Você está na página 1de 2

www.acobrasil.org.

br AÇO | Construindo um Futuro Sustentável O Instituto Aço Brasil

Nasceu em 1963, com o objetivo de fomentar a


competitividade da indústria brasileira do aço, realizar
diversas atividades, como estudos, pesquisas e
representação em fóruns públicos e privados. Ao longo
desses anos, o Instituto sempre esteve comprometido
com o desenvolvimento sustentável do país e as
demandas da sociedade, revelado nas ações em prol da
sustentabilidade, baseada nos pilares econômico, social
e ambiental.

Empresas Associadas

APERAM SOUTH AMERICA

ARCELORMITTAL AÇOS LONGOS

ARCELORMITTAL SUL FLUMINENSE

ARCELORMITTAL TUBARÃO
aço & COMPANHIA SIDERÚRGICA NACIONAL - CSN
economia
COMPANHIA SIDERÚRGICA DO PECÉM - CSP

GERDAU AÇOMINAS S.A.

GERDAU AÇOS ESPECIAIS S.A.


Acesse o site e confira os
números atualizados do setor: GERDAU AÇOS LONGOS S.A.

SIDERÚRGICA NORTE BRASIL S.A. - SINOBRAS

TERNIUM BRASIL

USIMINAS

VALLOUREC SOLUÇÕES TUBULARES DO BRASIL S.A.

VILLARES METALS S.A.

Rua do Mercado, 11 - 18º Andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - CEP: 20010-120


Telefone: (21) 3445-6300 - Fax: (21) 2262-2234 - E-mail: acobrasil@acobrasil.org.br
EXCESSO DE CAPACIDADE DE PRODUÇÃO DE AÇO NO MUNDO - 2017 Indústria Brasileira
(em Mt)
do Aço
Unid.: 103 t
30.000 Unid.: 106 t 2017
MERCADO INTERNO 60 CIS China
25.000 50,4 50,4 NAFTA Europa 52 92
47,8 47,9 47,9 47,4 47,5 280
50
20.000 42,1
44,6 2
41,5
37,1 38,8

15.000
40
33,7 32,9
35,2 34,5 34,2 33,9 33,3 34,4 Parque Produtor de Aço:
31,3
33,8 26,5
Ásia 29 Usinas (15 Integradas e
10.000 30 30,9 31,1 28 6
29,6 29,0 29,5
26,7
28,5 23,7
20,2 21,3
Américas 85 14 Semi-integradas)
24,5 Oceania+ (Excl. China)
MERCADO EXTERNO
5.000 20 20,6 20,6 Central & Administradas por 10 grupos
MENA
do Sul
0 10
06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 Capacidade: 2.268 Mt
Consumo: 1.723 Mt Faturamento Líquido:
0
2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 Excesso: 545 Mt R$ 81,6 bilhões
O atendimento ao mercado interno é prioritário
(em aço equivalente) (US$ 25,5 bilhões)*
para a indústria brasileira do aço.

A atual capacidade de produção tem plenas


condições de atender o aumento das exportações. ORIGEM DAS IMPORTAÇÕES DE AÇO Impostos Pagos:
VARIAÇÃO DA PRODUÇÃO DOS PRINCIPAIS Oriente Médio
R$ 13,7 bilhões
África Oceania 1,5% Oceania
SETORES CONSUMIDORES DE AÇO (%) África 0,3% (US$ 4,3 bilhões)*
EVOLUÇÃO DO CONSUMO APARENTE DE PRODUTOS SIDERÚRGICOS 4,6% 1,0%
1,2%
Unid.: 103 t América
Latina
2014 2015 2016 2017 3,4%
2015/2014 2016/2015 2017/2016 Europa Capacidade Instalada:
Aços Planos ao Carbono 13.441 11.040 9.845 10.989 28,4%
Construção Civil - 12,5 - 11,6 - 3,2 50,4 milhões de t/ano
América América
Aços Planos Ligados/Especiais 1.080 879 706 699 Europa do Norte de aço bruto ao final de 2017
Bens de Capital - 25,3 - 10,2 6,3 Latina
14.521 11.919 10.551 11.688 33,1% 2000 48,0% 2017 2,4%
Automotivo - 25,9 - 12,1 17,4 China
Aços Longos ao Carbono 10.097 8.620 7.061 6.830 41,3% Ásia
Eletrodomésticos - 12,4 - 7,2 3,4 21,5%
9º Produtor no Ranking Mundial
Aços Longos Ligados/Especiais 988 752 605 651 Ásia
China 8,8% Produção (t de aço bruto):
11.085 9.372 7.666 7.481
1,4%
Vendas de aço do mercado interno fortemente América do Norte
Brasil = 34,4 milhões de t
25.606 21.291 18.217 19.169
impactadas devido à dificuldade de recuperação 3,1% Mundo = 1.673,9 milhões de t
de alguns setores consumidores. 126 104 88 92 Importação da China: 12 mil t Importação da China: 961 mil t
2,1% (Brasil/Mundo)
América Latina = 64,2 milhões de t
53,5% (Brasil/América Latina)
INDÚSTRIA BRASILEIRA DO AÇO GUERRA DE MERCADO - FRENTES EM DISCUSSÃO
UTILIZAÇÃO DA CAPACIDADE INSTALADA
(MÉDIA POR PERÍODO)
Unid.: 106 t
100%
35 34 34 Colaboradores:
Média Média Média
90% 85% 73% 68% 30 Efetivo próprio = 66.715
25 UE Efetivo de terceiros = 36.435
80% 18,5 EUA
20 19,0

16,1 17,0
70% 15
15,0 Marrocos Turquia China
13
Produtividade:
10
60% 63% 423 t/homem/ano
5 Tailândia
Costa Rica Índia Vietnã
50% 0
05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 Malásia Indonésia (*) Conversão pelo dólar médio do mês.
Salvaguardas Filipinas
40% PRODUÇÃO VENDAS INTERNAS EXPORTAÇÕES CONSUMO
05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 Seção 232 África do Sul

A fraca demanda faz o setor Produção em 2017 retornou ao patamar de 2013, Excesso de
apresentar elevado nível de ociosidade. consumo ao de 2006 e vendas ao de 2005. capacidade/
Subsídios