprejuízosacumulados.

OPatrimônioLíquido:capitalsocialreservadecapital, ajustes deavaliaçãopatrimonial,reservasdelucros,açõesemtesourariae prejuízosacumulados.

As companhias abertas são obrigadas a publicar as suas demonstrações contábeis devidamente auditadas. As companhias fechadassão obrigadasapublicarsuasdemonstraçõescontábeis.

Ascompanhiasabertaseassociedadesdegrandeportede capital fechado são obrigadas a apresentar demonstrações contábeis segundoos mesmospadrõesdaLeidasS.As. eauditadaspor auditoresindependentes.

Aescrituraçãocontábilseráefetuadadeacordocomos princípios decontabilidadegeralmenteaceitos,podendoregistrarnoslivros comercias ou em livros auxiliares os ajustes decorrentes da

Deverá ocorrer segregação entre escrituração mercantil e tributária.

legislação tributária.

 

ACVMexpediránormascontábeisdeacordocomos princípios decontabilidadegeralmenteaceitos.

A CVM expedirá normas contábeis em consonância com as NormasInternacionaisdeContabilidade(IFRS)

Associedadescontroladasdevemseravaliadaspelométodo da equivalênciapatrimonial.

Associedadescontroladas,sociedadesquefazempartedo mesmo grupoqueestejamsobinfluênciaecontrolecomum, devemser avaliadas pelométododeequivalênciapatrimonial.

D­Impactodasalteraçõesdalegislaçãocontábilnagestãodecustosdasempresasbrasileiras.

Dentreasalteraçõesdalegislaçãocontábil,advindasporforçadaLei11.638/2007,destacamoscomoumdosimpactosdestasalterações,a

inserçãodoimpairmenteaextinçãodareavaliaçãodeativos,havendoapossibilidadedareavaliaçãoapuradasetornarumfatorconjunturale

indicaranecessidadedotestedeimpairment,oquetornaprementeentenderosefeitosdareavaliaçãodeativosnoBrasilesuarelaçãocom

estenovoinstituto.

Alei11.638/2007trazaextinçãodareavaliaçãodeativoseainserçãodoimpairment.Oquemostraaimportânciadoimpairmentcomo

propósitodedeixarosativosregistradosaolimitedosvalorescorrespondentesaoseuretornoeconômico.

Aocontrariodoimpairment,areavaliação,quandomalutilizadaestavaauferindoaoativoregistradoumvalorsuperiorásuarealcapacidade

deretornoeconômicoegeraçãodecaixa,mascarandoasdemonstraçõescontábeiseosindicadoresdeanalisee,portanto,induziaàperdade

credibilidadepelosinvestidoresestrangeiros.

E­CONCLUSÃO:

Estãoocorrendograndesmudançasnocenáriointernacional (nasempresas), eexige­sequeelaspassem aadotar um novoprocedimento contábilharmônicocomomundo,paraquealinguagemdosnegóciospossaserentendidadamesmaformaemtodososlugares.OBrasil precisaestar inseridonestecontextoecomaleidasSociedadespor ações, juntamentecomaCVM, acontabilidadeno Brasil dápassos concretos, atualizandoasregrascontábeisbrasileiraseadequandosuasdemonstraçõeseprincipalmenteoBalançoPatrimonial ao cenário contábilinternacional.

Conclui­sequeosimpactosocorridosnoBalançoPatrimonialemrazãodasatualizaçõesnasnormascontábeisbrasileirasãomuitoimportantes,

porrazãodaadequaçãodoBrasilaocenáriocontábilinternacional.

Referências:

­ControllerConsultoriaContábil:Lei11.638/2007novaalteraçãodalei

(controllerconsultoria.blogspot.com)

­Revistacontábil&JurídicaNetlegis:AspectossocietáriosetributáriosdaLei11.638/2007edaMP449/08(netlegis.com.br)

­PRICEWATERHOUSECOOPERS:AlteraçõesnaLegislaçãoSocietária–Lei11.638/2007(pwc.com)

­RevistaCapitalAberto:AsmudançasintroduzidaspelaLei11.638/2007(capitalaberto.com.br)