Você está na página 1de 9

ESCOLA ESTADUAL JACIR LOPES DUARTE

Avenida Hélio Filgueiras, 43 Zona Rural- Vargem Grande-


Papagaios- Mg Fone 375182
AVALIAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA
Aluno:_____________________________________________série: _____valor______________
1. Leia atentamente e responda:
01- Responda V para verdadeiro e F para falso:
( ) A linguagem verbal é aquela que se utiliza da palavra na transmissão da mensagem.
( ) As histórias em quadrinhos, geralmente, apresentam linguagem verbal e não-verbal.
( ) As placas de trânsito se utilizam de linguagem não-verbal.
( ) Linguagem verbal é aquela que transmite mensagens através de palavras e gestos.
( ) Os gestos, os símbolos, os desenhos, as placas são exemplos de linguagem não-verbal.

02- Agora leia esta tirinha e responda:


a) Por que o Cascão não entrou em casa
para dormir?

_______________________________________________________________________________________
_______________

b) Qual é o tipo de linguagem que aparece na história?


_______________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________

03- Leia com atenção a HQ da Mônica e do Cascão:


a) O que a Mônica está fazendo nos 3 primeiros quadros?
_______________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________
b) O que quer dizer os riscos que saem do coelhinho?
_______________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________
c) O que o Cascão está fazendo no quinto quadrinho?
_______________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________
d) Qual é a reação da Mônica?
_______________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________
e) O que a expressão da Mônica indica no penúltimo quadro?
_______________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________
f) No último quadro o significa as estrelas e os riscos sobre a cabeça do Cascão?
_______________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________
g) E os riscos sobre a cabeça do coelhinho?
_______________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________
h) Que tipo de linguagem aparece nesta história?
_______________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________
i) A ausência de palavras dificultou o entendimento da história? Por quê?
_______________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________
4)Leia a tirinha e responda ao que se pede:

a) O que o Snoopy queria no primeiro quadrinho?


__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
b) O que ele fez para conseguir o que queria?
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
c) Ele alcançou seu objetivo? Explique:
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
d) Que tipo de linguagem é empregado na tirinha?
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________

5) Observe estas imagens:

a) Qual o tipo de linguagem de cada imagem? Justifique:


__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
b) Traduza em linguagem verbal a mensagem que cada imagem transmite.
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
6) Leia o fragmento de texto a seguir:

]
a) A que tipo de leitor esse texto se dirige? Assinale a alternativa correta:
( ) às crianças ( ) aos adultos ( ) aos adolescentes

b) “O papo não é com você.” A quem o narrador diz isso?


__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
c) De todos os poderes ou superpoderes que são citados no texto, qual você considera o mais importante? Por
quê?
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
d) Que linguagens se misturam no texto que você leu? Explique:

__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________

ESCOLA ESTADUAL JACIR LOPES DUARTE


Avenida Hélio Filgueiras, 43 Zona Rural- Vargem Grande-
Papagaios- Mg Fone 375182
AVALIAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA
Aluno:_____________________________________________série: 7º ano valor______________
1. Leia a HQ de Calvin e faça o que se pede.

Que elementos participam da formação de “tentou”?


_________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
2. A respeito da forma verbal ”existem”:
a. Qual é o radical? __________________________________________________

b. É possível encontrar a vogal temática?


__________________________________________________
c. Qual a desinência? O que ela informa?
__________________________________________________
3. identifique os verbos e informe se eles exprimem ação, estado ou fenômeno da natureza.
a. Choveu mais do que o esperado para o mês de maio.
b. Os alunos escreveram uma notícia para o jornal do colégio.
c. Fechou a porta com tudo.
d. Os alunos e eu estamos ansiosos para as férias de julho.

4. Indique a estrutura das formas verbais : radical, vogal temática , tema e desinência .
Radical Vogal Tema Desinência
temática
a. compraríamos
b. compreendestes
c. permitimos
d. desistíssemos
e. precisei

5. Retire os radicais de todas as palavras abaixo :


a. determinaremos____________________________________________
b. consentíamos______________________________________________
c. colocamos_________________________________________________
d. pesquisei _________________________________________________
6 – Leia o texto abaixo:
No último quadrinho, o que a Mônica não
entendeu?
a) Onde foi que seu pedaço de pizza caiu.
b) O que aconteceu com seu pedaço de
pizza.
c) Como a Magali consegue ser tão
magrinha.
d) Por que a Magali come muito e não
engorda.
7 – Leia o texto abaixo.
A integração de imagens e palavras contribui para a formação de novos sentidos do texto.
Observe:
A atitude de Romeu em relação
a Dalila revela:
a) Compaixão.
b) Companheirismo.
c) Insensibilidade.
d) Revolta.

8 – De acordo com o poema abaixo:

QUADRAS POPULARES Canto sempre todo dia.


Você me mandou cantar ****
Pensando que eu não Já fui galo, já cantei
sabia Já fui dono do terreiro
Pois eu sou que nem Não me importo que outras cantem
cigarra Onde eu já cantei primeiro.
Azevedo, Ricardo. Bazar do Folclore. São Paulo: Ed. Ática, 2002.
Os dois poemas falam:
a) Da arte de cantar. b) De quem canta desolado.
c) De quem não sabia cantar. d) Do galo cantor dono do terreiro.

Leia o texto abaixo e responda as questões 9, 10 e 11.


O SOCORRO
Ele foi cavando, cavando, cavando, pois sua profissão – coveiro – era cavar. Mas,
de repente, na distração do ofício que amava, percebeu que cavara demais. Tentou
sair da cova e não conseguiu. Levantou o olhar para cima e viu que, sozinho, não
conseguiria sair. Gritou. Ninguém atendeu. Gritou mais forte. Ninguém veio.
Enrouqueceu de gritar, cansou de esbravejar, desistiu com a noite. Sentou-se no
fundo da cova, desesperado. A noite chegou, subiu, fez-se o silêncio das horas tardias. Bateu o frio da
madrugada e, na noite escura, não se ouvia um som humano, embora o cemitério estivesse cheio de pipilos e
coaxares naturais dos matos. Só pouco depois da meia-noite é que lá vieram uns passos. Deitado no fundo da
cova o coveiro gritou. Os passos se aproximaram. Uma cabeça ébria apareceu lá em cima, perguntou o que
havia: - “O que é que há?”
O coveiro então gritou desesperado: -- “Tire-me daqui, por favor. Estou com um fio terrível! – Mas,
coitado!” condoeu-se o bêbado – “Tem toda razão de estar com frio. Alguém tirou a terra de cima de você, meu
pobre mortinho!” E pegando a pá, encheu-a de terra e pôs-se a cobri-lo cuidadosamente.
Moral: Nos momentos graves é preciso verificar muito bem a quem se apela.
Fernandes, Millôr. Disponível em:
http://citador.weblog.com.pt/arquivo/109176.html

9 – O que faz esse texto ficar engraçado?


a) O bêbado ter imaginado que o coveiro era um morto e jogar terra para cobri-lo.
b) O coveiro ficar cavando e sentir frio durante a madrugada.
c) O homem ficar sentado no fundo enrouquecido de tanto gritar.
d) O homem ter cavado demais e ficar preso no buraco.

10 – O coveiro ficou desesperado por que:


a) Ficou preso no buraco e já era noite.
b) Ouviu uns passos chegando perto do buraco.
c) Sentiu medo de ficar sozinho no cemitério.
d) Viu que um bêbado tinha chegado para ajudá-lo.

11 – “O que é que há?” Quem fez essa pergunta foi:


a) O mortinho.
b) A cabeça ébria.
c) O coveiro.
d) O narrador.

12– Leia o texto abaixo e responda:

O objetivo do texto é:
a) Mostrar a importância dos livros.
b) Divulgar uma feira de livros
c) Explicar como são feitos os livros.
d) Indicar locais onde se vendem livros.
ESCOLA ESTADUAL JACIR LOPES DUARTE
Avenida Hélio Filgueiras, 43 Zona Rural- Vargem Grande-
Papagaios- Mg Fone 375182
AVALIAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA
Aluno:_____________________________________________série: 8º ano valor______________

De acordo com a visão do eu lírico, qual é o maior inimigo do amor? A fofoca, o diz que diz dos outros. Leia o
poema, a seguir, de Vera Beatriz Sass, e responda às questões de 1 a 5.

Meio-dia dos hindus?


É meio-dia Bate meio-dia
no meio do mundo no relógio solar
balões verdes da capital da
balões vermelhos China,
cirandam com os raios de sol abre-se o portão dos deuses
coloridos, dispersos na Babilônia.
refletidos nos vitrais É meio-dia
das igrejas. no meio do mundo
Será o meio do mundo no friozinho da barriga
no país dos egípcios do menino da rua.
ou na Montanha Meru (Gata cigana. Erechim: Edelbra, 1991. p. 12.)

1. Há, no poema, uma oração que se repete duas vezes e que é responsável pela indicação do tempo em que
ocorrem as ações verbais.
a) Qual é essa oração?
__________________________________________________________________________________________
b) Ela apresenta sujeito?
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
c) Que diferença sintática ocorre entre a oração apontada no item a e esta: “Bate meio-dia / no relógio solar /
da capital da China”?
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
2. A palavra meio é empregada nesse texto com dois sentidos. Qual é o sentido dela nas expressões:
a) meio-dia?
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
b) meio do mundo?
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
3. O poema tem como personagem um menino de rua. O meio-dia provoca efeitos no mundo exterior e
sensações no menino.
a) Que efeitos de luz o meio-dia provoca nos vitrais das catedrais?
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
b) Por que esses efeitos são associados pelo menino a balões coloridos?
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
c) Quanto às sensações internas do menino:
• Que palavra dos últimos versos está em oposição ao calor dos raios de sol do mundo exterior?
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
• Essa palavra indica que o menino está tendo que tipo de sensação?
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
4. Nos primeiros versos, ao afirmar que “É meio-dia / no meio do mundo”, o eu lírico faz referência
ao tempo e ao espaço.
a) Supor que também seja meio-dia em diferentes partes do mundo é um pensamento lógico ou
é imaginação do menino?
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________
b) Que lugar é o “meio do mundo” para o menino?
__________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________

5. Concluindo esse estudo, assinale as afirmativas corretas:


a) O poema cria um jogo de tempo e espaço a partir das expressões “meio-dia” e “no meio do mundo”.
b) O poema trabalha com oposições, como entre o “friozinho” da barriga do menino e os raios de sol do
meio-dia; entre a triste realidade da fome e o alegre mundo de imaginação da criança.
c) Na construção do poema há um movimento que caminha do geral — “é meio-dia”, “no meio do mundo” —
para o particular — “no friozinho da barriga / do menino da rua”.
d) No movimento do geral para o particular verificado no poema, passa-se pelo seguinte caminho: dentro do
mundo há um país, dentro deste uma cidade, e dentro desta uma rua. E nessa rua há um menino, e na
barriga dele há fome. A fome, portanto, é uma situação particular, mas no poema acaba ganhando uma
dimensão social e universal, já que esse menino não é o único a viver nas ruas nem o único ser humano a
sentir fome.

6. Leia a tira:

Disponível em: <http://depositodocalvin.blogspot.com.br>.


A tira lida tem fim:
a) didático b) humorístico c) jornalístico d) religioso

7– O sujeito está oculto na seguinte passagem da tira:


a) “Susie, me desculpe por ter te xingado.” b) “Bem, você conseguiu ferir meus sentimentos [...]”
c) “Graças aos céus, eu me livrei dessa!” d) “[...] quero ver você rastejando um pouco mais!”

8 – Assinale o sujeito que está oculto na passagem identificada anteriormente:


a) Eu b) Você c) Susie d) Ela
9 De que forma foi possível identificar o sujeito oculto na frase da tira?
______________________________________________________________________________
10 – Assinale a frase que apresenta um sujeito oculto.
a) Brigaram, mas fizeram as pazes. b) Ela aceitou o pedido de desculpas feito por Calvin.
c) Susie sentiu-se magoada com a atitude do garoto. d) Calvin feriu os sentimentos da menina.