Você está na página 1de 2

Células Sanguíneas

Um ser humano adulto possui cerca de 5 litros de sangue. Este é constituído por plasma e células sanguíneas. O
plasma é o componente líquido do sangue, e contém (além de água) proteínas, nutrientes, sais e resíduos do metabolismo.
Tem cor amarela, devido à presença de bilirrubina (proveniente da degradação dos hemos). As proteínas plasmáticas são
sintetizadas pelo fígado, e desempenham uma grande variedade de papéis: transporte de moléculas importantes,
manutenção da pressão osmótica e coagulação. As células sanguíneas circulam suspensas no plasma e podem ser:
 Eritrócito: (ou glóbulos vermelhos). São as mais abundantes (>99%) células sanguíneas e contêm hemoglobina. São
desprovidos de núcleo e organelas. Produzidos na medula óssea e degradados (após cerca de 120 dias) no baço e fígado.
Para a sua formação é necessário ferro, ácido fólico e vitamina B12.
 Plaquetas: (ou trombócitos). Fragmentos celulares de megacariócitos (grandes células poliplóides presentes na medula
óssea em contacto com os vasos sanguíneos). São essenciais para a coagulação sanguínea.
 Leucócitos: (ou glóbulos brancos). Responsáveis pela resposta imune.

Os leucócitos possuem uma divisão e função especifica.


 Leucócitos granulócitos: possuem grânulos ricos em enzimas (neutrófilos, eosinófilos e basófilos).
 Leucócitos agranulócitos: não possuem grânulos (monócitos e linfócitos).

Leucócitos Função Forma

Em maior quantidade, ajudam o organismo a combater infecções


bacterianas e fúngicas, fagocitando partículas estranhas. Quando
a infecção bacteriana é aguda, há maior solicitação dos
Neutrófilos
neutrófilos da medula e ocorre aumento dos neutrófilos imaturos no
sangue, os bastonetes. Existem dois tipos de
neutrófilos: bastonetes (imaturos) e segmentados (maduros).

São encarregados de matar parasitas e destruir células


Eosinófilo cancerosas; estão envolvidos nas respostas alérgicas. Possuem
s receptores para as imunoglobulinas IgE e IgG e para algumas
proteínas do sistema do complemento.

Participam em respostas alérgicas. Possuem quimiotaxia, como os


neutrófilos; tem também alguma atividade fagocítica. Sua principal
função, porém, consiste em liberar heparina nas áreas de invasão do
organismo, para evitar a formação de coágulos e permitir a fácil
Basófilos migração dos neutrófilos para a defesa contra a invasão.
Ao contrário dos demais tipos de leucócitos, os monócitos circulantes
são considerados imaturos. Ao deixar a corrente sanguínea, eles
Monócitos
alcançam os tecidos, onde sofrem a fase final da sua maturação para
originar os macrófagos.

São células com núcleo grande e sem grânulos


citoplasmáticos. São responsáveis pela imunidade humoral, através
dos linfócitos B, produtores de anticorpos contra diversos agentes
estranhos ao organismo e pela imunidade celular, através dos
linfócitos T. Divididos em dois tipos principais: os linfócitos T,
Linfócitos
que auxiliam na proteção contra as infecções virais e conseguem
detectar e destruir algumas células cancerosas, e os linfócitos B, que
se transformam em células produtoras de anticorpos (células
plasmáticas ou plasmócitos).