Você está na página 1de 22

HABILIDADE

AVALIAÇÃO CONSTANTE DO QUE ALGUÉM


TEM CAPACIDADE DE FAZER.
TIPOS DE HABILIDADES
INTELECTUAIS
 Aptidão numérica
 Compreensão verbal

 Rapidez perceptual

 Raciocínio indutivo

 Raciocínio dedutivo

 Visualização espacial

 Memória
HABILIDADES INTELECTUAIS
 Testes de habilidades intelectuais
 Enem
 Wonderlic
 Rapidez
 30 segundos cada questão

 Domínio

 Inteligência cultural
 Capacidade de exercer suas habilidades e função do
contexto de diferenças
 Inteligência Emocional
 Capacidade de reconhecer com precisão as emoções
próprias e de outras pessoas
 Fazer as coisas com sentimento
VARIÁVEIS
 Habilidade intelectual de aptidão numérica
reforça entre outras habilidades a de raciocínio
dedutivo = habilidade mental em geral.
 Atividades complexas = conjunto de habilidades
necessárias
 Ajuste entre cargos e habilidades:

 Correlação positiva entre inteligência e exigência


do cargo e nula entre inteligência e satisfação
HABILIDADES FÍSICAS

Fonte: Robbins, 2010.


IMPLICAÇÕES GERENCIAIS

 Processo de seleção
 Promoções e transferências
 Modificações nas tarefas
EXERCÍCIO 2: HABILIDADES
 Quais os tipos de trabalhos são adequados às
suas habilidades?
 Quais são suas forças que você pode
alavancar?
 Como seu nível de habilidade para entender
suas próprias emoções poderia ser um fator
para o sucesso no trabalho?
 Você entende e utiliza emoção para tomar
decisões?
 Como você descreveria seu QI cultural?
PERSONALIDADE

É um conceito não estático do conjunto


psicológico de uma pessoa.
DEFINIÇÃO E CARACTERÍSTICAS
 Personalidade é, segundo Gordon Allport “a organização
dinâmica interna daqueles sistemas psicofísicos do
indivíduo que determinam seu ajuste individual ao
ambiente”.

“A soma das maneiras como uma pessoa reage e interage


com as demais” (Robbins)

 Comportamento do indivíduo é resultado da interação entre


ambiente e personalidade.

A personalidade é de origem genética (hereditariedade), é


determinada pelo ambiente ou acontece de acordo com a
situação?

R. A personalidade é representada tanto pela natureza


(genética) como pela educação (fatores situacionais).
VARIÁVEIS DA PERSONALIDADE

 Idade
 Confiabilidade

 Personalidade mais estável


ABORDAGENS SOBRE PERSONALIDADE
 Traços de personalidade
 Cinco grandes

 Preferências de personalidade

 Ajuste personalidade-trabalho
Traços básicos

Reservado Sociável

Menos inteligente Mais inteligente

Afetado pelos sentimentos Emocionalmente estável

Submisso Dominador

Sério Despreocupado

Agitado Consciencioso

Tímido Ousado

Resistente Sensível

Confiante Suspeito

Prático Imaginativo

Direto Astuto

Autoconfiante Receoso

Conservador Experimentador

Dependente do grupo Autossuficiente

Descontrolado Controlado

Relaxado Tenso
O MODELO DOS CINCO GRANDES (BIG FIVE)

 Extroversão
 Amigável
 Sociável
 Agradabilidade (afabilidade ou amabilidade)
 Franco
 Harmonioso
 Cooperativo
 Conscienciosidade
 Estável na busca de poucos objetivos específicos
 Orientado para os resultados
 Autodisciplinado
 Estabilidade emocional
 Seguras
 Entusiastas
 Calmas
 Abertura à experiência
 Buscam novidades
 Imaginativas
 Inovação
 Idéias
PREFERÊNCIAS DE PERSONALIDADE –
CARL JUNG (PSICÓLOGO ALEMÃO)

 Preferências pessoais não são traços, são opções que


fazemos muitas vezes inconscientemente em função dos
nossos perfis psicológicos (temperamento).
INDICADOR DE TIPOS
DE MYERS-BRIGGS
(MBTI SIGLA EM
INGLÊS).
Katherine Briggs e Isabel Briggs Myers

Tipo psicológico (teste de personalidade)

•4 pares de temperamento e 16 tipos de personalidade diferentes.


ÁREAS DE PREFERÊNCIAS
 Extroversão (E) ou Introversão (I) – Direção da energia
 Pessoas e coisas.
 Idéias e conceitos.
 Percepção ou lógica (S) ou Intuição (N) – Busca por informação
 Dados reais, ordem e uso dos sentidos.
 Padrões complexos, conceituais, criatividade e percepção inconsciente
(6° sentido).
 Pensamento (T) ou Sentimento (F) – Decisões estrutura
organização
 Imparcialidade, raciocínio e lógica.
 Valores pessoais, lado emocional e necessidades humanas.
 Julgamento (J) ou Percepção (P) – modo de viver (estilo de vida)
 Planejamento, organização, conclusão de tarefa e de metas.
 Espontaneidade, curiosidade e flexibilidade.
 Exemplos:
 INTJ: visionários, criativos, idealistas.
 ESTJ: organizados, realistas, analíticos e decididos.
 ENTP: inovador, individualista e empreendedor
 NT’s: executivos de sucesso (racional intuitivo)
TEORIA DE AJUSTE PERSONALIDADE-
TRABALHO (JOHN HOLLAND)
 Orientador de carreira
 Preferência por um tipo de ocupação.
 Características de personalidade do indivíduo versus
ambiente ocupacional.

 Variáveis:

 Rotatividade e satisfação.
 Ajuste personalidade-ambiente ocupacional.

 Exemplo: Pessoa realista e trabalho realista, situação


de congruência.
Fonte: Robbins, 2010.
Fonte: Baldwin, 2008.
COEXISTÊNCIA ENTRE TIPOS DE
PERSONALIDADES OCUPACIONAIS
(TIPOS DE OCUPAÇÃO) – DIAGRAMA
HEXAGONAL

Fonte: Baldwin, 2008.


ATRIBUTOS DE PERSONALIDADE
QUE INFLUENCIAM O CO
 Lugar de controle
 Percepção da fonte do seu destino.
 Internais: controle da saúde, menos absenteísmo, busca resultados.
 Externais: menos satisfeitos, alienados à estrutura.
 Autoestima
 Elevada AE : acreditam em suas habilidades.
 Baixa AE: sofre influência externa, se ajustam ao comportamento de quem
respeitam.
 Automonitoramento
 Capacidade de ajustar comportamento a fatores externos.
 Elevado: Adaptabilidade, contradições entre vida privada e vida pública.
 Baixo: dificuldade de concordância.
 Assumir riscos
 Decisões rápidas e com menos informações.
 Personalidade Tipo A
 Competitivos
 Personalidade Tipo B
 Lentos
 Não desenvolvem a busca pelo próprio sucesso
BIBLIOGRAFIA
 BALDWIN, T. Desenvolvimento de
habilidades gerenciais. Rio de Janeiro:
Elsevier, 2008.
 ROBBINS, S. Comportamento
organizacional. 8ª ed. Rio de Janeiro:
LTC Editora, 1999.
 ROBBINS, S. Comportamento
organizacional. 14ª ed. São Paulo:
Pearson Prentice Hall, 2010.