Você está na página 1de 6

Hormonio do Crescimento

Nome Referencia: Somatropina


Nome comercial:EUTROPIN®

FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO :


Caixa contendo um ou cinco frascos-ampola com 4 UI de somatropina na forma de pó
liófilo injetável, acompanhados de frascos-ampola com 1 mL de diluente.

Caixa contendo um frasco-ampola com 15 UI de somatropina na forma de pó liófilo


injetável, acompanhado de frasco-ampola com 1,5 mL de diluente.

Caracteristicas do farmaco:Hormônio de crescimento humano biossintético obtido por


tecnologia de DNA recombinante

USO INJETÁVEL POR VIA SUBCUTÂNEA / INTRAMUSCULAR


USO ADULTO E PEDIÁTRICO

INDICAÇÕES: (somatropina) está indicado para crianças com nanismo devido à


deficiência do hormônio de crescimento e na Síndrome de Turner.

CONTRAINDICAÇÕES :não deve ser usado em indivíduos nas seguintes condições: 


Portadores de Diabetes mellitus  Portadores de tumores malignos  Pacientes com
epífises consolidadas  Baixa estatura devido a tumor cerebral que induza a
hipopituitarismo e hipossecreção de hormônio de crescimento.
Gravidez: Risco categoria C Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres
grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista .

REAÇÕES ADVERSAS :Caracteristicamente, pacientes com a deficiência do hormônio


de crescimento apresentam déficit de volume extracelular. Quando iniciado o tratamento
com somatropina, este déficit é rapidamente corrigido. Foram observados efeitos
colaterais em aproximadamente 10% das crianças de baixa estatura que participaram dos
estudos clínicos. Em estudos clínicos em adultos, os efeitos colaterais foram observados
em, aproximadamente, 30 a 40% dos pacientes (principalmente os relacionados à
retenção de líquido).

DIZERES LEGAIS VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA. SÓ PODE SER VENDIDO


COM RETENÇÃO DA RECEITA.
Nome: Gonadotrofinas
(hormônio luteinizante e folículo estimulante )

Apresentação
Frasco-ampola com liofilizado (5000 UI) e ampola diluente contendo 25 mL.

Vias de Aplicação
Uso interno, pela via intramuscular.

Indicaçoes: Hormônio Folículo Estimulante + Hormônio Uteinizante (substância


ativa)está destinado para o tratamento dos distúrbios da fertilidade nos seguintes
casos:

Na mulher

• Esterilidade anovulatória, incluindo mulheres com síndrome de ovário policístico


que não responderam ao tratamento com citrato de clomifeno;

• Falha do amadurecimento folicular e consequente insuficiência do corpo lúteo


(caso outros tratamentos falharem) em mulheres com hipogonadismo
hipogonadotrófico;

• Hiperestimulação controlada em programas de fertilização assistida (por exemplo,


fertilização in vitro / transferência de embrião (FIV/TE), transferência de gameta
intrafalopiano (GIFT) e injeção intracitoplasmática de espermatozoides (ICSI).

No homem
• Casos de deficiência da espermatogênese devido ao hipogonadismo
hipogonadotrófico.

Hormônio Folículo Estimulante + Hormônio Uteinizante (substância ativa) está


contraindicado em mulheres que tenham:
• Tumores da glândula pituitária ou do hipotálamo;

• Carcinoma nos ovários, no útero ou nas mamas;

• Gravidez ou lactação;

• Hemorragia vaginal de causa desconhecida;

• Hipersensibilidade aos componentes da fórmula; e

• Aumento dos ovários ou cisto ovariano não causado por ovário policístico.
Hormônio Folículo Estimulante + Hormônio Uteinizante (substância ativa) está
contraindicado em homens que tenham:

• Tumores da glândula pituitária ou do hipotálamo;

• Tumor nos testículos;

• Carcinoma de próstata; e

• Hipersensibilidade aos componentes da fórmula.

Reações Adversas do Hormônio Folículo Estimulante + Hormônio Luteinizante


Mulher
Reação e dor no local da injeção. Cefaléia; náusea, dor abdominal, vômito; prurido;
síndrome da hiperestimulação ovariana leve, moderada e severa; sintomas de gripe.
Homens:
Foram relatados ginecomastia, acne e ganho de peso com o tratamento com
gonadotropinas. Além disso, reações no local de injeção e alergia também podem ser
esperadas na população masculina.
Nome Referencia: L-Tiroxina
Nome comercial:Puran T4

Apresentação: Via Oral (Comprimidos)Uso Adulto e Pediátrico

Existem diversas dosagens disponíveis de levotiroxina, as mais prescritas são: 25 mcg


(0,025 mg), 50 mcg (0,05 mg), 75 mcg (0,075mg).

Indicações:
Como terapia de reposição ou suplementação hormonal em pacientes com
hipotireoidismo de qualquer etiologia (exceto no hipotireoidismo transitório, durante a fase
de recuperação de tireodite subaguda). Nesta categoria incluem-se: cretinismo, mixedema
e hipotireoidismo comum em pacientes de qualquer idade (crianças, adultos e idosos) ou
fase (por exemplo, gravidez);

Contra-indicações de Puran t4
Hipersensibilidade aos componentes da fórmula, infarto do miocárdio recente,
tireotoxicose não tratada, insuficiência suprarrenal descompensada e hipertireoidismo não
tratado.

Reações adversas / Efeitos colaterais de Puran t4


Em geral, as reações adversas da levotiroxina estão associadas a uma dosagem
excessiva e correspondem aos sintomas do hipertireoidismo. Podem ocorrer: taquicardia,
palpitações, arritmias cardíacas, dor de angina, dor de cabeça, nervosismo,
excitabilidade, insônia, tremores, fraqueza muscular, cãibras, intolerância ao calor,
sudorese, fogachos, febre, perda de peso, irregularidades menstruais, diarreia e vômito.
Tais efeitos geralmente desaparecem com a redução da dosagem ou suspensão
temporária do tratamento.
Nome Referencia: Insulina Regular
Nome Comercial :HUMULIN ,HUMALOG ,INSUMAN

Apresentação:Solução injetável 100 UI/ mL (Regular)


A insulina é um antidiabético,/ampola /Uso Adulto ou Pediatrico
Via de Administração:Via intramuscular, subcutânea ou intravenosa.

Caracteristica :
A insulina regular é uma insulina rápida e tem coloração transparente.

Indicaçoes:
Tratamento de Diabetes tipo 1
Tratamento de diabetes melito tipo 2 em pacientes não controlados com dietas
antidiabéticos orais.
Tratamento de cetoacidose, coma hiperosmolar e na vigência de cirurgia, infecção ou
traumatismo em diabéticos de tipos1e 2

Contra-indicaçoes

cirurgia ou trauma (pode haver hipoglicemia ou hiperglicemia).


•condições que causam hiperglicemia (como: mudanças hormonais na mulher,
hiperadrenalismo não controlado, infecção grave, stress psicológico,
hipertireoidismo não controlado).
•condições que causam hipoglicemia (como: insuficiência da supra-renal não
controlada, insuficiência hipofisária não controlada);
Reações Adversas
Hipoglicemia (leve a moderada): ansiedade; cansaço incomum; batimentos cardíacos
acelerados; confusão mental; dificuldade de concentração; dor de cabeça; fala enrolada;
fome excessiva; fraqueza; instabilidade; mudanças do comportamento (o paciente parece
embebedado); náusea; nervosismo; pele pálida e fria; pesadelos; sono agitado;
sonolência; suores frios; visão borrada.
Hipoglicemia (grave): convulsões; coma; ganho de peso.
Nome:INSULINA NPH

APRESENTAÇÃO :Suspensão injetável de Insulina Humana Recombinante NPH (ADN


recombinante). Embalagem contendo um frasco-ampola com 10 mL de suspensão na
concentração de 100 UI/mL

VIA DE ADMINISTRAÇÃO: SUBCUTÂNEA/USO ADULTO E PEDIÁTRICO/AMPOLA

Indicaçoes:
Tratamento de cetoacidose, coma hiperosmolar e na vigência de cirurgia, infecção ou trau
matismo em diabéticos de tipos 1 e 2

Contra Indicaçoes:
Você não deve tomar insulina se: – Sua glicemia estiver muito baixa (hipoglicemia). –
Você é alérgico à insulina humana ou a qualquer um dos excipientes contidos na fórmula
de Insulina Humana Recombinante NPH.

Reaçoes Adversas:
Mais freqüentes: hipoglicemia, hipoglicemia grave, hipoglicemia noturna, aumento de pes
o
Menos freqüentes: edema, hipersensibilidade cutânea, reação no local daaplicação