Você está na página 1de 1

5.

3 Movimento harmônico
O movimento harmônico simples (MHS) é um tipo de movimento oscilatório periódico

no qual a partícula se move numa trajetória retilínea devido a uma força restauradora linear

dirigida para um ponto xo, posição de equilíbrio estático, adotado como origem do sistema

de coordenadas. A força restauradora mencionada pode ser exercida por uma corda elástica,

uma mola linear, etc. Embora o movimento de muitos sistemas vibratórios não seja harmônico,

em muitos casos as vibrações são periódicas e podem ser tratadas como uma superposição de

movimentos harmônicos. Isto se deve ao fato de toda função periódica poder ser representada

por uma combinação linear de outras funções também periódicas através da série de Fourier.

A projeção ortogonal das posições ocupadas por uma partícula em movimento circular

uniforme (MCU) sobre um diâmetro qualquer ou sobre qualquer reta paralela a um diâmetro

descreve um movimento harmônico simples. A Figura (5.12) ilustra este fato considerando uma

partícula em MCU num plano vertical com luz incidindo verticalmente de cima para baixo. A

sombra da partícula sobre o eixo x descreve um MHS.

Figura 5.12: MCU de uma partícula projetado em um eixo horizontal.


Fonte: Elaborada pela autora.

Podemos usar tal analogia para obter as equações matemáticas que descrevem o MHS.

Considere o movimento circular uniforme (MCU) de uma partícula em torno do centro O. A

partícula está no ponto M no instante t = 0, Figura (5.13). Sua posição nesse instante em

relação a O é dada pela distância A e pelo ângulo φ que faz com eixo de coordenadas Ox,
denominado ângulo de fase inicial e medido em radianos.

64